You are on page 1of 1

10/01/14

A INAFASTABILIDADE DO TODO E A DIGNIDADE DA PARTE: PREMISSAS PARA A CONSECUÇÃO DA HERMENÊUTICA TOTAL | Ribeiro …

ORBIS REVISTA CIENTÍFICA, VOL. 1, NO 2 (2010)
C AP A

SOBR E

ACESS O

C ADAS TR O

P ES QUISA

AT UAL

EDIÇÕES ANT ER IOR ES

NOTÍC IAS

Capa > Vol. 1, No 2 (2010) > Ribeiro de Carvalho Neto
T amanho da fonte:

A INAFASTABILIDADE DO TODO E A DIGNIDADE DA PARTE:
PREMISSAS PARA A CONSECUÇÃO DA HERMENÊUTICA TOTAL
Adonias Ribeiro de Carvalho Neto, Ana Paula Pinto da Silva, Elizabeth Alice Barbosa Silva de Araújo, Helano Márcio Vieira
Rangel, João Gabriel Laprovitera Rocha, Rubens Silveira Taveira Júnior

RESUMO
O presente trabalho analisa aspectos importantes para se chegar efetivamente a um conceito de Hermenêutica T otal. A pesquisa
tem por finalidade elucidar ao intérprete a melhor forma de desenvolver o pensamento à luz da melhor interpretação possível,
mesmo diante das infinitas possibilidades de sentido. O ensaio busca apresentar parâmetros para se chegar à interpretação que
melhor atenda à resolução de um determinado problema. Neste sentido, o artigo postula a inafastabilidade do todo e a dignidade da
parte como premissas que, unidas à interpretação integradora, são primordiais para a configuração de uma Hermenêutica T otal. O
artigo defende que este modelo hermenêutico supera a parcialidade de outros e, por isso, considera a integralidade dos fatores que
influenciam o ato de interpretar.
T exto Completo: PDF

A Revista Jurídica Orbis se encontra indexada no LATINDEX (Sistema Regional de Información en
Línea para Revistas Científicas de América Latina, el Caribe, España y Portugal) (Diretório e
Catálogo - folio 19391).
Qualis CAPES C (Avaliação 2012).

www.cesrei.com.br/ojs/index.php/orbis/article/view/20

1/1