You are on page 1of 34

Separata

ao
Boletim
do
Exército
MINISTÉRIO DA DEFESA
EXÉRCITO BRASILEIRO
SECRETARIA-GERAL DO EXÉRCITO

SEPARATA AO BE Nº 7/2016
DEPARTAMENTO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA
PORTARIA Nº 014-DCT, DE 12 DE FEVEREIRO DE 2016.
Necessidades de Conhecimentos Específicos da Linha de Ensino Militar
Científico-Tecnológico para o ano de 2017.

Brasília-DF, 19 de fevereiro de 2016.

MINISTÉRIO DA DEFESA
EXÉRCITO BRASILEIRO
DEPARTAMENTO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA
DEPARTAMENTO GENERAL GOMES FREIRE DE ANDRADE

PORTARIA Nº 014-DCT, DE 12 DE FEVEREIRO DE 2016.
Aprova as Necessidades de Conhecimentos
Específicos da Linha de Ensino Militar CientíficoTecnológico para o ano de 2017.
O CHEFE DO DEPARTAMENTO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA, no uso da
competência que lhe é conferida pelo inciso III do art. 10 do Decreto nº 3.182, de 23 de setembro de 1999
(Regulamento da Lei do Ensino no Exército), combinado com o que prescreve o inciso III do art. 14 do
Regulamento do Departamento de Ciência e Tecnologia (R-55), aprovado pela Portaria do Comandante
do Exército nº 370, de 30 de maio de 2005, e em conformidade com as Instruções Reguladoras para o
Planejamento, Acompanhamento de Discente e Aplicação de Conhecimentos em Cursos de Mestrado,
Doutorado e Pós-Doutorado da Linha de Ensino Militar Científico-Tecnológico (EB 80-IR-07-008),
aprovadas pela Portaria 058-DCT, de 19 de dezembro de 2012, resolve:
Art. 1º Aprovar as Necessidades de Conhecimentos Específicos (NCE) da Linha de Ensino
Militar Científico-Tecnológico para o ano de 2017.
Art. 2º Estabelecer que esta portaria entre em vigor na data de sua publicação.

Separata ao Boletim do Exército nº 7, de 19 de fevereiro de 2016. - 3

3 Rádio Definido por Software (RDS) Ten* Cap/ Maj/ TC* IME Ten* Cap/ Maj/ TC* QEM/ Mat Fabricação de Blindagem balística. comunicações VoIP. tecnologias e pesquisas IME/ Doutorado em Engenharia de de interesse do Exército Rio de Janeiro-RJ Defesa Brasileiro: caso de estudo usando as linhas de pesquisa do PGED. Ciência dos Materiais/ Comportamento Mecânico dos Materiais/ Materiais poliméricos .Doutorado em Engenharia de Defesa/ Engenharia de Defesa/ Modelagem e Simulação em Sistemas de Defesa Desenvolvimento de um modelo de inteligência e prospecção tecnológica para identificação de . TC* PGED .3 CDS D 9 9.1 4. PAC: 3 anos. Mecanismos de segurança nas Desenvolver e otimizar os Cap/ IME/ QEM/ Comp comunicações VoIP em sistemas mecanismos de segurança em Maj/ Rio de Janeiro-RJ ou QCO/ cooporativos do Exército.1 IME CTEx Caracterizar e otimizar o uso do espectro eletromagnético nas IME/ evoluções previstas para o Rio de Janeiro-RJ Programa do Rádio Definido por Software de Defesa. envolvendo ou QEM/ Elo conceitos de Aprendizagem de Máquina e de Teoria dos Jogos.4 AGITEC D 9 9.2 Proj/ Prio: 1.produtos.3 7.2.1. Rio de Janeiro-RJ PAC: 3 anos. PAC: 3 anos. de 19 de fevereiro de 2016.Separata ao Boletim do Exército nº 7. militares sob o paradigma de QEM/ Com Rádios Cognitivos.Nº Ordem OM Solicitante Post o Perfil Conhecimento Específico Aplicação/ PAC Instituição/ Local Programa/ Área de Concentração/ Linha de Pesquisa Nível Curso Alinhamento ao PEEx (SIPLEx 5) Classificação após o curso Ação OEE Estratégia Estratégica PLANO DE CURSOS E ESTÁGIOS NO EXÉRCITO BRASILEIRO (PCE-EB) – DOUTORADOS 01D2017 02D2017 03D2017 Mecanismos de alocação de recursos rádio em redes QEM/ Comp.2 9. CTEx/ IME 7 7. especialidade TC* 05D2017 4.2 7. Os materiais serão utilizados em blindagens balísticas de baixo IME/ custo usando fibras naturais.2 IME/ “Digitalização do espaço de Rio de Janeiro-RJ Batalha”. Engenharia de Defesa/ Engenharia de Defesa/ Comunicações e Inteligência em Sistemas de Defesa D 4 CITEx QEM/ Com.1 CITEx/ CTA/ CT D 7 7. TC* Infor PGED/ Comunicações e Inteligência em Sistemas de Defesa D Ten* QEM/ Comp Modelagem do Fluxo de Cap/ ou QCO/ Informações Enviadas ao Maj/ Infor Decisor em Sistemas Militares. CDS Ten* QEM/ Cap/ Gestão da Inovação 04D2017 NUAGITEC qualquer Maj/ Prospecção Tecnológica.3. Ten* QEM/ Elo.2. PAC: 3 anos.3. Fase de Apoio à Decisão da Atividade Imposta 7. PAC: 3 anos.2 9.2.2. 4 .

.5 .6 IME/ CTEx QEM/ Mat Os filmes finos produzidos serão Produção e caracterização de utilizados no desenvolvimento de IME/ filmes finos para uso em sensores de radiação. Ciência dos Materiais/ Propriedades Físicas dos Materiais/ Materiais Eletrônicos D 9 9.6 IME/ CTEx IME Bioquímica das proteínas e Ten*/ QEM/ Quim.2.2.2 9.2 9. Planejamento por modelagem molecular de potenciais novos IME/ antídotos contra agentes de guerra Rio de Janeiro-RJ química. TC* anos. reações enzimáticas e técnicas Cap/ QCO/ Quim de modelagem molecular Maj/ ou QCO/ aplicadas ao planejamento de TC* Farm fármacos.6 IME/ CTEx IME Ten*/ Simulações de CFD aplicadas a Termodinâmica e cinética de Cap/ modelagem da detonação de IME/ QEM/ Quim altos explosivos.Nº Ordem OM Posto Solicitante Perfil Conhecimento Específico Aplicação/ PAC Instituição/ Local Programa/ Área de Concentração/ Linha de Pesquisa Alinhamento ao PEEx (SIPLEx 5) Nível Curso Classificação após o curso PLANO DE CURSOS E ESTÁGIOS NO EXÉRCITO BRASILEIRO (PCE-EB) – DOUTORADOS 06D2017 07D2017 08D2017 09D2017 IME Ten*/ Cap/ Maj/ TC* IME Síntese de agentes para defesa contra guerra química: preparação de oximas catiônicas Ten*/ e novos potenciais fármacos QEM/ Quim Cap/ com estruturas variadas para ou QCO/ Maj/ serem utilizadas como antídotos Quim TC* para a intoxicação com organofosforados neurotóxicos. PAC: 3 Rio de Janeiro-RJ computacional (CFD). Química/ Físico-Química/ Tecnologia química D 9 9.1 IME Separata ao Boletim do Exército nº 7. Química/ Química orgânica/ Química medicinal D 9 9.2 9.2.2. PAC: 3 Rio de Janeiro-RJ sensores de radiação anos. de 19 de fevereiro de 2016. Rio de Janeiro-RJ PAC: 3 anos. fluidodinâmica Maj/ materiais energéticos. PAC: 3 anos.2 9. especialmente gases de guerra química. Química/ Físico-Química/ Modelagem molecular D 9 9. Síntese Orgânica aplicada ao desenvolvimento de antídotos IME/ contra agentes de guerra química.

2. Rio de Janeiro-RJ para emprego em canhões e TC* obuseiros.2 9. IME Ten*/ Cap/ Maj/ TC* QEM/ Cart ou QCO/ Estatística Classificação e segmentação de imagens PolSAR por modelagem estatística.2 7. pesquisa e orientação de trabalhos acadêmicos.1 IME Ensino e pesquisa avançados na área de processamento de IME/ imagens de radar de abertura Rio de Janeiro-RJ sintética polarimétricas.2. PGED/ Engenharia de Defesa/ Modelagem e Simulação em Sistemas de Defesa D 9 9.Separata ao Boletim do Exército nº 7. com base em informações obtidas por meio de sensoriamento remoto ou fotogrametria. Química/ Físico-Química/ Tecnologia química D 9 9. PGED/ Engenharia de Defesa/ Modelagem e Simulação em Sistemas de Defesa D 7 7. de 19 de fevereiro de 2016. PAC: 3 anos. PAC: 3 anos.1 IME IME Ten*/ Cap/ Maj/ TC* QEM/ Cart ou QEM/ Comp Proposta de método de análise espacial e treino de rede neural artificial voltada para aplicação militar.2. . decomposição de alvos e métodos híbridos. Rio de Janeiro-RJ Cursos de Graduação em Engenharia Cartográfica.6 IME/ CTEx Recomposição e Capacitação do corpo docente militar do IME para os Cursos de Pós-Graduação em Engenharia Cartográfica (Mestrado) e Engenharia de IME/ Defesa (Mestrado e Doutorado).Nº Ordem OM Posto Solicitante Perfil Conhecimento Específico Aplicação/ PAC Instituição/ Local Programa/ Área de Concentração/ Linha de Pesquisa Nível Curso Alinhamento ao PEEx (SIPLEx 5) Classificação após o curso Ação OEE Estratégia Estratégica PLANO DE CURSOS E ESTÁGIOS NO EXÉRCITO BRASILEIRO (PCE-EB) – DOUTORADOS 10D2017 11D2017 12D2017 IME Estudo de composições Ten*/ Propelentes ambientalmente Cap/ Desenvolvimento de materiais IME/ QEM/ Quim seguras (Green Ammunition) Maj/ energéticos. PAC: 3 anos. 6 .2 9.

Capacitação do corpo docente militar do IME para os Cursos de Pós-Graduação em Engenharia Elétrica (Mestrado) e Engenharia de Defesa (Mestrado e Doutorado). Cursos de Graduação IME/ em Engenharia Elétrica e Rio de Janeiro-RJ Eletrônica.2 9.11 e 1.Nº Ordem OM Posto Solicitante Perfil Conhecimento Específico Aplicação/ PAC Instituição/ Local Programa/ Área de Concentração/ Linha de Pesquisa Nível Curso Alinhamento ao PEEx (SIPLEx 5) Classificação após o curso Ação OEE Estratégia Estratégica PLANO DE CURSOS E ESTÁGIOS NO EXÉRCITO BRASILEIRO (PCE-EB) – DOUTORADOS 13D2017 14D2017 15D2017 Controle aplicado a estabilização de sistemas dinâmicos de defesa (ex: Ten*/ estabilização de tiro em Vtr/ Sr. PAC: 3 anos.15) IME IME/ DEC Desenvolvimento de ferramenta Ten*/ QEM/ Ele. PGED/ Engenharia de Defesa/ Modelagem e Simulação em Sistemas de Defesa D 9 9. Rio de Janeiro-RJ foguetes. (Doutorado Sanduíche – ver PCENA doutorado). Cursos de Graduação IME/ em Engenharia Elétrica e Rio de Janeiro-RJ Eletrônica.1 (PCM 1. PAC: 3 anos.1 IME IME Ten*/ Cap/ Maj/ TC* Sistema de defesa antiaérea e Fluidodinâmica computacional IME/ desenvolvimento de mísseis e aplicada à sistemas de defesa.7 .2. Cap/ QEM/ Ele ou controle de plataforma de Maj/ QEM/ Elo lançamento de míssil. controle TC* de direcionamento de míssil). Pesquisa e orientação de trabalhos acadêmicos ligados à área de modelagem da informação para a gestão do ciclo de vida da infraestrutura de defesa. PAC: 3 anos. Pesquisa e orientação de trabalhos acadêmicos ligados aos Projetos de Torre de Tiro Estabilizada e de lançamento/ controle de Míssil.8 IME IME QEM/ Mec Armt ou QEM/ Mec Auto Separata ao Boletim do Exército nº 7. PGED/ Engenharia de Defesa/ Modelagem e Simulação em Sistemas de Defesa D 9 9.2.2 9. de gestão de sistemas de Cap/ QEM/ FC ou informação empregando a Maj/ QCO/ Infor plataforma BIM (Building TC* Information Modeling). Capacitação do corpo docente militar do IME para os Cursos de Pós-Graduação em Engenharia Elétrica (Mestrado) e Engenharia de Defesa (Mestrado e Doutorado). .2 9. de 19 de fevereiro de 2016. PGED/ Engenharia de Defesa / Mecatrônica e Sistemas de Armas ou Modelagem e Simulação em Sistemas de Defesa D 9 9.2.

2.2. PAC: 3 anos.2 9.Separata ao Boletim do Exército nº 7. Pesquisa de métodos para análise e desenvolvimento de soluções de identificação e localização de sinais acústicos e seus efeitos em IME/ leitura de dados oriundos de Rio de Janeiro-RJ microsensores acústicos.1 3.7 IME IME Ten*/ Cap/ Maj/ TC* Determinação de coordenadas espaciais. de 19 de fevereiro de 2016.2 9.2 IME IME Ten*/ Cap/ Maj/ TC* QEM/ Comp. QEM/ Mec Resolução Cinemática e Armt ou Simulação do Soldado Virtual QEM/ Mec Brasileiro. Auto PD&I em Resolução Cinemática de Modelos 3D de Soldados para simulação computacional e IME/ avaliação de desempenho da Rio de Janeiro-RJ integração com PRODE ainda na fase de concepção. em ambiente aberto e com presença de múltiplas fontes. PGED/ Engenharia de Defesa/ Mecatrônica e Sistemas de Armas D 9 9.18. Engenharia de Defesa/ Comunicações e Inteligência em Sistemas de Defesa D 9 9.2. desenvolvimento e IME/ sistemas de inovação de PRODE autóctone.2 IME QEM/ Cart ou QEM/ Comp Efeitos do turbulento nos armas.2 9.2 e 9.12) IME IME Processamento de Sinais Acústicos com aplicação em Ten*/ sistemas de localização e Cap/ QEM/ Com identificação de fontes sonoras Maj/ ou QEM/ Elo com captação de sinais de TC* sensores acústicos sem fio.6 (PCM 2. PAC: 3 anos. Aplicação em sensoriamento com uso de VANTs. PGED/ Engenharia de Defesa/ Mecatrônica e Sistemas de Armas D 9 9. PGED/ Comunicações e Inteligência em Sistemas de Defesa D 9 9. PGED/ Engenharia de Defesa/ Modelagem e Simulação em Sistemas de Defesa D 3 3.2. em tempo real ou pósIME/ processada.1 e 3. 2.Nº Ordem OM Posto Solicitante Perfil Conhecimento Específico Aplicação/ PAC Instituição/ Local Programa/ Área de Concentração/ Linha de Pesquisa Nível Curso Alinhamento ao PEEx (SIPLEx 5) Classificação após o curso Ação OEE Estratégia Estratégica PLANO DE CURSOS E ESTÁGIOS NO EXÉRCITO BRASILEIRO (PCE-EB) – DOUTORADOS 16D2017 17D2017 18D2017 19D2017 20D2017 IME Ten*/ Cap/ Maj/ TC* QEM/ Mec Armt ou QEM/ Mec Auto escoamento Pesquisa.7 IME IME Ten*/ Técnicas de transmissão Cap/ QEM/ Com multiportadora para sistemas de Maj/ ou QEM/ Elo comunicações críticas TC* Recomposição do corpo docente militar do curso de Engenharia de IME/ Comunicações do IME.2 9.1. Rio de Janeiro-RJ PAC: 3 anos. Receptor GPS por Software 8 . voltadas ao uso em Rio de Janeiro-RJ Defesa.2. PAC: 3 Rio de Janeiro-RJ anos.1. .19 e 3. PAC: 5 anos.

de 19 de fevereiro de 2016.1 Grupamentos de Engenharia/ DOC 12.9 .2 12.2.Nº Ordem OM Posto Solicitante Perfil Conhecimento Específico Aplicação/ PAC Instituição/ Local Programa/ Área de Concentração/ Linha de Pesquisa Nível Curso Alinhamento ao PEEx (SIPLEx 5) Classificação após o curso Ação OEE Estratégia Estratégica PLANO DE CURSOS E ESTÁGIOS NO EXÉRCITO BRASILEIRO (PCE-EB) – DOUTORADOS 21D2017 22D2017 23D2017 IME DEC DEC Ten*/ Cap/ Maj/ TC* Ten*/ Cap/ Maj/ TC* Ten*/ Cap/ Maj/ TC* desempenho rodoviários Capacitação do corpo docente militar do IME para os Cursos de Pós-Graduação em Engenharia de Transportes e Engenharia de de Defesa . etc) com enfoque em terraplanagem ferroviária.Doutorado em Engenharia de Defesa/ Engenharia de Defesa/ Modelagem e Simulação em Sistemas de Defesa D 12 QEM/ FC Avaliação e estudos geotécnicos para otimização de obras de infraestrutura (barragens. para pavimentos.2 12. PAC: 3 anos.2. Cursos de Graduação em IME/ e Engenharia de Fortificação e Rio de Janeiro-RJ Construção.2 IME 12.além do monitoramento e avaliação de obras geotécnicas durante e após a construção. solos Estudo de Monitoramento. PAC: 3 anos. aterros. PAC: 3 anos.Doutorado em Engenharia de Defesa/ Engenharia de Defesa/ Modelagem e Simulação em Sistemas de Defesa D 12 Estudos geotécnicos otimização de aterros D 9 9. Pesquisa e orientação de trabalhos acadêmicos ligados à área de gestão do ciclo de vida da infraestrutura de defesa. reforçados e pavimentos. PGED . aterros IME/ sanitários. PGED . PGED/ Engenharia de Defesa/ Modelagem e Simulação em Sistemas de Defesa QEM/ FC Estudo de pavimentos ferroviários QEM/ FC A linha de pesquisa trata de estudos experimentais no campo e no laboratório sobre o comportamento mecânico e hidráulico de solos naturais. .1 Grupamentos de Engenharia/ DOC Separata ao Boletim do Exército nº 7. fundações.2 9. obras de Rio de Janeiro-RJ contenção.2. Esta IME/ patologias e recuperação de linha inclui também o Rio de Janeiro-RJ pavimentos rodoviários desenvolvimento de novos equipamentos e instrumentação para ensaios.

atuar como pesquisador em Ciências Militares e docente na Cadeira de IME/ Estatística da Academia Militar Rio de Janeiro-RJ das Agulhas Negras (AMAN). Engenharia de Defesa/ Comunicações e Inteligência D 12 12.5 AMAN QCO ou AMAN Modelagem de dados através de métodos de Estatística Multivariada aplicada às Ciências Militares/ Engenharia de Defesa.Nº Ordem OM Posto Solicitante Perfil Conhecimento Específico Aplicação/ PAC Instituição/ Local Programa/ Área de Concentração/ Linha de Pesquisa Nível Curso Alinhamento ao PEEx (SIPLEx 5) Classificação após o curso Ação OEE Estratégia Estratégica PLANO DE CURSOS E ESTÁGIOS NO EXÉRCITO BRASILEIRO (PCE-EB) – DOUTORADOS 24D2017 25D2017 26D2017 27D2017 DEC Ten*/ Cap/ Maj/ TC* AMAN Ten*/ Cap/ Maj/ TC* AMAN Ten*/ Cap/ Maj/ TC* AMAN Ten*/ Cap/ Maj/ TC* QEM/ FC Estudo de análise de riscos em geotecnia.Separata ao Boletim do Exército nº 7.1.5 AMAN Algoritmos para Segurança da Informação.1. . PGED/ Modelagem e Simulação de Sistemas de Defesa/ Engenharia de Defesa D 12 12.1 Grupamentos de Engenharia/ DOC QCO ou AMAN Técnicas de controle estatístico de qualidade aplicadas às Ciências Militares/ Engenharia de Defesa. IME/ ferroviária estabilidade de taludes. PAC: 3 anos. PGED/ Modelagem e Simulação de Sistemas de Defesa/ Engenharia de Defesa D 12 12.1 12. Coordenador de pesquisa.Doutorado em Engenharia de Defesa/ Engenharia de Defesa/ Modelagem e Simulação em Sistemas de Defesa D 12 12. PAC: 3 anos. com enfoque em Geotecnia aplicada à construção construção ferroviária (barragens.2.1 12.2 12. PAC: 3 anos.1 12. mecânica dos solos não saturados). atuar como pesquisador em Ciências Militares e docente na Cadeira de Cibernética. Aplicabilidade no IME/ espectro de conhecimentos Rio de Janeiro-RJ necessários para a formação do futuro oficial do EB. PAC: 3 anos. Coordenador de pesquisa.5 AMAN A/ Q/ Sv 10 . PGED .1. atuar como pesquisador em Ciências Militares e docente na Cadeira de IME/ Estatística da Academia Militar Rio de Janeiro-RJ das Agulhas Negras (AMAN). Coordenador de pesquisa. estruturas Rio de Janeiro-RJ de contenção. de 19 de fevereiro de 2016.

PAC: 3 anos. Aplicabilidade no IME/ espectro de conhecimentos Rio de Janeiro-RJ necessários para a formação do futuro oficial do EB.1 12. Química: 2. Ciência dos Materiais D 12 12.Nº Ordem OM Posto Solicitante Aplicação/ PAC Instituição/ Local Programa/ Área de Concentração/ Linha de Pesquisa Nível Curso Alinhamento ao PEEx (SIPLEx 5) Classificação após o curso Ação OEE Estratégia Estratégica Perfil Conhecimento Específico A/ Q/ Sv Pós-graduação em Engenharia.3 Linha de pesquisa materiais cerâmicos Coordenador de pesquisa.1 Linha de pesquisa tecnologia química 2.2 Linha de pesquisa materiais poliméricos 1. PAC: 3 anos.5 AMAN A/ Q/ Sv Pós-graduação em Engenharia.1 12.5 AMAN PLANO DE CURSOS E ESTÁGIOS NO EXÉRCITO BRASILEIRO (PCE-EB) – DOUTORADOS 28D2017 29D2017 AMAN AMAN Ten*/ Cap/ Maj/ TC* Maj/ TC* Separata ao Boletim do Exército nº 7. . Ciência de Materiais 1. Química D 12 12. de 19 de fevereiro de 2016.1.11 .2 Linha de pesquisa síntese orgânica Coordenador de pesquisa. atuar como pesquisador em Ciências Militares e docente na Cadeira de Química. Aplicabilidade no IME/ espectro de conhecimentos Rio de Janeiro-RJ necessários para a formação do futuro oficial do EB.1 Linha de pesquisa materiais metálicos 1. atuar como pesquisador em Ciências Militares e docente na Cadeira de Química.1.

1 Projeto/ Prio 3. Engenharia Nuclear/ Instalações Nucleares/ Controle Ambiental Desenvolvimento de novas Programa de Mestrado em Estudo de rotas de síntese técnicas de produção de materiais IME/ Química/ Química Orgânica/ orgânica do tipo sol-gel estratégicos de carbono (Projeto Rio de Janeiro-RJ Síntese Orgânica Carbono).2 CTEx . Maj* QEM/ Com ou QEM/ Elo CTEx Desenvolvimento de novas metodologias para identificação de agentes radiológicos em diversas matrizes ambientais e não QEM/ ambientais. PAC: 2 de subsistemas de veículos Rio de Janeiro-RJ Mecânica Aplicada/ Controle anos.Nº Ordem OM Solicitante Posto Perfil Conhecimento Específico Aplicação/ PAC Instituição/ Local Programa/ Área de Concentração/ Linha de Pesquisa Nível Curso Alinhamento ao PEEx (SIPLEx 5) Classificação após o curso Ação OEE Estratégia Estratégica PLANO DE CURSOS E ESTÁGIOS NO EXÉRCITO BRASILEIRO (PCE-EB) – MESTRADOS 01M2017 02M2017 03M2017 CTEx QEM/ Mec Auto. 12 . remotamente pilotados.8 CTEx M 9 9.2.2 9.18 CTEx M (tempo parcial) 9 9. Ten/ QEM/ Mec Cap/ Armt.2. através da Rio de Janeiro-RJ utilização de novos métodos de ensaios.Separata ao Boletim do Exército nº 7. CTEx Ten/ Cap/ Maj* QEM/ Quim Análise comparativa de microSistemas de Veículos Terrestres controladores no desempenho IME/ Engenharia Mecânica/ Remotamente Pilotados. de 19 de fevereiro de 2016. PAC: 3 anos. utilizando Ten/ Qualquer detectores de barreira de Cap/ Especialidade superfície para identificação Maj* ou de radionuclídeos emissores QCO/ Física alfa e beta e empregando detectores de germânio de alta pureza para a identificação de radionuclídeos emissores gama. PAC: 2 anos.2 9. Aumento da capacidade de análise do Laboratório de Identificação de Agentes IME/ Radiológicos (LIAR). M 9 9.2.2 9.

2 9.1 4.1 (PCM 1.2 9. Essa pesquisa tem como objetivo desenvolver o setor de avaliação IME/ de material de proteção QBN no Rio de Janeiro-RJ Exército e tem aplicação na câmara de spray a ser implementada no Laboratório de Análise de Material de Intendência. Engenharia Mecânica/ Mecânica Aplicada/ Sistemas Dinâmicos M 9 9. .10 e 1.2. QEM/ Com.8 (PCM 1. PAC: 2 anos.18) CAEx Ciência dos Materiais/ Comportamento mecânico dos materiais/ Materiais metálicos M 9 9. PAC: 2 Rio de Janeiro-RJ anos. de 19 de fevereiro de 2016. Sistemas e Computação/ Ciência da Computação/ Sistemas Computacionais M 4 4.5 CITEx/ CTA/ CT QEM/ Quim QEM/ Mec Armt ou QEM/ Mec Auto Separata ao Boletim do Exército nº 7.1. PAC: 2 anos.2. de vulnerabilidades em QEM/ Comp serviços de redes de ou QCO/ Infor computadores Aplicação do conhecimento adquirido nos serviços oferecidos IME/ e redes corporativas.Nº Ordem OM Solicitante Posto Perfil Conhecimento Específico Aplicação/ PAC Instituição/ Local Programa/ Área de Concentração/ Linha de Pesquisa Nível Curso Alinhamento ao PEEx (SIPLEx 5) Classificação após o curso Ação OEE Estratégia Estratégica PLANO DE CURSOS E ESTÁGIOS NO EXÉRCITO BRASILEIRO (PCE-EB) – MESTRADOS 04M2017 05M2017 06M2017 07M2017 Fluidodinâmica Computacional. CAEx Ten/ Cap/ Maj* CITEx Ten/ Cap/ Maj* Química/ Química Orgânica M 9 9.14) CAEx Técnicas de detecção. IME/ Cap/ QEM/ Mec blindagens metálicas. aplicados para a vestimenta de proteção individual do combatente.10) CAEx Mecânica dos Sólidos.2 9. Dinâmica Veicular – estudo experimental da estabilidade direcional de veículos 6x6 e 8x8 Propor uma metodologia de ensaio da dinâmica veicular – estabilidade direcional e tendência ao tombamento – de veículos 6x6 e 8x8 IME/ multidirecionais para aplicação Rio de Janeiro-RJ em processos de avaliação de veículos do Projeto da Nova Família de Blindados de Rodas. avaliação e gerenciamento de riscos envolvendo agentes QBN.13 .6 (PCM 3. CAEx Ten/ Cap/ Maj* CAEx Estudo estatístico das diversas variáveis que podem afetar o comportamento balístico (valor Ten/ QEM/ Mat ou Comportamento balístico de de V50) de blindagens metálicas.2. Esse estudo seria pertinente para Rio de Janeiro-RJ Maj* Armt aperfeiçoar as avaliações de blindagens no CAEx. análise e correção QEM/ Elo. PAC: 2 anos. Análise do desempenho de peças de vestuário de proteção química quando em contato com os líquidos agressivos. prevenção.

8 (PCM 2. Ampliar o apoio à moradia e as condições de vida nos PEF.2. PAC: 2 anos.produtos.Nº Ordem OM Solicitante Posto Perfil Conhecimento Específico Aplicação/ PAC Instituição/ Local Programa/ Área de Concentração/ Linha de Pesquisa Nível Curso Alinhamento ao PEEx (SIPLEx 5) Classificação após o curso Ação OEE Estratégia Estratégica PLANO DE CURSOS E ESTÁGIOS NO EXÉRCITO BRASILEIRO (PCE-EB) – MESTRADOS 08M2017 NUAGITEC Ten Cap/ Maj* 09M2017 Ten/ Cap/ Maj* IME QEM/ Gestão da Inovação qualquer Prospecção Tecnológica especialidade Adequação ou desenvolvimento de um modelo de prospecção tecnológica para identificação de .2. Recomposição do corpo docente militar dos cursos de Engenharia IME/ de Comunicações e de Rio de Janeiro-RJ Engenharia Eletrônica do IME. PAC: 2 anos.4 IME QEM/ FC Engenharia de Transportes: Análise experimental.2 9. Recursos Hídricos M 3 3.7 IME 10M2017 IME Ten/ Cap/ Maj* 11M2017 IME Ten/ Cap/ Maj* Projeto de controladores QEM/ Ele ou robustos para modelo nãoQEM/ Elo linear de mísseis para DAAe de Baixa Altura Recomposição do corpo docente militar dos cursos de Engenharia IME/ Eletrônica e de Engenharia Rio de Janeiro-RJ Elétrica do IME.16) IME IME Determinação da posição do Ten/ atirador baseada na análise do QEM/ Com ou Cap/ tempo de chegada da onda QEM/ Elo Maj* sonora em uma rede de rádios táticos.1. IME/ incluindo infraestruturas de Rio de Janeiro-RJ transportes. PAC: 2 anos.1 13. Mestrado em Engenharia de Defesa M 9 9. Programa de Engenharia de Transportes/ Engenharia de Transportes/ Infraestrutura Estruturas de Transporte M 13 13.1 IME 12M2017 14 .2 3. simulação e modelagem de estruturas através do emprego de ensaios e de sistemas computacionais.2 9.Separata ao Boletim do Exército nº 7. Engenharia Elétrica/ Sistemas Eletrônicos de Defesa e Comunicações/ Automação e Controle M 9 9.2.2 9. PAC: 2 anos.6 e 13. PAC: 2 anos.1.Meio Ambiente e transporte. Operação . de 19 de fevereiro de 2016.4 AGITEC QEM/ FC Engenharia de Transportes: Programa de Engenharia de Desenvolvimento de modelos Aperfeiçoamento do controle Transportes/ Engenharia de IME/ para avaliação econômica e ambiental nas atividades militares Transportes/ Planejamento e Rio de Janeiro-RJ ambiental de sistemas de do EB. Engenharia Elétrica/ Sistemas Eletrônicos de Defesa e Comunicações/ Processamento de Sinais M 9 9.2. . tecnologias e pesquisas IME/ de interesse do Exército Rio de Janeiro-RJ Brasileiro: caso de estudo usando uma das linhas de pesquisa do PGED.

PAC: 2 anos.2 IME Ciência dos Materiais/ Comportamento Mecânico dos Materiais/ Materiais poliméricos M 9 9.2. Rio de Janeiro-RJ Dinâmicos M 9 9.2 9.2 9. de 19 de fevereiro de 2016. anos.2. PAC: 2 anos.15 IME/ CTEx QEM/ Quim Estudo de composições Termobáricas para emprego Desenvolvimento de materiais IME/ em cabeças de guerra de energéticos.15 IME/ CTEx Engenharia Cartográfica/ Tecnologia da Informação Geográfica/ Imageamento Digital M 9 9.1. especialmente gases de guerra química.14 e 12.2 9.1 12.1.1 12.2.1. PAC: 2 do IME. PAC: 2 anos.1 IME QEM/ Mat O material produzido será Produção de Carbeto de utilizados em blindagens IME/ Silício para blindagens balísticas adicionais. IME Ten/ Cap/ Maj* Dinâmica e controle sistemas de armas Engenharia Mecânica/ de Aplicação em sistemas de armas IME/ Mecânica Aplicada/ Sistemas automatizados. PAC: Rio de Janeiro-RJ Maj* Armt 2 anos.2 9.15 .1.1 IME QEM/ Quim ou QCO/ Quim Síntese de agentes para defesa contra guerra química: preparação de oximas catiônicas e novos Síntese Orgânica aplicada ao potenciais fármacos com desenvolvimento de antídotos estruturas variadas para serem IME/ contra agentes de guerra utilizadas como antídotos para a Rio de Janeiro-RJ química.1 IME IME Ten/ Cap/ Maj* IME Ten/ Cap/ Maj* IME Ensino e pesquisa avançados na Engenharia de imagens Ten/ QEM/ Cart ou área de processamento de hiperespectrais obtidas pela IME/ Cap/ QCO/ imagens de radar de abertura câmara hiperespectral da SE/ 6 Rio de Janeiro-RJ Maj* Estatística sintética polarimétricas. Química/ Química orgânica/ Química medicinal M 12 12. PAC: 2 Rio de Janeiro-RJ balísticas anos. Separata ao Boletim do Exército nº 7. intoxicação com organofosforados neurotóxicos. Ciência dos Materiais/ Materiais Cerâmicos/ Comportamento Mecânico dos Materiais M 9 9.Nº Ordem OM Solicitante Posto Perfil Conhecimento Específico Aplicação/ PAC Instituição/ Local Programa/ Área de Concentração/ Linha de Pesquisa Nível Curso Alinhamento ao PEEx (SIPLEx 5) Classificação após o curso Ação OEE Estratégia Estratégica PLANO DE CURSOS E ESTÁGIOS NO EXÉRCITO BRASILEIRO (PCE-EB) – MESTRADOS 13M2017 14M2017 15M2017 16M2017 17M2017 18M2017 QEM/ Mec Armt ou QEM/ Mec Auto IME Ten/ Cap/ Maj* IME O estudo envolverá a fabricação Ten/ QEM/ Mat ou Fabricação de blindagens de materiais para proteção IME/ Cap/ QEM/ Mec balísticas (coletes) individual de combatentes.14 e 12.2. . Rio de Janeiro-RJ Munições Química/ Físico-Química/ Tecnologia química M 12 12.

Rio de Janeiro-RJ CDCiber Maj* QCO/ Infor ou EB Computação AMAN/ Com M 9 9.2 IME Robótica móvel. Of A/ Q/ Sv PAC: 2 anos. IME/ proteção de redes de e Computação/ Sistemas de PAC: 2 anos. IME/ Ten/ QEM/ Elo.7 CCOMGEx/ CDCiber 19M2017 IME Ten/ Cap/ Maj* QEM/ Cart Redes Geodésicas: Estimação Ensino e pesquisa avançados na IME/ Robusta ou Ajustamento área de Geodesia e Ajustamento.2.7 CITEx 16 . IME/ 22M2017 CCOMGEx Cap/ QEM/ Com ou infraestrutura corporativa do e Computação/ Sistemas de PAC: 2 anos. Computação M 9 9. Cap/ QEM/ Com ou Maj* QCO/ Infor ou AMAN/ Com Conceitos de Defesa Cibernética aplicada a Programa de PG em Sistemas Sistema de Defesa Cibernética. IME/ proteção de sistemas e Computação/ Sistemas de PAC: 2 anos. Rio de Janeiro-RJ empregando modelagem 3D PAC: 2 anos.7 CDS IME/ CITEx QEM/ Comp. 21M2017 IME Ten/ Cap/ Maj* QEM/ Comp 23M2017 24M2017 IME/ CDS QEM/ Comp. PAC: 2 anos.2. .Nº Ordem OM Solicitante Posto Perfil Conhecimento Específico Aplicação/ PAC Instituição/ Local Programa/ Área de Concentração/ Linha de Pesquisa Nível Curso Alinhamento ao PEEx (SIPLEx 5) Classificação após o curso Ação OEE Estratégia Estratégica PLANO DE CURSOS E ESTÁGIOS NO EXÉRCITO BRASILEIRO (PCE-EB) – MESTRADOS Engenharia Cartográfica/ Tecnologia da Informação Geográfica/ Modelagem e Representação Terrestres M 7 7.2. Defesa Cibernética aplicada à Programa de PG em Sistemas Sistema de Defesa Cibernética.2 9.2 9. Ten/ QEM/ Elo. Cap/ QEM/ Com ou Maj* QCO/ Infor ou AMAN/ Com Conceitos de Defesa Cibernética aplicada a Programa de PG em Sistemas Sistema de Defesa Cibernética.11 3.2 9. inteligência Programa de PG em Sistemas Planejamento de trajetória de IME/ artificial. Rio de Janeiro-RJ computadores na identificação Computação e mitigação de ataques M 9 9.1 IME Engenharia Nuclear M 3 3.2. inteligência e Computação/ Sistemas de múltiplos VANTs Rio de Janeiro-RJ computacional. Ten/ QEM/ Elo.7 IME QEM/ Comp.2 9.2 7. de 19 de fevereiro de 2016. 20M2017 IME Ten/ Cap/ Maj* QEM/ Projeto de Segurança Nuclear qualquer com ênfase em análise para a especialidade Segurança Nuclear Nacional detecção coordenada com ações IME/ QCO/ Física (Defesa Nuclear) de resposta em trabalho Rio de Janeiro-RJ ou cooperativo com multi-agências.2.Separata ao Boletim do Exército nº 7. Rio de Janeiro-RJ corporativos e ao Computação desenvolvimento de sistemas M 9 9.2.

18.1 Grupamentos Eng/ DOC QEM/ FC Estudar as causas.12) IME 9 9. PAC: 2 anos. fibra ou Rio de Janeiro-RJ prestar consultoria específica na cal hidratada.1 IME PGED/ Engenharia de Defesa/ Mecatrônica e Sistemas de Armas M 9 PGED/ Modelagem e Simulação em Sistemas de Defesa M QEM/ Cart Análise Multivariada de Imagens QEM/ FC Auxiliar no processo de tomada de decisão no planejamento de Estudar misturas asfálticas obras de construção e modificadas pela adição de IME/ pavimentação rodoviária. PAC: 2 anos. borracha.2. DEC DEC Ten/ Cap/ Maj* Ten/ Cap/ Maj* 9.2.2 e 9. IME Ten/ Cap/ Maj* Aplicação de modelos para análise multivariada de imagens a IME/ problemas de interesse da Rio de Janeiro-RJ engenharia de defesa.2 9.2 12.2 9.19 e 3. de 19 de fevereiro de 2016. Programa de Engenharia de Transportes/ Engenharia de Transportes/ Infraestrutura – Pavimentação M 12 12. Programa de Engenharia de Transportes/ Engenharia de Transportes/ Infraestrutura – Pavimentação M 12 12. PAC: 2 anos. as origens e os mecanismos de ocorrência e os métodos preventivos e corretivos de manifestações patológicas em Patologia e recuperação de IME/ estruturas de concreto.Nº Ordem OM Solicitante Posto Perfil Conhecimento Específico Aplicação/ PAC Instituição/ Local Programa/ Área de Concentração/ Linha de Pesquisa Nível Curso Alinhamento ao PEEx (SIPLEx 5) Classificação após o curso Ação OEE Estratégia Estratégica PLANO DE CURSOS E ESTÁGIOS NO EXÉRCITO BRASILEIRO (PCE-EB) – MESTRADOS 25M2017 26M2017 27M2017 28M2017 IME Ten/ Cap/ Maj* PD&I em Modelos 3D de Soldados com Visualização em QEM/ Comp.17 .6 (PCM 2. 2.2. Rio de Janeiro-RJ e revestimentos de obras convencionais. alvenarias estruturas e construções. tendo em vista à manutenção e construção das OM's. além de polímeros. Realidade Virtual como QEM/ Mec Modelagem 3D do Soldado ferramenta computacional de IME/ Armt ou Virtual Brasileiro auxílio à avaliação de Rio de Janeiro-RJ QEM/ Mec desempenho da integração com Auto PRODE ainda na fase de concepção. . elaboração de projetos rodoviários. PAC: 2 anos.2.2.2 12.1 Grupamentos Eng/ DOC Separata ao Boletim do Exército nº 7.

amortizará um passivo ambiental destas unidades fabris. PAC: 2 anos.Separata ao Boletim do Exército nº 7. PAC: 2 anos. PAC: 2 anos.2 9. de 19 de fevereiro de 2016. com Transportes com enfoque em otimização de sistemas logísticos IME/ malha ferroviária e engenharia de tráfego. Planejamento operação de Sistemas Potência.2. Rio de Janeiro-RJ desenvolvidos pelo CTEx. QEM/ Mec Armt.2 12.1 (PCM: 1. M 9 9. Programa de Engenharia de Transportes/ Engenharia de Transportes/ Planejamento e Operação – Logística Ferroviária M 12 12. QEM/ Comp ou QEM/ Aeronáutica O conhecimento adquirido será empregado no planejamento e gerenciamento de projetos de IME/ simuladores de uso do EB.2 12. Sistemas Distribuição e Proteção Sistemas elétricos.2. Tal areia é um subproduto cinzas em produção asfáltica. M 9 9.1 IME Ten/ Cap/ Maj* QEM/ Mec Auto.2. PAC: 2 anos. da produção de papel e. Pós-graduação em Engenharia Mecânica . Programa de Engenharia de Transportes/ Engenharia de Transportes/ Infraestrutura – Pavimentação M 12 12. caso possa ser reutilizada.1 Grupamentos Eng/ DOC QEM/ FC Estudar processos típicos de construção ferroviária.Nº Ordem OM Solicitante Posto Perfil Conhecimento Específico Aplicação/ PAC Instituição/ Local Programa/ Área de Concentração/ Linha de Pesquisa Nível Curso Alinhamento ao PEEx (SIPLEx 5) Classificação após o curso Ação OEE Estratégia Estratégica PLANO DE CURSOS E ESTÁGIOS NO EXÉRCITO BRASILEIRO (PCE-EB) – MESTRADOS 29M2017 30M2017 31M2017 32M2017 DEC DEC IME CTEx QEM/ FC A linha de pesquisa trata de estudos experimentais sobre o comportamento mecânico e hidráulico de pavimentos Estudo de viabilidade de uso utilizando areia de resfriamento de areia de resfriamento de IME/ de caldeiras contaminada com caldeiras contaminada com Rio de Janeiro-RJ cinzas.1 Grupamentos Eng/ DOC Ten/ Cap/ Maj* QEM/ Ele Dinâmica de Sistemas Potência.2. Enfoque Rio de Janeiro-RJ em implantação ferroviária e suas especificidades.2 9.6) CTEx Ten/ Cap/ Maj* Ten/ Cap/ Maj* de e de de de Metodologias e conhecimentos da teoria de modelagem de sistemas mecânicos 18 . Recomposição do corpo docente Engenharia Elétrica/ militar do IME para o curso de IME/ Sistemas de Energia Elétrica/ graduação de Engenharia Rio de Janeiro-RJ Sistemas de Distribuição Elétrica.

1 12.19 . Engenharia de Defesa M 12 12. Atuar como pesquisador em Ciências Militares e docente na Cadeira de Estatística da IME/ Academia Militar das Agulhas Rio de Janeiro-RJ Negras (AMAN). Engenharia de Defesa M 12 12.1.5 AMAN Modelos de predição de trafegabilidade de veículos sobre rodas. PGED/ Modelagem e Simulação de Sistemas de Defesa/ Engenharia de Defesa M 12 12.1 12.1. Atuar como pesquisador em Ciências Militares e como instrutor de explosivos no Curso IME/ de Engenharia da Academia Rio de Janeiro-RJ Militar das Agulhas Negras (AMAN). PAC: 2 anos. explosivos.1. PAC: 2 anos. Influência das condições climáticas sobre o solo Engenharia de Defesa M 12 12. de 19 de fevereiro de 2016. .5 AMAN Atuar como pesquisador em Ciências Militares e como Conhecimento avançado sobre docente na Cadeira de Química. Medição e classificação de terreno para trafegabilidade.1.5 AMAN AMAN AMAN AMAN Ten/ Cap/ Maj* Ten/ Cap/ Maj* Ten/ Cap/ Maj* Of Eng ou AQS Of Eng Atuar como pesquisador em Ciências Militares e docente na Cadeira de Estatística da IME/ Academia Militar das Agulhas Rio de Janeiro-RJ Negras (AMAN). Técnicas de reforçamento de solo.1 12.5 AMAN Atuar como pesquisador em Ciências Militares e como instrutor de Trafegabilidade no IME/ Curso de Engenharia da Rio de Janeiro-RJ Academia Militar das Agulhas Negras (AMAN). formação do futuro oficial do EB. AMAN Ten/ Cap/ Maj* QCO Ou AMAN Modelagem matemática de processos aplicada às Ciências Militares/ Engenharia de Defesa. manutenção e melhoria da qualidade aplicadas às Ciências Militares/ Engenharia de Defesa. emprego e comportamento em situações especiais.1 12.Nº Ordem OM Solicitante Posto Perfil Conhecimento Específico Aplicação/ PAC Instituição/ Local Programa/ Área de Concentração/ Linha de Pesquisa Nível Curso Alinhamento ao PEEx (SIPLEx 5) Classificação após o curso Ação OEE Estratégia Estratégica PLANO DE CURSOS E ESTÁGIOS NO EXÉRCITO BRASILEIRO (PCE-EB) – MESTRADOS 33M2017 34M2017 35M2017 36M2017 37M2017 AMAN Ten/ Cap/ Maj* QCO Ou AMAN Técnicas de confiabilidade para o planejamento. PAC: 2 anos.1 12. PAC: 2 anos. emprego e IME/ Aplicabilidade no espectro de comportamento em situações Rio de Janeiro-RJ conhecimentos necessários para a especiais.1. PAC: 2 anos.5 AMAN Of Eng Conhecimento avançado sobre explosivos. Separata ao Boletim do Exército nº 7. PGED/ Modelagem e Simulação de Sistemas de Defesa/ Engenharia de Defesa M 12 12.

como instrutor sobre Gestão Ambiental no de IME/ Curso de Engenharia e dedicar Rio de Janeiro-RJ expertise à Seção Técnica da AMAN.Nº Ordem OM Solicitante Posto Perfil Conhecimento Específico Aplicação/ PAC Instituição/ Local Programa/ Área de Concentração/ Linha de Pesquisa Nível Curso Alinhamento ao PEEx (SIPLEx 5) Classificação após o curso Ação OEE Estratégia Estratégica PLANO DE CURSOS E ESTÁGIOS NO EXÉRCITO BRASILEIRO (PCE-EB) – MESTRADOS 38M2017 39M2017 40M2017 41M2017 AMAN Ten/ Cap/ Maj* Atuar como pesquisador em Ciências Militares.5 AMAN AMAN Atuar como instrutor de Gerenciamento de Obras no Ten/ Of Eng. PAC: 2 anos.Separata ao Boletim do Exército nº 7. de 19 de fevereiro de 2016. Sistemas e Computação/ Tecnologias e Sistemas de Computação M 12 12.1 12.1 12. PAC: 3 anos. Rio de Janeiro-RJ conhecimentos necessários para a formação do futuro oficial do EB.5 AMAN A/ Q/ Sv Atuar como pesquisador em Ciências Militares e docente na Cadeira de Cibernética. dotado de Algoritmos para Segurança da conhecimentos de interIME/ Informação aplicabilidade no espectro de Rio de Janeiro-RJ conhecimentos necessários para a formação do futuro oficial do EB. Engenharia de Defesa M 12 12.5 AMAN AMAN A/ Q/ Sv Atuar como pesquisador em Ciências Militares e docente na Cadeira de Cibernética.1. Engenharia de Defesa M 12 12.5 AMAN AMAN Ten/ Cap/ Maj* Ten/ Cap/ Maj* Of Eng Gestão Ambiental 20 . Mitigação e reação a ataques IME/ Aplicabilidade no espectro de DdoS. QEM/ Planejamento e controle de Curso de Engenharia da IME/ Cap/ FC ou QEM/ obras militares Academia Rio de Janeiro-RJ Maj* Ele Militar das Agulhas Negras (AMAN).1. .1.1. PAC: 2 anos.1 12. Engenharia de Defesa Comunicações e Inteligência M 12 12.1 12. PAC: 3 anos.

1 DOM/ DEC Separata ao Boletim do Exército nº 7. de 19 de fevereiro de 2016. IME/ Aplicabilidade no espectro de Rio de Janeiro-RJ conhecimentos necessários para a formação do futuro oficial do EB. Sistemas e Computação/ Tecnologias e Sistemas de Computação M 12 12.21 .2 9.2. PAC: 3 anos. (Building Information Modeling). Desenvolvimento de ferramenta de gestão do QCO/ Infor. Capacitação para sistema de informação IME/ QEM/ FC ou desenvolvimento/ manutenção do empregando a plataforma BIM Rio de Janeiro-RJ A/ Q/ Sv Sistema OPUS.Nº Ordem OM Solicitante Posto Perfil Conhecimento Específico Aplicação/ PAC Instituição/ Local Programa/ Área de Concentração/ Linha de Pesquisa Nível Curso Alinhamento ao PEEx (SIPLEx 5) Classificação após o curso Ação OEE Estratégia Estratégica PLANO DE CURSOS E ESTÁGIOS NO EXÉRCITO BRASILEIRO (PCE-EB) – MESTRADOS 42M2017 43M2017 AMAN IME/ DEC Ten/ Cap/ Maj* Ten/ Cap/ Maj* A/ Q/ Sv Análise de Códigos Maliciosos Atuar como pesquisador em Ciências Militares e docente na Cadeira de Cibernética. PAC: 2 anos. .5 AMAN Engenharia de Defesa/ Modelagem e Simulação em Sistemas de Defesa M 9 9.1.1 12.

Nº Ordem OM Solicitante Posto Perfil Conhecimento Específico Aplicação/ PAC Instituição/ Local Programa/ Área de Concentração/ Linha de Pesquisa Nível Curso Alinhamento ao PEEx (SIPLEx 5) Classificação após o curso Ação OEE Estratégia Estratégica PLANO DE CURSOS E ESTÁGIOS EM ESTABELECIMENTOS DE ENSINO CIVIS NACIONAIS (PCE-EECN) – DOUTORADOS 30D2017 31D2017 Aplicação de novas tecnologias de nanocompósitos em Pós-Graduação em desenvolvimento de sistemas de Engenharia de Materiais e de proteção balística e estruturas de Processos Químicos e Comportamento a altas taxas armamentos.6 Projeto/ Prio: 2.2 9.2. bem como à outros Nanoestruturados – PRODE. TC* QEM/ Mat Qualquer Ten*/ Arma/ Q/ Sv Cap/ Gestão da Inovação 32D2017 NUAGITEC com Maj/ Propriedade Intelectual graduação em TC* direito 22 .2. divulgação Rio de Janeiro-RJ da inovação. capacitação.3 CDS 9 9.17.2 9. durabilidade e resistência de novos materiais. CTEx Ten*/ Cap/ Maj/ TC* CDS Ten*/ Modelagem Computacional do Cap/ QEM/ Comp Processo Decisório em Maj/ ou QCO/ Infor Sistemas de C2.19 CTEx 7 7. Laboratório Nacional de Computação Científica (LNCC)/ Petrópolis-RJ Desenvolvimento de modelos de gestão da inovação por intermédio dos processos finalísticos: inteligência tecnológica.4 AGITEC D (tempo parcial) 9 Doutorado em Modelagem Computacional/ Modelagem Computacional/ Modelagem Matemática e Computacional de Equilíbrio e Otimização D Doutorado em Propriedade Intelectual/ Inovação e Desenvolvimento D .2. buscando conjugar Caracterização leveza. de 19 de fevereiro de 2016.2 “Digitalização do espaço de Batalha”. ideação e concepção integrada de PRODE e serviços e elaboração de anteprojetos.2 7. Fase de Apoio à Decisão da Atividade Imposta 7. 3. PAC: 3 anos. 9. gestão do conhecimento. Possibilidade de PUC/ Metalúrgicos/ de deformação de materiais incorporar novas tecnologias ao Rio de Janeiro-RJ Ciência e Engenharia dos poliméricos nanoestruturados Sistema COBRA e à armamentos Materiais/ Materiais leves. estudos da guerra do futuro. PAC: 3 anos. 3.3. incentivo e recompensa à inovação. 9. mensuração e avaliação da inovação.2.Separata ao Boletim do Exército nº 7.1. coordenação de portfólio de – INPI/ projetos. promoção da cultura inovadora.18.2. PAC: 4 anos.

2 9.1 13. PAC: 3 anos.2 9.2 IME Projeto de Segurança Nuclear com ênfase em análise para a detecção coordenada com ações COPPE-UFRJ/ de resposta em trabalho Rio de Janeiro-RJ cooperativo com multi-agências.5 IME IME Ten*/ Cap/ Maj/ TC* IME Ten*/ Cap/ Maj/ TC* QEM/ Com Técnicas avançadas de transmissão digital em sistemas de comunicações táticas móveis IME Ten*/ Cap/ Maj/ TC* QEM/ Mec Armt ou QEM/ Mec Auto Análise numérica e Pesquisa e desenvolvimento de UFRJ/ experimental do escoamento munições.1 4.Nº Ordem OM Solicitante Posto Perfil Conhecimento Específico Aplicação/ PAC Instituição/ Local Programa/ Área de Concentração/ Linha de Pesquisa Nível Curso Alinhamento ao PEEx (SIPLEx 5) Classificação após o curso Ação OEE Estratégia Estratégica PLANO DE CURSOS E ESTÁGIOS EM ESTABELECIMENTOS DE ENSINO CIVIS NACIONAIS (PCE-EECN) – DOUTORADOS 33D2017 34D2017 35D2017 36D2017 37D2017 QEM/ FC Engenharia Civil (Estruturas): Análise experimental.8 IME IME Ten*/ Cap/ Maj/ TC* QEM/ Mec Armt ou QEM/ Mec Auto Avaliação de esforços Pesquisa e desenvolvimento da UFRJ/ mecânicos em estruturas de Nova Família de Blindados de Rio de Janeiro-RJ Blindados Rodas. Programa de Engenharia de Civil/ Estruturas/ Concreto D 13 13. Rio de Janeiro-RJ sobre aerofólios PAC: 3 anos. Engenharia Mecânica/ Mecânica dos Sólidos/ Resistência dos Materiais D 9 9.2.7 IME Recomposição do corpo docente militar do curso de Engenharia de PUC-Rio/ Comunicações do IME.2.1. Engenharia Mecânica/ Mecânica dos Fluidos/ Aerodinâmica D 9 9.1. Separata ao Boletim do Exército nº 7.1. PAC: 3 Rio de Janeiro-RJ anos.8 IME IME Ten*/ QEM/ Cap/ Segurança Nuclear (Defesa qualquer Maj/ Nuclear) especialidade TC* Engenharia Nuclear D 3 3. PAC: 3 anos. mísseis e foguetes.21 3. simulação e modelagem de estruturas através do emprego de ensaios e de sistemas computacionais Docência no Ensino Superior no curso de Graduação de Fortificação e Construção e no PEC-COPPE/ curso de Pós-Graduação em UFRJ/ Engenharia de Transportes. de 19 de fevereiro de 2016.6 e 13. Engenharia Elétrica/ Sistemas de Comunicações D 4 4. .23 .2. Rio de Janeiro-RJ Desenvolver e analisar Estruturas de grande porte. PAC: 3 anos.

atuar como pesquisador em Ciências Militares e docente na Cadeira de Cibernética. Aplicabilidade no espectro de conhecimentos necessários para a formação do futuro oficial do EB. de 19 de fevereiro de 2016.2 Linha de pesquisa Processamento e Caracterização de Materiais Coordenador de pesquisa. A/ Q/ Sv Análise de artefatos maliciosos Coordenador de pesquisa. conforme Universidade família ISO 27000. A/ Q/ Sv Pós-graduação em Engenharia.1 Linha de pesquisa Reações no estado sólido. D 9 9. PAC: 3 anos.5 AMAN USP/ Lorena-SP Engenharia de Materiais D 12 12. com o intuito da implantação da linha de pesquisa em Defesa Cibernética nos programas de pós-graduação do Instituto e para reforçar esta disciplina nos cursos de graduação.5 AMAN . 24 .2 9. Capacitar o Federal Pós-Graduação em Engenharia de Software corpo docente do IME para gerar QEM/ Comp Fluminense (UFF)/ Computação/ Engenharia de aplicada à Defesa Cibernética trabalhos. 1.1 12. Aplicabilidade no espectro de conhecimentos necessários para a formação do futuro oficial do EB.1 12. pesquisa e orientações Software/ Defesa Cibernética acadêmicas na área de Defesa Niterói-RJ Cibernética. Educação em Química e Ciência de Materiais com pesquisa em: 1.Nº Ordem OM Solicitante Posto Perfil Conhecimento Específico Aplicação/ PAC Instituição/ Local Programa/ Área de Concentração/ Linha de Pesquisa Nível Curso Alinhamento ao PEEx (SIPLEx 5) Classificação após o curso Ação OEE Estratégia Estratégica PLANO DE CURSOS E ESTÁGIOS EM ESTABELECIMENTOS DE ENSINO CIVIS NACIONAIS (PCE-EECN) – DOUTORADOS 38D2017 39D2017 40D2017 IME AMAN AMAN Ten*/ Cap/ Maj/ TC* Ten*/ Cap/ Maj/ TC* Ten*/ Cap/ Maj/ TC* Técnicas para desenvolvimento de software e sistemas seguros. Química. PAC: 3 anos. Desenvolvimento de metodologias e ferramentas de engenharia de software para construção de aplicações e infraestrutura segura.7 IME UFPE/ Recife-RJ Ciência da Computação/ Redes de Computadores e Sistemas Distribuídos D 12 12.Separata ao Boletim do Exército nº 7. transformação e equilíbrio de fases.1. PAC: 3 anos. atuar como pesquisador em Ciências Militares e docente na Cadeira de Química.1.2.

Projeto de uma infraestrutura resiliente e de alta disponibilidade para hospedagem de sistemas corporativos utilizando os conceitos de Nuvem Computação em Nuvem (Cloud Computing). PAC: 2 anos. UFPR/ Curitiba-PR Mestrado em Ciências Geodésicas/ Geodésia M 7 7.3.3 7. geração de ortoimagens e modelos digitais de elevação para aplicações cartográficas QEM/ Com.2 CITEx/ CTA/ CT Universidade de São Paulo (USP) Programa de Pós-Graduação em Ciência da Computação/ Sistemas de Software/ Sistemas Distribuídos M 7 7.3 CDS Separata ao Boletim do Exército nº 7.2. Computação em QEM/ Comp (Cloud Computing) ou QCO/ Infor . .2.1 OMDS/ DSG UFPE/ Recife-PE Sistemas da Computação/ Rede de Computadores e Sistemas Distribuídos M 7 7.2 7. PAC: 2 anos.25 .3. QEM/ Elo. visando a cartográfica.Estudo de formas de implementação de uma Nuvem Privada para o Exército.2.2 7. Batalha”. Fase de Interoperabilidade da Ten/ Arquitetura de Sistemas QEM/ Comp Atividade Imposta 7. de 19 de fevereiro de 2016.Nº Ordem OM Solicitante Posto Perfil Conhecimento Específico Aplicação/ PAC Instituição/ Local Programa/ Área de Concentração/ Linha de Pesquisa Nível Curso Alinhamento ao PEEx (SIPLEx 5) Classificação após o curso Ação OEE Estratégia Estratégica PLANO DE CURSOS E ESTÁGIOS EM ESTABELECIMENTOS DE ENSINO CIVIS NACIONAIS (PCE-EECN) – DOUTORADOS PLANO DE CURSOS E ESTÁGIOS EM ESTABELECIMENTOS DE ENSINO CIVIS NACIONAIS (PCE-EECN) – MESTRADOS 44M2017 DSG 45M2017 CITEx 46M2017 CDS Ten/ Cap/ Maj* Ten/ Cap/ Maj* QEM/ Cart Processamento digital de imagens adquiridas por sensor remoto VANT em ambiente Mapeamento e atualização fotogramétrico. PAC: 2 anos.2 Cap/ Distribuídos em Ambientes ou QCO/ Infor “Digitalização do espaço de Maj* Militares. .

1 (PCM 3.2.27) IME .2 9. aplicação da eletrônica de potência em Sistemas de Energia Elétrica. capacitação. PAC: 2 anos.2 9. tecnologias e pesquisas aplicadas aos interesses do Exército Brasileiro. coordenação de portfólio de projetos. conexão de fontes alternativas de energia a Sistemas de energia. – INPI/ divulgação da inovação. Estudo das condições de introdução de inovações tecnológicas e mudanças organizacionais. ideação e concepção integrada de PRODE e serviços e elaboração de anteprojetos.2. gestão do conhecimento. enfocando uma rede de relacionamentos. incentivo e recompensa à inovação. sistematizando as estratégias de gestão associadas a tal processo. mensuração e avaliação da inovação.4 AGITEC Mestrado em Engenharia de Produção/ Gestão da Inovação M 9 9. PAC: 2 anos. Rio de Janeiro-RJ promoção da cultura inovadora.3 AGITEC Engenharia Elétrica/ Eletrônica de Potência/ Acionamentos de Máquinas Elétricas M 9 9. Recomposição do corpo docente militar do IME para o curso de UFRJ/ graduação de Engenharia Rio de Janeiro-RJ Elétrica. estudos da guerra do futuro. 26 .Nº Ordem OM Solicitante Posto Perfil Conhecimento Específico Aplicação/ PAC Instituição/ Local Programa/ Área de Concentração/ Linha de Pesquisa Nível Curso Alinhamento ao PEEx (SIPLEx 5) Classificação após o curso Ação OEE Estratégia Estratégica PLANO DE CURSOS E ESTÁGIOS EM ESTABELECIMENTOS DE ENSINO CIVIS NACIONAIS (PCE-EECN) – DOUTORADOS NUAGITE 47M2017 C 48M2017 49M2017 NUAGITE C IME Qualquer Ten/ Arma/ Q/ Sv Gestão da Inovação Cap/ com Propriedade Intelectual Maj* graduação em direito Ten/ Cap/ Maj* Ten/ Cap/ Maj* Estudo de modelos de gestão da inovação por intermédio dos processos finalísticos: inteligência tecnológica. com o QEM/ objetivo de obter um modelo para Gestão da Inovação – Gestão COPPE – UFRJ/ qualquer o mapeamento de informações e do conhecimento Rio de Janeiro-RJ especialidade gestão do conhecimento a fim de subsidiar a identificação de produtos.2. QEM/ Ele Acionamento de máquinas elétricas. PAC: 2 anos.Separata ao Boletim do Exército nº 7.2 9. Mestrado em Propriedade Intelectual/ Inovação e Desenvolvimento M 9 9. de 19 de fevereiro de 2016.

1 12.5 AMAN QCO/ Mag Quim Pós-graduação em Química com pesquisa em: 2.5 AMAN QCO Ou AMAN A/ Q/ Sv Separata ao Boletim do Exército nº 7.5 AMAN Criptografia e Certificação Digital Atuar como pesquisador em Ciências Militares e docente na Cadeira de Cibernética.1.1 12.1. PAC: 2 anos. USP/ Lorena-SP Ciência dos Materiais M 12 12. PAC: 2 anos. PAC: 2 anos.2 Linha de pesquisa materiais poliméricos. Aplicabilidade no espectro de conhecimentos necessários para a formação do futuro oficial do EB.1 Projeto/ Prio: 3.17. UFSC/ Florianópolis-SC Pós-graduação em Engenharia de Produção/ Teoria da Resposta ao Item aplicada às organizações M 12 12.1.1 Linha de pesquisa tecnologia química ou 2.1 12.1 12. PAC 3 anos. ou 1.2 Linha de pesquisa síntese orgânica Atuar como pesquisador em Ciências Militares e docente na Cadeira de Química.2. Aplicabilidade no espectro de conhecimentos necessários para a formação do futuro oficial do EB. 1. Pós-Graduação em Engenharia Metalúrgica e de Materiais/ Ciência e Engenharia de Materiais/ Nanotecnologia M (tempo parcial) 9 9. Aplicabilidade no espectro de conhecimentos necessários para a formação do futuro oficial do EB. Atuar como pesquisador em Ciências Militares e docente na Cadeira de Estatística da Academia Militar das Agulhas Negras (AMAN). USP/ Lorena-SP Química M 12 12.Nº Ordem OM Solicitante Posto Perfil Conhecimento Específico Aplicação/ PAC Instituição/ Local Programa/ Área de Concentração/ Linha de Pesquisa Nível Curso Alinhamento ao PEEx (SIPLEx 5) Classificação após o curso Ação OEE Estratégia Estratégica PLANO DE CURSOS E ESTÁGIOS EM ESTABELECIMENTOS DE ENSINO CIVIS NACIONAIS (PCE-EECN) – DOUTORADOS 50M2017 51M2017 52M2017 53M2017 54M2017 CTEx AMAN AMAN AMAN AMAN Ten/ Cap/ Maj* Ten/ Cap/ Maj* Ten/ Cap/ Maj* Ten/ Cap/ Maj* Ten/ Cap/ Maj* QEM/ Mat Pesquisa na área de meta Materiais Nanoestruturados/ UFRJ/ materiais absorvedores de radar e Nanotecnologia Rio de Janeiro-RJ energia direcionada. UNB/ Brasília-DF Telecomunicações e redes de comunicação de dados/ Segurança da Informação M 12 12.3 Linha de pesquisa materiais cerâmicos. com pesquisa em: 1.5 AMAN QCO/ Mag Quim Pós-graduação em Engenharia Ciência de Materiais.21 CTEx Modelagem de processos através da Teoria da Resposta ao Item (TRI) aplicada às Ciências Militares. .1. de 19 de fevereiro de 2016. Atuar como pesquisador em Ciências Militares e docente na Cadeira de Química.1 Linha de pesquisa materiais metálicos. 3.27 . PAC: 3 anos.2 9.

1.Linha de pesquisa metalurgia física e propriedades mecânicas. Linha de pesquisa processamento termomecânico e engenharia microestrutural. PAC: 2 anos.5 AMAN A/ Q/ Sv Pós-graduação em Engenharia. . Aplicabilidade no espectro de conhecimentos necessários para a formação do futuro oficial do EB.2 Linha de pesquisa processos de separação com membranas e polímeros Atuar como pesquisador em Ciências Militares e docente na Cadeira de Química. Aplicabilidade no espectro de conhecimentos necessários para a formação do futuro oficial do EB. ou 1. PAC: 2 anos. USP/ Lorena-SP Engenharia Química M 12 12. Química e Ciência de Materiais com pesquisa em: .5 AMAN 28 .Linha de pesquisa materiais poliméricos. USP/ Lorena-SP Engenharia Metalúrgica e de Materiais M 12 12. PAC: 2 anos. de 19 de fevereiro de 2016. Química com pesquisa em: 5.5 AMAN QCO/ Mag Quim Pós-graduação em Engenharia.1. USP/ Lorena-SP Química M 12 12. ou .4 Linha de pesquisa ensino de química Atuar como pesquisador em Ciências Militares e docente na Cadeira de Química.1 Linha de pesquisa história e educação em química. Aplicabilidade no espectro de conhecimentos necessários para a formação do futuro oficial do EB.1 Linha de pesquisa engenharia de polímeros ou 5.1.1 12.1 12.Linha de pesquisa superfícies e filmes finos Atuar como pesquisador em Ciências Militares e docente na Cadeira de Química.1.Separata ao Boletim do Exército nº 7.Nº Ordem OM Solicitante Posto Perfil Conhecimento Específico Aplicação/ PAC Instituição/ Local Programa/ Área de Concentração/ Linha de Pesquisa Nível Curso Alinhamento ao PEEx (SIPLEx 5) Classificação após o curso Ação OEE Estratégia Estratégica PLANO DE CURSOS E ESTÁGIOS EM ESTABELECIMENTOS DE ENSINO CIVIS NACIONAIS (PCE-EECN) – DOUTORADOS 55M2017 56M2017 57M2017 AMAN AMAN AMAN Ten/ Cap/ Maj* Ten/ Cap/ Maj* Ten/ Cap/ Maj* QCO/ Mag Quim Pós-graduação em Química com pesquisa em: 1. . 1.3 Linha de pesquisa síntese e metodologias sintéticas.2 Linha de pesquisa química de materiais e processos.1 12.

1. UFRJ/ Aplicabilidade no espectro de Rio de Janeiro-RJ conhecimentos necessários para a formação do futuro oficial do EB.Nº Ordem OM Solicitante Posto Perfil Conhecimento Específico Aplicação/ PAC Instituição/ Local Programa/ Área de Concentração/ Linha de Pesquisa Nível Curso Alinhamento ao PEEx (SIPLEx 5) Classificação após o curso Ação OEE Estratégia Estratégica PLANO DE CURSOS E ESTÁGIOS EM ESTABELECIMENTOS DE ENSINO CIVIS NACIONAIS (PCE-EECN) – DOUTORADOS 58M2017 59M2017 AMAN AMAN Ten/ Cap/ Maj* Ten/ Cap/ Maj* A/ Q/ Sv Pós-graduação em Engenharia. Atuar como pesquisador em Ciências Militares e docente na Cadeira de Química.1 12.2 Linha de pesquisa nanotecnologia. Ciência e Tecnologia de Polímeros M 12 12. PAC: 2 anos. 2. Química. 2. UFRJ/ Aplicabilidade no espectro de Rio de Janeiro-RJ conhecimentos necessários para a formação do futuro oficial do EB. .3 Linha de pesquisa síntese e metodologias sintéticas.1 Linha de pesquisa história e educação em química. de 19 de fevereiro de 2016. Química M 12 12.1 12.2 Linha de pesquisa química de materiais e processos.3 Linha de pesquisa processamento de materiais poliméricos. Atuar como pesquisador em Ciências Militares e docente na Cadeira de Química. PAC: 2 anos.4 Linha de pesquisa reciclagem de materiais poliméricos. ou 1. Educação em Química com pesquisa em: 1.29 .1.5 AMAN Separata ao Boletim do Exército nº 7.5 AMAN A/ Q/ Sv Pós-graduação em Engenharia. Educação em Química e Ciência de Materiais com pesquisa em: 2.1 Linha de pesquisa mistura e compósitos poliméricos.1. Química. ou 2.

3.1 Linha de pesquisa cerâmicas avançadas.5 AMAN A/ Q/ Sv Pós-graduação em Engenharia. ou 3.5 AMAN 30 .7 Linha de pesquisa superfícies e filmes finos Atuar como pesquisador em Ciências Militares e docente na Cadeira de Química. Química.1 12. Química. PAC: 2 anos.Linha de pesquisa processos de separação com membranas e polímeros Atuar como pesquisador em Ciências Militares e docente na Cadeira de Química.1.1 12. 3.Nº Ordem OM Solicitante Posto Perfil Conhecimento Específico Aplicação/ PAC Instituição/ Local Programa/ Área de Concentração/ Linha de Pesquisa Nível Curso Alinhamento ao PEEx (SIPLEx 5) Classificação após o curso Ação OEE Estratégia Estratégica PLANO DE CURSOS E ESTÁGIOS EM ESTABELECIMENTOS DE ENSINO CIVIS NACIONAIS (PCE-EECN) – DOUTORADOS 60M2017 61M2017 AMAN AMAN Ten/ Cap/ Maj* Ten/ Cap/ Maj* A/ Q/ Sv Pós-graduação em Engenharia.4 Linha de pesquisa materiais poliméricos. UFRJ/ Aplicabilidade no espectro de Rio de Janeiro-RJ conhecimentos necessários para a formação do futuro oficial do EB.1.3 Linha de pesquisa materiais compósitos. Educação em Química e Ciência de Materiais com pesquisa em: 3.2 Linha de pesquisa corrosão. de 19 de fevereiro de 2016.6 Linha de pesquisa processamento termomecânico e engenharia microestrutural. 3. Engenharia Metalúrgica e de Materiais M 12 12. .Separata ao Boletim do Exército nº 7. 3. Educação em Química com pesquisa em: Linha de pesquisa engenharia de polímeros ou . PAC: 2 anos. Engenharia Química M 12 12. 3.5 Linha de pesquisa metalurgia física e propriedades mecânicas. UFRJ/ Aplicabilidade no espectro de Rio de Janeiro-RJ conhecimentos necessários para a formação do futuro oficial do EB.

1 12.1. ou .5 Alinhamento ao PEEx (SIPLEx 5) OEE Estratégia Ação Estratégica AMAN Classificação após o curso PLANO DE CURSOS E ESTÁGIOS EM NAÇÕES AMIGAS (PCENA) – PÓS-DOUTORADOS 01PD 2017 IME Maj/ TC* D. Londres.2.2.8 IME Separata ao Boletim do Exército nº 7.1 a 3.Nº Ordem OM Solicitante Posto Perfil Conhecimento Específico Aplicação/ PAC Instituição/ Local Programa/ Área de Concentração/ Linha de Pesquisa Nível Curso Alinhamento ao PEEx (SIPLEx 5) OEE Estratégia Ação Estratégica Classificação após o curso PLANO DE CURSOS E ESTÁGIOS EM ESTABELECIMENTOS DE ENSINO CIVIS NACIONAIS (PCE-EECN) – DOUTORADOS 62M2017 AMAN Nº Ordem OM Solicitante Ten/ Cap/ Maj* Posto A/ Q/ Sv Perfil Pós-graduação em Engenharia.2. de 19 de fevereiro de 2016.Sc. Civil Engineering. USP/ Lorena-SP Engenharia de Materiais M Aplicação/ PAC Instituição/ Local Programa/ Área de Concentração/ Linha de Pesquisa Nível Curso 12 12. PAC: 2 anos.1. Structural Ampliação das capacidades de Unido Identification cooperação técnica e intercâmbio acadêmico do Curso de Mestrado em Engenharia de Transportes do IME.Linha de pesquisa em Reações no estado sólido.31 .Linha de pesquisa em Processamento e Caracterização de Materiais Conhecimento Específico Atuar como pesquisador em Ciências Militares e docente na Cadeira de Química.4 IME PD 9 9. PAC: 2 anos. PAC: 2 anos.2.1 a 3. Química. 02PD 2017 IME Maj/ TC* QEM/ Mec Armt ou QEM/ Mec Auto Sistemas Autônomos Engenharia Mecânica/ Veículos não tripulados aéreos e/ Linköping Mecânica Aplicada/ Sistemas ou terrestres. Reino Engineering.1. Aplicabilidade no espectro de conhecimentos necessários para a formação do futuro oficial do EB. Structural SISFRON e PROTEGER. Estruturas Identificação Estrutural Aperfeiçoamento das capacidades de monitoramento estrutural e operacional de sistemas de infraestrutura de transportes com Mechanical. Aerospace and aplicações diversas nos Projetos Brunel University. . Universitet/ Suécia Dinâmicos e Controle PD 3 3. 3. transformação e equilíbrio de fases. Educação em Química e Ciência de Materiais com pesquisa em: .2 9.1 3.

1.1 OMDS/ DSG Doutorado em Administração/ Gestão da Inovação D 9 9. Canais Onda para a 4a QEM/ Elo HF ionosféricos. além de Technology possibilitar a orientação de University of Mestrados em Explosivos e Pardubice/ propulsão no IME. 44D2017 Ten*/ Cap/ Maj/ TC* Estudos avançados em Faculty of explosivos.2. QEM/ Cart Desenvolvimento de técnicas que possibilitem: aprimorar a qualidade dos processos na produção cartográfica. propelentes e Chemical sistemas de armas. e incrementar a qualidade de serviços disponibilizados em infraestruturas de dados espaciais. República Tcheca IME QEM/ Quim Conhecimentos em análises químicas avançadas e avaliação laboratorial de explosivos e propelentes 32 .2 Proj/ Prio: 1. Normatização. PAC: 3 anos.2. desenvolvimento QEM/ Com ou Modulação Adaptativa.1 4.3 AGITEC Química/ Química analítica/ Tecnologia química D 9 9. Geodésica e Fotogrametria D 7 7. com o de Formas de fase do Projeto por Software.3 Rádio Definido por Software (RDS) Universidad de Jaén/ Jaén/ Espanha Engenharia Cartográfica. Produção cartográfica.Separata ao Boletim do Exército nº 7.2 9. reduzir os custos ao executar uma avaliação ou auditoria de produtos geoespaciais.6 IME/ CTEx NUAGITE 43D2017 C Ten*/ QEM/ Cap/ qualquer Gestão da Inovação Maj/ especialidade TC* Capacitação em teorias e estudos práticos sobre a gestão da inovação focando o preparo para Universidade de exercício de funções de gerente Linköping (LiU) – de projetos e/ ou processos em Linköping/ Suécia organizações envolvida em inovação. Avaliação e/ ou auditoria de produtos geoespaciais. CTEx . Télécom ParisTech/ Paris Engenharia Elétrica/ Processamento de Sinais/ Sistemas de Comunicações D 4 4. PAC: 3 anos.2.2 9. de 19 de fevereiro de 2016.Nº Ordem OM Solicitante Posto Perfil Conhecimento Específico Aplicação/ PAC Instituição/ Local Programa/ Área de Concentração/ Linha de Pesquisa Nível Curso Alinhamento ao PEEx (SIPLEx 5) Classificação após o curso Ação OEE Estratégia Estratégica PLANO DE CURSOS E ESTÁGIOS EM NAÇÕES AMIGAS (PCENA) – DOUTORADOS 41D2017 42D2017 CTEx DSG Ten*/ Cap/ Maj/ TC* Ten*/ Cap/ Maj/ TC* Contribuir Filtragem adaptativa.2 7. Modelagem Rádio Definido de canais de HF PAC: 3 anos. PAC: 3 anos.

Energy Systems and Robotics DS 9 9. controle de direcionamento de míssil)”. . Aplicação/ PAC Instituição/ Local Pós-Graduação Escola de Engenharia Eletrônica e Ciência da Computação/ Defesa Cibernética D Programa/ Área de Concentração/ Linha de Pesquisa Nível Curso 9 9. PAC: 3 anos.2 9.2.11 e 1.7 Alinhamento ao PEEx (SIPLEx 5) OEE Estratégia Ação Estratégica IME Classificação após o curso PLANO DE CURSOS E ESTÁGIOS EM NAÇÕES AMIGAS (PCENA) – DOUTORADO-SANDUÍCHE 01DS 2017 IME Ten*/ Cap/ Maj/ TC* QEM/ Ele Parte externa do Doutorado Sanduíche (PCE-EB) em “Controle aplicado a estabilização de sistemas dinâmicos de defesa (ex: estabilização de tiro em Vtr/ Sr.1 (PCM 1.2 9. de 19 de fevereiro de 2016.2. PAC: 3 anos.Nº Ordem OM Solicitante Posto Perfil Conhecimento Específico Aplicação/ PAC Instituição/ Local Programa/ Área de Concentração/ Linha de Pesquisa Nível Curso Alinhamento ao PEEx (SIPLEx 5) Classificação após o curso Ação OEE Estratégia Estratégica PLANO DE CURSOS E ESTÁGIOS EM NAÇÕES AMIGAS (PCENA) – DOUTORADOS 45D2017 IME Nº Ordem OM Solicitante Ten*/ Cap/ Maj/ TC* Posto Pesquisa em Defesa QEM/ Comp Cibernética Perfil Conhecimento Específico Desenvolvimento de pesquisa na área de Defesa Cibernética com o objetivo de desenvolver novas ferramentas para serem utilizadas na monitoração do espaço cibernético e nos sensores a este integrado.” Parte externa do Doutorado Sanduíche (PCE-EB) em “Controle aplicado a estabilização de sistemas dinâmicos de defesa (ex: estabilização de tiro em Vtr/ Sr. controle de plataforma de lançamento de míssil. controle de direcionamento de míssil). Capacitar o corpo Queen Mary docente do IME para gerar University of trabalhos.33 . pesquisa e orientações London/ Londres – acadêmicas na área de Defesa Reino Unido Cibernética.15) IME Separata ao Boletim do Exército nº 7. controle de plataforma de lançamento de míssil. TUFTS University/ MedfordMassachusetts Department of Electric and Computer Engineering/ Control. com o intuito da implantação da linha de pesquisa em Defesa Cibernética nos programas de pós-graduação do Instituto e para reforçar esta disciplina nos cursos de graduação.

testes e avaliação de explosivos e propelentes. sistemas de armas.somente em caráter excepcional. com autorização do Chefe do Departamento de Ciência e Tecnologia.6 IME/ CTEx Observação: * . Estudos avançados em explosivos. 34 . PAC: 2 anos. . Hochschule Für Technik (HFT)/ Stuttgart – Alemanha Mestrado em Fotogrametria e Geoinformática/ Integração de informações geoespaciais M 7 7. Cranfield University Inglaterra Química/ Físico-Química/ Tecnologia química M 9 9.Separata ao Boletim do Exército nº 7. generalização cartográfica Implantação e desenvolvimento de algoritmos de generalização cartográfica. bem como processos de manufatura. além de possibilitar a orientação de Mestrados em Explosivos e propulsão no IME.1 OMDS/ DSG QEM/ Quim Conhecimentos em explosivos. de 19 de fevereiro de 2016. propelentes.2. PAC: 2 anos.2 7.2 9.Nº Ordem OM Solicitante Posto Perfil Conhecimento Específico Aplicação/ PAC Instituição/ Local Programa/ Área de Concentração/ Linha de Pesquisa Nível Curso Alinhamento ao PEEx (SIPLEx 5) OEE Estratégia Ação Estratégica Classificaçã o após o curso PLANO DE CURSOS E ESTÁGIOS EM NAÇÕES AMIGAS (PCENA) – MESTRADOS 63M2017 64M2017 DSG IME Ten/ Cap/ Maj* Ten/ Cap/ Maj* QEM/ Cart Geoprocessamento.2. propelentes e sistemas de armas.