You are on page 1of 17

Manual de operação

GST Gerador de Sistemas Trifásicos

Controles Elétricos

Controles Elétricos Gerador de Sistemas Trifásicos (Aparelho para Controle de Tensão) Manual de Operação .

Operação 7 4.27 .10 .Ligando o equipamento 7 4.2 .1 .21 .26 .1 .13 .5 .Seleciona freqüência 60Hz 9 5.Restaura parâmetros nominais 1 1 5.Apresentação 4 2 .Seleção de freqüência de saída 9 5.15.Vista do equipamento 5 3 .Função dinâmica pré-definida Pr-2 1 2 5.Função Y-Delta 1 2 5.2 .Habilitando as saídas R-S-T-N 7 4.Função Sobre-tensão 1 1 5. Controles Elétricos Índice Índice 3 1 .5 .12 .8 .28.Seleciona fase "S" 9 5.Função dinâmica pré-definida Pr-3 1 3 5.Teclas " + " e " .4 .3 .4 .16 .Entrada passo-a-passo 1 0 5.23 .Entrada direta de valores 1 0 5.Seleção sistema trifásico 380 Vca 8 5.Desabilitando as saídas 7 5 .Ângulos de fase 1 0 5.6 .Percentuais de amplitude de fase 1 0 5." 1 3 6 .19 .Algumas considerações sobre o teclado 1 3 5.17 .20 .1 .Funções 8 5.Seleção sistema trifásico 110 Vca 8 5.3 .Entrada direta de valores 1 0 5.1 .15.16.Seleciona freqüência 50Hz 9 5.16.Especificações técnicas 1 4 Características elétricas 1 4 Características mecânicas 1 4 Funções especiais 1 5 Certificado de Garantia 1 6 03 .Uso Seguro 6 4 .1 .24.Seleção sistema trifásico 220 Vca 8 5.Entrada passo-a-passo 1 0 5.Segundas e terceiras funções 1 3 5.Seleciona fase "T" 9 5.Seleção sistema trifásico 440 Vca 8 5.2 .Selecionando um sistema de tensão 7 4.11 .Seleção polaridade Vcc (+Vcc / -Vcc) 9 5.Função decremento 1 1 5.9 .Seleciona fases "R-S-T" simultâneo 1 0 5.Função Subida em Rampa 1 1 5.14 .28 .Função Descida em Rampa 1 2 5.Seleção sistema trifásico 480 Vca 8 5.18 .2 .Função Sub-tensão 1 1 5.2 .Seleção sistema tensão Vcc (20V) 8 5.Configurando sistemas e parâmetros 7 4.Seleciona fase "R" 9 5.Função incremento 1 0 5.7 .Função dinâmica pré-definida Pr-1 1 2 5.25 .28.22 .15 .

atendendo a todos os requerimentos de testes dos monitores de rede e a aplicações em bancadas de laboratórios. 04 .GST . ou configurar três fontes de tensão de corrente-contínua (cc). com comandos simples. 380. tensão real de saída fase-neutro ou tensão cc selecionada.é um equipamento desenvolvido nos laboratórios da TRON Controles Elétricos para ajuste de referenciais de dispositivos monitores de redes monofásicas e trifásicas. ângulo de fase. O operador tem acesso aos parâmetros dos sistemas de rede trifásica R . S . Com o emprego de modernos recursos de processamento. com informações tipo: percentual do valor da amplitude nominal. interferir sobre estes de modo a simular condições específicas necessárias às atividades de estudo. Para operar. independentes e ajustáveis de 0 a ±25. O equipamento gera os principais sistemas trifásicos (110. 220. pode ser utilizado em modo fase-neutro (dispondo de três sistemas monofásicos independentes). ajuste ou teste de equipamentos. além de indicações de estados do próprio equipamento. O sistema dispõe de processamento microcontrolado que permite versatilidade na sua operação. 440 e 480Vca). bem como de criar condições variáveis de estados com um único comando do operador. o GST necessita apenas de alimentação monofásica 110 ou 220 Vca.5Vcc. o GST é capaz de reproduzir com facilidade diversas condições pré-definidas de uma rede trifásica. Controles Elétricos Apresentação O Gerador de Sistemas Trifásicos . T e Neutro sendo possível. Sua versatilidade de operação é complementada pela indicação do estado de cada uma das fases do sistema.

10 Teclado de 32 funções. 5 Indicador de funções do gerador. 12 Bornes de saídas R-S-T-N . 4 Voltímetro Fase-T Vca / Vcc. 9 Led indicador de saídas energizadas. 6 Led de força (Power). 3 Voltímetro Fase-S Vca / Vcc. 7 Leds indicadores de sistema de tensão selecionado. 8 Led indicador de freqüência selecionada. 2 Voltímetro Fase-R Vca / Vcc. 11 Botão Stand by habilitador das saídas. 05 . Controles Elétricos Vista do Equipamento 2 3 4 9 11 6 5 1 12 7 8 10 1 Botão liga-desliga.

vibrações e impactos devem ser evitados. ou transportar. Nunca tocar a parte condutora dos bornes de saída. o equipamento só deve ser aberto por pessoas especializadas. mover. A conexão e desconexão de cargas às saídas deverá sempre ser feita com as saídas desenergizadas. o GST possui circuitos sensíveis e como tal. envolvendo altas tensões. Apesar de seu peso elevado. Não expor o equipamento à incidência direta dos raios solares ou intempéries. Não expor o equipamento a altas temperaturas (como interiores de veículos ao sol). localizado na parte lateral. Controles Elétricos Uso Seguro Por se tratar de um equipamento para geração de sistemas trifásicos. Ao manusear. Observar sempre a existência de equipamentos. deve-se tratar o equipamento como frágil. fios. especialmente quando energizados. Devido à sua natureza. Observar a seleção de tensão de alimentação configurada do equipamento na etiqueta traseira (14) e compatibilizá-la com a rede (110/220 Vca) na qual se pretende ligar. utilizando-se para isso o botão Stand by (12). 06 . desenergizar as saídas utilizando o botão Stand by (12) e certificar-se que o led indicador de saídas energizadas esteja apagado. Não posicionar o equipamento em locais que possam vir a obstruir o sistema de ventilação forçada. Para conexão e desconexão de equipamentos. ou plugs conectados aos bornes de saída antes de energizá-las. alguns cuidados especiais devem ser tomados a fim de garantir sua durabilidade e evitar riscos de choque elétrico. traseira e superior.

é recomendado um tempo de pré-aquecimento de aproximadamente 1 minuto para estabilização dos circuitos internos.Ligando o equipamento Antes de energizar o equipamento. conforme especifica o ítem 3 .Configurando sistemas e parâmetros Todas as configurações de parâmetros dos sistemas de tensão. conforme descrito no ítem 5 . Para isso utiliza-se o botão Stand by (11). bem como o led indicador de tensão selecionada em 3N ~ 110 Vca (leia-se: sistema trifásico com neutro 110Vca). Para tal.Funções. garante a integridade do equipamento. As saídas passarão a estar energizadas com o sistema de tensão selecionado e indicado pelos leds indicadores de sistema (7). 1 Lembrar que os displays voltímetros têm erro de leitura < 2% da tensão nominal do sistema selecionado ± 1 dígito.1 .5 .Uso seguro. pode-se intervir nas amplitudes de cada uma das fases.Desabilitando as saídas A desabilitação das tensões de saída é uma atividade recomendada sempre que for necessária a conexão ou desconexão de dispositivos aos bornes do equipamento. Este procedimento além de proteger o operador contra riscos de choque elétrico. envolvendo escalas precisas. bem como de funções especiais pré- definidas são feitas utilizando-se do teclado (10). Os voltímetros de fase indicarão 000 e o Indicador de estado do gerador indicará a versão do firmware instalado: **** TRON **** Jiga RST v2. 07 . Os bornes de saída são sempre inicializados na condição de stand by. As sequências de teclas a serem utilizadas na implementação de uma função são descritas no capítulo seguinte. é necessária a seleção do sistema a ser usado (caso não se pretenda usar o sistema 110 Vca). 4. Controles Elétricos Operação 4. no ângulo de defasagem entre essas fases.3 . Configurações especiais nos parâmetros do sistema escolhido podem ser feitas via teclado. O led de força deverá acender indicando que o equipamento está ligado. Esta seleção é feita por meio do teclado (10). Em poucos segundos o equipamento estará pronto para operar. 4.Habilitando as saídas R-S-T-N Para fazer com que o sistema selecionado esteja ativo nos bornes de saída.4 .Selecionando um sistema de tensão Após estabilizado. Como se trata de um equipamento de referências. Acionar o botão Liga / Desliga (1) na parte traseira. Isto é feito pressionando o botão Stand by (11). nas condições descritas pelo display indicador de estado (5). desenergizados. verificar se este está bem posicionado e com a tensão de alimentação compatível com a de sua rede local. o GST estará pronto para simular os sistemas de tensão (Vca ou Vcc).0 Em seguida passará a indicar o estado em que se encontram as fases do sistema: percentuais de amplitudes e ângulos de fase. utilizando-se as teclas de funções. e na frequência do sistema. 4. Através das teclas de funções. isto é. 4. deve-se retirar o equipamento do modo de stand by.2 .

Seleção sistema trifásico 380 Vca Acesso: Seleciona operação com sistema trifásico em tensão nominal 380 Vca (a 100%). O led referente ao sistema trifásico 380 Vca 2F + 3 380 Vca acende. 5.Seleção sistema trifásico 440 Vca Acesso: Seleciona operação com sistema trifásico em tensão nominal 440 Vca (a 100%).1 . e as saídas são desenergizadas (modo stand by).2 . Os parâmetros: percentuais de amplitude são inicializados a 0% e a indicação dos ângulos de fase dá lugar à indicação da polaridade da tensão de saída.Seleção sistema trifásico 480 Vca Acesso: Seleciona operação com sistema trifásico em tensão nominal 480 Vca (a 100%). Resultante: descrição do(s) resultado(s) obtido(s) após o comando. para saídas positivas em relação ao neutro. 5. 08 . O led referente ao + 20Vcc - sistema de tensão ±20Vcc acende. 5. 1 As configurações dos parâmetros amplitude e ângulo de fase são mantidos inalterados. Y Resultante: saídas vão para o sistema 380 Vca. Os parâmetros: percentuais de amplitude e ângulo de fase ficam inalterados (caso tenha havido configuração anterior). 5.para saídas negativas em relação ao neutro. usamos a seguinte convenção: 5. O led referente ao sistema trifásico 110 Vca 110 Vca acende. a indicação de sua forma de acesso e o respectivo resultado obtido. Essas funções são acessíveis via teclado e sua execução pode ser acompanhada através dos resultados ocorridos no sistema. Controles Elétricos Funções O Gerador de Sistema Trifásico dispõe ao todo de 32 funções.Seleção sistema trifásico 220 Vca Acesso: Seleciona operação com sistema trifásico em tensão nominal 220 Vca (a 100%).5 . O led referente ao sistema trifásico 480 Vca 480 Vca acende. Os parâmetros: percentuais de amplitude e ângulo de fase ficam inalterados (caso tenha havido configuração anterior).Seleção sistema tensão Vcc (20V) Acesso: Seleciona operação com sistema de tensão nominal ±20Vcc (a 100%). Os parâmetros: percentuais de amplitude e ângulo de fase ficam inalterados (caso tenha havido configuração anterior).Função Descrição da função Acesso: combinação de teclas usadas para se obter o resultado. Os parâmetros: percentuais de amplitude e ângulo de fase ficam inalterados (caso tenha havido configuração anterior). t 2F + 2 Resultante: saídas vão para o sistema 220 Vca. . Os parâmetros: percentuais de amplitude e ângulo de fase ficam inalterados (caso tenha havido configuração anterior). lendo-se: +Vcc. O led referente ao sistema trifásico 220 Vca 220 Vca acende.3 . 5. t 2F + 5 Resultante: saídas vão para o sistema 480 Vca. 2F + 1 -% Resultante: saídas vão para o sistema 110 Vca. Para exposição das funções. 5. por meio da indicação no display indicador de estado e pela sinalização dos leds indicadores de sistema.6 .n . e -Vcc. quando da mudança de sistema. + 2F + 6 - Resultante: saídas vão para o sistema de tensão em corrente contínua (cc).Seleção sistema trifásico 110 Vca Acesso: Seleciona operação com sistema trifásico em tensão nominal 110 Vca (a 100%).4 . 2F + 4 +% Resultante: saídas vão para o sistema 440 Vca. O led referente ao sistema trifásico 440 Vca 440 Vca acende. monofásico e de tensão cc (corrente contínua). todas capazes de introduzir mudanças nos parâmetros dos sistemas de tensões trifásico.

Resultante: o display indicador de estado (5) indicará "Modo freqüência" .8Hz. O sinal de saída permanecerá inalterado até que os acréscimos (ou decréscimos) sejam feitos com as teclas "+" (ou "-"). 5. - Resultante: alterna o estado atual da polaridade da tensão de saída de +Vcc para -Vcc. Resultante: não ocasiona alterações nas saídas. Em conjunto com as teclas "+" e "-". podendo variar de 2F + O 3 Hz 40. A cada atualização da freqüência de saída o display indicará o novo valor. Para retornar a uma das freqüências padrões (60/50Hz). lendo-se: +Vcc.7 . A ativação deste comando leva as três amplitudes a 0% (zero volt)² e desabilita as saídas (modo stand by).5Vcc + (para amplitude máxima de 127. para saídas positivas em relação ao neutro. O display indicador de estado (5) simboliza essa 2F + 8 S . que poderá excursionar até +25. O led indicador de freqüência (8) passará a piscar indicando que o sistema selecionado não está operando em um sistema padrão de freqüência (60/50Hz). O display permanecerá neste modo (indicando a freqüência de saída) até que seja pressionada novamente a tecla 2F.Seleciona fase "R" Acesso: Habilita a fase R como aquela que receberá as próximas entradas de parâmetro. O comando atua individualmente por fase. a freqüência selecionada será mantida e os outros parâmetros poderão agora ser também ajustados ou majorados.5Vcc ou -25.0 a 69.Seleciona fase "S" Acesso: Habilita a fase S como aquela que receberá as próximas entradas de parâmetro.10 .Seleciona freqüência 50Hz Acesso: Impõe ao sistema a freqüência de 50Hz de operação. selecione o sistema desejado conforme descrito em 5.12 .5%). 2F + Resultante: Todas os parâmetros são mantidos.8 e 5. com exceção da freqüência de operação que passa a ~60Hz ser 60Hz (caso já não seja) e o led indicador de 50Hz (8) apaga. 2F + Resultante: Todas os parâmetros são mantidos com exceção da freqüência de operação que passa a ~50Hz ser 50Hz (caso já não seja) e o led indicador de 50Hz (8) acende. O display indicador de estado (5) simboliza essa 2F + 7 R -R- condição com o cursor cheio sobre as informações (amplitude ou ângulo) da fase selecionada "R".Seleciona fase "T" Acesso: Habilita a fase T como aquela que receberá as próximas entradas de parâmetro.T- condição com o cursor cheio sobre as informações (amplitude ou ângulo) da fase selecionada "T". 5. para saídas negativas em relação ao neutro.9 .11 . O display indicador de estado (5) simboliza essa 2F + 9 T . 5. Resultante: não ocasiona alterações nas saídas. Resultante: não ocasiona alterações nas saídas. esta Pr função é utilizada para impor acréscimos ou decréscimos na freqüência de saída. 2 É recomendado selecionar-se primeiramente as polaridades das fontes (+Vcc / -Vcc) para em seguida intervir sobre os seus percentuais. e vice- versa.Seleciona freqüência 60Hz Acesso: Impõe ao sistema a freqüência de 60Hz de operação. 5. Ao sair deste modo.9.8 . 5.S- condição com o cursor cheio sobre as informações (amplitude ou ângulo) da fase selecionada "S". Controles Elétricos Funções 5.13 . e -Vcc.Seleção polaridade Vcc (+Vcc / -Vcc) Acesso: Seleciona a polaridade de saída da tensão cc. 09 . 5. para a fase 3F + 6 - + 20Vcc selecionada.Seleção de freqüência de saída Acesso: Entra no modo de seleção de freqüência de operação. Os valores de amplitude e ângulo de fase não são afetados por esta operação.

5. O display indicador de estado (5) indicará o percentual para a(s) fase(s) em [1°dígito] + [2°dígito] questão.Percentuais de amplitude de fase Introduz valores que variam de 0 a 127.1 .15 . A entrada dos valores pode ser feita de dois modos: passo-a-passo (by step).18) 5.14). Resultante: não ocasiona alterações nas saídas. Ex: 20%. com dois dígitos. e rampas temporizadas passarão a ser atribuídas às três 2F + 1 3~ fases simultanemente. A tecla % finaliza a entrada do valor pretendido. e T3 . Assim.".Entrada direta de valores Acesso: Após a seleção da fase sobre a qual se quer interferir (ver 5. sempre em relação ao fasor nominal da fase em questão. teclar " fi" (ø) em seguida utilizar as teclas " + " ou " . 5. em seguida a tecla "-" e finalmente a tecla 10 "fi”(ø).11. Pr + [3°dígito] + 1 3~ 5.Entrada passo-a-passo Após a seleção da(s) fase(s) sobre a(s) qual(is) se quer interferir (ver 5. Pr as entradas de percentuais de amplitude. 5. neste modo.16.13 e 5. ou 3 dígitos. .17 e 5.12 e 5. 2.16.5% da tensão nominal selecionada. que serão de 0. Hz Resultante: a fase selecionada passa a operar atrasada.17 e 5. A entrada dos percentuais pode ser feita de dois modos: passo-a-passo (by step).5 ³ A função simultânea não atua sobre os ângulos de fase.13 e 5.Seleciona fases "R-S-T" simultâneo Acesso: Habilita / desabilita entradas de comandos simultâneos às três fases R. do valor em graus informado. 5 Para entrar com um ângulo de fase negativo."." para os incrementos ou decrementos. 120%. bem como o ângulo deverão estar selecionados. 5.12. Para entrar com o adicional de 0. O display indicador de estado (5) indicará o ângulo de defasagem em que se encontra a fase em questão.14).5%.16 .2 .5° deve-se utilizar as teclas " + " ou " . bem como o valor percentual deverão estar selecionados. ou entrando-se diretamente com o valor. A repetição do comando desabilita a função. 5.11. 5.5°. para a(s) fase(s) habilitada(s). (ver também os itens 5. digita-se o valor e em seguida a tecla "fi" (ø).5° em 1. 4 As entradas podem conter 1. 5. O display indicador de estado (5) simboliza a condição habilitada com a indicação do sinal & entre os parâmetros de amplitude de cada fase. etc. para a fase habilitada. Os passos permitidos [1°dígito] + [2°dígito] para os ângulos de fase são de 1.11. O cursor cheio sobre a fase e o parâmetro dará uma indicação de que valor será afetado pelas teclas " + " ou " .14 .11. digite o valor. 5. A fase.5 em 0.15.13). 80%.1 .5° em 1. ou entrando-se diretamente com o valor. que serão de 1. teclar " % " em seguida utilizar as teclas " + " ou " .15. digita-se o valor e em seguida a tecla " % " 4.5°)." para os incrementos ou decrementos.12 e 5. que devem ser tratados isoladamente.". O firmware instalado aceita entradas com dois dígitos e Pr sempre faz arredondamento para o próximo valor inferior (quando o valor informado não for + O 3 múltiplo de 1.Entrada direta de valores Após a seleção da(s) fase(s) sobre a(s) qual(is) se quer interferir (ver 5. (ver também os ítens 5.Entrada passo-a-passo Após a seleção da fase sobre a qual se quer interferir (ver 5. O cursor cheio sobre a fase e o parâmetro dará uma indicação de que valor será afetado pelas teclas " + " ou " .5°. Controles Elétricos Funções 5. S.12. ou adiantada.13). 5.2 .18) 5. A(s) fase(s). Acesso: Resultante: a(s) fase(s) selecionada(s) passa(m) a operar no valor percentual escolhido por um dos dois processos acima.Ângulos de fase Introduz valores que variam de -60° a 60°.

5. ou na freqüência do sistema. 5. simulando assim uma assimetria modular na fase . Pr Resultante: o sistema atualmente selecionado é mantido. quando o modo simultâneo estiver ativo.5% na amplitude da(s) fase(s) selecionada(s). As demais fases são trazidas para seus 3F + 4 +% estados nominais (100%)7 . do ângulo de fase e da freqüência. conforme exposto em 5. O display indicador de estado (5) indicará a nova condição nos bornes de saída. A seleção do parâmetro a decrementar deve ser feita antes usando as teclas " % " (para se decrementar a amplitude). 11 . do ângulo de fase e da freqüência." haverá um decremento de: 0. A seleção do parâmetro a incrementar deve ser feita ~60Hz antes usando as teclas " % " (para se incrementar a amplitude).5° no ângulo de fase da fase selecionada.13 e 5.12. 5. A fase sobre a qual se pretende intervir também deve ser selecionada a priori. A fase sobre a qual se pretende intervir também deve ser selecionada a priori.Função Sobre-tensão Configura automaticamente uma elevação de 10% na amplitude da(s) fase(s) selecionada(s) em Acesso: relação à nominal do sistema selecionado. 5.11.13 e 5.11.19 .20 . o(s) novo(s) parâmetro(s) imposto(s) ao sistema. Resultante: a cada toque na tecla " .Função decremento Acesso: Esta função está associada à tecla " . S e T6 . ou uma sub-tensão. 5.Restaura parâmetros nominais Configura o sistema atualmente selecionado com seus parâmetros nominais de amplitude.Função incremento Acesso: Esta função está associada à tecla " + " e pode ser utilizada para incremento do percentual da amplitude.17 .14. a tecla "fi" (ø) (para incrementar o ângulo de fase) e a função freqüência (ver 5. a tecla "fi" (ø) (para decrementar o ~50Hz ângulo de fase) e a função freqüência (ver 5. a cada toque. a cada toque.5% na amplitude da(s) fase(s) selecionada(s). Acesso: 100% de amplitude nas três fases R. simulando assim uma assimetria modular na fase . O display indicador de estado (5) indicará. 8 Os ângulos de fase não são afetados pelos comandos de sobre- tensão (+%) ou sub- tensão (-%). 7 Os ângulos de fase não são afetados pelos comandos de sobre- tensão (+%) ou sub- tensão (-%). porém as amplitudes são restauradas aos 2F + 0 2 Nominal percentuais originais (100%). 440 Vca Resultante: a(s) amplitude(s) da(s) fase(s) selecionada(s) é(são) elevada(s) para 110% do valor nominal. O display indicador de estado (5) indicará a nova condição nos bornes de saída. Controles Elétricos Funções 5. 5. quando o modo simultâneo estiver ativo. ou 1. ou freqüência do sistema. ou seja.10) para a freqüência de operação. 5. conforme exposto em 5.21 .12.14. 110 Vca Resultante: a(s) amplitude(s) da(s) fase(s) selecionada(s) é(são) reduzida(s) a 85% do valor nominal.10) para a freqüência de operação.18 . o(s) novo(s) parâmetro(s) imposto(s) ao sistema. Resultante: a cada toque na tecla " + " haverá um incremento: de 0. As demais fases são trazidas para seus 3F + 1 -% estados nominais (100%)8. O display indicador de estado (5) indicará. ou de 1. 5." e pode ser utilizada para decremento do percentual da amplitude.Função Sub-tensão Configura automaticamente uma redução de 15% na amplitude da(s) fase(s) selecionada(s) em Acesso: relação à nominal do sistema selecionado.5° no ângulo de fase da fase selecionada. ou uma sobre-tensão. 6 Os ângulos de fase não são afetados por essa função.

a seu valor nominal a cada segundo. até 84%. 11 Após interrompida. a partir de 90%. + 2 quando em modo simultâneo (ver 5. O display indicador de estado (5) indicará a evolução da elevação e a nova condição dos bornes de saída ao final da rampa. com passos de 1 em 1%. consiste de uma queda gradual em cada um das fases.13) ou sobre as três fases simultaneamente. do ponto.14). 5. com uma duração de tempo previamente informada. Resultante: as tensões de cada uma das fases R. e finalizar com a Y sequência de teclas para rampa Y-Delta. O display indicador de estado (5) ser retomada a partir acompanhará as novas condições dos bornes de saída e indicará que o programa 1 está em execução.Função dinâmica pré-definida Pr-1 Acesso: Inicializa a execução do programa dinâmico de assimetria modular. Acesso: 5. Teclar qualquer tecla durante a execução desta função + 5 interrompe a rampa no valor em que se está9. compreendido entre 5 a 127 segundos. quando em modo simultâneo (ver 5.Função Subida em Rampa Acesso: Proporciona uma elevação gradual do valor da tensão de saída. Esta função especial atua sobre a fase selecionada (ver: + 3 5.13) ou sobre as três fases simultaneamente.12 e 5. t quando em modo simultâneo (ver 5.11. Para + [3°dígito] + 3F isto deve-se entrar primeiramente com o valor em segundos do tempo de rampa. tornando a subir de 1% em 1% até execução não poderá 90% e em seguida retorna ao valor nominal de 100%. 10 Após interrompida. 380 Vca Teclar qualquer tecla durante a execução desta função interrompe a rampa no valor em que se está11. compreendido entre 5 a 127 segundos. no mesmo passo até 90%.22 . o toque em qualquer tecla ocasiona a interrupção do programa no ponto em que se encontra. e finalizar com a seqüência de teclas para subida em rampa. A duração da rampa de subida será o valor em segundos previamente digitado.25 .14). Resultante: a tensão na(s) fase(s) selecionada(s) parte(m) do valor nominal e decai(em) gradualmente até zero volt (0%).Função Descida em Rampa [1°dígito] + [2°dígito] Proporciona uma redução gradual do valor da tensão de saída. Para isto deve-se entrar primeiramente com o valor em segundos do tempo de rampa. A duração da rampa de subida será o valor em segundos previamente digitado. A duração de cada um dos passos é de 1s e o processo se inicia pela fase R. Teclar qualquer tecla durante a execução desta função 220 Vca interrompe a rampa no valor em que se está 10. Resultante: a tensão na(s) fase(s) selecionada(s) cai(caem) para o patamar de 58% (1/3) e passa(m) a ser elevada(s) gradualmente até atingir o valor nominal. A simulação automática das 3F + 1 assimetrias. até 84%. partindo de 0% (zero volt) até a [1°dígito] + [2°dígito] nominal (100%) do sistema selecionado. compreendido entre + [3°dígito] + 3F 5 a 127 segundos. 5. Controles Elétricos Funções 5. partindo do valor nominal (100%) do sistema selecionado até 0% (zero volt). 5. Para isto deve-se entrar primeiramente com o valor em segundos do tempo de rampa. com uma duração de tempo previamente informada.11. partindo do patamar de 58% (1/3) até a nominal (100%) do sistema selecionado. Esta função especial atua sobre a fase selecionada (ver: 5. + [3°dígito] + 3F com uma duração de tempo previamente informada. A duração da rampa de descida será o valor em segundos previamente digitado.12 e 5.Função Y-Delta [1°dígito] + [2°dígito] Proporciona simulação de uma partida Y-Delta (estrela-triângulo) com elevação gradual do valor da tensão de saída. uma a uma. e finalizar com a seqüência de teclas para descida em rampa. Com isso o GST passará a Pr provocar uma série de alterações sucessivas nas amplitudes das fases. 12 . Acesso: 5. passando no segundo seguinte ao valor de 100% (nominal).11.14). a partir de 90% do 3~ valor nominal da tensão. 5. Esta função especial t atua sobre a fase selecionada (ver: 5. S e T serão reduzidas uma após a outra de 1% de 9 Após interrompida.12 e 5. Durante a execução. O display indicador de estado (5) indicará a evolução da elevação e a nova condição dos bornes de saída ao final da rampa. a execução não poderá ser retomada a partir do ponto. 480 Vca Resultante: a tensão na(s) fase(s) selecionada(s) cai(caem) para zero (0%) e passa(m) a ser elevada(s) gradualmente até atingir o valor nominal.24 . e retornando.13) ou sobre as três fases simultaneamente. a execução não poderá ser retomada a partir do ponto. O display indicador de estado (5) indicará a evolução da redução e a nova condição dos bornes de saída ao final da rampa.23 .

e retornando. para sublinhado.28. a "segunda função" associada às teclas está sempre em vermelho e. passando no segundo seguinte ao valor de 100% (nominal). tornando a subir de 1% em 1% até 90% e em seguida retorna ao valor nominal de 100%.1 . o toque em qualquer tecla ocasiona a interrupção do programa no ponto em que se encontra. com passos de 1 Nominal em 1%. S e T serão reduzidas simultaneamente de 1% de seu valor nominal a cada segundo. 5.Função dinâmica pré-definida Pr-2 Acesso: Inicializa a execução do programa dinâmico de sobre-tensão. as teclas " + " e " . Durante a execução. A indicação de que uma tecla associativa foi teclada.Algumas considerações sobre o teclado 5. no mesmo passo até 110%. e Hz retornando. a partir de 90%. O display indicador de estado (5) acompanhará as novas condições dos bornes de saída e indicará que o programa 3 está em execução. Com isso o GST passará a provocar uma Pr série de alterações sucessivas nas amplitudes das fases. até 120%.27 . 3F + 0 2 tensão é gradual iniciando a partir de 110% do valor nominal da tensão. teclar 2F ou 3F duas vezes. são artifícios utilizados para possibilitar o implemento de mais de uma função em uma só tecla. isto é. A duração de cada um dos passos é de 1s e a redução da tensão é simultânea nas três fases. S e T serão elevadas simultaneamente de 1% de seu valor nominal a cada segundo. O display indicador de estado (5) acompanhará as novas condições dos bornes de saída e indicará que o programa 2 está em execução. O led indicador de saídas energizadas acenderá no caso de habilitação das saídas.Função dinâmica pré-definida Pr-3 Acesso: Inicializa a execução do programa dinâmico de sub-tensão.Teclas " + " e " . Com isso o GST passará a provocar Pr uma série de alterações sucessivas nas amplitudes das fases. no mesmo passo até 90%.28. Como pode ser visto. resulta em habilitar o estado de espera da função associada e desabilitá-lo sem que haja nenhuma operação. 13 . A duração de cada um dos passos é de 1s e a elevação da tensão é simultânea nas três fases. é feita pela alteração do estado do cursor cheio.Segundas e terceiras funções As teclas 2F (segunda função) e 3F (terceira função) são teclas associativas. com passos de 1 em 1%. Durante a execução. do mesmo modo que o botão Stand by." Para agilização das atividades práticas. Assim. quando da habilitação por engano. passando no segundo seguinte ao valor de 100% (nominal). também habilitam as tensões dos bornes de saída. do mesmo modo aquela associada à "terceira função" encontra-se impressa em azul. 5. A seleção de alguma destas funções associadas (em vermelho ou azul) deve sempre ser precedida da sua respectiva tecla associativa (2F ou 3F). possibilitando o reconhecimento do estado de espera da tecla associada. Para cancelamento do estado de espera. o toque em qualquer tecla ocasiona a interrupção do programa no ponto em que se encontra. Controles Elétricos Funções 5. Resultante: as tensões nas três fases R. A simulação automática da sobre. a partir de 110%. até 80%. ou uma seguida da outra. até 80%. até 120%.26 .28 ." ao serem usadas. as teclas 2F e 3F anulam-se mutuamente e a si próprias. A simulação automática da sub-tensão é 3F + O 3 gradual iniciando a partir de 90% do valor nominal da tensão. Resultante: as tensões nas três fases R. O estado de espera finda quando da digitação da tecla de função pretendida. 5.2 . tornando a cair de 1% em 1% até 110% e em seguida retorna ao valor nominal de 100%.

² Para a faixa de 88 a 576 Vca Trifásico e de 5 a 25 Vcc. S. Faixa de controle de amplitude 0 a 127.8 Hz selecionáveis via teclado Precisão em freqüencia Erro < 0.0 a 69. Tensão de alimentação 187 a 265 Vca monofásico (quando em 220 Vca) freqüencia de alimentação 50/60 Hz Consumo máximo nominal 1A a 220 Vca/ 2A a 110 Vca 110. 440 e 480 Vca Trifásicos . 220.5º no ângulo de fase Precisão ² Saídas trifásicas Erro < 2% da nominal do sistema selecionado Voltímetros Erro < 2% da nominal do sistema selecionado ± 1 dígito Corrente máxima de saída 85 mAac (por fase) / 1Acc (por fase) freqüencia de saída 50/60 Hz ou valores de 40. 380.5º Indicação das tensões Display LCD de 3 dígitos 0.5% Faixa de controle de ângulo de fase 0 a ± 60º a partir do fasor nominal Passo de incremento do ângulo de fase ± 1.5 Vcc.2% sobre o valor indicado ¹ À temperatura ambiente de 25ºC. Controles Elétricos Especificações Técnicas CARACTERÍSTICAS ELÉTRICAS ¹ 93 a 135 Vca monofásico (quando em 110 Vca). compostos por três monofásicos independentes e defasados de 120º. umidade relativa de 45 a 85% e até um ano após ajustado. T e N Sistemas de saída (selecionáveis via teclado).5% do sistema nominal selecionado Passo de incremento da amplitude ± 0. Três fontes de tensão cc independentes ajustáveis de 0 a ± 25.R.5% (da nominal do sistema selecionado) na Resolução dos valores de saída amplitude e 1. 14 .

(Passos com 1s de duração). Queda gradual da amplitude do sistema trifásico. 15 . até o valor de 84% da nominal Geração de assimetria modular seguido de elevação gradual até o valor de 90%.5 kg Teclado 16 teclas. (Passos com 1s de duração). até 120% da tensão nominal. iniciando em 90%. Controles Elétricos Especificações Técnicas CARACTERÍSTICAS MECÂNICAS Dimensões externas 490 x 190 x 400mm Peso aproximado 18. Elevação gradual da amplitude do sistema. seguida de Sub-tensão no sistema elevação até 90% e finalmente com retorno à tensão nominal. (Passos com 1s de duração). finalizando com nominal. até 80% da tensão nominal. iniciando em 110%. seguido de redução até Sobre-tensão no sistema 110% e finalmente com retorno à tensão nominal. iniciando em 90%. 32 funções associadas Display Voltímetro LCD com 3 dígitos Display Indicador de Estados LCD com 2 linhas x 20 colunas FUNÇÕES ESPECIAIS Queda gradual de cada uma das três fases (uma a uma).

com. acidentes. quando utilizados 3.2988 Fone: (11) 5034. à Filial ou à própria Matriz. ou seja.BR. garante este produto como livre de defeitos de fabricação (incluindo defeitos na montagem. Gastos com a mão-de-obra especializada na constatação e acidentes de rede (sobretensões. Este Termo de Garantia cobre: Este Termo de Garantia não cobre: 1. Módulo 8 Jardim Aeroporto Recife ./Vendedor/Loja: Cidade: Data de Emissão: Controles Elétricos Tron Controles Elétricos Ltda Matriz: Filial: Rua Ministro Mário Andreazza. Este produto não foi projetado para atividades médicas ou processos que envolvam garantia ou manutenção da vida humana. agentes da natureza (raios.GST Nº da nota fiscal: Rep. Varzea. a contar da data de emissão da Nota Fiscal de Venda. nº 165 Quadra “N”. A TRON Controles Elétricos Ltda. Gastos com transporte desde a representação autorizada 1. etc. São Paulo . PARQTEL. negligência ou displicência tanto na instalação Manutenção mais próximo e a devolução do produto ao local de como no uso corriqueiro. nº 3 Rua Tobias Monteiro. Danos causados por armazenamento ou transporte inadequado. Gastos com material utilizado no reparo do produto. incorretamente com o referido produto.BR CEP: 50950-050 CEP: 04355-010 Fone (81) 3452. 2. Filial ou Matriz) até o Departamento de por imperícia. Esta Garantia será válida mediante apresentação da Nota Fiscal de Venda do aparelho a um representante TRON.Pernambuco . por atos ou entrega.br 16 . se ele tiver sido entregue para conserto a pessoas ou oficinas não autorizadas. Danos causados a outros equipamentos.tron-ce. incêndios. curtos e surtos de manobra). reparo de possível defeito no produto. (Representante.) e por 2. Controles Elétricos A TRON Controles Elétricos Ltda. por ligações incorretas. DADOS DO APARELHO Nome/Descrição do aparelho: Nº Série: Gerador de Sistemas Trifásicos.São Paulo . nos materiais utilizados na fabricação e nos procedimentos de ajuste / teste e de teste final) por um prazo de 06 MESES. Este Termo de Garantia ficará nulo se o produto tiver seu lacre violado. dentro do prazo de garantia supracitado. se reserva o direito de promover alterações no produto sem autorização prévia.2911 www.

Fax (55-0xx81) 21219601 . nº 165 .sergio@tron-ce. Controles Elétricos Tron Controles Elétricos Ltda CNPJ 24441206/0001-15 Matriz: Rua Ministro Mário Andreazza.com.São Paulo .tron-ce.São Paulo . Módulo 8 .2911 .BR CEP: 04355-010. PARQTEL.Recife . Várzea .br Filial: Rua Tobias Monteiro.br Departamento comercial . Quadra “N”.BR CEP: 50950-050 . nº 3.Pernambuco .Fone (55-0xx81) 21219600 .Fone: (55-0xx11) 5034.com.Jardim Aeroporto .www.