You are on page 1of 3

SIMULADO DE PORTUGUÊS E RACIOCÍNIO LÓGICO-MATEMÁTICO

Modelo CESPE/UnB
Um ajuste fiscal para pagar quem?
“Nosso compromisso é de continuar a garantir a disciplina
fiscal, até pela necessidade de estarmos atentos à dinâmica
da dívida pública.” Foi assim que, no mês de julho, o
ministro da Fazenda, Joaquim Levy, anunciou mais um corte
de 8,6 bilhões de reais no Orçamento do País como parte
do ajuste fiscal.

O segmento “O governo se nega a divulgar os dados em
tempos de Lei de Acesso à Informação” responde, em
parte, à pergunta do título do texto.

1

A omissão de certas informações à sociedade sobre a
dívida pública é uma estratégia explícita do governo
brasileiro.
2

O governo federal deve bilhões de reais por causa da
relação que mantém com instituições financeiras.
3

A redução de gastos em áreas como educação, saúde e
cidades tem como objetivo principal pagar os juros da dívida
pública, é o chamado superavit primário. Mas para onde vai
esse dinheiro? Quem recebe esses juros? O governo se
nega a divulgar os dados em tempos de Lei de Acesso à
Informação.

4 Ao dizer que “Até os Estados Unidos divulgam”, inferese que o Brasil também deveria divulgar as informações
exatas sobre a dívida pública.

Não se pode afirmar que o tom usado no texto vem
imbuído de certo descontentamento ou frustração por
parte do autor.
______________________________________________
5

A dívida pública é um instrumento comum usado por
governos para custear investimentos ou complementar
recursos em benefício da população. No caso do governo
federal, funciona assim: o Tesouro Nacional lança os títulos
da dívida pública e o Banco Central os vende em leilão, do
qual só podem participar 12 instituições credenciadas.
Essas instituições são basicamente grandes bancos
mundiais, corretoras e distribuidoras independentes, como o
Citibank, o Banco Safra, o Santander, o Itaú e o HSBC,
entre outros. E essas empresas, por sua vez, podem
negociar os títulos da dívida pública com terceiros ou
usufruir dos juros pagos pelo governo.
Por conta disso, a dívida pública está atualmente no
patamar de 2,58 trilhões de reais, segundo informações
divulgadas pela Secretaria do Tesouro Nacional. Com isso,
somente em junho, as despesas com juros totalizaram 23
bilhões de reais ao governo federal.
As informações sobre o destino desses títulos que geram
tantos juros para o Orçamento param por aí. A única coisa
que se sabe sobre o destino de todo o dinheiro é divulgado
mensalmente pelo Ministério da Fazenda em um relatório
com categorias genéricas que representam o setor de
atuação dos detentores dessa dívida.

Em relação às estruturas linguísticas do texto, julgue os
itens abaixo.
Sem incorrer em desvio gramatical no que tange à
regência verbal, a preposição pode ser suprimida em
“Nosso compromisso é de continuar a garantir a disciplina
fiscal...” (1º §).
6

Em “Foi assim que, no mês de julho, o ministro da
Fazenda, Joaquim Levy, anunciou...” (1º §), as vírgulas se
justificam por marcarem expressões intercaladas de
mesma função sintática.
7

No segmento “A redução de gastos em áreas como
educação, saúde e cidades tem como objetivo principal...”
(2º §), não haveria prejuízo gramatical se o verbo ficasse
no plural, concordando com o termo mais próximo.
8

O vocábulo “se” apresenta a mesma classificação em “O
governo se nega a divulgar...” (2º §) e “A única coisa que
se sabe sobre o destino...” (6º §).
9

O pronome oblíquo os poderia ser deslocado para
depois da forma verbal vende em “o Tesouro Nacional
lança os títulos da dívida pública e o Banco Central os
vende em leilão...” (3º §) sem que com isso houvesse
incorreção gramatical.
10

(...)
“Até os Estados Unidos divulgam. Tanto que sabemos que o
Brasil é um dos grandes detentores da dívida americana”,
afirma Maria Lucia Fattorelli, que auditou as dívidas de
Grécia e Equador, a convite dos seus respectivos governos.
“Não se trata de uma simples operação bancária, mas de
uma operação de financiamento do Estado”, complementa.
(http://www.cartacapital.com.br/economia/um-ajuste-fiscalpara-pagar-quem-6102.html)
Com base nas ideias contidas no texto, julgue os itens a
seguir.

Sem implicar mudança de sentido ou falta de coesão, o
elemento coesivo “Por conta disso” em “Por conta disso, a
dívida pública está atualmente...” (5º §), que atua como
elemento sequenciador ao estabelecer uma relação de
causa e consequência com uma parte do conteúdo do
parágrafo anterior, pode ser corretamente substituído por
“devido a isso” sem que outras adaptações tenham de ser
feitas na frase.
11

No 5º§, o segmento “segundo informações divulgadas
pela Secretaria do Tesouro Nacional” é uma oração de
valor semântico conformativo, que poderia ser
12

fez a seguinte declaração: NÃO BASTA AO DEPARTAMENTO SER HONESTO. 10 Texto Sete funcionários do INSS (Alan. em rede nacional. ______________________________________________ 5 Texto Texto Visando conhecer o impacto do transporte no salário dos seus servidores. A negação da proposição P está corretamente expressa por “BASTA AO DEPARTAMENTO SER HONESTO. A negação da proposição P está corretamente expressa por “BASTA AO DEPARTAMENTO SER HONESTO OU ELE NÃO PRECISA PARECER HONESTO PARA A SOCIEDADE”. A declaração “Baseado nos fatos expostos.Se Pedro não ajudou o idoso. 4 A probabilidade de Carlos e Bia ficarem no mesmo grupo é superior a 60%.14% utilizam os ônibus azul e vermelho . . então a proposição P será verdadeira. julgue os itens 4 e 5. então a proposição P será verdadeira.corretamente reescrita assim: “conforme informações que a Secretaria do Tesouro Nacional divulgou”. o título do texto prescinde de correção gramatical.42% utilizam o ônibus vermelho . Bia. então ele não ajudou o idoso. 6 Se a proposição “BASTA AO DEPARTAMENTO SER HONESTO” for falsa e a proposição “ELE PRECISA PARECER HONESTO PARA A SOCIEDADE” for verdadeira.cada grupo possui no máximo 3 pessoas .Bia e Carlos não podem ficar no mesmo grupo que Gumercindo . uma vez que se apresenta sem desvio de ordem alguma.Eva deve estar no mesmo grupo que Alan .46% utilizam o ônibus azul . podemos determinar exatamente em qual grupo ficará Carlos” é falsa. o Itaú e o HSBC. O resultado foi o seguinte: . Eva.10% utilizam o ônibus vermelho e o metrô . para chegar até o local de trabalho . entre outros” tem o papel de explicar apenas o seguinte segmento anterior: “grandes bancos mundiais. 9 A sequência de proposições a seguir constitui uma dedução correta.Pedro não usou um artifício errado. acerca da lógica sentencial. .Se Pedro usou um artifício errado. Considerando que P seja a proposição “NÃO BASTA AO DEPARTAMENTO SER HONESTO. Carlos. a oração “que geram tantos juros” (6º §) tem sentido restritivo. ELE PRECISA PARECER HONESTO PARA A SOCIEDADE.9% utilizam o ônibus azul e o metrô . pode-se afirmar que o número de servidores do Departamento da unidade X é 1200. ELE NÃO PRECISA PARECER HONESTO PARA A SOCIEDADE”. ELABORADORES DO SIMULADO . julgue os itens seguintes: 1O percentual de servidores do Departamento da unidade X que utilizam pelo menos um dos três meios de transporte citados no texto é igual a 92%.Nem Eva nem Flávia podem fazer parte do grupo de Dudu 14 O segmento “como o Citibank. Esta divisão foi feita de modo que: .Pedro não fracassou na missão. Flávia e Gumercindo) foram divididos em 3 grupos para realizar uma missão.Gumercindo e Alan devem estar em grupos distintos . o Banco Safra. julgue os itens de 6 a 9. a probabilidade de ele utilizar também metrô é superior a 23%. o ministro da Justiça. . ELE PRECISA PARECER HONESTO PARA A SOCIEDADE”.35% utilizam o metrô . o Santander. 7 Baseado no texto acima. ________________________________________________ 3 8 Se a proposição “O DEPARTAMENTO É HONESTO” for falsa e a proposição “ELE PARECE HONESTO” for verdadeira. a direção de uma certa unidade X do Departamento encomendou uma pesquisa sobre o meio de transporte utilizado por cada um deles.2% utilizam os três meios de transporte Diante da pressão da sociedade. Dudu. . Segundo a norma-padrão da língua portuguesa.Bia e Flávia devem estar no mesmo grupo . ________________________________________________ 15 Baseado nos fatos expostos. 2 Se 100 empregados não utilizam nenhum desses meios de transporte. 13 Levando em conta o contexto. Sabendo-se que um certo servidor utiliza ônibus como meio de transporte. então ele fracassou na missão. corretoras e distribuidoras independentes” (4º §).

Atualmente.UFRJ.profcarloshenrique.br . Conheça mais: I.gl/3y5NpR V.gl/zQ6qiA II.Canal no youtube: http://goo. RLM e Estatística para área fiscal no site www.com.Videoaulas de RLM e Matemática para área de tribunais no site www.Cursos de português em videoaulas (EuVouPassar): http://goo. .Livro "A Gramática para Concursos Públicos" (com desconto): http://goo. .Página no Facebook: http://goo.gl/G6xY8x VI.br .gl/GRuqOx IV. além de ministrar aulas de gramática da língua portuguesa nos cursos EuVouPassar e Estratégia Concursos.Aplicativo de regência verbal (só na Play Store): http://goo.gl/zwDD9g VII. .com.gl/4yGN8m VIII.silviosande.FERNANDO PESTANA . em todos os segmentos voltados para concursos.facebook.Professor atuante.Fan page: Raciocínio Lógico (https://www. viaja pelo Brasil dando aulas presenciais.Cursos de português em PDF (Estratégia Concursos): http://goo.Grupo: SOS RLM GABARITO DE PORTUGUÊS 123456789101112131415- E E C C E C E E E C E E E C C GABARITO DE RACIOCÍNIO LÓGICO-MATEMÁTICO 12345678910- C E E E E E C E C C .Formado pela Universidade Federal do Rio de Janeiro .com/pages/Racioc%C3%ADnio-l%C3%B3gico/323775384384555) .Videoaulas de Matemática Financeira.gl/gdmpRj III.gl/1NWezy CARLOS HENRIQUE .Autor dos livros “A Gramática para Concursos Públicos” e “As Dúvidas de Português mais Comuns em Concursos” e do aplicativo para celular “Regência Verbal para Concursos”. há 14 anos.Livro "As Dúvidas de Português mais Comuns em Concursos" (com desconto): http://goo.Grupo de estudos no Facebook: http://goo.