You are on page 1of 155

Localização

WORKSHOP sobre alteração nas leis de
retenção e crédito de impostos

1. INTRODUÇÃO .........................................................................................................................................3
1.1 LEGISLAÇÃO..................................................................................................................................................3
1.2 SOLUÇÃO SAP E PRÉ-REQUISITOS ...................................................................................................................7
2. TABELA DINÂMICA DE EXCEÇÕES ..............................................................................................9
2.1 CONCEITOS ATUAIS ........................................................................................................................................9
2.2 NOVOS DESENVOLVIMENTOS ..........................................................................................................................10
2.3 EXERCÍCIO DE TABELA DINÂMICA ...................................................................................................................11
2.3.1 Objetivos do exercício ...............................................................................................................11
2.3.2 Tarefa I – Criação de um registro mestre de material0 ...........................................................11
2.3.3 Tarefa II – Atualizar tabela de exceções dinâmicas - agrupamento0 ......................................16
2.3.4 Tarefa III – Atualizar tabela de exceções dinâmicas - ICMS0................................................17
2.3.5 Tarefa IV – Criar uma Ordem de Vendas0...............................................................................19
2.3.6 Tarefa V – [Em sua empresa] Consultar extensão da Tabela Dinâmica0 ...............................22
3 IMPOSTOS INCLUÍDOS NO PREÇO LÍQUIDO ..........................................................................32
3.1 OBJETIVOS DA MUDANÇA..............................................................................................................................32
3.2 IMPOSTOS A RECOLHER E A CREDITAR (PIS E COFINS).................................................................................33
3.3 FÓRMULAS DE CÁLCULO...............................................................................................................................33
3.4 NOVOS CENÁRIOS DE CONFIGURAÇÃO.............................................................................................................35
3.5 ESQUEMAS E CÓDIGOS DE IMPOSTOS ..............................................................................................................36
3.6 EXERCÍCIOS DE IMPOSTOS INCLUÍDOS NO PREÇO LÍQUIDO..................................................................................40
3.6.1 Tarefa I – Consultar o Esquema de Cálculo de MM0..............................................................40
3.6.2 Tarefa II – Consultar quais impostos estão incluídos na condição de MM0..........................41
3.6.3 Tarefa III – Consultar o Esquema de Cálculo de SD0.............................................................43
3.6.4 Tarefa IV – Consultar quais impostos estão incluídos na condição de SD0...........................46
3.6.5 Tarefa V – Consultar a nova TAXBRJ 0...................................................................................48
3.6.6 Tarefa VI – Ativação de impostos no Código IVA 0.................................................................53
3.6.7 Tarefa VII – Consultar o Código de Imposto de SD 0..............................................................58
4 CONFIGURAÇÃO DOS IMPOSTOS RETIDOS NA FONTE .....................................................60
4.1 CATEGORIA E CÓDIGO DE IMPOSTO RETIDO NA FONTE.......................................................................................60
4.2 CÓDIGO DE RECOLHIMENTO...........................................................................................................................61
4.3 ALÍQUOTAS E CÓDIGOS DE RECOLHIMENTO NA TABELA DINÂMICA .....................................................................62
4.4 EXERCÍCIO DE CONFIGURAÇÃO DOS IMPOSTOS RETIDOS NA FONTE......................................................................63
4.4.1 Tarefa I – Configurar Categoria de Imposto Retido na Fonte0 ..............................................63
4.4.2 Tarefa II – Configurar associação da Categoria de Imposto Retido com a Empresa0..........64
4.4.3 Tarefa III – Configurar Código de Imposto Retido na Fonte0................................................65
4.4.4 Tarefa IV – Verificar códigos de recolhimento dos impostos retidos já existentes0 ...............67
4.4.5 Tarefa V – Criar os novos códigos de impostos retidos já existentes0 ....................................68
4.4.6 Tarefa VI – Cadastrar mensagem de direito fiscal ...................................................................69
4.4.7 Tarefa VII – Cadastrar alíquotas na tabela dinâmica de retenção de impostos0...................70
4.5 IN381 E ANEXO 1 DA IN306......................................................................................................................73
0......................................................................................................................................................................73
4.5.1 IN381..........................................................................................................................................73
4.5.2 Anexo 1 da IN306......................................................................................................................74

© SAP Brasil – junho/2004

1

Localização

WORKSHOP sobre alteração nas leis de
retenção e crédito de impostos

5. DADOS MESTRE DE MM E SD (IMPOSTOS RETIDOS NA FONTE) .................................78
6. ESQUEMAS DE CÁLCULO E DE IMPOSTOS (IMPOSTOS RETIDOS NA FONTE) .......79
6.1 TAXBRJ PARA MM E SD.........................................................................................................................79
6.2 LIGAÇÃO ENTRE ESQUEMA DE CÁLCULO E TIPO DE IMPOSTO..............................................................................80
6.3 ATIVAÇÃO DAS NOVAS CONDIÇÕES .................................................................................................................80
6.4 ESQUEMAS DE CÁLCULO E TIPOS DE CONDIÇÕES DE SD...................................................................................81
6.5 EXERCÍCIOS DE CONFIGURAÇÃO DE ESQUEMAS DE CÁLCULO .............................................................................83
6.5.1 Tarefa I – Associar o tipo de imposto retido com a chave de conta 0.....................................83
6.5.2 Tarefa II – Ativação dos códigos IVA para MM0....................................................................85
6.5.3 Tarefa III – Ativação dos códigos IVA para SD0.....................................................................89
6.5.4 Tarefa IV – Cosultar os tipos de condições de preços0...........................................................92
6.5.5 Tarefa V – Associar o esquema de cálculo e o tipo de imposto retido0..................................94
6.5.6 Tarefa VI – Atribuir categoria de imposto à empresa 0...........................................................95
6.5.7 Tarefa VII – Criar relevância de classificação de imposto0 ...................................................96
6.5.8 Tarefa VIII – Criar registros de condições de preços 0...........................................................97
7. ISS ..............................................................................................................................................................99
7.1 INTRODUÇÃO AO ISS....................................................................................................................................99
7.2 DOMICÍLIO FISCAL POR CIDADE ....................................................................................................................101
7.3 TIPO DE SERVIÇO (CÓDIGO DE RECOLHIMENTO ) E CÓDIGO GENÉRICO..............................................................107
7.4 DETERMINAÇÃO DA ALÍQUOTA DO ISS.........................................................................................................111
7.5 CÁLCULO DO ISS NA ORDEM DE VENDA.....................................................................................................118
7.6 ALTERAÇÕES NA NOTA FISCAL PARA ISS....................................................................................................119
8. UM EXEMPLO DE COMPRAS.......................................................................................................121
8.1 TAREFA I – PEDIDO DE COMPRA.................................................................................................................121
8.2 TAREFA II – ENTRADA DA NOTA FISCAL.....................................................................................................126
8.3 TAREFA III – CONFIGURAÇÃO DO IVA UTILIZADO.......................................................................................132
9. UM EXEMPLO DE VENDAS ...........................................................................................................134
9.1 CONSULTAR ORDEM DE VENDA...................................................................................................................134
9.2 CONSULTAR NOTA FISCAL..........................................................................................................................136
9.2 CONSULTAR CONTABILIZAÇÃO DA FATURA....................................................................................................138
9.4. CONSULTAR DOCUMENTO DE RECEBIMENTO FINANCEIRO................................................................................139
10. ANEXO 1 - CUSTOMIZING_ISS_PIS_COFINS_CLASSIC ..................................................142

© SAP Brasil – junho/2004

2

Localização

WORKSHOP sobre alteração nas leis de
retenção e crédito de impostos

1. Introdução
1.1 Legislação
I - Introdução

Aplicação das leis
Lei 10637 / 02 (MP66)
Lei 10833 / 03 (MP135)
Lei Complementar 116 / 03
“Em cada empresa,
o setor jurídico (fiscal) deve definir
em quais processos se aplicam as leis.”

 SAP AG 2004Legal Changes 2004, Dr. Jan-Klaas Heinsohn / 2

Principais alterações legais

MP 66 - Lei 10637 / 02:
A cobrança do PIS/Pasep tem sua alíquota aumentada
de 0,65% para 1,65 %, mas deixa de ser cumulativa em cada
etapa de produção e passa a ser baseada no valor agregado
do produto - o total da contribuição pago em cada fase vale
como crédito na etapa final de produção.
Por exemplo, no caso de uma padaria que compra farinha
para fazer pão, o PIS até então incidia integralmente sobre o
insumo (farinha) e o produto final (pão). Pela proposta, o que
for pago de PIS sobre a farinha será descontado no valor do
pão.

 SAP AG 2004Legal Changes 2004, Dr. Jan-Klaas Heinsohn / 3

© SAP Brasil – junho/2004

3

65% CSLL 5952 4.6% sobre a receita bruta. Dr.00% SD e MM COFINS 5960 3. Retenção na fonte. Por exemplo: Limpeza – Conservação – Manutenção – Segurança Imposto Cód.Lei 10833 / 03 IN 381 Trata da retenção na fonte do PIS. de Recolhimento Alíquota Aplicação CSLL 5987 1. Jan-Klaas Heinsohn / 4 Principais alterações legais MP 135 . COFINS.  SAP AG 2004Legal Changes 2004. por parte do comprador.WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização Principais alterações legais MP 135 . Dr. COFINS e CSLL para a compra de alguns serviços listados na lei. CSLL e IR.00% PIS 5979 0. PIS e COFINS calculado via pauta fiscal para indústria de bebidas. dos impostos PIS.65% MM COFINS PIS  SAP AG 2004Legal Changes 2004. Jan-Klaas Heinsohn / 5 © SAP Brasil – junho/2004 4 .Lei 10833 / 03: O COFINS passou a ser não-cumulativo com aplicação da alíquota de 7.

65 8835 2. Jan-Klaas Heinsohn / 6 Principais alterações legais MP 135 . recolhimento e alíquotas gerais . recolhimento e alíquotas individuais IR 6256 CSLL 6228 COFINS 6243 PIS/PASEP 6230 6147 5. Cód. O cálculo da retenção dos impostos (PIS. de administração pública.23 1. Jan-Klaas Heinsohn / 7 © SAP Brasil – junho/2004 5 .Cofins. Cód..2 1.  SAP AG 2004Legal Changes 2004. Dr.2 1 6.. autarquias e fundações federais. COFINS.2 1 3 0.Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Principais alterações legais MP 135 .6 1. para materiais/serviços constantes no anexo 1. Dr.2 1 0 0 6875 10. CSLL e IR) deve ser sobre os pagamentos pelo fornecimento de bens ou prestação de serviços.43  SAP AG 2004Legal Changes 2004.Lei 10833 / 03 IN 306   Esta Instrução Normativa se aplica nos processos que envolvem empresas de economia mista. as alíquotas e os códigos da receita do PIS. CSLL e IR são diferenciados de acordo com a tabela.Lei 10833 / 03 IN 306 A IN306 determina que.85 1.

Dr.  SAP AG 2004Legal Changes 2004. Estas devem ser informadas durante a criação da solicitação de adiantamentos e compensação dos documentos para cada linha da ordem de compra ou ordem de venda. Jan-Klaas Heinsohn / 8 Principais alterações legais Lei Complementar 116 / 03: ISS Principais alterações Recolhimento ou retenção do Imposto de acordo com o tipo e local da prestação do serviço. Dr. Obs: A SAP ainda não disponibilizou uma solução para o processo de adiantamento. Jan-Klaas Heinsohn / 9 © SAP Brasil – junho/2004 6 .WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização Principais alterações legais MP 135 .Lei 10833 / 03 Adiantamentos    No processo de adiantamento ao fornecedor ou ao cliente é necessário que as bases de impostos retidos na fonte sejam calculadas automaticamente. Há três situações 1 – ISS devido no município onde o prestador está localizado (recolhido pelo prestador) 2 – ISS devido no município onde o serviço é executado (recolhido pelo prestador) 3 – ISS devido no município onde o serviço é executado (retido e recolhido pelo tomador)  SAP AG 2004Legal Changes 2004.

COFINS. Jan-Klaas Heinsohn / 11 © SAP Brasil – junho/2004 7 . PIS. Dr.727102 CSSL New DDIC Objects for ISS. COFINS.727478 Modified Objects (excluding DDIC) for ISS. CSSL .720305 Modified DDIC Objects for ISS.727391 New Objects (excluding DDIC) for ISS.  SAP AG 2004Legal Changes 2004. PIS. COFINS..2 Solução SAP e pré-requisitos Solução para versão 4. PIS. CSSL .Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Principais alterações legais Três locais envolvidos Onde o serviço é executado Provedor do serviço Tomador do serviço  Definição do município onde o ISS é devido . PIS. Dr.6C: ISS.6C:  Nota 727475 – Descreve os passos necessários para implementação das seguintes notas: . CSSL  SAP AG 2004Legal Changes 2004. CSSL Solução SAP para versão 4. COFINS. PIS. Jan-Klaas Heinsohn / 10 1.  Casos de disputa: Os municípios do provedor e do local onde o serviço é prestado definem que o imposto é devido a eles. . COFINS.  Município do provedor do serviço ou  município onde o serviço é executado..

475 e 713. Jan-Klaas Heinsohn / 12 © SAP Brasil – junho/2004 8 .078) Mínimo para a 4.6C Support Package mínimo 45 e a aplicação de várias notas relevantes. Recomendável SP 48 Para outras versões 4.6B – SP mínimo 55 4.0B – SP mínimo 82  SAP AG 2004Legal Changes 2004.WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização Pré requisitos de instalação (Consultar as notas 727.7 – SP mínimo 20 4. Dr.5B – SP mínimo 60 4.

IPI. a Base de Cálculo e o Direito Fiscal para a chave pré-escolhida.1 Conceitos atuais II – Tabela Dinâmica de Exceções Conceitos atuais Grupo com uma chave flexível (dentro dos campos disponibilizados).  SAP AG 2004Legal Changes 2004. ISS e Substituição Tributária. Dr. Jan-Klaas Heinsohn / 13 Tabela Dinâmica de Exceções Configuração do Imposto Depois de criado o Grupo de Imposto. configura-se a Alíquota.Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos 2. aplicável aos impostos ICMS. Dr. Jan-Klaas Heinsohn / 14 © SAP Brasil – junho/2004 9 .  SAP AG 2004Legal Changes 2004. O acesso à tabela é em ordem seqüencial do grupo de imposto. Tabela dinâmica de exceções 2.

COFINS COFINS ee Impostos Impostos Retidos Retidos na na Fonte Fonte  SAP AG 2004Legal Changes 2004. Lembrar sempre de definir os mais específicos com uma numeração de grupo de tabela dinâmica menor do que os mais genéricos. Por exemplo. se sua empresa vender para empresas de economia mista. Dr.Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos 2. COFINS e Impostos Retidos na Fonte Três Três chaves chaves flexíveis flexíveis Novos Novos indicadores indicadores para para PIS. Jan-Klaas Heinsohn / 15 Tabela Dinâmica de Exceções Observação Importante É importante a participação do Setor Fiscal na definição das chaves flexíveis e na seqüência dos Grupos de Impostos. Jan-Klaas Heinsohn / 16 © SAP Brasil – junho/2004 10 . colocar a chave com Setor de Indústria / Material antes da chave que contenha apenas o Material. Dr. PIS.  SAP AG 2004Legal Changes 2004. PIS.2 Novos desenvolvimentos Tabela Dinâmica de Exceções Extensão para novas funcionalidades  Combinação de até três chaves flexíveis (dentro dos campos permitidos)  Inclusão de novas tabelas para ISS.

1. • Conhecer as extensões disponibilizadas pela SAP na Tabela Dinâmica para atender às novas funcionalidades.0 Conforme solicitado. © SAP Brasil – junho/2004 11 .0 Clique em . Modificação Material (Modelo) BR-AS100 4. Logística > Vendas e Distribuição > Dados Mestre > Produtos > Material > Outros materiais > 2.2 Tarefa I – Criação de um registro mestre de material0 Nesta tarefa você vai criar um registro mestre de material atualizando o campo de Grupo de Mercadorias. Criar material (1ª tela) 3.3 Exercício de tabela dinâmica 2. 2.WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização 2.3.0 Clique duas vezes em . Inicie a tarefa utilizando o caminho do menu ou o código da transação.1 Objetivos do exercício Ao final deste exercício você estará apto a: • Utilizar a Tabela Dinâmica de Exceções para configuração da alíquota de impostos. que será utilizado para configurar alíquota de imposto na tabela dinâmica de exceções. complete/revise os seguintes campos: Material BR-AS1XX (Onde XX = Número do Grupo dos participantes) M – Engenharia Mecânica HAWA – Produtos Comercializáveis Setor Industrial Tipo de Material N.3.

© SAP Brasil – junho/2004 12 .vendas 1 e 2 Vnds.0 Clique em 7.:dados gerais/cent Comércio exterior: exportação Texto vendas e distribuição Dados gerais centro/armazen.0 Assinale as visões do Cadastro de Materiais a serem criadas: Dados básicos 1 e 2 Vendas: dados org.0 Clique em .1 e 2 Contabilidade financeira 1 e 2 6.+distr. .WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização Seleção de visões 5.

vendas Canal distrib. Criar material BR-AS1XX (Produtos comercializáveis) © SAP Brasil – junho/2004 13 .WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização Níveis de organização 8. 9. tanto na coluna de Níveis de Organização como no Modelo: Centro Depósito Organiz. complete/revise os seguintes campos.0 Conforme solicitado.0 Clique em 7000 0001 7000 10 .

mercadorias Será preenchido conforme orientação do instrutor. 14 .0 Conforme solicitado. complete/revise os seguintes campos: Grp. Este campo será utilizado como ‘chave’ na Tabela Dinâmica de Exceções. na tela de Vendas: Organização de Vendas 1. clique em © SAP Brasil – junho/2004 . Modificar material BR-AS1XX (Produtos comercializáveis) 11.0 Para cadastrar o preço do material.Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos 10.

13.WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização Criar Preço (PR00): escalas 12. 15 .0 Clique em .0 Clique em © SAP Brasil – junho/2004 . Informação 14.0 Clique em .

Caminho do IMG: Contabilidade Financeira > Configurações da contabilidade financeira > IVA > Cálculo > Opções para cálculo de impostos no Brasil > Taxas de Impostos > Exceções dinâmicas . utilização e para qual imposto ela está sendo criada. Modificar visão "Determinação dinâmica de dados mestre relevantes p/ © SAP Brasil – junho/2004 16 . Informação 2.Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos 2.3 Tarefa II – Atualizar tabela de exceções dinâmicas agrupamento0 Nesta tarefa você vai gerar um agrupamento na tabela dinâmica de exceções.0 Pode ocorrer de surgir a tela de não existência de dados na tabela. definindo sua chave.3.0 Clique em .agrupamento 1.

Grupo de Imposto Campos de Dados Mestre para agrupamento de Imposto (Chave da tabela dinâmica) Aplicação Imposto a que se aplica 5.0 Clique em . preencha 51. 17 . complete/revise os seguintes campos: . por exemplo: para o grupo 01. Informação 6.4 Tarefa III – Atualizar tabela de exceções dinâmicas . MATKL – Classe de Materiais / Grupo de Mercadorias SD – Vendas e Distribuição Assinalar ICMS .3. 2.0 Clique em 4.ICMS0 Nesta tarefa você vai atualizar a alíquota de ICMS para um Grupo de Mercadorias específico.WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização 3. Caminho do IMG: Contabilidade Financeira > Configurações da contabilidade financeira > IVA > Cálculo > Opções para cálculo de impostos no Brasil > Taxas de Impostos 1.0 Clique em 50 + Número do Grupo.0 Conforme solicitado.0 Clique duas vezes em © SAP Brasil – junho/2004 .

WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização Informação 2.0 Clique em . © SAP Brasil – junho/2004 18 .0 Clique em .0 Clique em . 3. Entradas novas: síntese de entradas criadas 4.

0 Conforme solicitado. .Logística > Vendas e distribuição > Vendas > Ordem 1. complete/revise os seguintes campos: Tipo de Ordem = ORB 3.0 Clique em .WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização Informação 5.0 Clique em 2.5 Tarefa IV – Criar uma Ordem de Vendas0 Nesta tarefa você vai criar uma Ordem de Vendas para o seu material e verificar a alíquota do ICMS determinada automaticamente. Criar ordem de cliente: 1ª tela 2. © SAP Brasil – junho/2004 19 .0 Clique duas vezes em .3.

complete/revise os seguintes campos: Emissor da ordem Número do pedido Material Quantidade da ordem 5.0 Conforme solicitado.0 Clique em BR-S50A00 Teste de Tabela Dinâmica BR-AS1XX (onde XX = número do grupo) 10 . Criar Ordem de Venda BR: Síntese 6.0 Clique em . © SAP Brasil – junho/2004 20 .WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização 4.

0 Clique duas vezes em . Criar Ordem de Venda BR: dados do item © SAP Brasil – junho/2004 21 .Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Criar Ordem de Venda BR: dados do item 7.

Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos 2.6 Tarefa V – [Em sua empresa] Consultar extensão da Tabela Dinâmica0 Nesta tarefa. que você só conseguirá executar em sua empresa.0 Clique em © SAP Brasil – junho/2004 . 22 .3. você vai consultar as novas extensões de tabela dinâmica criadas para atender às novas funcionalidades. Project/View : 1.

. Determine Work Area: Entry © SAP Brasil – junho/2004 23 .WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização Change View "Dynamic Determination of Tax-Related Master Data": Over 2.0 Clique em .0 Clique em 3.

24 .WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização 4. do Tax Group. Tax Group (2) 75 Entries found 7.0 Clique em 5.0 Clique em do Country Key.0 Clique duas vezes em 6.0 Clique duas vezes em © SAP Brasil – junho/2004 ou simplesmente preencha 10 . ou simplesmente preencha BR no Country Key.

0 Retorne ao menu do IMG.0 Clique duas vezes em © SAP Brasil – junho/2004 .WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização Determine Work Area: Entry 8. Change View "Tax Calculation: PIS": Overview 9.0 Clique em . 10. 25 .

0 Clique duas vezes em . 15. © SAP Brasil – junho/2004 26 .0 Preencha Contry Key = BR e Tax Group = 10. 12. .0 Clique em .0 0 Preencha Contry Key = BR e Tax Group = 11.0 Clique em . Change View "Tax Calculation: COFINS": Overview 13. 14.WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização 11.

Change View "Tax Calculation: ISS": Overview 17.0 Clique em . 27 .WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização 16.0 Clique em © SAP Brasil – junho/2004 .

0 Clique em 20.0 Clique em .WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização New Entries: Details of Added Entries 18. Cancel maintenance of entry 19. .0 Clique em . © SAP Brasil – junho/2004 28 .

© SAP Brasil – junho/2004 29 .0 Clique duas vezes em 24.0 Clique em .WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização Project/View : 21. . .0 Clique em . 23. 22.00 Preencha Contry Key = BR e Tax Group = 10.

30 .0 Clique duas vezes em © SAP Brasil – junho/2004 .Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Change View "Withholding Tax Calculation: Rates and Collection Codes 25.

© SAP Brasil – junho/2004 31 .WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização Change View "Withholding Tax Calculation: Rates and Collection Codes 26.0 Clique em .

distorções dos valores de PIS e COFINS podem ocorrer.1 Objetivos da mudança Atualmente na maioria dos cenários de compras. O sistema somente lançará os impostos na entrada da fatura. Com a fórmula será possível negociar com os fornecedores várias combinações como: . será também liberada solução para estes impostos. possibilitando que a empresa negocie preço. Caso ocorra alguma movimentação entre esses dois processos ou por algum motivo haja alguma revalorização desta mercadoria.preço sem qualquer imposto . durante a entrada de mercadoria quando os impostos são dedutíveis o crédito não ocorre neste momento. © SAP Brasil – junho/2004 32 .preço com ISS . Atualmente o cálculo está liberado somente para ISS. com ou sem impostos. com cada um de seus fornecedores. PIS e COFINS Para cada variação deverá ser criada uma condition type. para cada tipo de material.preço com PIS e COFINS (solução atual) . Uma forma de evitar estas distorções é negociar preço líquido com os fornecedores.Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos 3 Impostos incluídos no preço líquido 3.. mas assim que houver uma definição quanto ao cálculo para ICMS/IPI e outros. entrando no estoque da mercadoria com um preço livre de impostos e calculando PIS/COFINS como créditos juntamente com o ICMS/ISS/outros para obter o valor total do item durante a entrada fiscal. Nestes casos. PIS e COFINS já fazem parte do preço negociado com os fornecedores.preço com ISS.

 SAP AG 2004Legal Changes 2004. os quatro tipos de condições iniciais substituem o PR00. Para MM vale o mesmo raciocínio. Jan-Klaas Heinsohn / 18 Impostos incluídos no preço líquido No esquema de cálculo de preços de SD. Jan-Klaas Heinsohn / 19 3. O preço deve ser cadastrado em cada tipo de condição de acordo com o imposto incluso. Dr.  SAP AG 2004Legal Changes 2004. Dr.3 Fórmulas de cálculo © SAP Brasil – junho/2004 33 .Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos 3.2 Impostos a recolher e a creditar (PIS e COFINS) III – Impostos incluídos no preço líquido A nova solução possibilita uma flexibilidade de customização de quais impostos estão incluídos no preço.

Dr.  SAP AG 2004Legal Changes 2004. não afetando o resultado do cálculo. quando o imposto não se aplica a alí quota é zerada. Jan-Klaas Heinsohn / 20 Impostos incluídos no preço líquido  ISSP rate ISSPbase   ISSErate ISSEbase  * *  +   100 100 100 100     ISSpart =  Impostos: ISS Local do Provedor ISS Local da Execução Parâmetros: ISSPrate: alíquota de ISS do local do provedor de serviços ISSPbase: base de ISS do local do provedor de serviços ISSErate: alíquota de ISS do local da execução do serviço ISSEbase: base de ISS do local da execução do serviço  SAP AG 2004Legal Changes 2004.WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização Impostos incluídos no preço líquido IPRICE = EPRICE 1 − ( ISSpart + PISpart + COFINSpart) Impostos: Parâmetros: PIS COFINS ISS Provedor ISS Local da Execução EPRICE: preço sem impostos IPRICE: preço com impostos ISSpart: valor de ISS PISpart: valor de PIS COFINSpart : valor de COFINS Observação: Nesta proposta. Dr. Jan -Klaas Heinsohn/ 21 © SAP Brasil – junho/2004 34 .

Dr.  SAP AG 2004Legal Changes 2004. Atualmente o MM configura a alíquota do imposto a creditar no Código IVA e SD cria dois Tipos de Condição (p. Jan-Klaas Heinsohn / 22 3. A nova solução substitui as configurações atuais permitindo que as alíquotas tanto de MM como de SD sejam cadastradas em duas novas tabelas dinâmicas.ex: ZPIS e ZCOF) para calcular o valor do imposto a recolher. E em SD é Imposto a Recolher. Jan-Klaas Heinsohn / 23 © SAP Brasil – junho/2004 35 .WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização Impostos incluídos no preço líquido PISpart = PISrate PISbase * 100 100 Impostos: PIS COFINS COFINSpart = COFINSrate COFINSbase * 100 100 Parâmetros: PISrate: alíquota de PIS PISbase: base de cálculo do PIS COFINSrate: alíquota de COFINS COFINSbase: base de cálculo do COFINS  SAP AG 2004Legal Changes 2004.4 Novos cenários de configuração Impostos incluídos no preço líquido O PIS e o COFINS em MM é contabilizado como Imposto a Creditar em alguns cenários. Dr.

Material ou serviço dedutível e impostos incluídos no preço 4. Jan-Klaas Heinsohn / 24 3.  SAP AG 2004Legal Changes 2004. Jan-Klaas Heinsohn / 25 © SAP Brasil – junho/2004 36 . Dr. Material ou serviço não dedutível e impostos não incluídos no preço 3.WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização Impostos incluídos no preço líquido Cenários alternativos na Compra de Mercadorias (MM).5 Esquemas e códigos de impostos Impostos incluídos no preço líquido Tipos de Condição na TAXBRJ  SAP AG 2004Legal Changes 2004. Dr. Material ou serviço dedutível e impostos não incluídos no preço Os cenários 1 e 3 se aplicam se o Preço de Compra for informado em uma Condição que já contenha todos os impostos. O cenário 4 é o mais indicado quando houver crédito do PIS e COFINS. Os cenários 2 e 4 se aplicam se Preço de Compra for informado sem impostos. 1. Material ou serviço não dedutível e impostos incluídos no preço 2.

Dr. Por este motivo a condição é ativada com +100%.  SAP AG 2004Legal Changes 2004. Dr. –100. Jan-Klaas Heinsohn / 27 © SAP Brasil – junho/2004 37 . líquido. Neste Neste caso. Jan-Klaas Heinsohn / 26 Impostos incluídos no preço líquido Ativação das condições nos IVAs de MM (dedutível) Se Se oo imposto imposto está está incluso incluso no no preço preço líquido.000. Neste caso. caso. dedutíveis. oo valor valor do do material material éé reduzido reduzido quando quando aa fatura fatura éé contabilizada. negativo. as as condições condições relevantes relevantes são são ativadas ativadas com com –100. contabilizada. PIS PIS ee COFINS COFINS são são contabilizados contabilizados com com montante montante de de imposto imposto não não dedutível dedutível negativo. Portanto.  SAP AG 2004Legal Changes 2004.000. no no caso caso de de PIS PIS ee COFINS COFINS dedutíveis. o sistema retorna contrapartidas que contém valor negativo do montante do imposto.Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Impostos incluídos no preço líquido Ativação das condições nos IVAs de MM (não dedutível) No cálculo de impostos o sistema verifica se o PIS e COFINS estão incluídos no preço líquido. Portanto.

 SAP AG 2004Legal Changes 2004. Jan-Klaas Heinsohn / 28 Impostos incluídos no preço líquido Alterações necessárias no Esquema de Cálculo de SD Os dois Tipos de Condições criados no Esquema de Impostos têm que ser replicados nos Esquemas de Cálculo de Preços. Também precisam ser criados os Tipos de Condição de contrapartida (offset).  SAP AG 2004Legal Changes 2004.WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização Impostos incluídos no preço líquido Ativação das condições nos IVAs de SD Estas condições substituem Os tipos de condição utilizados atualmente (ZPIS e ZCOF). Jan-Klaas Heinsohn / 29 © SAP Brasil – junho/2004 38 . Dr. Dr.

Jan-Klaas Heinsohn / 30 © SAP Brasil – junho/2004 39 .Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Impostos incluídos no preço líquido A configuração do Código de Imposto de SD foi expandida com Flags para o cálculo do PIS e do COFINS a recolher e Impostos Retidos na Fonte.  SAP AG 2004Legal Changes 2004. Dr.

40 .0 Selecionar RM0000.1 Tarefa I – Consultar o Esquema de Cálculo de MM0 Nesta tarefa você vai consultar o esquema de cálculo de MM. IMG > Administração de materiais > Compras > Condições > Determinar determinação de preço > Determinar esquema de cálculo de custos 2.6. 4. 1.0 Clique em . Modificar visão "Esquemas": síntese 3.Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos 3.6 Exercícios de impostos incluídos no preço líquido 3.0 Clique duas vezes em © SAP Brasil – junho/2004 . Inicie a tarefa utilizando o caminho do menu ou o código da transação. .

portanto o caminho do IMG só poderá ser visto em sua empresa.Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Modificar visão "Controle": síntese 3.2 Tarefa II – Consultar quais impostos estão incluídos na condição de MM0 1. © SAP Brasil – junho/2004 41 .6.0 A configuração que assinala quais impostos estão inclusos no Tipo de Condição faz parte dos novos desenvolvimentos.

Determine Work Area: Entry 3.0 Preencha o Esquema de Cálculo de MM (RM0000) e clique em © SAP Brasil – junho/2004 .Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Project/View : 2. 42 .0 Clique duas vezes em .

3 Tarefa III – Consultar o Esquema de Cálculo de SD0 Nesta tarefa você vai consultar o esquema de cálculo de SD. IMG > Vendas e distribuição > Funções básicas > Determinação de preço > Controle da determinação de preço 1. 3. ISS do local de execução do serviço e do PIS. . ISS no local do provedor do serviço.0 Clique duas vezes em . © SAP Brasil – junho/2004 43 .6.0 Clique em 2.Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Change View "Groups of Brazilian Taxes Included in MM Price Conditio Isto significa que: no Tipo de Condição PB00 estão incluídos os impostos COFINS.

4. Modificar visão "Controle": síntese © SAP Brasil – junho/2004 44 .Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Modificar visão "Esquemas": síntese 3.0 Clique duas vezes em .0 Posicione no Esquema de Cálculo RVXBRA .

© SAP Brasil – junho/2004 45 . que serão utilizadas conforme se tenham impostos inclusos no preço.0 Change View "Procedures": Overview Change View "Control data": Overview Perceba que o PR00 foi substituído por outros Tipos de Condições.Localização 5. 6. temos o Tipo de Condição de Preços . Agora iremos acessar o mesmo esquema na nova configuração.0 WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos No esquema RVXBRA atual.

0 Clique em .4 Tarefa IV – Consultar quais impostos estão incluídos na condição de SD0 Project/View : 1. Determine Work Area: Entry © SAP Brasil – junho/2004 46 .Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos 3.6.

0 WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Preencha RVXBRA e clique em .Localização 2. Change View "Groups of Brazilian Taxes in SD Price Conditions": Over © SAP Brasil – junho/2004 47 .

5 Tarefa V – Consultar a nova TAXBRJ 0 Project/View : 1.Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos 3.0 Clique duas vezes em . Choose Activity 2. © SAP Brasil – junho/2004 48 .0 Clique duas vezes em .6.

0 Selecione TAXBRJ . Change View "Control Data": Overview © SAP Brasil – junho/2004 49 .0 Clique duas vezes em . 4.Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Change View "Procedures": Overview 3.

Localização © SAP Brasil – junho/2004 WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos 50 .

Localização © SAP Brasil – junho/2004 WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos 51 .

Localização © SAP Brasil – junho/2004 WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos 52 .

000 na percentagem (não mais colocar a alíquota do imposto). 3) Sugere-se não excluir os códigos IVA atualmente em uso na empresa. 2) Os novos códigos IVA devem ser criados com +100. Project/View : © SAP Brasil – junho/2004 53 .6 Tarefa VI – Ativação de impostos no Código IVA 0 Observações: 1) Esta tarefa é executada tanto para MM como para SD.Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos 3.000 ou –100.6.

© SAP Brasil – junho/2004 54 . Maintain Tax Code: Initial Screen 4.WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização 1.0 Clique duas vezes em 2. .0 Clique em 5.0 Selecione ou digite . Country 3.0 Clique em do Tax Code ou selecione SD .0 Clique em .0 Clique duas vezes em 6. . .

Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Maintain Tax Code: Tax Rates © SAP Brasil – junho/2004 55 .

Localização

WORKSHOP sobre alteração nas leis de
retenção e crédito de impostos

Maintain Tax Code: Tax Rates

© SAP Brasil – junho/2004

56

Localização

WORKSHOP sobre alteração nas leis de
retenção e crédito de impostos

Maintain Tax Code: Tax Rates

© SAP Brasil – junho/2004

57

Localização

WORKSHOP sobre alteração nas leis de
retenção e crédito de impostos

3.6.7 Tarefa VII – Consultar o Código de Imposto de SD 0
.

Project/View :

Change View "SD tax codes": Overview

© SAP Brasil – junho/2004

58

WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização 1. 2. Change View "SD tax codes": Details © SAP Brasil – junho/2004 59 .0 Selecionar um dos Códigos de Impostos.0 Clique em .

de as O cálculo no FI vai continuar standard. Conforme a lei. sendo feitos para o cabeçalho do documento. COFINS. o imposto é devido no momento do pagamento. CSLL e IR:   A determinação e o cálculo passam a ser feitos via Esquema Cálculo de SD e MM. As várias combinações de chaves possíveis de se cadastrar alíquotas serão customizadas na Tabela Dinâmica.1 Categoria e código de imposto retido na fonte IV – Configuração de impostos retidos na fonte Atualmente os cálculos de impostos retidos na fonte são totalmente customizados e executados em FI. Devido à necessidade e complexidade de determinar a retenção por item do PIS. porém são necessários ajustes de configuração para obter o resultado calculado no Esquema de Cálculo.Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos 4 Configuração dos impostos retidos na fonte 4.  SAP BRASIL Configuração de impostos retidos na fonte A ligação entre o cálculo no esquema de cálculo (SD/MM) e a funcionalidade de impostos retidos (FI) é feita através do flag “Montante imposto modificado” na configuração da Categoria do Imposto Retido na Fonte. Jan-Klaas Heinsohn / 32 © SAP Brasil – junho/2004 60 . Flag no Montante de Imposto Modificado  SAP AG 2004Legal Changes 2004. Dr. Todos os valores calculados serão levados para a Nota Fiscal.

Dr.  SAP AG 2004Legal Changes 2004. Jan-Klaas Heinsohn / 33 Configuração de impostos retidos na fonte Configuração do Código de Imposto Retido na Fonte: .Preencher com 100 % a quota e a taxa porque o cálculo vai ocorrer no esquema de cálculo -Deixar em branco a Chave Oficial (Código de Recolhimento) Quota e Taxa = 100% Deixar em branco  SAP AG 2004Legal Changes 2004.Criar um Código para cada Tipo de Imposto Retido .Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Configuração de impostos retidos na fonte Todas as Categorias de Imposto Retido na Fonte criadas precisam ser associadas com a Empresa. Jan-Klaas Heinsohn / 34 4.2 Código de recolhimento © SAP Brasil – junho/2004 61 . Dr.

3 Alíquotas e códigos de recolhimento na tabela dinâmica Configuração de impostos retidos na fonte Informar as alíquotas de retenção e os respectivos Códigos de Recolhimento (de acordo com as leis IN381 ou anexo 1 da IN306).Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Configuração de impostos retidos na fonte A nova solução exige que os códigos de recolhimento para os quatro impostos retidos sejam configurados na nova tabela para Brasil. Ou configura-se a alíquota genérica dos impostos ou separadamente. Jan-Klaas Heinsohn / 36 © SAP Brasil – junho/2004 62 . Dr.  SAP AG 2004Legal Changes 2004.  SAP AG 2004Legal Changes 2004. Dr. Jan-Klaas Heinsohn / 35 4. Os códigos de recolhimento para outros impostos retidos na fonte são configurados ainda nas telas Standard.

0 Clique em © SAP Brasil – junho/2004 . IMG > Contabilidade financeira > Configuração contabilidade financeira > Imposto retido na fonte (IRF) > Imposto retido na fonte ampliado > Cálculo > 2. . 63 .4. Inicie a tarefa utilizando o caminho do menu ou o código da transação.4 Exercício de configuração dos impostos retidos na fonte 4.0 Clique em 3. .0 Selecione BR no código do país.1 Tarefa I – Configurar Categoria de Imposto Retido na Fonte0 1. 4.Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos 4.

.0 Clique em 2.4.2 Tarefa II – Configurar associação da Categoria de Imposto Retido com a Empresa0 IMG > Contabilidade financeira > Configuração contabilidade financeira > Imposto retido na fonte (IRF) > Imposto retido na fonte ampliado > Empresa > 1.0 Clique em .WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização 4.0 Selecionar a empresa 7000 . © SAP Brasil – junho/2004 64 . 3.

4.3 Tarefa III – Configurar Código de Imposto Retido na Fonte0 . .0 Clique em 2. 65 .0 Selecione BR e clique em © SAP Brasil – junho/2004 . IMG > Contabilidade financeira > Configuração contabilidade financeira > Imposto retido na fonte (IRF) > Imposto retido na fonte ampliado > Cálculo > 1.IRF": detal 4.Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Modificar visão "Informação sobre IRF da empresa por ctg.0 Clique em 4.

0 Selecione uma das linhas e0 clique em 4.0 Clique em © SAP Brasil – junho/2004 . 66 .Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Modificar visão "Código do imposto de retenção na fonte (IRF)": sínt 3.

© SAP Brasil – junho/2004 67 .0 Clique em .denominação": síntese 4. IMG > Contabilidade financeira > Configuração contabilidade financeira > Imposto retido na fonte (IRF) > Configurações globais 1.0 Clique em 2. Modificar visão "Chave oficial IRF .0 Clique em . ex: INSS) continuam a ser feitas nas tabelas standard do sistema.0 Selecione BR e clique em 3.WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização 4.4. .4 Tarefa IV – Verificar códigos de recolhimento dos impostos retidos já existentes0 A configuração dos códigos de recolhimento dos impostos retidos na fonte já existentes (p. .

© SAP Brasil – junho/2004 68 .4.5 Tarefa V – Criar os novos códigos de impostos retidos já existentes0 Os novos códigos de recolhimento devem ser configurados em tabelas desenvolvidas para esta nova funcionalidade.WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização 4. Determine Work Area: Entry 1.0 Clique em .

6 Tarefa VI – Cadastrar mensagem de direito fiscal © SAP Brasil – junho/2004 69 .4.0 Clique em . 4.WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização 2.

uma fundação federal. © SAP Brasil – junho/2004 70 . O preenchimento da tabela dinâmica é baseada na IN 381 e.4. no Anexo 1 da IN306. uma autarquia. normalmente o MM registra a alíquota geral (somatória das alíquotas).7 Tarefa VII – Cadastrar alíquotas na tabela dinâmica de retenção de impostos0 No cadastramento das alíquotas. economia mista. devo utilizar as alíquotas individuais de cada um dos impostos. se o comprador for uma empresa do governo. Porém.Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos 4. se o fornecedor é isento de algum dos impostos.

.WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização Project/View : 1. Determine Work Area: Entry 3. © SAP Brasil – junho/2004 71 .0 Clique em 2.0 Clique em .0 Clique duas vezes em .

Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Change View "Withholding Tax Calculation: Rates and Collection Codes 4. Change View "Withholding Tax Calculation: Rates and Collection Codes © SAP Brasil – junho/2004 72 .0 Clique duas vezes em .

Localização

WORKSHOP sobre alteração nas leis de
retenção e crédito de impostos

4.5 IN381 e Anexo 1 da IN306

0
4.5.1 IN381

Imposto
CSLL
COFINS
PIS
Imposto
CSLL
COFINS
PIS

© SAP Brasil – junho/2004

Código de Recolhimento
Geral

Alíquota

5952

4,65%

Código de Recolhimento
5987
5960
5979

Alíquota
1,00%
3,00%
0,65%

73

Localização

WORKSHOP sobre alteração nas leis de
retenção e crédito de impostos

4.5.2 Anexo 1 da IN306

© SAP Brasil – junho/2004

74

Localização

NATUREZA DO BEM FORNECIDO OU DO
SERVIÇO PRESTADO
(01)










Alimentação;
Energia elétrica;
Serviços prestados com o emprego de
materiais, inclusive de limpeza;
Serviços hospitalares;
Transporte de cargas;
Mercadorias e bens em geral, exceto as
relacionadas nos códigos 6875, 6883, 8726,
8739, 8754, 8767, 8770 e 9060.
Veículos classificados nos códigos 8432.30 e
87.11 adquiridos de fabricantes ou de
importadores.
Transporte internacional de cargas efetuado por
empresas nacionais.
Pneus novos de borracha e Câmaras-de-ar de
borracha classificados nas posições 40.11 e
40.13 da TIPI, adquiridos de adquiridos de
fabricante ou de importador.
Máquinas e Aparelhos de Terraplanagem e de
Uso Agrícola, Tratores, Veículos para
Transporte de Passageiros, de Mercadorias, de
Usos Especiais e Chassis com Motor para
Veículos Automóveis classificados na posição
84.29,
dos
veículos
autopropulsados
classificados nos códigos,
8432.40.00,
8432.80.00 (exceto rolos para gramados ou
campo de esporte), 8433.20, 8433.30.00,
8433.40.00,
8433.5,
e
dos
produtos
classificados nas posições 87.01, 87.02, 87.03,
87.04, 87.05 e 87.06, da TIPI, adquiridos de
fabricante ou de importador, inclusive as
pessoas jurídicas a que se refere o art. 17, § 5º
da MP nº 2.189-49, de agosto de 2001.
Querosene de aviação adquirido de produtor ou
importador.
Construção,
conservação,
modernização,
conversão e reparo de embarcações préregistradas ou registradas no REB, efetuadas
por estaleiro naval brasileiro.
-Álcool para fins carburantes, de origem
nacional, adquirido de distribuidor
-Gasolina, exceto gasolina de aviação, óleo
diesel e gás liqüefeito de petróleo - GLP,
adquiridos de distribuidores e comerciantes
varejistas, e álcool para fins carburantes quando
adquirido, exclusivamente, de comerciante
varejista.
Querosene de aviação adquirido de distribuidor
ou de comerciante varejista.
Demais combustíveis derivados de petróleo e
gás natural.

© SAP Brasil – junho/2004

WORKSHOP sobre alteração nas leis de
retenção e crédito de impostos

IR
(02)
6256

ALÍQUOTAS
CSLL
COFINS
(03)
(04)
6228
6243

PIS/PASEP
(05)
6230

PERCENTUAL
A SER
APLICADO
(06)

CÓDIGO DA
RECEITA
(07)

1,2

1,0

3,0

0,65

5,85

6147

1,2

1,0

0,0

0,0

2,20

8835

1,2

1,0

6,6

1,43

10,23

6875

1,2

1,0

6,79

1,47

10,46

6883

1,2

1,0

5,8

1,25

9,25

9060

1,2

1,0

0,0

0,0

2,20

8848

0,24

1,0

6,74

1,46

9,44

8726

0,24

1,0

0,0

0,0

1,24

8739

0,24

1,0

3,0

0,65

4,89

8770

75

92. produtos de perfumaria.03. 3006.00. 17.10. de 21 de dezembro de 2000. 3401.03.2 e nos códigos 3002.03.20.90. de Mercadorias.10. 87.1.30. 8432.00 a 3307. 3002.01. 3002.04. 3005.90.00). 3401. previsto no art.147.90. de toucador e de higiene pessoal classificados nas posições 30. 3006.10. exceto no código 3004. * © SAP Brasil – junho/2004 WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos 1.13 da TIPI. 3002. 8432.8433.99.10.92.10 e 9603.1.3 2.20.10. 3401. adquiridos de comerciantes atacadistas e varejistas.147. Tratores.30. 3005. 3002.46. 3002.01 e 3006.90. 3002.40. de agosto de 2001.46.0 0.2 1.80. 3002.1. 30. 3002. 1º da Lei nº 10.1.0 10.05. .56. exceto no código 3004.20.00).90. .30.548. exceto as pessoas jurídicas a que se refere o art.11.1.11 e 40. 3002.00.1 e 3006.99.10. 3006.90.10.7 8754 76 .90. 90 da Instrução Normativa nº 247.01. 3002.01 e 3006. desde que observado o disposto no inciso II e parágrafo único do art.20. Máquinas e Aparelhos de Terraplanagem e de Uso Agrícola.60.10. beneficiários do regime especial de crédito presumido da contribuição para o PIS/Pasep e da Cofins.10. adquiridos do distribuidor ou comerciante varejista. Produtos relacionados nos anexos IV e V desta Instrução Normativa. 1º da Lei nº 10. 3002. § 5º da MP nº 2.20. 3303. todos da TIPI. de 2002.Localização • • • • • • Medicamentos.90.00. e nos códigos 3002.0 0.00.10 e 9603. 87. e nos códigos 3002.2. 3401.20.2 14. de 21 de novembro de 2002.2. dos veículos autopropulsados classificados nos códigos. 3002. 8433.2.90.2 8767 1.06 e 87. nos itens 3002.90.1. 87.02. nos itens 3002.03.90.00 (exceto rolos para gramados ou campo de esporte). 3002.20. da TIPI. 3002.20. Veículos para Transporte de Passageiros.5.90.56.40. e na posição 30. 3004.2. da TIPI.20. de Usos Especiais e Chassis com Motor para Veículos Automóveis classificados na posição 84.60. 3002.2 1. Pneus novos de borracha e Câmaras-de-ar de borracha classificados nas posições 40. 3002.20.10.2.11.29.10 e 3006. de 2000.3.2. tributados na forma do inciso I do art.01.11.10.56.10.00 a 3307. 3º da Lei nº 10. 8432.30.21.30.92. 3002. Medicamentos e produtos de perfumaria. da TIPI.30.04.90. 3006. 3002.90.2.20.60.00.99. 8433.30.2.10. exceto no código 3003. 3004.10. exceto no código 3003. Produtos classificados nas posições 30.30. adquiridos de industrial ou importador. todos da Tabela de Incidência de Imposto sobre Produtos Industrializados -TIPI.21. 87. e dos produtos classificados nas posições 87. 30. com a alteração dada pelo art. nos itens 3002.46. adquiridos do industrial ou importador. 3005.3. exceto no código 3003.0 2.3. 3303. adquiridos de comerciantes atacadistas e varejistas.90. 3006. de toucador e de higiene pessoal classificados nas posições 30. exceto no código 3004.00.90. 87. 8433.20.189-49.90.

Locação de mão de obra. Bens ou serviços adquiridos de Sociedades cooperativas e associações profissionais ou assemelhadas.0 1.0 0.0 0. sociedades de crédito. Serviços prestados por bancos comerciais.0 3.65 8863 2.0 3.0 0. distribuidoras de títulos e valores mobiliários.80 1. bancos de desenvolvimento.0 0.0 3. bancos de investimento.65 7. demais serviços © SAP Brasil – junho/2004 WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos 2.0 0. locação ou cessão de bens imóveis. Factoring. empresas de seguros privados e de capitalização e entidades abertas de previdência complementar.40 1. financiamento e investimento. cooperativas de crédito. e câmbio. Administração. Telefone.40 1. Intermediação de negócios.65 4. empresas de arrendamento mercantil. Limpeza.0 0. móveis e direitos de qualquer natureza.65 7.40 1.40 8850 0. Vigilância. sociedades de crédito imobiliário. Transporte internacional de passageiros efetuado por empresas nacionais.45 6190 77 . Correio e telégrafos. rodoviárias e demais serviços de transporte de passageiros. sem emprego de materiais.05 6188 4.0 3.05 6175 2. caixas econômicas. Serviços de abastecimento de água.Localização • • • • • • • • • • • • • • Passagens aéreas.0 3.65 9. exceto as relacionadas no código 8850.

Jan-Klaas Heinsohn / 38 © SAP Brasil – junho/2004 78 .  SAP AG 2004Legal Changes 2004. Dr. preencher os quatro novos impostos (Tipo e Código) e assinalar o indicador de impostos retidos. na tela de Retenção de Imposto. portanto os dados permanecem no cadastro. Dr. não os exclua.Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos 5. basta desativar o Flag para evitar problemas com documentos em aberto em FI. Dados Mestre de MM e SD (impostos retidos na fonte) V – Dados Mestre de MM e SD Nos dados mestre de Clientes e Fornecedores. Jan-Klaas Heinsohn / 37 Dados Mestre de MM e SD Sugestões: 1) A configuração standard para outros Impostos Retidos na Fonte permanece inalterada. 2) Se você já configurou os quatro novos impostos nos seu cadastro de clientes / fornecedores.  SAP AG 2004Legal Changes 2004.

Jan-Klaas Heinsohn / 39 Esquemas de cálculo e de impostos TAXBRJ para SD Para SD. no Esquema de Imposto TAXBRJ também foram criados dois Tipos de Condições para cada imposto (um para o cálculo e outro offset) e para o total das alíquotas. no Esquema de Imposto TAXBRJ foram criados dois Tipos de Condições para cada imposto (um para o cálculo e outro offset) e também um par de Tipos de Condição para a alíquota genérica (total das alíquotas). Dr.  SAP AG 2004Legal Changes 2004. Jan-Klaas Heinsohn / 40 © SAP Brasil – junho/2004 79 . Dr.1 TAXBRJ para MM e SD VI – Esquemas de cálculo e de impostos TAXBRJ para MM Para MM. A Chave de Conta associada à primeira condição é como a NVV (não dedutível).Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos 6.  SAP AG 2004Legal Changes 2004. Esquemas de cálculo e de impostos (impostos retidos na fonte) 6.

Jan-Klaas Heinsohn / 42 © SAP Brasil – junho/2004 80 . Jan-Klaas Heinsohn / 41 6. Dr. para cada Tipo de Imposto Retido uma Chave de Conta no Esquema de Imposto (TAXBRJ).3 Ativação das novas condições Esquemas de cálculo e de impostos Ativação das novas condições no IVA (MM e SD) Ativar as cinco novas condições com 100% no Tipo de Cálculo e –100% na contrapartida (offset). Dr.WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização 6. Lembrar Flag no Montante do Imposto Modificado (em FI). Chave de Conta de SD Chave de Conta de MM  SAP AG 2004Legal Changes 2004.  SAP AG 2004Legal Changes 2004.2 Ligação entre esquema de cálculo e tipo de imposto Esquemas de cálculo e de impostos Ligação entre Esquema de Cálculo e Tipo de Imposto Tanto para MM como para SD é necessário associar.

Controlar a validade da retenção de cada imposto nas tabelas dinâmicas. fazer uma entrada na tabela dinâmica com a chave Fornecedor/Material e deixar a linha de COFINS em branco.4 Esquemas de cálculo e tipos de condições de SD Esquemas de cálculo e de impostos Esquema de Cálculo de Preços (SD) Os dez Tipos de Condições criados no Esquema de Impostos têm que ser replicados nos Esquemas de Cálculo de Preços.Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Esquemas de cálculo e de impostos Para que a funcionalidade do Imposto Retido seja ativada. Jan-Klaas Heinsohn / 43 6. Dr. preenchendo os demais impostos. há necessidade de estar assinalada em três locais: No dado mestre de Cliente / Fornecedor Na configuração do IVA (Esquema de Cálculo) Na Tabela Dinâmica Como sugestão de configuração.  SAP AG 2004Legal Changes 2004. Exemplo: se tiver um fornecedor isento de COFINS. manter todos os tipos de impostos retidos ativados nos clientes e nos fornecedores e no IVA. Jan-Klaas Heinsohn / 44 © SAP Brasil – junho/2004 81 .  SAP AG 2004Legal Changes 2004. Dr.

Jan-Klaas Heinsohn / 45 Esquemas de cálculo e de impostos Tipos de Condição de Imposto Retido na Fonte (SD) É necessário associar estes Tipos de Condição ao Tipo de Imposto Retido na Customização de FI.WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização Esquemas de cálculo e de impostos Esquema de Cálculo de Preços (SD) Foram criados cinco Tipos de Condições com a Classe de Condição “Imposto Retido na Fonte (IRF)” para associar o Item da Ordem de Venda ao Tipo de Imposto Retido na Fonte.  SAP AG 2004Legal Changes 2004. Dr. Jan-Klaas Heinsohn / 46 © SAP Brasil – junho/2004 82 .  SAP AG 2004Legal Changes 2004. Dr.

5.1 Tarefa I – Associar o tipo de imposto retido com a chave de conta 0 © SAP Brasil – junho/2004 83 . Jan-Klaas Heinsohn / 47 6.5 Exercícios de configuração de esquemas de cálculo 6. Dr.WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização Esquemas de cálculo e de impostos Tipos de Condição de Imposto Retido na Fonte (SD) Também é necessário associar estes Tipos de Condição ao Tipo de Imposto Retido nos registros de condições de preços. Para isso precisa criar uma classificação de imposto na tabela V_1ATXREL  SAP AG 2004Legal Changes 2004.

.Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos 1.0 Clique em 2.0 Digite BR em Country Key e clique em . Change View "Withholding tax type and transaction key for tax amount © SAP Brasil – junho/2004 84 .

© SAP Brasil – junho/2004 85 .5.2 Tarefa II – Ativação dos códigos IVA para MM0 1. Digite BR em Country Key e Q3 no Tax Code.0 Clique em .Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos 6.

Localização © SAP Brasil – junho/2004 WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos 86 .

Localização © SAP Brasil – junho/2004 WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos 87 .

0 Clique em .WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização 2. © SAP Brasil – junho/2004 88 .

3 Tarefa III – Ativação dos códigos IVA para SD0 No mesmo caminho do exercício anterior.Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos 6.5. Digite © SAP Brasil – junho/2004 BR em Country Key e SD no Tax Code. 89 .

Localização © SAP Brasil – junho/2004 WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos 90 .

0 Clique em . © SAP Brasil – junho/2004 91 .WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização 1.

4 Tarefa IV – Cosultar os tipos de condições de preços0 Project/View : 1. 3.0 Clique duas vezes em .5.0 Clique em 2.0 Selecionar . e clicar 00 duas vezes em © SAP Brasil – junho/2004 .WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização 6. 92 . .

Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Change View "Control data": Overview Change View "Control data": Overview © SAP Brasil – junho/2004 93 .

Inicie a tarefa utilizando o caminho do menu ou o código da transação.Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos 6.5 Tarefa V – Associar o esquema de cálculo e o tipo de imposto retido0 1. Acessando-se a mesma tela no ambiente em inglês: © SAP Brasil – junho/2004 94 .0 Clique duas vezes em 3.0 Digitar BR no código do país e clicar em .5. IMG > Contabilidade financeira > Configuração da contabilidade financeira > Imposto retido na fonte (IRF) > Cálculo > Categoria de imposto retido na fonte 2. .

5.6 Tarefa VI – Atribuir categoria de imposto à empresa 0 © SAP Brasil – junho/2004 95 .Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos 6.

96 .0 Clique em © SAP Brasil – junho/2004 .Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos 6.7 Tarefa VII – Criar relevância de classificação de imposto0 1.5.

© SAP Brasil – junho/2004 97 .5.0 Clique em .8 Tarefa VIII – Criar registros de condições de preços 0 1.WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização 6.

0 Clique em .0 Clique em . Change COFINS WHT code Condition (ICW4) : Details © SAP Brasil – junho/2004 98 . 3.WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização 2.

o imposto é devido ao Município onde o serviço é executado  SAP AG 2004Legal Changes 2004. não atingindo o valor mínimo.Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos 7. o ISS é calculado porém é recolhido pelo prestador do serviço  Base de cálculo do ISS – Redução de base possível de acordo com cada Município  Direito Fiscal de ISS  SAP AG 2004Legal Changes 2004.1 Introdução ao ISS ISS – Imposto Sobre Serviço As alterações referentes ao ISS estão listadas conforme Lei Complementar 116. Jan-Klaas Heinsohn / 48 ISS – Imposto Sobre Serviço  Disputa entre Municípios:  Iss devido nos dois Municípios (Prestador e Local da Prestação)  Códigos de recolhimento (tipos de serviço) diferentes para compra e prestação de serviço:  Não existe padrão  Cada Município estabelece sua lista tipos de serviço  Valor mínimo para retenção do ISS:  Se informado. mas o ISS também é regulamentado por cada Município. Dr. Dr. Jan-Klaas Heinsohn / 49 © SAP Brasil – junho/2004 99 . Principais características:  Retenção do ISS por parte do tomador do serviço:  Dependendo do tipos de serviço  Conforme legislação de cada Município  Imposto devido ao Município onde o serviço é executado  Serviços cujo ISS não é retido:  Devido ao Município onde o prestador do serviço está localizado  Devido ao Município onde o serviço é executado  Para os serviços cujo ISS é retido. ISS 7.

WORKSHOP sobre alteração nas leis de
retenção e crédito de impostos

Localização

Principais Alterações em Configuração

Domicílio Fiscal para ISS:
 Extensão de um segundo nível possibilitando identificação do
Município – Informação fundamental para o cálculo do ISS

Tipo de Serviço / Código de Recolhimento):
 Códigos distintos para compra e prestação de serviço

Código Genérico de Tipo de Serviço:
 Permite reduzir o esforço de customização do ISS
 Identificado via campo NCM no mestre de material

Determinação da alíquota de ISS:
 Nova Tabela Dinâmica de Impostos no IMG

 SAP AG 2004Legal Changes 2004, Dr. Jan-Klaas Heinsohn / 50

Principais Alterações em Configuração

Cálculo e Contabilização do ISS:
 Novos tipos de condição nos esquemas de cálculo de
MM e SD

Campo Direito Fiscal disponível na ordem de venda em SD:
 Determinação automática possível via tabela dinâmica

ISS na Nota Fiscal:
 Valores do ISS devido ao Município do prestador e/ou
local da execução são armazenados na Nota Fiscal

Valor, base, alíquota, código de recolhimento e
município onde o ISS é devido são armazenados na
Nota Fiscal

Direito Fiscal de ISS armazenado na Nota Fiscal

 SAP AG 2004Legal Changes 2004, Dr. Jan-Klaas Heinsohn / 51

© SAP Brasil – junho/2004

100

WORKSHOP sobre alteração nas leis de
retenção e crédito de impostos

Localização

7.2 Domicílio fiscal por cidade

Domicílio Fiscal para ISS
Estrutura já existente para o Domicílio Fiscal
Atualmente, o campo domicílio fiscal é usado no Brasil para armazenar
as regiões fiscais. Estas regiões fiscais são configuradas na tabela
J_1BTREGV.

O módulo de função J_1BDETERMINE_JURISDICTION é chamado para
determinação automática do domicílio fiscal sempre que a região é
informada em dados mestre.
Esta configuração ainda é válida!!!!
 SAP AG 2004Legal Changes 2004, Dr. Jan-Klaas Heinsohn / 52

 SAP AG 2004Legal Changes 2004, Dr. Jan-Klaas Heinsohn / 53

© SAP Brasil – junho/2004

101

WORKSHOP sobre alteração nas leis de
retenção e crédito de impostos

Localização

Domicílio Fiscal para ISS
Nova Estrutura do Domicílio Fiscal para ISS
Para a determinação de alíquotas de ISS o domicílio fiscal foi estendido,
possibilitando a identificação do Município.
O domicílio fiscal passa a ter 2 níveis:
- Nível 1 possui 3 caracteres: armazena a região fiscal (conforme solução
anterior).
- Nível 2 possui 4 caracteres: armazena um código que identifica o
Município dentro da região fiscal.
A nova estrutura do domicílio fiscal é customizada na tabela TTXD.

 SAP AG 2004Legal Changes 2004, Dr. Jan-Klaas Heinsohn / 54

 SAP AG 2004Legal Changes 2004, Dr. Jan -Klaas Heinsohn / 55

© SAP Brasil – junho/2004

102

Jan-Klaas Heinsohn / 57 © SAP Brasil – junho/2004 103 . Dr. Jan-Klaas Heinsohn / 56  SAP AG 2004Legal Changes 2004. Dr.Região Fiscal com 3 caracteres (AC ) . obedecendo a nova estrutura de domicílio fiscal: AC 0001 .WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização Domicílio Fiscal para ISS Cadastrar Municípios por região no Domicílio Fiscal Os Municípios relacionados às operações de ISS (compra e venda) devem ser cadastrados na visão J_1BTXJURV.Município com 4 caracteres (0001)  SAP AG 2004Legal Changes 2004.

Dr. Jan-Klaas Heinsohn / 58  SAP AG 2004Legal Changes 2004. Dr. Nesta tabela o domicílio fiscal é definido por região e código postal.  SAP AG 2004Legal Changes 2004. Jan-Klaas Heinsohn / 59 © SAP Brasil – junho/2004 104 .Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Domicílio Fiscal para ISS Nova tabela J_1BTREG_CITY para determinação do Domicílio Fiscal A nova tabela J_1BTREG_CITY foi criada para determinação automática do Domicílio Fiscal Estendido para o Município.

Se não achar entrada. Os outros impostos (ICMS.. acessa a tabela atual (J_1BTREG).. Dr.Trib. Clientes e Fornecedores Pré-requisito: customização da tabela J_1BTREG_CITY  SAP AG 2004Legal Changes 2004. Conseqüência: Os três primeiros caracteres do Domicílio Fiscal Estendido precisam ser iguais à Região Fiscal.) somente fazem uso da região (3 caracteres). . Acessa a tabela nova usando CEP e Região para determinar o domicílio Fiscal (J_1BTREG_CITY). Sub. 2.Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Domicílio Fiscal para ISS Atualização do “Domicílio Fiscal Estendido” nos Endereços de Dados Mestre Somente á necessária quando existir operação de compra ou venda com ISS. Endereços: Centros.  SAP AG 2004Legal Changes 2004.. Jan-Klaas Heinsohn / 61 © SAP Brasil – junho/2004 105 . Jan-Klaas Heinsohn / 60 Domicílio Fiscal para ISS Lógica de Determinação do Domicílio Fiscal Para novos endereços e alteração dos existentes (Região + CEP). Filiais. Somente a determinação de ISS usa o Domicílio Fiscal Estendido. Dr. o novo módulo de função J_1BDETERMINE_JURISDICTION_NEW determina o domicílio fiscal estendido: 1.

truncando a parte que contém o Município. Sub.WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização Domicílio Fiscal para ISS Não Há Impacto no cálculo de Outros Impostos  As alterações no Domicílio Fiscal Estendido não interferem no cálculo dos outros impostos como: ICMS. Dr.  SAP AG 2004Legal Changes 2004. Jan-Klaas Heinsohn / 62 © SAP Brasil – junho/2004 106 .  O processamento dos outros impostos considera apenas as 3 primeiras posições do domicílio fiscal.Trib.. IPI e etc.

Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos 7. Development Link & Localization Team © SAP Brasil – junho/2004 107 .ASUG. Reunião de Localização . Development Link & Localization Team Tipo de Serviço (Código de Recolhimento):  SAP AG 2004.3 Tipo de serviço (código de recolhimento) e Código Genérico Tipo de Serviço (Código de Recolhimento): Cada Município determina sua lista de códigos de tipo de serviço. A nova solução possibilita a parametrização de ambos.ASUG. Reunião de Localização .  SAP AG 2004. Existem códigos diferentes para entradas (MM) e saídas (SD).

o campo NCM.ASUG.Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Código Genérico de Tipo de Serviço (NCM) Para reduzir o número de entradas nas tabelas dinâmicas. Assim os usuários não se confundem na hora de buscar uma entrada. Development Link & Localization Team © SAP Brasil – junho/2004 108 . sem material cadastrado. pode ser informado o código genérico de serviço no campo NCM. Development Link & Localization Team Código Genérico de Tipo de Serviço (NCM)  SAP AG 2004.ASUG. é recomendado padronizar os códigos iniciando com “ISS_”. Reunião de Localização . Reunião de Localização . MM: No Pedido de Compras. SD ou MM: Para serviços cadastrados no mestre de materiais.  SAP AG 2004. foi aproveitado para agrupar tipos de serviço com as mesmas características. já utilizado para armazenar o tipo do serviço. informar um código genérico de serviço no campo NCM (control code). Dica: Como os códigos genéricos de serviço são cadastrados na mesma tabela dos NCMs (IPI).

Etc.ASUG.  SAP AG 2004. Development Link & Localization Team © SAP Brasil – junho/2004 109 . Development Link & Localization Team b Associação dos Tipos de Serviço aos Códigos Genéricos (NCM)  SAP AG 2004. Reunião de Localização . Reunião de Localização .Retenção / Não Retenção .Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Associação dos Tipos de Serviço aos Códigos Genéricos (NCM) Os códigos genéricos são associados aos códigos de recolhimento (tipos de serviço) de entrada e saída de cada Município. contanto que tenham as mesmas características: .ASUG.Alíquota .

Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Associação dos Códigos de Tipo de Serviço aos Códigos de Material Nos casos em que um código genérico não pode ser usado.ASUG.ASUG. Development Link & Localization Team © SAP Brasil – junho/2004 110 .  SAP AG 2004. Reunião de Localização . é necessário associar os códigos de material (serviço) aos respectivos códigos de recolhimento (entrada e saída) de cada Município. Development Link & Localization Team Associação dos Códigos de Tipo de Serviço aos Códigos de Material  SAP AG 2004. Reunião de Localização .

Dr. Jan-Klaas Heinsohn / 64 © SAP Brasil – junho/2004 111 .4 Determinação da alíquota do ISS Determinação da Alíquota de ISS Nova Tabela Dinâmica de ISS A A solução solução de de ISS ISS usa usa somente somente aa tecnologia tecnologia de de tabelas tabelas dinâmicas. dinâmicas. Dr. Jan-Klaas Heinsohn / 63 Determinação da Alíquota de ISS Detalhes da Nova Tabela Dinâmica de ISS  SAP AG 2004Legal Changes 2004.  SAP AG 2004Legal Changes 2004.WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização 7. Deve Deve ser ser criado criado um um grupo grupo de de imposto imposto para para cada cada tipo tipo de de acesso. acesso.

Jan-Klaas Heinsohn / 65 Determinação da Alíquota de ISS Detalhes da Nova Tabela Dinâmica de ISS 1 . Jan-Klaas Heinsohn / 66 © SAP Brasil – junho/2004 112 .Indicador de ISS Retido na Fonte 7 8 9 8 e 9 . Os valores encontrados são armazenados para o cálculo do imposto. mesmo encontrando dados no primeiro acesso.Domicílio Fiscal Estendido 2 . a Planta / Filial O sistema sempre acessa a tabela duas vezes.No segundo acesso este campo representa o domicílio fiscal (Município) do local da execução do serviço: . na falta deste. Dr.Até 3 Chaves de Acesso Definidas Pelo Grupo de Tabela Dinâmica 3 . já para ISS.WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização Determinação da Alíquota de ISS Detalhes da Nova Tabela Dinâmica de ISS 1 .Domicílio Fiscal Estendido: A lógica da tabela dinâmica de ISS é diferente da lógica das outras tabelas.  SAP AG 2004Legal Changes 2004.Local Relevante para Impostos 4 5 6 7.MM  Endereço de Entrega (item) ou.SD  Planta / Filial .No primeiro acesso este campo representa o domicílio fiscal (Município) do provedor de serviços: .SD  Cliente .Base de Cálculo do ISS 2 5 .Alíquota de ISS 1 4 . o acesso acontece em dois passos: .MM  Fornecedor . Dr.Valor Mínimo para Retenção do ISS e Moeda  SAP AG 2004Legal Changes 2004.Direito Fiscal de ISS 3 6 . As outras tabelas dinâmicas são acessadas uma única vez.

Fornecedor ou Endereço) e o sistema usará este domicílio fiscal na busca de dados na tabela dinâmica. a solução permite criar uma única PO para serviços executados em mais de um Município. Fiscal Chave 1 Chave 2 Chave 3 SP 1234 SP 1234 SP 1234 SERV-01 Retenção X  SAP AG 2004Legal Changes 2004. Esta lógica possibilita. conforme definição do grupo de tabela dinâmica. Basta criar um item por Município e alterar o endereço de entrega para cada item. no detalhe do item. somente quando Provedor. por exemplo. ficando assim a possibilidade de combinar até 4 chaves de acesso.: Dom. como local da execução do serviço) Assim. Dr. Jan-Klaas Heinsohn / 68 © SAP Brasil – junho/2004 113 . Sugestão: criar dados mestre que representem os Municípios envolvidos nas operações de ISS. Basta informar um endereço de entrega que contenha o Domicílio Fiscal Estendido (Cliente. Jan-Klaas Heinsohn / 67 Determinação da Alíquota de ISS Detalhes da Nova Tabela Dinâmica de ISS 2 . Recebedor e Local de Execução forem os mesmos.WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização Determinação da Alíquota de ISS Detalhes do Item na PO Na PO. A chave Domicílio Fiscal possui dados de provedor ou local de execução. configurar situações em que o ISS é retido para um determinado tipo de serviço. é possível informar em qual Município o serviço será executado.  SAP AG 2004Legal Changes 2004. Dr. dependendo da vez em que a tabela dinâmica está sendo acessada. Ex.Até 3 Chaves de Acesso Definidas Pelo Grupo de Tabela Dinâmica: Ao acessar a tabela dinâmica o sistema combina o campo domicílio fiscal às 3 outras chaves de acesso.

Direito Fiscal de ISS  Informar direito fiscal.Valor Mínimo para Retenção do ISS e Moeda:  Quando o montante mínimo para retenção é preenchido. 8 e 9 . ou o Município onde é Executado o serviço podem ser considerados com locais de relevância para ISS. a não ser quando o serviço for executado no mesmo Município. Dr. O ISS jamais será devido ao Município onde o Recebedor esteja localizado. e dá continuidade ao processo como se o ISS fosse devido no Município do Local da Execuçaõ.  A nota fiscal permanece com o montante total do serviço. porém sem que haja a retenção.Base de Cálculo do ISS:  Informar de acordo com o Município para o qual o imposto é devido  Base igual a zero determina operação isenta de ISS 5 . Jan-Klaas Heinsohn / 70 © SAP Brasil – junho/2004 114 . previamente cadastrado no IMG. o sistema ignora o indicador de retenção. Jan-Klaas Heinsohn / 69 Determinação da Alíquota de ISS Detalhes da Nova Tabela Dinâmica de ISS 7. o sistema compara este valor com o valor do ISS retido que foi calculado.WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização Determinação da Alíquota de ISS Detalhes da Nova Tabela Dinâmica de ISS 3 .  SAP AG 2004Legal Changes 2004. o prestador do serviço fica com a responsabilidade de recolher o imposto. Se o valor não atingir o montante mínimo.  SAP AG 2004Legal Changes 2004.Local Relevante para Impostos:  Provedor ou Execução do Serviço  Apenas o Município onde o Provedor do serviço está localizado.  O ISS calculado será abatido do total do serviço quando enviando informação para Bancos.Alíquota de ISS:  Informar de acordo com o Município para o qual o imposto é devido 4 .  Neste caso. Dr.Indicador de ISS Retido na Fonte:  Assinalar este indicador quando o ISS deve ser retido na fonte pelo tomador do serviço. conforme determinação de cada Município 6 .

 SAP AG 2004Legal Changes 2004. Dr.Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Determinação da Alíquota de ISS Novos Parâmetros Como Chave para Uso na Tabela Dinâmica  LOC_PR: Domicílio Fiscal do Prestador de Serviços  LOC_SR: Domicílio Fiscal do Tomador de Serviços  LOC_SE: Domicílio Fiscal do Local da Execução do Serviços  Planta  Empresa Dica: usar o parâmetro BRSCH (Setor de Indústria) para agrupar fornecedores ou clientes com características semelhantes. Dr. Jan-Klaas Heinsohn / 71  SAP AG 2004Legal Changes 2004. Jan-Klaas Heinsohn / 72 © SAP Brasil – junho/2004 115 . Exemplo: Simples (regime tributário das microempresas e das empresas de pequeno porte).

Jan-Klaas Heinsohn / 74 © SAP Brasil – junho/2004 Por Por este este motivo. Jan-Klaas Heinsohn / 73 Determinação da Alíquota de ISS Extensão do cálculo de impostos em MM (TAXBRJ): IVA de ISS ISS ISS não não éé dedutível. o sistema determina se se oo ISS ISS éé retido retido na na fonte. Assim Assim sendo. ative ative todos todos os os tipos tipos de de condição condição de de ISS ISS com com +100%. fonte. Durante Durante oo cálculo cálculo dos dos impostos. estiver. +100%. do do contrário contrário alimenta alimenta as as condições condições de de ISS ISS normal. oo sistema sistema retorna retorna aa contrapartida contrapartida com com valor valor do do imposto imposto negativo. caso. executado). Neste Neste caso. o sistema determina impostos. retido. oo tipo tipo de de condição condição „offset“ „offset“ deve deve ser ser ativado ativado com com +100%. motivo. portanto portanto somente somente um um IVA IVA éé Durante Durante oo cálculo cálculo de de necessário. impostos.Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Determinação da Alíquota de ISS Extensão do cálculo de impostos em MM (TAXBRJ):  SAP AG 2004Legal Changes 2004. Dr. oo sistema sistema alimenta alimenta as as condições condições de de ISS ISS retido. Se Se estiver. oo sistema sistema verifica verifica se se oo ISS ISS está está incluído incluído no no preço preço (devido (devido no no município município do do provedor provedor e/ou e/ou devido devido no no município município onde onde oo serviço serviço éé executado). normal. dedutível. negativo. impostos. necessário.  SAP AG 2004Legal Changes 2004. 116 . sendo. Dr. +100%.

impostos.Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Determinação da Alíquota de ISS Extensão do cálculo de impostos em SD (RVXBRA):  SAP BRASIL Determinação da Alíquota de ISS Extensão do cálculo de impostos em SD (RVXBRA): IVA de ISS Durante Durante oo cálculo cálculo de de impostos.  SAP BRASIL © SAP Brasil – junho/2004 117 . sendo. normal. Assim Assim sendo. oo sistema sistema alimenta alimenta as as condições condições de de ISS ISS retido. do do contrário contrário alimenta alimenta as as condições condições de de ISS ISS normal. oo sistema sistema determina determina se se oo ISS ISS éé retido retido na na fonte. Neste Neste caso. retido. caso. +100%. ative ative todos todos os os tipos tipos de de condição condição de de ISS ISS com com +100%. fonte.

PIS e COFINS ao preço  SAP BRASIL © SAP Brasil – junho/2004 118 .WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização 7.5 Cálculo do ISS na Ordem de Venda Cálculo do ISS na Ordem de Venda Alteração no esquema de cálculo RVXBRA em SD Preço Com Impostos / Preço sem Impostos IPRICE = 1− ( ISSpart + EPRICE PISpart + COFINSpart ) Conforme documentação das Notas: PRB0 PRB1 PRB2 PRB3 Price w/o Taxes Price+ISS Price+PIS+COF Price+ISS+PIS+COF  SAP BRASIL Cálculo do ISS na Ordem de Venda Preço sem impostos: O sistema adiciona o ISS.

A base isenta é armazenada em isentas . considera o de operações sem retenção. . O sistema dá preferência ao direito fiscal parametrizado em operações cujo ISS é retido. Na falta deste.Código de recolhimento (tipo de serviço) de entradas /saídas .as telas da nota fiscal foram estendidas para conter o direito fiscal de ISS  SAP BRASIL Direito Fiscal de ISS Determinado Automaticamente na Ordem de Venda O Direito Fiscal de ISS é determinado automaticamente na ordem de venda conforme parametrização nas tabelas dinâmicas.  SAP BRASIL © SAP Brasil – junho/2004 119 . somente um direito fiscal é determinado e mapeado para a Nota Fiscal.Domicílio Fiscal do município onde o imposto é devido. onde o imposto é devido nos dois Município envolvidos. Embora o ISS possa ser calculado para os cenários de disputa.Indicados de impostos retidos na fonte Redução de Base: .6 Alterações na Nota Fiscal para ISS Alterações na NF para ISS O segmento da nota fiscal (tabla J_1BNFSTX) foi estendido: . Ao gerar a Nota Fiscal o direito Fiscal é automaticamente mapeado para a Nota Fiscal. no item da NF (J_1BNFLIN) .A base reduzida é armazenada na base normal .Outras bases não é relevante para ISS Direito fiscal de ISS: .Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos 7.O direito fiscal de ISS é armazenado em um campo separado.

Domicílio Domicílio Fiscal Fiscal Estendido Estendido -.WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização Alterações na NF para ISS Direito Fiscal de ISS  SAP BRASIL Alterações na NF para ISS Novos Campos na Nota Fiscal para ISS -.Indicador Indicador de de retido retido na na fonte fonte  SAP BRASIL © SAP Brasil – junho/2004 120 .Código Código de de Recolhimento Recolhimento (entradas) (entradas) --Código Código de de Recolhimento Recolhimento (saídas) (saídas) -.

PIS. Tomador do serviço do município de SP © SAP Brasil – junho/2004 121 .Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos 8. COFINS a recuperar Pasta: Endereço de Entrega preenchido com local da prestação do serviço 4.0 Verificar . COFINS.1 Tarefa I – Pedido de Compra O serviço possui os seguintes impostos: ISS. Inicie a transação usando as etapas do menu ou digitando o código de transação. Standard PO 4500003718 Created by HIROMI Prestador do serviço do município de DF 5. Um exemplo de compras 8. CSLL e IR retidos e PIS.

.0 Verificar . 7.WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização 6. 122 .0 Clique em © SAP Brasil – junho/2004 . Neste exemplo o município é RS. Standard PO 4500003718 Created by HIROMI Utilizar um dos três campos abaixo para informar o local de prestação do serviço.0 Verificar 8.

123 .0 Verificar 10.Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Standard PO 4500003718 Created by HIROMI Verifique que o sistema determina automaticamente o município do local da prestação do serviço.0 Clique em © SAP Brasil – junho/2004 . 9. .

0 Verificar © SAP Brasil – junho/2004 . 124 .Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Standard PO 4500003718 Created by HIROMI O campo “Tax” mostra o total dos impostos calculados uma vez que o preço do pedido está excluído de impostos 11.

Localização

WORKSHOP sobre alteração nas leis de
retenção e crédito de impostos

Standard PO 4500003718 Created by HIROMI

12.0 Clique em

© SAP Brasil – junho/2004

.

125

Localização

WORKSHOP sobre alteração nas leis de
retenção e crédito de impostos

Standard PO 4500003718 Created by HIROMI

Note que o montante bruto será lançado tanto na entrada de mercadoria como
na fatura por ser uma aquisição de serviço.

13.0 Verificar

.

8.2 Tarefa II – Entrada da Nota Fiscal
14.

Inicie a transação usando as etapas do menu ou digitando o código de transação.

© SAP Brasil – junho/2004

126

Localização

WORKSHOP sobre alteração nas leis de
retenção e crédito de impostos

Display Nota Fiscal Incoming 6688: Item 10

Domicílio Fiscal do local de prestação do serviço e o nome do município

15.0 Verificar

.

Código oficial de recolhimento dos impostos retidos na fonte

16.0 Verificar

Indicador de retenção do imposto

© SAP Brasil – junho/2004

127

Display Invoice Document 5105607224 2004 19.WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização 17.0 Clique em © SAP Brasil – junho/2004 . Indicador de imposto incluso no preço 18. 128 .0 Verificar .0 Verificar .

129 .0 Clique em © SAP Brasil – junho/2004 .Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos List of Documents in Accounting 20.

76 é o bruto descontado do imposto ISS que é retido. 22. 21.0 Duplo clique na linha do fornecedor © SAP Brasil – junho/2004 . COFINS retidos não são lançados pois está configurado que o cálculo deve ocorrer somente após o programa de pagamento em FI. 130 . Neste momento os impostos PIS.0 Verificar .WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização Document Overview Note que o montante de R$ 1126.

0 Clique em .Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Display Document: Line Item 001 23. Display Withholding Tax Information © SAP Brasil – junho/2004 131 .

Maintain Tax Code: Tax Rates © SAP Brasil – junho/2004 132 .Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Note que os impostos retidos (PIS.3 Tarefa III – Configuração do IVA utilizado Configuração do IVA utilizado 24. Inicie a transação usando as etapas do menu ou digitando o código de transação. IR e CSLL) são mostrados nesta tela mesmo que o programa de pagamento ainda não foi executado 8. COFINS.

© SAP Brasil – junho/2004 133 . Você completou esta transação.Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Maintain Tax Code: Tax Rates 25.

1 Consultar Ordem de Venda © SAP Brasil – junho/2004 134 .Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos 9. Um exemplo de vendas 9.

Localização © SAP Brasil – junho/2004 WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos 135 .

Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos 9.2 Consultar Nota Fiscal © SAP Brasil – junho/2004 136 .

Localização © SAP Brasil – junho/2004 WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos 137 .

2 Consultar contabilização da fatura © SAP Brasil – junho/2004 138 .Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos 9.

Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos 9. Consultar documento de recebimento financeiro © SAP Brasil – junho/2004 139 .4.

Localização © SAP Brasil – junho/2004 WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos 140 .

Localização © SAP Brasil – junho/2004 WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos 141 .

Level 1) Access Seq. Create Condition Types: Application TX Cond.: MWST Manual Entries: D (Not possible to process manually) Item Condition: X Delete fr.Customizing_ISS_PIS_COFINS_Classic Observação: A documentação deste anexo está sujeita a alterações e acompanhará a Nota 727.Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos 10.475. DB: B (without popup) Tax Type Description ICN3 COFINS Normal Tax ICOA COFINS Normal PO/GR ICON COFINS Normal Tax ICOO COFINS Offset Tax Included ICOS COFINS Normal PO/GR ICOU COFINS COFINS Normal IV NVV ICOV COFINS Offset ICOS/ICOU ICOW COFINS WHT ICOZ COFINS WHT Offset ICSW CSLL WHT ICSZ CSLL WHT Offset ICW3 COFINS Withholding TaxSD ICZ3 COFINS WHT SD Offset IGEW General WHT IGEZ General WHT Offset IGW3 General WHT SD IGZ3 General WHT SD Offset IIRW IR WHT IIRZ IR WHT Offset IPS3 PIS Normal Tax IPSA PIS Normal PO/GR IPSN PIS Normal Tax IPSO PIS Offset Tax Included IPSS PIS Normal PO/GR IPSU PIS Normal IV NVV IPSV PIS Offset IPSS / IPSU IPSW PIS WHT IPSZ PIS WHT Offset IPW3 PIS WHT SD IPZ3 PIS WHT SD Offset IRW3 IR Withholding TaxSD IRZ3 IR WHT SD Offset ISA3 ISS at Provider SD ISB3 ISS WHT at Provider SD ISE3 ISS at Service Loc SD ISF3 ISS WHT at Service Loc SD ISSA ISS at Provider ISSB ISS WHT at Provider ISSE ISS at Service Loc © SAP Brasil – junho/2004 142 . Category: 1 (Jur. Anexo 1 . Recomendamos sempre consultar esta nota e não se basear nesta documentação que permanecerá sem alteração. Type: A (Percentage) Cond. Class: D (Taxes) Calculat.

Con. Type: A (Percentage) Cond. Class: D (Taxes) Calculat. Type: A (Percentage) Cond. DB: B (without popup) Ref.: V ICZ3 IGZ3 IPZ3 IRZ3 ISZ3 COFINS WHT SD Offset General WHT SD Offset PIS WHT SD Offset IR WHT SD Offset CSLL WHT SD Offset Cond. DB: B (without popup) Ref. Category: 1 (Jur. Category: Access Seq. Category: 1 (Jur.: MWST Manual Entries: D (Not possible to process manually) Item Condition: X Delete fr. Type: ICMO Ref. DB: B (without popup) Tax Type Description ICN3 COFINS from SD ICW3 COFINS Withholding TaxSD IGW3 General WHT SD IPS3 PIS Normal Tax IPW3 PIS WHT SD IRW3 IR Withholding TaxSD ISA3 ISS at Provider SD ISB3 ISS WHT at Provider SD ISE3 ISS at Service Loc SD ISF3 ISS WHT at Service Loc SD ISW3 CSLL Withholding Tax SD Cond. Applicat. Level 1) Access Seq. Level 1) Access Seq.: IBRR Manual Entries: D (Not possible to process manually) Item Condition: X Delete fr. Class: D (Taxes) Calculat. Class: A (Taxes) Calculat.Localização ISSF ISSG ISW3 WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos ISS WHT at Service Loc ISS Offset CSLL Withholding Tax SD ISZ3 CSLL WHT SD Offset Create Condition Types: Application V Cond. Type: ICMO Ref.: IBRR Manual Entries: D (Not possible to process manually) Item Condition: X Delete fr. Type: A (Percentage) Cond. Con. Applicat.: V ICO2 IPS2 COFINS Offset SD PIS Offset SD Price Conditions including taxes © SAP Brasil – junho/2004 143 .

RM0000) or create new ones by copying and modifying. Of course. COFINS. DB: (do not delete) Scale basis: C Check value: A Quantity Conversion: X PRB0 Price w/o Taxes PRB1 Price+ISS PRB2 Price+PIS+COF PRB3 Price+ISS+PIS+COF Price Conditions MM If necessary. but may contain PIS. The following is a suggestion based on 4 new price conditions. ISS due at the municipio of the service provider. Class: B (Prices) Calculat. Type: C (Quantity) Cond. It is possible to either continue using existing price conditions or introduce new ones. or any combination of these. if new price conditions are introduced.: PR00 Manual Entries: C (Manual entry has priority) Amount/percent: X Item Condition: X Pricing Proc: RVABR2 Delete fr. corresponding price conditions should be maintained. Cond. Define which taxes are included in MM/SD price conditions (Views J_1BSDKON1MMVV and J_1BSDKON1SDVV) Maintain for each SD (Application V) or MM (Application M) pricing procedure the taxes that are included in each price condition type. ISS due at the municipio of the service execution. As an example. Tax Type Tax Group Description ICN3 COFI COFINS Normal Tax ICOA COFI COFINS Normal PO/GR ICON COFI COFINS Normal Tax ICOO COFI COFINS Offset Tax Included ICOS COFI COFINS Normal PO/GR ICOU COFI COFINS COFINS Normal IV NVV ICOV COFI COFINSOffset ICOS/ICOU © SAP Brasil – junho/2004 WHT Offset X X 144 . Price Conditions SD Copy pricing procedure PR0000 to RVABR2 before creating the conditions. the SD procedures RVXBRA is maintained for the conditions PRB0 … PRB3 Price Condition Tax Group PRB1 PRB1 PRB2 PRB2 PRB3 PRB3 PRB3 PRB3 ISSP ISS at location ISSS ISS at location COFI COFINS PIS COFI COFINS ISSP ISS at location ISSS ISS at location PIS of service provider where service is provided of service provider where service is provided Create Entries in J_1BAJ This is described in the Note about modified DDIC objects. In order to allow the system to consider correctly which taxes are already included in a price and which not.WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização The new solution for tax calculation supports prices which are not the real net prices. all price conditions must be updated.g. Category: H (Basic Price) Access Seq. create new price conditions and adapt the MM pricing procedure for Purchase Orders (e.

Localização ICOW ICOZ ICSW ICSZ ICW3 IGEW IGEZ IGW3 IIRW IIRZ IPS3 IPSA IPSN IPSO IPSS IPSU IPSV IPSW IPSZ IPW3 IRW3 ISA3 ISB3 ISE3 ISF3 ISSA ISSB ISSE ISSF ISSG ISW3 WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos WHCO COFINS WHT COFINS WHT Offset WHCS CSLL WHT CSLL WHT Offset WHCO COFINS Withholding TaxSD WHT General WHT General WHT Offset WHT General WHT SD WHIR IR WHT IR WHT Offset PIS PIS Normal Tax PIS PIS Normal PO/GR PIS PIS Normal Tax PIS PIS Offset Tax Included PIS PIS Normal PO/GR PIS PIS Normal IV NVV PIS PIS Offset IPSS / IPSU WHPI PIS WHT PIS WHT Offset WHPI PIS WHT SD WHIR IR Withholding TaxSD ISSP ISS at Provider SD ISSP ISS WHT at Provider SD ISSS ISS at Service Loc SD ISSS ISS WHT at Service Loc SD ISSP ISS at Provider ISSP ISS WHT at Provider ISSS ISS at Service Loc ISSS ISS WHT at Service Loc ISSP ISS Offset WHCS CSLL Withholding Tax SD X X X X X X X X X X X X X X X X X Create Processing Keys for FI (T007B) Tax Type: 2 (input tax) Not deductible: X Posting indicator: 3 (Distribute to relevant expense/revenue items) ISW WTC WTG WTI WTP WTS ISS WHT COFINS WHT General WHT IR WHT PIS WHT CSLL WHT Tax type: 2 (input tax) Non deductible: space Posting indicator: 2 (separate line item) CO3 PI3 COFINS Clearing PIS Clearing Tax type: 1 (output tax) Non deductible: space Posting indicator: 2 (separate line item) COF PIS WC3 WC4 WG3 WG4 COFINS PIS Cofins WHT Cofins WHT offset General WHT General WHT offset © SAP Brasil – junho/2004 145 .

Localização WI3 WI4 WP3 WP4 WS3 WS4 WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos IR WHT IR WHT offset PIS WHT PIS WHT offset CSLL WHT CSLL WHT offset Create G/L Accounts 177011: COFINS Withholding Tax Posting at Payment 177013: PIS Withholding Tax Posting at Payment 177020: CSLL Withholding Tax Posting at Payment 177021: IR Withholding Tax Posting at Payment 177022: General Withholding Tax (PIS/COFINS/CSLL/IR) 177030: PIS Normal Tax 177031: COFINS Normal Tax 154031 PIS Tax deductible 154008 COFINS Tax deductible 177040: ISS Withholding Tax Define and Assign Tax Accounts Posting Keys: 40 – 50 Account Key CO3 COF PI3 PIS WC3 WC4 WG3 WG4 WI3 WI4 WP3 WP4 WS3 WS4 Account 154008 177031 154031 177030 177011 177011 177022 177022 177021 177021 177013 177013 177020 177020 Define Account Keys for SD (T687) COF PIS WC3 WC4 WG3 WG4 WI3 WI4 WP3 WP4 WS3 WS4 COFINS PIS Cofins WHT Cofins WHT offset General WHT General WHT offset IR WHT IR WHT offset PIS WHT PIS WHT offset CSLL WHT CSLL WHT offset Create new pricing formulas This is described in the note Requirement Formula: 983 (Note 178824) Condition Value Formula: 821 … 829 Condition Base Formula: 801 … 809 © SAP Brasil – junho/2004 146 .

In 100 521 301 VS1 0 IPIF IPI Industr.T.C A. 232 0 ICZG ICMS tax free 100 525 305 NVV 0 0 0 0 0 0 0 ICS1 ICMF IFR1 IFS1 IP1C IP1O IC1C Sub. Act. Adapt the calculation procedure that you use in a corresponding way or create a copy of the old one and adapt the new one in order to have a backup.K Base Amount Ext. calculation X 320 0 0 IPI1 Level 200 IPI Industr.B.Tributaria In ICMS S. In 100 521 301 VS1 0 ICMS Industr. 230 0 0 X In Level 300 ICC 275 300 ICC X 0 IPI2 IPI Consumption In 100 310 522 302 NVV 0 ICM2 ICMS Consumption In 100 330 523 303 NVV 0 ICMS Consumption In 100 331 523 303 NAV 0 ICM D ICS2 S.Off.Clear.Clearing IPI Ind. fr.Clear.WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização Update Calculation Procedure FI/MM The below FI calculation procedure is based on SAP sample delivery TAXBRJ. The new entries are shown in red. offset ICMS on freight In ICMS ST freight In IPI Ind.T. 100 523 303 VS2 ICMS DIFAL Con/Asset 100 523 303 ICD 0 ICM 1 ICM V ICMT ICMS Difal Investmen 100 523 303 ICD 0 ICMP ICMS Difal inv. NVV off 372 373 0 0 IPI3 Level 500 IPI from SD 100 500 510 0 ICM ICMS from SD 100 520 © SAP Brasil – junho/2004 Out Out ICX 526 306 NVV VS1 525 305 ICP ICX 525 305 ICP ICX X 521 301 MW1 523 303 MW2 147 . Tra. Consumption In 100 340 524 304 NVV 0 ICOP ICMS complement 100 350 525 305 ICP 0 ICOT STO-ICMS complement 100 355 525 305 ICP 0 ICOX ICMS complement 100 350 360 0 ISS2 ISS from MM In 100 365 0 ISSO ISS from MM In Offs 365 366 0 ICO1 ICMS compl Transfer 100 370 160 0 ICO2 ICMS compl.Clearing 100 100 100 100 100 210 100 524 525 527 528 521 304 305 307 308 301 523 303 VS3 IC1 VS3 VS3 IPC IPC ICC 0 IC1O ICMS Ind. off.Off. Off 370 371 160 0 ICO3 ICMS compl. St C 10 0 15 0 200 21 0 21 5 23 0 23 1 23 2 23 3 23 5 240 250 255 256 260 265 27 0 27 5 30 0 31 0 33 0 33 1 34 0 35 0 35 5 36 0 36 5 36 6 37 0 37 1 37 2 37 3 500 51 0 520 0 CTy p BAS B 0 Description Fro To M M S P S Req A. ICMS Ind. NVV 100 372 0 ICO4 ICMS compl.

SD 100 524 304 MW4 0 ISSG ISS Offsets 100 525 305 NVV 0 COFINS Normal Tax 100 821 801 NVV COFINS Offset TxIncl 100 822 802 NVV 0 ICO N ICO O IPSN PIS Normal Tax 100 823 803 NVV 0 IPSO PIS Offset TxIncl 100 824 804 NVV 0 ICN3 COFINS from SD 100 821 801 COF 0 IPS3 PIS from SD 100 823 803 PIS WHT ON GROSS COFINS WHT 100 825 805 WTC COFINS WHT Offset 805 IPSW PIS WHT 100 826 806 WTP PIS WHT Offset CSLL WHT 815 100 827 807 NVV WTS 0 IPSZ ICS W ICSZ CSLL WHT Offset 825 0 IIRW IR WHT 100 828 808 WTI 0 0 IIRZ IGE W IGEZ IR WHT Offset General WHT 835 100 829 809 NVV WTG General WHT Offset 845 0 0 0 © SAP Brasil – junho/2004 X NVV NVV NVV 148 .Loc. SD 100 522 302 MW4 0 ISE3 ISS at Serv.Loc. ISS 750 X X 0 ISSA ISS at Provider 100 755 521 301 NVV 0 ISSB ISS WHT at Provider 100 760 522 302 ISW 0 ISSE ISS at Serv.)-STO ICMS on freight Out ICMS ST freight Out 100 100 100 550 560 570 525 527 528 305 307 308 ICZ MW3 MW3 0 0 ICM4 STO-ICMS SD (ICM3) Other taxes 100 600 700 523 303 MW2 0 INSS INSS Incoming 100 710 VST 0 INSX INSS offset (100-)-- 710 720 INX 52 1 522 53 0 540 54 1 550 560 57 0 600 70 0 71 0 72 0 75 0 75 5 76 0 76 5 77 0 77 1 77 2 77 3 77 4 77 5 78 0 78 5 79 0 79 5 79 7 79 8 800 805 0 81 0 81 5 820 825 0 ICO W ICOZ 0 0 0 83 0 83 5 840 845 850 0 0 ICMS DIFAL Out 100 521 523 303 MW2 ICMS DIFAL ofset out Sub.Loc. COFINS.F.Tributaria Out 521 100 522 530 524 304 ICC MW3 PIS. 100 524 304 ISW 0 ISA3 ISS at Provider SD 100 521 301 MW4 0 ISB3 ISS WHT at Prov. SD 100 523 303 MW4 0 ISF3 ISS WHT Srv.Loc.Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos 0 0 3 ICM M ICML ICS3 0 0 ISS3 ICSO ISS from SD Out SOCIAL Offset TxIncl 100 540 540 541 526 306 MW4 MW4 0 0 0 ICZF IFR3 IFS3 ICMS Rev (Z. 100 765 523 303 NVV 0 ISSF ISS WHT at Serv.

Examples for other procedures (like RVXBRE etc. St C 10 10 0 1 10 2 10 3 10 4 45 50 0 0 290 30 0 32 0 32 1 32 2 0 0 0 0 0 CTy p Description Fro To M M S P Price Price w/o Taxes X X Price+ISS X Price+PIS+COF X Price+ISS+PIS+COF X RB0 0 Discount (Value) X ICMI Price+Tax (for NF) K00 4 K00 7 K00 5 Material PRB 0 PRB 1 PRB 2 PRB 3 S Req A. since the changes are the same. PO/GR Cofins IV Non Deduct 100 100 Cofins deductible 100 ICOV ICOS ICO U ICOA 0 825 805 WC3 WC4 829 809 WG4 822 802 CO3 831 831 801 801 CO3 NVV 841 801 CO3 824 804 PI3 X 100 D 160 161 PIS Reduce stock X 0 IPSV Offset IPSS / IPSU 100 E 0 IPSS PIS deduct.B. Adapt the calculation procedures that you use in a corresponding way or create a copies of the old ones and adapt the new ones in order to have a backup. The new or changed entries are shown in red. Tax from SD ICW 3 ICZ3 COFINS WHT SD 100 COFINS WHT Offset SD 852 IPW 3 IPZ3 ISW 3 ISZ3 IRW 3 IRZ3 PIS WHT SD 100 826 806 WP3 PIS WHT Offset SD CSLL WHT SD 855 100 827 807 WP4 WS3 CSLL WHT Offset SD IR WHT SD 858 100 828 808 WS4 WI3 IR WHT Offset SD 860 WI4 IGW 3 IGZ3 Genera WHT SD 100 WG3 Genera WHT Offset SD COFINS reduce stock Cofins Offset 864 COFINS deduct.Localização 85 1 852 0 85 3 855 0 856 858 0 0 859 860 0 0 86 1 864 0 865 900 90 1 905 906 0 0 0 90 7 91 0 91 1 91 5 91 6 91 8 0 0 0 0 0 0 WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos With. Act.K 2 X X 2 K X 2 2 323 ERL ERS Customer Discount ERS Customer/Material ERS © SAP Brasil – junho/2004 149 . IV 100 161 833 803 NVV 0 IPSA PIS deductible 100 843 803 PI3 Update Pricing Procedure SD The below SD pricing procedure is based on SAP sample delivery RVXBRA. PO/GR 100 160 833 803 PI3 0 IPSU PIS non deductib.C A.) are not given.

sd ISS WHT Srv.Localização 32 9 400 595 600 61 0 620 0 63 0 650 660 67 0 67 5 680 68 1 682 68 3 684 685 686 68 7 688 70 0 72 0 74 0 75 0 79 9 800 81 0 960 96 1 96 3 965 0 96 7 97 0 97 2 97 5 97 7 97 9 980 985 986 0 98 7 988 0 ICW 4 IPW4 0 ISW 0 0 0 0 KF00 IBRX IPI3 Brazil tax calc.Trib. SD X X 521 522 301 302 MW4 MW4 0 0 ISE3 ISF3 ISS at Serv.Loc. IPI from SD 0 0 ICM 3 ICS3 0 0 0 WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos 320 328 595 590 596 Freight ERS X 320 521 301 MW1 ICMS from SD X 523 303 MW2 Sub.Loc. from SD X 524 304 MW3 ICZF IFR3 IFS3 ICMS Disc. Zona Fr. ICMS on freight SD ICMS ST freight SD X X X 525 527 528 305 307 308 MWS MW3 MW3 0 ISS3 ISS from SD X 526 306 MW4 0 0 ISA3 ISB3 ISS at Provider SD ISS WHT at Prov. SD X X 523 524 303 304 MW4 MW4 0 0 0 0 ICSO ICN3 ICO2 IPS3 ISS offset COFINS from SD COFINS Offset SD PIS from SD 675 X 821 801 X 823 803 0 0 IPS2 PIS Offset SD Total Tax Value 687 610 0 ICM O DIFF ICMS offset 620 0 X 683 685 BRI 690 X X BRI Rounding Off 13 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 4 ERS 55 28 ERS 9 11 X R10 0 SKT O VPR S ICW 3 ICZ3 100% discount Cash Discount X Cost X COFINS WHT SD offset IPW 3 IPZ3 PIS WHT SD ISW 3 ISZ3 ISS WHT SD IRW 3 IRZ3 IR WHT SD IGW 3 IGZ3 General WHT SD PIS WHT SD Offset CSLL WHT SD offset IR WHT SD offset B 4 X X 961 825 965 826 WP3 WP4 827 807 X WS3 WS4 828 808 X WI3 WI4 X 979 806 X X 975 WC3 WC4 X 970 805 X X Genera WHT SD offset WHT: Tax codes COFINS WHT code 829 X 809 WG3 WG4 963 X X 983 PIS WHT code 965 X 983 CSLL WHT code 972 X 983 © SAP Brasil – junho/2004 16 4 750 Withholding taxes COFINS WHT SD BRI COF BRI PIS 150 .

C A.WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização 989 0 990 0 4 IRW 4 IGW 4 IR WHT code 975 X 983 General WHT code 979 X 983 The below SD pricing procedure is the new price supplement procedure RVABR2 which is introduced for the optional new price conditions. It can be configured in the following way: St C 10 1 10 2 10 3 10 4 40 1 40 2 40 3 40 4 CTy p PRB 0 PRB 1 PRB 2 PRB 3 RA0 0 RB0 0 RC0 0 RD0 0 Description Fro To M M S P S Req A. Act.B.K Price w/o Taxes Price+ISS Price+PIS+COF Price+ISS+PIS+COF % Discount from Net Discount (Value) Quantity Discount Weight Discount Extended WHT Customizing WHT Types at Payment Base amount = Modified Tax Amount Rounding rule = W/tax comm round Cash Discount = C/disc pre W/tx Post w/tax amount =X No accumulation W/tax base manual =X Manual w/tax amount = X No cert numbering =X Base amount = W/tax code level Withholding tax amount = W/tax code level No central invoice Minimum Check at item level W/Tax Type CP GP PP RP SP Description COFINS at Payment General WHT (PIS/COF/CSLL/IR) at Payment PIS at Payment IR at Payment CSLL at Payment WHT Types at Invoice Base amount = Modified Tax Amount Rounding rule = W/tax comm round Post w/tax amount =X No accumulation W/tax base manual =X Manual w/tax amount = X No cert numbering =X Base amount = W/tax code level Withholding tax amount = W/tax code level © SAP Brasil – junho/2004 151 .

00% With/tax rate: 100. Class. To activate for MM. Assign Condition Types to Withholding Tax Types CP PP SP RP GP ICW4 IPW4 ISW4 IRW4 IGW4 Maintain Tax Relevant Classification (View V_1ATXREL) CP GP PP RP SP Cofins Payment General WHT payment PIS WHT Payment IR WHT Payment CSLL WHT payment Maintain Withholding Tax SD Conditions (Transaction VK11) Country BR Maintain for all conditions a rate of 100%. Define Accounts for Withholding Tax to be Paid Over Assign G/L accounts for WHT to WHT types. flag With/tax agent in vendor data and assign validity. To activate for SD. W/tax code © SAP Brasil – junho/2004 152 . assign validity Condition Tax Rel. assign all relevant WHT types to all brasilian company codes that are subject to them.00% W/Tax Type W/Tax Code Description CP GP IW PP RP SP CP CP IW PP RP SP COFINS 100% WHT Amount General 100% WHT Amount ISS 100% WHT Amount PIS 100% WHT Amount IR 100% WHT Amount CSLL 100% WHT Amount Define Processing Key for Modified Tax Amount IW CP CP PP PP SP SP RP RP GP GP ISW WTC WC3 WTP WP3 WTS WS3 WTI WI3 WTG WG3 Assign WHT Types to Company Codes In IMG. flag Subject to w/tax in customer data.WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização W/Tax Type IW Description ISS WHT WHT Codes Percentage subject to tax: 100. Define Official Collection Codes View V_T059Z_WITHCD2.

IV NVV 100.000 Level Fr. NVV 100.000 825 100 ICSW CSLL WHT Offset NVV 100.000911 100 IPSV PIS deduct. PO/GR CO3 100. Level Cond.000906 100 ICOU Cofins deductible CO3 100. Level Cond.000830 825 ICSZ IR WHT WTI 100.000916 100 IPSU PIS deductible PI3 100.000 WHT at Provider ISW 100.000 835 100 IIRW IR WHT Offset NVV 100.type 100. PO/GR PI3 100. Rate at Provider NVV 100.000 100.000810 805 ICOZ PIS WHT WTP 100.000 815 100 IPSW PIS WHT Offset NVV 100.000915 100 IPSS PIS non deductib. Rate Level Fr.000 918 100 IPSA To activate Withholding taxes: Tax Type Acc Key Tax perc.000 WHT at Serv.000 100.000 © SAP Brasil – junho/2004 Level Fr.type 790 100 795 100 IPSN IPSO To activate PIS/COFINS deductible: Tax Type Acc Key Tax perc.000 780 785 100 100 ICON ICOO To activate PIS non-deductible: Tax Type PIS Normal Tax PIS Offset TxIncl Acc Key Tax perc. MM: To activate COFINS non-deductible: Tax Type Acc Key Tax perc. Rate COFINS Non Deductibl NVV COFINS Offset NonDed NVV Level Fr.000 907 100 ICOA PIS Reduce stock 910 0 Offset IPSS / IPSU PI3 100.000 805 100 ICOW COFINS WHT Offset NVV 100.000 Offsets NVV 100.Loc.type 755 100 ISSA 760 100 ISSB 765 100 ISSE 770 100 ISSF 775 100 ISSG 153 .000901 100 ICOV COFINS deduct. Level Cond.Loc.WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização ICW4 IPW4 ISW4 IRW4 IGW4 CP PP SP RP GP CP PP SP RP GP Tax Codes Activate additional taxes in transaction FTXP for existing tax codes or create new ones.000840 835 IIRZ To activate ISS taxes (don’t use in combination with old ISS): Tax Type ISS ISS ISS ISS … ISS Acc Key Tax perc. ISW 100.000905 100 ICOS Cofins IV Non Deduct NVV 100. Rate NVV NVV 100.type COFINS WHT WTC 100. Level Cond.000820 815 IPSZ CSLL WHT WTS 100.type COFINS reduce stock 900 0 Cofins Offset CO3 100. Level Cond. Rate Level Fr.000 at Serv.

assign valid ranges of postal codes to the newly created Jurisdiction Codes. Rate Level Fr.000 858 100 ISW3 CSLL WHT Offset SD WS4 100. SD MW4 100. Rate at Provider SD MW4 WHT at Prov.000859 858 ISZ3 IR WHT SD WI3 100. ‘SP 4850’ the municipio of SANTOS. ‘SP 5030’ would be the municipio of SAO PAULO. A suggestion is to use the digits 4 through 7 of the IBGE code for this. Level Cond. Level Cond.type 798 100 IPS3 To activate Withholding taxes: Tax Type Acc Key Tax perc. © SAP Brasil – junho/2004 154 . system C.type 771 100 772 100 773 100 774 100 ISA3 ISB3 ISE3 ISF3 SD Tax Codes (View J_1BTXSDCV) Activate additional taxes for SD tax codes by flagging the relevant taxes on the existing SD tax codes or on newly created ones.000865 858 IGZ3 To activate ISS taxes (don’t use in combination with old ISS): Tax Type ISS ISS ISS ISS Acc Key Tax perc. Level1 = 3.000 Level Fr.000853 852 ICZ3 PIS WHT SD WP3 100.000 860 100 IRW3 IR WHT Offset SD WI4 100.000 100. As an example. Define Logical Destination For ext. ‘SP ‘ for Sao Paulo) and the last four digits to define the municipio. Level Cond.000 855 100 IPW3 PIS WHT Offset SD WP4 100.type COFINS WHT SD WC3 100.000 852 100 ICW3 COFINS WHT Offset SD WC4 100. Rate COFINS from SD COF 100. specify: C JUR J_1BTAXJUR_DETERMINE_NEW C TAX J_1BCALCULATE_TAXES Define Tax Jurisdiction Codes For new ISS calculation. The proposal is to use the first three digits for the state (e.000 100. Structure for Tax Jurisdiction Code (View V_TTXD) New entry for TAXBRJ. Rate PIS 100.g.000 100.Loc.Loc. specify ext. Activate External Tax Calculation For cal.000856 855 IPZ3 CSLL WHT SD WS3 100. SD MW4 WHT Srv. etc.000 864 100 IGW3 Genera WHT Offset SD WG4 100.) Assign Jurisdiction Codes to ranges of postal codes For proper Jurisdiction Code validation and F4 help. Procedure TAXBRJ. SD MW4 at Serv. system C.000861 860 IRZ3 General WHT SD WG3 100.WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Localização SD: To activate COFINS: Tax Type Acc Key Tax perc.000 Level Fr. Level Cond.type 797 100 ICN3 To activate PIS: Tax Type PIS from SD Acc Key Tax perc.000 Level Fr. two level jurisdiction codes should be maintained. level2 = 4.

Customers (Transaction XD02) Assign all WHT types and codes that are applicable. Tax Rates etc.Localização WORKSHOP sobre alteração nas leis de retenção e crédito de impostos Master Data Changes There are certainly changes to master data necessary in order to correctly effectuate the new tax calculation. Tax Rates Maintain Dynamic Tax Groups. This is necessary for: Company Code Plant Business Place (Filial) Tax Laws for ISS (View: J_1BATL3V) Maintain definitions for ISS tax laws. Other Address Changes: Organizational Structure In order to allow correct calculation of ISS. © SAP Brasil – junho/2004 155 . all relevant adresses must be updated with the new Jurisdiction codes. Update Address with new Jurisdiction code for correct ISS calculation. Update Address with new Jurisdiction code for correct ISS calculation. Vendors (Transaction XK02) Assign all WHT types and codes that are applicable. according to the individual needs.