You are on page 1of 4

Exame 2010.1 – Curso Regular Modular Processo Penal 09/09 Sumário: 1. Procedimento para os crimes contra a honra; 2.

Procedimento dos crimes funcionais afiançáveis; 3. Procedimento do Júri; 3.1 Fases; II – Recursos; 1. Apelação; 2. Agravo em Execução; 3. Embargos de Declaração; 4. Embargos Infringentes;

1. Procedimento para os crimes contra a honra Queixa Audiência recebimento de tentativa da queixa de conciliação (querelante/querelado) Se a vítima falta na audiência de tentativa de conciliação perempção - art. 60, III, CPP. extinção da punibilidade pela

2. Procedimento dos crimes funcionais afiançáveis Denúncia Defesa recebimento da denúncia Preliminar do funcionário público - Art. 514, CPP

Segundo o STJ, essa defesa é dispensável se o processo for antecedido por um inquérito policial.

3. Procedimento do Júri 3.1 Fases: 1ª fase 2ª fase Juiz singular (juízo da acusação - judicium acusationis). Tribunal do júri (judicium cause).

1ª Fase do rito do júri Procedimento ordinário; Sai absolvição sumária do art. 397 entra a réplica no MP em 05 dias. Audiência:
REDE LFG – EXAME DE ORDEM – REGULAR MODULAR

Processo Penal– 09/09
Material de apoio disponibilizado na Área do Aluno LFG – www.lfg.com.br/areadoaluno

Ofendido; Testemunhas da acusação; Testemunhas da defesa; Perito/assistentes técnicos; Reconhecimento/acareação; Interrogatório; Decisão Pronúncia; Impronúncia; Desclassificação; Absolvição sumária.

Pronúncia - Remessa do réu para ser julgado pelo tribunal do júri. - Prova da materialidade e indício de autoria (“princípio indubio pro societate”). Impronúncia - Não está presente prova da materialidade ou indícios de autoria - só faz coisa julgada formal – se surgirem novas provas o réu será novamente processado. Desclassificação - Quando se tratar de outro crime não doloso contra a vida. - O juiz deve remeter os autos ao juízo competente. - Absolvição sumária (faz coisa julgada formal e material): - Fato é atípico; - Excludente da ilicitude; - Excludente da culpabilidade; (exceto a inimputabilidade) - Reconhecimento da inexistência do Fato; - Reconhecimento da não autoria.

2ª fase do rito do júri Não existe libelo acusatório e contrariedade ao libelo; As partes serão intimadas para arrolar testemunhas (até 05); 25 jurados serão sorteados; 15 presentes e 07 jurados = conselho de sentença; As partes podem fazem até 03 recusas imotivadas; O réu poderá ficar alegado, salvo se houver comprovada necessidade de seqüência:
REDE LFG – EXAME DE ORDEM – REGULAR MODULAR

Processo Penal– 09/09
Material de apoio disponibilizado na Área do Aluno LFG – www.lfg.com.br/areadoaluno

- Ofendido - Testemunhas de acusação/defesa; - Peritos /assistentes técnicos; - Acareação/reconhecimento; - Interrogatório; - Debates (1,5 hr + 1,5h).

Quesitos - Materialidade. - Autoria. - O réu deve ser absolvido? - Os jurados decidem numa sala secreta. - Apurados os 40 votos iguais, encerra-se a apuração (para preservar o sigilo da votação).

II - RECURSOS - Recurso de ofício (reexame necessário). - Algumas decisões do juiz devem ser obrigatoriamente remetidas á superior instância. Decisão que concede habeas corpus; Concede reabilitação; Absolvição sumária do júri; Absolve ou arquiva inquérito nos crimes contra a economia popular.

1. APELAÇÃO

Interposição Prazo 05 dias. ------------------------------------------------------------É interposto para o juiz da causa . ----------------------------------------------------------Juízo de admissibilidade – analisa os pressupostos recursais (RES) - art. 581, CPP.

Razões Prazo 08 dias. -------------------------------------------------------------É interposto para o juiz do Tribunal. -------------------------------------------------------------Exceção: no JECRIM o prazo é de 10 dias para fazer a interposição e as razões.

Hipóteses de cabimento (Art. 593 a 603, CPP). a) Impronúncia/ absolvição sumária. (art. 397, CPP) b) Sentença condenatória ou absolutória. c) Apelação no tribunal do júri (art. 593, III) nulidade posterior à pronúncia/ erro do juiz presidente. Decisão dos jurados for manifestamente contraria a prova dos autos.

REDE LFG – EXAME DE ORDEM – REGULAR MODULAR

Processo Penal– 09/09
Material de apoio disponibilizado na Área do Aluno LFG – www.lfg.com.br/areadoaluno

RESE – Recurso em Sentido Estrito • Interposição – é interposto para o juiz da causa. • Admite juízo de retração. • Razões – é interposto no Tribunal. Hipóteses de Cabimento (Art. 581, CPP) a) Da decisão que rejeita a denúncia (queixa); b) Da decisão que concede ou nega Hábeas corpus; c) Pronúncia e desclassificação; d) Da decisão que anula o processo; e) Extinção da punibilidade.

2. AGRAVO EM EXECUÇÃO (ART. 197, LEP). • Cabe contra toda a decisão proferida na fase de execução da pena; • Segue o mesmo procedimento do RESE; • Prazo: 05 dias; • Cabe juízo de retratação. 3. EMBARGOS DE DECLARAÇÃO - Mesmo Juiz ou Tribunal que decidiu. - Prazo: são opostos em 02 dias (05 dias no JECRIM) Hipóteses de cabimento (Art. 593 a 603, CPP). a) Omissão; b) Contradição; c) Obscuridade; d) Ambigüidade. 4. EMBARGOS INFRINGENTES • É o único recurso exclusivo da defesa; • Prazo de 10 dias; • Caberão os embargos contra Acórdão não unânime de Apelação e RESE; • Somente pode ser pedido o que foi concedido pelo voto vencido.

REDE LFG – EXAME DE ORDEM – REGULAR MODULAR

Processo Penal– 09/09
Material de apoio disponibilizado na Área do Aluno LFG – www.lfg.com.br/areadoaluno