You are on page 1of 3

VIAJANDO PELO SISTEMA SOLAR - SOL

Page 1 of 3

copernico03.jpg - 11534 Bytes

HOME

BANCO DE QUESTÕES

CENTROS DE PESQUISA

HISTÓRIA DA CIÊNCIA

MUSEUS DE CIÊNCIA

PÁGINA DA FÍSICA

PROJETOS EM CIÊNCIAS

SALA DE LEITURA

OLIMPÍADAS

SISTEMA SOLAR

INFANTIL

BÁSICO

AVANÇADO

SOL
ÍNDICE
MITOLOGIA O NÚCLEO A CROMOSFERA O SOL COMO LABORATÓRIO FÍSICO O SOL E A VIDA NA TERRA REGIÃO DE RADIAÇÃO E CONVECÇÃO A COROA SOLAR A ESTRUTURA SOLAR A FOTOSFERA O VENTO SOLAR

Mitologia
Helios na mitologia grega era um jovem que personificava o nosso astro sol. Cada manhã ele subia do oceano para o céu em sua carruagem puxada por seus quatro cavalos ( Pyrois, Eos, Aethon e Phlegon), descendo somente à noite. Fazia seu percurso sempre de leste para oeste. Helios era o deus que tudo vê e tudo sabe. A reverência ao sol como um deus veio da Ásia para a Grécia. Helios foi adorado em vários lugares do Peloponeso, mas especialmente em Rodes onde a cada ano eram realizados os jogos em sua honra. Em Rodes também havia a famosa estátua conhecida como Colosso de Rodes. Esta estátua enorme, media 32 metros de altura e foi construída em 302 a 290 aC. No terremoto de 224-223 aC a estátua rompeu os joelhos e caiu ao mar. O Sol é a personificação romana do astro sol, completamente idêntico ao deus grego Helios. A foto ao lado tirada de um bloco de pedra, que vem de um período na história egípcia, em que o sol foi considerado a única divindade. O Faraó egípcio Akhenatom, aboliu todos os deuses do Egito, criando o culto a um único deus, o Sol. Se olharmos em outras culturas até mais recentes como os astecas e os nossos índios, veremos sempre presente este temor e reverência ao Sol.

Símbolo

O Sol e a vida na Terra

http://www.ciencia-cultura.com/Astronomia/sol.html

1/7/2010

VIAJANDO PELO SISTEMA SOLAR - SOL

Page 2 of 3

Retornando ao início da sua existência, o Sol era muito mais escuro do que é hoje, e nesta época a Terra ainda estava congelada. A quantidade e a qualidade da luz vinda do Sol desde esta época, tem variado ao longo do tempo. Ainda hoje estas variações nos afetam de várias maneiras, em particular no nosso clima. Isto independentemente da destruição que o homem tem provocado ao longo dos séculos, na superfície do nosso planeta. Parte da energia vinda do Sol é a responsável pelo aquecimento de toda a nossa atmosfera, criando uma série de fenômenos que fazem parte do nosso dia a dia. O movimento das corrente marítimas nos oceanos, o ciclo das águas, do ar, etc. O aquecimento do ar provoa o movimento de grandes massa de ar, gerando desde uma brisa até furacões. As correntes marítimas, onde grandes quantidades de água fria ou quente dos oceanos, se deslocam por grandes regiões do nosso planeta. Estes e muitos outros fenômenos não seriam possíveis sem esta estrela. A repetição das estações do ano, as fases da Lua, o dia e a noite, são algumas das inúmeras consequências notadas pelo homem durante o transcorrer dos séculos, como um sinal da influência do Sol no nosso planeta. Esta periodicidade na repetição dos fenômenos fez surgir o calendário e o relógio de Sol, como formas de orientar as atividades do ser humano. A organização da agricultura, seguindo o ritmo das estações do ano deu surgimento ao que os historiadores chamam de revolução agrícola, ainda nos primordios da nossa civilização. Hoje temos um melhor conhecimento dos efeitos que o Sol tem sobre o planeta, sabemos como a luz e o calor que chega até os seres vivos, permite o crescimento e desenvolvimento dos animais e plantas. Esta ligação direta com a natureza e a sua total dependência, gerou toda uma cultura baseada na astronomia, no movimento dos astros e na sua contínua observação, na expectativa do que o céu poderia nos dizer. Nestes fatos, reside todo o significado que ao longo do tempo foi dado ao Sol, as estrelas, cometas, sendo tratados como divindades !

A estrutura solar
O Sol tem um papel muito importante para nos 5 BILHÕES DE ajudar a entender o resto do universo. É a estrela Idade ANOS que está próxima de nós, se conseguirmos estudá- Distância: Sol150 MILHÕES DE la, ela poderá nos revelar detalhes sobre como são Terra km as outras estrelas que povoam a nossa galáxia e Raio 695.000 km muitas outras. O Sol é por assim dizer, a chave Massa 1,99 . 1030 kg para entendermos as outras estrelas. Hidrogênio - 71% Por ser um corpo gasoso, o Sol gira muito Composição Hélio - 26,5% rapidamente no equador, completando uma Outros 2,5% rotação a cada 26,7 dias e nos polos este tempo é de 35 dias. Você verá que também nos planetas gasosos gigantes do sistema solar, (Júpiter, Saturno e Netuno) a rotação é muito rápida. Nós hoje estimamos a idade do Sol, o seu diâmetro, a massa e a sua luminosidade. Também conseguimos

http://www.ciencia-cultura.com/Astronomia/sol.html

1/7/2010

VIAJANDO PELO SISTEMA SOLAR - SOL

Page 3 of 3

informações detalhadas sobre o seu interior e a sua atmosfera. Estas informações são importantes para a compreensão de outras estrelas e de como elas evoluem. Podem ser examinados muitos processos físicos com detalhes que ocorrem no Sol e em outros locais do universo. A astronomia solar nos ensina muito sobre as estrelas, os sistemas planetários, galáxias, e o próprio universo. O interior do Sol foi dividido em quatro regiões: núcleo, região de radiação, camada de interface e região de convecção. Esta divisão foi feita em função dos diferentes tipos de processos que ocorrem em cada um deles. No núcleo é gerada a energia. Esta energia se espalha através da radiação, principalmente raios gama e raios x pela região de radiação. Na região de convecção a energia se propaga através da convecção dos fluidos aquecidos até atingir a parte externa do Sol. A quarta região é uma pequena camada de interface entre a região de radiação e a região de convecção, acredita-se que é este o local onde é gerado o campo magnético do Sol .

Continuando a nossa viagem.....

http://www.ciencia-cultura.com/Astronomia/sol.html

1/7/2010