Política Nacional de Informação e Informática em Saúde. No Brasil, o ano de 2003 foi
marcante para o debate e a fundamentação de uma proposta de política nacional de
informação e informática em saúde. Integrado à construção da agenda estratégica do
Governo Federal, o Ministério da Saúde definiu elaboração da política de informação e
informática em saúde como um de seus objetivos setoriais prioritários. Desta forma, este
link dá acesso a Política Nacional de Informação e Informática em Saúde Proposta Versão
2.0 (Inclui deliberações da 12ª. Conferência Nacional de Saúde). Incluindo no tópico 14, na
página 19 menção às bibliotecas virtuais em saúde.Veja também: Política Nacional de
Informação e Informática em Saúde (PNIIS).

http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/PoliticaInformacaoSaude29_03_2004.pdf

A premissa de que com o uso adequado da tecnologia da informação
é possível melhorar a saúde de um país é uma constante nas três
experiências revisada (Canadá, Inglaterra e Austrália)

OBJETIVO:

"Promover o uso inovador, criativo e transformador da
tecnologia da informação, para melhorar os processos de trabalho em
saúde, resultando em um Sistema Nacional de Informação em Saúde
articulado, que produza informações para os cidadãos, a gestão, a
prática profissional, a geração de conhecimento e o controle social,
garantindo ganhos de eficiência e qualidade mensuráveis através da
ampliação de acesso, eqüidade, integralidade e humanização dos
serviços e, assim, contribuindo para a melhoria da situação de saúde
da população".

POLITICA NACIONAL DE SAUDE INTEGRAL DA POPULAÇÃO NEGRA
LER AS POLITICAS