You are on page 1of 15

Minha vida .

se cada um
escrever sua historia quantas
lições deixaríamos pro
futuro...tenho 32 anos agora
vou começar escrever a minha
história de vida...
Segundo minha família eu nasci no Hospital Divina providencia no dia 29 de
maio de 1981, com uma enfermeira, porque não deu tempo do medico
chegar, foi parto normal, minha mãe ficou na casa da tia Enia, ate ficar boa,
depois voltou pra chácara São José, onde eu me criei junto com minha
família, minha mãe ,Derci dos Santos Dutra e meu pai Ramão Moreira Dutra
e meus avós José dos Santos Flores e Antoninha Martins dos Santos e meu
tio Paulino Martins dos Santos e minha madrinha Denir Martins dos
Santos ,eles contam que eu era uma criança calma, e que não dava muito
trabalho, mas tinha algumas manias como não usar calcinha ,e usar meias
com sandálias, me lembro vagamente , que eram umas meias vermelhas
que tinham umas bolinhas penduradas no lado, eu era muito manhosa
também , um dia cai e machuquei a perna, e fiquei sem andar por muito
tempo ,mas um belo dia os perus estavam brigando, e conseguiram que eu
fosse ate a janela andando, e viram que não era nada serio.
Eu também ara muito apegada com a minha madrinha Denir, no
casamento dela com o Ramão Flores, eu só queria ficar no colo dela. Bom
ate aqui eu não lembro.
Agora vou começar contar a parte que eu lembro, da minha vida quando
criança. Na chácara meu vô tinha um bar, ele vendia tubaína, pinga, fumo,
fosforo, bala, chicle pingue pongue, tinha uma mesa de sinuca , me
lembro , que não tinha geladeira, fizeram um buraco no chão e ali
colocavam as bebidas, pra conservar frias , também era pouso de boiada ,
eu gostava quando chegava comitiva pra passar a noite , a tropa ficava
perto da casa e a gente escuta o barulho do cincerro no pescoço dos burros
que ficavam pastando, e o gado berrando no mangueirão , os tropeiro
faziam a queima do alho , e descansavam, de madrugada se ouvia o toque
do berrante repicando, eu corria na janela , e era a comitiva saindo na
estrada pra seguir viagem , era coisa bonita, essas coisas ficaram gravadas
na minha memoria .Brincava muito com o tio Paulino, de carrinho ,andava
de bicicleta, de cavalo, ele fazia estrada com pedrinha ,pra gente brincar.
Meu pai brincava de esconde esconde comigo, e me assustava atrás da
porta, e já atacava os vermes, e ficava com febre,eu jogava bola com o tio

um dia quase cai dentro do açude . mas ninguém ouvia .nunca deixou faltar nada pra nós. um homem de bicicleta. quando o cavalo foi tomar agua . mas ele não parava de chorar. era o jupim . aquele que tinha problema. os homem . tinha 4 boi que puxavam a carreta. porque nessa época . Lembro também que meu tio Paulino cuidava de uma faz . a mãe brincava com nos. era uma aventura . nem desconfiavam disso . e passei pro outro lado da estrada. varias vezes. chegando lá. e o Alcir começou chorar. ficava comigo. uma vez levaram ele amarrado na carroça. mas ninguém aparecia. eu não aguentava mais carregar o Alcir. eu ia com ele olhar as vacas de cavalo. coloquei meu primo embaixo da cerca. foi um susto e tanto. Nessa época minha mãe tinha dado a luz minha irmã Marinei dos Santos Dutra . eram eu e o Alcir. meu tio Valdones e o tio Antônio e o meu pai . mas era o jeito dele. e minha mãe ia levar minha irmã no medico. mas nos ficavamos indo pra cidade direto.que brincava comigo .deixaram meu primo e eu dentro do carro. naquela estrada deserta. estava . eu acionei a buzina do carro . tinha um brejo . ficou uns 5 meses sem vim pra casa quando o pai chegou eu mal o reconheci . e foram pegar o carneiro. e a vaca saiu da estrada. e outros rapazes que sempre estavam lá jogando.que tinha umas vacas leiteira bem bonitas. e a policia veio pegar ele.Paulino.Uma vez fomos passear em um fazenda onde morava o tio Antônio e a tia Carlinda. eu gritava por socorro. ate lá em casa. desci do carro com ele. ver minha irmãzinha só chorando. meu pai trabalhava pra fora. de carro. e ficaram aliviados quando acharam nos . nesse momento .foi desesperador. era muito ruim. eu já estava cansada . meu pai é um herói . eu ficava na madrinha. era um pampa cinza . muitas vezes.eu tinha apenas 5 anos . adorei .Tambem me lembro do meu tio Valdoraci.minha mãe e minha tia que tinham ficado na casa. bem longe. o meu pai e os meus tios. voltamos pro outro lado. fiquei me achando .quando avistei uma vaca perto da cerca.Tinha também umas meninas da dona Joana do Guaiaca . ele se acampava nos matos . e ninguém sabia como lidar com ele. que ele chamava de picana . de vez em quando ele me levava na roça de carro de boi. pensei e o meu tio preto . um dia ele deixou eu tocar os bois . meu vo tocava os bois com uma vara . quando chegamos no portão da fazenda. ele foi andando um pouco. era muito bonito o lugar. derrepente avistei de longe. ele era muito legal. foram trazer um carneiro. Meu vo Zeca tinha carro de boi.o holandeso veio . mas eu não entendia muito bem o que estava acontecendo. nas fazendas fazendo cerca. de outra fazenda. uma vez eu me lembro que ele foi trabalhar na faz estrela. mangueira . seguimos em frente. essas gente que elas viram . encontraram a gente. aquilo foi muito triste pra mim .mas tinham visto gente vindo pela estrada. meu vo era quieto .ele tinha problema na cabeça . Depois que a minha irmã ficou boa. A vó Antoninha também ajudava a mãe. ate eu dormi. eles sumiram no mato. eu tinha medo dele. sai correndo com o meu primo nos braços. eu e meu primo Alcir fomos juntos com eles. ela era muito doentinha. eu não me lembro muito bem. eles estavam muito assustado com o nosso desaparecimento. Preto e o apelido do tio Valdoraci. ela fazia roupinha pra nossas bonecas . e fazia cosquinha. o carvão e o preto .

não consegui . Tinha as gurias do tio Antonio Paraguai. com baile. minha mãe deu a luz a minha mais nova. As moças faziam tranças bem fininhas .na casa do tio Antonio Paraguai. No tio Antonio Quadra . teve o casamento da Joana .graças a Deus. e trouce um cabrito pra matar . a casa dela era nossa segunda casa . ela cozinhava pros peão que trabalhava com o pai. Quando eu tinha 12 anos. admiro muito meu pai. o meu tio Paulino que ajudava nos. o meu tio já tinha lutado com meus cabelos.[ vc entendeu né]. tem um caráter que poucos tem. foi bem legal lá tem um rio e tinha cabritos . era um jeito carinhoso dele chamar as netas eu adorava . eu ia posar na casa do tio Paulino e da tia Ada. ai pronto fiquei doente me deu febre e vomito . tomamos mate doçe com bolacha . no tio Antonio Quadra . pra ir na cidade comprar alguma coisa. fazia um monte bem grande ai a gente quebrava. se casou . ele me chamava de neninha. nem papel higiênico . lá na casa da madrinha. a tia Ada arrumou meus cabelos que eram duro . Tinha muitos bailes por la . ele colocava aqueles saco de laranja.kkkkkkk. e brincava de boneca com ela e com a Marinei. lavei a louça . e foi morar na fazenda Guata do Roni. e colocou uma presilha . e quando a Rosinei nasceu era a figurinha. meu vo era 10. sapecava .barbudo e magro. brincava de vaca. e depois me levaram embora de cavalo.fiquei com vergonha da tia nova.na estrada fiz tudo nas calças. Meu tio Paulino . tinha que ficar cuidando pra não queimar a erva. mas no outro dia já estava bem pra comer a carne do cabrito. amarrou o cabrito numa arvore bem na frente de casa. de casinha.no seu Paito. mãe desculpa mas não deu pra segurar. que nos brincava . pra secar. nos ficava quase sempre sozinhas lá em casa. também nessa época. um buraco bem grande no chão e pra sair do carijó tinha uma escadinha . era muito bom quando nos ia na cidade. ela era muito tranquila so dormia . e ia cuidar dela. foi um festão. me espelho muito nele. A mãe trabalhava muito essa época. A tia Ada me ensinou rezar o terço também . Me levaram lá no mato perto do rio pra fazer coco . só assim nos assistia televisão. só que lá não tinha banheiro. fazia os fardos e colocava no carijó . de boneca. que parecia uma tela na minha cabeça . já comecei dançar nos bailes. primeiro ele fazia o carijo . dentro do carijó ele colocava fogo. no Murilo. chorei até. Meu vo Feliciano era ervateiro e carpinteiro . ela ajudou muito a gente. e eu fui ver o bicho de perto e me assustei dele . e de . Eu chegava da escola. uma vez fui ajudar ela. eu fiquei muito bonita. me deu vontade de fazer o serviço. a Marinei era a curuvica. O meu tio Paulino mudou pra chácara . devo muito a minha madrinha. meu apelido. nos cabelos. churrasco. fomos embora . eu ajudava ele fazer erva. em cima colocava varetas uma do lado da outra . eu ajudava a tia Ada vender empanado. ela levantou pra cima os cabelos . a filha dele. saia baile todos os finais de semana . a Rosinei dos Santos Dutra . sempre ajudou os outros. depois ele cortava a erva . e cai um tombo da garupa do cavalo .Saia carreira.com a Adailsa. eu ficava com ele conversando e tomando pinga com doril e limão.mas os meus cabelos eram tão duro que não adiantava nada. por ser essa pessoa honesta trabalhadora . dava banho trocava. Um dia fomos passear na casa da tia Zurmiria de carroça .nessa época eu já ajudava a mãe cuidar da minha irmãnzinha.

Uma vez nos fomos a cavalo.estava cheio de calo. a Fatima..eu e as gurias andava a cavalo . era moda. nem deu tempo de tomar banho.achou que nos estávamos drogadas.que ficava igual umas boneca de corda. a dona Veloni é mãe da Fernanda e do Elizandro. eu fui num cavalo tordilho. e inventaram de fazer a domingueira . com um veio chamado Varde. a Lucimar e toda a nossa família. e a gente foi a pé. pra passar o tempo jogava baralho.a Fernanda que inventou. era o dia inteiro ajudando curar os bezerros . soltavam os cabelos . de festas antigas. mais lagartas aparecia. eu corria quanto mais corria. na época .. Uma vez a minha tia Almerinda.Essa moda . quando a gente viu estávamos no meio das lagartas. Mais voltando falar de baile.noite . estava eu . Foi muito engraçado a cara do professor . de tarde fomos passear na chácara a pé. e se agarrou no meu pescoço e não largava mais . mas na verdade a gente estava morta de cansada. Quando minha madrinha ia pra lá. só acabava com o sol raiando. porque elas . na frente . e tinham inveja da nossa amizade. que ela assistia. e os mais velhos contavam histórias . o Adair.na hora da festa. porque a domingueira ia ser la na casa do tio Antonio Paraguai. Vou contar de uma carreira que eu fui. ela era entiada do Murilo. Uma vez a Cristiane estava passando as férias lá na chácara . que susto passamos aquele dia .Assim era os bailes que saiam por la. assistindo as corridas de cavalo. La perto da minha casa. a Lucimar. era muito legal.de guardado. e a vo Vitoria contava historias .nem vale a pena entrar em detalhes.de assombração .. e jogar bola . dançamos a noite inteira. era um caminhão de boi. aprontava mesmo. dentro da sala de aula foi muito engraçado. de vez em quando a gente ai pra lá. de caçada.. a Maria. e dançávamos musicas paraguaias. chegamos la e limpamos a casa pro baile. ficamos la o dia inteiro. eram muito mitidas. derrepente debaixo de uma arvore estava cheio de lagarta . nos três dormindo na carteira.a Rosa e a Rosangela.nos ia em cima da carroceria. a Cristiane começou chorar e gritar. Nos ajudava o tio Antonio no campo . Eu sempre ia passear na casa do tio Antonio Paraguai. mas a gente não se misturava com elas. o professor nem ligava . eles moravam na fazenda Guatá.a Fernanda. não fomos na escola. porque meus pés . bem grande . era eu . Também tinha as . e olhando pros moços. tinha musica. lá no tio Abade.pra limpar a casa. e o ônibus escolar passava 5 horas. e resolvemos ir pra escola assim mesmo. que saudade daquela época . de manha fomos pra carreira. andar a cavalo. levando sal pras vacas e de noite tinha roda de viola. o baile acabou era 4 horas da manha.achando que nos estávamos dopadas. que era lá na fazenda do seu Laucidio . andava de caminhão. a Maria. No outro dia . quase me bateu. só por ciúmes . tinha um cavalo o nome dele era bugre veio. e depois da carreira saiu uma domingueira dançante. nos cantava e os rapaz tocavam violão. lá na casa do tio Antonio Paraguai. e a Marinei também queria vim no meu colo . Na nossa casa não tinha energia elétrica. era uma bolha de agua . o Elizandro. ela já tinha a Cristiane e o Ronaldo meus primos ela contava historias de filme. eu andava nele. morava as minhas primas .

quando uma pessoa estava fazendo aniversario . mas a festa foi muito legal.conheci a Joanir que é minha prima . esta bem velhinho . Com 16 anos ganhei uma afilhada a Aline . o povo dançou das 2h da tarde até 2 da manha. mas também a gente tinha razão. as coisas começaram a melhorar. tinha churrasco e cerveja a vontade. no transporte escolar. sempre respeitando o outro. as festas que saiam por la. fiquei muito feliz me senti adulta. eu gostava muito de estudar . No ônibus escolar . vou explicar.e fiz o ensino médio no colégio Felipe de Brum . estava frio uma garoa do sul. eram o máximo . comecei estudar com 8 anos no bila uma escolinha chamada Almirante Barroso. Uma vez deram uma surpresa no meu pai. adorei minha festa. ate terere e chimarrão tinha. uma vez eu estava passeando na casa da Joanir de tarde decidimos ir de ônibus pra chácara . não mandava nada. todos dançavam. Nós iamos nos bailes de carroça. foram todos os convidados. mas meu pai e minha mãe era contra o nosso namoro. e eu era católica . pegamos o ônibus das 8 h e fomos. ele e sua família foram morar na fazenda Sol Nascente.ele que fazia os bailes e a tia Carlinda animava . minhas amigas . Eu tinha muitos amigos na escola . chegou matar a grama .ainda tá na chácara. la estudei ate a oitava serie . nos ônibus tinham agua pros alunos tomar. [e outras cositas mas] Risos. e chegavam na casa do aniversariante. tinha um corsel amarelo . os ônibus nem agua não tinha pra tomar. quanto mais corria mais medo dava. fiz a primeira serie e depois fui pro colégio Julio Manvailer . nós se divertia muito . corremos . pra quem não sabe o que é uma surpresa . que viraram meus compadres. também tinha aparelho de som nas casas que tinham energia elétrica. café . ai tinha baile . ele era evangélico. e inventava as surpresas. tinham os rapazes que tocavam e cantavam. Nós aprontava na escola . o chicré era o nome do cavalo .colava nas provas. era um rapaz alto moreno o nome dele era Zaqueu . dançamos embaixo da ramada de maracujá .sempre de noite. eram a Jane a Lucineide.filha do tio Paulino e da tia Ada.Lucilene e o julio o Claudio .que já não esta mais entre nós. o motorista coitado . o povo era muito animado. e ai começamos a namorar. quando descemos do ônibus na estrada estava muito escuro . chegamos em casa a mãe levou um susto porque ela não sabia que a gente ia vim aquela hora . O pai fez uma festa nos meus 15 anos. quando ela não estava os bailes era sem graça. Paula . Uhulll. os vizinhos se reuniam . tiramos os sapatos e corremos .. estava animada a festa. eu já o conhecia desde meus 11anos. disfilava em baixo de chuva. ganhei muitos presentes .surpresas .. era a maior bagunça . Que ditava as regras era nós . os motoristas eram muito chatos. o pai fez uma barraca de lona perto da casa pro baile .e . tirei foto. minha turma era a mais bagunceira da escola . Com 17 anos tive meu primeiro namorado.sanfona e muita alegria .bolo e fogos. passamos muito medo. foi legal. matava aula. Meu tio Antonio . foi amizade a primeira vista . Quando fiz 15 anos . pra ninguém ver. lá perto de casa. com violão .

a Juceli . foi através dela que encontrei o caminho certo. nessa fase de revolta.E nosso namoro não deu certo. Pensei já era. a Cristiane e a Patricia . comecei trabalhar na fazenda . a Cleia.pescava nos açudes com a Dalva e a dona Adilina . estava pro Parana fazendo curso de insciminação e agora ia trabalhar na Limeira. A dona Margarida dava catequese lá em casa. pensei muito pra tomar essa decisão . Eu e a minha amiga Cris passeávamos a cavalo. o destino quis assim. começou as diferenças falarem mais alto. Namorei com ele 1 ano e fiquei noiva 6 meses e nos casamos. eu não gostava de ficar em casa .a Marinei. e perdi meu grande amor . a Paula. mas como todo o casamento . foi amor a primeira vista. comecei namorar escondido outros rapazes . nos primeiros meses foi um mar de rosas.e o Pedrinho.não soubemos separar as coisas . Nos jogava vôlei. novenas. Perguntei pra Dalva a mulher que morava na fazenda. aprontei muito. não sei se fiz a coisa certa . dia 27 de setembro de 2002 . da horta . Quase que estraguei minha vida. e ele me comprimentou. Fui e contei pra Maria que o noivo dela estava trabalhando na Limeira .ajudava o Jodemir domar os cavalo. Casamos no civil e na igreja . Mas com jeito . como fui burra.a Jucelia. mas não contei que nós tinham nos conhecido . separamos novamente . Ela me disse que ele se chamava Jodemir mas todos conheciam como polaco. mas certo ou não certo. na Limeira .ganhei um cachorrinho . o peão atencioso. Fiquei muito triste . Um belo dia fui na fazenda conhecer o dito cujo. e ele também tinha falado que queria me conhecer. quem era aquele rapaz. que foi a dona Margarida nossa catequista.coloquei o nome de fofucho . Com 20 anos. e tinha me comprimentado. e a um anjo que apareceu na minha vida. futebol.um dia passei por ele na estrada quando chegava da escola . cuidava das galinhas. quem fazia era. não tive força pra enfrentar os problemas me deixei levar por coisas que inventavam sobre ele.e dava banho nos bois que ficavam na cocheira. conheci o Jodemir . eu gostei. apostava corrida . fiquei sem chão . no outro dia a Dalva foi no ônibus escolar e contou que ele era o es noivo da Maria minha amiga . a Rosinei. falei pra Dalva quero conhecer esse rapaz. queimada. eu agradeço muito a Deus. terminamos e depois de um tempo voltamos a namorar mas o destino não quis. eu ia . eu .ela me disse que estava em outra que não queria mais nada com ele.mas eu já estava gostando dele . ele foi trabalhar numa fazenda perto de casa. Fomos morar na fazenda Paraiso da VT Brasil . e as brigas e o ciúme começaram. na igreja São Vicente Pallote a festa foi no salão da igreja. ficando com o noivo da amiga . tomamos tereré e se conhecemos . tão atencioso que tinha passado por mim na estrada e tinha me comprimentado. Tinha encontros . e decidido que deveria escutar meu coração e comecei namorar o Jodemir .fiz a primeira comunhão e comecei entender a vida como ela é. e missas 1 vez por mês. gostei do jeito dele . comecei andar com mas companhia . o Anderson . e paciência fomos superando . a festa foi muito legal ganhamos muitos presentes. Ai eu tinha meus 19 anos . porque nunca tinha passado alguém por mim a cavalo.

a gravides não evoluía .Estamos no ano 2013 . na verdade eu tinha escolhido nome de menina .começou pagar 100 reais por mês . Em 2006 queria ficar gravida de novo mas não conseguia tive que fazer tratamento pra engravidar .fui no medico pra fazer o pré natal e descobri que os bebes não tinham batimento. tem peão que almoça e janta aqui. mais queria dar uma espiadinha . Meu filho é o melhor presente que Deus me deu. e já é mãe ... ele pegou na minha mão e disse que o bebe que estava na minha barriga queria se chamar Gabriel .no ano seguinte engravidei . a Marinei . da minha vida particular cuido eu . Hoje e dia 28 de julio domingo. mas conversei com o Jodemir e resolvemos colocar Alan Gabriel . e que um dia a gente vai se encontrar .o finado Bertoldo ..vendo tudo o que eu fazia o gerente da fazenda .tenho um sobrinho afilhado Jose Vitor. e sou eu que faço a comida .pro campo também.porque tem o confinamento de boi. que felicidade . a cavalo . fiquei assustada porque não acredito em espiritismo. assim. porque eu achava que ia ser menina .casou com o Valdinei. meus avos paternos também já faleceram que tristeza quando alguém da nossa família morre. nessa época o finado Bertoldo estava bem mal do câncer no pulmão.aquela que era doentinha . ficou la 2 anos e agora ta no primeiro ano no Airton Senna . e trabalhando numa creche. meus pais moram la na chácara ainda . depois ele conversou comigo e o Jodemir.não era pra ser. mas Deus estava no meu lado e deu tudo certo . levaram um homem espirita para ver o seu Bertoldo. A Rosinei minha irmã esta fazendo faculdade de pedagogia. não queria que ninguém morresse . e trazer pra mangueira.e depois de alguns meses . fosse pra um lugar que a gente pudesse visitar de vez em quando. apartar as vacas. pra no outro dia cedo inseminar . eu sei que eles estão em algum lugar . Meu vo Zeca faleceu esse ano.o Jodemir sempre saia trabalhar nas outras fazendas com o gerente. as vezes da saudade da época da escola dos amigos. tive que superar. aqui eu trabalho de cozinheira .que era 250 reais.a noite eu limpava a casa e lavava roupa . graças a nossa senhora aparecida. de tarde colocava o fofucho na garupa do cavalo e ia olhar o gado. . não desaparecer assim daqui da terra . fiquei feliz . Em 2008 nos mudamos da Paraiso viemos morar aqui na Tres Poderes na VT Brasil. tive uma gravides tranquila . em 2011 o Alan começou estudar na creche Pequeno Aprendiz .quero ser reconhecida pelo meu trabalho. quando eu to de folga eu vou pra lá. em 22 de março de 2007 nasceu o Alan Gabriel . e eu cuidava da fazenda sozinha. que é uma fofura . tirei minha carteira de habilitação .. tem muito trabalho pra fazer aqui . por ele vou lutar sempre .passei receber um salario . tem mais historias do meu tempo de criança e adolescência mas eu conto outro dia. E o Jodemir meu marido querido é o capataz . podia ser assim quando a pessoa ficasse velha .. da saudade né. agora tem energia elétrica na chácara . em 2006 passei trabalhar de carteira assinada . o Jodemir queria colocar Alan jacheson eu queria só Alan . mas agora tenho a minha família pra encher o vazio que ficou . e fazer uma coletagem . Em 2005 fiquei gravida de gêmeos .

Hoje é dia 1 de agosto.eu só não to jogando porque o patrão tá aqui. lavei roupa . o Alan esta jogando bola com as crianças. e foram olhar os pastos. e não tem muita coisa pra fazer . Tenho os meus sogros. dia 14. recebi uma noticia triste o Zaqueu tinha falecido. ele foi uma pessoa muito especial que passou na minha vida e nunca vou esquecer. tenho de tudo. pagar minha promessa. o seu Valdir Torelli que é o dono da fazenda. queria que toda a minha família passasse junto com saúde e felicidades .começa a expobai . aqui tá uma ventania. e a expobai que me aguarde. e tiver excursão esse ano. esse ano eu quero ir. a mãe ligou . o Alan foi pra escola . e também quero fazer um curso de informática . o confinamento fechou . esta meio parado.. é tirar minha carteira C e D ... eu estou pintando um trilho de mesa. agora já é noite. Agora já é novembro. Hoje dia 30 de Julho. e vendo galinhas e frangos caipiras . porque caiu geada aqui e acabou com as gramas.se der tudo certo. acho que não vai ter nem amigo secreto.joga futebol com as crianças. Esse final de ano aqui na fazenda onde eu moro esta muito difícil as coisas. Eu vou mais vezes na cidade durante o mês . o filho dele . ela esta fazendo compra. e receber o pagamento.. Meu Deus já esta chegando o natal. estou aqui escrevendo . sou catequista . ver as fazendas dele. Aqui tenho minhas vizinhas . fiz pão. chegou de São Paulo.Minha vida agora e boa. le a Biblia. assistir a novela. tenho minhas clientes já . Tenho um perfil na internet . vou tomar chimarrão. ela tá na cidade com a Mari .o seu Valdir tomou café e o Junior comeu bolo e tomou café.hoje é dia 29 de julho de 2013. uma festa que tem todos os anos aqui em Amambai.Esse ano aqui onde eu moro. o Junior também veio. não entendo muito ainda mas quero aprender cada vez mais. meu sonho agora. num acidente em caarapo nem acreditei mas a vida e assim. eu estou mexendo com pintura e crochê . todos os meses vamos na cidade fazer compras. e já tá quase na hora dele chegar. eu gostei porque me distraio gosto de pintar meus panos de prato e postar no face. Hoje é dia 18 de novembro. faço de tudo pra viver em paz com a minha família e meus vizinhos. quero comprar uma bota pra mim e outra pro Alan. amanha cedo tenho que levantar pra arrumar o Alan e mandar pra escola . não vou mais porque as estradas são muito ruim. nas casas . fiz café e bolo . onde eu reencontro meus amigos e parentes. eu estou aqui escrevendo.. depois fomos levar eles lá na chácara . e dormir . quando sobra um tempo a gente vai na casa deles. ele vem cada 2 meses . gostamos muito dessa festa.estou economizando pra ir em Aparecida do norte . graças a Deus . porque não tem mais aquele . que moram na fazenda Estancia Camila. ontem a mãe e o pai vieram aqui passear o compadre Paulino veio com eles. no começo de setembro . jogamos bola. o Alan e eu. e na cozinha a agua pro chimarrão tá esquentando. a gente . e o Jodemir foi com o patrão olhar os pastos. onde eu moro. e se ajuda quando alguém precisa de alguma coisa.

a Maiara é filha da Luzia.quem espera que a vida seja feita de ilusão pode ate ficar maluco ou morrer na solidão é preciso ter coragem pra mais tarde não sofrer . e sorvete.. a comadre Ada. da ate raiva na gente. Teve embarque aqui na faz hoje. Dia 14 de março fomos visitar uma igreja evangélica . Mas em vez de ficar chorando o leite derramado vou seguir a vida . porque se eu fico em casa tenho que trabalhar. pro Alan. já fiz janta . depois vou ver ela. faço café . com chuva que eu gosto de pescar. quinta feira .. são 21h. agradeço a Deus por mais um dia de vida. a Aline a Andreia. passamos na dona Bina. estou escrevendo o Jodemir e o Alan tão na sala assistindo tv. Hoje vou fazer pão . estou de férias mas tenho que trabalhar a mesma coisa. tem muitos erros de português também . mas é difícil .acontece cada coisa que até Deus duvida. Esse ano quero voltar a estudar. eles vão pra uma fazenda perto . foi bem legal também . o Jodemir foi pra faz Brasil com o Rodrigo e o Marcelo. quero fazer uns cursos profissionalizante .Agora estou lavando roupa fuuuuuui. é preciso saber viver. estou com preguiça hoje... é preciso saber viver. cada coisa que a gente ve nesse face.A vizinha Luzia ligou de manha e disse que a Maiara não ia pra escola porque estava com dor de barriga. toma insulina. o Justino . É como diz aquela música . foi bom tive certeza da minha fé na igreja católica apostólica . hoje é dia 7 de janeiro de 2014. espero que seja uma pessoa boa. Hoje é dia 25 de novembro segunda feira.. só dia 24 que a minha vó deu um susto na gente ela caiu e machucou o pé. Dia 1 . Agora são 20h.agora não sei quem vai mudar pra cá. vou pescar no açude .hoje e dia 21 aniversario do pai. eu tento levar a vida de bem com todos.companheirismo que tinha o ano passado principalmente entre o homens que trabalham aqui . e cuido das galinhas. a gente que trabalha em casa sempre tem alguma coisa pra fazer. todos com a cara torta um com o outro. acho que vou sair passear esse fim de semana. a tia Carlinda o Alcir a claucia e o Carlos Antonio almoçaram lá. almoço e janta. foi muito bom . quero pescar lambari . tem 12 anos . Ela tá com diabete . bem diferente da católica . de cedo até meio dia.. Estou triste porque a minha vizinha Luzia que gosto muito vai mudar daqui. traira e tilápia. o Denilso . tenho que lavar roupa e arrumar a horta. mas tá tudo bem. nem lavei a louça do café ainda. já é dia 17 de dezembro. porque as casas aqui são bem perto uma da outra. na estrada do chorro . estavam almoçando o compadre Paulino. e estou dando uma olhadinha no facebook. vou curtir minhas férias com a família. Hoje já é dia 10 de janeiro de 14. que os pés de couve virou tudo com o vento. Assistindo amor a vida. vou contratar uma professora(o) particular pra ter umas aulas relembrar as coisas que já esqueci .. passamos o natal na chácara com minha família. um carneiro bravo atropelou ela. Hoje é dia 19 de novembro. quero descansar bem pra enfrentar 2014 com bastante disposição. a Neusa o Elso . mas hoje estou ate as guela. férias chegando ufa . foi muito legal. agora são 7h. Agora é 15h. tá chovendo mais nós vamos com chuva mesmo. agora é 12 h. Desculpa o desabafo.no fim de semana vou pra lá comemorar o niver do papis . ontem domingo nós almoçamos na chácara comemoramos o aniversario do pai. Bom. aqui é tranquilo só cuido do refeitório da fazenda que é junto com a casa onde moramos. como diz a minha mãe. o Alan foi pra escola... uma novela da globo.. ate que enfim . Meu Deus como passa rápido ..

o vereador que levou a gente . Estamos em Júlio de 2014 . o doutor passou remédio controlado pro Alan tomar o tegretol. Queria mesmo que os cientistas encontrassem a cura pro câncer . prevenção é a melhor coisa que tem.romana. com o Alan . nossa maneira de viver. sou muito feliz por ser católica. Mas tem tratamento e tem cura. as forças armadas os países desenvolvidos e subdesenvolvidos.uuuufa. dia 19 de maio deu um ataque epilético nele. estávamos indo pra Dourados retorno no neurologista . na verdade eu acho que eu . só assim a gente tem chance contra essa doença que esta matando tanta gente no mundo. voçe que esta lendo esse texto. também não tenho tempo agora parei de fazer meus artesanatos e estou fazendo queijo pra vender. domingo dia 22 de março. Todos gostam dos meus queijos.aides . Aprendi que não adianta lutar contra o destino ele nos pega no meio do caminho. mas não tinha vaga nem particular. É bom sonhar assim. os parentes. não quero que isso que eu vivi ate hoje sirva de lição ou blá. Meu Deus já faz 4 meses que eu não escrevo mais. No dia 29 . graças a Deus ele no mesmo dia conseguiu uma vaga. minhas tristezas. Mas não significa que as provações que nós passamos seja para sofrer e sim para termos mais força e sabedoria pra enfrentar essa vida que é um presente de Deus para nós. ele tem uma falha no lado esquerdo da cabeça. e outras tantas doenças que tem no mundo. e de mama hoje em dia . amadurecemos com os sofrimento. nem quando. a vida é feita de sonhos. meu aniversario desse ano não teve graça. Só estou deixando aqui minha ideias. O doutor Jose Luiz disse que a gente teria que levar ele num neurologista em Dourados. mas Deus da força pra gente enfrentar esses momentos difíceis que vem na nossa vida. O aniversario do Alan ta chegando já vai completar 7 anos o meu baixinho. ainda mais quando é com o nosso filho. apenas respeite o modo de viver de cada um. uma arritmia celebral . Se um dia . ninguém sabe de nada . ate as guerras vão acabar porque as pessoas só vão falar nisso. pedio eletro da cabeça . Um dia tenho certeza que vão encontrar a cura pra todas essas doenças .. com o tempo a vida vai moldando nosso caráter. parkison . ai o mundo todo vai entrar numa era de felicidade. a gente tem que se cuidar porque tem tantos casos de câncer de colo de útero. estamos mais tranquilos agora. dia do meu aniversario. não sou nem quero ser mais que ninguém . Estamos passando por um momento tão difícil. e constou esse problema. nem aonde. minhas magoas. alegria. se a gente esta aqui nesta vida é por alguma razão não sei qual. quem não sonha não vive .. os amigos. a onu . todas os continentes distribuindo medicamentos para seus povos . A gente acha que a vida dos filhos. alzaime . ta vendendo bem. hoje é dia 28 fui no medico fazer o preventivo e genicológico . vamos fazer uma festinha pra ele . ficou internado fez tomografia.blá. vão ser do jeito que a gente idealizou mas não é bem assim. mas ficamos sem chão com esse problema dele. não é fácil. Resolvemos pedir ajuda ao vereador Roberto Peres sangue bom. Esse é um tipo de diário que escrevo deixando minha opinião sobre as coisas que aconteceu comigo ao longo da minha vida. a gente estava desesperado. me senti um peixe fora da agua nessa outra igreja. meus momentos felizes. o Alan ta com problema na cabeça. todos tem uma opinião e o direito de levar a vida do jeito que quiser . no consultório do doutor Piva em Dourados. os laboratórios trabalhando noite e dia para dar conta de tantos remédios. blá.

Estou lavando roupa agora . Começar qualquer coisa parece impossível. salgadinho. pro que der e vier. mas não em Amambai quero morar em outra cidade. pra vender. eu fico muito sozinha aqui. derrepente o motorista liga que o Alan tá com dor na barriga e chorando. preciso ser forte pra enfrentar essa fase difícil .insignificante.. Queria entender o que se passa com o meu filho meu Deus. esta fazendo tratamento pro problema na cabeça. só Deus mesmo pra ajudar a gente com fé em jesus tudo dará certo. apesar que na casa da madrinha era como minha casa . lá vou eu 15 km buscar o Alan. meu Deus era uma tortura . por nervoso só. Acho que ele esta bem . foi quando fiz curso de informática eu ficava na casa da minha madrinha toda quarta feira. ele tá com dificuldade na escola não esta lendo ainda.levar os exames do Alan pra doutora olhar. Desde fevereiro de 2014 quando a vizinha mudou daqui . quando não é o motorista é a escola. e a escola não ligou. ainda tenho que estender minha roupa que esta no tanque. ele vai crescer amadurecer e aprender enfrentar seus medos . ansiosa . Se Deus é por nós. agora são 8:30 h . mas tem crianças assim mais lentas outras mais rápidas pra aprender. se magoei alguém não foi minha intenção. quando mudarmos dessa fazenda quero ir pra cidade tocar meu próprio negocio. estamos morando sozinhos aqui na fazenda. ou manha mesmo .falei pra ele eu não vou buscar. eu também era assim . ele acorda bem entra no ônibus bem. um dia eu e a minha prima Cris estávamos indo pro curso de informática e eu passei mal na rua. Hoje dia 30 de Júlio o motorista ligou . é chato sem vizinho perto.. de tarde tenho que ir na cidade. eu me sentia muito bem na casa dela..São dias miseráveis que voçe se sente um lixo. eu não . um dia nós vamos ter que mudar daqui porque a terra não é nossa. e tudo parece fora do alcance. ou vamos passar.alguém ler esse meu diário muito louco quero passar uma mensagem legal. ai que preguiça. quando criança tinha medo de ficar longe dos meus pais . kkkk. sozinho no mundo e literalmente acabado. ate agora sou assim . as partes mais importantes da minha vida minha família meus amigos. me dava dor de barriga e chegava a vomitar de nervoso. vou estar sempre ao seu lado . voçe pode se tornar . sem animo pra nada. Todo mundo tem um dia daqueles. e depois o almoço . acostumei já faz 6 anos que a gente mora aqui na Tres Poderes. Você já passou por alguma provação na sua vida ? todos nós passamos. As vezes me vejo nele . toda vez que ele chora eu vou buscar. me cortou o coração mas não fui buscar o Alan. tem a Denise e o Marcelo que moram nas outras casas que ficam longe daqui. tenho fé que um dia vai passar. nervosa. levei no medico fez exames não tem nada graças a Deus. mas o fato de estar longe de mãe me desesperava. a máquina. Voçe não consegue levantar nada. não quero mais ter patrão quero ser a patroa se Deus quiser. o Alan vai pra escola o Jodemir sai trabalhar. quem será contra nós. Aqui a gente não tem muita chance é uma cidade pequena e já tem muita gente que trabalha nesse ramo. O que eu escrevo aqui e mais sobre mim. ela sempre tratou a gente com carinho.. Então esse problema parece que é de família de geração . mas enfrentei meus fantasmas e eles sumiram. lembro que a primeira vez que fiquei longe da minha mãe e do meu pai. a gente só trabalha. conversa com ele porque isso é só nervosismo dele. Em dias assim . gosto mesmo de ficar escrevendo. o Alan não foi na escola porque o ônibus escolar passou tarde aqui .. Hoje é dia 29 de Júlio de 2014. vou fazer bolo de aniversário. mas mesmo assim gosto daqui. Bom agora vou fazer queijo . São dias que voçe se sente minúsculo . daqui a pouco vou fazer pão . e aqueles que fazem parte da minha vida.

porque só se é jovem uma vez e não fica velho duas vezes. uma hérnia de disco. levante a cabeça e diga: Isso esta errado e eu não vou engolir.. Orgulhe se de ser como voçe é.. Talvez voçe acorde sentindo que sua cara não esta das melhores. Tente meditar. Isto é bem mais fácil quando voçe esta no meio de gente alegre. besteirinhas sussurradas no ouvido. sem ao menos saber por que. achando que todo mundo está a fim de te pegar. receber um apelido constrangedor ou simplesmente levar uma lavada de alguém. Quem pode dizer quais as coisas fantásticas que estão logo ali. Mas o melhor de tudo é que há romance.. E o que é preciso fazer para voçe se sentir como se estivesse mergulhado numa deliciosa banheira de espuma? È fácil .. Nunca é tarde para isso. porque um dia vai ser mesmo. pode se agarrar á crença idiota de que tudo dará certo no fim. ou uma maldita unha encravada. seu chefe pode estar de olho em voçe e todo mundo no escritório esta te deixando doido.. ou que nasceu aquela espinha no nariz.. ate uma ou outra mordidinha de amor. Aceite o fato que voçe vai ter de deixar para trás uma certa carga emocional. ate voçe se sentir deprimido. Nem sempre é bom botar pra quebrar... É hora de ir a luta. fazer papel de idiota em público. Afinal de ..Tente ver as coisas de outro ângulo. gases. abandonado ou despedido. se voçe é como todo mundo.. o que é pior. pare de se esconder pelos cantos. transformar se na incontrolável compulsão de devorar um bolo de chocolate inteirinho. o mundo esta cheio de descobertas surpreendente... tudo pode rolar. karaoque e danças malucas. Ou. o que pode. mais beijocas e ainda mais beijocas. com ganas de roer as unhas. Ou saia para um passeio para refrescar a cabeça. Não hesite em abocanhar mais do que voçe pode. achar que não dá mais pra tocar em frente. Inspire e solte o ar lentamente pela boca. Se alguém estiver pisando na bola. Jamais recue. VAMOS. coisas que voçe nem imagina.. voçe vai passar o resto da vida olhando por cima do ombro á espera da próxima cilada que o destino esta reservando para voçe. descubra algumas novas rugas. Dá até vontade de gritar. no virar da esquina? Afinal de contas.. Talvez um pouco de culpa seja sua. dái. Vá em frente. Se for esse o caso. num piscar de olhos. E nem precisa muito para começar um dia daqueles. Voçe se sente frustrado e ansioso.. mau hálito. Mas pegue leve.. Bom. Ai o que fazer? O que fazeeeer? Bom. ou uma vitima chorona e patética. Daí. Voçe fica a ponto de se derreter em lagrimas. chamegos. Voçe pode acabar com uma tremenda dor de cabeça... que ganhou uns quilinhos a mais. voçe se sente mergulhado num oceano de tristeza. Isto é uma loucura.. Meta as caras..paranoico. O que pode significar olhares sonhadores. com vontade de deitar se e implorar para que a terra o engula de uma vez. não é? Mas espere. tenha a coragem de pedir desculpa. Qualquer que seja a razão. Viva cada dia como se fosse o ultimo . Voçe pode esquecer do aniversario de seu namorado ou ver que alguém tirou sua foto com cara de bobo. mas nunca perca a capacidade de rir de si mesmo. Voçe pode até tornar se fabulosamente rico e um dia até uma enorme superestrela. ACABEM LOGO COM ISTO.. boca seca. ioga. Vai se tornar cínico e rabugento..Em primeiro lugar. Há reviravoltas na vida.Relaxe... E a coisa vai por ai. dor de dente. Talvez o seu trabalho seja um espeto. selvagens. Voçe nem sabe quanto tempo mais dá pra se segurar. brincadeiras.. voçe acaba convencido de que alguém lá em cima não vai com sua cara.Há perfumes deliciosos e apetitosas refeições a dividir.. Voçe pode der descartado.. Assuma riscos.. beijocas.Voçe pode estar sendo pressionado a preencher a vaga de outra pessoa. Voçe se sente como se estivesse perambulando pela vida sem propósito. É bom ser enérgico de vez em quando. Num dia daqueles .Parece bom. tem mais.

. fiz tratamento com remédio e melhorei. galinhas os cavalos. Queria tanto que ele saíssem daquela chácara. ovelhas . fica perto do medico e da terapia que o pai faz. eu me pergunto ate quando? Aqui no Brasil não tem guerra. Um dia temos que encarar a realidade e desapegar. amor. Esses babacas que não sabem o valor de uma vida .. porque não se passa aqui na nossa região. a saúde esta precária. tenho a sensação de voltar no tempo. gastaram milhões com a copa . ESTA TUDO ERRADO. falando assim parece que a minha vida é ruim agora. queria ter o poder de convencer meus pais a saírem de lá. Mesmo assim já quase entrei em depressão uma vez. com as galinhas. respeito. porque quando batermos as botas . Gosto de escrever. todos nós vamos passar por isso um dia. eles moraram a vida inteira naquele lugar. senador da republica ganha muito mais . Autor: Bradley Trevor Greive. Hoje segunda feira 4 de agosto de 2014. o coração estava descompassado . meu emprego . sabendo que eles estavam perto do recurso. Adorei esse livro. eu sei que não é fácil . Assim eu fico com o coração nas mãos . pintaram e bordaram. as vacas . queira ou não queira. quando saio de casa fico preocupada com o fofucho. mas depois que a gente pega essa . tenho minha casa . precisam correr atrás do prejuízo e ai as consultas ficam cada vez mais caras . e porque que um deputado .. jogador de futebol ganha milhões por mês . e os governantes não querem pagar o justo pros profissionais que salvam vidas. UMA LIÇAO DE VIDA PARA LEVANTAR SEU ASTRAL. a guerra . a vida não é uma loucura? Bom pelo menos é isso que eu acho.. É revoltante. um lar. tem o pomar . mas não temos esse poder né. longe da cidade. E AGORA? São tantas perguntas que a gente faz e não achamos respostas. Estou preocupada com a saúde do meu pai . teria feito tudo diferente na minha vida. eles morando sozinhos lá naquela chácara .. só assim me sinto bem comigo mesma. a se eu pudesse voltar no tempo. me desculpa quem estiver lendo mas hoje quero falar de um tema que ninguém fala . Por isso que eu acho que se apegar muito as coisas materiais e aos animais não é bom. na cidade é melhor pra eles. se Deus quiser não vai ser nada. espero que levante seu astral. essa doença ausaime é assustadora que Deus livre a gente dessas doenças. construíram grandiosos estádios . entre Israel e o Hamas. alguém é responsável por essa guerra que não acaba nunca. eu sou assim também . não é bem assim. vamos deixar tudo aqui . eu não entendo e nem quero entender porque os responsáveis por essa barbaridade que esta acontecendo nesse lugar não param com isso. o mais importante saúde .contas. liguei hoje pra eles e a mãe disse que o pai passou meio ruim no sábado. carro pra sair. com os outros cachorros . graças a Deus fui no medico a tempo. Porque uma faculdade de medicina é tão cara? muitos jovem querem seguir essa carreira de medico mas é difícil . por isso resolvi colocar na minha historia. prefeito . na educação . só não faço isso porque não tenho condições financeira. formei minha família. Precisa sim construir mais hospitais . que estupides essas guerras enquanto pessoas inocentes morrem ninguém faz nada para acabar com isso. a gente também ficaria mais tranquila. acho que vou comprar um caminhão e carregar todos comigo. mas tem tanta corrupção . quando começo escrever esqueço dos problemas. agora o jeito é seguir em frente. aqueles que tem condições depois de formados. Do que voçe tem medo? Eu tenho medo de perder a memoria . investir em profissionais da saúde . num caso urgente. tantas doenças no mundo e agora guerra também .

um quer uma coisa o outro quer outra. Isso é vida... nem sempre as ideias batem. rúcula. fritura nem pensar. não tenho mais aquela canseira . no meu caso . mas a gente não consegue mudar derrepente . coxinha . Deus não da uma cruz que voçe não possa carregar. eu tolero muita coisa. todos acham que sou calma e uma mulher forte. da vontade de comer carne assada . ainda bem que tem remédio abençoado por Deus que ajudam a gente a sair dessa.doença.. feijão . ficamos paralisados com nossos sonhos e projetos que não saem do papel. ver os passarinho cantando no cercado do mangueiro que fica perto da janela do quarto onde voçe dorme. não me deixe desistir jamais. acordar de manha e ver a geada branqueando os campos.. só como carne 2 vezes na semana . Ontem foi dia dos pais . angustia. só assim estamos vivendo juntos a 12 anos . a Marinei e a Rosinei também estavam lá. huuuuum. pastel. sou ansiosa e tenho medo de enfrentar a vida. e jogar tudo pro alto.. precisamos decidir juntos uma nova etapa de vida. dia 10 de agosto... pois vou dar o melhor de mim. mãe quero leite. paciência . se o meu destino é esse. fiquei preocupada estou descuidando da minha saúde . tenho medo de um dia me cansar de ser a Amélia mulher de verdade . aquela velha desculpa . pão . será que tenho coragem? Rs rs. . pucherada. Hoje esta fazendo 2 semana que mudei minha alimentação . colesterol e triglicerídeos acima do normal. De ambos os lados. esses sim é uma delicia pra comer e viver com saúde . agora mudei minha alimentação . tristeza. nas refeições como mais salada. Dias atrás fui no medico . porque não estou sozinha tenho marido. e agradeço tudo que vivi ate hoje. feijão e farinha. de vez em quando ela quer nós pegar de novo. fiz uns exames de rotina e constatou. Preciso ser forte. Sentir o abraço do filho que vem e diz . o leite também diminui bastante. com mais disposição pra trabalhar mais energia . filho. couve.. é difícil a mudança para uma alimentação saudável . mãe estou com fome. Almoçamos com meu pai. errado. sabe que estou me sentindo melhor. pra mim é difícil decidir qualquer coisa. frutas. é a coisa mais linda quando a gente ouve aquele serzinho chamar voçe de mãe pela primeira vez. ser dona de casa . vou seguir com minha cruz ate o fim . quero sentir a chuva caindo devagar na terra. naquela noite melancólica. queria ter coragem de começar estudar de novo. a lua quando surge de mansinho por detrás das arvores e ilumina toda terra. cuidar do marido do filho. e depois ficar se esquentando no sol. fazer uma faculdade ou curso profissionalizante . e nos intervalos fruta. Espero que não . o vento norte no verão de dezembro refrescando as arvores pra gente ficar na sombra. huuum. desanimo que eu tinha. Amo tanto a minha vida. sentir que tem alguém que precisa de voçe pra tudo. nas noites frias dormir bem agarradinho com a pessoa que voçe ama. beijinho no ombro e pé na estrada. discernimento . formando remansos de areia com os pingos um atrás do outro. quero sentir o calor do sol no meu rosto. os sintomas são ansiedade .. e amor.. Um casamento é feito de tolerância . quero viver mais e com saúde. na verdade acostumamos com nossa vida do jeito que esta. Deus me ajude nessa nova etapa da minha vida. arroz e peixe. comer uma mandioca frita com ovo e arroz amanhecido . fazer fogo no fogão de lenha e ficar esquentando as mãos no calor da brasa que começa se formar dentro do fogão. ouvindo no radio uma musica de viola que conta historias de um amor impossível. mais vale um pássaro nas mãos do que dois voando. acho que é por medo da mudança de vida de lugar. sei das minhas fraquezas .mas agora prefiro um belo prato de salada de alface. tomando terere.

deixar os problemas tudo pra traz . Preciso continuar com a alimentação saudável. não sei ate quando vou aguenta. ir não sei pra onde .. emagreci 3 k .. . mas não vejo diferença me sinto mal quando me olho no espelho. pessoas falsas me dá enjoo . pra variar estou desanimada.Hoje é dia 30 de setembro de 2014. estão em todo canto. tem horas que dá vontade de pegar a estrada e sumir no mundo. tem umas coisas que não se resolvem . Ficar num lugar onde ninguém me conhece . cobiça . a inveja . não sei como. tem horas que me sinto numa bomba relógio preste a explodir . encontrar não sei quem.

Related Interests