FaSeM - FACULDADE SERRA

Curso de Graduação em Enfermagem
Saúde Coletiva
Profª. Esp. Algemira Souza e Silva Pereira
7º Período de Enfermagem – Noturno

Atividades
Acadêmico (a): Daniel de Oliveira Martins

1. De acordo com o saber com quais disciplinas a saúde coletiva se
articula?
A Saúde Coletiva se articula em um tripé interdisciplinar composto pela
Epidemiologia; Administração e Planejamento em Saúde e Ciências Sociais em
Saúde, com um enfoque transdisciplinar, que envolve disciplinas auxiliares
como a: Demografia; Estatística; Ecologia; Economia; História e Ciências
Políticas entre outras.
2. Quais são as dimensões de objeto de investigação e práticas em saúde
Coletiva?
O objeto de investigação e práticas em Saúde Coletiva, compreende as
seguintes dimensões: o Estado de saúde da população; os Serviços de saúde
e o Saber sobre a saúde.
3. Diferencie Promoção e Prevenção.
Prevenir: preparar; chegar antes de; dispor de maneira que evite (dano, mal);
impedir que se realize.
Promover: dar impulso a; originar; gerar.
4. Quais são os modos de produção de saúde?
A produção social de saúde; A saúde coletiva; A clínica e a reabilitação;
Atendimento de urgência e de emergência
5. De acordo com o artigo 196 da Constituição Federal de 1988 a saúde é
“um direito de todos e dever do Estado.” Diante dessa afirmação como o
Estado deverá garantir a todos os cidadãos esse direito?
Mediante políticas sociais e econômicas que visem á redução do risco de
doença e de outros agravos e ao acesso universal e igualitário ás ações e
serviços para sua promoção, proteção e recuperação.
6. Quando surgiu, porque surgiu e qual o conceito de saúde coletiva?

O que determina o estado de saúde das pessoas? Determinantes e condicionantes como: Biológico: idade. sexo. Defina Vigilância Sanitária e Epidemiológica nos termos da Lei 8. III . Período Pré-Patogênese: precede a doença. Meio Físico: água. Socioeconômico e Cultural: ocupação. a miséria. combate das doenças transmissíveis que ameaçam a coletividade.080/90 quais são os objetivos do SUS? I . período de interação entre o agente patogênico potencial. 9. Nesse período pode ocorrer mudança no organismo humano (sinais e sintomas). considera o contexto social e histórico. De acordo com a Lei 8. ela vai além do diagnóstico e do tratamento. 2º desta lei. analisa o processo saúde-doença. renda. Ela surgiu devido à necessidade de construção de um campo teórico-conceitual em saúde frente ao esgotamento do modelo científico biologicista da saúde pública. Serviços de Saúde: oportunidade de acesso aos níveis de atenção. A Saúde Coletiva é a ciência e a arte de prevenir doenças. Diferente da saúde pública. prolongar a vida e promover a saúde física e a eficiência do indivíduo através de esforços organizados da comunidade visando o saneamento do meio ambiente. 7. as ações de saúde coletiva não necessariamente passam pelas pelas instâncias governamentais. Período Patogênese: interação entre o homem e o estímulo a um agente infeccioso ou situação ambiental.a formulação de política de saúde destinada a promover. moradia. nos campos econômico e social.a assistência às pessoas por intermédio de ações de promoção. com a realização integrada das ações assistenciais e das atividades preventivas.080/90? . 11. o hospedeiro e o meio ambiente. Qual é o objetivo principal da saúde coletiva e o que a diferencia da saúde pública? O Objetivo principal da Saúde Coletiva é produzir saúde e. ou seja. Estilo de vida. II . 8. Como forma de controlar as Endemias. alimentação. desnutrição e analfabetismo.a identificação e divulgação dos fatores condicionantes e determinantes da saúde. todas as práticas de qualidade de vida. a observância do disposto no § 1º do art. 10. Fale sobre os dois processos do período do processo saúde doença.A saúde coletiva surgiu na década de 70 contestando os atuais paradigmas de saúde existentes na América Latina buscando uma forma de superar a crise no campo da saúde. proteção e recuperação da saúde. hereditariedade.

13. Vigilância epidemiológica: conjunto de ações que proporcionam o conhecimento. Definir novos objetivos estratégicos. da produção e circulação de bens e da prestação de serviços de interesse da saúde.o controle de bens de consumo que.atenção primária. a detecção ou prevenção de qualquer mudança nos fatores determinantes e condicionantes de saúde individual ou coletiva. e II .o controle da prestação de serviços que se relacionam direta ou indiretamente com a saúde. Quais são os três componentes do Pacto pela Saúde? Pactos Pela Vida. Aprofundar e reorientar a implementação do SUS. 15. Quais são os principais pontos da Lei complementar 141? . direta ou indiretamente. ações e serviços de: I . O que é Rede de Atenção à Saúde? É um conjunto de ações e serviços de saúde articulados em níveis de complexidade crescente. Pacto de Gestão do SUS. se relacionem com a saúde.atenção ambulatorial especializada e hospitalar. Normalizar o SUS. Regular as relações entre seus gestores. 16. e V . com a finalidade de recomendar e adotar as medidas de prevenção e controle das doenças ou agravos. Pacto em Defesa do SUS. e movimentos táticos operacionais. abrangendo: I . com a finalidade de garantir a integralidade da assistência à saúde.508/11 para se instituir uma Região deve apresentar algumas ações e serviços mínimos. IV . diminuir ou prevenir riscos à saúde e de intervir nos problemas sanitários decorrentes do meio ambiente. da produção ao consumo. no mínimo.vigilância em saúde. a Região de Saúde deve conter. Quais os objetivos da NOBs? Induzir e estimular mudanças.urgência e emergência. 14. De acordo com o Decreto 7. prioridades.Vigilância sanitária: conjunto de ações capaz de eliminar. Quais são eles? Para ser instituída. diretrizes. II . compreendidas todas as etapas e processos. III .atenção psicossocial. 12.

15% (quinze por cento). apurado nos termos desta Lei Complementar. Da aplicação de recursos em ações e serviços públicos de saúde. e não estar doente. Quais os valores mínimos a serem aplicados na saúde de acordo com a Lei complementar 141? A União aplicará. limpeza urbana e remoção de resíduos. fiscalização. o montante correspondente ao valor empenhado no exercício financeiro anterior. visibilidade. da ação das forças que agem sobre ele. ou uma ausência de reação aos estímulos a cuja ação está exposto. Quais os tipos de saúde do corpo humano? Física: A saúde física é sobre estar em forma. Para Perkins é um estado de relativo equilíbrio da forma e da função do organismo. Da transparência. Não se trata de uma aceitação passiva. o percentual correspondente à variação nominal do Produto Interno Bruto (PIB) ocorrida no ano anterior ao da lei orçamentária anual. ter energia suficiente para o seu trabalho diário e suas atividades de lazer. 17. 20. Doença: Desajustamento ou falha nos mecanismos de adaptação do organismo. avaliação e controle. acrescido de. Disposições finais e transitórias. ações de assistência social. resultante de seu sucesso em ajustar-se às forças que tendem a perturbá-lo. 12% (doze por cento).Disposições preliminares. Os Estados e o Distrito Federal aplicarão. 19. mas de uma resposta ativa de suas forças operando no sentido de reajustamento. em ações e serviços públicos de saúde. A Lei complementar 141 traz em seu conteúdo as despesas de ações e serviços. 18. obras de infraestrutura. no mínimo. pessoal ativo da área de saúde quando em atividade alheia à referida área. em ações e serviços públicos de saúde. anualmente. Defina saúde e Doença. preservação e correção do meio ambiente. De acordo com essa lei o que não são considerados ações e serviços públicos de saúde? Não são considerados despesas ações e serviços públicos de saúde: Pagamento de aposentadorias e pensões. assistência à saúde que não atenda ao princípio de acesso universal. mental e social e não meramente a ausência de doença. Saúde: Para a OMS é um estado de completo bem-estar físico. por parte do organismo. merenda escolar e outros programas de alimentação. Das ações e dos serviços públicos de saúde. . no mínimo. no mínimo. etc. anualmente. Os Municípios aplicarão anualmente em ações e serviços públicos de saúde.

Qual a definição da História Natural da doença segundo Leavell & Clark. 3. familiares e outros membros da comunidade. TC. O SUS está organizado segundo a complexidade do nível de atendimento em: 1. ou em qualquer outro lugar. Serviços Quaternários: Hospitais especializados de alta complexidade: realizam procedimentos assistenciais de hemodinâmica. curativa e preventiva. invalidez. Serviços Terciários: Hospitais especializados. passando pela resposta do homem ao estímulo. terapia renal substitutiva. busca de órgão p/ transplante. explorando questões éticas e filosóficas. Qual a definição de hospital segundo o Ministério da Saúde? O Ministério da Saúde define hospital como parte integrante de uma organização médica e social. do suscetível e do meio ambiente que afetam o processo global e seu desenvolvimento. Segundo a complexidade do nível de atendimento. sob qualquer regimes de atendimento. Significa entender suas próprias emoções. 22. 2. 23. recuperação ou morte”..ou seja. Isso inclui fazer sentido para si mesmo. constituindo-se também em centro de educação. como está organizado o SUS? Defina cada um deles. 21. radioterapia. cuja função básica consiste em proporcionar à população assistência médica integral. Espiritual: Saúde espiritual envolve descobrir o que você acredita ter um propósito na vida e estar em contato com seu eu interior. e ter a capacidade de ouvir os outros e ter empatia com as suas emoções. postos de saúde ou unidades sanitárias. inclusive o domiciliar. capacitação de recursos humanos e de pesquisas em saúde. Social: Saúde social envolve a capacidade de interagir positivamente com amigos..Emocional: A saúde emocional envolve gostar de si mesmo e aceitar os outros. RM. Serviços primários de saúde: Unidades de atenção básica à saúde: unidades básicas de saúde. 4. ela envolve a maneira pela qual nossas mentes funcionam. estratégias de saúde da família. até as alterações que levam a um defeito. Ambulatório de especialidades. Hospitais universitários. Intelectual ou Mental: Saúde intelectual ou mental envolve a habilidade de uma pessoa para pensar com clareza e lógica e de tomar decisões . centros de saúde. desde as primeiras forças que criam o estímulo processo patológico no meio ambiente. bem como de encaminhamento de pacientes. genética. Serviços Secundários: Hospital gera. 1976? “As inter-relações do agente. cabendo-lhe . medicina nuclear.

prevenir significa impedir que acontecimentos indesejáveis ocorram.. Fale sobre prevenção primária. Etiologia (fase patológica) – encontram-se os processos que ocorrem no interior do corpo humano e que se sucedem a partir da resposta orgânica inicial. secundária e terciária e exemplifique cada uma delas. Se destinam também a interromper o processo saúdedoença que já se instalou no organismo humano. O que significa prevenir na área da saúde? Na área da saúde. educação sanitária e práticas de saúde coletiva visando ao paciente. seletivas e individualizadas. o que aponta para possíveis estratégias de prevenção desta afecção. 26. Cinco níveis de prevenção. Serve de exemplo o conhecimento do papel do “barbeiro” na etiologia da doença de Chagas. 26.supervisionar e orientar os estabelecimentos de saúde a ele vinculados tecnicamente. O que são medidas preventivas? Medidas preventivas – todas aquelas utilizadas para evitar as doença e/ou suas consequências. cite e explique as duas etapas de prevenção? Etiologia (fase pré-patológica) – os eventos ocorrem em época ainda anterior à resposta biológica inicial do organismo.. 27. O conhecimento da causa da doença é importante. Promover atividades educativas e de pesquisa – ações de educação em saúde. à família e à comunidade. evitando o desenvolvimento de uma doença e limitando a progressão de doenças e riscos. . voltados para detectar e interromper o processo já instalado no organismo e se possível fazê-lo regredir. Quais são as classificações das medidas preventivas? Medidas inespecíficas e específicas. secundária e terciária. Quais as funções do Hospital? Prevenir doença – ações relativas de assistência pré-natal. 28. com sua terminologia própria. Prevenção primária. Em relação à Etiologia. Medidas universais. os quais são responsabilizados pela exteriozação da afecção. Restaurar a saúde – função mais exercida. Possibilita melhores oportunidades de prevenção dos agravos. O melhor conhecimento deste mecanismo permite adotar critérios para diagnósticos e tratamento condizentes. 24. Um exemplo é o uso de antiinflamatórios não hormonais no tratamento da artrite reumatóide. 25.

Tratamento médico ou cirúrgicos adequados. antes do aparecimento dos sintomas: Rastreamento. Quais são os cinco níveis de prevenção? Dê exemplos. 4. limitar a extensão das respectivas lesões e retardar o aparecimento das complicações: Acesso facilitado a serviços de saúde. e estão dirigidas para diminuir o risco do aparecimento futuro de doenças. Exame pré-natal. Ex: uso de aspirina em pacientes com infarto agudo do miocárdio. Seletivas e Individualizadas de prevenção. reintegrando a pessoa na família. Prevenção Secundária – são orientadas para o período patológico. caso de AVC. trabalho e na sociedade: Terapia ocupacional. enquanto a doença ainda está progredindo. Prevenção Terciária . Esta classificação se difere da anterior por ser mais restrita. Limitação do dano – Consiste em identificar a doença. Diagnóstico e tratamento precoce – identificar o processo patológico no seu início. Treinamento do deficiente. Auto-exame. Fluorretação da água. tem objetivo de prevenir novos infartos.Prevenção Primária – são ações dirigidas para a manutenção da saúde. cujo potencial funcional foi reduzido pela doença. 2º Proteção específicas – inclui medidas para impedir o aparecimento de uma determinada doença: Vacinação. Fale sobre as medidas Universais. Eliminação de exposição a agentes carcinogênicos. de evitar novos casos de agravos à saúde. visa desenvolver a capacidade residual do indivíduo. ou por sequelas de um episódio agudo de uma afecção crônica. 29. 3. 1º Promoção da Saúde – ações destinadas para manter o bem-estar. melhores condições de trabalho para o deficiente. Procura de casos entre contatos. próteses e órteses 30. sem visar nenhuma doença: Educação sanitária. Emprego e salários adequados e Condições para a satisfação das necessidades básicas para o indivíduo. seja em fase subclínica. Engloba as “medidas adotadas ou praticadas por indivíduos que no momento não sentem os efeitos da doença. Ex: na poliomielite. Trata-se da “prevenção da ocorrência” da fase patológica. Alimentação e nutrição adequadas. Educação para o público para aceitação dos deficientes. São ações que visam a prevenção para regredir a doença. Ex: educação para saúde e saneamento ambiental. 5. ou seja. Habitação adequada. Reabilitação – desenvolver o potencial residual do organismo após a doença e contribuir para que o indivíduo leve uma vida útil e produtiva.as ações se dirigem à fase final do processo. seja de evolução clinicamente aparente. .

que estão em alto risco de adoecer. Ex: vacinação anti-rábica de veterinários. uso de fumo ou álcool durante a gravidez. Ex: dieta. São aplicadas com ou sem assistência profissional. pois o benefício sobrepassam em muito os custos e riscos. identificadas por sexo. São desejáveis a todos. ocupação ou outra característica marcante. portanto para segmentos populacionais em alto risco de adoecer. São elas seletivas. MEDIDAS INDIVIDUALIZADAS: aplicadas a um indivíduo que está em alto risco para desenvolvimento futuro da doença. . idade. exercícios regulares e higiene dental. e o seu controle em geral depende de assistência especializada para obter melhores resultados. Tais condições ou fatores de risco são detectáveis à base de exame clínico ou laboratorial. Ex: quimioprofilaxia contra a tuberculose e o controle da hipertensão. MEDIDAS SELETIVAS: recomendadas somente para subgrupos da população.MEDIDAS UNIVERSAIS: recomendadas para todas as pessoas. Ao exame as pessoas apresentamse bem.