You are on page 1of 9

IF/UFRJ

1o Semestre de 2016

Introdução às Ciências Físicas I
AD1 de ICF1

1
AD1 de ICF1

UFRJ

Questão
1a

Nome:________________________________

2a

Polo:_________________________________

4a

Nota

Rubrica

3a
Total

Instruções
Faça a AD1 à medida que você for estudando.
Não dispense a ajuda da tutoria presencial, nem da tutoria à distância para fazer a sua
AD1. Você pode entrar em contado com os tutores à distância pelo telefone 0800-2823939 e
diretamente pela ferramenta da plataforma denominada “Sala de Conferência” ou “Chat”, nos
horários disponíveis. Ou ainda pelas ferramentas da plataforma denominadas “Fórum” e “Sala
de Tutoria”, onde você pode colocar a sua dúvida e ter uma resposta da nossa equipe em até
24h durante a semana. Quando a dúvida é colocada de sexta à noite até domingo,
respondemos até a segunda-feira seguinte.
Esta AD contém quatro (4) questões. As questões devem ser resolvidas a partir dos conceitos
definidos das leis da Óptica Geométrica. Ela deve ser entregue no polo até as 15h do dia 24 de
fevereiro (4a-feira). Se ela for enviada por correio, ela deve ser postada até d i a 22 de
fevereiro.
NÃO ACEITAREMOS AD1 DIGITALIZADAS NEM ESCANEADAS.
RESPONDA AS QUESTÕES NOS ESPAÇOS RESERVADOS.
Questão 1 (4,0 pontos)
Só ganham pontos na questão os alunos que fizeram o Laboratório 1. Portanto, espere
para começar a resolver a questão depois de ir ao polo para fazer os experimentos
desse laboratório. Recomendamos que você faça essa questão imediatamente após a
realização do laboratório 1. Se quiser ajuda na correção da sua questão, utilize a Sala de
Tutoria da plataforma. Nela você pode enviar a sua resposta e discutir com os tutores à
distância.
Os cientistas utilizam o método científico para descobrir as Leis da Natureza. Na Prática 1 você
realizou o experimento 1 para descobrir um modelo para a propagação da luz em um meio
homogêneo. Com esta finalidade, foram obtidas, de duas formas diferentes, o diâmetro da
mancha luminosa produzida pela luz que atravessava um orifício circular. Na primeira forma, o
diâmetro da mancha foi obtido com as fórmulas do modelo proposto.
a) Qual o modelo proposto para a propagação da luz em um meio homogêneo? Escreva a
fórmula do modelo que permite obter o diâmetro da mancha luminosa.

b) Segundo este modelo, qual o novo tamanho da AŔEA da mancha (comparada à original)
se a distância entre a fonte e o anteparo for REDUZIDA A um terço do valor inicial? E se for

Profs. Lúcia Coutinho e Sergio Jorás

Lúcia Coutinho e Sergio Jorás . com a fórmula do modelo. c) Escreva as fórmulas utilizadas para se obter a incerteza experimental do diâmetro da mancha luminosa obtida com a fórmula do modelo. f) Calcule as incertezas experimentais associadas aos diâmetros das manchas luminosas obtidos no item d e transfira-as para a Tabela 2. o diâmetro da mancha luminosa. Utilize a primeira linha da tabela para identificar as medidas.IF/UFRJ 1o Semestre de 2016 Introdução às Ciências Físicas I AD1 de ICF1 REDUZIDA DE um terço do valor inicial? Faça abaixo as contas necessárias para justificar suas respostas. Tabela 2 g) Para comprovar o modelo da propagação retilínea da luz. Transfira-as para a Tabela 2. Tabela 1 e) Calcule com a fórmula do item a os diâmetros das manchas. d) Complete a Tabela 1 com as medidas experimentais que você realizou para obter. Qual foi esta outra maneira utilizada para se obter o diâmetro da mancha? Coloque estes valores do diâmetro da mancha COM AS Profs. foi necessário obter o diâmetro da mancha luminosa de uma segunda maneira. Considere apenas duas posições do anteparo. Utilize a primeira linha da tabela para identificar as medidas e suas unidades. NÃO ESQUEÇA DE COLOCAR AS INCERTEZAS destas medidas.

TRABALHE COM UMA ESCALA RAZOÁVEL. h) Escreva o intervalo I3 associado à faixa de valores da medida do diâmetro da mancha luminosa obtida pelas fórmulas do modelo. I3= J3 = i) Existe interseção entre os intervalos I3 e J3 obtidos em g? Em caso afirmativo. Represente esses intervalos na semirreta a seguir. Lúcia Coutinho e Sergio Jorás .IF/UFRJ 1o Semestre de 2016 Introdução às Ciências Físicas I AD1 de ICF1 SUAS INCERTEZAS EXPERIMENTAIS na Tabela 3. Escreva o intervalo J4 associado à faixa de valores da medida do diâmetro da mancha luminosa obtida da outra forma. Utilize a primeira linha da tabela para identificar as medidas e suas unidades. Represente esses intervalos na semirreta a seguir. TRABALHE COM UMA ESCALA RAZOÁVEL. Escreva o intervalo J3 associado à faixa de valores da medida do diâmetro da mancha luminosa obtida da outra forma. seja ela medida diretamente ou indiretamente. j) Escreva o intervalo I4 associado à faixa de valores da medida do diâmetro da mancha luminosa obtida pelas fórmulas do modelo. Quando precisamos comparar duas medidas experimentais para saber se há uma boa probabilidade das medidas serem consideradas iguais. Podemos representar a faixa de valores associada à medida de uma grandeza por um intervalo de números reais. FAÇA OS ITENS h E i PARA A PRIMEIRA POSIÇÃO DO ANTEPARO. procuramos ver se há interseção entre as faixas que representam essas medidas. escreva X FAÇA OS ITENS j E k PARA A SEGUNDA POSIÇÃO DO ANTEPARO. Tabela 3 Você aprendeu que toda medida experimental tem incerteza. I4= J4 = X k) Existe interseção entre os intervalos I4 e J4 obtidos no item i? Em caso afirmativo escreva Profs.

temos que traçar a normal à superfície no ponto onde o raio incidente a tocou. Qual a condição necessária para que consigamos ver esse ponto? c) Podemos ver um objeto que não emite luz.0 ponto) Faça esta questão após estudar a Aula 3 do Módulo 1. Questão 2 (1. qual a direção da normal? E no caso de uma superfície esférica.IF/UFRJ 1o Semestre de 2016 Introdução às Ciências Físicas I AD1 de ICF1 l) Nos itens h e j você comparou as medidas experimentais obtidas pelo modelo proposto com as medidas diretas da mancha no anteparo. Lúcia Coutinho e Sergio Jorás . a partir dessa calota. Conclua sobre a compatibilidade entre seus resultados experimentais e o modelo que afirma que os raios luminosos se propagam em linha reta em um meio homogêneo. Responda às questões abaixo: a) Por que a luz branca se divide em várias cores ao atravessar um prisma? b) Um ponto luminoso emite incontáveis raios luminosos. em todas as direções. No caso de uma superfície plana. m) Quais experimentos da Prática 1 não podem ser explicados pela Óptica Geométrica? Explique a sua resposta. qual a direção da normal? Profs. O que é necessário para que isso aconteça? d) Uma calota lisa e polida forma um espelho esférico. Como definimos. um espelho convexo? E um espelho côncavo? e) Para traçarmos um raio refletido em uma superfície.

de índice de refração n desconhecido.com/watch?v=9TO5czezEBQ Preste atenção quando for realizar o experimento 4. Considere o raio de luz monocromático azul. Profs. f) Desenhe a reta normal à superfície da esfera no ponto B. j) Determine o ângulo de reflexão do raio refletido para dentro da gota no ponto B. b) Indique no desenho e meça com transferidor o ângulo de incidência no ponto A. onde a luz entra no objeto. horizontal. QUALITATIVAMENTE (isto é. que estão disponíveis na Sala de Aula Virtual de ICF1 e também nas páginas do Youtube: http://www. O meio externo é ar. h) Usando a Lei de Snell. não é preciso calcular nem utilizar o valor numérico exato). l) Indique na figura. os raios REFLETIDO e REFRATADO no ponto A se a luz incidente fosse VERMELHA.IF/UFRJ 1o Semestre de 2016 Introdução às Ciências Físicas I AD1 de ICF1 Questão 3 (3. e) Determine o ângulo de reflexão do raio incidente no ponto A e desenhe o raio refletido correspondente.0.0 pontos) Antes de fazer esta questão estude a Aula 2 do Módulo 1 e veja os vídeos “Fibras Ópticas” e “A propagação da luz na atmosfera”. c) Indique no desenho e meça com transferidor o ângulo de refração no ponto A. calcule o ângulo de refração quando a luz sai da gota no ponto B. pois você irá trabalhar com uma lente de acrílico. iguais ou maiores que os anteriores? Justifique. onde a luz sai da gota. O raio refratado para dentro do objeto também está desenhado na figura abaixo. d) Usando a Lei de Snell. k) Desenhe o raio refletido com o ângulo calculado no item anterior.com/watch?v=jUs7l3wJeoY http://www. Os novos ângulos de reflexão e de refração seriam menores. g) Indique no desenho e meça com transferidor o ângulo de incidência da luz no ponto B. desenhado na Figura 1 abaixo. Lúcia Coutinho e Sergio Jorás . i) Desenhe o raio refratado com este ângulo.youtube. calcule o índice de refração do objeto esférico. a) Desenhe a reta normal à superfície da esfera no ponto A.youtube. incidente em objeto transparente esférico (com centro no ponto X). cujo índice de refração é aproximadamente 1.

IF/UFRJ 1o Semestre de 2016 Introdução às Ciências Físicas I AD1 de ICF1 A B X Figura 1 Profs. Lúcia Coutinho e Sergio Jorás .

Deste ponto. A interseção dos três raios traçados indicará a posição da imagem do ponto de onde eles se originam. Para auxiliá-lo listamos três passos que você deve seguir:  Trace o primeiro raio saindo da extremidade de cima do objeto (seta) passando pelo centro do espelho (ponto C) até atingir o espelho. Note que NÃO é necessário fazer todos os três passos descritos acima. ou seja. Por isso. até cruzar os raios traçados nos itens anteriores. b) A imagem formada é real ou virtual? Justifique. na “Aula 4 – Módulo 1” há um exemplo de como trabalhar com espelhos esféricos onde a solução é feita passo a passo. seu ângulo de incidência e de reflexão serão 0o. tente ser mais cuidadoso com o traçado. O raio refletido coincide.0 pontos) Faça esta questão após estudar a Aula 4 do Módulo 1. mais afastado do que o centro.IF/UFRJ 1o Semestre de 2016 Introdução às Ciências Físicas I AD1 de ICF1 Questão 4 (2.  Determine a localização do foco: ele está no eixo do espelho e equidistante do centro C e do vértice V. com o incidente. A base da seta coincide com o eixo do espelho. trace o raio refletido passando pelo foco. Profs. até atingir o espelho. Se seus três raios não se interceptam no mesmo ponto. trace um raio refletido horizontalmente até cruzar o raio traçado no passo anterior.  Saindo também da extremidade de cima do objeto. Na Sala de Aula Virtual de ICF1. A posição da imagem da base da seta estará sobre o eixo do espelho. Figura 2 a) Construa com o método dos raios a imagem do objeto formada pelo espelho. Trace o segundo raio saindo do mesmo ponto (extremidade de cima do objeto) passando pelo foco. Assim.0cm. Considere como escala que cada quadradinho meça 1. a extremidade superior da seta (objeto). neste caso.0cm X 1. Lúcia Coutinho e Sergio Jorás . Este raio coincide com a reta normal no ponto em que ele toca o espelho. A Figura 2 abaixo mostra um espelho esférico côncavo com vértice em V e seu centro em C. trace um raio horizontal até o espelho. a imagem completa do objeto pode ser facilmente determinada. Deste ponto. pois a interseção de dois deles já determina a posição da imagem. Um objeto com a forma de uma seta vertical é colocado na sua frente.

Medidas diretas (cm) (cm) (cm) d) Calcule o aumento transversal. pois o objeto é sempre real. se a sua distância tem 2 quadrados ela vale 2. que é dada por f) Obtenha a incerteza . O que o sinal de indica sobre a direção da imagem da seta? Isso é compatível com o que você obteve ao determinar a imagem graficamente? e) Calcule a distância horizontal da imagem ao vértice do espelho. meça diretamente a distância (o) entre a base do objeto e o vértice do espelho (V) e a distância (i) da base da imagem até vértice do espelho (V). também. na medida indireta de com a seguinte expressão: g) Transfira para a Tabela 2 os resultados obtidos nos itens e) e f). o módulo do raio do espelho (R): é a distância entre o centro (C) e o vértice (V) do espelho. Lembre-se da CONVENÇÃO DE SINAIS: um espelho convergente tem e uma imagem real tem . a partir dos dados da Tabela 1.0 cm) JUNTAMENTE COM SUAS INCERTEZAS EXPERIMENTAIS. dado por (cm) (cm) (cm) . Meça diretamente. Lúcia Coutinho e Sergio Jorás . Transfira para a Tabela 1 as medidas obtidas (por exemplo. O sinal de é sempre positivo. utilizando a equação dos espelhos esféricos na aproximação paraxial.IF/UFRJ 1o Semestre de 2016 Introdução às Ciências Físicas I AD1 de ICF1 c) Na figura 2. Tabela 1. Tabela 2-Medidas indiretas (cm) (cm) Profs.

IF/UFRJ 1o Semestre de 2016 Introdução às Ciências Físicas I AD1 de ICF1 h) Os valores indicados para nas tabelas 1 e 2 são compatíveis entre si ou não? Justifique sua resposta. Profs. Lúcia Coutinho e Sergio Jorás .