ANEXO II PERFIS

1 – CARGOS PARA EXERCÍCIO NA ADMINISTRAÇÃO CENTRAL – BRASÍLIA/DF CARGO: COORDENADOR-GERAL – 101.4 Número de vagas: 01. Unidade de Exercício: Coordenação-Geral de Finanças/Departamento de Gestão de Recursos Internos.

Orçamento

e

PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: 1. Planejar, coordenar e supervisionar as atividades de elaboração e execução do orçamento da SPU, dentro dos sistemas federais de planejamento, de orçamento e de administração financeira. 2. Coordenar a elaboração do orçamento anual e plurianual de forma participativa e integrada com o planejamento estratégico da SPU; 3. Coordenar a implementação de gestão participativa do orçamento em todas as Gerências Regionais da SPU; ESCOLARIDADE: Nível Superior. QUALIFICAÇAO – Exigida: 1. Conhecimento das Políticas Públicas relacionadas à atuação da SPU, assim como das bases orçamentárias e financeiras necessárias à sua execução. 2. Conhecimento de administração pública, planejamento e orçamento; 3. Capacidade de interagir com outros órgãos, entes e esferas da administração pública. 4. Outras competências: Visão sistêmica e estratégica; liderança; orientação para resultados; facilidade para lidar com mudanças; uso do processo decisório participativo; compromisso com metas e objetivos; desenvolvimento de equipe; criatividade; compromisso organizacional; cultura da qualidade. Desejável: 1) Habilidade para administrar grupo heterogêneo por meio da intermediação de conflitos; 2) Experiência com planejamento estratégico e participativo na área orçamentária. CARGO: ASSESSOR – DAS 102.4. Número de vagas: 01. Unidade de Exercício: Departamento de Destinação do Patrimônio.

1

PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Dar suporte e articular as ações das Coordenações do Departamento, coordenar as ações de planejamento e participar nas discussões e integrar os grupos de trabalho interministeriais; acompanhar e apoiar o trabalho das Gerências Regionais do Patrimônio da União nos estados; propor diretrizes e prioridades; promover a articulação com outros atores sociais e instituições; propor ações de capacitação; promover a busca de soluções inovadoras para as situações em análise; propor normas e procedimentos; manifestar-se em processos no âmbito de competência do Departamento. ESCOLARIDADE: Nível Superior. QUALIFICAÇÃO – Exigida: 1. Experiência e conhecimento em pelo menos um dos temas a seguir: a) Planejamento do trabalho; b) Políticas e projetos habitacionais; c) Políticas e projetos de regularização fundiária de assentamentos informais; d) Políticas e projetos de Reforma Agrária e) Planejamento e gestão urbana ou territorial participativos; f) Populações tradicionais; g) Direitos Humanos. 2. Outras competências: Construção de equipe; comunicação clara, objetiva e precisa; articulação e estabelecimento de parcerias. Desejável: 1) Experiência ou conhecimento da Administração Pública; 2) Experiência ou conhecimento em gestão do patrimônio imobiliário público; 3) Facilidade para interpretação e aplicação de leis; 4) Experiência e conhecimento em aplicação prática dos conceitos de função social da propriedade, direito à moradia e acesso a terra; 5) Experiência ou conhecimento da legislação patrimonial relativa aos imóveis da União. CARGO: COORDENADOR – DAS 101.3 Número de vagas: 01. Unidade de Exercício: Coordenação de Normativos/Coordenação-Geral de Normas/Gabinete PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Coordenar equipe para a elaboração dos normativos relativos aos procedimentos internos da SPU; acompanhar as alterações legislativas nas matérias que têm interface com a atuação da SPU; propor normas que contribuam para o cumprimento da missão institucional. ESCOLARIDADE: Nível Superior, com formação em Direito. QUALIFICAÇÃO - Exigida: 1. Experiência/conhecimento das ações da SPU. 2. Experiência em coordenação de equipes multidisciplinares. 3. Conhecimento da legislação patrimonial e urbanística e sua aplicação. 4. Facilidade em redação e interpretação de texto, para análise de processos e elaboração de pareceres técnicos. 5. Conhecimento dos fundamentais constitucionais da função social da propriedade e de políticas públicas voltadas à sua efetividade. 6. Habilidade em articulação com outros atores institucionais. 7. Outras competências: Planejamento do trabalho; construção de equipe; comunicação clara, objetiva e precisa; articulação e estabelecimento de parcerias. Desejável: 1. 2

Conhecimento/experiência em pelo menos dois dos temas a seguir: a) Direito Constitucional; b) Direitos Fundamentais; c) Estatuto da Cidade; d) Direito Ambiental; e) Direito Administrativo; f) Técnica Legislativa; g) Direito Agrário.

CARGO – COORDENADOR – DAS 101.3 Número de vagas: 01. Unidade de exercício: Coordenação de Planejamento e Controle da Arrecadação/Departamento de Receitas Patrimoniais. PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Planejar, elaborar, sistematizar, regulamentar e coordenar o processo anual de lançamento, arrecadação e recolhimento de receitas patrimoniais administradas pela SPU; proceder ao acompanhamento e à avaliação da arrecadação de receitas; coordenar as atividades de transferência de aforamento e de direitos de ocupação de imóveis da União; gerenciar as atividades relacionadas à classificação das receitas; fornecer os subsídios para elaboração de normas e procedimentos; orientar as Gerências Regionais, identificar parcerias e fontes formais ou informais potencialmente importantes à tomada de decisão e ao cumprimento da missão institucional da SPU; identificar fatos específicos e acontecimentos, internos e externos, que possam influir no negócio da SPU, bem como prospectar seus impactos de forma a identificar oportunidades de melhoria na gestão da arrecadação e do controle das receitas patrimoniais, revendo práticas empregadas e propondo soluções de otimização. ESCOLARIDADE: Nível Superior, com ênfase em Ciências Contábeis, Direito, Administração ou Economia. QUALIFICAÇÃO – Exigida: Experiência/conhecimento em pelo menos dois dos temas a seguir: 1. gestão de receitas públicas; 2. sistemas gerenciais; 3. análise de legislação. 4. Conhecimento amplo de informática. Outras competências: Planejamento do trabalho; construção de equipe; comunicação clara, objetiva e precisa; articulação e estabelecimento de parcerias. Desejável: 1. Experiência/conhecimento da Administração Pública em gestão do patrimônio público; 3. Experiência/conhecimento da legislação patrimonial relativa aos imóveis da União. CARGO – COORDENADOR – DAS 101.3 Número de vagas: 01 Unidade de exercício: Coordenação de Previsão Arrecadação/Departamento de Receitas Patrimoniais

e

Análise

da

PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Elaborar e consolidar as previsões de arrecadação; subsidiar a elaboração da proposta orçamentária da União; definir as metas de arrecadação para as GRPUs; propor projetos de atos legais, administrativos,

3

regulamentares e normativos referentes à área de arrecadação; acompanhar, avaliar e fiscalizar as atividades de arrecadação de receitas patrimoniais; identificar parcerias e fontes formais ou informais potencialmente importantes à tomada de decisão e ao cumprimento da missão institucional da SPU; identificar fatos específicos e acontecimentos, internos e externos, que possam influir no negócio da SPU, bem como prospectar seus impactos de forma a identificar oportunidades de melhoria na previsão e análise da arrecadação das receitas patrimoniais, revendo práticas empregadas e propondo soluções de otimização. ESCOLARIDADE: Nível Superior, com ênfase em Ciências Contábeis, Direito, Administração ou Economia. QUALIFICAÇÃO – Exigida: Experiência/conhecimento em pelo menos dois dos temas a seguir: 1. modelos estatísticos e ferramentas de monitoramento de receitas públicas. 2. Sistemas Gerenciais. 3. análise de legislação. 4. Conhecimento amplo de informática. 5. Receitas Públicas; Outras competências: Planejamento do trabalho; construção de equipe; comunicação clara, objetiva e precisa; articulação e estabelecimento de parcerias. Desejável: 1. Experiência/conhecimento da Administração Pública; 2. Experiência/conhecimento em gestão de patrimônio imobiliário público; 3. Experiência/conhecimento da legislação patrimonial relativa aos imóveis da União. CARGO – COORDENADOR – DAS 101.3 Número de vagas: 01 Unidade de exercício: Coordenação de Recuperação Patrimoniais/Departamento de Receitas Patrimoniais

de

Créditos

PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Acompanhar e analisar os dados de arrecadação e inadimplência, planejar, implementar e avaliar resultados de ações sistêmicas necessárias à arrecadação do crédito patrimonial vencido, orientar as unidades regionais nos assuntos relativos à sua competência; identificar parcerias e fontes formais ou informais potencialmente importantes à tomada de decisão e ao cumprimento da missão institucional da SPU; identificar fatos específicos e acontecimentos, internos e externos, que possam influir no negócio da SPU, bem como prospectar seus impactos de forma a identificar oportunidades de melhoria na gestão da recuperação de créditos patrimoniais, revendo práticas empregadas e propondo soluções de otimização. ESCOLARIDADE: Superior, com ênfase em Ciências Contábeis, Economia, Direito ou Administração. QUALIFICAÇÃO – Exigida: Experiência/conhecimento em pelo menos dois dos temas a seguir: 1. Receitas Públicas; 2. Sistemas gerenciais de créditos da União; 3. análise de legislação; 4. Processo Administrativo; 5. Conhecimento amplo de informática. Outras competências: Planejamento do trabalho; construção de equipe; comunicação clara, objetiva e precisa; articulação e estabelecimento de 4

parcerias. Desejável: 1. Experiência/conhecimento da Administração Pública; 2. Experiência/conhecimento em gestão de patrimônio imobiliário público; 3. Experiência/conhecimento da legislação patrimonial relativa aos imóveis da União.

CARGO – COORDENADOR – DAS 101.3 Número de vagas: 01 Unidade de exercício: Coordenação de Controle da Dívida Consolidada e Contencioso Administrativo/Departamento de Receitas Patrimoniais. PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Acompanhar a evolução da dívida originada em receitas patrimoniais; identificar os créditos passíveis de execução e seus responsáveis; planejar, coordenar e gerenciar as ações necessárias à sua execução; construir parcerias com outros órgãos da Administração Federal; propor procedimentos e orientar as Gerências Regionais; identificar parcerias e fontes formais ou informais potencialmente importantes à tomada de decisão e ao cumprimento da missão institucional da SPU; identificar fatos específicos e acontecimentos, internos e externos, que possam influir no negócio da SPU, bem como prospectar seus impactos de forma a identificar oportunidades de melhoria na gestão e no controle da dívida consolidada, revendo práticas empregadas e propondo soluções de otimização. ESCOLARIDADE: Nível Superior, com ênfase em Ciências Contábeis, Direito, Administração ou Economia. QUALIFICAÇÃO – Exigida: Experiência/conhecimento em pelo menos dois dos temas a seguir: 1. Receitas Públicas; 2. Sistemas gerenciais de créditos da União 3. Processo Administrativo; 4. análise de legislação; Outras competências: Planejamento do trabalho; construção de equipe; comunicação clara, objetiva e precisa; articulação e estabelecimento de parcerias. Desejável: 1. Experiência/conhecimento da Administração Pública; 2. Experiência/conhecimento em gestão do patrimônio imobiliário público; 3. Experiência/conhecimento da legislação patrimonial relativa aos imóveis da União. CARGO: COORDENADOR – DAS 101.3 Número de vagas: 01. Unidade de exercício: Coordenação de Controle Fiscalização/Departamento de Caracterização do Patrimônio.

e

PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Propor metodologia para elaborar, executar e controlar as ações de fiscalização; propor a fixação de critérios, métodos, normas e instrumentos operacionais das atividades relacionadas à fiscalização em conjunto com outras instituições; coordenar campanhas de sensibilização e

5

mobilização de agentes comunitários regionais, com vistas ao controle e à fiscalização do uso dos imóveis da União. ESCOLARIDADE: Nível Superior, com formação em Arquitetura, Geografia ou Engenharia. QUALIFICAÇÃO – Exigida: 1. Conhecimento/experiência em planejamento urbano e ambiental. 2. Experiência em administração pública. 3. Conhecimento em Topografia, com habilidade em interpretação de cartas planialtimétricas e temáticas. 3. Outras competências: Planejamento do trabalho; construção de equipe; comunicação clara, objetiva e precisa; articulação e estabelecimento de parcerias. Desejável: 1. Facilidade em redação e interpretação de texto, para análise de processos e elaboração de Notas Técnicas. 2. Conhecimento em gestão de patrimônio imobiliário público. 3. Conhecimento da legislação patrimonial relativa aos imóveis da União. 4. Conhecimento em MicroStation e ferramentas de georreferenciamento. CARGO: COORDENADOR – DAS 101.3 Número de vagas: 01. Unidade de exercício: Coordenação de Avaliação de Imóveis/Departamento de Caracterização do Patrimônio. PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Propor normas, coordenar, orientar e acompanhar as atividades de avaliação dos bens imóveis da União ou de seu interesse; propor normas e coordenar as atividades necessárias à discriminação, reivindicação de domínio e reintegração de posse dos bens imóveis da União; formular e propor procedimentos para atualização da base cadastral dos imóveis da União; analisar e acompanhar relatórios para elaboração da Planta de Valores Genéricos – PVG. ESCOLARIDADE: Nível Superior, com formação em Arquitetura, Engenharia e Geografia. QUALIFICAÇÃO – Exigida: 1. Conhecimento/experiência em planejamento urbano e ambiental. 2. Conhecimento/experiência em administração pública. 3. Conhecimento/experiência em Avaliação de imóveis. 4. Outras competências: Planejamento do trabalho; construção de equipe; comunicação clara, objetiva e precisa; articulação e estabelecimento de parcerias. Desejável: 1. Facilidade em redação e interpretação de texto, para análise de processos e elaboração de Notas Técnicas. 2. Conhecimento em gestão do patrimônio imobiliário público. 3. Conhecimento da legislação patrimonial relativa aos imóveis da União. 4. Conhecimento em MicroStation e ferramentas de Georreferenciamento. 5. Habilidade para interpretar cartas temáticas e Planta de Valores Genéricos - PVG.

6

CARGO: COORDENADOR – DAS 101.3 Número de vagas: 01. Unidade de exercício: Coordenação de Cartografia Demarcação/Departamento de Caracterização do Patrimônio.

e

PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Padronizar e controlar a elaboração da Cartografia Nacional da SPU, assegurando a sua disseminação e acesso; catalogar, organizar, adquirir, produzir, arquivar, tratar e disponibilizar plantas, mapas, imagens obtidas e demais materiais de natureza cartográfica, básica e temática; propor normas e coordenar as atividades de cartografia e demarcação de imóveis da União; promover a identificação, a delimitação e a demarcação das áreas da União; orientar e acompanhar os relatórios das comissões encarregadas das demarcações das Linhas de Preamar Média de 1831 - LPM e das Linhas Médias de Enchentes Ordinárias - LMEO; promover a análise de processos e documentos relativos à identificação e demarcação; construir Banco de Terras do Patrimônio da União, para fins de caracterização preliminar à destinação do uso mais adequado, compatibilizando com a legislação de uso e ocupação do solo Municipal/Estadual. ESCOLARIDADE: Nível Superior, com formação em Arquitetura, Geologia, Geografia, Engenharia Hidrológica, Cartográfica, Civil ou de Agrimensura. QUALIFICAÇÃO – Exigida: 1. Experiência/conhecimento em pelo menos um dos temas a seguir: a) Geomática; b) geoprocessamento; c) georreferenciamento; d) ferramentas de Geoprocessamento ArcGIS. 2. Capacidade de análise de legislação e emissão de pareceres. 3. Conhecimento amplo de informática. 4. Outras competências: Planejamento do trabalho; construção de equipe; comunicação clara, objetiva e precisa; articulação e estabelecimento de parcerias. Desejável: 1. Facilidade em redação e interpretação de texto. 2. Experiência/conhecimento em gestão do patrimônio imobiliário público. 3. Conhecimento da legislação patrimonial relativa aos imóveis da União. CARGO: COORDENADOR – DAS 101.3 Número de vagas: 01. Unidade de exercício: Coordenação de Territorial/Departamento de Caracterização do Patrimônio.

Cadastramento

PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Promover e acompanhar as atividades de atualização dos dados cadastrais dos imóveis da União; promover a análise de processos e documentos relativos a cadastramento; monitorar os processos e o levantamento relativos ao cadastramento físico-territorial. ESCOLARIDADE: Nível Superior, com formação nas áreas de Engenharia, Arquitetura, Geologia ou Geografia. QUALIFICAÇÃO – Exigida: 1. Experiência/Conhecimento em pelo menos um dos temas a seguir: a) cadastramento físico-territorial; b) geoprocessamento; c) 7

georreferenciamento; d) ferramentas de Geoprocessamento ArcGIS; e) capacidade de análise de legislação e emissão de pareceres; f) planejamento urbano; g) experiência em administração pública. 2. Outras competências: Planejamento do trabalho; construção de equipe; comunicação clara, objetiva e precisa; articulação e estabelecimento de parcerias. Desejável: 1. Facilidade em redação e interpretação de texto, para análise de processos e elaboração de Notas Técnicas. 2. Experiência/conhecimento em gestão do patrimônio imobiliário público. 3. Conhecimento da legislação patrimonial relativa aos imóveis da União. CARGO: COORDENADOR – DAS 101.3 Número de vagas: 01. Unidade de exercício: Coordenação de Gestão Tecnológica/Departamento de Gestão de Recursos Internos. PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Administrar o parque tecnológico da SPU, identificando, dimensionando e suprindo suas necessidades, de forma a garantir aos usuários dos recursos e serviços de TI uma boa performance, agilizar e facilitar a execução de suas atividades; aplicar as diretrizes e estratégias relativas aos recursos tecnológicos, bem como identificar, dimensionar e viabilizar os recursos necessários a sua efetivação; auxiliar no processo de acompanhamento dos contratos e convênios de prestação de serviços relativos a TI, bem como avaliar sua qualidade; coordenar e supervisionar a aquisição e a distribuição de recursos de infra-estrutura tecnológica às demais unidades da SPU, em conjunto com as unidades competentes, procedendo à sua homologação; viabilizar a estrutura tecnológica para a integração dos sistemas de informação sob a gestão da SPU com outros sistemas informatizados; disponibilizar os ambientes de treinamento, homologação e produção das soluções informatizadas; planejar, demandar, aplicar, coordenar e supervisionar as demais atividades relativas aos recursos tecnológicos no âmbito da SPU. ESCOLARIDADE: Nível Médio ou Superior. QUALIFICAÇÃO – Exigida: 1. Conhecimento de técnicas de gerenciamento de projetos. 2. Conhecimento de redes de computadores LAN e WAN. 3. Conhecimento de serviços de rede. 4. Conhecimento de software livre. 5. Outras competências: Planejamento do trabalho; construção de equipe; comunicação clara, objetiva e precisa; articulação e estabelecimento de parcerias. Desejável: Formação de nível superior em engenharias e cursos afins com ciência da computação. CARGO: COORDENADOR – DAS 101.3 Número de vagas: 01. Unidade de Exercício: Coordenação de Logística/Departamento de Gestão de Recursos Internos

8

PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: 1. Planejar, coordenar e acompanhar atividades relativas à gestão documental, administração e logística; 2. Identificar e atender as demandas das Gerências Regionais, Diretorias e Coordenações Gerais de modo com eficiência e eficácia; 3. Orientar as Gerências Regionais sobre procedimentos técnicos administrativos; 4. Promover articulação técnica e política com as demais Secretarias do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão, especialmente com a Secretaria de Planejamento, Orçamento e Gestão – SPOA; 5. Promover a normatização dos procedimentos relacionados à área. ESCOLARIDADE: Nível Superior. QUALIFICAÇÃO – Exigida: 1. Experiência em administração pública. 2. Conhecimento de Direito Administrativo e da legislação aplicável a processos licitatórios; 3. Ampla experiência em gestão de projetos. 4. Outras competências: Rapidez de compreensão e execução de atividades; relacionamento interpessoal, gerenciamento do tempo, construção de equipe, comunicação clara, objetiva e precisa; articulação e estabelecimento de parcerias. Desejável: Experiência na Administração Pública Federal. Conhecimentos das políticas públicas associadas à gestão do patrimônio imobiliário da União. CARGO – COORDENADOR– DAS 101.3 Número de vagas: 01 Unidade de Exercício: Coordenação Gestão/GABINETE.

de

Apoio

à

Avaliação

da

PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Coordenar o apoio às atividades de avaliação da gestão do patrimônio da União, identificando e definindo os critérios de avaliação, os indicadores de desempenho e de resultados, organizando as informações necessárias; cooperar na implantação de sistema de informações gerenciais; promover em conjunto com as demais unidades da SPU as ações de melhoria de gestão e implantar um ciclo contínuo de planejamento, acompanhamento, avaliação e ajuste das ações da secretaria. Auxiliar na identificação de sinais de mudança, de oportunidades e estratégias emergentes. ESCOLARIDADE: Nível Superior. QUALIFICAÇÃO - Exigida: 1. Experiência/conhecimento da Administração Pública, teoria geral da administração, planejamento governamental, e avaliação da gestão pública. 2. Outras competências: Rapidez de compreensão e execução de atividades; gerenciamento do tempo; relacionamento interpessoal; habilidade para analisar, tratar informações e gerir documentos. Visão sistêmica e estratégica; liderança; orientação para resultados; facilidade para lidar com mudanças; uso do processo decisório participativo; compromisso com metas e objetivos; desenvolvimento de equipe; criatividade; compromisso organizacional. Domínio de informática básica, de navegação na rede mundial e de aplicativos 9

afins com as atividades desenvolvidas. Desejável: Experiência/conhecimento em pelo menos dois dos temas a seguir: 1. Formulação e gestão de políticas públicas; 2. Domínio de instrumentos de análise e avaliação de políticas públicas; 3 Organização e administração; 5. Planejamento governamental / territorial, 6. Gestão do Patrimônio Público. CARGO – COORDENADOR – DAS 101.3 Número de vagas: 01 Unidade de Exercício: Coordenação de Apoio ao Planejamento da Gestão/GABINETE. PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Coordenar o apoio às atividades de Planejamento da gestão do patrimônio da União, consolidar os resultados das reuniões de planejamento, os objetivos, resultados esperados, metas e estratégias de implantação; cooperar na implantação de sistema de informações gerenciais; promover em conjunto com as demais unidades da SPU a implantação de uma prática contínua de análise estratégica, planejamento estratégico, das ações e dos processos, avaliação e ajuste das ações da secretaria. Auxiliar na identificação de sinais de mudança, de oportunidades e estratégias emergentes. Desenho de cenários. ESCOLARIDADE: Nível Superior. QUALIFICAÇÃO – Exigida: 1. Experiência/conhecimento da Administração Pública, teoria geral da administração, planejamento governamental, planejamento estratégico e avaliação da gestão pública. 2. Outras competências: Rapidez de compreensão e execução de atividades; gerenciamento do tempo; relacionamento interpessoal; habilidade para analisar, tratar informações e gerir documentos. Visão sistêmica e estratégica; liderança; orientação para resultados; facilidade para lidar com mudanças; uso do processo decisório participativo; compromisso com metas e objetivos; desenvolvimento de equipe; criatividade; compromisso organizacional. Domínio de informática básica, de navegação na rede mundial e de aplicativos afins com as atividades desenvolvidas. Desejável: Experiência/conhecimento em pelo menos dois dos temas a seguir: 1. Formulação e gestão de políticas públicas; 2. Domínio de instrumentos de análise e avaliação de políticas públicas; 3 Organização e administração; 5. Planejamento governamental / territorial. 6. Planejamento da Gestão do Patrimônio Público. CARGO – COORDENADOR – DAS 101.3 Número de vagas: 01 Unidade de Exercício: Coordenação de Apoio ao Controle Interno e Externo/GABINETE. PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Coordenar as atividades de apoio às atividades de controle externo e interno da gestão do patrimônio da União, internalizar as recomendações dos órgãos de controle, dar suporte à elaboração de relatórios de 10

gestão; cooperar na implantação de sistema de informações gerenciais; promover em conjunto com as demais unidades da SPU as ações de melhoria de gestão e implantar a cultura de prestação de contas como atividade intrínseca da função pública. ESCOLARIDADE: Nível Superior. QUALIFICAÇÃO: Exigida: 1. Experiência/conhecimento da Administração Pública, teoria geral da administração, planejamento governamental, e avaliação da gestão pública. 2. Outras competências: Rapidez de compreensão e execução de atividades; gerenciamento do tempo; relacionamento interpessoal; habilidade para analisar, tratar informações e gerir documentos. Visão sistêmica e estratégica; liderança; orientação para resultados; facilidade para lidar com mudanças; uso do processo decisório participativo; compromisso com metas e objetivos; desenvolvimento de equipe; criatividade; compromisso organizacional. Domínio de informática básica, de navegação na rede mundial e de aplicativos afins com as atividades desenvolvidas. Desejável: Experiência/conhecimento em pelo menos dois dos temas a seguir: 1. Formulação e gestão de políticas públicas; 2. Domínio de instrumentos de análise e avaliação de políticas públicas; 3 Organização e administração; 5. Planejamento governamental / territorial, 6 Gestão do Patrimônio Público. CARGO: ASSESSOR TÉCNICO – DAS 102.3. Número de vagas: 04. Unidade de Exercício: Coordenação-Geral de Habitação e Regularização Fundiária/Departamento de Destinação do Patrimônio PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Coordenar equipe responsável pelas ações de destinação do patrimônio imobiliário da União para fins habitacionais, incluindo o uso para atividades de produção familiar e de subsistência associadas à função de moradia; acompanhar e apoiar o trabalho das Gerências Regionais do Patrimônio da União nos estados; propor diretrizes e prioridades; promover a articulação com outros atores sociais e instituições; propor ações de capacitação; promover a busca de soluções inovadoras para os casos em análise; propor normas e procedimentos; manifestar-se em processos no âmbito de competência da Coordenação-Geral. ESCOLARIDADE: Nível Superior. QUALIFICAÇÃO – Exigida: 1. Experiência ou conhecimento em pelo menos um dos temas a seguir: a) Políticas e projetos habitacionais; b) Políticas e projetos de regularização fundiária de assentamentos informais; c) Políticas e projetos de Reforma Agrária; d) Planejamento e gestão urbana ou territorial participativos; e) Populações tradicionais; f) Direitos Humanos. 2. Outras competências: Planejamento do trabalho; construção de equipe; comunicação clara, objetiva e

11

precisa; articulação e estabelecimento de parcerias. Desejável: 1) Experiência ou conhecimento da Administração Pública; 2) Experiência ou conhecimento em gestão do patrimônio imobiliário público; 3) Facilidade para interpretação e aplicação de leis; 4) Experiência ou conhecimento em aplicação prática dos conceitos de função social da propriedade, direito à moradia e acesso a terra; 5) Experiência ou conhecimento da legislação patrimonial relativa aos imóveis da União. CARGO: ASSESSOR TÉCNICO – DAS 102.3 Número de vagas: 02. Unidade de exercício: Coordenação-Geral de Apoio ao Desenvolvimento Local/ Departamento de Destinação do Patrimônio. PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Coordenar equipe para orientar a execução de ações de destinação do patrimônio imobiliário da União em apoio ao desenvolvimento local e regional sustentável, acompanhando e apoiando o trabalho das Gerências Regionais do Patrimônio da União; propor diretrizes e prioridades; promover a articulação com outros atores sociais e instituições; propor e coordenar ações de capacitação; propor e elaborar normas e procedimentos; manifestar-se em processos no âmbito de competência da Coordenação-Geral. ESCOLARIDADE: Nível Superior. QUALIFICAÇÃO – Exigida: 1. Experiência ou conhecimento em pelo menos um dos temas a seguir: a) Análise de viabilidade (jurídica, ambiental, econômica e social) da implantação de empreendimentos, atividades e usos no território; b) Desenvolvimento local/regional sustentável; c) Planejamento e gestão urbana/regional do território; d) Proteção ao meio ambiente, especialmente territórios: educação ambiental, licenciamento ambiental, Unidades de Conservação, entre outros; e) Gerenciamento, proteção e aproveitamento da orla marítima ou fluvial; f) Implantação e distribuição territorial de equipamentos de saúde, educação, assistência social, cultura, esporte e lazer; g) Gestão e administração do patrimônio imobiliário público; h) Implantação de empreendimentos de infra-estrutura como hidrelétricas, portos, terminais aquáticos, rodovias, ferrovias, entre outros; i) Política e projetos de turismo, patrimônio histórico ou revitalização urbana; 2. Outras competências: Planejamento do trabalho; construção de equipe; comunicação clara, objetiva e precisa; articulação e estabelecimento de parcerias. Desejável: 1. Experiência ou conhecimento da Administração Pública; 2. Facilidade para interpretação e aplicação de leis; 3. Experiência ou conhecimento da legislação patrimonial relativa aos imóveis da União. CARGO: CHEFE DE DIVISÃO – DAS 101.2 Número de vagas: 01.

12

Unidade de exercício: Divisão de Cadastramento econômico/Departamento de Caracterização do Patrimônio.

Sócio-

PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Executar as atividades de atualização dos dados cadastrais dos imóveis da União; promover a análise de processos e documentos relativos a cadastramento; monitorar os processos e o levantamento relativos ao cadastramento sócio-econômico. ESCOLARIDADE: Nível superior QUALIFICAÇÃO – Exigida: 1. Experiência/conhecimento em cadastramento sócio-econômico; planilhas e tabelas; navegadores em ambiente Web; gerenciadores de bancos de dados; 2. Outras competências: Rapidez de compreensão e execução de atividades; gerenciamento do tempo; relacionamento interpessoal. Desejável: 1. Experiência/conhecimento da Administração Pública; 2. Experiência/conhecimento em assistência a cargos de direção ou de gerência; 3. Experiência/conhecimento de controle de processos e documentos. CARGO: CHEFE DE DIVISÃO – DAS 101.2 Número de vagas: 01. Unidade de Exercício: Divisão de Pessoas/Departamento de Recursos Internos.

Desenvolvimento

de

PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Coordenar a execução das ações de capacitação; promover o apoio necessário aos eventos relacionados a qualquer área da SPU; acompanhar e avaliar as ações de capacitação; adequar as ações de capacitação ao Plano de Capacitação e aos objetivos estabelecidos; garantir a integração de todas as ações voltadas à capacitação e ao desenvolvimento organizacional; Executar e avaliar as ações de capacitação; orientar e consolidar as informações relativas ao Plano Anual de Capacitação da SPU; alimentar o Sistema Capacitação/MP; analisar e emitir pareceres. ESCOLARIDADE: Nível superior. QUALIFICAÇÃO - Exigida: 1. Experiência/conhecimento em: a) Legislação e normas relativas à capacitação de pessoal; b) capacitação e temas correlatos; c) Aplicabilidade das normas de pessoal e de capacitação. 2. Outras competências: Trabalho produtivo; rapidez de compreensão e execução de atividades; relacionamento interpessoal; gerenciamento do tempo, construção de equipe, comunicação clara, objetiva e precisa; articulação e estabelecimento de parcerias Desejável: 1. Experiência na área de treinamento e desenvolvimento de pessoas focado no comportamento e contextualizada na administração pública. Conhecimentos das políticas públicas associadas à gestão do patrimônio imobiliário da União.

13

CARGO: CHEFE DE DIVISÃO – DAS 101.2 Número de vagas: 01. Unidade de Exercício: Divisão de Compras/Departamento de Recursos Internos. PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Acompanhar e prestar informações relativas ao andamento dos processos de aquisição de bens e contratação de serviços; elaborar minutas de atos, pedidos de compras, projetos básicos e contratos em procedimentos de aquisição de bens e serviços; monitorar a entrega de bens e a prestação de serviços contratados; instruir processos para a realização de compras; promover a aquisição dos bens necessários ao adequado funcionamento da SPU. ESCOLARIDADE: Nível Superior. QUALIFICAÇÃO – Exigida: 1. Conhecimento e experiência em legislação relacionada a compras pela administração; 2. Experiência em todas as formas de licitação; 3. Outras competências: Trabalho produtivo; rapidez de compreensão e execução de atividades; relacionamento interpessoal, gerenciamento do tempo, construção de equipe, comunicação clara, objetiva e precisa; articulação e estabelecimento de parcerias Desejável: Experiência na Administração Pública Federal. Conhecimentos das políticas públicas associadas à gestão do patrimônio imobiliário da União. Cargo: CHEFE DE DIVISÃO – DAS 101.2 Número de vagas: 01. Unidade de Exercício: Divisão de Licitações/Departamento de Recursos Internos. PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Elaborar insumos técnicos para realização de processos licitatórios; acompanhar pregoeiro e comissões de licitação; elaborar minutas de editais e de contratos; subsidiar as áreas técnicas e as GRPUs na elaboração de termos de referência e projetos básicos; elaborar normativos no âmbito de sua área de atuação. ESCOLARIDADE: Nível Superior. QUALIFICAÇÃO – Exigida: 1. Conhecimento e experiência profissional em acompanhamento e execução de processos licitatórios. 2. Conhecimento de Direito Administrativo e da legislação aplicável aos processos licitatórios. 3. Outras competências: Rapidez de compreensão e execução de atividades; gerenciamento do tempo; relacionamento interpessoal, gerenciamento do tempo, construção de equipe, comunicação clara, objetiva e precisa; articulação e estabelecimento de parcerias Desejável: Experiência na Administração Pública. Conhecimentos das políticas públicas associadas à gestão do patrimônio imobiliário da União. 14

CARGO: CHEFE DE DIVISÃO – DAS 101.2 Número de vagas: 01. Unidade de exercício: Divisão de Inteligência de Negócios/Departamento de Gestão de Recursos Internos. PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Identificar, coletar e auditar as necessidades de informações estratégicas; definir meios apropriados para sua obtenção; definir metodologias de análise dos dados; identificar parcerias e fontes formais ou informais, informatizadas ou não, potencialmente importantes à tomada de decisão e ao cumprimento da missão institucional da SPU; promover, em conjunto com as demais unidades da SPU, a análise dos dados e informações coletados, identificando acontecimentos e fatos específicos, internos ou externos, que possam influir no negócio da SPU, bem como prospectar seus impactos de forma a identificar oportunidades de melhoria na gestão do patrimônio da União; avaliar os processos de negócio da SPU, revendo as práticas empregadas e propondo soluções à sua otimização; identificar, selecionar e implantar, com agilidade e precisão, ferramentas e componentes tecnológicos adequados, que possibilitem a transformação dos dados coletados em informações para apoiar os sistemas de informação e os sistemas de suporte à decisão; identificar os meios adequados à disponibilização das informações gerenciais e auxiliar na maneira como os resultados devem ser incorporados ao processo de planejamento estratégico da SPU; propiciar à SPU, por meio de geração de informações inteligentes, o desenvolvimento de estratégias de gestão eficientes e eficazes. ESCOLARIDADE: Nível Superior. QUALIFICAÇÃO – Exigida: 1. Formação técnica em informática e cursos afins. 2. Conhecimento de arquitetura da informação. 3. Linguagens de computação na web. 4. Experiência em trabalhos com suítes de inteligência de negócio (BI). 5. Conhecimento em software livre. 6. Outras competências: Trabalho produtivo; rapidez de compreensão e execução de atividades; relacionamento interpessoal. Desejada: Experiência em trabalhos de mineração de dados e data-warehouse (DW). CARGO: CHEFE DE DIVISÃO – DAS 101.2 Número de vagas: 01. Unidade de Exercício: Divisão de Contratos/Departamento de Recursos Internos.

Acompanhamento

de

PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Orientar e executar contratações de serviços administrativos, técnicos e especializados; Controlar a vigência, alterações e 15

prorrogações de contratos; acompanhar a execução e o adimplemento de cláusulas contratuais; propor e elaborar normas internas e procedimentos sobre contratos. ESCOLARIDADE: Nível Médio ou Superior. QUALIFICAÇÃO – Exigida: 1. Conhecimento e experiência profissional em gestão de contratos administrativos. 2. Conhecimento de Direito Administrativo e da legislação aplicável aos processos licitatórios. 3. Outras competências: Rapidez de compreensão e execução de atividades; gerenciamento do tempo; relacionamento interpessoal, gerenciamento do tempo, construção de equipe, comunicação clara, objetiva e precisa; articulação e estabelecimento de parcerias. Desejável: Experiência na Administração Pública; Conhecimentos das políticas públicas associadas à gestão do patrimônio imobiliário da União. CARGO: ASSISTENTE TÉCNICO – 102.1 Número de vaga: 01. Unidade de Exercício: Coordenação-Geral de Normas. PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Apoiar a triagem, a distribuição e o acompanhamento de processos e documentos; produzir minutas de documentos; secretariar e elaborar relatórios de atividades e reuniões; propor e implementar medidas e procedimentos para melhoria do trabalho; apoiar a comunicação e a articulação com outras unidades da SPU e outros atores institucionais; auxiliar na organização das rotinas de trabalho. ESCOLARIDADE: Nível Médio. QUALIFICAÇÃO – Exigida: 1. Experiência/conhecimento em informática: editores de texto; gerenciadores de correio eletrônico; planilhas e tabelas; navegadores em ambiente Web; gerenciadores de bancos de dados. 2. Facilidade em redação e interpretação de texto. 3. Outras competências: Rapidez de compreensão e execução de atividades; gerenciamento do tempo; relacionamento interpessoal. Desejável: 1. Experiência/conhecimento da Administração Pública. 2. Experiência/conhecimento em assistência a cargos de direção ou de gerência. 3. Experiência/conhecimento de controle de processos e documentos.

16

2 – CARGOS PARA EXERCÍCIO NOS ESTADOS E NO DISTRITO FEDERAL CARGO – COORDENADOR – DAS 101.3 Número de vagas: 04. Unidade de exercício: Coordenação de Caracterização do Patrimônio – GRPU/CE (01), GRPU/DF (01), GRPU/PA (01) e GRPU/SC (01). PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Coordenar equipe para a execução de ações de caracterização do patrimônio da União, em atendimento às necessidades da administração pública direta e indireta; discutir ações e propor alternativas para a caracterização de imóveis; estabelecer critérios de prioridade para atendimento das demandas; propor soluções inovadoras; estabelecer a articulação com as demais unidades da GRPU e órgãos da administração direta e indireta; manifestar-se em processos no âmbito de competência da Coordenação. ESCOLARIDADE: Nível Superior, com formação em Engenharia Cartográfica, Civil ou Geografia. QUALIFICAÇÃO – Exigida: 1. Experiência/Conhecimento em (pelo menos um dos temas a seguir): a) geomática; b) geoprocessamento; c) georreferenciamento; d) ferramentas de Geoprocessamento Arcgis; e) capacidade de análise de legislação e emissão de pareceres; f) conhecimento amplo de informática. Competências: planejamento do trabalho; gerenciamento do tempo e do estresse; trabalho produtivo; compromisso com metas e objetivos; negociação de acordos, compromissos e parcerias; construção de equipes; uso do processo decisório participativo. Desejável: 1. Experiência/conhecimento da Administração Pública. 2. Experiência/conhecimento em gestão do patrimônio imobiliário público. 3. Experiência/conhecimento da legislação patrimonial relativa aos imóveis da União. CARGO: COORDENADOR – DAS 101.3 Número de vagas: 04. Unidades de Exercício: Coordenação de Destinação do Patrimônio na GRPU/CE (01), GRPU/PA (01), GRPU/PE (01) e GRPU/SP (01). PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Planejar e coordenar as ações de destinação do patrimônio imobiliário da União, em cumprimento à função social da propriedade pública, especialmente: 1) para fins habitacionais, promovendo o direito à moradia digna, o acesso a terra e a manutenção do habitat das populações tradicionais, contribuindo para a inclusão sócio-territorial; 2) para a utilização em serviço público da Administração Direta e Indireta – promovendo a regularidade imobiliária 17

do patrimônio e a racionalização do uso dos imóveis, por meio da redução dos gastos públicos; 3) para apoio ao desenvolvimento local e regional sustentável – identificando, em articulação com outros entes federados e a sociedade civil, a melhor utilização para os imóveis da União, considerando as viabilidades econômica, urbanística, jurídica e ambiental dos empreendimentos, bem como os impactos ao ordenamento do território municipal e regional. ESCOLARIDADE: Nível Superior. QUALIFICAÇÃO – Exigida: 1. Experiência ou conhecimento em pelo menos um dos temas a seguir: a) Políticas e projetos de apoio ao desenvolvimento local e regional sustentável, de desenvolvimento e planejamento urbano e territorial. b) Instrumentos legais para destinação do patrimônio público. 3. Outras competências: Planejamento do trabalho; construção de equipe; comunicação clara, objetiva e precisa; articulação e estabelecimento de parcerias. Desejável: 1. Experiência ou conhecimento da Administração Pública. CARGO: COORDENAÇÃO – DAS 101.3 Número de vagas: 01 Unidade de Exercício: Coordenação de Incorporação de Imóveis na GRPU/SP. PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Coordenar as ações relativas à incorporação de imóveis ao patrimônio da União, identificando e preservando as informações necessárias ao seu cadastramento nos sistemas corporativos da SPU; promover em conjunto as demais unidades da SPU a destinação dos imóveis conforme sua vocação garantindo a função sócio-ambiental da propriedade pública; administrar as informações referentes aos imóveis a serem incorporados propondo diretrizes, metas e definindo em conjunto com o Departamento as prioridades. ESCOLARIDADE: Nível Superior. QUALIFICAÇÃO – Exigida: Experiência/conhecimento em pelo menos dois dos temas a seguir: 1. legislação do patrimônio imobiliário da União; 2. instrumentos legais aplicáveis à incorporação de imóveis; 3. Processo Administrativo; 4. Política urbana; 5 Planejamento e gestão urbana ou territorial, 6 Gestão do Patrimônio Público. Outras competências: Rapidez de compreensão e execução de atividades; gerenciamento do tempo; relacionamento interpessoal; habilidade para analisar, tratar informações e gerir documentos. Desejável: 1. Experiência/conhecimento da Administração Pública. CARGO – COORDENAÇÃO – DAS 101.3 Número de vagas: 04.

18

Unidade de exercício: Coordenação de Receitas Patrimoniais nas GRPU/CE, GRPU/DF, GRPU/PA e GRPU/RN. PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Coordenar e avaliar as atividades de administração das receitas patrimoniais arrecadadas pela SPU; coordenar os serviços de lançamento, arrecadação, recolhimento, controle e fiscalização das receitas patrimoniais; coordenar e supervisionar as ações de gestão do compartilhamento de receitas e subsidiar a elaboração da proposta orçamentária da SPU; identificar parcerias e fontes formais ou informais potencialmente importantes à tomada de decisão e ao cumprimento da missão institucional da SPU; identificar fatos específicos e acontecimentos, internos e externos, que possam influir no negócio da SPU, bem como prospectar seus impactos de forma a identificar oportunidades de melhoria na gestão da arrecadação e do controle das receitas patrimoniais, revendo práticas empregadas e propondo soluções de otimização. ESCOLARIDADE: Nível Superior, com ênfase em Ciências Contábeis, Direito, Administração ou Economia. QUALIFICAÇÃO – Exigida: 1. Experiência / conhecimento em pelo dois dos temas a seguir: a) Receitas públicas; b) Sistemas Gerenciais de créditos da União; c) Processo Administrativo; d) Análise de legislação. 2. Outras competências: planejamento do trabalho; construção de equipe; comunicação clara, objetiva e precisa; articulação e estabelecimento de parcerias. Desejável: 1. Experiência/conhecimento da Administração Pública; 2. Experiência/conhecimento em gestão do patrimônio imobiliário público; 3. Experiência/conhecimento da legislação patrimonial relativa aos imóveis da União. CARGO: COORDENADOR DE RECURSOS INTERNOS – DAS 101.3 Número de vagas: 09. Unidade de exercício: Coordenação de Recursos Internos – GRPU – CE/DF/PA/PE/PR/RN/RS/SC/SP. PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Coordenar, no âmbito da Gerência Regional, as atividades relativas a recursos humanos, orçamento, gestão documental, administração e logística; planejar, coordenar e monitorar a execução das ações de suporte, alinhando-as aos objetivos e estratégias institucionais; garantir a qualidade do atendimento ao público. ESCOLARIDADE: Nível Superior. QUALIFICAÇÃO – Exigida: 1. Conhecimento/experiência em administração de recursos humanos, planejamento estratégico e gestão documental. 2. Conhecimento das políticas públicas associadas à Gestão do Patrimônio Imobiliário da União (Plano Plurianual – PPA) 3. Experiência na administração pública. 4. Outras competências: Rapidez de compreensão e execução de atividades; gerenciamento do tempo; relacionamento interpessoal; construção de 19

equipe; comunicação clara, objetiva e precisa; articulação e estabelecimento de parcerias. CARGO: CHEFE DA DIVISÃO DE RECURSOS INTERNOS – DAS 101.2 Número de vagas: 07. Unidade de exercício: Divisão de Recursos Internos – GRPU AM/AP/GO/MS/PB/PI/RR. PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Coordenar, no âmbito da Gerência Regional, as atividades relativas a recursos humanos, orçamento, gestão documental, administração e logística; planejar, coordenar e monitorar a execução das ações de suporte, alinhando-as aos objetivos e estratégias institucionais; garantir a qualidade do atendimento ao público. ESCOLARIDADE: Nível Superior. QUALIFICAÇÃO – Exigida: 1. Conhecimento/experiência em administração de recursos humanos, planejamento estratégico e gestão documental. 2. Conhecimento das políticas públicas associadas à Gestão do Patrimônio Imobiliário da União (Plano Plurianual – PPA). 3. Experiência na administração pública. 4. Outras competências: Rapidez de compreensão e execução de atividades; gerenciamento do tempo; relacionamento interpessoal; construção de equipe; comunicação clara, objetiva e precisa; articulação e estabelecimento de parcerias. CARGO: CHEFE DE DIVISÃO – DAS 101.2 Número de vagas: 01. Unidade de Exercício: Divisão de Destinação do Patrimônio na GRPU/GO. PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Executar as ações de destinação do patrimônio imobiliário da União, em cumprimento à função social da propriedade pública, especialmente: 1) para fins habitacionais, promovendo o direito à moradia digna, o acesso a terra e a manutenção do habitat das populações tradicionais, contribuindo para a inclusão sócio-territorial; 2) para a utilização em serviço público da Administração Direta e Indireta – promovendo a regularidade imobiliária do patrimônio e a racionalização do uso dos imóveis, por meio da redução dos gastos públicos; 3) para apoio ao desenvolvimento local e regional sustentável – identificando, em articulação com outros entes federados e a sociedade civil, a melhor utilização para os imóveis da União, considerando as viabilidades econômica, urbanística, jurídica e ambiental dos empreendimentos, bem como os impactos ao ordenamento do território municipal e regional. ESCOLARIDADE: Nível Médio.

20

QUALIFICAÇÃO – Exigida: 1. Conhecimento de políticas e projetos de regularização fundiária, de fomento à moradia, de apoio ao desenvolvimento local e regional sustentável. 2. Domínio da aplicabilidade dos instrumentos legais para destinação do patrimônio imobiliário da União. 3. Outras competências: Trabalho produtivo; rapidez de compreensão e execução de atividades; relacionamento interpessoal. Desejável: 1. Experiência ou conhecimento da Administração Pública. CARGO: CHEFE DE DIVISÃO – DAS 101.2 Número de vagas: 02. Unidades de Exercício: Divisão de Habitação e Regularização Fundiária na GRPU/SC (01) e na GRPU/SP (01). PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Executar as ações de destinação do patrimônio imobiliário da União para fins de moradia e de atividades de produção familiar e de subsistência, promovendo o direito à moradia digna, o acesso a terra e a manutenção do habitat das populações tradicionais, contribuindo para a inclusão sócio-territorial, em cumprimento à função social da propriedade pública. ESCOLARIDADE: Nível Médio. QUALIFICAÇÃO – Exigida: Experiência ou conhecimento em pelo menos um dos temas a seguir: 1. políticas e projetos de regularização fundiária e de fomento à moradia. 2. Domínio da aplicabilidade dos instrumentos legais para destinação do patrimônio imobiliário da União. 3. Outras competências: Trabalho produtivo; rapidez de compreensão e execução de atividades; relacionamento interpessoal. Desejável: 1. Experiência ou conhecimento da Administração Pública. CARGO – CHEFE DE DIVISÃO – DAS 101.2 Número de vagas: 02. Unidades de Exercício: Divisão de Bens da Administração Pública Federal na GRPU/BA (01) e na GRPU/PA (01). PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Executar as ações de destinação do patrimônio imobiliário da União; promover a racionalização do uso dos imóveis e a regularidade imobiliária do patrimônio e contribuir para a racionalização dos gastos públicos. ESCOLARIDADE: Nível Médio. QUALIFICAÇÃO – Exigida: Experiência ou conhecimento em pelo menos um dos temas a seguir: 1. Planejamento e gestão pública. 2. Administração do patrimônio imobiliário público. 3. Conhecimento da aplicabilidade dos principais instrumentos legais e procedimentos para destinação de imóveis a órgãos e instituições da

21

Administração Pública Federal. 4. Outras competências: Trabalho produtivo; rapidez de compreensão e execução de atividades; facilidade para trabalhar em equipe. Desejável: 1. Experiência ou conhecimento da Estrutura do Governo Federal – Administração Pública Direta e Indireta. CARGO – CHEFE DE DIVISÃO – DAS 101.2 Número de vagas: 02. Unidades de Exercício: Divisão de Apoio ao Desenvolvimento Local na GRPU/BA (01) e GRPU PA (01). PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Executar as ações de destinação do patrimônio imobiliário da União em apoio ao desenvolvimento local e regional sustentável, identificando, em articulação com outros entes federados e a sociedade civil, a melhor utilização para os imóveis da União, considerando as viabilidades econômica, urbanística, jurídica e ambiental dos empreendimentos, bem como os impactos ao ordenamento do território municipal e regional, em cumprimento à função social da propriedade pública. ESCOLARIDADE: Nível Médio. QUALIFICAÇÃO – Exigida: Experiência ou conhecimento em pelo menos um dos temas a seguir: 1. políticas e projetos desenvolvidos pelo Governo Federal, em parceria com os demais entes federativos e a sociedade civil. 2. Conhecimento da aplicabilidade dos principais instrumentos legais para destinação do patrimônio imobiliário da União. 3. Outras competências: Trabalho produtivo; rapidez de compreensão e execução de atividades; facilidade para trabalhar em equipe. Desejável: 1. Experiência ou conhecimento da Administração Pública. CARGO: CHEFE DE DIVISÃO – DAS 101.2 Número de vagas: 03. Unidade de Exercício: Divisão de Incorporação de Imóveis nas GRPU/PR, GRPU/RS e GRPU/SC. PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Executar as ações relativas à incorporação de imóveis ao patrimônio da União, identificando e preservando as informações necessárias ao seu cadastramento nos sistemas corporativos da SPU. ESCOLARIDADE: Nível médio. QUALIFICAÇÃO – Exigida: Experiência/conhecimento em pelo menos um dos temas a seguir: 1. legislação do patrimônio imobiliário da União; 2. instrumentos legais aplicáveis à incorporação de imóveis; 3 Procedimentos de averbação, abertura e desmembramento de matrículas. Outras competências: Rapidez de compreensão e execução de atividades; gerenciamento do tempo; relacionamento

22

interpessoal; habilidade para analisar, tratar informações e gerir documentos. Desejável: Experiência/conhecimento da Administração Pública. CARGO: CHEFE DE DIVISÃO – DAS 101.2 Número de vagas: 03. Unidade de exercício: Divisão de Receitas Patrimoniais – GRPU/MT, GRPU/RO e GRPU/RR. PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Executar as atividades de administração das receitas patrimoniais arrecadadas pela SPU; coordenar os serviços de lançamento, arrecadação, recolhimento, controle e fiscalização das receitas patrimoniais; coordenar e supervisionar as ações de gestão do compartilhamento de receitas e subsidiar a elaboração da proposta orçamentária da SPU. ESCOLARIDADE: Nível Médio. QUALIFICAÇÃO – Exigida: 1. Experiência/conhecimento em pelo menos um dos temas a seguir: 1. receitas públicas; 2. sistemas gerenciais; 3. análise da legislação e emissão de pareceres; 4. conhecimento de informática. Outras competências: Trabalho produtivo; rapidez de compreensão e execução de atividades; relacionamento interpessoal. Desejável: 1. Experiência/conhecimento da Administração Pública. 2. Experiência/conhecimento em gestão do patrimônio imobiliário público. 3. Experiência/conhecimento da legislação patrimonial relativa aos imóveis da União. CARGO: CHEFE DE DIVISÃO – DAS 101.2 Número de vagas: 02. Unidade de exercício: Divisão de Cobrança – GRPU/PA (01) e GRPU/SP (01). PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Registrar, encaminhar e analisar as demandas da GRPU relativas à cobrança de créditos patrimoniais; cumprir o cronograma das ações sistêmicas de cobrança; identificar a necessidade e propor ações específicas de cobrança no âmbito local ou regional; monitorar o uso das ferramentas de sistema na sua área de competência; fornecer dados e subsídios para análise de desempenho e formulação da política de cobrança. ESCOLARIDADE: Nível médio. QUALIFICAÇÃO – Exigida: 1. Experiência/conhecimento em pelo menos um dos temas a seguir: 1. receitas públicas; 2. sistemas gerenciais; 3. Processo Administrativo; 4. análise da legislação e emissão de pareceres; 5. conhecimento de informática. Outras competências: Trabalho produtivo; rapidez de compreensão e execução de atividades; relacionamento interpessoal. Desejável: 1.Experiência/conhecimento da Administração Pública. 2.

23

Experiência/conhecimento em gestão de patrimônio imobiliário público. 3. Experiência/conhecimento da legislação patrimonial relativa aos imóveis da União. CARGO: CHEFE DE DIVISÃO – DAS 101.2 Número de vagas: 01. Unidade de exercício: Divisão de Arrecadação – GRPU/RS. PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Monitorar a arrecadação das receitas patrimoniais administradas pela SPU; identificar a falta ou insuficiência de pagamentos, com vistas a subsidiar as ações de cobrança; controlar e avaliar os serviços de alocação de créditos; acompanhar os convênios e contratos de compartilhamento de receitas. ESCOLARIDADE: Nível médio. QUALIFICAÇÃO – Exigida: 1. Experiência/conhecimento em pelo menos um dos temas a seguir: 1. receitas públicas; 2. sistemas gerenciais; 3. análise da legislação e emissão de pareceres; 4. conhecimento de informática. Outras competências: Trabalho produtivo; rapidez de compreensão e execução de atividades; relacionamento interpessoal. Desejável: 1. Experiência/conhecimento da Administração Pública. 2. Experiência/conhecimento em gestão de patrimônio imobiliário público. 3. Experiência/conhecimento da legislação patrimonial relativa aos imóveis da União. CARGO: CHEFE DE DIVISÃO – DAS 101.2 Número de vagas: 01. Unidade de exercício: Divisão de Caracterização do Patrimônio – GRPU/AP. PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Executar ações de caracterização do patrimônio da União; estabelecer critérios de prioridade para atendimento de demandas; propor soluções inovadoras; estabelecer a articulação com as Gerências Regionais e órgãos da administração direta e indireta. ESCOLARIDADE: Nível Superior, com formação em Engenharia, Geografia ou Arquitetura. QUALIFICAÇÃO – Exigida: 1. Experiência/Conhecimento em (pelo menos um dos temas a seguir): a) geomática; b) geoprocessamento; c) georreferenciamento; d) ferramentas de Geoprocessamento ArcGIS; e) capacidade de análise de legislação e emissão de pareceres; f) conhecimento amplo de informática. 2. Outras competências: Trabalho produtivo; rapidez de compreensão e execução de atividades; relacionamento interpessoal. Desejável: 1. Experiência/conhecimento da Administração Pública. 2. Experiência/conhecimento em gestão do patrimônio imobiliário público. 3. Experiência/conhecimento da legislação patrimonial relativa aos imóveis da União. 24

CARGO: CHEFE DE DIVISÃO – DAS 101.2 Número de vagas: 01. Unidade de exercício: Divisão de Demarcação – GRPU/BA. PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Executar as atividades de cartografia e demarcação de imóveis de propriedade da União; promover a identificação, a delimitação e a demarcação das áreas da União; acompanhar os relatórios das comissões encarregadas das demarcações das Linhas de Preamar Média de1831 - LPM e das Linhas Médias de Enchentes Ordinárias - LMEO; promover a análise de processos e documentos relativos a identificação e demarcação, compatibilizando com a legislação de uso e ocupação do solo Municipal/Estadual. ESCOLARIDADE: Nível Médio. QUALIFICAÇÃO – Exigida: 1. Experiência/conhecimento em pelo menos um dos temas a seguir: a) geoprocessamento; b) georreferenciamento; c) capacidade de análise de legislação e emissão de pareceres. 2. Outras competências: Trabalho produtivo; rapidez de compreensão e execução de atividades; relacionamento interpessoal. Desejável: 1. Facilidade em redação e interpretação de texto, para análise de processos e elaboração de Notas Técnicas. 2. Experiência/ conhecimento em gestão do patrimônio imobiliário público. 3. Conhecimento da legislação patrimonial relativa aos imóveis da União. CARGO: CHEFE DE DIVISÃO – DAS 101.2 Número de vagas: 01. Unidade de exercício: Divisão de Cadastramento e Controle do Uso de Imóveis – GRPU/PA PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Executar as atividades de atualização dos dados cadastrais dos imóveis da União; analisar processos e documentos relativos a cadastramento físico-territorial; executar o combate efetivo contra a apropriação indevida e a transferência fraudulenta de terras da União, bem como a evasão fiscal; realizar levantamentos necessários ao conhecimento da realidade sócioeconômica-ambiental das áreas da União. ESCOLARIDADE: Nível Superior. QUALIFICAÇÃO – Exigida: 1. Experiência/conhecimento em pelo menos um dos temas a seguir: a) cadastramento físico-territorial; b) geoprocessamento; c) georreferenciamento; d) ferramentas de Geoprocessamento ArcGIS; e) capacidade de análise de legislação e emissão de pareceres; f) planejamento urbano; g) experiência em administração pública. 2. Outras competências: 25

Trabalho produtivo; rapidez de compreensão e execução de atividades; relacionamento interpessoal. Desejável: 1. Facilidade em redação e interpretação de texto. 2. Experiência/ conhecimento em gestão do patrimônio imobiliário público. 3. Conhecimento da legislação patrimonial relativa aos imóveis da União. CARGO: CHEFE DE DIVISÃO – DAS 101.2 Número de vagas: 03. Unidade de exercício: Divisão de Demarcação e Cadastramento – GRPU/PE (01), GRPU/RS (01) e GRPU/SP (01). PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Executar as atividades de cartografia e demarcação de imóveis de propriedade da União; promover a identificação, a delimitação e a demarcação das áreas da União; acompanhar os relatórios das comissões encarregadas das demarcações das Linhas de Preamar Média de1831 - LPM e das Linhas Médias de Enchentes Ordinárias - LMEO; promover a análise de processos e documentos relativos a identificação e demarcação, compatibilizando com a legislação de uso e ocupação do solo Municipal/Estadual; executar as atividades de atualização dos dados cadastrais dos imóveis da União; analisar processos e documentos relativos a cadastramento físico-territorial. ESCOLARIDADE: Nível Superior nas áreas de Engenharia Hidrológica, Cartográfica, Civil, Agrimensura, Arquitetura, Geologia ou Geografia. QUALIFICAÇÃO – Exigida: 1. Experiência/conhecimento em pelo menos um dos temas a seguir: a) geomática; b) geoprocessamento; c) georreferenciamento; d) ferramentas de geoprocessamento ArcGIS; c) capacidade de análise de legislação e emissão de pareceres; d) conhecimento amplo de informática. 2. Outras competências: Trabalho produtivo; rapidez de compreensão e execução de atividades; relacionamento interpessoal. Desejável: 1. Facilidade em redação e interpretação de texto. 2. Experiência/conhecimento em gestão do patrimônio imobiliário público, conhecimento da legislação patrimonial relativa aos imóveis da União. CARGO: CHEFE DE DIVISÃO – DAS 101.2 Número de vagas: 04. Unidade de exercício: Divisão de Controle do Uso de Imóveis – GRPU/PE (01), GRPU/PR (01), GRPU/RS (01) e GRPU/SP (01). PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Executar o combate efetivo contra a apropriação indevida e a transferência fraudulenta de terras da União, bem como a evasão fiscal; realizar levantamentos necessários ao conhecimento da realidade sócioeconômica-ambiental das áreas da União. ESCOLARIDADE: Nível Superior.

26

QUALIFICAÇÃO – Exigida: 1. Experiência/Conhecimento em: a) planejamento urbano; b) administração pública. 2. Outras competências: Trabalho produtivo; rapidez de compreensão e execução de atividades; relacionamento interpessoal. Desejável: 1. Facilidade em redação e interpretação de texto. 2. Experiência/conhecimento em gestão do patrimônio imobiliário público. 3. Conhecimento da legislação patrimonial relativa aos imóveis da União. CARGO: CHEFE DE DIVISÃO – DAS 101.2 Número de vagas: 02 Unidade de exercício: DIVISÃO DE ADMINISTRAÇÃO E LOGÍSTICA – GRPU/RJ (01) e SC (01). PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Zelar pela qualidade da infra-estrutura da Gerência Regional; administrar o almoxarifado; inventariar os bens móveis; acompanhar a execução de contratos e convênios; acompanhar a execução de serviços gerais; garantir a execução das ações de suporte, alinhando-as aos objetivos e estratégias institucionais. ESCOLARIDADE: Nível Médio. QUALIFICAÇÃO – Exigida: 1. Conhecimento/experiência em gestão de contratos administrativos. 2. Conhecimento das políticas públicas associadas à Gestão do Patrimônio Imobiliário da União (Plano Plurianual – PPA). 3. Outras competências: Trabalho produtivo; rapidez de compreensão e execução de atividades; relacionamento interpessoal. Desejável: 1. Experiência na administração pública. CARGO: CHEFE DE DIVISÃO – DAS 101.2 Número de vagas: 01 Unidade de exercício: Divisão de LOGÍSTICA – GRPU/SP. PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Zelar pela qualidade da infra-estrutura da Gerência Regional; garantir a execução das ações de suporte, alinhando-as aos objetivos e estratégias institucionais. ESCOLARIDADE: Nível Médio. QUALIFICAÇÃO: Exigida: 1. Conhecimento e experiência profissional em gestão de contratos administrativos. 2. Conhecimento das políticas públicas associadas à Gestão do Patrimônio Imobiliário da União (Plano Plurianual – PPA). 3. Outras competências: Rapidez de compreensão e execução de atividades; gerenciamento do tempo; relacionamento interpessoal. Desejável: Experiência na Administração Pública. CARGO – CHEFE DE SERVIÇO – DAS 101.1 27

Número de vagas: 01. Unidade de Exercício: Serviço de Habitação e Regularização Fundiária na GRPU/MG. PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Executar as ações de destinação do patrimônio imobiliário da União para fins de moradia e de atividades de produção familiar e de subsistência, promovendo o direito à moradia digna, o acesso a terra e a manutenção do habitat das populações tradicionais, contribuindo para a inclusão sócio-territorial, em cumprimento à função social da propriedade pública. ESCOLARIDADE: Nível Médio. QUALIFICAÇÃO – Exigida: Experiência ou conhecimento em pelo menos um dos temas a seguir: 1. políticas e projetos de regularização fundiária e de fomento à moradia. 2. Conhecimento da aplicabilidade dos principais instrumentos legais para destinação do patrimônio imobiliário da União. 3. Outras competências: Rapidez de compreensão e execução de atividades; gerenciamento do tempo; facilidade para trabalhar em equipe. Desejável: 1. Experiência ou conhecimento da Administração Pública. CARGO – CHEFE DE SERVIÇO – DAS 101.1 Número de vagas: 02. Unidades de Exercício: Serviço de Apoio ao Desenvolvimento Local na GRPU/AL (01) e na GRPU/MS (01). PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Executar as ações de destinação do patrimônio imobiliário da União em apoio ao desenvolvimento local e regional sustentável, identificando, em articulação com outros entes federados e a sociedade civil, a melhor utilização para os imóveis da União, considerando as viabilidades econômica, urbanística, jurídica e ambiental dos empreendimentos, bem como os impactos ao ordenamento do território municipal e regional, em cumprimento à função social da propriedade pública. ESCOLARIDADE: Nível Médio. QUALIFICAÇÃO – Exigida: Experiência ou conhecimento em pelo menos um dos temas a seguir: 1. políticas e projetos desenvolvidos pelo Governo Federal, em parceria com os demais entes federativos e a sociedade civil. 2. conhecimento da aplicabilidade dos principais instrumentos legais para destinação do patrimônio imobiliário da União. 3. Outras competências: Rapidez de compreensão e execução de atividades; gerenciamento do tempo; relacionamento interpessoal. Desejável: 1. Experiência ou conhecimento da Administração Pública. CARGO: CHEFE DE SERVIÇO – DAS 101.1 Número de vagas: 03. 28

Unidade de exercício: Serviço de Regularização Patrimonial nas GRPU/MG, GRPU/PE e GRPU/RS. PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Executar as ações para regularização documental e cartorial dos imóveis que devam ser incorporados ao patrimônio da União. ESCOLARIDADE: Nível médio. QUALIFICAÇÃO – Exigida: Experiência/conhecimento em pelo menos um dos temas a seguir: 1. legislação do patrimônio imobiliário da União; 2. instrumentos legais aplicáveis à incorporação de imóveis; 3 Procedimentos de averbação, abertura e desmembramento de matrículas. Outras competências: Rapidez de compreensão e execução de atividades; gerenciamento do tempo; relacionamento interpessoal; habilidade para analisar, tratar informações e gerir documentos. Desejável: Experiência/conhecimento da Administração Pública. CARGO: CHEFE DE SERVIÇO – DAS 101.1 Número de vagas: 02. Unidade de exercício: Serviço de Cobrança – GRPU/AP (01) e GRPU/ES (01). PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Registrar, encaminhar e analisar as demandas da GRPU relativas a cobrança de créditos patrimoniais; cumprir o cronograma das ações sistêmicas de cobrança; identificar a necessidade e propor ações específicas de cobrança no âmbito local ou regional; monitorar o uso das ferramentas de sistema na sua área de competência; fornecer dados e subsídios para análise de desempenho e formulação da política de cobrança. ESCOLARIDADE: Nível médio. QUALIFICAÇÃO – Exigida: 1. Experiência/conhecimento em pelo menos um dos temas a seguir: 1. receitas públicas; 2. análise da legislação; 3. conhecimento de informática. 4. processo administrativo; Outras competências: Trabalho produtivo; rapidez de compreensão e execução de atividades; relacionamento interpessoal. Desejável: 1. Experiência/conhecimento da Administração Pública. 2. Experiência/conhecimento em gestão de patrimônio imobiliário público. 3. Experiência/conhecimento da legislação patrimonial relativa aos imóveis da União. CARGO: CHEFE DE SERVIÇO – DAS 101.1. Número de vagas: 02. Unidade de exercício: Serviço de Controle Financeiro – GRPU/AL (01) e GRPU/RJ (01). PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Acompanhar e atualizar débitos: sujeitos à prescrição, parcelados e/ou reincididos a serem inscritos na Dívida Ativa da União 29

– DAU; acompanhar a arrecadação dos foros e taxas referentes aos imóveis da União; acompanhar e atualizar a conta corrente dos imóveis. ESCOLARIDADE: Nível Médio. QUALIFICAÇÃO – Exigida: Experiência/conhecimento em pelo menos um dos temas a seguir: 1. receitas públicas; 2. análise da legislação; 3. conhecimento de informática. 4. processo administrativo; Outras competências: Trabalho produtivo; rapidez de compreensão e execução de atividades; relacionamento interpessoal. Desejável: 1. Experiência/conhecimento da Administração Pública. 2. Experiência/conhecimento em gestão de patrimônio imobiliário público. 3. Experiência/conhecimento da legislação patrimonial relativa aos imóveis da União. CARGO – CHEFE DE DIVISÃO – DAS 101.2 Número de vagas: 01. Unidade de Exercício: Divisão de Apoio Normativo na GRPU/RJ. PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Analisar as solicitações de regularização de imóveis e as demandas sobre questões relativas à aplicação da legislação relacionada à gestão do patrimônio imobiliário da União, observando o cumprimento da função social da propriedade pública e o respeito aos demais princípios constitucionais; elaborar pareceres e notas técnicas. ESCOLARIDADE: Nível Superior QUALIFICAÇÃO – Exigida: Profundo conhecimento sobre a legislação que rege a gestão do patrimônio da União e a regularização fundiária; Conhecimento sobre legislação urbanística e ambiental, especialmente a relativa ao Estado do Rio de Janeiro; Outras competências: Rapidez de compreensão e execução de atividades; gerenciamento do tempo; relacionamento interpessoal. CARGO – CHEFE DE SERVIÇO – DAS 101.1 Número de vagas: 01. Unidade de Exercício: Serviço de Provisão Habitacional na GRPU/RJ. PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Executar as ações de destinação do patrimônio imobiliário da União para fins de moradia e de atividades de produção familiar e de subsistência, promovendo o direito à moradia digna, o acesso a terra e a manutenção do habitat das populações tradicionais. ESCOLARIDADE: Nível Médio. QUALIFICAÇÃO – Exigida: Experiência/conhecimento em pelo menos um dos temas a seguir: 1. políticas e projetos de regularização fundiária e de fomento à

30

moradia. 2. Conhecimento da aplicabilidade dos principais instrumentos legais para destinação do patrimônio imobiliário da União. 3. Outras competências: Rapidez de compreensão e execução de atividades; gerenciamento do tempo; relacionamento interpessoal. Desejável: 1. Experiência/conhecimento da Administração Pública; 2. Experiência na SPU. CARGO: CHEFE DE SERVIÇO – DAS 101.1 Número de vagas: 02. Unidade de exercício: Serviço de Demarcação – GRPU/AM (01) e GRPU/MT (01). PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Executar as atividades de cartografia e demarcação de imóveis de propriedade da União; promover a identificação, a delimitação e a demarcação das áreas da União; acompanhar os relatórios das comissões encarregadas das demarcações das Linhas de Preamar Média de1831 - LPM e das Linhas Médias de Enchentes Ordinárias - LMEO; promover a análise de processos e documentos relativos a identificação e demarcação, compatibilizando com a legislação de uso e ocupação do solo Municipal/Estadual. ESCOLARIDADE: Nível Médio. QUALIFICAÇÃO – Exigida: 1. Experiência/conhecimento em pelo menos um dos temas a seguir: a) geoprocessamento; b) georreferenciamento; c) capacidade de análise de legislação e emissão de pareceres. 2. Outras competências: Rapidez de compreensão e execução de atividades; gerenciamento do tempo; relacionamento interpessoal. Desejável: 1. Facilidade em redação e interpretação de texto, para análise de processos e elaboração de Notas Técnicas. 2. Experiência/ conhecimento em gestão do patrimônio imobiliário público. 3. Conhecimento da legislação patrimonial relativa aos imóveis da União. CARGO: CHEFE DE SERVIÇO – DAS 101.1 Número de vagas: 01. Unidade de exercício: Serviço de Cadastramento – GRPU/AM. PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Executar as atividades de atualização dos dados cadastrais dos imóveis da União; analisar processos e documentos relativos a cadastramento físico-territorial. ESCOLARIDADE: Nível Médio. QUALIFICAÇÃO – Exigida: 1. Experiência/conhecimento em pelo menos um dos temas a seguir: a) cadastramento físico-territorial; b) geoprocessamento; c) georreferenciamento; d) ferramentas de Geoprocessamento ArcGIS; e) capacidade de análise de legislação e emissão de pareceres; f) planejamento urbano; g) experiência em administração pública. 2. Outras competências:

31

Rapidez de compreensão e execução de atividades; gerenciamento do tempo; relacionamento interpessoal. Desejável: 1. Facilidade em redação e interpretação de texto, para análise de processos e elaboração de Notas Técnica. 2. Experiência/conhecimento em gestão do patrimônio imobiliário público, conhecimento da legislação patrimonial relativa aos imóveis da União. CARGO: CHEFE DE SERVIÇO – DAS 101.1 Número de vagas: 01. Unidade de exercício: Serviço de Avaliação – GRPU/AM. PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Executar as atividades de avaliação dos imóveis da União ou de seu interesse; executar as atividades necessárias à discriminação, reivindicação de domínio e reintegração de posse dos bens imóveis da União; elaborar relatórios para elaboração da Planta de Valores Genéricos. ESCOLARIDADE: Nível Superior nas áreas de Engenharia, Arquitetura ou Geografia. QUALIFICAÇÃO – Exigida: 1. Experiência/conhecimento em : a) planejamento urbano e ambiental; b) administração pública; c) avaliação de imóveis. 2. Outras competências: Rapidez de compreensão e execução de atividades; gerenciamento do tempo; relacionamento interpessoal. Desejável: 1. Facilidade em redação e interpretação de texto, para análise de processos e elaboração de Notas Técnicas. 2. Experiência/ conhecimento em gestão do patrimônio imobiliário público, conhecimento da legislação patrimonial relativa aos imóveis da União. 3. Conhecimento em MicroStation e ferramentas de georreferenciamento. 4. Habilidade para interpretação de cartas temáticas e Plantas de Valores Genéricos. CARGO: CHEFE DE SERVIÇO – DAS 101.1 Número de vagas: 01. Unidade de exercício: Serviço de Controle do Uso de Imóveis – GRPU/SE. PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Executar o combate efetivo contra a apropriação indevida e a transferência fraudulenta de terras da União, bem como a evasão fiscal; realizar levantamentos necessários ao conhecimento da realidade sócioeconômica-ambiental das áreas da União. ESCOLARIDADE: Nível Superior. QUALIFICAÇÃO – Exigida: 1. Experiência/Conhecimento em: a) planejamento urbano; b) administração pública. 2. Outras competências: Rapidez de compreensão e execução de atividades; gerenciamento do tempo; relacionamento interpessoal. Desejável: 1. Facilidade em redação e interpretação de texto. 2. Experiência/conhecimento em gestão do patrimônio imobiliário público. 3. Conhecimento da legislação patrimonial relativa aos imóveis da União. 32

CARGO: CHEFE DE SERVIÇO – DAS 101.1 Número de vagas: 01 Unidade de exercício: Serviço de Gestão de Recursos Humanos – GRPU/BA. PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Manter atualizadas as informações funcionais e pessoais dos servidores, estagiários e terceirizados; acompanhar e consolidar as avaliações de desempenho de pessoal; executar as atividades de programação anual e alteração de férias; executar as ações de suporte à gestão de recursos humanos, alinhando-as aos objetivos e estratégias institucionais e à qualidade do atendimento ao público. ESCOLARIDADE: Nível médio. QUALIFICAÇÃO – Exigida: 1. Experiência/conhecimento em gestão de recursos humanos. 2. Noções de direitos humanos e cidadania. 2. Outras competências: Rapidez de compreensão e execução de atividades; gerenciamento do tempo; relacionamento interpessoal. Desejável: Experiência na administração pública. CARGO: CHEFE DE SERVIÇO – DAS 101.1 Número de vagas: 01 Unidade de exercício: Serviço de Gestão Documental – GRPU/BA PRINCIPAIS ATRIBUIÇÕES: Executar as ações de gestão de documentos, garantindo a melhoria contínua de procedimentos e rotinas; aplicar técnicas arquivísticas para a preservação da memória institucional, interna e externamente; garantir a execução das atividades de suporte, alinhando-as aos objetivos e estratégias institucionais. ESCOLARIDADE: Nível Superior. QUALIFICAÇÃO – Exigida: 1. Conhecimento/experiência em arquivística e informática. 2. Outras competências: Rapidez de compreensão e execução de atividades; gerenciamento do tempo; relacionamento interpessoal. Desejável: Experiência na administração pública.

33