You are on page 1of 3

Universidade Federal do Ceará

Instituto UFC Virtual
Licenciatura em Química e Matemática
Disciplina: Física Introdutória I
Prof. Herbert Lima, herbert@virtual.ufc.br

Prof. Tutor: Ronaldo Glauber Maia de Oliveira (ronaldomaia@fisica.ufc.br)
LISTA 02: MOVIMENTO RETILÍNEO UNIFORME

01) Ao dar um espirro forte, seus olhos podem fechar por 0,5 s. Se você estiver dirigindo
um carro a 90 km/h, que distância percorrerá durante este tempo?
Solução
v =90 km/h/3,6 → v = 25 m/s. Como Vm=Δs/Δt → 25=Δs/0,5 → Δs = 12,5 m

02) Um professor, ao aplicar uma prova a seus 40 alunos, passou uma lista de presença. A
distância média entre cada dois alunos é de 1,2 m e a lista gastou cerca de 13 minutos
para que todos assinassem. Qual a velocidade média dessa lista de presença?
Solução
A lista percorreu 39x1,2 m = 39x120 cm. Sendo Δt = 13 min = 13x60 s, teremos:
Vm= Δs/Δt= 39x120cm/13x60 s = 3x2 cm/s, logo Vm= 6 cm/s

03) A Pangea era um supercontinente que reunia todos os continentes atuais e que, devido a
processos geológicos, foi se fragmentando. Supõe-se que há 120 milhões de anos a
África e a América do Sul, que faziam parte da Pangea, começaram a se separar e que
os locais onde hoje estão as cidades de Buenos Aires e Cidade do Cabo coincidissem. A
distância atual entre as duas cidades é de aproximadamente 6.000 km. Calcule a
velocidade escalar média de afastamento entre a África e a América do Sul, em
centímetros por ano.
Solução
Vm=Δs/Δt = 6000 km/120.000.000 anos = 600.000.000 cm/120.000.000 anos, logo, o afastamento entre os
continentes citados é de 5 cm/ano

04)Um automóvel realizou uma viagem de 300 km, gastando 24 litros de gasolina. A
velocidade escalar média desenvolvida pelo automóvel foi de 75 km/h. Qual foi, em
mililitros, o consumo de gasolina por minuto?
Solução
Vm=Δs/Δt, logo 75 km/h = 300 km/Δt → Δt = 4 h. Se em 4 h ele gastou 24 litros de gasolina é porque em 1 h
ele gastou 6 litros. O consumo(C), então, foi de 6 l/h, mas 1 h = 60 min, então C = 6 l/60 min = 6000 ml/60 min
= 100 ml/min

05) Uma moto precisa realizar uma competição desenvolvendo uma velocidade escalar
média de 100 km/h. Na primeira metade a moto desenvolveu uma velocidade escalar
média de 75 km/h. Qual deve ser a velocidade escalar média da moto, na segunda
metade de seu trajeto, para conseguir seu intento?
Solução

Adote a origem dos espaços como sendo a posição da partícula no instante 2. dirigindo-se à cidade de Campinas. Solução vA = ΔsA/ΔtA → 72=90/ΔtA → ΔtA = 5/4 h = 75 min. Solução Vamos resolver este exercício por velocidade relativa (vrel).t 09) Dois navios. s=20 m.6 → s0 = . respectivamente. concluímos que para t=2s. Δs1 = Δs2 = x. quanto tempo. A e B. 06) A cabeça de uma cascavel pode acelerar 50 m/s2 ao atacar uma vítima. Δs1 para a primeira metade e Δs2 para a segunda metade. Parado. então. Vemos. A comunicação entre os dois navios é possível pelo rádio. como os navios movem-se no mesmo sentido. Determine: a) o espaço inicial da partícula. Logo.Vamos dividir o percurso total(Δs) em duas partes. com velocidades escalares de 72 km/h e 54 km/h. Teremos ainda que para t=6.10 m. . b) s=s0+v. A levou 95 min.4→v=5m/s. b) a função horária do movimento da partícula. Considere o movimento progressivo. logo teremos: 50 m/s = 100 km/h/Δt → 50 m/s . obtém-se a velocidade relativa subtraindo-se as velocidades dos dois móveis.10 + 5. aproximadamente. N1 e N2 partem de um mesmo ponto e se deslocam sobre uma mesma reta com velocidades de 35 km/h e 25 km/h. admitindo que: a) os dois navios partem ao mesmo tempo e movem-se no mesmo sentido.0 s. O carro A para na estrada por 20 minutos e a seguir prossegue viagem com a mesma velocidade. b) os dois navios partem ao mesmo tempo e movem-se em sentidos opostos.0 s. Solução Como a origem dos espaços é a posição da partícula no instante 2.55 s 07) Dois carros. teremos: 20=0+v. Para chegar a seu destino. que o carro A chega 5 minutos antes do carro B.0 s. a) No instante inicial(t=0) a partícula estará na posição inicial(s 0). Mas. Pegando agora o intervalo de tempo de 0 a 6. Determine o tempo durante o qual os dois navios podem se comunicar. Se um carro pudesse fazer o mesmo.6 → Δt ≈ 0. logo: vrel = 35 – 25 = 10 km/h.0 s. Qual dos carros chega antes em Campinas? A distância entre as duas cidades é de 90 km.t → s = . teremos: 20= s0 + 5. Aplicando a equação do MRU (s=s0+v. partem da cidade de São Paulo. 08) Uma partícula em movimento uniforme percorre 20 m entre os instantes 2. enquanto a distância entre eles não ultrapassar 600 km.0 s e 6.0 s. Para a primeira metade teremos v1= Δs1/ Δt1 → 75km/h=x/ Δt1 → Δt1 = x/75 Para a segunda metade teremos v2= Δs2/ Δt2 → v2=x/ Δt2 → Δt2 = x/v2 Para o percurso total teremos v= Δs/ Δt → 100 km/h= 2x/ (Δt1 + Δt2) Substituindo os valores já obtidos de Δt1 e Δt2 obteremos que v2= 150 km/h. como são duas metades. pois o movimento é progressivo. A velocidade inicial é nula. a) neste caso. Entretanto.0 a 6. Δt = 100 m/s/ 3. ele levaria para atingir a velocidade de 100 km/h partindo do repouso? Solução 2 2 a = Δv/Δt.0 s. VB = ΔsB/ΔtB → 54=90/ΔtB → ΔtB = 5/3 h = 100 min. s=0 m.t) de 2. ele passou 20 min.

pois estamos tomando como ponto de referência do trem.t=100+v. a posição inicial do automóvel é 0 m e a do trem é 100 m.logo: 2v. que é um corpo extenso.t No instante em que a parte dianteira do trem e o automóvel se alinharem. Então. Neste momento. Bom Estudo!!! .t. teremos SA= 2v. pois. Despreza-se o comprimento do automóvel e o trem tem comprimento de 100 m.t. SA = ST . de onde se tira que t=100/v.v=Δs/Δt → 10 = 600/Δt → Δt = 60 h.t = 2v. as equações horárias do automóvel(A) e do trem(T). Determine a distância percorrida pelo automóvel desde o instante em que ele alcança o trem até o instante em que ele o ultrapassa. Substituindo este resultado na equação de A.t = 2v.100/v = 200 m. A velocidade do trem(vT) é v e a do automóvel(VA) é 2v. v=Δs/Δt → 60 = 600/Δt → Δt = 10 h. logo: vrel = 35 + 25 = 60 km/h. logo: SA= 0+2v. como os navios movem-se em sentidos opostos. eles estarão na mesma posição e a ultrapassagem se concretizou. Os seus movimentos são uniformes e a velocidade do automóvel é o dobro da velocidade do trem.Tomemos o instante inicial(S0) como sendo aquele em que o automóvel alinha-se com a parte traseira do trem. Determinemos.t e ST= 100 + v. obtém-se a velocidade relativa somando-se as velocidades dos dois móveis. b) neste caso. 10) Um trem e um automóvel percorrem lado a lado trajetórias retas e paralelas no mesmo sentido. um ponto em sua parte dianteira. Solução A equação horária do MRU é dada por s=so+v.