You are on page 1of 7

DOCUMENTO DE PROJETO

TERMO DE ABERTURA DE PROJETO

Clinica XH5

TERMO DE ABERTURA DE FASE DE PROJETO

fevereiro 2014

XPTO LTDA.

CONFIDENCIAL

Página:
1/7

6. Sua missão é o sucesso do projeto. CONFIDENCIAL . Responsabilidades do Gerente 1. A execução de processos de garantia e de controle da qualidade para assegurar uma solução com um nível de qualidade aceitável.25-2014 . 5. 4. 7. a documentação. o gerenciamento e a resolução das Incidências problemáticas.Modernização da Clinica XH5. Apêndice C (WLAN). 3. A identificação. XPTO LTDA. O gerenciamento do cronograma para assegurar-se que o trabalho foi atribuído aos membros da equipe e que o mesmo será entregue dentro do orçamento e do prazo acordado. na empresa XH5 do Edital Pregão Eletrônico SRP . quais sejam: O objeto compreende a implantação dos itens componentes dos Apêndice A (Sala Segura). 2. A identificação. e trabalhará em cooperação com Delermando Branquinho Filho para assegurar o atendimento de todos os objetivos descritos no Plano de Projeto.DOCUMENTO DE PROJETO Página: 2/7 TERMO DE ABERTURA DE PROJETO TERMO DE ABERTURA Nome do Projeto: Modernização da infraestrutura da Clinica XPTO Designações Por este documento Windy Vieira é designada Gerente deste projeto. O gerenciamento pró-ativo do escopo para assegurar-se que apenas o que foi aprovado será entregue. Apêndices B (LAN). o gerenciamento e a mitigação dos riscos do projeto. exceto no caso das mudanças serem aprovadas pelo processo de gerenciamento das mudanças do escopo. A definição e a coleta de métricas para dar uma idéia de como o projeto estão progredindo e se as entregas produzidas são aceitáveis. Apêndice D (Proteção de Dados) e Apêndice E (Segurança Lógica). A disseminação pró-ativa das informações do projeto a todas as partes interessadas.

Premissas O projeto seguirá as melhores práticas abordadas no PMBok – Project Management Body of Knowledge. 4. Para dirigir ações de monitoração de atividades referentes ao tempo. Engajar e substituir o pessoal da equipe de projeto quando necessário e dirigir as atividades dessa equipe. Os detalhes da instalação.  A equipe de trabalho será dividida em duas partes. Para o sucesso completo deste projeto é de fundamental importância que as condições abaixo sejam atendidas:  O caminho crítico do projeto será executado acompanhado conforme descrito no Plano de Projeto. 3. CONFIDENCIAL . desempenho e qualidade de forma a garantir que todos os problemas são prontamente identificados. Elaboração progressiva significa desenvolver em etapas e continuar por incrementos. 5. Para contatar através das unidades funcionais e com todos os níveis de gerência para realizar os objetivos do projeto. pacotes de trabalho e demais documentos foram entregues para orientar a aprovação do início da execução do projeto.  Todas as mudanças devem passar por análise do Comitê de Mudanças e essas devidamente documentadas. 2. Uma será responsável pelo cabeamento vertical (shafts) e outra ficará focada no cabeamento horizontal (andares). como cronograma. 6.  A EAP descrita no Plano de Projeto poderá sofrer alterações conforme a necessidade. custo.DOCUMENTO DE PROJETO Página: 3/7 TERMO DE ABERTURA DE PROJETO Autoridade do Gerente 1. Para delegar tarefas e atividades do projeto dos membros de sua equipe. Para acessar os contatos com o cliente em todos os assuntos relativos a este projeto. Para controlar o orçamento do projeto. considerando que as entregas passarão por uma elaboração progressiva. Para acessar os Gerentes de Recursos em todos os assuntos relativos ao projeto. risco. 7. bem como seus elementos de fixação e operacionalização. XPTO LTDA. A elaboração progressiva é uma característica de projetos que integram os conceitos de temporário e exclusivo. mas essas serão comunicadas e alinhadas com a XH5. reportados e solucionados.

alvenaria.20m). levantamento. Restrições  O fornecimento de energia elétrica pela concessionária (disposto no subitem 6. etc) designado conforme a disponibilidade. Em todos os andares.  O espaço alocado para as Salas Técnicas de distribuição vertical estão nas plantas técnicas no plano de projeto. 2. configuração. O local dos furos será alinhado com a engenharia da XH5 previamente e será anexado ao pacote de trabalho.  Será necessário furação da laje entre os andares para passagem do cabeamento UTP. instalação.TERMO DE REFERÊNCIA APÊNDICE “A” – AMBIENTE FÍSICO INTEGRADO do Edital do Pregão Eletrônico (SRP) n° 182/2010) será substituído por uma subestação local. a saber: Os locais para sala técnica definidos foram:  Junto à escada nos cantos do prédio.44m de largura e 2. atendendo metade triangular de todo o prédio (3andares) e outros dois rack’s.  As áreas com necessidade de recomposição predial (gesso. Fibras e elétrica para alimentação dos Racks.  Ao lado da escada fechando um ambiente suficiente para a montagem da sala técnica com porta independente. a XPTO descreve as seguintes ressalvas: XPTO LTDA. pintura entre outras obras) serão de responsabilidade da XPTO.11. a XPTO avaliará a necessidade de reparo nas portas e fechaduras.b ANEXO I .20m x 1. (sistema simétrico).DOCUMENTO DE PROJETO Página: 4/7 TERMO DE ABERTURA DE PROJETO  A XH5 disponibilizou espaço de armazenamento para insumos e equipamentos do projeto. sendo os dois Rack’s X e Y no subsolo à esquerda de quem entra no prédio. onde se encontra os racks de distribuição. também X e Y no primeiro andar.4. Construir paredes da sala em alvenaria ou gesso.  Os rack’s serão fixados nas Salas Técnicas. Essa ação requer interação com o Comitê de Mudanças para oficializar a alteração.  Nenhum pacote de trabalho ou atividade deverá ser executado sem a prévia comunicação formal e com o devido acompanhamento Da XH5. o cabeamento deve subir no canto da escada nos três andares em caixa de madeira coberta com fórmica na mesma cor da existente hoje no prédio. CONFIDENCIAL . canto inverso do prédio do lado esquerdo da sala cofre.59m de altura cada um.05m de comprimento. ao lado do container pode ser instalada sem restrições.  Um funcionário da XH5 deverá acompanhar todos os trabalhos (inspeções.  Uma unidade de Banheiro químico (1. A recomposição ocorrerá após o término das atividades.  Para a Comissão de CCIH a instalação da infraestrutura. exceto as áreas descritas como restrições do projeto. A área sugerida já está com dois containers ocupando uma área de 6.

furação e outros que gerem poeiras. resíduos e outras partículas. Riscos  Haverá perfuração de lajes nos locais onde estão previstos os racks do sistema de distribuição de rede. onde serão instalados AP’s. devido movimento de macas. O barulho está acima do permitido em decibéis.  Não furar vigas sem comunicação e aprovação da engenharia. elas devem ser identificadas antes do início das atividades.  Sr.  Não subir eletro calhas no meio das paredes das enfermarias. Foi informado ao mesmo que a definição de localização de atendimento é pela área construída e não pela ocupação atual e que este quadro de ocupação ou áreas desoladas podem mudar a qualquer momento. Limite de horário ou período de trabalho.DOCUMENTO DE PROJETO Página: 5/7 TERMO DE ABERTURA DE PROJETO  Onde houver janelas de visitas. Everson informou que em algumas áreas. então tais atividades devem ser agendadas conforme a necessidade e disponibilidade.  Não utilizar tubos e eletro dutos pretos. estas serão fabricadas com perfil de alumínio e tampas em acrílico e devidamente vedadas.  Os locais de acesso crítico deverão obedecer a uma agenda de acessibilidade desenvolvida pela hotelaria. Reparos de defeitos fora do local de atuação não serão permitidos. Exclusão do Escopo    Não serão permitidos funcionários sem identificação da Contratada. O alumínio não será pintado. A empresa de descarte de entulho deverá ser uma das já homologadas pelo hospital. CONFIDENCIAL . são áreas mortas e que estes podem ser utilizados em outros locais.  Todo agendamento de serviço deverá ser realizado previamente com a chefia da enfermagem ou demais setores e NIR quando for o caso.  Caminhos de Fibra e Elétrica: assegurar os trabalhadores quanto aos cuidados com possíveis ferimentos em áreas poluídas.  É recomendado o bloqueio do leito hospitalar durante a execução dos serviços sempre que possível. XPTO LTDA.  Durante o trabalho de demolição. o local deverá ser isolado e limpo ao final do serviço. A XPTO deverá documentar as atividades.  Os resíduos de obra serão armazenados em caçambas para posterior descarte.

por parte das chefias no hospital. acarretam atrasos no cronograma. documentadas. As entregas. são:  Mapa de priorização de atividades de instalação setorizada. ou que possam sofre avarias inerentes à exposição a atividades de obras de demolição e recomposição dos ambientes.  Os locais onde serão instalados os pontos de acesso. A cada liberação individual dos locais citados. marcam o início das atividades de instalação nos mesmos. o que aumenta o risco de impactos no cronograma. bem como equipamentos sensíveis.DOCUMENTO DE PROJETO Página: 6/7 TERMO DE ABERTURA DE PROJETO  As solicitações de paralisações dos trabalhos. XPTO LTDA. bem como a limitação de acessibilidade aos locais de instalação. aproximadamente em 27/04. A partir da posse dessas informações as instalações seguirão conforme cronograma de priorização dos setores do XH5 (enfermaria. salas técnicas e o Datacenter serão desocupados até o dia 30/03/14. Aprovações sucessivas dos pacotes de trabalho em detrimento de uma aprovação única a ocorrer 4. A EAP descrita no Plano de Projeto rascunho poderá sofrer alterações conforme a necessidade. Todas as mudanças devem passar por análise do Comitê de Mudanças e essas devidamente 3. centro cirúrgico. Todos os eventos serão contabilizados para avaliação do desempenho a ser apresentado nas reuniões de ponto de controle. 1. Entregas Foram entregues todas as plantas técnicas da sala segura e das instalações dos pontos de acesso da Rede WiFi. A remoção de pacientes e macas. Arquitetura e Engenharia do XH5. CONFIDENCIAL . Acordos iniciais O caminho crítico do projeto será acompanhado conforme descrito no Plano de Projeto rascunho. administração) a ser entregue pela hotelaria do XH5 à XPTO. 2. com alinhamento do cronograma de instalações semanal entregue a XPTO pela Hotelaria. e não limitadas a elas.

Tabela 1 – Principais Interessados no Projeto Nome Setor Atribuições/Função Contato Interessado 1 Setor 1 Função 1 27 2222-2222 Delermando Branquinho Filho XPTO Gerente Regional RJ Gerente do Projeto 27 2222-2222 Aceito e aprovo as condições descritas neste documento. __________________________________________ Patricinador Vitória _____/_________/__________ XPTO LTDA. CONFIDENCIAL . Essa lista poderá aumentar conforme o planejamento fique pronto e novos setores sejam envolvidos.Página: DOCUMENTO DE PROJETO 7/7 TERMO DE ABERTURA DE PROJETO Principais Interessados A Tabela-1 mostra a lista dos principais interessados do projeto.