LAUDO TÉCNICO

Segurança estrutural contra incêndio

GINASIO POLIESPORTIVO

TAPEJARA – RS

MAIO DE 2015

15.99m² e altura de 6. NBR-14762 – Dimensionamento de Estruturas de Aço Constituídas.Tapejara – RS. 8. NBR-8800 – Projeto e Execução de Estruturas de Aço de Edifícios – Procedimentos. paredes internas e externas e estrutura de telhado. antes de atingir o colapso estrutural. com Ocupação (F-3 NBR-9077) e Área de 1. Bairro Treze de Maio . REFERÊNCIAS NORMATIVAS: 1. NBR-14432 – Exigência de Resistência ao Fogo de Elementos de Construção de Edifício. NBR-8681 – Ações de Segurança nas Estruturas – Procedimentos 7. forros. PROPRETÁRIO E DESCRIÇÃO: Ginásio Municipal Poliesportivo Situado a Av. NBR-5628 – Componentes construtivos Estruturais – Determinação da Resistência ao fogo. NBR-15200 – Projeto de Estrutura de Concreto em Situação de Incêndio. 4.25 m. 14. IT – 08 do Corpo de Bombeiros de São Paulo. 2. 5.155. a fim de que seja garantido um tempo mínimo de resistência ao fogo. NBR-6120 – Cargas para Cálculo de Estruturas de Edifícios –Procedimentos. . NBR-6479 – Portas e Vedadores – Determinação da Resistência ao Fogo – Métodos. 9.OBJETIVO: Este laudo tem por objetivo estabelecer as condições mínimas que os materiais existentes na edificação deverão atender especialmente pisos. NBR-9077 – Saídas de Emergência em Edifícios – Procedimentos. S/N. Princesa Isabel esquina com Coronel Gervásio. NBR-11742 – Porta Corta-Fogo para Saídas de Emergência – Especificação. NBR-6118 – Projetos e Estruturas de Concreto – Procedimentos. 3. e Risco Baixo Entre 150 MJ/m². NBR-14323 – Dimensionamento de Estrutura de Aço em Situação de Incêndio.º Civil Thiago Brezolin CREA/RS 160012. 12. RESPONSAVEL TÉCNICO PELO LAUDO: Eng. 11. 6. 13. NBR-10636 – Paredes Divisórias sem Função Estrutural 10. NBR-11711 – Portas e Vedadores Corta-Fogo com Núcleo de Madeira par Isolamento.

com pintura acrílica. CONCLUSÃO: Todos os materiais empregados atendem as especificações da IT 08 do Corpo de Bombeiros de São Paulo e das Técnicas da ABNT.ESPECIFICAÇÃO TÉCNICAS DOS MATERIAIS EMPREGADOS: PISOS: Piso da edificação é constituído de concreto polido com 70 mm. TRRF igual a 90 minutos e as paredes de divisórias das unidades autônomas e entre unidades e áreas comuns devem possuir TRRF mínima de 60 minutos. tendo TRRF mínima de 60 minutos para prédio com um todo e de 120 minutos para as escadas de emergência e elevadores de emergência. PAREDES E DIVISÓRIAS INTERNAS: As paredes internas serão de alvenaria em tijolos de seis furos com reboco em ambos os lados. os elementos estruturais essenciais a estabilidade desta compartimentação. OBS: Para edificações com chuveiro automático isenta-se dessa exigência. COBERTURA: As estruturas são de ferro e as telhas metálicas tipo Aluzinc com espessura de 5 mm. com espessura de 200 mm. 20 de Maio de 2015 ______________________________ Prefeitura Municipal de Tapejara __________________________________ Eng. incluindo os elementos de compartimentação externa e as selagens dos shafts e dutos de instalação. independente da TRRF da edificação. nos sanitários.° Civil Thiago Brezolin CREA/RS 160012 . e cobertura em cerâmica com 15 mm de espessuras. Tapejara – RS. mais base em argamassa de 30 mm.

LAUDO TÉCNICO Material de Acabamento GINASIO POLIESPORTIVO TAPEJARA – RS MAIO DE 2015 .

IT – 10 do Corpo de Bombeiros de São Paulo.155. nos sanitários. com a finalidade estética e conforto. . 2. ESPECIFICAÇÃO TÉCNICAS DOS MATERIAIS EMPREGADOS: PISOS: Piso da edificação é constituído de concreto polido com 70 mm.º Civil Thiago Brezolin CREA/RS 160012.OBJETIVO: Este laudo tem por objetivo estabelecer as condições mínimas que os materiais de acabamento existentes na edificação deverão atender a fim que seja restringido o início a propagação de chamas e a geração de fumaça nos ambientes da edificação. tanto interna quanto externa. mais base em argamassa de 30 mm. Bairro Treze de Maio . NBR-8660 – Revestimento de Piso – Determinação de Densidade – Método de Ensaio. com espessura de 200 mm.Tapejara – RS. PAREDES E DIVISÓRIAS INTERNAS: As paredes internas serão de alvenaria em tijolos de seis furos com reboco em ambos os lados. RESPONSAVEL TÉCNICO PELO LAUDO: Eng. NBR-9442 – Materiais de Construção – Determinação de Índice de Propagação Superficial. 3. e Risco Baixo Entre 150 MJ/m². PROPRETÁRIO E DESCRIÇÃO: Ginásio Municipal Poliesportivo Situado a Av. Princesa Isabel esquina com Coronel Gervásio. Todos os materiais empregados na superfície.25 m. S/N. estão incluídos neste laudo. REFERÊNCIAS NORMATIVAS: 1. e cobertura em cerâmica com 15 mm de espessuras.99m² e altura de 6. COBERTURA: As estruturas são de ferro e as telhas metálicas tipo Aluzinc com espessura de 5 mm. com Ocupação (F-3 NBR-9077) e Área de 1. com pintura acrílica.

Concreto. 20 de Maio de 2015 ______________________________ Prefeitura Municipal de Tapejara __________________________________ Eng. Alvenaria tijolo com reboco Classe III-A COBERTURA Metálica Classe I-A CONCLUSÃO: Todos os materiais empregados nos Pisos.° Civil Thiago Brezolin CREA/RS 160012 .QUADRO DE RESUMO DE MATERIAIS DE ACABAMENTO EMPREGADOS LOCAL APLICADO MATERIAL CLASSIFICAÇÃO PISOS DE TODOS PAV. Cerâmico Classe I PAREDES DIVISORIAS INT. Paredes Internas e Cobertura atendem as especificações da IT.10 do Corpo de Bombeiros de São Paulo e das Normas Técnicas da ABNT. Tapejara – RS.