You are on page 1of 35

Física do aplauso sincronizado

Física do aplauso sincronizado

Helena Marques no 67915
Introdução à investigação
Instituto Superior Técnico

14 de Maio 2014

Física do aplauso sincronizado
O que é o aplauso sincronizado?

Índice
1

O que é o aplauso sincronizado?

2

Exemplos de sincronização na natureza

3

Modelo de Kuramoto
Introdução
Parâmetro de coerência do sistema

Kc
4

Estudo individual
Método experimental
Resultados

5

Estudo colectivo
Método Experimental
Resultados

6

Simulação do modelo de Kuramoto

7

Discussão

8

Conclusão

9

References

Física do aplauso sincronizado
O que é o aplauso sincronizado?

O aplauso sincronizado...
É a manifestação positiva de uma plateia depois de um bom
espectáculo;
Acontece quando os espectadores começam a aplaudir com o
mesmo ritmo;
Aparece depois de um período de aplausos dessincronizados e
ruidosos;
É mais comum em países do Este da Europa.
É considerado como um exemplo à escala humana de processos de
sincronização existentes em muitos sistemas biológicos e naturais;

Física do aplauso sincronizado Exemplos de sincronização na natureza Índice 1 O que é o aplauso sincronizado? 2 Exemplos de sincronização na natureza 3 Modelo de Kuramoto Introdução Parâmetro de coerência do sistema Kc 4 Estudo individual Método experimental Resultados 5 Estudo colectivo Método Experimental Resultados 6 Simulação do modelo de Kuramoto 7 Discussão 8 Conclusão 9 References .

. Christiaan Huygens estudou a sincronização de dois relógios de pêndulo acoplados no mesmo suporte de madeira. o seu ciclo menstrual tende a sincronizar. Os pirilampos piscam em sintonia. Sincronização da actividade neuronal. Quando mulheres vivem juntas muito tempo. Os grilos gorjeiam em uníssono.Física do aplauso sincronizado Exemplos de sincronização na natureza Em 1667.

Física do aplauso sincronizado Modelo de Kuramoto Índice 1 O que é o aplauso sincronizado? 2 Exemplos de sincronização na natureza 3 Modelo de Kuramoto Introdução Parâmetro de coerência do sistema Kc 4 Estudo individual Método experimental Resultados 5 Estudo colectivo Método Experimental Resultados 6 Simulação do modelo de Kuramoto 7 Discussão 8 Conclusão 9 References .

Física do aplauso sincronizado Modelo de Kuramoto Introdução Index 1 O que é o aplauso sincronizado? 2 Exemplos de sincronização na natureza 3 Modelo de Kuramoto Introdução Parâmetro de coerência do sistema Kc 4 Estudo individual Método experimental Resultados 5 Estudo colectivo Método Experimental Resultados 6 Simulação do modelo de Kuramoto 7 Discussão 8 Conclusão 9 References .

.. i = 1. caracterizados pela seguinte equação: N KX sin(θj − θi ).. a constante de acoplamento. N.Física do aplauso sincronizado Modelo de Kuramoto Introdução O modelo de Kuramoto considera um sistema de osciladores acoplados globalmente.. Individualmente. O modelo de kuramoto assume: Todos os osciladores do sistema estão globalmente acoplados. N é o número de osciladores no sistema. . ωi é a frequência natural de cada oscilador i e K . θ˙i = ωi + N (1) j=1 onde. os osciladores são idênticos com excepção das sua frequências naturais ωi . θi representa a fase do oscilador i .

Física do aplauso sincronizado Modelo de Kuramoto Parâmetro de coerência do sistema Index 1 O que é o aplauso sincronizado? 2 Exemplos de sincronização na natureza 3 Modelo de Kuramoto Introdução Parâmetro de coerência do sistema Kc 4 Estudo individual Método experimental Resultados 5 Estudo colectivo Método Experimental Resultados 6 Simulação do modelo de Kuramoto 7 Discussão 8 Conclusão 9 References .

re iψ = r =0 0 j=1 1X N e iθj (2) N .Física do aplauso sincronizado Modelo de Kuramoto Parâmetro de coerência do sistema O parâmetro de ordem dá-nos a medida de quanto os osciladores estão sincronizados.sincronização parcial r =1 .sincronização nula <r <1 .sincronização total Figura: [1] .

Física do aplauso sincronizado Modelo de Kuramoto Kc Index 1 O que é o aplauso sincronizado? 2 Exemplos de sincronização na natureza 3 Modelo de Kuramoto Introdução Parâmetro de coerência do sistema Kc 4 Estudo individual Método experimental Resultados 5 Estudo colectivo Método Experimental Resultados 6 Simulação do modelo de Kuramoto 7 Discussão 8 Conclusão 9 References .

Kc . o parâmetro Kc é dado por: r Kc = 2 π3 σ. Kuramoto deduziu a existência de um valor para o qual a sincronização se torna possível.o sistema ca instável e pode acontecer sincronização. O valor de Kc depende da distribuição de frequências naturais dos osciladores. No caso de uma distribuição normal das frequências naturais.Física do aplauso sincronizado Modelo de Kuramoto Kc No limite termodinâmico (N → ∞). (3) . K > Kc .sincronização entre osciladores é impossível. K < Kc . g (ω) com dispersão σ .

Física do aplauso sincronizado Modelo de Kuramoto Kc Figura: [2] Figura: [3] .

Física do aplauso sincronizado Estudo individual Índice 1 O que é o aplauso sincronizado? 2 Exemplos de sincronização na natureza 3 Modelo de Kuramoto Introdução Parâmetro de coerência do sistema Kc 4 Estudo individual Método experimental Resultados 5 Estudo colectivo Método Experimental Resultados 6 Simulação do modelo de Kuramoto 7 Discussão 8 Conclusão 9 References .

Física do aplauso sincronizado Estudo individual Gravou-se o aplauso de 30 estudantes individualmente. Para cada estudante gravou-se o aplauso no: modo 1: aplauso entusiástico modo 2: aplauso sincronizado . 30 vezes ao longo de 5 dias. Para cada gravação foram selecionados 16 bater de palmas (15 períodos). Gravou-se o aplauso de um só estudante.

Física do aplauso sincronizado Estudo individual Método experimental Index 1 O que é o aplauso sincronizado? 2 Exemplos de sincronização na natureza 3 Modelo de Kuramoto Introdução Parâmetro de coerência do sistema Kc 4 Estudo individual Método experimental Resultados 5 Estudo colectivo Método Experimental Resultados 6 Simulação do modelo de Kuramoto 7 Discussão 8 Conclusão 9 References .

.Física do aplauso sincronizado Estudo individual Método experimental Figura: Exemplos das gravações de aplauso no modo 1 e 2.

Física do aplauso sincronizado Estudo individual Resultados Index 1 O que é o aplauso sincronizado? 2 Exemplos de sincronização na natureza 3 Modelo de Kuramoto Introdução Parâmetro de coerência do sistema Kc 4 Estudo individual Método experimental Resultados 5 Estudo colectivo Método Experimental Resultados 6 Simulação do modelo de Kuramoto 7 Discussão 8 Conclusão 9 References .

Física do aplauso sincronizado Estudo individual Resultados modo 1: modo 2: aplauso entusiástico aplauso sincronizado Na transição para o aplauso sincronizado o período dobrou! .

Física do aplauso sincronizado Estudo colectivo Índice 1 O que é o aplauso sincronizado? 2 Exemplos de sincronização na natureza 3 Modelo de Kuramoto Introdução Parâmetro de coerência do sistema Kc 4 Estudo individual Método experimental Resultados 5 Estudo colectivo Método Experimental Resultados 6 Simulação do modelo de Kuramoto 7 Discussão 8 Conclusão 9 References .

Física do aplauso sincronizado Estudo colectivo Método Experimental Index 1 O que é o aplauso sincronizado? 2 Exemplos de sincronização na natureza 3 Modelo de Kuramoto Introdução Parâmetro de coerência do sistema Kc 4 Estudo individual Método experimental Resultados 5 Estudo colectivo Método Experimental Resultados 6 Simulação do modelo de Kuramoto 7 Discussão 8 Conclusão 9 References .

Foi pedido aos estudantes que aplaudissem como fariam depois de um bom espectáculo. Figura . 9 dos estudantes diminuiram a frequência de aplauso propositadamente.Física do aplauso sincronizado Estudo colectivo Método Experimental Simulação do aplauso colectivo com 31 estudantes. Durante o aplauso. foi realizada uma gravação próxima de um dos estudantes. Ao mesmo tempo.

Física do aplauso sincronizado Estudo colectivo Resultados Index 1 O que é o aplauso sincronizado? 2 Exemplos de sincronização na natureza 3 Modelo de Kuramoto Introdução Parâmetro de coerência do sistema Kc 4 Estudo individual Método experimental Resultados 5 Estudo colectivo Método Experimental Resultados 6 Simulação do modelo de Kuramoto 7 Discussão 8 Conclusão 9 References .

.Física do aplauso sincronizado Estudo colectivo Resultados Resultados a) sinal global b) sinal local c) média do sinal para uma janela de 3s d) período entre bater de palmas da gravação local Figura: Sinal do aplauso.

Física do aplauso sincronizado Simulação do modelo de Kuramoto Índice 1 O que é o aplauso sincronizado? 2 Exemplos de sincronização na natureza 3 Modelo de Kuramoto Introdução Parâmetro de coerência do sistema Kc 4 Estudo individual Método experimental Resultados 5 Estudo colectivo Método Experimental Resultados 6 Simulação do modelo de Kuramoto 7 Discussão 8 Conclusão 9 References .

pp. 2000. vol 61. Vicsek. 6987-6992. Barabási. Physical Review E. E. K = 0. Brechet and A. ω ¯ = 2πs −1 t1 = 21s e t2 = 35s Source: Z. 'Physics of the rhythmic applause'. σ = 2π/6.9s −1 .8s −1 . iss 6. . Y. Néda.Física do aplauso sincronizado Simulação do modelo de Kuramoto Considerando: N=70. Ravasz. T.

Física do aplauso sincronizado Discussão Índice 1 O que é o aplauso sincronizado? 2 Exemplos de sincronização na natureza 3 Modelo de Kuramoto Introdução Parâmetro de coerência do sistema Kc 4 Estudo individual Método experimental Resultados 5 Estudo colectivo Método Experimental Resultados 6 Simulação do modelo de Kuramoto 7 Discussão 8 Conclusão 9 References .

A frequência do aplauso de um individuo aumenta antes de se perder a sincronização. Durante o aplauso sincronizado a intensidade de ruído diminui e o período aumenta. Modo 2 de baixa frequência em que a dispersão das frequências diminui para cerca de metade. .Física do aplauso sincronizado Discussão Há dois modos distintos de aplauso: Modo 1 de alta frequência e maior dispersão das frequências de aplauso.

Então. (4) O K é imposto por parâmetros sociais e humanos (xo). porque é que se perde a sincronização? . por isso. a sincronização é obtida reduzindo a dispersão σ .Física do aplauso sincronizado Discussão Os resultados obtidos são explicados facilmente aplicando o resultado obtido por Kuramoto: r Kc = 2 π3 σ.

. observa-se a alternância entre estes modos num aplauso prolongados.Física do aplauso sincronizado Discussão A perda da sincronização dá-se devido à frustração do sistema! O que é que os espectadores querem? os espectadores querem manifestar entusiasmo e criar uma maior intensidade sonora procuram a sincronização Este dois desejos não podem acontecer simultaneamente! Uma grande intensidade sonora só é obtida pelo aplauso rápido (modo 1) a sincronização é atingida no modo 2 e gera uma baixa intensidade sonora Como os dois desejos não podem ser atingidos no mesmo modo de aplauso.

Figura: [5] .Física do aplauso sincronizado Discussão Portanto. um sinal de um bom espectáculo pode ser considerado uma alternação entre os dois modos de aplauso.

Física do aplauso sincronizado Conclusão Índice 1 O que é o aplauso sincronizado? 2 Exemplos de sincronização na natureza 3 Modelo de Kuramoto Introdução Parâmetro de coerência do sistema Kc 4 Estudo individual Método experimental Resultados 5 Estudo colectivo Método Experimental Resultados 6 Simulação do modelo de Kuramoto 7 Discussão 8 Conclusão 9 References .

A sincronização é atingida quando o período entre as palmas aumenta para o dobro. . A oscilação entre os dois modos de aplauso acontece devido à frustração do sistema.Física do aplauso sincronizado Conclusão O aplauso rítmico e sincronizado pode ser explicado pela aplicação do modelo de Kuramoto.

Física do aplauso sincronizado References Índice 1 O que é o aplauso sincronizado? 2 Exemplos de sincronização na natureza 3 Modelo de Kuramoto Introdução Parâmetro de coerência do sistema Kc 4 Estudo individual Método experimental Resultados 5 Estudo colectivo Método Experimental Resultados 6 Simulação do modelo de Kuramoto 7 Discussão 8 Conclusão 9 References .

scholarpedia. vol 61. Physica D: Nonlinear Phenomena. Strogatz. 2000. 2000. Ravasz. T. 1-20.jpg .com/watch?v=oVXbfM-sU2I http://cleanerindoorair. E. 6987-6992.Física do aplauso sincronizado References 1 www. pp. Brechet and A. 'Physics of the rhythmic applause'. 'From Kuramoto to Crawford: exploring the onset of synchronization in populations of coupled oscillators'. pp. Y.youtube. Physical Review E.org/article/Desynchronization_ (computational_neuroscience) 4 Z. iss 1-4. 3 www.scholarpedia. vol 143. Vicsek. Néda. Barabási.org/wp-content/uploads/2009/ 12/Office-Workers-lg. 5 6 https://www.org/article/Synchronization 2 S. iss 6.