CORREIO DO POVO

ESPECIAL

QUINTA-FEIRA, 20 de setembro de 2007 — 5

Premiados do 20O SET
Produção Audiov./cinema/vídeo ◆ Experimental: Gabriel Fuscaldo (PUC) ◆ Ficção: Frederico Ruas (Unisinos) ◆ Musical/Videoclipe: Simone Ferreira (PUC) ◆ Documentário: Sofia Suplicy (PUCRS) Publicidade e Propaganda ◆ Fotografia: Ana C. B. Pereira (Unifra) ◆ Progr. Visual: Rafael M. Hartz (Faccat) ◆ AnúncioWeb: Byron C. Cerda (Unifra) ◆ Peça Gráfica: Ricardo Maluf (ESPM) ◆ No mídia: Carlos R. Santos (PUCRS) ◆ Campanha Publ.: Rafael A. Koff (PUC) ◆ Peça eletrônica-áudio (jingle e spot): Rafael de Arruda Koff (ESPM) ◆ Peça eletrônica-vídeo (comerciais e vinhetas): Renato Ortiz (Unifra) Relações Públicas ◆ Publicações especiais: Vanessa Santolin Bernardes (PUCRS) ◆ Projeto experimental empresarial: Vanessa Machado de Vargas (Ufrgs) ◆ Campanha de comun. interna: Oriana C. Fabrício da Silva (Católica de PE) ◆ Pesquisas: Viviane Campos (PUCRS) ◆ Vídeos educacionais e institucionais: Daniel Trzeciak Duarte (UCPel) ◆ Projeto experimental comunitário: Fábio Renato da Silva (Ufrgs) ◆ Organização de eventos: Marla Francine Custódio (Ufrgs) ◆ Projeto experimental institucional: Milena Aliatti (Unisinos) ◆ Newsletter digital: Mônica Carvalho de Oliveira e Jéssica Ramos Garcia (Ufrgs) Jornalismo ◆ Proj.gráf.: Katterina Fernandes (Unifra) ◆ Crônica: Matheus P.Beck (PUCRS) ◆ Programa especial de TV: Lílian Junges Abelin (Unifra) ◆ Programa de rádio: Marcionize Bavaresco (Unoesc) e Luiza Piffero (PUCRS) ◆ Publicação Impressa - projeto experimental: Lidiana de Moraes dos Santos e Eduardo Lorea Leite (PUCRS) ◆ Publicação Impressa - Jornal: Marjoriê Cristine da Silva (PUCRS) ◆ Reportagem Impressa: Lidiana de Moraes dos Santos (PUCRS) ◆ Artigo: Tales Queiroz Tomaz (Unasp) ◆ Fotografia: Helder Oliveira (Católica PE) ◆ Publicação Impressa - Revista: Janice Ester Gutjahr (Unisinos) ◆ Progr. de Rádio: Aline Marques (IPA) ◆ Report. Rádio: Silvana Shnem (Unisc) ◆ Report. TV: Aline Feijó Bianchini (PUCRS) e Sofia Frazão Suplicy (PUCPR) ◆ Jornalismo On-line- site de notícias: Thales de Souza Barreto (PUCRS) e Thales Queiroz Tomaz (Unasp) ◆ Jornalismo On-line - Projeto Multimídia: Marcos Leivas da Silva (Católica PE) ◆ Dramaturgia em Rádio: Rafael Mano Diverio (PUCRS) e Marília Macedo (Unisinos) ◆ Programa de Rádio: Aline Marques (IPA) e William Fernandes Araújo (UFSM) ◆ Rádio Web: Diogo Panizzi (RM do Sul) ◆ Cartoon: Fabiane Bento Alver (PUCRS) ◆ Jornalismo on-line - Weblog: Guilherme da Silva Almeida (Centro Adventista SP)

Reinvenção é meta do próximo SET
SET Universitário, promovido Faculdade de (FaO 20 da PUCRS,Comunicação Social pelaa mecos) terminou ontem com
O

Mostra de comunicação, que se encerrou ontem na Famecos/PUCRS, voltará a se internacionalizar
FOTOS DIEGO VARA países. “A presença de trabalhos de outros estados brasileiros já indica a importância do SET, que é aberto à participação não só dos universitários, mas também da comunidade em geral”, ressaltou a professora. Na primeira noite, a palestra do colunista da revista Veja, Diogo Mainardi, com mediação do jornalista Juremir Machado da Silva, do Correio do Povo, foi assistida por cerca de mil pessoas. Na mostra foram inscritos 857 trabalhos de 12 estados, sendo 63 da área de Relações Públicas, 43 de Cinema, 330 de Publicidade e Propaganda, 421 de Jornalismo, e sendo premiados os melhores em 46 categorias (tabela ao lado). Uma das novidades foi a transmissão das palestras ao vivo pelo site do evento, que reuniu uma média de 150 internautas. Atividades e dados podem ser revistos em www.pucrs.br/set. Magda, diretora da faculdade, destacou presenças de outros estados

solenidade de premiação aos acadêmicos vencedores da mostra competitiva. Durante três dias, milhares de alunos da universidade e de outras instituições de Ensino participaram de palestras e oficinas. Foram 22 profissionais convidados, entre eles, 13 professores da Famecos, que debateram temas das áreas de comunicação, jornalismo, publicidade e propaganda, relações públicas e cinema. Cerca de 50 pessoas estiveram envolvidas na organização do evento. A diretora da Famecos, Magda Rodrigues da Cunha, afirmou que o SET chegou a um momento de reinvenção. Para os próximos anos, o objetivo é voltar a internacionalizar o evento, trazendo participantes de outros

Embalagem de pipoca imitando capas de jornais tornou-se sucesso na mostra

Record registra participação
Um dos destaques desta 20a edição do SET Universitário foi o estande montado pelo Correio do Povo Grupo Record no evento. Em um espaço na entrada do prédio da Famecos/PUCRS, promotora do SET, foi instalado um lounge com TV de última geração e bancos transparentes, formados com jornais. A carrocinha de pipoca, servida aos participantes do SET com embalagens que reproduziam capas do jornal, mas com a manchete sobre o evento, fez sucesso. O local registrou grande movimento, especialmente à noite, quando havia filas em frente à carrocinha. Ontem à tarde, alguns aproveitaram os intervalos para acompanhar o futebol pela Rede Record.

Jornalismo literário valorizando a reportagem
A importância do jornalismo literário e elementos que podem ser aplicados na produção da reportagem foram alguns dos temas da oficina ministrada pelo mestre em Comunicação Social e professor da Famecos/PUCRS, jornalista Vitor Necchi, ontem, durante o 20 o SET Universitário. A palestra abordou, além do tema principal, o novo jornalismo e o jornalismo ‘gonzo’, a reportagem, o perfil, o livro-reportagem, autores e obras. A intenção era Vitor Necchi orienta os alunos que buscam alternativas condensar assuntos abordados na disciplina de Jornalismo Literário da Famecos durante o semestre em uma aula. “Os textos do jornalismo atual são cada vez mais apressados. Uma das bases do jornalismo literário é a profunda descrição e profunda atenção do autor aos detalhes.” A procura pela disciplina criada há três semestres tem sido cada vez maior. “A discussão sobre o tema é cíclica, ou seja, aumenta quando os alunos sentem certa saturação do jornalismo tradicional, da ‘suposta’ imparcialidade e de pautas repetitivas. Quando isto ocorre os alunos buscam alternativas”, explicou.

A provável realização da Copa do des da Copa, especialmente pelo poMundo de 2014 no Brasil foi o tema tencial de Internacional e Grêmio, principal da palestra “Marketing es- mas será preciso mudar a infra-esportivo: força e sedução do esporte a trutura que a Capital hoje oferece. Roberto Pauletti avaliou que o esfavor da marca”, realizada ontem no 20O SET Universitário. Participaram porte envolve a população de maneio gerente de Comunicação e Marke- ra singular. “Precisamos reforçar as ting Esportivo da Olympikus, Már- marcas e torná-las exemplos a criancio Kremer Callage, e o consultor de ças, jovens e futuros profissionais.” ANTÔNIO SOBRAL marketing, Wesley Cardia, com mediação do diretor comercial do Correio do Povo, um dos apoiadores do evento, Roberto Pauletti. De acordo com Wesley, logo após a confirmação do Brasil como sede do Mundial de 2014, as iniciativas da área de marketing devem ser intensificadas. “Será preciso ver de que forma o país poderá potencializar a economia e garantir investimentos em infraestrutura.” Para o especialista, a realização dos Jogos PanAmericanos de 2007 no Rio revelou o potencial brasileiro para a organização de grandes eventos esportivos. “O Pan demonstrou que existem, no Brasil, conhecimento e pessoas capazes de fazer uma Copa do Mundo”, declarou. Ele disse não ter dúvidas de que Porto Alegre será uma das se- Pauletti (D), do CP, fez a mediação do debate

Esporte seduz e favorece marca

Sites gratuitos foram os principais temas abordados na oficina Jornalismo Online 2.0, ministrada na terçafeira e ontem. Os palestrantes foram o mestre em Comunicação, jornalista e professor da PUCRS, André Pase, e o jornalista, professor da PUCRS e pesquisador do jornalismo participativo na Web, Marcelo Träsel. “Todos ingressam na faculdade com intuito de trabalhar em TV, rádio ou jornal, mas podem descobrir que é possível, pela Internet, criar a sua própria empresa a custo baixo”, explicou Marcelo Träsel. Segundo o professor, quando se pensa em texto para a Internet, deve-se imaginar outros elementos como gráficos animados ou mesmo áudio e vídeo. Ele recordou que, no caso recente do acidente com um vôo da TAM, muitos sites recorreram a animações em flash para mostrar como ocorreu a tragédia.

Novas opções na Internet O passo a passo do vídeo

Os passos da produção cinematográfica foram abordados durante a oficina “Vídeo 1 minuto”, com o professor de Cinema e Vídeo da PUCRS, Eduardo Wannmacher. A iniciativa abordou desde roteiro, passando pela pós-produção, produção, gravação em estúdio e edição de um filme de ficção com duração de apenas um minuto. Foi montado um quarto dentro de um estúdio e os atores usaram todos os recursos disponíveis para a caracterização dos personagens. “Esse material, muitas vezes, é utilizado como currículo dos alunos e também é veiculado na Internet.” Wannmacher ressaltou ainda que o projeto da construção de estúdio cinematográfico no campus da PUCRS em Viamão, para abrigar a produção gaúcha, também será um elemento motivador na procura cada vez maior pela especialização nessa área.