You are on page 1of 4

Gálatas.

1: 3 Graça a vós, e paz da parte de Deus nosso Pai, e do Senhor Jesus Cristo, 4 o
qual se deu a si mesmo por nossos pecados, para nos livrar do presente século mau,
segundo a vontade de nosso Deus e Pai, 5 a quem seja a glória para todo o sempre. Amém.
1. Em versículo três fala da fonte da graça e da paz. Vem de onde? Há alguma separação ou
diferença aqui entre Deus Pai e Jesus nesta função? Peça que o Espírito Santo te dê olhos para ver
a Trindade. Que você aprendeu? Como você vai aplicar?
R:

a) De Deus Pai e de Jesus Cristo.
b) Não
c) Eles estão conectados em um mesmo coração, tendo um mesmo pensamento,
sonhando um mesmo sonho, não tem como separar a vontade de Deus Pai da vontade de
Jesus e da vontade do Espirito Santo, foi como no principio da criação Eles declararão
façamos o homem a nossa imagem e semelhança, ou seja, nós também somos ser triunos
com corpo, alma e espirito, porém estamos corrompidos, mas Eles não, porém vivem como
um só sendo três. Não tem como separar as suas ações, tudo vem dEles e para Eles, não
existe uma hierarquia de superioridade sobre Eles.
Jesus no novo testamento foi retratado como estando a Destra de Deus Pai, e em
muitos versículos fala que Ele está assentado a direita de Deus Pai. (·COLOSSENSES (cap.
3)·1 Se, pois, fostes ressuscitados juntamente com Cristo, buscai as coisas que são de cima, onde
Cristo está assentado à destra de Deus.
I PEDRO (cap. 3)·22 que está à destra de Deus, tendo subido ao céu; havendo-se-lhe sujeitado os
anjos, e as autoridades, e as potestades.), mas acredito que Ele mesmo era e é essa destra de
Deus, pois no velho testamento essa Destra é retratada como refúgio, salvação, gloriosa em
poder, retidão, sustento, e mais alguns adjetivos e alguns desses adjetivos são usados no
novo testamento para a pessoa de Jesus, em apocalipse a Bíblia afirma que Jesus é a destra
de Deus (·APOCALIPSE (cap. 1)·17 Quando o vi, caí a seus pés como morto; e ele pôs sobre mim
a sua destra, dizendo: Não temas; eu sou o primeiro e o último.).
A Bíblia também mostra a união inseparável de Deus e Seu Espírito, ou seja, Espírito Santo,
exemplos no velho testamento: ·II CRÔNICAS (cap. 24)·20 E o Espírito de Deus apoderou-se
de Zacarias, filho do sacerdote Jeoiada, o qual se pôs em pé acima do povo, e lhes disse: Assim diz
Deus: Por que transgredis os mandamentos do Senhor, de modo que não possais prosperar?
Porquanto abandonastes o Senhor, também ele vos abandonou. Aqui revela o Espírito de Deus e
depois fala que Deus falou, assim sendo a mesma pessoa.
·JÓ (cap. 33)·4 O Espírito de Deus me fez, e o sopro do Todo-Poderoso me dá vida. Um dos
livros mais antigos da Bíblia mostrando que o Espírito de Deus e Deus estava nas mesmas
ações.
·EZEQUIEL (cap. 11)·24 Então o Espírito me levantou, e me levou na visão pelo Espírito de Deus
para a Caldéia, para os exilados. Assim se foi de mim a visão que eu tinha visto. Relata o Espirito
um e o Espírito de Deus outro, porém juntos na mesma ação.
No novo testamento também fica claro isso, vejamos: MATEUS (cap. 12)·28 Mas, se é pelo
Espírito de Deus que eu expulso os demônios, logo é chegado a vós o reino de Deus. Relata a
unificação do poder do Espírito de Deus com o próprio reino de Deus, ou seja a mesma coisa.
ROMANOS (cap. 8)·9 Vós, porém, não estais na carne, mas no Espírito, se é que o Espírito de
Deus habita em vós. Mas, se alguém não tem o Espírito de Cristo, esse tal não é dele. O exemplo
mais claro da trindade sendo Um.
·ROMANOS (cap. 8)·14 Pois todos os que são guiados pelo Espírito de Deus, esses são filhos de
Deus. Mostra a sua unificação para nos fazer seus filhos.
·I CORINTIOS (cap. 2)·11 Pois, qual dos homens entende as coisas do homem, senão o espírito do
homem que nele está? assim também as coisas de Deus, ninguém as compreendeu, senão o
Espírito de Deus. Se não tivermos a compreensão do Espírito de Deus não vamos entender
Deus, pois Eles são um.

Ele não usou força para que eu aprendesse a custa pena. não é que Eles sejam um. bem-aventurados sois.·I CORINTIOS (cap. agora sirvo a Luz de Cristo nosso Senhor. e o seu senhor lhe furará a orelha com uma sovela. 3. o Espírito de Deus. tem sido um gozo ser servo por opção. Ele é o melhor Senhor que existe. e ele o servirá para sempre. Resumindo. aquele a quem me aconselha papel de provedor em minha vida. porém vemos que Eles estão juntos o tempo todo. pois Ele nunca nos abandonará se Ele nos manda fazer algo que ainda não sabemos ou estamos inseguros Ele estará lá do nosso lado para nos auxiliar e nos ensinar como fazer e aonde ir e qual atitudes devemos tomar. logo eu o sirvo por amor e opção. Deus como Pai quer se fazer conhecido e revelar os seus segredos para nós. . 4)·2 Nisto conheceis o Espírito de Deus: todo espírito que confessa que Jesus Cristo veio em carne é de Deus. não que eu seja obrigado a servi-lo como declara no velho testamento em êxodo 21: 5 Mas se esse servo expressamente disser: Eu amo a meu senhor. em nenhum momento Eles pensam em dicotomia ou agem diferentes um dos outros. ·I JOÃO (cap. ou seja. b) Vou continuar o servindo por opção e amor. b) vou seguir em conhecer a Deus e continuar confiando na sua provisão. 2.6 então seu senhor o levará perante os juízes. falando pelo Espírito de Deus. fica claro que a trindade não está em nenhum momento separado. não posso botar a mão no arado e olhar para trás o que é muito difícil para mim. então preciso mudar muitas falas e atitudes minhas a respeito do meu entendimento da trindade. Que você experimentou? Que você entendeu? Como você vai aplicar? R: a) Ele me mostrou que seu Senhorio não oprime nem escraviza. necessito servir ao meu próximo buscando ao máximo me assemelhar com Ele. não quero sair forro. muito pelo contrario Ele me livrou da escravidão do pecado me comprando com seu sangue. sempre buscando dar o meu melhor para o seu reino de Luz. Entendo que quando o aceito Ele me ensina a servi-lo. Medite sobre Deus como pai. pra que nos preocuparmos com o que comer e com o que vestir. mas preciso aumentar muito meu tempo de qualidade com Ele. preciso ter mais intimidade com esse Deus Pai. Ele em nenhum momento obrigou-me a servi-lo. pois sei que Ele quer se fazer conhecido a mim. Que você viu? Que você ouviu? Como vai aplicar R: a) Nessa paternidade de Deus Ele é o meu guia. preciso rever meu conceito de governo nessa terra sem hierarquizar as classes sociais e pessoas. porque sobre vós repousa o Espírito da glória. ·I PEDRO (cap. eu o vejo como meu amigo e protetor por esse motivo vou me doar totalmente a Ele. Deixe que o Espírito ministre a você na paternidade de Deus. 1 JOÃO 5: 1-13 c) É uma revelação totalmente nova. e o fará chegar à porta. diz: Jesus é anátema! e ninguém pode dizer: Jesus é o Senhor! senão pelo Espírito Santo. Aqui Deus é identificado na sua identidade como nosso pai. Peça que Ele te dê uma nova visão do senhorio dEle. Aqui Jesus é identificado como nosso Senhor. sendo assim eu não sou mais servo das trevas. 12)·3 Portanto vos quero fazer compreender que ninguém. a minha mulher e a meus filhos. Eu tenho experimentado um prazer intenso ao servi-lo. ou ao umbral da porta. que quando clamo qualquer um dEles os outros também estarão comigo. 4)·14 Se pelo nome de Cristo sois vituperados. Ele quer que sejamos íntimos dEle. só a uma maneira de aplicar isso.

muito pelo contrário preciso servi-las como Jesus fez. mas sim me alimentar da arvore da vida e dessa maneira vencerei o pecado com a luz e o amor de Cristo em mim. . Qual foi o propósito da entrega de si mesmo que Jesus fez. 5. c) Devo ter mais relacionamento com Jesus e não com o pecado. Ele conquistou a morte com a sua própria vida. mas nessa escola tenho aprendido que não preciso lutar contra o pecado. também quando nos via perdidos nos orgulhos e egocentrismos. pois luto constantemente contra os meus pecados. ou seja todo um sistema egoísta que quer prejudicar nosso relacionamento verdadeiro com Deus Pai. pois Ele foi venceu perante toda a eternidade. isso mostra que não depende de acharmos vitória.4. Medite sobre esta entrega de Jesus. pois é nEle que recebemos a nossa identidade e propósito de vida. c) Meu pecado é algo destrutivo que gera morte e desgraça para mim e meus irmãos. como expos aqui no versículo quatro? Como deve ser nossa postura enquanto ao mundo perverso em que vivemos? Como você vai aplicar? R: a) se entregou por nossos pecados para nos livrar do presente século mau. nesse entendimento me lançarei mais a Deus em uma busca de intimidade com Ele para que eu venha ter vitória sobre os meus pecados. Que é a vontade de Deus neste respeito? É a vontade dEle sempre e para todos? Medite sobre o poder e a eficácia da obra de Jesus. pois Ele me capacitará do seu amor pela humanidade. Deus embutiu em toda a sua criação a sua vontade. b) Devo negar esse sistema que rege esse mundo as iniquidades perversas que querem me roubar de Deus e me levar para a morte. é o pior que nós praticamos é imensurável suas futuras consequências. e esse se revelar só é possível com uma vida relacional com Ele próprio. seu coração ficava partido ao ver que nós não queríamos mais nos relacionar com Deus. b) Sim c e d) A eficácia e o poder da obra de Jesus transcendem todas as vontades ou escolhas. mas porque estamos contaminados com o pecado e Ele teve que conviver pessoalmente com o ser humano corrompido. não porque somos vermes. pois ela já nos foi revelada e já aconteceu independente da nossa postura. mas não posso fugir das pessoas me excluindo delas e achando que eu sou melhor por ter e conhecer a Deus. 6. ou seja. Que Ele precisou deixar? Que Ele teve que sofrer? Que isto indica sobre a seriedade de nossos pecados? Que mudança isto fará em seu coração e na sua prática da vida? R: a) Ele teve que deixar a sua casa para habitar no nosso meio. Em versículo quatro está escrito que Jesus se entregou pelos nossos pecados. e vou lutar para servir as pessoas. Ele deixou de ser servido em sua glória para servir. Até onde podemos achar vitória? Como acontece? Quais raízes tem que ser cortadas da sua vida? R: a) É reconciliar a sua criação com Ele. b) Seu sofrimento foi quase constante vendo sua criação perdida no pecado e sofrendo como consequência dos mesmos. pois ele nos adotou como filhos através da vida de Jesus o seu filho. E seu maior sofrimento foi na cruz quando recebeu o pecado de toda humanidade de todas as gerações. Ele se rebaixou a nós. d) É muito complicado. Ele foi além do pecado e tomou a chave do inferno da mão de satanás. até a criação de Deus aguarda com expectativas que nós venhamos nos revelar Romanos 8:19.

Que você aprendeu? Que é que a glória de Deus deve efetuar na sua vida? R: a) A glória de Deus é Jesus. Medite sobre a glória de Deus. A glória do Senhor é a manifestação de quem Ele é e do que Ele faz. isso me gera arrependimento que gera a vontade de viver uma nova vida.e) as raízes do orgulho pensando que sou o filho predileto de Deus e que a morte de Cristo foi especialmente por mim e que a sua glória em minha vida só acontece quando eu permito. passando a permear seu ser. A glória de Deus se expressa em toda a sua criação. Peça que o Espírito Santo faça com que esta glória seja mais que um pensamento para você. esse é o maior engano que eu tenho carregado a anos e devo corta-lo imediatamente. b) Ela efetua amor e vida em Deus ela me da a oportunidade de um relacionamento perfeito com o Pai. 7. . A gloria de Deus se manifesta para todo o perdido.