You are on page 1of 6
LEGISLAÇÃO DO ICMS ICMS – competência dos Estados e do DF (CF, art. 155, II) AUDITOR

LEGISLAÇÃO DO ICMS ICMS competência dos Estados e do DF (CF, art. 155, II)

AUDITOR FISCAL DE TRIBUTOS Impostos Estaduais - Aula 01 Alan Martins

Outras espécies normativas relevantes no cam- po do ICMS

 

Resoluções do Senado Federal

Art. 155. Compete aos Estados e ao Distrito Federal

Legislação no âmbito do CONFAZ

instituir impostos sobre:

  • - Convênios ICMS

  • - Protocolos ICMS

... II - operações relativas à circulação de mercadorias

  • - Atos COTEPE

e sobre prestações de serviços de transporte inte-

  • - Ajustes SINIEF

restadual e intermunicipal e de comunicação, ainda que as operações e as prestações se iniciem no exterior.

Resoluções do Senado Federal e o ICMS

Subsistema jurídico tributário do ICMS

LEGISLAÇÃO DO ICMS ICMS – competência dos Estados e do DF (CF, art. 155, II) AUDITOR

Lei complementar nacional em matéria de ICMS (CF, art. 155, § 2º, XII)

Art.

...

§ 2.º O imposto previsto no inciso II atenderá ao

seguinte:

... XII - cabe à lei complementar:

  • a) definir seus contribuintes;

  • b) dispor sobre substituição tributária;

  • c) disciplinar o regime de compensação do imposto;

  • d) fixar, para efeito de sua cobrança e definição do

estabelecimento responsável, o local das operações relativas à circulação de mercadorias e das presta- ções de serviços;

  • e) excluir da incidência do imposto, nas exportações

para o exterior, serviços e outros produtos além dos mencionados no inciso X, "a"

  • f) prever casos de manutenção de crédito, relativa-

mente à remessa para outro Estado e exportação para o exterior, de serviços e de mercadorias;

  • g) regular a forma como, mediante deliberação dos

Estados e do Distrito Federal, isenções, incentivos e benefícios fiscais serão concedidos e revogados.

  • h) definir os combustíveis e lubrificantes sobre os

quais o imposto incidirá uma única vez, qualquer que seja a sua finalidade, hipótese em que não se aplicará o disposto no inciso X, b;

  • i) fixar a base de cálculo, de modo que o montante

do imposto a integre, também na importação do

exterior de bem, mercadoria ou serviço.

LEGISLAÇÃO DO ICMS ICMS – competência dos Estados e do DF (CF, art. 155, II) AUDITOR

Legislação no âmbito do CONFAZ

Convênios: celebrados entre Estados e Distrito Federal no âmbito do CONFAZ para a concessão e revogação de isenções, incentivos e benefícios fis- cais (CF, art. 155, § 2º, XII, “g” c/c Lei complementar

24/75).

Protocolos: celebrados entre dois ou mais entes federativos, são normas de importância capital em matéria de substituição tributária nas operações interestaduais; Atos COTEPE: expedidos pela Comissão Técni- ca Permanente, por delegação do CONFAZ, com objetivo de uniformização de normas técnicas relati- vas ao ICMS; Ajustes SINIEF: regem o Sistema Nacional de Informações Econômico-Fiscais, incluindo Guia de Informação e Apuração do Imposto GIA, docu- mentos fiscais e escrituração fiscal, Nota Fiscal Eletrônica - NFe, Escrituração Fiscal Digital EFD.

INCIDÊNCIA E FATO GERADOR DO ICMS

ICMS LC 87/96, art. 1º Art. 1º Compete aos Estados e ao Distrito Federal instituir o imposto sobre operações relativas à circu- lação de mercadorias e sobre prestações de servi- ços de transporte interestadual e intermunicipal e de comunicação, ainda que as operações e as presta- ções se iniciem no exterior. Fundamento: CF, art. 155, II

Incidência do ICMS art. 1º

LEGISLAÇÃO DO ICMS ICMS – competência dos Estados e do DF (CF, art. 155, II) AUDITOR
AUDITOR FISCAL DE TRIBUTOS Impostos Estaduais - Aula 01 Alan Martins Visão estática da obrigação tributária

AUDITOR FISCAL DE TRIBUTOS Impostos Estaduais - Aula 01 Alan Martins

AUDITOR FISCAL DE TRIBUTOS Impostos Estaduais - Aula 01 Alan Martins Visão estática da obrigação tributária

Visão estática da obrigação tributária

AUDITOR FISCAL DE TRIBUTOS Impostos Estaduais - Aula 01 Alan Martins Visão estática da obrigação tributária

Visão dinâmica da Obrigação Principal

Incidência tributária (

)
)
AUDITOR FISCAL DE TRIBUTOS Impostos Estaduais - Aula 01 Alan Martins Visão estática da obrigação tributária

Estudo correlacionado da Incidência e do Mo- mento do Fato Gerador do ICMS

HIPÓTESES DE INCIDÊNCIA + MOMENTO DO FATO GERADOR

Art. 1°. O imposto

incide sobre:

... Art. 12 Ocorre o fato gerador:

AUDITOR FISCAL DE TRIBUTOS Impostos Estaduais - Aula 01 Alan Martins Visão estática da obrigação tributária

Hotéis - item 9.01 da Lista Anexa à LC 116/2003

Hospedagem de qualquer natureza em ho- téis, apart-service condominiais, flat, apart-hotéis, hotéis residência, residence-service, suite service, hotelaria marítima, motéis, pensões e congêneres; ocupação por temporada com fornecimento de ser- viço (o valor da alimentação e gorjeta, quando inclu- ído no preço da diária, fica sujeito ao Imposto Sobre Serviços).

E se valor não estiver incluso na diária?

# Incide ICMS

  • 1. (FCC/AFR/2006) As Fazendas Reunidas M. A.

da Silva adquirem terreno com árvores em pé, carregadas de frutos, com a intenção de vender os frutos e a madeira dessas árvores. Incide o

ICMS no momento

  • A) em que o adquirente do terreno contrata com

terceiro a venda dos frutos e da madeira.

  • B) em que ocorre a saída dos frutos e da madeira

do estabelecimento.

  • C) do registro no cartório de imóveis do contrato de

compra e venda do terreno.

  • D) em que as Fazendas Reunidas M. A. da Silva

tomam posse do terreno.

  • E) da colheita dos frutos e/ou da derrubada das

árvores.

Incidência do ICMS art. 2º I - operação relativa à circulação de mercadorias, inclusive o fornecimento de alimentação, bebidas e outras mercadorias em qualquer estabelecimento.

Momento do FG (art. 12, I):

AUDITOR FISCAL DE TRIBUTOS Impostos Estaduais - Aula 01 Alan Martins Visão estática da obrigação tributária
  • 2. (AFR/2013 P2) O Hotel Qbela Praia, localiza-

do no litoral do Estado de São Paulo, possui um restaurante na cobertura, com vista panorâmica, onde são servidos o café da manhã, o almoço e o jantar, e também possui serviço de quarto 24 horas, que serve refeições e bebidas com car- dápio e preços diferenciados, e frigobar nos apartamentos de luxo. Considerando estas in- formações, NÃO há incidência de ICMS:

  • A) no jantar, servido no restaurante, desde que o

hóspede tenha optado pela tarifa de hospedagem

que incluía o valor da refeição.

  • B) no café da manhã, servido no quarto, desde que

Incidência do ICMS art. 2º I - operação relativa à circulação de mercadorias, inclusive o fornecimento de alimentação, bebidas e outras mercadorias em qualquer estabelecimento.

o pagamento seja realizado no dia de saída do ho-

tel, no momento do fechamento da conta.

  • C) no almoço, servido no restaurante, desde que o

cliente opte pelo buffet de preço fixo e o pagamento

Momento do FG (art. 12, II):

AUDITOR FISCAL DE TRIBUTOS Impostos Estaduais - Aula 01 Alan Martins Visão estática da obrigação tributária
AUDITOR FISCAL DE TRIBUTOS Impostos Estaduais - Aula 01 Alan Martins seja realizado no dia da

AUDITOR FISCAL DE TRIBUTOS Impostos Estaduais - Aula 01 Alan Martins

seja realizado no dia da saída do hotel.

  • D) no almoço, servido no restaurante, desde que os

insumos utilizados estejam sujeitos à isenção do

ICMS e as bebidas estejam no regime de substitui- ção tributária.

  • E) no café da manhã, servido no restaurante, desde

que o cliente opte pelo buffet de preço fixo e as

bebidas estejam sujeitas à substituição tributária.

3. (FCC/AFR/2006) A pizzaria O2B, que ainda não está inscrita no Cadastro de Contribuintes do ICMS, não tem salão para receber clientes em seu estabelecimento. As pizzas são preparadas e vendidas no balcão, para serem consumidas fora do estabelecimento ou entregues no domi- cílio da clientela, no próprio bairro da pizzaria, mediante uma taxa de entrega. Essa pizzaria :

  • A) é contribuinte do imposto Municipal sobre Servi-

ços, e não do ICMS.

  • B) é contribuinte tanto do ISSQN quanto do ICMS,

por prestar serviço de transporte.

  • C) será contribuinte do ICMS a partir da inscrição no

Cadastro Estadual de Contribuintes do ICMS.

  • D) é contribuinte do ICMS, porque fornece refei-

ções.

  • E) é contribuinte do ICMS, porque efetua saídas de

mercadorias de seu estabelecimento.

Momento do FG (art. 12, III)

na transmissão de propriedade de mercadoria depositada em armazém geral ou depósito fechado.

AUDITOR FISCAL DE TRIBUTOS Impostos Estaduais - Aula 01 Alan Martins seja realizado no dia da

Momento do FG (art. 12, IV)

na transmissão de propriedade de mercadoria ou

de título que a represente, quando esta não transitar pelo estabelecimento do transmitente

AUDITOR FISCAL DE TRIBUTOS Impostos Estaduais - Aula 01 Alan Martins seja realizado no dia da
AUDITOR FISCAL DE TRIBUTOS Impostos Estaduais - Aula 01 Alan Martins seja realizado no dia da

Momento (art. 2º, VI) VI ato final do transporte iniciado no exterior

AUDITOR FISCAL DE TRIBUTOS Impostos Estaduais - Aula 01 Alan Martins seja realizado no dia da

Incidência do ICMS art. 2º III - prestação onerosa de serviços de comunica- ção, por qualquer meio, inclusive a geração, a emis- são, a recepção, a transmissão, a retransmissão, a repetição e a ampliação de comunicação de qual- quer natureza.

Momento (art. 12, VII):

- prestação do serviço. - fornecimento de ficha, cartão, selo postal ou as- semelhados (art. 2º, § 1º).

AUDITOR FISCAL DE TRIBUTOS Impostos Estaduais - Aula 01 Alan Martins seja realizado no dia da
AUDITOR FISCAL DE TRIBUTOS Impostos Estaduais - Aula 01 Alan Martins seja realizado no dia da

Incidência do ICMS art. 2º IV, a - fornecimento de mercadorias com prestação de serviços não compreendidos na competência tributária dos Municípios.

Momento (art. 2º, VIII, “a”):

AUDITOR FISCAL DE TRIBUTOS Impostos Estaduais - Aula 01 Alan Martins seja realizado no dia da

Incidência do ICMS art. 1º II - prestação de serviços de transporte interestadual e intermunicipal, por qualquer via.

Momento (art. 12, V)

Exemplo: fornecimento de um aparelho de TV com prestação de serviço de instalação. Atenção: A instalação de aparelhos está na Lista do ISS apenas quando prestados ao usuário final, exclusivamente com material por ele fornecido (item

14.06).

AUDITOR FISCAL DE TRIBUTOS Impostos Estaduais - Aula 01 Alan Martins seja realizado no dia da
Incidência do ICMS – art. 12 VIII, b - fornecimento de mercadoria com prestação de serviço

Incidência do ICMS art. 12 VIII, b - fornecimento de mercadoria com prestação

de serviço sujeito ao Imposto sobre Serviços, de competência dos Municípios, quando a lei comple- mentar aplicável à matéria expressamente o sujeitar à incidência do imposto estadual.

Momento (art. 2º, III, “b”):

Incidência do ICMS – art. 12 VIII, b - fornecimento de mercadoria com prestação de serviço

Serviços da Lista c/ ICMS nas mercadorias

  • 7.02 Execução, por administração, empreitada ou

subempreitada, de obras de construção civil, hidráu- lica ou elétrica e de outras obras semelhantes, in- clusive sondagem, perfuração de poços, escavação, drenagem e irrigação, terraplanagem, pavimenta- ção, concretagem e a instalação e montagem de produtos, peças e equipamentos (exceto o forne- cimento de mercadorias produzidas pelo presta- dor de serviços fora do local da prestação dos serviços, que fica sujeito ao ICMS).

  • 7.05 Reparação, conservação e reforma de edifí-

cios, estradas, pontes, portos e congêneres (exceto o fornecimento de mercadorias produzidas pelo prestador de serviços fora do local da prestação dos serviços, que fica sujeito ao ICMS).

  • 14.01 Lubrificação, limpeza, lustração, revisão,

carga e recarga, conserto, restauração, blindagem, manutenção e conservação de máquinas, veículos, aparelhos, equipamentos, motores, elevadores ou de qualquer objeto (exceto peças e partes empre- gadas, que ficam sujeitas ao ICMS).

  • 14.03 Recondicionamento de motores (exceto

peças e partes empregadas, que ficam sujeitas ao ICMS).

  • 17.11 Organização de festas e recepções; bufê

(exceto o fornecimento de alimentação e bebi-

das, que fica sujeito ao ICMS).

AUDITOR FISCAL DE TRIBUTOS Impostos Estaduais - Aula 01 Alan Martins

C) na prestação de serviços não-compreendidos na competência tributária dos municípios. D) no fornecimento de mercadoria com prestação de serviços compreendidos na competência tributá- ria dos municípios, mas que, por indicação expressa da Lei no 6.374/89, que dispõe sobre a instituição do ICMS no Estado de São Paulo, sujeitem-se à incidência do imposto de competência estadual.

Incidência do ICMS art. 2º, § 1º, I

O imposto incide também

sobre a entrada de

... mercadoria ou bem importados do exterior, por pes- soa física ou jurídica, ainda que não seja contribuin-

te habitual do imposto, qualquer que seja a sua finalidade.

Momento do Fato Gerador (art. 12, IX) IX - do desembaraço aduaneiro de mercadorias ou bens importados do exterior

ICMS Importação

Incidência do ICMS – art. 12 VIII, b - fornecimento de mercadoria com prestação de serviço

STF Súmula nº 660 - 24/09/2003 - DJ de 9/10/2003, p. 3; DJ de 10/10/2003, p. 3; DJ de 13/10/2003, p. 3. Republicação: DJ de 5/8/2004, p. 1; DJ de 6/8/2004, p. 1; DJ de 9/8/2004, p. 1. Republicação: DJ de 28/3/2006, p. 1; DJ de 29/3/2006, p. 1; DJ de 30/3/2006, p. 1. Não incide ICMS na importação de bens por pessoa física ou jurídica que não seja contribu- inte do imposto. Atenção: baseada em jurisprudência anterior à EC

33/2001.

Jurisprudência do STF posterior à EC 33/2001 e Lei complementar 114/2002

4.

(FCC/AFR/2006)

Ocorre

o

fato

gerador do

ICMS incide na importação de bens por pessoas jurídicas não contribuintes RE 474267 e 439796.

ICMS,

Mesmo entendimento aplica-se à importação de bens por pessoas jurídicas.

  • A) no fornecimento de mercadoria com prestação de

serviços compreendidos na competência tributária dos municípios, mas que, por indicação de lei com- plementar, sujeitem-se à incidência do imposto de competência estadual.

  • B) na prestação de serviços compreendida na com-

petência tributária dos municípios, se houver forne-

cimento de mercadoria.

Incidência do ICMS – art. 12 VIII, b - fornecimento de mercadoria com prestação de serviço
Incidência do ICMS – art. 12 VIII, b - fornecimento de mercadoria com prestação de serviço
AUDITOR FISCAL DE TRIBUTOS Impostos Estaduais - Aula 01 Alan Martins LC 87/96, art. 12, §www.professoralanmartins.com.br Facebook: Alan Martins II Grupo de Estudos: Concursos – Carreiras Fiscais https://www.facebook.com/groups/ConcursosCa rreirasFiscais/ Editora Juspodivm – Carreiras Fiscais - http://www.editorajuspodivm.com.br/categorias/ carreiras-fiscais/55 www.cers.com.br 5 " id="pdf-obj-4-2" src="pdf-obj-4-2.jpg">

AUDITOR FISCAL DE TRIBUTOS Impostos Estaduais - Aula 01 Alan Martins

LC 87/96, art. 12, § 2º: Na hipótese do inciso IX, após o desembaraço aduaneiro, a entrega, pelo depositário, de mercadoria ou bem importados do exterior deverá ser autorizada pelo órgão responsá- vel pelo seu desembaraço, que somente se fará mediante a exibição do comprovante de pagamento do imposto incidente no ato do despacho aduaneiro, salvo disposição em contrário.

LC 87/96, art. 12, § 3º: Na hipótese de entrega de mercadoria ou bem importados do exterior antes do desembaraço aduaneiro, considera-se ocorrido o fato gerador neste momento, devendo a autoridade responsável, salvo disposição em contrário, exigir a comprovação do pagamento do imposto. Atenção: redação do dispositivo tem permitido di- versidade de regulamentações. A qual momento se refere o legislador com a expressão “neste momen- to”?

Incidência do ICMS art. 2º, § 1º, II:

o serviço prestado no exterior ou cuja prestação se tenha iniciado no exterior. Momento do Fato Gerador (art. 12, X) XII - no recebimento, pelo destinatário, de serviço prestado ou iniciado no exterior

Incidência do ICMS art. 2º, § 1º, III:

sobre a entrada, no território do Estado destinatário, de petróleo, inclusive lubrificantes e combustíveis líquidos e gasosos dele derivados, e de energia elétrica, quando não destinados à comercialização ou à industrialização, decorrentes de operações interestaduais, cabendo o imposto ao Estado onde estiver localizado o adquirente.

AUDITOR FISCAL DE TRIBUTOS Impostos Estaduais - Aula 01 Alan Martins LC 87/96, art. 12, §www.professoralanmartins.com.br Facebook: Alan Martins II Grupo de Estudos: Concursos – Carreiras Fiscais https://www.facebook.com/groups/ConcursosCa rreirasFiscais/ Editora Juspodivm – Carreiras Fiscais - http://www.editorajuspodivm.com.br/categorias/ carreiras-fiscais/55 www.cers.com.br 5 " id="pdf-obj-4-29" src="pdf-obj-4-29.jpg">

Incidência nas entradas, quando não destinado à industrialização ou comercialização.

AUDITOR FISCAL DE TRIBUTOS Impostos Estaduais - Aula 01 Alan Martins LC 87/96, art. 12, §www.professoralanmartins.com.br Facebook: Alan Martins II Grupo de Estudos: Concursos – Carreiras Fiscais https://www.facebook.com/groups/ConcursosCa rreirasFiscais/ Editora Juspodivm – Carreiras Fiscais - http://www.editorajuspodivm.com.br/categorias/ carreiras-fiscais/55 www.cers.com.br 5 " id="pdf-obj-4-33" src="pdf-obj-4-33.jpg">

E quando não destinados à industrialização ou comercialização?

AUDITOR FISCAL DE TRIBUTOS Impostos Estaduais - Aula 01 Alan Martins LC 87/96, art. 12, §www.professoralanmartins.com.br Facebook: Alan Martins II Grupo de Estudos: Concursos – Carreiras Fiscais https://www.facebook.com/groups/ConcursosCa rreirasFiscais/ Editora Juspodivm – Carreiras Fiscais - http://www.editorajuspodivm.com.br/categorias/ carreiras-fiscais/55 www.cers.com.br 5 " id="pdf-obj-4-37" src="pdf-obj-4-37.jpg">

Momento da incidência do ICMS art. 12, XI XI - da aquisição em licitação pública de mercadori- as ou bens importados do exterior e apreendidos ou abandonados.

CERS: Sua Mensagem Alan Martins Site: www.professoralanmartins.com.br Facebook: Alan Martins II

Grupo de Estudos: Concursos Carreiras Fiscais https://www.facebook.com/groups/ConcursosCa rreirasFiscais/ Editora Juspodivm Carreiras Fiscais - http://www.editorajuspodivm.com.br/categorias/

AUDITOR FISCAL DE TRIBUTOS Impostos Estaduais - Aula 01 Alan Martins LC 87/96, art. 12, §www.professoralanmartins.com.br Facebook: Alan Martins II Grupo de Estudos: Concursos – Carreiras Fiscais https://www.facebook.com/groups/ConcursosCa rreirasFiscais/ Editora Juspodivm – Carreiras Fiscais - http://www.editorajuspodivm.com.br/categorias/ carreiras-fiscais/55 www.cers.com.br 5 " id="pdf-obj-4-62" src="pdf-obj-4-62.jpg">
GABARITO: 1) B 2) A 3) E 4) A AUDITOR FISCAL DE TRIBUTOS Impostos Estaduais -

GABARITO:

1)

B

2)

A

3)

E

4)

A

AUDITOR FISCAL DE TRIBUTOS Impostos Estaduais - Aula 01 Alan Martins

GABARITO: 1) B 2) A 3) E 4) A AUDITOR FISCAL DE TRIBUTOS Impostos Estaduais -