CURVA CARACTERÍSTICA DA BOMBA

Relatório Científico para a Disciplina de Operações Unitárias

................ 8 2 ......... 5 5............................................................. 5 3......................................................................................................... 6.....................................................................Referências bibliográficas...........................................Materiais e métodos....... 3 4...............Introdução.......................................................................................................................... 8 7..Conclusão..........Sumário 1............................................................................................................1 Dados experimentais ..................Resultados......

por meio de dados obtidos experimentalmente. variando-se a vazão. O experimento consistiu em tomar medidas necessárias em uma bancada hidráulica. determinar a curva característica de uma bomba centrífuga. altura manométrica e eficiência.Resumo: O presente relatório objetivou. sua vazão de operação. Os valores encontrados por meio do tratamento de dados para a vazão de .

Palavras-chave: Bomba centrífuga. simples construção. na bomba centrífuga.10 m / s e 10.. assim considera-se: quantidade de fluido a transportar (vazão). presença de sólidos em suspensão). A desvantagem desse tipo de bomba encontra-se no fato de que elas não servem para altas pressões.13% de eficiência. assim.[1] As bombas centrífugas possuem como característica um peso reduzido. Isso ocorre quando a pressão do fluido incompreensível na linha de sucção se torna menor que a . O uso de bombas em uma linha se dá com o intuito de compensar as perdas localizadas e/ou distribuídas na mesma.operação foi de −3 3 1. resultado considerado satisfatório quando comparado à literatura. velocidade e altura do fluido [1]. Além das vantagens já citadas. tornam-se assim um dos equipamentos mais usados no mundo [2]. ou o mantém em movimento. sem pulsações e a linha de descarga pode ser estrangulada sem danificar a bomba. baixo custo de operação e manutenção.37. a fonte de energia.61m para a altura manométrica. As bombas se dividem de acordo com a forma como a energia é fornecida ao fluido. Após passar pelo rotor o fluido ganha velocidade e pressão. sendo então classificadas em dois grandes grupos. O fluido entra pela carcaça na direção axial e em seguida é aspirado pelas pás do rotor que aumentam a sua energia cinética convertendo-a em energia de pressão. As bombas transportam um fluido incompressível para outro local. sua máxima eficiência ocorre dentro de um curto intervalo de condições e só bombeia fluidos num limite de 40cp de viscosidade [3]. A escolha da bomba deve levar em consideração o tipo de fluido a ser transportado. Seu princípio de funcionamento consiste em um rotor que gira dentro de uma carcaça por meio de um eixo. curva característica. [1] As Bombas de Deslocamento Positivo funcionam da seguinte forma. bem como aumentar pressão. comunicando ao fluido em acréscimo de energia na forma de energia potencial. pressão e altura manométrica específica são necessárias a utilização de máquinas geratrizes denominadas bombas. uma porção do fluido é presa numa câmara. a natureza do fluido a bombear (viscosidade. a carga contra a qual há que bombear o fluido (HB) e se a bomba será utilizada de forma intermitente ou não. transformando o trabalho mecânico em energia hidráulica. 1. responsáveis por transporte e separação de fluidos. pela ação de um pistão ou uma peça rotativa. Por ser um sistema hidráulico. são sujeitas à incorporação de ar. dirigindo-se de forma radial a saída da bomba. Obteve-se 38. o fluido é descarregado a uma pressão uniforme. Introdução Para que seja possível o escoamento de um líquido em uma tubulação a uma vazão. de pressão e energia cinética. as Bombas de Deslocamento Positivo (alternativa ou rotativa) e as Bombas Centrífugas. corrosividade. a bomba está sujeita ao fenômeno conhecido por cavitação. o fluido é impulsionado para fora. vazão de operação e eficiência. Avalia-se ainda o custo e a eficiência mecânica da máquina [4].

a carga da bomba. dragagem. isto é. isto é. alimentação de caldeiras. altura manométrica (H). A cavitação é acompanhada de vibrações e ruídos em conjunto com uma queda progressiva de rendimento. combate a incêndio. Quanto a sua aplicação. fazendo com que o líquido atinja a superfície do rotor em altas velocidades causando a desagregação do material [7]. Figura 1: Curva Característica da Bomba [6]. onde observa-se que a medida que a vazão do liquido aumenta. a vazão manométrica da bomba cai. Em geral este problema se apresenta por altura inadequada de sucção. Pode-se tambem desenvolver a curva característica do sistema. irrigação. Esta curva contém informações sobre o equipamento como. e para evitar a cavitação. abastecimento de água. A bomba escolhida para um determinado serviço deve possuir características operacionais estáveis [4]. água de refrigeração [5]. carga [4]. Essas bolhas vão se condensar bruscamente. . Todas as formas de energia envolvidas em um sistema de fluxo de líquido são expressas em termos de altura de coluna do líquido. drenagem. as bombas são usadas em sistemas de esgotos. capacidade (Q). a vazão volumétrica é plotada contra a carga desenvolvida. a pressão na entrada da bomba deve ser maior que a pressão de vapor do fluido em certo valor chamado NPSH (altura livre positiva de sucção) [7]. Para descrever as características operacionais de uma bomba são utilizadas suas curvas características onde sua capacidade. velocidades excessivas de escoamento ou por escoamento incorreto. que condiz à relação na variação do fluxo com a carga do sistema.pressão de vapor do mesmo. serviço marítimo. a eficiência ( ɳ). O formato mais comum da curva característica de bombas centrífugas pode ser visto na Figura 1. NPSH (pressão absoluta disponível na entrada da bomba) e a potência (P). sistemas de condensados. sendo desenvolvida com base nas condições de operação. a seguir. assim o líquido evapora formando bolhas de vapor no fluido que causam erosão e ruídos no equipamento [4].

Figura 3: Cruzamento das curvas do sistema e da bomba [6]. Modelo Para o tratamento dos dados experimentais no presente relatório.Figura 2: Curva Característica do Sistema [6]. A altura manométrica é obtida pela seguinte equação: (1) . este ponto fornece a vazão e a carga que satisfazem tanto a equação de sistema quanto a equação da bomba. Q= Onde V é o volume em V t m3 . t é o tempo em segundos e Q é a vazão em m3 /s . ou seja. 2. é a relação entre o volume e o tempo que representa a rapidez com que o fluido escoa. No mesmo gráfico é mostrada a eficiência da bomba [3]. as equações a seguir serão utilizadas. obtém-se o ponto de operação da bomba. Ao cruzar as duas curvas. A vazão pode ser definida como sendo a quantidade em volume que escoa através de certa secção em um intervalo de tempo considerado.

H B= P2 − P1 p. 3. H B é a altura manométrica da bomba e NB y éo é apotência de eixo da bomba. P2 é a pressão em um P1 é a pressão em um ponto da tubulação de sucção. Estipulou-se o tempo de 10 segundos para o enchimento do tanque. Objetivo A partir das medidas de vazão e pressão tomadas em ensaios realizados em laboratório o presente relatório possui o objetivo de determinar a curva característica de uma bomba centrífuga. foram mensuradas as diferenças entre elas a fim de se determinar a pressão de sucção. sua vazão de operação. Anotou-se a pressão de recalque indicada pelo manômetro de Bourdon. peso específico do fluido. (3) Q é a vazão volumétrica da bomba. ηB = ηB Em que yQ H B NB é a eficiência da bomba. Materiais e métodos O ensaio foi realizado utilizando-se os seguintes materiais:  Bomba centrífuga  Tanque com água  Válvulas  Manômetros (em U e de Bourdon)  Balde  Proveta  Cronômetro  Trena Inicialmente foi ajustada a vazão por meio da válvula a montante da bomba e em seguida a mesma foi acionada. Após as alturas do manômetro em “U” terem se estabilizado.g (2) H B é a altura manométrica da bomba em metro. Anotou-se ainda as . A altura resultante da água no tanque foi anotada. A eficiência da bomba pode ser calculada a partir do rearranjo da fórmula da potência. Em que ponto da tubulação de recalque e em metros de coluna d’água (m). ambas p a densidade do fluido e g é a aceleração da gravidade. 4. altura manométrica e eficiência.

7 17.008426 10.25 14 2521. PS e PR se referem a.147 0.7 20.002446 10.7 15.122 0.88 205939.2 Tratamento de dados .4 18.80 0.65 196133 19.18 186326.7 20.22 12 4561.124 0.005028 10. 5.59 0. A temperatura da água no momento da realização do experimento era de 22ºC.7 15.72 0.4 18.006931 10.31 13 2344.38 0. pressão de sucção e pressão de recalque.81 0.008358 9.7 17.102 0.00829 9.19 3 8093.074 0.65 161809.149 0.78 m/ s2 da equação 2.25 8 5670.45 0.005164 10.7 196133 19.7 17.010002 10. respectivamente.76 186326.47 0.035 0.93 6 6582. A altura manométrica foi obtida a partir g=9.4 18.03 5 6533.035 0.38 0. Altura Ponto PS ( Pa ) PR ( Pa ) manométrica (m) Altura Volume Tempo (m) ( m3 ) (s ) 1 7504. Tabela : Dados obtidos experimentalmente.005028 10.33 196133 19.82 0.10 10 4610.146 0.010125 10.46 0.25 15 2432.1 Dados experimentais Os dados obtidos no experimento encontram-se dispostos na tabela 1.7 20.72 0.036 0.78 0. Resultados 3.59 205939.123 0.25 161809.51 176519.51 176519.006931 10.006999 10.dimensões do tanque para o cálculo de seu volume.22 4 6582.074 0. totalizando 15 pontos.009969 9.38 0.56 0. considerando e p=1000 kg /m2 .002378 10.46 176519.25 161809.58 0. Os dados foram convertidos para as devidas unidades.25 3.25 9 5758.102 0.17 205939.7 15.103 0.076 0.25 11 4836.002378 10.97 2 8093.90 7 5846. O procedimento foi repetido três vezes para cada vazão de operação.47 186326.

A tabela 2 expressa os valores calculados. e das dimensões do tanque (0.274 (m) x 0. e utilizando a equação 2.A partir dos dados dispostos na Tabela 1. . calculou-se a vazão volumétrica. calculou-se o valor médio dos volumes das cinco vazões. O tempo médio para cada vazão também foi calculado.248 (m)).

plotou-se um gráfico para determinar qual seria a equação da curva característica da bomba.36 ± 0.95 ± 0. as retas se encontrarão. igualou-se as equações da curva do sistema e da bomba: −5.08 10.95 ± 0.08 10. ele define a vazão no qual a bomba vai operar em seu máximo rendimento. Observando o gráfico acima.Tabela . encontrou-se: 6 2 Hb=−5 .61 Q+21 .07 ± 0.61 m .07 8.91 2 8. esse ponto de intersecção das curvas é denominado ponto de operação da bomba.04 10. Assim. Com a finalidade de encontrar esse valor em Q.03 ± 0.61Q+ 21.34 Vazão 10 ¿s ¿ A partir dos valores médios das alturas manométricas (Hb) e das vazões volumétricas (Q).09 6. tempo médio e vazão volumétrica. Vazão volumétrica Volume médio Tempo médio ( 10− 3 m3 ) (s ) 1 10.13 ± 0.20 ± 0.25 ± 0. calculou-se o valor da vazão de operação da bomba: Qo=1.82 4 5.00 2.237=10000 Q2 +800 Q+ 9.237 No mesmo gráfico plotou-se a curva característica do sistema.Valores calculados para o volume médio. foi possível encontrar Ho: Ho=10. vazão de operação da bomba. em algum lugar.Gráfico relacionando a altura manométrica com a vazão volumétrica.40 3 6.94 5 2.40 ± 0.14 9.37. é possível perceber que.10 −3 m3 s A partir do valor de Qo.04 10.26 ± 0.05 4.5 Figura 4 .5 Assim.07 9.106 Q2 − 895. definida no roteiro da disciplina: Hm=10000 Q2 +800 Q+9. 10 Q − 895 .

unicamp. Bombas e Compressores. da altura manométrica de operação (Ho). Acessado novembro de 2015.Engbrasil.escoladavida. Escola da Vida.br/fileadmin/user_upload/cursos/EQ651/Capitulo_I. [2] Operações Unitárias I. . encontrou-se: ηB =38. Conclusão O tratamento de dados consistiu em construir a curva característica da bomba e ao comparála com a curva do sistema obter a vazão de operação da bomba e a altura manométrica da mesma. O baixo valor pode estar relacionado a possíveis erros ocorridos na realização do experimento.ocw. Disponível em: http://sistemas. Acesso em novembro de 2015.pdf. CEFET/BA. [6] Mecânica dos Fluidos.br/LIVRE/Ribeiro/maquinas%20de%20fluxo/textos%20basicos/Bombas%20e %20instala%E7%F5es%20de%20bombeamento. Com os devidos valores obtidos foi possível calcular a eficiência da bomba onde o valor encontrado foi de 38.Apostila de Bombas Industriais.mecanica. Referências bibliográficas [1] Bombas e instalações de bombeamento. Obtidos os valores da vazão de operação (Qo). Mecânica dos Fluídos. Disponível em: www. Disponível em: ftp://ftp.ª Katia Tannous e Prof.doc.A eficiência da bomba foi calculada utilizando-se a equação 3.S.ppt. Material elaborado pelas Prof.75W .br/docentes/arquivos/5840921/390/Aula1de0PUnitIpdf. [3] GANGHIS.13%.pdf .unicamp. Disponível em: http://www. [5] Operações Unitárias I. Disponível em :http://www. Gerônimo Taglieferro. L. . Acesso em novembro de 2015.br/fea/ortega/aulas/aula11_Bombas. Conclui-se que esse valor é relativamente baixo porém satisfatório uma vez que uma bomba centrífuga possui eficiência entre 30 e 50% para fluidos de processos e até 75% para água. Material elaborado por Prof.13 6.eng.ufu. sabendo que γ =9780 N / m e N B =372. [4] Operações Unitárias I. D.br/mecfluquimica/primeiro2008/quinta_aula_de_complemento. Rocha.engbrasil.usp. Bombas. de acordo com a literatura [8].pdf. Acesso em novembro de 2015. Disponível em:<www. [7] RODRIGUES. 7.eel.ª Sandra C. Acesso em novembro de 2015.

Marco Aurélio. 2012. 63p.eng. São Paulo: Blucher. Unitárias em Sistemas Particulados e . [8] CREMASCO. Operações Fluidomecânicos. br> Acesso em novembro de 2015.