You are on page 1of 5

Agrupamento de Escolas Gonçalo Sampaio

Bibliotecas Escolares

RELATÓRIO – 1º PERÍODO – 2009/2010

ACTIVIDADES DESENVOLVIDAS

A Equipa

No presente ano lectivo o trabalho da Biblioteca Escolar sofreu algumas


alterações, uma vez que a equipa passou a ser constituída por quatro
elementos, deixando de existir os Coordenadores da BE para dar lugar aos
Professores Bibliotecários.
Assim as primeiras reuniões foram dedicadas ao conhecimento e
distribuição de trabalho pelos elementos da referida equipa.
Posteriormente os referidos elementos começaram por trabalhar na
elaboração dos documentos necessários ao funcionamento deste organismo –
regulamentos, plano de actividades e plano de acção.
Foram também combinadas as reuniões e a sua periodicidade.
Este trabalho foi bastante moroso, pois exigiu bastante rigor e reflexão
para que as metas traçadas possam ser alcançadas e se coadunem em
coordenação com parceiros como a Direcção do Agrupamento, a Câmara
Municipal e a RBE.
Por outro lado a equipa teve as primeiras reuniões com a Coordenadora
Concelhia, Dra. Regina Campos, onde se trocaram impressões sobre os
diversos documentos elaborados, avaliação das BE, Parcerias, SABE, etc.
Houve também reuniões com a Directora do Agrupamento onde se falou
dos horários, actividades a desenvolver, dinâmica a imprimir, verbas afectas à
BE para este ano lectivo, objectivos comuns, etc.
Findo este período, que se alongou praticamente até meados do mês de
Outubro, a equipa iniciou as suas funções no terreno e começou a pôr em
prática algumas das actividades agendadas no Plano de Actividades.
A equipa participou sempre em todas as reuniões para que foi solicitada
e deslocou-se ainda a um encontro de Professores Bibliotecários, no dia 2 de
Dezembro, em Vila Real, sobre a temática das relações entre a BE e o PTE.
Participou também numa pequena acção de formação, na Biblioteca Municipal,
sobre o programa Bibliobase, o qual será o substituto do Porbase, com o intuito
de unir igualmente todos os catálogos das BE do Concelho da Póvoa de
Lanhoso numa rede e base de dados comuns.
Temos a lamentar o facto de praticamente desde meados de Outubro
não termos programa informático para catalogarmos os livros, o que muito tem
atrasado o nosso trabalho. Com efeito, nas reuniões com a Coordenadora
Concelhia ficou decidido que todas as bibliotecas do concelho iriam trabalhar
com o mesmo programa. Ora como nós trabalhávamos com o Porbase a
Câmara ficou de instalar o Bibliobase e ainda não o fez. De referir que por
iniciativa própria vamos colocar a licença existente do Porbase num Centro
Educativo para proceder à catalogação dos livros pertencentes ao JI / 1º ciclo,
quando para tal existir um computador condigno.
Ao longo do 1º período, existiu um intercâmbio entre os Professores
Bibliotecários, os quais de uma forma quase auto didacta se esforçaram em
aprender como elaborar um blogue, a criar materiais para colocar nos blogues,
enfim, foram conseguidos bastantes sucessos informáticos.
Falando em blogue, queremos acrescentar que ao longo do período foi
sendo sempre actualizado e enriquecido com inúmeras propostas de trabalho e
que teve um número muito significativo de visitas, cerca de quatro mil visitantes
até ao Natal.
Na última semana de aulas a equipa deslocou-se à Biblioteca da escola
do 1º ciclo de Monsul, para reunião e observou o entusiasmo dos alunos dos
vários anos ao trocar os livros que tinham levado para casa e ao escolher
outros. Verifica-se já um certo entusiasmo e os mais velhinhos já têm uma ideia
do que pretendem.
A equipa aproveitou para reunir e falar sobre a elaboração do relatório
do final do período.
Para este relatório para além de uma visão geral como equipa decidimos
empreender também uma visão individual JI / 1º ciclo e EB 2,3, assim como
anexar as análises dos livros entregues no JI e 1ºciclo, análise das leituras nas
escolas do 1º ciclo, análise do trabalho do PNL nos JI e 1º ciclo e análise das
leituras na EB 2,3 e dos pontos de interesse da BE da EB 2,3. Este trabalho
surge como preparação e recolha de evidências para a realização da Auto-
avaliação das Bibliotecas Escolares que teremos de levar a cabo este ano
lectivo.
Ainda no âmbito da Auto-avaliação começamos a analisar os PCT de
todas as turmas de JI e 1º ciclo para melhor nos entrelaçarmos nas dinâmicas
das diferentes escolas e promovermos da melhor forma possível a BE e os
seus materiais e sem dúvida o Agrupamento de Escolas Gonçalo Sampaio.
Para concluir queremos salientar o esforço e empenho de toda a equipa
no seu trabalho de Professores Bibliotecários. É natural que haja algumas
falhas, mas estamos dispostos a melhorar cada vez mais o nosso trabalho.

JI / 1º Ciclo

A actividade de maior realce no mês de Outubro foi a comemoração do


Mês Internacional das Bibliotecas Escolares.
Ao longo do referido mês decorreram actividades de leitura e
dramatização de contos em todas as escolas do 1º ciclo e jardins-de-infância.
Ainda durante este mês foram distribuídos pelos jardins-de-infância e
escolas do 1ºciclo os livros para leitura domiciliária e os livros oferta aos
primeiros anos de escolaridade.
Durante este período, participamos em actividades de sala de jardim-de-
infância que se basearam essencialmente em contar e explorar histórias, com
base em várias técnicas, desde sombras chinesas, leitura de livros e imagens,
e todo o tipo de actividades de apoio à exploração de imagens.
No dia 23 tiveram lugar, no EB António Lopes, sessões de “Hora do
Conto”, dinamizadas pela escritora Maria do Céu Nogueira, seguidas por
sessões de autógrafos.
Foram elaborados os documentos necessários para a formação da BE
do Centro Educativo António Lopes. Desde o mobiliário, materiais livro e não
livro que foram escolhidos e comprados pelos Professores Bibliotecários. Tal
tarefa para além de muito tempo obrigou a deslocações constantes a Braga,
quer para reunir com a Coordenadora Concelhia, quer para pedir orçamentos a
várias livrarias e casas comerciais. Assim e depois de analisadas, adquirimos
os materiais não livro (tv, impressora, mp3, CD e DVD na Mediamarkt) e os
livros na livraria Culturminho. Este processo foi um pouco moroso pois alguns
títulos estavam esgotados e constantemente tínhamos que os substituir, mas
no final de Dezembro tínhamos todos os materiais necessários para iniciar a
tarefa de catalogação e arrumação no início do 2º período, em Janeiro.
Foram elaborados os respectivos calendários para os meses
pertencentes ao 1º período que estão em anexo, neles estão expostas as
restantes actividades e deslocações que existiram nas BE do JI / 1ºciclo.
A par das actividades acima mencionadas, muitas outras tarefas foram
realizadas ao longo deste primeiro período, nomeadamente na preparação e
divulgação de múltiplos materiais didácticos de ajuda na sala de aula, os quais
têm sido muito elogiados pelos colegas, como sendo úteis, adequados e
simplificadores do trabalho dos docentes.

EB 2,3

Na biblioteca da E.B. 2,3 decorreram exposições de trabalhos dos


alunos elaborados nas aulas e relacionados com a leitura e a biblioteca, escrita
diária de histórias e visitas guiadas à biblioteca dos alunos do 5º ano.
Os frequentadores da biblioteca responderam ainda a um pequeno
inquérito sobre a biblioteca onde se pretendia auscultar a sua opinião sobre
este espaço. Este inquérito foi analisado e elaborados gráficos que nos
permitem concluir que a preferência da maioria dos alunos vai para o
computador e do que gostam menos é de ler e estudar Também a maioria
desconhece todos os materiais existentes na Biblioteca.
Quanto ao mês de Novembro, a primeira quinzena, na EB2,3 foi
dedicada ao S. Martinho e às tradições a ele associadas. Esta actividade em
parceria com o grupo de Língua Portuguesa do 3º ciclo, resultou em pleno, com
trabalhos muito interessantes de pesquisa, poesia, tradições. Os referidos
trabalhos suscitaram o interesse e admiração de todos pela sua criatividade e
originalidade.
Na segunda quinzena, no dia 25, decorreu o “Tea Party”, uma parceria
com o grupo disciplinar de Inglês. Foi uma actividade interessante em que a
propósito de uma chávena de chá e um bolo, se incentiva os alunos a falarem
Inglês.
O mês de Dezembro foi consagrado ao Natal. Foram expostos trabalhos
dos alunos, de diferentes áreas, o grupo disciplinar de Língua Portuguesa do 2º
ciclo escreveu cartas inter-escolas e os alunos foram desafiados pela biblioteca
a escrever histórias e poesias de Natal.
Os frequentadores da Biblioteca foram mensalmente desafiados a aderir
a uma proposta de escrita versando sempre diferentes temáticas. Verificamos
que não é uma actividade de grande sucesso e que os alunos não gostam
muito de escrever, Mesmo no mês de Dezembro em que se pediam poesias,
histórias, tradições, …ligadas à quadra e se prometia um prémio para o melhor
trabalho. No entanto, mensalmente, fomos sempre seleccionando os melhores
trabalhos que fomos pondo no nosso blogue.
Foram elaborados gráficos mensais com a leitura domiciliária. Pela
análise destes, podemos constatar que o terceiro ciclo lê muito pouco e que os
alunos do quinto ano são os melhores leitores. Contudo, no mês de Dezembro
aumentou bastante o número de leitores do 6º ano e diminui o quinto. Nota-se
também uma ligeira melhoria em relação ao nono ano. De um modo geral há
um desinteresse pela leitura, mesmo nos frequentadores assíduos. Pensámos
que isso se deve ao facto de alunos terem outros interesses. O computador, os
jogos e a música são os seus interesses. (gráficos em anexo).
Houve alguns pedidos para ver filmes. Nota-se que os alunos muitas
vezes não estão a ver o filme, mas a brincar e a conversar. Também neste
campo tem havido um certo esforço para que os alunos aprendam a ver
correctamente um filme.
Tivemos cento e noventa requisições de computador no mês de
Outubro, duzentas e vinte e seis em Novembro e cento e treze em Dezembro.
Perfaz um total de seiscentos e vinte e nove utilizadores e uma média diária de
catorze. Lamentamos que os computadores sejam requisitados
maioritariamente para jogar e não para pesquisar ou fazer trabalhos. Também
nos temos dado conta que a procura dos computadores tem diminuído em
relação aos anos anteriores. Na verdade, muitos alunos trazem os seus
computadores pessoais para escola e jogam em grupo fora do espaço da
Biblioteca.
Quanto à frequência diária foi de trinta e oito alunos no mês de Outubro,
vinte e sete no mês de Novembro e trinta e quatro no mês de Dezembro, sendo
na maioria raparigas.
Ao longo do período fez todos os esforços para ajudar os nossos
frequentadores quando o solicitavam, quer fosse na orientação de pesquisas,
na elaboração de trabalhos, nos trabalhos de casa, no estudo e até na
preparação de testes.
Temos também a frequência constante de um grupo de alunos de NEE
que são orientados pelos colegas mais velhos. São alunos difíceis,
inconstantes, sem grande vontade de trabalhar e que requerem uma atenção
constante, pois têm pouco respeito aos mais velhos. Assim temos desenvolvido
um trabalho junto dos referidos alunos no sentido de não perturbarem muito o
ambiente da Biblioteca, acalmando-os quando é necessário, falando com eles
e incentivando-os.
Prestamos toda a colaboração aos professores que nos procuram e
sempre que possível satisfazemos os seus pedidos de livros ou outros
materiais. Procuramos que a Biblioteca fosse um espaço aberto à escola, a
todas as pessoas e grupos disciplinares. Daí as variadas exposições de
trabalhos dos vários grupos disciplinares e a apresentação dum trabalho de
Educação Física no âmbito da dança (no mês de Dezembro).
De acordo com os Projectos Curriculares de Turma o Plano Nacional de
Leitura está a ser cumprido com a leitura das obras recomendadas para este
período e para as diferentes faixas etárias. A par da leitura são elaborados
trabalhos muito interessantes e criativos.

Assistiu-se a um notável dinamismo desta equipa para conjugar esforços


de forma a conseguir ultrapassar as dificuldades e promover o sucesso das BE.

Os Professores Bibliotecários:

________________________________________________

________________________________________________

________________________________________________

________________________________________________