You are on page 1of 3

PSICOLOGIA DO DESPORTO E DA PERFORMANCE

DESTAQUES
COMO AJUDAR O SEU FILHO A CRIAR BONS HÁBITOS NESTE ANO
LETIVO?
2015-09-22
O final das férias vem sempre associado a toda aquela azáfama inerente ao regresso às
rotinas do quotidiano: há que organizar o material escolar, conjugar os horários letivos com
as atividades extracurriculares, conciliar os horários dos pais com os dos filhos, adotar
rotinas para a hora de deitar e acordar, preparar lanches e marmitas, entre muitas outras
atividades. Nesta altura do ano, com o início das aulas mesmo à porta, a palavra-chave é
o planeamento.
Ver Todos
Ver

CONTACTOS
geral@centrosei.pt
214 570 322
934 112 233

MÉTODOS E TÉCNICAS DE ESTUDO
As Técnicas e os Métodos de Estudo podem ser definidas como um conjunto de
ferramentas dirigidas para a aquisição, a compreensão e a exposição da informação,
privilegiando as estratégias educacionais mais adequadas para cada fase de
aprendizagem.
A necessidade de otimização no âmbito das Técnicas e dos Métodos de Estudo está,
frequentemente presente no perfil das crianças que apresentam um quadro de dificuldades
de aprendizagem especificas.
No entanto, tendo em conta as exigências da nossa Escola atual, é cada vez mais
importante a implimentação de estratégias dirigidas para as diferentes tarefas escolares da
criança, realizadas em casa. Estas estratégias poderão ser aplicadas a qualquer criança e
deverão ser implementadas ao nível da organização, planificação, aquisição e exposição
das matérias, criando hábitos de estudo diários. Pensamos que, em termos gerais, estas
medidas são fundamentais para o sucesso escolar, mas também para o desenvolvimento
de outras competências como a autonomia, auto-estima e responsabilidade.

Para quem?
Para todos os alunos que se encontram num nível escolar a partir do segundo ciclo (5º e
6º ano) e que apresentem de forma frequente dificuldades na assimilação dos conteúdos
escolares, dificuldades na exposição da informação ou insucesso escolar.

A partir do 2º Ciclo. a elaboração (processamento) da matéria e por fim a exposição (output) da matéria com estudo. no seu dia-a-dia. escolhendo as tarefas para cada dia. Técnicas de memorização de informação: estratégias e técnicas que otimizam as aptidões mnésicas. as técnicas e os métodos de estudo tornam-se fundamentais para qualquer aluno e em particular para crianças que apresentem necessidades educativas especiais. do horário dedicado ao estudo e do espaço físico. isto é. as competências relacionadas com os hábitos e métodos de estudo devem ser alvo de uma rigorosa avaliação por parte do técnico. assim. das aulas ou de uma exposição audio-visual.É um programa dirigido para crianças. Instrumentos de recolha de informação: estratégias de recolha de informação de um texto. observar e compreender se a criança ou adolescente apresenta. O técnico atua. a aquisição (input) de matéria. INTERVENÇÃO: Nestas sessões são trabalhadas as diversas áreas que envolvem a tarefa de estudo. são fundamentais para o sucesso escolar. . Organização do horário e do espaço: optimização dos horários e das actividades extracurriculares. consoante um plano previamente elaborado. adolescentes e jovens que apresentam necessidades ao nível da promoção das competências de estudo e que não estão a conseguir atingir resultados académicos satisfatórios. Como decorre? AVALIAÇÃO: Numa avaliação psicopedagógica do perfil de desenvolvimento e aprendizagem. As estratégias adaptadas às características de cada aluno. nessas três fases desenvolvendo técnicas e métodos para a criança assimilar. um comportamento de estudo adequado às suas necessidades e adaptado ao ano escolar em que se encontra. cabe ao técnico responsável pela avaliação. compreender e expôr a informação. São desenvolvidas técnicas de: Planificação: planificar o estudo por vários dias. Assim.

Onde? As sessões de intervenção decorrem nas instalações do SEI ou poderão ocorrer em regime de domicílios. . Adaptação das estratégias ao perfil cognitivo: uso de estratégias de estudo. desde que o programa terapêutico seja possível de aplicar nesses contextos. Adaptação das estratégias a cada disciplina/tarefa escolar: uso de estratégias de estudo diferenciadas para cada disciplina e tarefas.Instrumentos de exposição de informação: estratégias de elaboração de respostas e de textos. é ainda de salientar que neste tipo de programas de otimização. em casa ou na escola. Por fim. adaptadas às áreas fortes e às áreas fracas do perfil cognitivo. a articulação entre o técnico e os pais é fundamental para o sucesso da intervenção. Técnicas comportamentais de persistência e de resistência à frustração: técnicas que permitem manter a atenção e dar a continuidade necessária a uma planificação de estudo longa.