You are on page 1of 8

Introdução

Quando pensamos em construir um edifício, logo planejamos desde seu
alicerce até os detalhes mais específicos que embelezarão e farão dessa
construção um objeto e admiração e utilidade para outras pessoas. Construir
um profissional se baseia na seguinte premissa, onde ensinar alguém a formarse apto a desempenhar uma dada tarefa em âmbito social, requer um cuidado
profundo que vai desde os conhecimentos mais básicos aos detalhes mais
elevados, para garantir assim um profissional responsável e qualificado perante
a tarefa que optou por realizar.
Construir um psicólogo não é uma tarefa simples, exige um curso de
longo preparo que não se encerra em seus cinco anos de graduação, é uma
formação a longo prazo, para toda a vida. Mas em âmbito acadêmico, a
formação do psicólogo esta voltada com profunda atenção a ensinar cada
universitário a sair de si pelo menos um pouco e se permitir viajar pelas
insondáveis maravilhas da maquina psíquica do ser humano.
A psicologia é uma ciência maravilhosa, apta a se adaptar em vários
seguimentos sociais e tal como a filosofia se questionar um pouco a respeito de
cada evento que compõem a realidade do ser humano, seja no campo
psíquico, biológico e social. Logo, compor um psicólogo esta mais para a difícil
tarefa de executar uma longa e laboriosa obra, com diversas etapas e inúmeros
detalhes, mas que ao ver-se finalizada revela um excelente profissional amigo
da humanidade.

nem sempre isso é fácil. Adaptação requer humildade e disposição. sociológicas e lingüísticas para nos preparar para a longa jornada intelectual que se inicia. mas cada nova oportunidade de aprender sempre me trás uma nova compreensão. conhecendo bem a filosofia e suas teorias. atenção . enfrentei com animo e disposição todo esse primeiro momento.Primeiro Semestre Apesar de não ser minha primeira faculdade. Todo inicio de curso esta repleto de teorias iniciais que convidam o aluno a um abrir-se mentalmente para o grande contingente de informações que por sua vez requerem toda uma gama funcional de compreensões filosóficas. Comecei a ver que para entender o campo psicológico. mas em nível de compreensão muito medíocre. adquirir conhecimento é pressuposto deixar algo vazio em nós para ser preenchido. Não considero que o primeiro semestre tenha sido de forma alguma exigente o suficiente para me deixar inquieto. Adaptar-se a esse novo contexto exige em alguns momentos deixar de lado experiências passadas para se permitir permear pelas novas possibilidades. Mas se deparar com campos de conhecimento novos implicaram na desafiadora tarefa de absorve-las todas e fazer delas parte de meu conhecimento. cada inicio é um novo começo e desse vez também não foi diferente. da qual muito me identifico. Cheguei com uma bagagem bem formada. que pouco mostrou sobre os fundamentos mais intrínsecos das ciências psicológicas. com medo e inseguro. também era necessário uma reflexão sócio política do mundo em que vivemos e de todas as influencias históricas que legaram até os dias de hoje comportamentos e estruturas que de alguma forma influenciam a psique humana. alicerçando a filosofia nesse momento nos horizontes amplos da psicologia. Conhecia pouco sobre a psicologia até esse momento. ou o suficiente para saber que existia um campo da psicanálise que estudava o inconsciente e uma psicologia analítica proposta por Jung. algumas vezes nos perguntamos o motivo de estudar tal assunto novamente ou porque a idéia de tal professor é tão diferente daquilo que já havia ouvido acerca de tal assunto.

não somos capazes de dar passos maduros para os anos que seguem. desenvolvendo pesquisas e criando hábitos de compreensão textual. desde esse primeiro momento. redobrada para me manter apto a estudar com mais dedicação àquelas teorias que nunca havia visto. Inicialmente certas matérias destoam de alguma forma do contexto do curso. muito técnico e enfocando assuntos de língua portuguesa e informática. é nele que expandimos nosso caráter de compreensão.portanto. nos questionamos o porque daquele evento desagradável. algumas vezes reclamamos e não nos motivamos a ir ouvir determinado assunto. É complexo nesse primeiro momento se entender enquanto um futuro psicólogo. de forma que pude sair com olhos mais abertos em relação ao campo da psicologia. mas é fato que sem aquela matéria com informação densa e exigente nos revestimos de conhecimento para exigências futuras e quem sabe para enfrentarmos os desafios de uma vida profissional coerente e séria. nesse momento juntamente com amigos e grupos de estudos que formamos desenvolvemos nossas pesquisas iniciais. incapazes de pisar verdadeiramente no chão da realidade crua daqueles que apesar de sonhar conhecem o verdadeiro caminho das pedras e o quanto sofreram para galgarem uma digna postura profissional. muito teórico. temos um milhão de idéias em nossa mente. Adquiri uma boa gama de conhecimentos nesse primeiro momento. O desenvolvimento de uma mentalidade cientifica também é um dos fatores fundamentais nesse momento. Quando nos perguntavam o que esperávamos da psicologia e como almejaríamos atuar. Existe ainda o fator social em meio a própria sala de aula. nessa incubadora criamos vínculos de amizade e nos ajudamos a compreender o mundo ao nosso redor com o uso das informações que nos estão ofertando. achamos chato. respondíamos com as idéias mal formadas daqueles que ainda não conhecem bem onde estão pisando apesar de conhecerem em meio as sombras aquilo que desejam. sociologia e filosofia. mas todas elas muito imaturas. reconhecendo que o pouco que sabia sobre a sua profundidade era . No entanto. para assim entendermos o mundo e certas variáveis aos olhos da psicologia. ou que de alguma forma foram transmitidas com outros enfoques.

no entanto. Outro momento inusitado. tanto em caráter fenomenológico. no entanto o conhecimento ainda continua irrisório só que com os pés postos nos átrios de uma longa jornada de conhecimento. dependendo do ponto de vista e das abordagens sócio filosóficas aderidas pelo pesquisador. que a principio me deixou inseguro foi o inicio das aulas de Bases Biológicas do Comportamento. A meu ver. qualquer intervenção matemática seria fora de cogitação para um curso que trabalha com a psique do ser humano. que seria a abordagem estatística.quase irrisório. portanto como encara-la após tanto tempo. onde a psicologia se insere em levantamento de dados. No entanto. mas com muito empenho e força de vontade. Obviamente. pois por meio dela se adquire a consistência concreta dos dados e assim se pode comprovar com clareza se certas respostas são passiveis de probabilidade. mas de certo modo quantitativos e sociais. Nesse momento. Somos todos convidados a conhecer melhor o mundo que nos cerca para poder entender o individuo enquanto um ser que é fruto de um meio. voltado para um horizonte muito introdutório para alicerçar as bases do conhecimento cientifico da psicologia. para compreender dados levantados em pesquisas. mas eis que ai esta um pouco do universo das exatas fazendo presença no campo de meus estudos. Foi-me apresentado de forma muito ampla a necessidade de pesquisas. como era de se esperar concatenou idéias chaves apresentadas inicialmente no primeiro semestre. quanto histórico materialista. foi me apresentado um campo nunca antes esperado. não entendi as claras os reais motivos de sua presença num primeiro momento. Segundo Semestre O Segundo termo. juntamente com grupos de estudos fomos vencendo as barreiras iniciais para compreendermos do é . para assim poder assumir um compromisso de auxilio psicológico àquele que busca ajuda. havia anos em que não estudava nada a respeito de biologia. mas conforme os dias vão amadurecendo o conteúdo das outras matérias consegui encontrar a relação e a importância dos estudos estatísticos para meu desenvolvimento profissional. fomos inseridos em num contexto mais profundo onde pude perceber que a psicologia não trata somente de valores psíquicos.

feito o ser humano e como a mente é influenciada pelo universo biológico que a compõe. sendo que também discutimos a formação do psicológico humano na vida do individuo e seu desenvolvimento de acordo com vários autores. esse momento me ofereceu uma oportunidade muito rica de aprofundar o assunto e entender certos fatores que provocam alguns comportamentos que a psicologia procura resolver. Nesse momento. como é naturalmente pensado quando olhamos superficialmente por meio de nosso senso comum. Sempre que aprendemos algo já não podemos agir como se nada tivesse acontecido. Foi verdadeiramente um período rico. ainda continuamos com as aulas de pesquisa e metodologia cientifica aprofundando o assunto a respeito do desenvolvimento de trabalhos em pesquisa bibliográficas. De forma geral. seus órgãos e suas distintas funções. Foram muito proveitosas as experiências em laboratório. tudo o que aprendi me serviu de base para não só aplicar nos próximos semestres da faculdade. Realmente. mas também para compor uma nova forma de viver. onde se fortaleceu o interesse pela área. aprofundei os conhecimentos iniciados no semestre anterior. não conhecia muito a respeito do corpo humano. tão abordado nesse semestre e as funções cerebrais a ele ligadas. O primeiro ano do curso de psicologia se encerrou com a possibilidade de poder dizer que fui modificado perante meus conceitos iniciais. onde foi apresentado um pouco da constituição anatômica de um ser humano. mesmo que ainda seja muito cedo para dizer que se conhece algo relativamente concreto sobre a psicologia. . não se enraizando unicamente nas clinicas. para assim evoluirmos enquanto pessoa e oferecermos o melhor de nós em todos os segmentos sociais no qual atuamos. Uni assim os conhecimentos a varias áreas de atuação da psicologia. devemos nos portar conforme os novos conhecimentos que nos são ofertados e superar nossas limitações de ser humano. aprofundando o quanto a psicologia é fluente em vários segmentos sociais. juntamente de uma serie de interconexões entre o sistema nervoso.

Através dessas pesquisas de campo. que a obrigação de construirmos em nós uma consciência de futuros profissionais da área da psicologia é determinante perante uma adesão e compromisso ao conteúdo explanado não só ate o . onde um ser humano é composto de premissas internas e externas. Ao meu ver. esse terceiro semestre que ainda não se encerrou pode ser resumido em uma etapa de grande esforço e convite de perseverança diante de uma formação acadêmica exigente e responsável pelo bem estar psíquico do ser humano. O ser humano de forma geral alem do mecanismo psíquico e comportamental. Nessa mesma ênfase posso afirmar que as disciplinas da psicologia experimental e psicologia da personalidade revelaram dimensões a respeito do caráter e do comportamento humano. manifestados por meio de exatidões estatísticas. levantando dados e colhendo informações de pessoas através de uma pesquisa formulada e orientada. A psicologia se revela. compreendi que todos nós somos formados por meio de relações inconscientes e influências internalizadas e experiências exteriores. enfatizando ao meu ver uma preocupação muito grande com a psicologia enquanto inserida num contexto social. e nisso a neuropsicologia veio acrescentar os diversos parâmetros orgânicos e biológicos que dão vida a todas as nossas funções existenciais. que já se manifestaram no semestre anterior e tê-las como informações concretas e passiveis de verificação. onde aprendemos a compreender variáveis determinantes que influenciam a vida de um sujeito em nível psicológico e social. Aprofundamos com maior ênfase as pesquisas de campo. aprendi a importância de evidenciar dados concretos. De forma tal. manifestou-se ainda mais profundo em seu caráter cientifico. oferecendo pontos de estudos muito vastos para a psicologia. De forma ampla o ser humano vem se revelando de forma ampla e multifacetada. para fins de conhecimento cientifico. nesse momento mais influente e participativa do que nunca antes havia pensado. moldadas e reforçadas a partir de contextos externos que compõem nossa vida cotidiana.Terceiro semestre O semestre que inicia o segundo ano do curso de psicologia. também possui sua parcela biológica.

mas a todos os outros que virão e que seguirão os anos após a formação acadêmica. .momento presente.

mas venci porque me esforcei. com a vida.Conclusão Aprender é um convite para um crescimento continuo e quando nos disponibilizamos a trilhar um caminho universitário. no entanto. Ainda há um caminho longo pela frente. mas muito pelo contrario. com os professores que aprenderam e se disponibilizam em transmitir o que aprenderam a outros que também desejam aprender. cada um de nós esta crescendo de forma muito significativa. Entre muitas experiências que tive em âmbito acadêmico. e espero com a mesma determinação e vontade levar comigo tudo o que estou recebendo. cada um a seu jeito e ao seu modo. Mas não há vitoria sem luta e vontade. com olhos mais abertos e livres para o horizonte do futuro. um braço que se estenda e ofereça uma oportunidade para encarar a vida com outros olhos. sempre encontrei uma oportunidade nova para crescer e ampliar meus horizontes. não para meu próprio beneficio. com mais domínio de seus sentimentos e traumas. com suas dificuldades e maestrias. não se chega a conclusão de um objetivo sem sofrer pelo menos um pouco. porque não assumimos o conhecimento como uma forma de bem a ser retido. pois aprendo para ensinar os outros a serem seres humanos mais conscientes de si. Nunca me considerei tão pequeno e fechado a ponto de não permitir abraçar uma nova oportunidade de aprender. mas ao mesmo tempo sendo eu também mais consciente das minhas próprias realidades feridas interiores. onde as incertezas e inseguranças serão certamente um dos acontecimentos que trarão a clareza que estamos ou não no caminho certo. Essa é um dos grandes ensinamentos que levo até o momento do curso de psicologia. mais e mais vamos nos deparando com a nossa própria realidade e nos confrontando ensinando e aprendendo. mas certamente para o beneficio de muitos que esperam de nós que estudamos. Todos aprendemos e temos a responsabilidade de fazer valer esse aprendizado. Aprendemos. com as pessoas que compõem nossas vidas. uma arte que exige uma sintonia profunda com o universo do outro e quanto mais nos aprofundamos na realidade alheia. Trabalhar com o ser humano é uma arte. . aprendemos para oferecer aos outros oportunidade para serem seres humanos melhores. Afirmo que trilhar uma opção universitária nunca foi fácil.