13/09/2016

Lista de Exercícios 2 - Termodinâmica
Energia Interna, Trabalho, Calor e primeira lei da termodinâmica
1. Um mol de um gás ideal monoatômico é mantida à pressão constante de 1 bar. Quanto calor deve ser
fornecido ao sistema para aumentar seu volume de 20L para 50L?
2. Cinco moles de gás ideal monoatômico expandem-se à pressão externa constante de 1 atm. A pressão
inicial do gás é de 2 atm, a temperatura inicial do gás é de 25 oC e a temperatura final é de 20 oC. Qual o
trabalho realizado pelo gás ao sofrer esta variação de temperatura?
3. Dois sub-sistemas, de volumes 10L e 2L, respectivamente, contêm um gas ideal em equilíbrio térmico.
Os sub-sistemas estão separados por um pistão. A temperatura do gás é constante e igual a 0 oC. O
primeiro sub-sistema contém 10 moles de gás. Em seguida, dobramos o volume do recipiente com o gás
em um processo reversível isotérmico. Calcule a variação da energia interna e o trabalho realizado por
cada sub-sistema. Qual o calor total transferido ao sistema?
4. Um sistema com volume total V constante consiste de três sub-sistemas ocupados por uma gás ideal
monoatômico. Os subsistemas estão separados um do outro com pistões. O volume inicial dos subsistemas são Vi(1), Vi(2), Vi(3). A temperatura inicial Ti e a pressão inicial pi têm o mesmo valor em todos os
sub-sistemas. Variamos então a temperatura de cada sub-sistema ao valor final Tf.
(a) Calcule a variação da energia interna e volume, bem como o trabalho realizado por cada sub-sistema;
(b) Calcule o calor trocado pelo sistema total.
5. Um gás ideal em equilíbrio termodinâmico ocupa três sub-sistemas, de volumes 1 L, 5 L, 10 L,
respectivamente. Os sub-sistema estão separados um do outro por pistões. Em todos os sub-sistemas a
temperatura é constante e igual a 0 oC e a pressão inicial é de 1atm. Uma certa quantidade de calor é
fornecida ao sistema através de um processo isotérmico reversível, que causa um aumento no volume do
primeiro sub-sistema ao valor final 4 L. Assumindo que os outros sub-sistemas estão em equilíbrio com
o primeiro sub-sistema, calcule o trabalho realizado e o calor fornecido neste processo.
6. Um gás satisfazendo a equação de estado de van der Waals
pV = nRT/(V-nb) - an2/V2
,com energia interna
U = 3nRT/2 - an2/V
,onde a e b são constante positivas, expande-se adiabaticamente no vácuo desde o volume inicial

Vi até

o volume final Vf =∞. O número de moles n é constante. (a) Qual o trabalho realizado pelo gás? (b) Qual a
variação na energia interna do gás? (c) Qual a variação na temperatura do gás?
7. Um mol de um gás ideal monoatômico expande-se adiabaticamente sob a ação de uma pressão externa
constante pext. A variação na temperatura do gás é ∆T. Calcule a o trabalho realizado pelo gás e a sua
variação de volume.

de uma substância é dada por cv = A + BT. A equação de estado de um certo gás é da forma: pV/nRT = 1 + nB(T)/V.CT-2.nb) em uma série de potência de nb/V e compare a equação de estado resultante com aquela do exercício anterior. Calcule a variação da energia interna do sistema. Calcule a variação da energia interna do sistema. Compare o resultado com o trabalho realizado pelo gás ideal sob mesmas condições. A energia total do sistema é igual a U(1) + U(2) = 30 kJ. Encontre os valores finais da temperatura energia interna para cada sistema. Os sistemas são colocados em contato um com o outro através de uma fina parede diatérmica. Um gás ideal monoatômico expande-se através de um processo adiabático reversível. Calcule a variação na energia interna da substância no processo isocórico de aquecimento desde uma temperatura inicial Ti até uma temperatura final Tf . 15. n) = 3nRT/2 e U(2)(T. A quantidade de gás nos sistemas é igual a n(1) = 2 mol e n(2) = 3 mol . 9. Permitimos que ∆n moles do gás saia do recipiente. V. por: U(1)(T. cv. Calcule a variação na energia interna da substância no processo isocórico de aquecimento desde uma temperatura inicial Ti até uma temperatura final Tf . 13. Como as constante a e b afetam a pressão e o trabalho? Estas constante aumentam ou diminuem as quantidades comparadas com o caso do gás ideal? Expanda 1/(V . Calcule o trabalho realizado pelo gás durante um processo reversível isotérmico de expansão. Permitimos que ∆n moles do gás saia do recipiente. Calcule o trabalho realizado pelo gás e a variação no seu volume. respectivamente. onde a função B(T) é positiva em altas temperaturas e negativa em baixas temperaturas. durante um processo reversível isotérmico de expansão do gás. de uma substância é dada por cv = A + BT . B e C são constantes. 14. V.an2/V2. onde A. A capacidade térmica molar a volume constante. n) = 5nRT/2 . Calcule o trabalho realizado por um gás que satisfaz a equação de estado de van der Waals. cv. Um recipiente contém um gás ideal monoatômico a pressão constante p e temperatura constante T. A temperatura final do gás é Tf = Ti/4. A capacidade térmica molar a volume constante. Um recipiente de volume constante contém um gás ideal monoatômico a temperatura constante T. onde A e B são constantes.8. Dois sistemas isolados: (1) e (2) contêm dois gases ideais diferentes cujas energias internas são dadas. cuja expressão matemática é: p = nRT/(V-nb) . . e compare o resultado com o trabalho realizado pelo gás ideal na mesma temperatura. 12. A temperatura inicial do gás é Ti e o número de moles é n. 11. o trabalho realizado e o calor fornecido. respectivamente. 10.

Um sistema termodinâmico é levado de um estado inicial A para um estado B e depois.para o sinal de cada quantidade termodinâmica associada a cada processo.16.2 MPa (mega pascal) e V = 0. via o estado C.5PV + constante. (a) Complete a tabela ao lado (abaixo do gráfico). B➝C e C➝A) como mostrado na figura. O sistema é levado através de um ciclo por meio de três processos (A➝B. Este estado é representado pelo ponto A da figura ao lado. O sistema está inicialmente num estado com pressão P=0. (b)Calcule o valor numérico do trabalho realizado sobre o sistema durante o ciclo completo ABCA. 17. Calcule Q e W para cada um dos três processos. colocando + ou . com a energia interna dada pela experessão matemática U=2. .01 m3. de volta para o estado A. Considere um sistema termodinâmico gasoso particular. conforme indicado pelo caminho ABCBA no gráfico PV da figura ao lado.