Maio de 2010

Blog dos Parques e Áreas Protegidas
http://parquespark.blogspot.com/

Por Paulo Bidegain

Folha dos Fatos

Definição de Área Protegida
Criada em outubro de 1948 e com sede em Morges na Suíça, a União Internacional para Conservação da Natureza – IUCN (International Union for Conservation of Nature and Natural Resources) é a principal organização mundial que encoraja, estimula e assiste os países a criarem e manterem sistemas nacionais de áreas protegidas. Em 1994, através da publicação “Guidelines for Protected Area Management Categories”, a IUCN desenvolveu um sistema de classificação para áreas protegidas baseado nos objetivos de gestão. O sistema incluía tanto áreas protegidas de forma mais rigorosa quanto outras que permitem certa intervenção, como o uso sustentável de recursos naturais. O sistema estabelece as bases técnicas para orientar os países a definirem as categorias de áreas protegidas e desenvolverem seus sistemas. Recentemente, em 2008, após exaustivas consultas com especialistas de diversos países, a IUCN lançou o documento “Guidelines for Applying Protected Area Management Categories“, contendo diretrizes atualizadas de como montar um sistema de parques e áreas protegidas. De acordo com o documento citado: “Área protegida é o espaço geográfico terrestre e/ou marítimo claramente delimitado e oficialmente reconhecido, destinado e gerenciado para assegurar a conservação da natureza e dos ecossistemas à longo prazo, bem como dos serviços ambientais e dos valores e tradições culturais associados”. “Espaço territorial e seus recursos ambientais, incluindo as águas jurisdicionais, com características naturais relevantes, legalmente instituído pelo Poder Público, com objetivos de conservação e limites definidos, sob regime especial de administração, ao qual se aplicam garantias adequadas de proteção” (art. 2º, inciso I). Na IUCN encontra-se a Comissão Mundial de Áreas Protegidas, cuja missão é “promover o estabelecimento e a gestão efetiva de uma rede mundial de áreas protegidas terrestres e marinhas”. A Constituição Federal do Brasil (1988) estabelece que "incumbe ao Poder Público definir, em todas as unidades da Federação, espaços territoriais e seus componentes a serem especialmente protegidos, sendo a alteração e a supressão permitidas somente através de lei, vedada qualquer utilização que comprometa a integridade dos atributos que justifiquem sua proteção". (art. 225, § 1º, inciso III). No Brasil, as áreas protegidas são tratadas como “unidades de conservação”, termo cunhado no extinto Instituto Brasileiro de Desenvolvimento Florestal (IBDF) no início da década de 1970, que inexplicavelmente ignorou o termo “áreas protegidas”, amplamente empregado em todas as línguas para designar estes tipos de espaços. A Lei Federal nº 9.985, de 18 de julho de 2000 que instituiu o Sistema Nacional de Unidades de Conservação – SNUC, assim define unidades de conservação:

Blog dos Parques e Áreas Protegidas

http://parquespark.blogspot.com/