You are on page 1of 20

O que é uma ESCO (Energy Service Company)?
“Empresas de engenharia que prestam serviços de conservação de energia, de
promoção do uso eficiente de energia e/ou de redução nos custos da utilização de
energia, elaborando diagnósticos, desenvolvendo estudos e implementando
projetos...”
Fonte: NBR15075 – ISO9001 aplicada a ESCOs

A S.O.ESCO é uma empresa de serviços e soluções
voltados para a conservação e uso eficiente de energia
e água e microgeração de energia.

Empresa graduada junto à INCIT - Incubadora de Empresas de Base
Tecnológica de Itajubá.

Encontrando soluções para: INDÚSTRIA HOSPITAL SHOPPING CENTER SANEAMENTO HOTELARIA PRÉDIO PÚBLICO .

• Eficiência operacional.Vantagens de um Programa de Conservação de Energia e Água • Agrega valor ao seu negócio. • Redução de impacto ambiental. • Conscientiza os funcionários sobre a preocupação com o meio ambiente e redução de desperdícios. • Evidencia a preocupação da empresa com o meio ambiente e com a qualidade de vida da população. energética e hídrica. mais sustentabilidade. reduz despesas e custos operacionais. .

análise de histórico de consumo e tarifas Pré diagnóstico • Identificar oportunidades de redução do consumo Diagnóstico Energético Programa de Gestão de Energia • Monitoramento do consumo dos principais setores • Análises técnicas nos principais equipamentos • Determinação da economia estimada e viabilidade técnica e econômica • Implantação das medidas de uso mais eficiente (técnicas e operacionais) • Treinamento e conscientização de colaboradores • Definição de indicadores e metas • Melhoria contínua da eficiência de equipamentos e processos • Medição e verificação dos resultados obtidos .Etapas de um Programa de Conservação de Energia e Água • Levantamento dos principais setores e equipamentos consumidores de energia.

Onde estão as oportunidades de redução dos custos? Através do diagnóstico energético é possível analisar alguns fatores como: Análise tarifária Eficiência energética de equipamentos e sistemas Medidas de gestão do uso Auto geração de energia •Contratação de demanda •Adequação tarifária (Tarifa Verde x Tarifa Azul) •Redução de demanda no horário de ponta •Custos adicionais por reativo e ultrapassagem de demanda •Motores •Bombas •Sistemas de refrigeração •Iluminação •Compressores •Uso racional de energia •Sistema de gestão da energia (ISO50001) •Controle de demanda •Microgeração distribuída •Cogeração •Gerador de emergência em horário de ponta .

multas e autoprodução. Sistema de monitoramento WEB e gerenciamento de consumo. Levantamento do perfil de consumo e avaliação do potencial de redução. Treinamento de Comissão Interna de Conservação de Energia e Água (CICEA). Campanha interna para conscientizar servidores e usuários sobre a importância de economizar energia elétrica e água. demanda.GESTÃO DO USO DE ENERGIA E ÁGUA Análise da fatura de energia – Consumo. Caracterização de hábitos de uso e de desperdício. .

1) ANÁLISE DOS PRINCIPAIS SETORES E SISTEMAS CONSUMIDORES • Iluminação • Ventilação e ar condicionado • Aquecimento de água • Refrigeração • Bombeamento • Escritórios • Equipamentos específicos 2) ESTUDO DE ALTERNATIVAS PARA OPERAÇÃO E USO MAIS EFICIENTE 3) AUTOPRODUÇÃO DE ENERGIA .

Produtos e Serviços .

A característica vantajosa desta economia se dá na não necessidade de investimento ou de modificações de processos. muito comuns no setor industrial e grandes comércios. Apenas adequando as tarifas dentro da realidade da empresa e avaliando qual a melhor demanda a se contratar. Veja a seguir alguns casos em que a economia se fez nessa primeira análise. identificar eventuais multas por ultrapassagem de demanda ou excedentes de reativos.ECONOMIA SEM INVESTIMENTO O diagnóstico energético geralmente apresenta oportunidade de redução de custos em sua fase inicial através da análise tarifária. essa análise permite ainda. Além do mais. otimizando assim os custos. .

000.69 Tarifa Verde R$578.817.00 R$640. .Case: ANÁLISE TARIFÁRIA (Shopping Center – RJ) R$660.000.00 Tarifa Azul Total R$647.00 R$560.000.00 R$620.000.000.988.00 R$600.54 Aqui se verifica que o Shopping está corretamente enquadrado na Tarifa Horosazonal Verde com uma economia de 11% em relação à Tarifa Horosazonal Azul.000.00 R$540.000. Como o consumo de energia não pode ser evitado no horário de ponta já era esperado que a tarifa verde fosse a mais indicada para a instalação.00 R$580.

.48289008 0.Case: ANÁLISE TARIFÁRIA (Hotel Fazenda – MG) Tarifa Comercial (B3) Rural (B2) Redução no custo Custo (R$/kWh) 0.23 % Mês de referência Setembro/2009 Outubro/2009 A redução do preço da tarifa chegou a mais de 40%.28861671 40.

Case: ANÁLISE TARIFÁRIA (Sistema de Saneamento – RJ) 80 70 R$ 4.000.600. não é a mais adequada para a ETA pois na simulação a Tarifa Horo Sazonal Verde oferece uma economia de 6%. Medida set/10 ago/10 jul/10 jun/10 mai/10 abr/10 mar/10 R$ 4.400.00 50 R$ 4. . Contratada Dem.00 Demanda Sugerida Percebe-se que a Tarifa Convencional A4. contratada.00 60 kW R$ 4.00 Dem.200.510.05 fev/10 Tarifa Convencional A4 jan/10 R$ 4.162. Com o ajuste da demanda contratada a redução nos custos representou 25% do total da conta de energia.16 out/09 R$ 4.233.72 dez/09 Tarifa Verde 30 nov/09 Tarifa Azul 40 Valor da Conta R$ 4.

8 85.38 .9 89. • Desligamento de bombas no horário de ponta.525.347.081 24. antes Consumo HP [kWh] Demanda HP [kW] Consumo fora HP [kWh] Demanda fora HP [kW] Gasto Anual [R$] depois 195.5 1.19 112.7 65.Através de manobras nas operações também é possível obter redução significativa dos custos. veja o resultado aplicado em um Sistema de Abastecimento. sem nenhum investimento: REDUÇÃO DA DEMANDA NO HORÁRIO DE PONTA • Otimização do uso de reservatórios.525 Consumo HP [kWh] Demanda HP [kW] Consumo fora HP [kWh] Demanda fora HP [kW] Gasto Anual de Energia [R$] Redução [%] 0 0 1.4 68.

ar comprimido. aquecimento. além de implantar na empresa uma cultura do uso eficiente de energia.ECONOMIA PELOS EQUIPAMENTOS E SISTEMAS Grande parte do desperdício de energia dentro da indústria se dá pela baixa eficiência de equipamentos obsoletos. iluminação. sem manutenção ou com rotina de operação inadequada..O. o treinamento do operador e sua conscientização já traz grandes resultados.ESCO dá grande atenção a análise técnica dos usos finais da energia em: motores. Em muitos casos. . refrigeração.. bombeamento. Com a metodologia e equipamentos de medição apropriados é possível identificar esse desperdício e avaliar a viabilidade econômica de uma substituição. Por isso a S.

A utilização de fontes renováveis de geração de energia (solar. Os estudos realizados pela S. Em instalações que possuam grupos geradores a diesel. garantindo a disponibilidade de energia e reduzindo custos. onde o custo da energia da concessionária é mais alto.O. reduzindo os custos. estes podem operar não só em situações de emergência como também no Horário de Ponta. Neste caso a energia gerada é descontada do total de energia consumida a cada mês.ESCO permitem avaliar o potencial de autoprodução de energia e definir o melhor aproveitamento dentro da realidade da indústria ou comercio. .ECONOMIA PELA AUTOPRODUÇÃO DE ENERGIA A geração de energia pela própria empresa é cada vez mais viável técnica e economicamente. hidráulica ou biomassa) é incentivada pelo governo através da micro geração distribuída. eólica.

000kVA.637 por ano. custo evitado em torno de R$72. Micro geração Solar (Shopping): O potencial de redução é de cerca de 3. com potência total de 4.000 por ano .3 % da energia consumida no horário fora de ponta. Microgeração Hidrelétrica (Hotel Fazenda): Autoprodução de 15000 kWh mensais. o que representa R$ 157.AUTOPRODUÇÃO DE ENERGIA Geradores a gás (Shopping): 2 geradores a gás são ligados no horário de ponta (17h30min às 20h30min).

demanda. Envolve ainda a melhoria contínua de indicadores de desempenho. motor.GESTÃO DO USO DA ENERGIA A gestão do uso da energia envolve o acompanhamento mensal de dados de consumo e faturamento de energia e a implementação do projeto de eficiência energética. bomba.) Ferramenta de gestão do uso da energia: Monitoramento via WEB: • Consumo. compressor. indicadores • Indicadores e custos . definidos de acordo com perfil de consumo e os setores produtivos: • Consumo por unidade produzida (kWh/peça) • Consumo por setor (alocação de custos de energia) • Consumo por uso final • Iluminação. etc.

Evite o desperdício. Através de um contrato de gestão do uso da energia nós nos responsabilizamos pela melhoria contínua dos desempenho energético dos processos. A parceria com a S. Entre em contato e saiba como podemos melhorar a eficiência de sua empresa.O.ESCO garante que a empresa elimine o desperdício e gerencie com inteligência os custos de energia. .

com.br Telefone: (35) 3622 4215 (35) 9802 1682 – Renato .br E-mail: contato@soesco.Site: www.soesco.com.