You are on page 1of 7

Universidade Politécnica

A POLITÉCNICA

CURSO/RAMO:

Engenharia Civil/Estruturas________________________

DISCIPLINA:

Tecnologia de Construção II_

ANO:

3º._

SEMESTRE:__7º._

ANO LECTIVO: 2015
CARGA HORÁRIA SEMESTRAL:

45 HORAS

DOCENTE (S): Regente
(outros docentes)

Fernandel Chambal___

Contactos do docente:
Telefone (regente):
E-Mail(s): (regente)

fixo: __________
Cel.: _825729119_______________
fernandelchambal@gmail.com_______________

1. INTRODUÇÃO
Nesta disciplina faz-se uma abordagem a aspectos relativos à programação e controle da
execução de projectos de construção (obras), preparação das estimativas de custo, elaboração
de propostas para concursos, gestão da qualidade em construção, análise da indústria de
construção, normalização e produção em série, legislação aplicável à construção e assuntos
ligados à segurança no trabalho em empreitadas de construção civil e obras públicas. Estas
matérias são ministradas de forma a equipar o estudante com ferramentas e métodos
apropriados para a gestão correcta dos empreendimentos de construção. São abordados
questões teóricas das matérias preparando-se uma base para a compreensão da
conceitualização e dos aspectos práticos.

No que diz respeito à programação e estimativa de custos são lançados os os conceitos, os
fundamentos, o contexto, as técnicas e os métodos. Apresentam-se as diversas técnicas e as
circunstâncias nas quais se aplicam. A questão da qualidade é sublinhada tendo em conta a sua
importância nos indicadores de sucesso dos projectos. Analisam-se igualmente os aspectos
1

2. PLANO ANALÍTICO Semana 1: 15 a 20 de Fevereiro    AULA 1 Apresentação do programa Considerações gerais sobre a disciplina Diversos BIBLIOGRAFIA OU MATERIAL DE APOIO   AULA 2 1. Conceitos e aspectos fundamentais 2 . A competitividade é realçada como um objectivo a atingir num mundo mais global em que empresas de outros quadrantes do mundo se integram com relativa facilidade no país. A componente da análise da indústria é tida como primordial na medida em que permite perceber o papel da indústria na economia e na vertente social. e a do procurement são realçados uma vez constituirem a plataforma legal sobre a qual a indústria opera. em particular.0 Programação e Controle de Obras    Programa do curso Notas do Docente BIBLIOGRAFIA OU MATERIAL DE APOIO   Bibliografia Recomendada Notas do Docente Importância da Programação e Planeamento Técnicas de Programação Gráficos de Gantt. Há uma preocupação enorme em preparar os profissionais da construção tendo em conta os desafios dum presente e dum futuro muito turbulentos. os seguintes:  Transmitir conhecimentos sobre a programação e controle de obras. técnicas de preparação das estimativas de custos  Transmitir conhecimentos sobre a legislação aplicada na contratação de empresas  Transmitir conhecimentos sobre o controlo de qualidade e gestão da segurança em obras 3. OBJECTIVOS GERAIS DA DISCIPLINA São objectivos desta disciplina.económicos e financeiros ligados à qualidade.  Transmitir conhecimentos sobre os métodos. A legislação aplicável na construção.

Vantagens e Pontos Fracos dos Gráficos de Gantt Programação e Controle de Obras. Continuação. Diagramas de Redes. Definições. Técnica do PERT. Continuação. Cálculo de Redes CPM. Continuação Custos da Mão de Obra. Redes CPM. Decisão de Concorrer. Análise dos Documentos. BIBLIOGRAFIA OU MATERIAL DE APOIO   Bibliografia Recomendada Notas do Docente Semana 3: 29 a 6 de Março     AULA 4 Programação e Controle de Obras. Continuação Cálculo de Redes CPM Linhas de Balanço. Conceitos. Conceitos Programa e Controle de Obras. Custos e Preços. Processo de Concurso. Conceitos Cálculo das Linhas de Balanço BIBLIOGRAFIA OU MATERIAL DE APOIO  Bibliografia Recomendada  Notas do Docente Semana 4: 7 a 13 Março AULA 5  Cálculo dos Custos de uma Obra         Fundamentos e Conceitos. Processo de Cálculo. Definições. Continuação. Redes CPM. Variáveis Fundamentais   BIBLIOGRAFIA OU MATERIAL DE APOIO Bibliografia Recomendada Notas do Docente 3 .Semana 2: 22 a 28 de Fevereiro             AULA 3 Programação e Controle de Obras. Continuação Gráficos de Gantt. Conceitos e Definições Trabalhos nos Nós e nas Setas Programação e Controle de Obras. Preparação da Proposta Custos Fixos e Variáveis. Cálculo dos Custos de Uma Obra. Continuação.

Continuação Cálculo de Custos de Trabalhos Específicos Exercícios de Aplicação Cálculo dos Custos de Uma Obra. Risco. Metodologia de Cálculo de Custos de Trabalhos Específicos   BIBLIOGRAFIA OU MATERIAL DE APOIO Bibliografia Recomendada Notas do Docente Semana 6: 21 a 27 de Março       AULA 1 Cálculo dos Custos de Uma Obra. Maputo /Moçambique  4 .LEGISLAÇÃO APLICADA EM MOÇAMBIQUE PARA CONTRATOS DE EMPREITADAS  Generalidades  Definições  Critérios de decisão  Contratos  Modalidades de contratação  Contratação de contratação (cont. Regulamento de Contratação de empreitada de obras públicas. de 24 de Maio. Continuação Exercícios de Aplicação Preparação para o Teste BIBLIOGRAFIA OU MATERIAL DE APOIO  Bibliografia Recomendada  Notas do Docente Semana 7: 28 a 03 de Abril AULA 2  TESTE 01 BIBLIOGRAFIA OU MATERIAL DE APOIO  Semana 8: 4 a 10 de Abril 3. Contingência.15/2010. Continuação Determinação dos Preços.Semana 5: 14 a 20 Março        AULA 1 Cálculo dos Custos de Uma Obra. Custos Gerais.)  Ministério das Finanças. Continuação Custos dos Equipamentos Cálculo dos Custos Directos e Indirectos. fornecimento de bens e prestação de serviços ao Estado. Custo Seco Cálculo dos Custos de Uma Obra. Decreto nº. Custos de Estaleiro.

Dashofer.Semana 09: 11 a 17 de Abril AULA 1   5. CONTROLO DE QUALIDADE  Generalidades  Características da indústria da construção  As etapas do processo de produção e uso na construção civil  Os intervenientes no processo  Os mecanismos de controlo de qualidade  BIBLIOGRAFIA OU MATERIAL DE APOIO  Pereira. 2005. O papel da segurança no estaleiro de construção de edifícios  A prevenção de riscos  Princípios gerais de prevenção de riscos  A gestão da segurança e saúde nos empreendimentos construtivos  A coordenação de segurança na construção 6. SEGURANÇA NO TRABALHO Generalidades.0 TESTE 02 BIBLIOGRAFIA OU MATERIAL DE APOIO   Notas dos Docentes Bibliografia Recomendada 5 . Gestão da Construção. Telmo. Lisboa/Portugal  Notas do Docente Semana 09: 18 a 24 de Abril AULA 2 8.

sendo que as últimas serão consubstanciadas por via de resolução de problemas e na forma de análise de Estudos de Caso.4. Pretende-se. AVALIAÇÃO Serão realizados dois testes com o peso total de 70% na nota final de frequência. METODOLOGIA Esta cadeira será ministrada com base numa combinação de aulas teóricas e práticas. 6 . Mesmo no caso das lições de cariz teórico. 5. em última análise. exemplos reais serão tomados em consideração por forma a solidificar e facilitar a visualização dos conceitos em análise. que as aulas sejam acima de tudo participativas e interactivas. Será realizado também um trabalho prático (projecto da disciplina) com o peso de 20% na nota de frequência e avaliação contínua durante as aulas com o peso de 10% . os estudantes deverão emitir as suas opiniões ou testemunhar com conhecimentos científicos sobre qualquer tópico em abordagem. Para tal.

6. BIBLIOGRAFIA 1. G A . Lockyer. 2. Bennett. UK:1997 4. INLD:1980 7.Construction Project Management. John Wiley and Sons:1991 7 .CPM in Construction Management. F Modern Construction Management. A Tecnologia-Organização-Economia e Planeamento de Construção. F L The Management of Construction. UK: 2001. MCgrawHill:2005 8.Chirchicov. R H and Sears.Butterworth and Heinemann: 2003 3. Atlas:1989 6. Pitman Publishing:1995 5. F L . – Blackwell. J Critical Path Analysis and Other Project Network Techniques. H Planeamento com PERT-CPM e Análise do Desempenho. Clough. K and Gordon. McCaffer. R and Harris. O Brien. B e Pereira. – Blackwell. J J and Plotnieck. Hirschfeld. A Project Management. . Walker.