You are on page 1of 7

REPÚBLICA NAS

ESCOLAS

COM O APOIO DE:

http://www.centenariorepublica.pt/escolas

escolas@centenariorepublica.pt
República nas Escolas
Descrição e Objectivos
O tema Centenário da República deverá ser um tema forte nas escolas,
promovendo-se a sua criatividade e o seu dinamismo, quer no âmbito das diversas
disciplinas, quer em projectos extracurriculares de carácter cultural e recreativo.

O eixo programático República nas Escolas, desenvolvido com o apoio do


Ministério da Educação, em particular através da Direcção Geral de Inovação e
Desenvolvimento Curricular e do Plano Nacional de Leitura, visa promover a
realização de iniciativas e actividades comemorativas do Centenário da República,
apelando à divulgação de informação histórica, à reflexão e ao debate dos ideais
republicanos nas escolas dos diferentes níveis educativos, envolvendo alunos,
professores, pais e encarregados de educação.

As actividades desenvolvidas neste âmbito reflectir-se-ão para lá do espaço da


escola, envolvendo organizações culturais e cívicas que se proponham articular as
suas iniciativas com o programa do Centenário da República.

As iniciativas a desenvolver nas escolas deverão suscitar o estabelecimento de


parcerias, o envolvimento e o apoio das autarquias locais, visando sobretudo:
• Estimular a população em idade escolar para festejar o Centenário da República,
associando-o às características próprias do regime republicano e aos valores da
cidadania numa sociedade democrática;
• Aprofundar o conhecimento dos acontecimentos relevantes na implantação da
República e nas etapas do processo histórico que marcaram a evolução da
sociedade portuguesa;
• Conhecer e apreciar a determinação e coragem presentes na acção de figuras
históricas determinantes na implantação da República e na consolidação do
regime republicano e da democracia;
• Conhecer e apreciar obras de escritores, artistas plásticos, músicos e outros
criadores que reflectiram ou influenciaram o ambiente cultural da época em que
viveram.

O sítio Web República nas Escolas, que pode ser acedido em


http://escolas.centenariorepublica.pt, assume-se como uma plataforma de
comunicação para toda a comunidade escolar, e é neste ambiente que poderão ser
encontrados apoios e incentivos dirigidos às escolas e bibliotecas escolares,
proporcionando e estimulando a sua participação, designadamente:
• Sugestões para a elaboração de um programa comemorativo e para o
desenvolvimento de iniciativas em escolas e bibliotecas, dirigidos a públicos
escolares e à comunidade;
• Sugestões de projectos e de actividades a realizar pelas escolas;
• Informação histórica sobre a I República e o Republicanismo (cronologias,
biografias, documentos, imagens, bibliografias);
• A Gazeta das Escolas – Newsletter mensal da Comissão Nacional para as
Comemorações do Centenário da República dedicada à comunidade escolar.

2
• Convite à participação das escolas e bibliotecas, estimulando a recolha de
informação, elementos iconográficos, registos fotográficos, etc., nomeadamente
no Município a que a escola ou biblioteca pertençam;
• Divulgação de iniciativas e trabalhos de escolas e bibliotecas;
• Estabelecimento de parcerias com todas as instituições de ensino que
comemoram o seu próprio centenário, articulando com os respectivos programas
de comemoração, e outras entidades que tem manifestado interesse num
envolvimento específico no Programa do Centenário, em particular através do
eixo República nas Escolas.

Sugestões de iniciativas comemorativas


• Sugestões apresentadas pelas escolas – Elaborar e enviar trabalhos realizados
nas escolas para o sítio Web República nas Escolas;
• Sugestões de unidades didácticas inseridas no currículo – Dar especial destaque
nas aulas e actividades da escola a conteúdos previstos nos programas de
ensino, relacionados com a República e os valores da cidadania;
• Exposições de trabalhos:
– Acontecimentos históricos – relatos escritos elaborados pelos alunos,
apresentados por ordem cronológica e ilustrados com fotografias, ilustrações;
– Personalidades da República - textos sobre vida e obra, fotografias,
ilustrações;
– Toponímia relacionada com a República – Pesquisa de figuras e
acontecimentos que deram o nome a ruas e praças da localidade; Fotografias
de placas e apresentação de textos sobre vida e obra, fotografias,
ilustrações;
– As conquistas e os ideais da República – Selecção de realizações relevantes
que influenciaram a sociedade portuguesa; Apresentação de textos em prosa
ou poesia ilustrados com trabalhos de expressão plástica;
– A Literatura, a Arte e a Música na época da implantação da República –
Selecção de figuras com obras relevantes;
– Apresentação de textos e imagens seleccionadas pelos alunos;

3
• Sítios electrónicos e blogues – Produzir sítios Web ou blogues com informação
histórica e outros temas, como por exemplo personalidades, valores, etc.
elaborados pelos alunos, sob orientação dos docentes;
• Espectáculos – Encenar um espectáculo comemorativo do 5 de Outubro, centrado
nas temáticas trabalhadas nas aulas;
• Conferências e Debates:
– Apresentar trabalhos realizados por alunos (em PowerPoint ou em vídeo) a
colegas, encarregados de educação e convidados;
– Convidar especialistas para sessões dirigidas aos alunos, encarregados de
educação e ao público em geral (sempre que possível em parceria com a
biblioteca pública);
• Visitas de Estudo:
– Às exposições promovidas pela Comissão Nacional para as Comemorações
do Centenário da República;
– À biblioteca pública para pesquisar informação;
– A Museus e locais históricos;

Sugestões de projectos e actividades para as escolas


• Conhecer a República. Da história local à história nacional – Elaborar e
apresentar trabalhos de pesquisa que demonstrem o contributo da localidade
onde se situa a escola, para implantação da República e para a consolidação do
regime republicano e da democracia;
• A Árvore do Centenário – Plantar uma árvore alusiva às comemorações do
Centenário da República para celebrar a data comemorativa do Dia da Árvore –
Desenvolver actividades de pesquisa de informação no domínio da conservação
da biodiversidade, partindo da evolução dos ecossistemas florestais nos últimos
100 anos;
• O Hino Nacional na voz das crianças e dos jovens – Conhecer a história e o
significado do hino – Por escola ou por agrupamento, criar grupos corais,
compostos por crianças e jovens, para cantarem o Hino Nacional em cerimónias
de comemorações do Centenário da República;
• A música da e na República – Preparar peças musicais de compositores
portugueses (1910-2010) – Organização de grupos de alunos do ensino artístico
especializado da Música para integrar a iniciativa 1001 Músicos, a realizar em
Setembro de 2010 no Centro Cultural de Belém.

4
Exposições
A Comissão Nacional para as Comemorações do Centenário da República concebeu
um eixo programático específico para as Exposições do Centenário, que reúne um
conjunto de exposições que procuram, por um lado, reproduzir os acontecimentos
fundamentais do período da I República, com representações cenografadas e
ilustrações de época, e por outro, potenciar a concretização de algumas exposições
que evidenciam áreas temáticas marcantes no período da I República e ao longo dos
últimos 100 anos. De uma forma geral, procura-se o envolvimento do público em
geral e da população jovem em particular conferindo às exposições uma grande
componente lúdica, mas também pedagógica, com recursos tecnológicos
representativos das próprias transformações e evoluções do último século.

Viva a República!
1910-2010
Lisboa, Cordoaria Nacional, de Fevereiro a Outubro de 2010.
Comissário: Luís Farinha (Faculdade de Ciência Sociais e Humanas da Universidade
Nova de Lisboa).

Resistir.
Lutar pela Liberdade. Da alternativa republicana à resistência à ditadura
(1891–1974)
Porto, Ex-Cadeia da Relação, de 31 de Janeiro a 5 de Outubro de 2010.
Comissários: Teresa Siza e Manuel Loff (Faculdade de Letras da Universidade do
Porto).

Educação para todos.


O Ensino na I República.
Lisboa, Palácio Valadares, de 23 de Março a Outubro de 2010.
Comissária: Maria Cândida Proença (Instituto de História Contemporânea,
Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa)

Viajantes e turistas.
À descoberta de Portugal no tempo da I República.
Lisboa, Terreiro do Paço, Torreão Nascente, de Abril a Outubro 2010.
Comissária: Maria Alexandre Lousada (Faculdade de Letras da Universidade de
Lisboa).
A exposição é realizada em articulação e com o apoio do Turismo de Portugal e a
colaboração de outras entidades ligadas ao Turismo em Portugal.

Corpo
Estado, Medicina e Sociedade no Tempo da I República
Lisboa, Terreiro do Paço, Torreão Poente, de Abril a Julho de 2010.
Comissária: Rita Garnel (Instituto de Ciências Sociais).

5
Concursos
A Comissão Nacional para as Comemorações do Centenário da República, a Direcção
Geral de Inovação e Desenvolvimento Curricular e o Plano Nacional de Leitura estão
a conceber diversos concursos que se destinam a premiar trabalhos concebidos e
elaborados nas escolas sob a orientação dos professores:

• A República em… – este concurso tem por objectivo a realização de trabalhos,


de natureza diversa, desenvolvidos no âmbito da localidade e da comunidade em
que a escola está inserida, proporcionando um conhecimento aprofundado da
história e memória do município;

• O meu blogue da República – com este concurso prevê-se a elaboração de


trabalhos que suscitem o interesse pela História e que permitam um
aprofundamento do conhecimento histórico sobre o Portugal do final do século
XIX e início do século XX, na transição do sistema monárquico para o sistema
republicano;

• Desde quando verde combina com vermelho? A minha T-shirt da


República – este concurso pretende premiar ilustrações alusivas à bandeira
nacional e às cores da República Portuguesa. Os vencedores de cada categoria
verão os seus trabalhos impressos numa T-Shirt que fará parte do merchandising
oficial da Comissão Nacional para as Comemorações do Centenário da República
(a publicar brevemente);

• A República: o meu discurso em 2010 – o objectivo deste concurso é a


redacção de um discurso que reflicta uma proposta de renovação dos ideais e
valores republicanos para a sociedade portuguesa do futuro;

• Como se viveu em Portugal…Os panfletos da revolução: 5 de Outubro de


1910 – 25 de Abril de 1974 – este concurso, em parceria com a Associação 25
de Abril e com a Associação de Professores de História, pretende reviver o
ambiente contestatário de dois momentos fundamentais da história de Portugal
no século XX (a publicar brevemente).

6
Cursos
Na sequência de um protocolo de cooperação assinado, a 22 de Janeiro de 2009,
entre o Instituto Camões e a Comissão Nacional para as Comemorações do
Centenário da República estão a ser preparados cursos de divulgação à distância,
em diversas domínios do conhecimento:

I República e Republicanismo
1.ª Edição (Março de 2009)

I República e Republicanismo
2.ª Edição (Novembro de 2009). Curso creditado pelo CCPFC

I República e Republicanismo
3.ª Edição (Maio de 2009) a confirmar

Refundação pátria e Hora europeia.


Meio século de literatura portuguesa: 1880-1930
1.ª edição (Janeiro de 2009). Curso creditado pelo CCPFC
Candidaturas: Dezembro de 2009 a Janeiro de 2010

Colóquios
Os colóquios promovidos pela Comissão Nacional para as Comemorações do
Centenário da República pretendem focar um conjunto de programas temáticos com
vista à reflexão e ao debate sobre temas nucleares da projecção da República e do
republicanismo no século XXI.

• A questão da identidade, Coord. Eduardo Lourenço;


• O pensamento republicano para o século XXI, Coord. Gomes Canotilho e
Vital Moreira;
• República e Laicidade, Coord. Fernando Catroga;
• A República em 2010, Coord. José Manuel Félix Ribeiro;
• A integração europeia e a legitimidade democrática, Coord. Teresa de
Sousa;
• República e Academia, Coord. Alexandre Quintanilha;
• República e questões sociais, Coord. José Madureira Pinto;
• Ambiente e Desenvolvimento Sustentável. Desafios da República
Portuguesa no Século XXI, Coord. Viriato Soromenho Marques;
• Migrações, minorias e diversidade cultural, Coord. Isabel Mota;
• Republica e Ensino, Coord. Guilherme d’Oliveira Martins e Maria Cândida
Proença;
• Literatura portuguesa e a construção do passado e do futuro, Coord.
Teresa Cerdeira da Silva e Helena Carvalhão Buescu.

Alguns colóquios serão creditados pelo CCPFC