I) Primeira Guerra Mundial

a) Antecedentes da Guerra
Antes da Primeira Guerra Mundial, a Europa vivia uma época conturbada, mas mesmo assim chamada de Belle
Epóque e ao mesmo tempo de Paz Armada. Tinha o nome Belle Epóque, pois nessa época havia um grande
desenvolvimento tecnológico e as pessoas estavam super otimistas pois acreditavam que logo a tecnologia resolveria todos
os problemas. Chamava-se Paz Armada, pois os países estavam armados até os dentes numa corrida armamentista, e
tinham medo dos outros países.
Nessa época também se percebia um ufanismo, ou seja, um nacionalismo exacerbado, junto com a xenofobia (medo
do outro país). As doutrinas ufanistas eram o revanchismo francês, o pan-eslavismo e o pan-germanismo (que serão
explicado depois).
A Inglaterra, apesar de ter sido pioneira na Revolução Industrial, estava sendo alcançada economicamente por
países como a França, Alemanha e Rússia. A França desenvolvera sua indústria para a produção de produtos chiques e de
qualidade, já que na quantidade não conseguia ultrapassar a Inglaterra. A Alemanha, com o empurrão de Otto Von Bismarck
na indústria, estava começando a se tornar uma potência. E a Rússia, conhecida com a gigante de pés de barros, ou seja,
forte porém sem estrutura em sua base, estava começando a se industrializar.
O Império Russo queria aumentar seu território agregando todos os países eslavos da Península Balcânica e assim
conseguir acesso ao mar (daí o pan-eslavismo). A Alemanha queria, além de querer agregar os territórios de origem
germânica (pan-germanismo), queria criar a ferrovia Berlim-Bagdá para aumentar as rotas de comércio e um maior número
de colônias. O Império Austro-Húngaro queria também aumentar seu território.
Havia também alianças, a França, a Rússia e a Inglaterra estavam na Entente, e os Alemães, o Império AustroHúngaro e a Itália em outro, a Aliança ou potencias centrais. A Rússia era aliada da Sérvia.
Todos esses fatores complicavam a situação da Europa e criava uma tensão. O continente havia se tornado uma
panela de pressão pronta para explodir.
b) O Estopim
Em 1914, o príncipe Frans-Ferdinand do Império Austro-Húngaro, com a tentativa de aumentar seu território foi a
Bósnia tentar propor a união com a Bósnia, criando assim o Império Austro-Húngaro-Eslavo. O povo bosniano até que
aceitava esta proposta, porém um jovem bosniano, membro de uma associação secreta Sérvia, assassina o príncipe.
Quando o Império descobre que foi uma associação Sérvia que havia realizado o assassinato, ele faz um ultimato para
conseguir permissão para procurar a associação na Sérvia. A Sérvia não aceita, e a Rússia, sua aliada, diz que protegeria o
país caso invadissem. A Alemanha, aliada do Império Austro-Húngaro diz que se a Rússia entrar, ela também entra. Então
começou um efeito dominó devido ao sistema de alianças.
A Itália se afasta da Aliança, em compensação a Turquia e a Bulgária entram. Na Entente, o Japão e a Sérvia
entram.
c) A Guerra
A guerra era mundial, os principais combates se davam na Europa, mas havia conflitos nas colônias Africanas e
Asiáticas. Além disso, a guerra é dividida em duas etapas, a guerra de movimento e a guerra de trincheiras.
Em 1917 a guerra começa a terminar, pessoas saem às ruas para protestar a guerra e os EUA decide intervir do
lado da Entente por três motivos: A Entente era sua compradora de armas e se perdessem seria muito mais difícil pagar,
além disso a Alemanha havia derruba dois navios americanos, e ainda por cima dizem os boatos que a Alemanha havia
contatado com o México para criar uma aliança.
Com a entrada dos EUA, a guerra, em menos de um ano, acaba. A Europa que havia sido o palco principal para a
guerra estava destruída. A Alemanha só aceita a derrota pois o presidente Woodrow Wilson (algo assim) dos EUA havia
proposto um acordo de paz sem perdedores. Ele havia criado 14 pontos que garantiriam a paz na Europa de forma justa.
Porém a França e a Inglaterra não aceitam e criam o tratado de Versalhes, totalmente oposto aos 14 pontos, humilham a
Alemanha, a França pega de volta a Alsácia, Lorena e Sarre, é desmilitarizada, etc. Vários países ganham suas
independências, o Império Austro-Húngaro é dividido.
II) Período Pós Guerra
Após a guerra a Europa estava destruída fisicamente e economicamente. O EUA estavam se dando bem, era uma
época de euforia e de grande crescimento. Cria-se o Americam Way of Life, e a especulação começa a aumentar. Por isso
se inicia um descontrole total. Para ajudar a manter o controle cria-se a lei seca, que proíbe o álcool. Com isso a máfia
cresce. Drogas, sexo e Jazz. Os anos 20 são chamados de anos loucos. As pessoas passam a crer que é fácil fazer
dinheiro, e com isso a especulação aumenta mais ainda.
No final da década de 20 começou a acontecer então uma superprodução por parte das indústrias. Isso ocorreu pois
os países Europeus já estavam se recuperando e reduziram a importação de mercadorias Americanas e também pois os
salários dos operários não conseguiam acompanhar a produção. Isso sem contar que com a mecanização do campo
aumentou o desemprego e diminuiu mais ainda o mercado consumidor. Com isso a situação foi se agravando e as pessoas
tentavam vender suas ações compradas nos anos loucos. Porém todos estavam tentando vender suas ações, mas todos
estavam vendendo, e ninguém queria comprar. Então em 1929 a bolsa quebrou. Isto afetou o mundo inteiro.

O governo pede tempo para tomar medidas. tentam recuperar o poder. e a Rússia novamente em crise por causa da Primeira Guerra Mundial. É dado um pequeno poder aos soviets. pois os outros governos eram liberalistas e não intervinham na economia. O exército vermelho rapidamente domina Petrogrado. pois por ser um monarca. Começam ocorrer greves e lockouts. novamente tenta prender os líderes bolcheviques e aí inicia outra revolução. Com ajuda dos bolcheviques eles conseguem impedir. dá as propriedades aos operários. O governo era mais democrático. A maioria dos socialistas queriam que a Rússia saísse da guerra e uma revolução. Logo no começo de seu governo. Ainda em 1940. e os soldados que deveriam defender o czar se juntam à organização. A burguesia lidera a revolução. deixar a burguesia no poder. b) Partido Social Democrata Era um partido secreto de oposição ao governo. de certa forma isto não ocorre. As primeiras medidas são a saída da guerra. a burguesia assume o poder. Então Kerenski. Os socialistas tomam o poder. e é levantada a bandeira vermelha. vai PEDIR ao czar para tomar atitudes em relação à crise. liderada por Lvov. e Trotski (defendia que a revolução permanente. impedia a liberdade. muito bravo e decide criar com o partido a constituição. logo não havia tecnologia suficiente para a produção de alimento em grande escala.Os EUA só corrigiram essa quebra em 1933 com o presidente Roosevelt. “um passo para trás. pois Lênin fica no poder. III) Revolução Russa a) O ensaio de 1905 Em 1905. Depois é criado o NEP. Começa uma ditadura. demorou para os EUA se recuperarem. O tempo passa e o czar tira o poder da Duma e tudo volta ao que era antes. mas só ¼ do povo participa. No início de 1917. e tanta criar uma constituição. Era dividido em Mencheviques e Bolcheviques. em outubro. Os bolcheviques começam a ganhar mais alidos e Trotski um dos líderes. podia ir para o socialismo direto. mas aos poucos começa a se desmantelar e a perder apoio pois não toma nenhuma medida. Quando terminada. Kerenski toma o poder. Começou a criar obras públicas para empregar as pessoas e salvar empresas. Petrogrado pára. Mesmo assim. desde que o partido socialista guiasse o povo. coletivização da agricultura. O czar resolve então tomar decisões e “abdicar do poder”. A burguesia era contra o czar. o que deixa Lênin. O povo e a burguesia se unem e começam uma revolução. O governo se mantém. Kerenski acusa os socialistas bolcheviques e exila todos os líderes. a Duma começa a pressionar o czar para sair da guerra. o líder do partido socialista. O país eslavo havia acabado de começar sua industrialização. Em fevereiro os operários se organizam. gerando assim mercado consumidor e produção. c) As revoluções de 1917 até Stalin O czar ainda estava no poder. logo cria a Duma (uma espécie de parlamento). para dois passos para frente”. Eles são recebidos a tiro. mesmo com o exército branco (burguês) sendo apoiado por potências anti-socialistas. e prioridade para as indústrias de base. Aos poucos os soviets se tornam oposição. cria a guarda vermelha. fortalecer a economia e depois realizar a revolução Já os Bolcheviques acreditavam que para chegar ao socialismo. nas Dumas. Este interferiu diretamente na economia com o New Deal. economia planificada qüinqüenalmente. Nesse mesmo ano Lênin morre. Em maio. . Em agosto os monarcas. permite a independência dos povos que não queriam fazer parte da Rússia. E o povo também era pois ele não tomava atitudes em relação às condições de trabalho. a Rússia entrou numa crise. não precisavam passar pelo capitalismo. que essa devia se espalhar) e Stalin (defendia a consolidação do socialismo na Rússia para depois se espalhar) brigam por poder. que dura até o final da guerra civil. 15% da população era desempregada. além disso queriam transformações políticas. mesmo com a guerra civil acontecendo. Stalin vence por ter mais influência no partido. morrendo de fome. era um sistema que voltava ao capitalismo para garantir uma ascensão econômica. após perderem a guerra Russo-Japonesa. Também dá poder aos soviets. alguns marinheiros protestam contra ela. Lênin também cria o comunismo de guerra. mas mantém a Rússia na guerra e não atende as expectativas. Os Mencheviques acreditavam que para chegar ao socialismo era preciso seguir as idéias de Marx. primeiro tirar a monarquia. O povo. em que controla o povo e a produção de forma rigorosa e divide entre o povo.