You are on page 1of 31

METALWORKING

USINAGEM

•Fluidos de usinagem;
•Usinagem a seco;
•MQF – Mínima Quantidade de
Fluido.

Fluido de Usinagem

Conceito
Fluidos de corte são
aqueles líquidos e
gases aplicados na
ferramenta e no
material que está
sendo usinado, a fim
de facilitar a operação
de corte

.Fluido de usinagem como Refrigerante Efeitos da temperatura no processo de usinagem.

ele deve possuir: • Baixa Viscosidade • “Molhabilidade” • Alto calor específico e baixa condutividade térmica .Fluido de usinagem como Refrigerante Para que o fluido de usinagem reduza o calor de forma eficiente.

Fluido de usinagem como Refrigerante Como refrigerante ele atua: • Sobre a ferramenta e evita que ela atinja temperaturas muito altas e perca suas características de corte. • Sobre o cavaco . evitando deformações causadas pelo calor. • Sobre a peça. reduzindo a força necessária para que seja cortado. .

Fluido de usinagem como Lubrificante • Fluido de usinagem como Lubrificante: • Atua reduzindo o atrito melhorando o rendimento da máquina pois facilita o deslizamento dos cavacos sobre a ferramenta • Redução de esforços .

Fluido de usinagem como Lubrificante Características de um bom lubrificante: • Resistir a altas pressões e temperaturas • Possuir boas propriedades antifricção e antisoldantes • Possuir viscosidade adequada -baixa o suficiente.para que o fluido chegue a zona a ser lubrificada e alta o bastante para permitir boa aderência .

a ferramenta e o cavaco. contribuindo para o bom acabamento e aspecto final do trabalho. .Fluido de usinagem como protetor contra oxidação • Protege a peça.

Fluido de usinagem como ação de limpeza • A ação de limpeza ocorre como conseqüência da aplicação do fluido de corte em forma de jato. cuja pressão afasta as aparas deixando limpa a zona de corte e facilitando o controle visual da qualidade do trabalho .

diésteres). isentos de água: Podem ser: • mineral(óleos de petróleo de base parafínica ou naftênica). • sintética(ésteres. • vegetal(canola)ou ainda • mistos misturados para dar maior compatibilidade aos aditivos .Classificação dos fluidos de usinagem I) Fluidos integrais.

Classificação dos fluidos de usinagem I) Fluidos integrais. isentos de água: Vantagens: • Não são corrosivos • Longa duração se mantido limpos .

A quantidade de óleo varia com o tipo de fluido necessário .Classificação dos fluidos de usinagem II) Fluidos à base de água: emulsões e soluções: a)Emulsões de óleo em água: • Basicamente compostos de água e óleo.

Classificação dos fluidos de usinagem II) Fluidos à base de água: emulsões e soluções: a)Emulsões de óleo em água: Características: • Alto poder refrigerante • Alto poder umectante comparando com a água • Menor ação corrosiva • Melhor ação lubrificante • Fluidos utilizados em operações de alta velocidade .

• não absorver os óleos contaminantes que vazam das máquinas (são insolúveis) • possuir excepcional resistência biológica .Classificação dos fluidos de usinagem II) Fluidos à base de água: emulsões e soluções: b)Soluções químicas verdadeiras-Soluções Características.

Aditivos dos fluidos de usinagem e suas funções FUNÇÃO DOS ADITIVOS: • Antioxidantes :proteger os fluidos de usinagem frente à ação agressiva da atmosfera • Emulsionantes: estabilizar a emulsão • Inibidores da corrosão: proteger a peça e a ferramenta • Biocidas: impedir o desenvolvimento de microorganismos no fluido .

Aditivos dos fluidos de usinagem e suas funções FUNÇÃO DOS ADITIVOS: • Aditivos de extrema pressão: Formar uma capa intermediária entre duas superfícies metálicas. melhorando a lubrificação e evitando o desgaste • Umectantes ou estabilizantes: Estabilizar o concentrado .

Aditivos dos fluidos de usinagem e suas funções FUNÇÃO DOS ADITIVOS: • Antiespumantes: Evitar a formação de espuma • Complexantes: Eliminar e prevenir a formação de incrustações .

sofrem reações de oxidação e polimerização. formando uma mistura complexa de compostos orgânicos e outros elementos contaminantes resultantes do desgaste dos metais.Fluidos Integrais Esgotados Ao serem submetidos a altas temperaturas nas operações de usinagem. .

compostos de zinco. cloro e fósforo.Fluidos Integrais Esgotados Contaminantes comuns: • água • restos de aditivos como fenóis. ácidos orgânicos ou inorgânicos • bem como qualquer outro composto que por qualquer motivo fique misturado com estes óleos .

• Presença de sólidos aumenta ainda mais a proliferação destes microorganismos • Podem ser combatidos com bactericidas e fungicidas .Emulsões e soluções esgotadas • Perda da qualidade é agravada pela presença de microorganismos no fluido que causam uma mudança na sua estrutura química.

ferramentas e máquinas quanto reduzir a vida do fluido de corte. manchas nas peças e máquinas. .Principais problemas do uso de fluido de usinagem • Corrosão de peças e/ou da máquina: A presença de água nas soluções e emulsões pode acelerar um processo de corrosão • Infectação por bactérias: Causa odores ofensivos. problemas com filtros e clarificadores e redução da vida do fluido de corte • Sujeiras e impurezas: Impurezas podem tanto prejudicar as peças.

Principais problemas do uso de fluido de usinagem .

Principais problemas do uso de fluido de usinagem • Risco de incêndio: Fluidos integrais podem entrar em combustão • Ataque à saúde: Névoas de óleo podem irritar a pele e as vias respiratórias • Poluição do Meio-Ambiente: Um litro de óleo pode tornar impróprio para o uso um milhão de litros de água potável .

Tipos Alguns tipos de fluidos são: • • • • • FLUIDO QUIMATIC Nº 1 .ECOLÓGICO FLUIDO QUIMATIC Nº 2 FLUIDO QUIMATIC Nº 3 – ECOLÓGICO FLUIDO QUIMATIC Nº 11 AQUATIC .

Usinagem a seco • Melhor alternativa para resolver os problemas causados pelos fluidos de corte. porém exige uma adaptação compatível de todos os fatores influentes neste processo .

.Usinagem a seco Método de usinagem a seco: • Pistola Automática de Ar produz um jato constante de ar para a ferramenta de corte que afasta os cavacos durante a usinagem a seco.

Usinagem a seco Desvantagens: • Redução da vida útil da ferramenta • Redução de parâmetros de corte • A maior conseqüência dessas desvantagens é uma menor produtividade .

MQF • A MQF ( Mínima Quantidade de Fluido) seria uma solução intermediária e a curto prazo. entre a usinagem a seco e a usinagem com fluido cortante .

MQF • Minimização da quantidade de fluido • Fluido aplicado em gotas ou pulverizado com o ar • Direcionado contra áreas de atrito .

MQF • Desvantagens da MQF : • custos adicionais para pressurizar o ar e suportes tecnológicos. • Fumaça de óleo gerados ( apesar de ser menor do que no fluido cortante). .