You are on page 1of 5

FACULDADE CRISTÃ DE CURITIBA

MARCOS
GONÇALVES
PEREIRA
NOME DO(S)
AUTOR(ES)
EM ORDEM
ALFABÉTICA

ENTREVISTA
HISTÓRIA DAS RELIGIÕES

CURITIBA
2016

Me. Prof. Adriano Lima Curitiba 2016 . como exigência parcial para a obtenção do título de Bacharel em Teologia.MARCOS GONÇALVES PEREIRA ENTREVISTA HISTÓRIA DAS RELIGIÕES Trabalho Apresentado ao Curso Bacharel em Teologia da Faculdade Cristã de Curitiba.

que todo praticante dessa religião acredita fielmente nessas informações. o Catolicismo e o kardecismo. levando seus ensinamentos totalmente à sério e com muito rigor. declarou-se que "umbanda" vinha das palavras do sânscrito aum e bhanda. o fundador da Umbanda. . luz radiante. a tradição dos orixás africanos e os espíritos de origem indígena. Formada no início do século XX no sudeste do Brasil a partir da síntese com movimentos religiosos como o Candomblé. Logo. "Umbanda" ou "embanda" são oriundos da língua quimbunda de Angola.INTRODUÇÃO Umbanda A Umbanda é uma religião de origem brasileira que sintetiza vários elementos das religiões africanas e cristãs. religião que tem cerca de 400 mil seguidores no Brasil. evolução constante". como é o caso da nossa entrevistada. Há também a suposição de uma origem em um mantra na Língua adâmica cujo significado seria "conjunto das leis divinas" ou "deus ao nosso lado". "arte de curar". onde moram os espíritos”. Zélio Fernandino de Moraes. Após o Congresso de 1941. deve se levar em consideração. termos que foram traduzidos como "o limite no ilimitado". significando "magia". porém sem ser definida por eles. "Princípio divino. sendo que "mbanda" quer dizer “o Além. Também era conhecida a palavra "mbanda" significando “a arte de curar” ou “o culto pelo qual o sacerdote curava”. É considerada uma "religião brasileira por excelência" com um sincretismo que combina o Catolicismo. a fonte da vida eterna. Há 39 anos morria no Rio de Janeiro.

R: Amor e Caridade. . Também temos como sentido uma vida plena e com liberdade. são os dois principais ensinamentos que recebemos. está de comum acordo com aquilo que o entrevistado acredita e entende fazer parte de sua crença e religião. e o sentido da vida nos traz noções daquilo que podemos e não podemos fazer. está em oferecer ajuda espiritual às pessoas que precisam. Qual a essência da sua religião? R: A essência da nossa religião.: 13/04/1988 Religião do entrevistado: UMBANDA Praticante: À 3 anos Entrevista realizada no dia 09/04/2016 no qual todas as informações contidas neste texto. melhorando a saúde mental contribuindo e mudando o ambiente familiar trazendo mais armonía.ENTREVISTA Aluno: MARCOS GONÇALVES PEREIRA Entrevistado: RAFAELA SILVA Data Nasc. Qual o sentido da vida para sua religião? R: A busca pela ajuda e evolução humana. como a infidelidade por exemplo que é extremamente proibida e é punida de forma severa. Quem é o fundador da sua religião? R: Zélio Fernandino de Moraes. De forma sintetizada. Ex. redoutrinar seus espíritos entre outras. é uma das atividades que praticamos e que oferecemos como ajudas para aquelas pessoas que precisam. Sua religião é a favor do diálogo entre as religiões? R: Sim desde que aja um convite e as diferenças sejam colocadas de lado. não à proibições. os solteiros podem levar uma vida sexual de maneira normal. O que sua religião propõe como caminho para a Paz? R: O silêncio. por conta das perseguições em muitas cidades preferimos as vezes permanecermos calados. por exemplo para nós à síndrome de down é o último estágio da evolução humana. cite as duas principais doutrinas da sua religião.

umas que contribuem para o bem e outras para o mal. sendo a “caridade. olhamos para esse lado da sociedade esquecido muita das vezes pelas outras religiões. diálogo muito diálogo algo que tem faltado às religiões na minha opinião”. ajudando uns aos outros.Você acredita que as religiões podem promover um mundo melhor? De que forma? R: Com certeza. O que sua religião tem feito concretamente para que nossa cidade seja melhor? R: Levamos ajuda aos mais carentes. oferecemos ajuda espiritual e orientações em várias áreas. para que se aja paz. Você considera que existem outras religiões verdadeiras ou apenas a sua religião é a verdadeira? R: Não. . primeiramente cada um cuidando da sua. claro que isso não é tudo mais é parte daquilo que oferecemos como contribuição para que a nossa cidade procure melhorar a cada dia. Se você fosse convidado (a) a participar do diálogo com pessoas de outras religiões. eu acredito que existe sim outras religiões verdadeiras. você aceitaria? R: Sim com certeza seria um enorme prazer. “risos” e claro por meio também daquilo que acreditamos. e o mais importante. compreensão mútua.