You are on page 1of 4

EXAME 2010.

1 – CURSO REGULAR MODULAR DIREITO EMPRESARIAL 6/6

Sumário: 7.4 Sentença. 7.5 Publicação de edital de convocação dos credores. 7.6 Habilitação. 7.7 Quadro geral de credores. 7.8 Liquidação. 7.9 Sentença de encerramento. 8. Pedido de restituição. II. Recuperação de Empresas. 1. Modalidades. 2. Recuperação judicial. a. Requisitos. b. Credores que se sujeitam a recuperação judicial. c. Procedimento. 3. Recuperação judicial no plano especial. 4. Recuperação extrajudicial. III. Ação Renovatória 7.4 Sentença: - Art. 100. L. 11.101/05 – Recursos decretação de falência (agravo);

improcedente a falência (apelação).

Administrador judicial: art. 21, L.11.101/05. Termo legal: art. 99, II, L. 11.101/05. Importância do termo legal: alguns atos que são praticados a partir do termo legal são considerados ineficazes (art. 129, I a III, L. 11.101/05):

7.5 Publicação de edital de convocação dos credores 7.6 Habilitação: Após o prazo de 15 dias: credor retardatário (art. 10, L. 11.101/05) Só pode atualizar o seu crédito até a data em que seria correta a sua habilitação

7.7 Quadro geral de credores

REDE LFG – EXAME DE ORDEM – REGULAR MODULAR

Direito Empresarial – 6/6
Material de apoio disponibilizado na Área do Aluno LFG – www.lfg.com.br/areadoaluno

7.8 Liquidação: - Momento em que os bens são vendidos para pagar os credores, conforme ordem de classificação. Informativo STF: * Imagine que alguém compre um estabelecimento – unidade produtiva, dentro de uma falência, ela responderá pelos créditos trabalhistas e demais créditos tributários? Art. 141, II, L. 11.101/05: quem compra uma estabelecimento está isento de qualquer ônus trabalhista ou tributário.

7.9 Sentença de encerramento. 8. Pedido de restituição (art. 85 e ss, L. 11.101/05):

II. RECUPERAÇÃO DE EMPRESAS: 1. Modalidades: Recuperação judicial; Recuperação judicial (Plano especial) Recuperação extrajudicial

2. Recuperação judicial: - O devedor precisa exercer atividade empresarial, de forma regular, a pelo menos 2 anos, pois a recuperação só pode ser pedida pelo devedor. - O devedor não pode estar falido; - O devedor não pode ter sido condenado em crime falimentar; - Caso seja solicitada a recuperação judicial o intervalo de espera para o pedido de uma nova recuperação será de 5 anos.

a. Requisitos (art. 48, L. 11.101/05) b. Credores que se sujeitam a recuperação judicial (arts. 49 e 86, II, L. 11.101/05 e art. 186, CTN): - Todos os existente na data do pedido; SALVO: credor proprietário, o crédito tributário, ACC (adiantamento de crédito para câmbio).
REDE LFG – EXAME DE ORDEM – REGULAR MODULAR

Direito Empresarial – 6/6
Material de apoio disponibilizado na Área do Aluno LFG – www.lfg.com.br/areadoaluno

c. Procedimento: c.1 Petição inicial: - Requisitos do art. 48, L. 11.101/05;

c.2 O Juiz defere o processamento da recuperação judicial;

- Não cabe recurso; - Art. 6º, L. 11.101/05: ocorre a suspensão por 180 dias das ações em andamento e também dos prazos prescricionais. - Prazo de 60 dias

c. 3 Devedor: apresentar proposta de recuperação judicial. - Prazo de 30 dias Se não houver objeção – o juiz homologará a proposta de recuperação; Se houver objeção: - Será convocada a assembléia geral de credores e caso esta aprove a proposta o juiz homologará o pedido de recuperação; - No caso dos credores não aceitarem a proposta de recuperação o juiz será obrigado a decretar a falência.

c.4 Credores: apresentar objeção a proposta do devedor.

REDE LFG – EXAME DE ORDEM – REGULAR MODULAR

Direito Empresarial – 6/6
Material de apoio disponibilizado na Área do Aluno LFG – www.lfg.com.br/areadoaluno

3. Recuperação judicial no plano especial (art. 70 a 72, L. 11.101/05):

Legitimidade ativa: requisitos do art. 48, L. 11.101/05 + ser microempresa ou empresa de pequeno porte. Microempresa: faturamento bruto anual de até R$240.000,00; Empresa de pequeno porte: faturamento bruto anual acima de R$ 240.000,00 e até R$ 2.400.000,00. Apenas os credores quirografários são atingidos; parcelamento em 36 vezes, juros de 12% ao ano, a 1ª parcela para 180 dias contados da distribuição; Caso seja solicitada a recuperação do plano especial o intervalo de espera para o pedido de uma nova recuperação será maior, de 8 anos.

4. Recuperação extrajudicial (arts. 161 a 163, L. 11.101/05): - Legitimidade ativa: requisitos do art. 48, L. 11.101/05; - Proposta: livre, mas vedação ao tratamento diferenciado entre credores; - Credores atingidos/que se sujeitam a recuperação extrajudicial: todos os existentes, SALVO o credor proprietário de algum bem, o crédito tributário, o adiantamento de crédito para câmbio – ACC, credor trabalhista e o acidente de trabalho.

III. AÇÃO RENOVATÓRIA (arts. 51 e 52, L. 8.245/91): - Objetivo: conseguir/obter a renovação compulsória do contrato de locação; - Requisitos (cumulativos): Demonstrar que tem um contrato de locação (não residencial), escrito e por prazo determinado; Demonstrar que está a 5 anos no mesmo imóvel (podem existir vários contratos cuja soma dê 5 anos); Demonstrar que está a pelo menos 3 anos no mesmo ramo de atividade.

REDE LFG – EXAME DE ORDEM – REGULAR MODULAR

Direito Empresarial – 6/6
Material de apoio disponibilizado na Área do Aluno LFG – www.lfg.com.br/areadoaluno