UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAIBA

PACTO NACIONAL PELA ALFABETIZAÇAO NA IDADE CERTA

ORIENTAÇÕES – 01/2014
Para o melhor desenvolvimento das atividades do PNAIC, estamos
apresentando orientações compiladas dos documentos referenciais do programa.
1.

DAS AVALIAÇÕES

As avaliações deverão ser estruturadas conforme diretrizes e calendário
apresentados a seguir. Ressaltamos que, tratando-se de um programa de formação
continuada, as avaliações e encaminhamentos dos relatórios independem do
calendário da formação, devendo reportar-se às atividades desenvolvidas no período
tendo por objetivo a alfabetização plena na idade certa.
Para o efetivo acompanhamento e avaliação das atividades do PNAIC, a UFPB adotou o
seguinte cronograma mensal:
Do dia 15 ao dia17: professor alfabetizador faz a “Avaliação Complementar”
(Conteúdo, Coordenador local, Orientador e Auto - Avaliação);
Do dia 18 ao dia 20: orientador “Avalia Equipe” (avalia o professor alfabetizador) e faz
a “Avaliação Complementar”(avalia conteúdo, formador, coordenador local e auto
avaliação);
Dias 21 e 22: coordenador local “Avalia Equipe” (avalia orientadores);
Do dia 22 ao dia 26: formadores avaliam orientadores;
Do dia 28 ao dia 30: supervisores avaliam formadores e coordenadores locais;
Do dia 1 ao dia 3: coordenador IES e coordenadores adjuntos aprovam as avaliações e
autorizam o pagamento das bolsas.
Os critérios utilizados para a avaliação são “Frequência”, “Atividades realizadas” e
“Monitoramento”.
O critério Monitoramento só se aplica aos Orientadores de Estudos, Coordenadores
locais e Formadores das IES e indica se cada um fez o devido preenchimento das
informações mensais dos bolsistas vinculados. No caso do Orientador de Estudos, se
avaliou os Professores Alfabetizadores; no caso do Coordenador local e do Formador,
se avaliou os seus Orientadores de Estudo.
Para concluir a avaliação é necessário realizar dois procedimentos: 1) salvar as
informações inseridas e; 2) clicar no campo “Enviar para análise”, localizado à direita
da tela.

do Coordenador das ações do Pacto nos estados. V . FORMADORESAté o dia 27: formador encaminha a sua supervisora e à coordenação do PNAIC relatório mensal de suas atividades (formação e gerenciamento da sua turma de orientadores). adicionar uma justificativa e reavaliá-lo no box que aparecerá abaixo do seu nome. COORDENADOR LOCALAté o dia 24: coordenador local encaminha à coordenação do PNAIC relatório mensal de suas atividades (gerenciamento do programa no município). o avaliador deve clicar no ícone.UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAIBA PACTO NACIONAL PELA ALFABETIZAÇAO NA IDADE CERTA Essas informações serão fundamentais para aprovação das bolsas. b) cadastrar os orientadores de estudo e os professores alfabetizadores no SisPacto e no SGB. Para reavaliar um usuário. . 3. DAS ATRIBUIÇÕES E RESPONSABILIDADES RESOLUÇÃO Nº 4 DE 27 DE FEVEREIRO DE 2013 Estabelece orientações e diretrizes para o pagamento de bolsas de estudo e pesquisa para a Formação Continuada de Professores Alfabetizadores. Ao final. basta selecionar um período de referência e marcar opções de avaliação. DOS RELATÓRIOS Com vistas à complementação das informações para a adequada avaliação. Para avaliar. no âmbito do Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa. serão necessários a elaboração e o encaminhamento dos seguintes RELATÓRIOS: ORIENTADOR Até o dia 22: orientador encaminha aos seus formadores e coordenação do PNAIC relatório mensal de suas atividades (formação e acompanhamento das turmas). é necessário salvar o procedimento. 2.0 (sete). Atenção! A reavaliação só pode ser feita pela mesma pessoa que fez a avaliação anterior. c) monitorar a realização dos encontros presenciais ministrados pelos orientadores de estudo junto aos professores alfabetizadores. Distrito Federal e municípios: a) dedicar-se às Ações do Pacto e atuar na Formação na qualidade de gestor das ações. A reavaliação só pode ser feita se o avaliado não tiver alcançado a nota mínima 7.

VI . à participação e ao acompanhamento dos estudantes. na definição dos polos de formação e na adequação das instalações físicas para a realização dos encontros presenciais. as condições de deslocamento e hospedagem para participação nos encontros presenciais dos orientadores de estudo e dos professores alfabetizadores. h) analisar os relatórios das turmas de professores alfabetizadores e orientar os encaminhamentos. visando a disseminar as ações do Pacto. assegurando as condições logísticas necessárias. alcançando no mínimo 75% de presença. c) ministrar a formação aos professores alfabetizadores em seu município ou polo de formação. registrando as informações no SisPacto. b) assegurar que todos os professores alfabetizadores sob sua responsabilidade assinem o Termo de Compromisso do Bolsista (Anexo I). prestar os esclarecimentos necessários e encaminhar eventuais demandas junto à secretaria de Educação e à SEB/MEC. e reunir-se constantemente com o titular da secretaria de Educação para avaliar a implementação das ações do Pacto e implantar as medidas corretivas eventualmente necessárias. . assegurar. estadual ou distrital).do orientador de estudo: a) participar dos encontros presenciais junto às IES. d) planejar e avaliar os encontros de formação junto aos professores alfabetizadores.UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAIBA PACTO NACIONAL PELA ALFABETIZAÇAO NA IDADE CERTA d) e) f) g) h) i) j) k) l) apoiar as IES na organização do calendário acadêmico. e assegurar que os professores alfabetizadores registrem os resultados obtidos pelos alunos no SisPacto. monitorar o recebimento e devida utilização dos materiais pedagógicos previstos nas ações do Pacto. f) avaliar os professores alfabetizadores cursistas quanto à frequência. i) manter registro de atividades dos professores alfabetizadores em suas turmas de alfabetização. articular-se com os gestores escolares e coordenadores pedagógicos visando ao fortalecimento da Formação Continuada de Professores Alfabetizadores. acompanhar as ações da Secretaria de Educação na aplicação das avaliações externas. acompanhar as ações da secretaria de Educação na aplicação das avaliações diagnósticas. encaminhando-os ao coordenadorgeral da Formação na IES. junto à respectiva secretaria de Educação. sempre que necessário. g) efetuar e manter atualizados os dados cadastrais dos professores alfabetizadores. manter canal de comunicação permanente com o Conselho Estadual ou Municipal de Educação e com os Conselhos Escolares. organizar e coordenar o seminário de socialização de experiências em seu âmbito de atuação (municipal. e) acompanhar a prática pedagógica dos professores alfabetizadores.

h) acompanhar o progresso da aprendizagem das suas turmas de alfabetização. junho de 2014 EVANGELlNA MARIA BRITO DE FARIA Coordenadora do PNAIC/UFPB . e) colaborar com as discussões pedagógicas relacionadas aos materiais e à formação. dos coordenadores das ações do Pacto no Distrito Federal. g) aplicar as avaliações diagnósticas registrando os resultados no SisPacto ou utilizando outra forma pactuada previamente com seu respectivo orientador de estudo. i) avaliar o trabalho de formação desenvolvido pelo orientador de estudo. a atuação dos formadores. VII . e apresentar à IES formadora os relatórios pedagógico e gerencial das atividades referentes à formação dos professores alfabetizadores. c) participar dos encontros presenciais com os orientadores de estudo. registrando-o no SisPacto ou outras formas de registro pactuadas com o respectivo orientador de estudo.UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAIBA PACTO NACIONAL PELA ALFABETIZAÇAO NA IDADE CERTA j) k) avaliar. no SisPacto. d) realizar em sala de aula as atividades planejadas nos encontros da Formação. nos estados e nos municípios e do suporte dado pelas IES. João Pessoa. e j) participar do seminário final da Formação Continuada de Professores Alfabetizadores e apresentar relato de sua experiência. alcançando no mínimo 75% de presença. registrando as questões a serem discutidas nos encontros posteriores. registrando as dificuldades para debate nos encontros posteriores. b) analisar os textos propostos nos encontros da Formação. f) planejar situações didáticas utilizando os recursos didáticos disponibilizados pelo Ministério da Educação.do professor alfabetizador: a) dedicar-se ao objetivo de alfabetizar todas as crianças de sua(s) turma(s) no ciclo de alfabetização.