You are on page 1of 6

DIREITO CIVIL IV

PLANO DE ENSINO

A disciplina Direito Civil IV abrange os direitos reais, ou seja, as vinculações
jurídicas estabelecidas entre uma pessoa, física ou jurídica, e um bem de
expressão patrimonial, corpóreo ou incorpóreo. A denominação decorre da
expressão "res" (coisa, em latim). É estudada a posse e toda a proteção
jurídica construída para zelar e regulamentar o importante fato em que um
sujeito se vale de um objeto para dele suprir necessidades da vida. Destaca-se
também neste período letivo o estudo da propriedade privada, a qual está
presente na vida de alguns brasileiros e nos sonhos de todos. Neste diapasão,
a disciplina tem forte enfoque social, haja vista as finalidades democráticas
estabelecidas para a propriedade, principalmente com o advento da Carta
Magna vigente. Não mais se admite o abuso dos proprietários, a utilização da
coisa sem comprometimento com o impacto social causado, bem como a
submissão dos interesses particulares aos da coletividade. Com efeito,
analisam-se as características e limitações do direito real para que não se firam
direitos alheios, bem como o surgimento de novos institutos com o advento do
novo Código Civil. Por fim, transita-se pelos diversos vínculos reais em que se
pode exercer poder sobre coisa alheia, tanto para fins de uso e gozo quanto
para fins de garantir o pagamento de uma dívida.

Ementa

Conceito, classificação e características de Direito das Coisas. Obrigações.
Posse. Propriedade. Usucapião. Registro de imóveis. Direitos de vizinhança.
Condomínio e suas espécies.

Objetivos gerais

Elencar os direitos reais, analisando os princípios gerais, suas características,
fonte, classificação e os sistemas a eles concernentes.

Definir e compreender o fenômeno da posse, suas teorias, natureza jurídica,
classificações e efeitos.

Identificar cada um dos direitos reais, examinado conceito, principais
características, efeitos e modos de extinção.

Objetivos específicos

Conteúdos Unidade 1 . Classificação 1.7.5.  Diferenciar a natureza do direito de vizinhança e da servidão predial.DIREITO DAS COISAS 1. o legal e o condomínio edilício. especialmente o registro de título.  Conceituar os direitos reais e localizá-los no Código Civil e leis extravagantes.  Reconhecer as divergências entre os direitos reais e obrigações propter rem.1.  Conceituar a propriedade antes e após a constitucionalização do direito privado. sub-rogação real e ônus real.  Identificar as diversas características da posse de acordo com diferentes critérios jurídicos. Conceito 1. Objeto do direito das coisas 1.  Identificar as espécies de promessa de compra e venda a fim de analisar qual confere direito de aquisição.  Identificar os fundamentos que inspiram o direito de vizinhança.  Analisar os diferentes modos de aquisição da propriedade.  Compreender os principais efeitos da posse.  Diferenciar posse de propriedade e detenção.  Identificar e debater o momento da aquisição da posse. Características 1.4. a classificação daí decorrente e os modos de tradição.  Diferenciar as diversas formas de condomínio: o voluntário. a usucapião e as acessões imobiliárias. Obrigação propter rem . em que se inclui os modos de proteção em eventuais violações.6.  Conceituar o fenômeno fático que implica na posse através das teorias clássicas. Sujeitos 1. Diferença entre direitos reais e obrigacionais 1. o necessário.  Apontar o direito real decorrente da promessa de compra e venda e compreender a sua natureza jurídica.2.  Compreender a controvérsia sobre a legitimidade para pagar as obrigações propter rem. obrigação com eficácia real.  Diferenciar obrigações e direitos reais.3.

3. Espécies 4. Efeitos da posse 2.4. conceito e características 3.4 Acessão de posses 2. Aquisição 2.5.1 Conceito e natureza jurídico 3.2.2 Espécies de aquisição 2. Alegação em defesa e seus efeitos 3. Conceito e natureza 3.1 Teoria subjetivista 2. Conflito normativo Unidade 4 .3. Distinção entre posse.1 Momento de início da posse 2.7 Propriedade superficiária 3.DIREITO DE VIZINHANÇA 4. Características e principais efeitos 3. Propriedade em geral 3.3.2. Modos de aquisição da propriedade imobiliária 3.7. conceito e características 2. Espécies e respectivos prazos 3.8 Extinção Unidade 3 .3.5. Evolução histórica.6. Usucapião 3. Restrições legais de interesse particular e público 3.2 Acessões imobiliárias 3.3.7. Diferenças dos direitos de vizinhança e servidões prediais 4.3. princípios e natureza jurídica 4. Direito intertemporal 3.4.3. Composse 2.4.1. Classificação da posse e suas características 2. Limitações ao direito de construir . Requisitos gerais e específicos 3.2.7.1 Registro de título 3.3.3.1 Espécies 3.4.1.4.Unidade 2 – POSSE 2.4.PROPRIEDADE EM GERAL 3.4.4.4.1.3.4.5.7.controvérsias 2.4.5.7.2.7. Evolução histórica.3.5.7. Natureza jurídica .7.6 Modos de perda da propriedade 3. propriedade e detenção 2.2.4. Conceito.2 Distinção entre descoberta e ocupação 3.3 Meios de tradição da posse 2.2.1.1.4. Teoria Objetivista 2. Constituição e extinção 3. Modos de aquisição da propriedade mobiliária 3.7.

1. Constituição 7.4.5.1. Requisitos 7.3.3.2. ano:2014.1.1. Direito real do promitente comprador do imóvel 6.7.1.1.4.2. Necessidade do registro do título Unidade 7 .4. Servidão predial 6. Correlação com o direito real de uso 6. Indicação do material didático Flávio Tartuce. Principais características 6. Conceito. Condomínio edilício e o Novo Código Civil Unidade 6 .4. Usufruto 6.2.5.1.1.DIREITOS REAIS DE GARANTIA 7.DIREITOS REAIS SOBRE COISA ALHEIA (DE GOZO OU FRUIÇÃO) 6. edição: 6. Conceito 6.  Capítulo: Da Posse. Características 7. Efeitos 6.3.2.1.1.6. Extinção 6.3.Unidade 5 .2. princípios e natureza jurídica 5. Constituição 6. Principais diferenças entre a alienação fiduciária. Correlação com o direito real de habitação 6. Direito Civil.Constituição 6.3. Classificação e características 5.2. nº de páginas: 83 . Direitos e deveres dos condôminos 5.3.2. penhor.2.3.3.2. Extinção 6. Constituição 6.4.5.2. Conceito 6. Espécies 6.2.2. editora: Forense.1.3. Espécies 6. nº de páginas: 73  Capítulo: Dos Direitos Reais de Gozo ou Fruição. Conceito e natureza jurídica 7.2. Principais características 6.3.CONDOMÍNIO 5. Conceito 6. hipoteca e anticrese.

As AV2 e AV3 abrangerão todo o conteúdo da disciplina. calculado a partir da média aritmética entre os graus das avaliações. contendo questões objetivas e discursivas. não podendo ultrapassar o grau máximo de 10 (dez). Frequentar. AV2 e AV3). Para aprovação na disciplina o aluno deverá: 1. A média aritmética obtida será o grau final do aluno na disciplina.0 (dois) pontos na AV1. sendo permitido atribuir valor decimal às avaliações.Total de páginas do material didático: 156 Mapa conceitual Procedimentos de avaliação No Curso de Direito. valendo. A AV1 contemplará o conteúdo da disciplina até a sua realização. duas das três avaliações. no mínimo. acrescentando citações doutrinárias e jurisprudenciais. . no ambiente webaula. 2. sendo consideradas apenas as duas maiores notas obtidas dentre as três etapas de avaliação (AV1. AV2 e AV3.0 em. antes de cada aula o estudante deverá solucionar os casos concretos que se encontram na webaula da disciplina e postar suas respostas no ambiente on line. sendo. 3. O conjunto dos trabalhos práticos realizados ao longo do período valerão até 2. A soma de todas as atividades ( provas escritas e resolução dos casos aula a aula) comporão o grau final de cada avaliação. incluindo o das atividades estruturadas. o estudante deverá refazer a análise do caso concreto. até 8. nas disciplinas que as contenham.0. Isto é.0 (oito) pontos. Obter grau igual ou superior a 4. As AV1. um caso concreto para análise e resolução. Atingir resultado igual ou superior a 6. AV2 E AV3 serão realizadas através de provas escritas. ao menos uma das questões. a avaliação se dá de forma continuada. no mínimo. Após a revisão e autocorreção. 75% das aulas ministradas. pelo menos. incluindo o das atividades estruturadas.

4 ..revista e atualizada. 2012 GONÇALVES. Rio de Janeiro: Lumen Juris. 4ª edição . São Paulo: Método.Bibliografia básica MELO. Direito civil brasileiro. 2010. . Direito das Coisas. Rio de Janeiro: Saraiva . Flávio. 7ª. vol. Direito Civil. TARTUCE. 4.Direito das Coisas. Ed. 2010. Marco Aurélio Bezerra de. 5. Ed. Vol. Carlos Roberto.