You are on page 1of 11

E.

B 2,3 Caldas das Taipas

Trabalho elaborado por :


-João Castro nº12
-Tânia Ribeiro nº23
Grupo 11
-Energia renovável
-O potencial das energias renováveis
-Energia eólica
- Energia hídrica
-Energia Solar
Energia renovável é aquela originária de fontes naturais que possuem a capacidade de
regeneração (renovação), ou seja, não se esgotam.
Como exemplos de energia renovável, podemos citar: energia solar, energia eólica (dos
ventos), energia hidráulica (dos rios), biomassa (matéria orgânica), geotérmica (calor
interno da Terra) e mareomotriz (das ondas de mares e oceanos).
Ao contrário dos combustíveis não-renováveis (como os de origem fóssil, por
exemplo), as fontes de energias renováveis, no geral, causam um pequeno
impacto (poluição, desmatamento) ao meio ambiente. Portanto, são
excelentes alternativas ao sistema energético tradicional, principalmente
numa situação de luta contra a poluição atmosférica e o aquecimento global.
Muitos ainda vêem a geração de energia por fontes renováveis como uma iniciativa isolada,
incapaz de atender à grande demanda de um país continental. A utilização de energias
alternativas não pressupõe o abandono imediato dos recursos tradicionais, mas sua capacidade
não deve ser subestimada.
A Alemanha, por exemplo, provou como o uso das fontes renováveis pode ser útil ao Estado, à
população e ao meio-ambiente. O país é responsável por cerca de um terço de toda a energia
eólica instalada no mundo, representando metade da potência gerada em toda a Europa. O
investimento em tecnologia também permitiu aos germânicos se destacarem na utilização de
combustíveis de origem vegetal (biomassa).
Muitas pessoas consideram que a energia eólica é uma fonte de energia que pode substituir os
geradores de electricidade alimentados pela queima de carvão ou de petróleo. As estruturas visíveis
na fotografia seguinte são moinhos de vento cujas pás são postas em movimento pelo vento. A
rotação das pás permite que os geradores instalados nos moinhos produzam energia eléctrica.
A energia hidráulica ou energia hídrica é a energia obtida a partir da energia
potencial de uma massa de água. A forma na qual ela se manifesta na natureza é nos
fluxos de água, como rios e lagos e pode ser aproveitada por meio de um desnível ou
queda de água. Pode ser convertida na forma de energia mecânica (rotação de um eixo)
através de turbinas hidráulicas ou moinhos de água. As turbinas por sua vez podem ser
usadas como acionamento de um equipamento industrial, como um compressor, ou de
um gerador eléctrico, com a finalidade de prover energia eléctrica para uma rede de
energia.
Praticamente inesgotável, a energia solar pode ser usada para a produção de electricidade
através de painéis solares e células fotovoltaicas. No Brasil, a quantidade de sol abundante
durante quase todo o ano estimula o uso deste recurso.
Existem duas formas de utilizar a energia solar: activa e passiva. O método activo se baseia
em transformar os raios solares em outras formas de energia (térmica ou eléctrica)
enquanto o passivo é utilizado para o aquecimento de edifícios ou prédios, através de
concepções e estratégias construtivas. Esta aplicação é mais comum na Europa, onde o frio
demanda opções para a caldeação.
Os painéis fotovoltaicos são uma das mais promissoras fontes de energia renovável. A
principal vantagem é a quase total ausência de poluição. No entanto, a grande limitação dos
dispositivos fotovoltaicos é seu baixo rendimento. Outro inconveniente são os custos de
produção dos painéis, elevados devido à pouca disponibilidade de materiais semicondutores.
http://www.planetaorganico.com.br/energiasrenov.htm
Google imagens