You are on page 1of 6

Avaliação: CEL0518_AV_201202297961 » HISTÓRIA DO BRASIL REPUBLICANO

Tipo de Avaliação: AV
Aluno: 201202297961 - SOPHIA CARDOSO DA SILVA
Professor: RODRIGO PEREZ OLIVEIRA
Nota da Prova: 8,0

Nota de Partic.: 1

Turma: 9001/AA
Data: 18/11/2014 17:56:03

1a Questão (Ref.: 201202878010)

Pontos: 0,5 / 0,5

Emília Viotti da Costa, em "Da Monarquia à República: Momentos Decisivos", empreendeu uma análise
sobre esse importante episódio da história brasileira. Sobre a tese da autora, analise as proposições a
seguir: I- Em oposição à interpretação inaugurada por Caio Prado Jr., a autora investigou a proclamação da
República a partir do descompasso, cada vez maior entre a estrutura econômica que se modernizava e a
estrutura política da monarquia brasileira que não atendia aos interesses da nova elite. II- Para os setores
economicamente mais dinâmicos, que apareceram no cenário econômico brasileiro por volta de 1850, a
estrutura política do regime monárquico era um entrave à modernização do país. III- A tese da autora
consiste na afirmação de que a proclamação da República foi o resultado do distanciamento entre a
estrutura política da monarquia e os grupos sociais que formavam a nova elite econômica. Assinale a
alternativa correta:

Se apenas as alternativas II e III estiverem corretas.
Se apenas as alternativas I e III estiverem corretas.
Se apenas as alternativas I e II estiverem corretas.
Se apenas a alternativa I estiver correta.
Se todas as afirmativas estiverem corretas.

2a Questão (Ref.: 201202444332)

Pontos: 0,5 / 0,5

(UFF 2011/ Adaptação) Um dos elementos decisivos no tocante à simbologia do regime republicano que foi
inaugurado no Brasil em 1889 foi a definição de sua bandeira, de adoção obrigatória e legalmente
estabelecida. Segundo alguns autores, essa foi uma batalha decisiva, que revelou clivagens entre os
próprios republicanos, apesar de a vitória ter pertencido a um grupo: os positivistas. Sua vitória, nesse caso,

ora o modelo norte-americano. 3a Questão (Ref. os positivistas ortodoxos constituírem-se numa seita religiosa que pregava o fim do estágio fetichista a bandeira ter incorporado o lema dos positivistas ortodoxos. "Ordem e Progresso". sobretudo devido a seu prestígio junto aos antigos setores aristocratas e conservadores da população.pode ser explicada pelo fato de: os positivistas ortodoxos considerarem que apenas sob o regime monárquico estariam assegurados a ordem e o progresso. os positivistas constituírem a base de apoio ao regime republicano. ladrões e vagabundos. Devido ao analfabetismo e à falta de consciência política não souberam compreender a importância da vacinação obrigatória e das reformas urbanas realizadas por Pereira Passos. estavam profundamente atentos a aspectos do exercício do poder que afetavam a vida cotidiana e dispostos a defender os seus direitos. Sua revolta não tinha consciência política. combinando passado e futuro.5 / 0. fazendo com que os demais projetos de bandeiras apresentados fossem sistematicamente vetados por imitarem ora o modelo francês. e elementos da antiga bandeira imperial. Faziam parte dos setores marginalizados e perigosos da sociedade. Não conseguiam perceber os benefícios da vacinação contra a varíola. . tal como o pregara Comte. como prostitutas. Embora estivessem alijados da cidadania política. além de valores como a fraternidade universal e a conciliação entre extremismos. Agiram sob manipulação de políticos contrários ao governo e pela imprensa.5 A respeito da Revolta da Vacina (1904) podemos concluir sobre os seus integrantes que: Agiram exclusivamente em nome da preservação da moral de suas mulheres e filhas.: 201202429565) Pontos: 0. os positivistas ortodoxos contarem com maioria no Congresso.

resultou de um processo crescente de transformações vividas pelo país.5 Em 1910 eclodiu no Rio de Janeiro um movimento popular dentro de uma das instituições que no início do século XX ainda mantinha um caráter aristocrático.4a Questão (Ref. disputa política no interior do Estado.: 201202555389) Pontos: 0. Essa revolta lutava contra práticas que.5 / 0. sem ligação com as classes da sociedade 5a Questão (Ref. marcavam a continuidade da mentalidade escravista no Brasil. dentre as quais se destaca: A crescentge insatisfação dos estados mais pobres contra o domínio do eixo ¿café com leite¿ expressa em rebeliões como as de Canudos e Juazeiro O caráter modernizador dos setores oligárquicos. que assumiu na década de 1920. de certa forma. contestando o domínio dos coronéis O movimento tenentista.5 A crise da dominação oligárquica que culminou com a Revolução de 1930.5 / 0.: 201202457095) Pontos: 0. cada vez mais ligados aos empreendimentos urbanos-industriais A emergência de uma classe operária ligada à industrialização. formas políticas mais organizadas A lenta politização dos trabalhadores rurais após a abolição. Assinale a alternativa na qual este episódio é denominado: Guerra do Contestado Revolta Federalista Revolta da Chibata Revolta da Vacina Guerra de Canudos .

Dos governos militares a Prudente-Campos Sales. Fernando Henrique. Noutros tempos. O jacobinismo. vol.0 Durante a chamada Velha República existiram algumas vozes discordantes em relação à nova ordem dominante no Brasil. Campos Sales. 64) O autor está se referindo ao seguinte arranjo político: A política dos Governadores. que assegurava aos donos do poder maior controle para dar continuidade à sua dominação Todos esses movimentos. In: FAUSTO.6a Questão (Ref.5 Leia com atenção o trecho a seguir: "Até Campos Sales as dissidências estaduais e a divisão entre executivo e legislativo ganhavam contornos ásperos graças às repercussões que encontravam na tropa e o fato de que o florianismo e demais tendências militares mesclavam-se com as oposições civis. Tomo III. (CARDOSO. O civilismo. pp.p. a Constituição de 1891. História Geral da Civilização Brasileira. Boris. 2006. O encilhamento. a grande querela política limitar-se-ia às alianças e diferenças entre Governo Federal e Governos Estaduais ou suas oposições. Os movimentos no campo (a Revolta de Canudos e a Guerra do Contestado) e nas cidades (além dos movimentos operários. Sujeitadas estas ao poder presidencial. sobretudo. O militarismo. capaz de dar cabida a um sistema baseado numa liderança que mais do que pessoal (como no moderador) seria "institucional". 7a Questão (Ref. em sua essência. 2.: 201202457220) Pontos: 1. expressaram reivindicações sociais sem conteúdo .: 201202452911) Pontos: 0. propôs um "pacto oligárquico".5 / 0. a Revolta da Vacina e Revolta da Chibata) podem ser assim caracterizados: Foram movimentos que tinham como objetivo questionar.17-57. voltar-se-ia formalmente aos períodos em que as oposições locais poderiam transformar-se em governo graças às derrubadas promovidas pelo Moderador.0 / 1. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil. consciente de que assim seria na falta de partidos e convicto de que a direção ou a orientação de um processo político "é uma função que pertence aos poucos e não à coletividade".

que oferece a legitimidade dos senhores de terra. cada vez mais dependente do capital ingles. com destaque para o governo de Floriano Peixoto. 9a Questão (Ref.: 201202457188) Pontos: 1. passou-se apenas da representatividade de um rei. Resposta: A transição da monarquia para a republica.5 / 1. em que o aluno deve salientar que a República brasileira é estruturada com um período marcado pelo domínio militar. e beneficiando poucos. . Resposta: A republica brasileira que teve seu inicio com os Marechais (Deodoro e seu sucessor Floriano por exemplo) pode ser relacionado pelo fato da formação militar dos mesmo torná-los intransigentes e sem capacidade de gerir ou emprender qualquer situação baseado no dialogo. miséria e abandono a que estava submetida a maioria da população brasileira A marca desses movimentos era o fanatismo religioso que combinou conteúdo religioso com carência social Tinham diferentes reivindicações. pouco mudou a politica brasileira.5 Relacione a República de cunho militar da formação republicana brasileira e os chamados Coronéis. Seu governo de fato é impulsionador e organizador da política dos governadores. Gabarito: O pedido é de um panorama político da República Velha. reconhecidos como coronéis durante a República Velha.: 201202457242) Pontos: 1. Sempre na base da imposição.religioso As revoltas no campo e na cidade tinham em comum a luta contra a situação de exploração.5 Discuta as continuidades e ruptuas da transição brasileira entre a monarquia e a república.5 / 1. para um presidente que não fora eleito tbm diretamente. os primeiros questionavam a falta de participação popular e os últimos queriam maior participação política partidária 8a Questão (Ref. Continuou-se com economia agrario exportadora.

era o grande regime do mundo. o regime das Américas. A população mais pobre continuava esquecida e a merce da sociedade. Não à toa as primeiras figuras buscadas pelos republicanos foram militares reconhecidos. tentando não perder legitimidade. pois importava vários produtos industrializados.0 A crise de 1929.Não de preocupava em industrialização. elites que mantinham sua relação de dominação local e dialogavam com arranjos políticos para a ocupação do parlamento nacional. Gabarito: Como continuidades o aluno deve destacar a continuidade das elites administrativas brasileiras.0 / 1. comprometendo a "República das Oligarquias". afetou o Brasil econômica e politicamente. Crise nas exportações industriais. provocando: O aumento do desemprego nas atividades comerciais e as greves operárias. mas esbarrava no prestígio de D. prejudicando a burguesia.: 201202457106) Pontos: 1. Um salto nas exportações devido ao desabastecimento norte-americano. . A crise na lavoura cafeeira. Pedro II. que teve início nos Estado Unidos. 10a Questão (Ref. A República vem atender os anseios de modernizar o Brasil. A redução dos investimentos estrangeiros na extração do látex.