You are on page 1of 2

IMPRESSÃO 3D

Gustavo Teixeira dos Santos <g-tds@hotmail.com>
Jaimerson Camargo Charqueiro <jaimerson_guga@ibest.com.br>
Universidade Luterana do Brasil (Ulbra) – Curso de Ciência da Computação – Câmpus Gravataí
Av. Itacolomi, 3.600 – Bairro São Vicente – CEP 94170-240 – Gravataí - RS
20 de novembro de 2012

RESUMO
Este artigo descreve a tecnologia da impressão 3D, seus recursos e suas áreas de atuação para o trabalho da disciplina de
Fundamentos Profissionais do curso de Ciência da Computação da Universidade Luterana do Brasil (ULBRA).
Palavras-chave: Impressão 3D; Impressoras 3D domésticas; Modelagem de objetos.

ABSTRACT
Title: “3D print”
This article describes the technology of 3D print, its resources and its actuation area for the work of discipline of
Professional Foundations of the Computer Science course of the Brazilian Lutheran University (Ulbra).
Key-words: 3D print; 3D printers domestic; Object modeling.

1 INTRODUÇÃO
Antigamente os computadores eram limitados com pouca memória e poder de processamento. As
impressoras da época, chamadas daisy wheel, ilustrava perfeitamente as limitações, usando uma roda de
caracteres moldados para imprimirem os caracteres com uma fonte fixa, como se fosse uma máquina de
escrever automática.
As impressoras antigas logo deram lugar para as impressoras matriciais, que podem imprimir em um
papel qualquer elemento que possa ser visualizado na tela do monitor. Isso deu muito mais possibilidades,
pois agora era possível imprimir gráficos, imagens e textos de forma muito mais organizada.
Hoje em dia, é comum termos a presença do 3D em quase tudo que lidamos na informática, seja em
jogos, filmes e projetos que lidam com o 3D. Com as impressoras não foi diferente e já temos tecnologia
para impressão de objetos tridimensionais usando plástico, resina e até metal derretido por meio desses
equipamentos específicos.

2 DAS FÁBRICAS PARA AS CASAS
Embora isso soe como algo novo para nós, a impressão 3D teve sua origem muito antes do que
imaginamos. Esta tecnologia já era usada no meio industrial há quase 30 anos para produção de protótipos e
realizar produção em pequena escala.
O que acontece é que esses produtos eram muito caros, custando em geral a partir de US$ 30.000,
sem falar dos custos de manutenção. A tecnologia vem avançando e já é possível produzir impressoras mais
baratas, destinado ao mercado doméstico, da mesma forma que também é possível criar novos recursos para
as impressoras industriais.

3 FUNCIONAMENTO
Essas impressoras funcionam de maneira parecida com as antigas jatos de tinta: ela também tem
uma cabeça de impressão móvel que espirra pequenas doses do material sobre a superfície de impressão. O
que muda é que a cabeça de impressão se move para três eixos (X, Y e Z) e ela deposita o material em
camadas muito finas, permitindo criar objetos em 3D de baixo para cima depositando sucessivas doses de
plástico, resina ou outro material em uso até formar o objeto completo.
A qualidade e a resistência do objeto criado depende unicamente do material usado para impressão.

que custa US$ 1099 em forma de kit. como brinquedos e alguns acessórios úteis. No site Thingiverse. Para os consumidores. como um instrumento musical ou uma peça de máquina. é possível encomendar a impressão de objetos 3D ou encomendar objetos da galeria do site e receber em casa. Para imprimir. que desenvolveram sua própria versão da RepRap. O objeto está disponível livremente podendo ser modificado ou aperfeiçoado.com é possível encontrar objetos prontos para imprimir caso possua uma impressora 3D que são criados pelos próprios usuários. enquanto um boneco de 8x8x7. assim facilitando a manutenção e a montagem de novas máquinas. O interessante é que a máquina é capaz de imprimir sua próprias peças de plástico. No mercado livre é possível encontrar os kits ou as peças separadamente para comprar. O preço é calculado dependendo do tamanho e do material da peça. 5 CONCLUSÃO A impressão 3D marca o começa de uma nova era na indústria e na vida dos consumidores. Um projeto interessante é o RepRap. o site pede um arquivo .wrl.As impressoras podem ser usadas para criar de objetos simples. não é difícil imaginar que em um futuro poderemos comprar um tênis online e imprimir em casa. A tecnologia de impressão 3D tende a evoluir cada vez mais e em um futuro próximo poderemos criar objetos mais complexos como um tênis.9cm sai por R$ 442.53. de acordo com o modelo desejado.stf ou . A versão montada e pronta para uso sai por R$ 3. . Três brasileiros criaram a empresa Metamáquina. A procura é tão grande que os produtos já estão esgotados. um dente e quem sabe até um orgão humano. estão sendo criados novos recursos para a impressão 3D. 4 PROJETOS Uma das impressoras mais baratas é a The Replicator. uma impressora 3D open-source. Enquanto as impressoras básicas estão ficando com preços mais acessíveis para o público doméstico.700 e o Kit completo para montar sai por R$ 2.900. A impressão 3D não ajuda só para prototipagem de objetos como também pode servir para produção do produto final em grande escala. Pode ser montado a partir de US$ 400 em peças. como modelagem com metais e utilização de várias cores ao mesmo tempo numa impressão com plástico. Isso abre um leque de possibilidades e até a ideia de que logo teremos uma pirataria envolvendo objetos 3D. No site da empresa eles dão dicas de uso e algumas curiosidades sobre a impressão 3D. caso venha a se tornar comum. até objetos complexos. Ela pode produzir objetos do tamanho de um pão de forma usando uma ou duas cores.89. Um anel custa R$ 2. No site brasileiro Imprima 3D.