You are on page 1of 56

APOSTILA 2015

BIOLOGIA

PROFESSORA: TALITA

BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO - 2015
1

SUMÁRIO

SERES VIVOS

Introdução 03

Reino Monera 07

Reino Protista11

Reino Fungi15

Vírus 17

Reino Animal Poríferos 22

Reino Animal Cnidários 24

Reino Animal Platelmintos 25

Reino Animal Nematelmintos 29

Reino Animal Moluscos/Equinodermos 32

Reino Animal Anelídeos 35

Reino Animal Artrópodes 37

Vertebrados Peixes 42

Vertebrados Anfíbio-Répteis 46

Vertebrados Aves - Mamíferos 51

BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO - 2015
2

CLASSIFICAÇÃO DOS SERES VIVOS

Introdução

A classificação tem o significado da ação ou efeito de classificar, isto é, distribuir em classe. À parte da
ciência biológica que trata da organização dos seres vivos é denominada de Sistemática ou Taxonomia
(do grego; taxis, ordem e nomos, lei).

O cientista que esteve à frente dessa classificação foi Carl Von Lineé (Lineu), separando dois grandes
reinos: o Animal e o Vegetal. Posteriormente, foram descobertos inúmeros seres vivos, havendo a
necessidade da criação de mais dois reinos: Monera e Protista.

Por último, um reino exclusivo para os fungos, graças às divergências de cientistas que os classificavam
como vegetais e outros, como pertencentes a outros reinos (Protista e Animal).

Níveis de Classificação dos Seres Vivos

Lineu ainda descreveu a hierarquia da sistemática, segundo ele, cada Reino é subdividido em Filos ou
Divisão. Cada Filo ou Divisão dividido em Classes. Cada Classe em Ordens. Cada Ordem em Famílias.
Cada Família em Gêneros. E cada Gênero em Espécies.

BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO - 2015
3

Por volta de 1.740 os zoólogos propuseram uma padronização na nomenclatura dos organismos, mas foi
Lineu que em 1.735 Já tinha estabelecido a padronização das normas de nomenclatura, onde definiu
como nome científico ou nomenclatura binomial, sendo o primeiro nome sempre é escrito com inicial
maiúscula e é o nome do gênero. O segundo nome é o da espécie e é escrito com letra minúscula. Ambas
as palavras destacadas com o grifo ou letra com forma diferente. (Itálico). O nome científico é latinizado, o
gênero refere-se a um substantivo (genérico) enquanto a espécie refere-se a um adjetivo (específico).

Então os níveis de classificação seguem a seguinte ordem:

Os Reinos dos Seres Vivos

Os cinco reinos descritos atualmente são pela ordem de complexidade:

 Reino Monera
 Reino Protista;
 Reino Fungi;
 Reino Metazoa;
 Reino Metafita.

Reino Monera

Formado pelas bactérias e as cianobactérias, organismos unicelulares procariontes, muitas são
heterótrofas.

BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO - 2015
4

Reino Protista

Os representantes deste grupo são todos unicelulares eucariontes. Alguns autótrofos e outros
heterótrofos. Estão neste grupo os diversos protozoários e algas unicelulares.

Ameba

Tripanosoma cruzi

Paramecium

Reino Fungi

Os representantes deste reino são indivíduos recentemente agrupados, eles são considerados por alguns,
indivíduos de transição entre os animais e vegetais, pois apresentam elementos característicos tanto de
animais como de vegetais, isto é, possuem glicogênio como carboidrato de reserva e nutrição heterótrofa
como os animais e possuem parede celular e presença de esporos como nos vegetais. Todos os
indivíduos do grupo são eucariontes heterótrofos por absorção, parede celular, reprodução por esporos e
são aclorofilados, não fazem fotossíntese.

BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO - 2015
5

Aranha Macaco Sapo Reino Metafita Os vegetais estão agrupados neste grupo. pluricelulares.Reino Metazoa Neste grupo estão todos os animais. BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO . autótrofos. são clorofilados.2015 6 . isto é. pluricelulares. heterótrofos e aclorofilados. são organismos eucariontes. seres vivos eucariontes. por isso fazem fotossíntese.

A célula procarionte ainda possui uma parede externa. mas também pode ocorrer por uma forma simples de reprodução sexuada (conjugação). e. as bactérias. Reino Monera A bactéria tem organização celular procarionte. BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO . Reprodução: sexuada ou assexuada. A estes organismos de visualização microscópica é chamado de microrganismos. Dentre os microrganismos destacam-se as bactérias e os protozoários pertencentes aos reinos monera (ou arqueobactéria. Cada filho resulta de uma combinação diferente de genes. não tem núcleo. ou eubactéria) e protista respectivamente.REINO MONERA (BACTÉRIAS) Introdução Após o desenvolvimento do microscópio foi possível a visualização de pequenos seres vivos. A respiração aeróbica é aquela que necessita do gás oxigênio (O 2) e a respiração anaeróbica respira sem a presença do gás oxigênio. a parede celular de constituição proteica. os protozoários e alguns fungos. Os descendentes recebem cópias iguais do DNA do individuo original. entre elas temos: Respiração: aeróbica e anaeróbica. possuem exatamente as mesmas características. como os vírus. A grande diversidade de bactérias permite encontrar diferentes tipos de fisiologia. Já a reprodução assexuada não ocorre à troca de informações genéticas. A reprodução das bactérias ocorre principalmente pela forma assexuada (divisão binária ou cissiparidade). A reprodução sexuada seus descendentes são produto do cruzamento. a troca de informações genéticas. Certa região da membrana plasmática existe dobras denominadas mesossomos e estaestrutura tem a finalidade de fixar o DNA circular e armazenar enzimas respiratórias. que consiste na transferência de material genético de um indivíduo para outro. ou seja. No citoplasma há uma molécula de DNA circular e ribossomos. isto é.2015 7 . por isso.

A maioria das bactérias é heterótrofa. isto é um bastonete curvado. as bactérias cujo formato dá-se pela formação em espiral é dito espirilo e o vibrião caracteriza-se pelo formato semelhante a uma vírgula. A nutrição autótrofa é o meio pelo qual os organismos produzem seu próprio alimento. coco bacilos vibrião espirilo BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO .filhas. as bactérias com formas de bastonetes são ditos bacilos. A nutrição heterotrófica é aquela que obtém o alimento a partir do outro organismo. mas algumas realizam fotossíntese ou quimiossíntese.2015 8 . Esquema da reprodução assexuada das bactérias: o DNA duplica-se e passa para as duas células. Nutrição: autótrofa e heterótrofa. Classificação Pelo Formato As bactérias com formato esférico são denominadascocos.

Neste caso existe uma relação de mútuo benefício denominada mutualismo. Hanseníase: (lepra). nas mucosas e nervos (o doente apresenta falta de sensibilidade na pele). As bactérias patogênicas podem ser transmitidas por gotículas de saliva dos doentes ou portadores( é o caso das que causam tuberculose. Tais bactérias são ditas patogênicas. pneumonia. compromete. soja). as bactérias decompositoras. As bactérias têm uma função ecológica fundamental importância para a manutenção da vida em nosso planeta. cólera. Na indústria. BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO . febre tifóide) ou por contato sexual( gonorréia. por contato com o alimento ou objeto contaminado ( disenteria bacilar. tétano. tracoma. no entanto elas têm grandes importâncias na indústria. podemos considerar as bactérias do gênero Lactobacillus. Quando estas bactérias se instalam nas raízes das leguminosas. agricultura. coqueluche. equilíbrio no ambiente entre outros. Doenças Causadas por Bactérias Muitas bactérias podem provocar doenças nos vegetais. escarlatina. sífilis). já que as bactérias Rhizobium fornecem para as plantas sais nitrogenados e recebem em troca nutrientes orgânicos. perda de peso. meningite). animais e inclusive nos seres humanos. náuseas. neste caso. Algumas doenças causadas por bactérias que merecem destaque são: Tuberculose: Causada pelo Mycobacteriumtuberculosis (bacilo de Koch). causa lesões na pele. vômitos e rigidez dos músculos da nuca (o doente não consegue encostar o queixo no peito). O doente apresenta tosse persistente. feijão.A importância das Bactérias As bactérias são conhecidas principalmente pela sua capacidade de gerar doenças aos humanos e demais organismos. que atuam na natureza decompondo a matéria orgânica morta e transformando em matéria inorgânica simples. em geral. Transmitida pelo Mycobacterium leprae. permitindo a fabricação de coalhada e iogurte. febre. as bactérias do gênero Acetobacter oxidam o álcool etílico transformando-o em acido acético e permitindo a obtenção do vinagre. difteria. Meningite meningocócica: Infecções das meninges ( membranas que envolvem o cérebro e a medula). os pulmões. vivem associadas às raízes de plantas leguminosas (ervilha. lepra. Os sintomas iniciais são febre alta. que são em parte assimilados pelas plantas. fixam o gás nitrogênio atmosférico (N2) e os transformam em sais nitrogenados.2015 9 . que converte a lactose em ácido lático. escarro com sangue. Na agricultura muitas bactérias do gênero Rhizobium. Destacam-se. leptospirose. desenvolvimento genético.

muscular e articular. Ocorrem também cólicas abdominais. que regride mesmo sem tratamento. transmitida por água. Provoca dor. estufando a tampa? 02 . as fezes são como água de arroz (aquosas e esbranquiçadas). transmitido por água ou alimentos contaminados.2015 10 . Cólera: Causada pela Vibrio cholerae. Por isso não se deve consumir alimentos com cheiro estranho ou enlatados em que a embalagem esteja em mau estado de conservação ou estufada. de uma ferida de bordas endurecidas indolor. náuseas e vômitos. provocando morte.(UNESP-SP) As doenças sífilis e cólera são causadas por bactérias. o que não significa que o indivíduo esteja curado. que pode penetrar no organismo por ferimentos na pele ou pelo cordão umbilical do recém – nascido quando cortado com instrumentos não esterilizados. Devemos observar não só a data de fabricação e o prazo de vencimento do produto. crus ou malcozidos (ele morre em água fervida em alimentos cozidos) O vibrião se instala e se multiplica na parede do intestino delgado. próximo aos órgãos sexuais. ardência e pus ao urinar. Exercícios 1 . sem tratamento a doença pode apresentar sérias conseqüências e comprometer diversos órgãos e o sistema nervoso. As infecções provocadas por bactérias são tratadas por antibióticos e muitas podem ser prevenidas por vacinas.Tétano: Causado pelo bacilo Clostridium tetani. Sífilis: Também transmitida por contato sexual (pode passar também da mãe para o feto pela placenta). O doente apresenta febre alta. Botulismo: Intoxicação provocada pelo Clostritium botulinum. que provocam rigidez na nuca e na mandíbula.Há um cuidado que deve ser tomado quando se compra um alimento enlatado. produzindo substancias tóxicas e provocando diarréia. Se a tampa estiver estufada. febre e contrações musculares. a produtora do botulismo. dor de cabeça. a) Que tipo de respiração essa bactéria mantém no interior da lata fechada? b) No caso do produto contaminado. mas apresentam diferentes formas de contágio. Quais são essas formas? BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO . Um sinal característico da doença é o aparecimento. uma doença frequentemente fatal. cães e outros animais portadores da bactéria. pode ter-se desenvolvido dentro outras bactérias. Essa bactéria produz uma toxina que afeta os sistema nervoso e provoca tremores. dores no corpo. O grande perigo está na rápida desidratação provocada pela diarréia.e fraqueza muscular progressiva acarretando uma parada respiratória. vômitos. Há casos por morte por asfixia. Gonorréia: Transmitida pelo contato sexual. mas também o aspecto da lata que não deve se apresentar com a tampa estufada. o que causou a pressão no interior da lata. O doente apresenta dor de cabeça. calafrios. A vacinação e os cuidados médicos (é aplicado soro antitetânico em caos de ferimento suspeito) são essenciais Leptospirose: Causada pela Leptospirainterrogans. alimentos e objetos contaminados por urina de ratos.

Os protozoários habitam os mais variados tipos de ambiente (na água. um exemplo é o Plasmodium que causa a doença da malária. vivax P. sua reprodução pode ser assexuada ou sexuada (com produção e união de gametas. falciparum). Nos protozoários de água doce. A malária é uma doença causada pelo protozoário esporozoário. nesse caos. outras realizam troca de material genético conjugação.(UF-MT) Em relação à doença conhecida pelo homem de cólera. REINO PROTISTA (PROTOZOÁRIOS) Os protozoários e as algas unicelulares são membros do Reino Protista. isso porque são organismos unicelulares eucariontes. o vacúolo pulsátil ou contrátil possui a função de controlar a entrada e a saída de água atuando como um regulador osmótico. a) Nessa situação. o que aumenta a variedade de indivíduos). quando as condições forem favoráveis. parasitas intracelulares. Quando as condições do meio se tornam desfavoráveis. que doença a criança estaria com maior risco de contrair? Explique por quê. Filo Sporozoa (Esporozoários): São protozoários sem a estrutura de locomoção. Os protozoários excretam resíduos por difusão. no solo).2015 11 . b) Quais os principais meios d irradiação e de contaminação? 04 . a criança viesse a desenvolver tal doença? Qual dos gráficos da página seguinte corresponde a esse procedimento? Justifique. malariae P. A diferença entre os protozoários e as algas é que os protozoários são heterotróficos e as algas autotróficas fotossintetizantes. voltam á forma ativa. (Existem três espécies P. responda: a) Qual é o agente causador? Indique sua posição na classificação dos seres vivos. alguns protozoários parasitas e de água doce podem adotar a forma de cisto: e formam uma casca resistente. b) Qual seria o procedimento mais seguro para evitar que. Em geral realizam respiração aeróbica. Os protozoários estão separados em quatro filos. Esta doença também pode ser denominada maleita ou impaludismo. podendo ser de vida livre ou parasita. sendo o critério de classificação o modo de locomoção destes organismos. BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO .03 . O médico foi informado de que a criança não tinha recebido muita das vacinas obrigatórias.(UNICAMP-SP) Um menino sofreu um ferimento no pé quando estava brincando na terra. Plasmodiumsp.

Filo Cilióforo (Ciliados): A principal característica desses seres são os cílios que servem para a locomoção e a captura de alimentos. um deles é a eliminação do mosquito vetor.A malária é transmitida pela picada do inseto chamado de mosquito prego. Filo Mastigophora (Flagelados):São protozoários portadores de flagelos e estes atuam na locomoção. pertencente ao gênero Anopheles. BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO . A fêmea deste inseto é hematófaga e quando pica um mamífero. amadurecendo e tendo a capacidade de infectar novamente o homem. sofrem tremores e apresentam anemia. As pessoas com malária apresentam febres periódicas. com ele são passados muitos protozoários. Para se evitar a malária é recomendado interromper o ciclo do Plasmodium. este suga também os protozoários.2015 12 . pode transmitir o protozoário ao hospedeiro. impedindo assim a coagulação. como a drenagem de regiões alagadas. O exemplo clássico deste grupo é o Trypanosomacruzi. entre eles temos como exemplo o Paramecium que vive em água doce. Estes por sua vez alcançam a corrente sangüínea invadindo as hemácias. por onde voltam a se dividir assexuadamente. Quando o mosquito transmissor pica um indivíduo. crescem e rompem a célula voltando para a circulação sangüínea. outro método é a aplicação de inseticidas. Na destruição da hemácia é liberada uma substância tóxica que promovem a febre. causador da doença de Chagas. Dentro da hemácia os Plasmodium se alimentam. Entre as proposta seria o cuidado em não gerar criadouros das larvas do Anopheles. Geralmente. possuem mais de um núcleo (macronúcleo que controla a nutrição e as atividades metabólicas e o micronúcleo responsável pela recombinação dos genes na reprodução por conjugação) São protozoários de vida livre. Quando o mosquito volta a picar sugando o sangue do paciente. Estes protozoários assumem forma sexuada e após a fecundação atingem a parede estomacal do inseto por onde sofre outras divisões. injeta-lhe um poucoda saliva que contém substâncias anticoagulantes.

2015 13 . Neste momento o protozoário não atingiu a corrente sanguínea. BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO . também conhecido popularmente de chupança. com a utilização de inseticidas. geralmente encontrado no sangue de vários animais como o gambá. Enquanto o barbeiro suga o sangue.A doença de chagas pode ser denominada também de mal-de-Chagas ou tripanossomíase. ele evacua liberando junto os protozoários. Substituir casas de pau-a pique por casas de alvenaria e é necessário também fiscalizar bancos de sangue. As medidas profiláticas da doença consistem na eliminação do seu vetor. A doença é causada por um protozoário mastigóforo Trypanosomacruzi. Esses animais são chamados de reservatórios naturais A pessoa com o mal de Chagas adquiriu o parasita através do barbeiro. da pessoa. principalmente o coração onde constroem ‘’ ninhos’’ no interior das fibras musculares podendo levar o indivíduo à morte devido complicações cardíacas. já que o parasita pode ser transmitido por transfusões de sangue. Filo Rizópodo (Sarcodino):São protozoárias que se locomovem por projeções do citoplasma. somente quando a pessoa coça é que promove pequenas lesões na pele e o Trypanosoma entra na corrente sanguínea e se instalam em diversos órgãos. tatu e macaco. Barbeiro O barbeiro tem hábito noturno e é hematófago. geralmente ele aproxima-se e pica as pessoas que estão dormindo. Um exemplo comum dos sarcodinos é a Entamoebahistolytica que causa a doença denominada amebíase. estas projeções são denominadas pseudópodes.

sobretudo à água potável e à rede de esgoto”. 1996). (FUVEST-SP) Como as amebas capturam seu alimento? 03. cujos microrganismos causadores estão presentes no sangue de pessoas infectadas. no Alto Jequitinhonha. 02. Até 1979. a) A erradicação da Doença de Chagas em Gouveia não pode ser atribuída às causas apontadas pelo artigo... Ecologia e Desenvolvimento nº 59. podendo inclusive ser transmitido através de transfusões ou por seringas usadas. (PUC-SP) Na espécie humana ocorrem várias.) e 22% dos moradores estavam doentes. tornou-se referência nacional em saúde pública (. b) Qual o mecanismo natural de transmissão da Doença de Chagas para o ser humano? BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO . (UNICAMP-SP/1998) “Com 12 mil habitantes e arrecadação mensal de R$ 120 mil. a Prefeitura anunciou que não houve nenhum novo caso de Doença de Chagas.. norte mineiro. b) Escolha uma das doenças para você citadas e indique dois métodos para a sua profilaxia. Em 1995. Exercícios 01.2015 14 .). graças.. 42% das casas de Gouveia tinham barbeiro (. (FUVEST-SP) Qual é a função do vacúolo pulsátil dos protozoários de água doce? Porque esta organela geralmente não existe nos protozoários marinhos? 04. (Adaptada do artigo “Cidade com pouco recurso é modelo de saúde em MG”. indicando para cada uma o nome do parasita responsável. Gouveia. a) Cite duas dessas doenças que sejam causadas por protozoários. Indique uma forma eficaz de combate a essa doença que possa ter sido utilizada nesse caso.

Fungos no Ambiente Os fungos no ambiente exercem papel de decompositores como as bactérias e protozoários estes organismos são denominados saprófagos. Ao conjunto de hifas dá-se o nome de micelas. Existe ainda certos fungos comestíveis que participam da cadeia alimentar. os fungos contêm parede celular e sua reprodução envolve a formação de esporos (ciclo haplodiplobionte). transformando matéria orgânica em compostos inorgânicos.929 Alexander Fleming descobriu acidentalmente que o Penicilliumnotatum atua como antibiótico. Por outro lado.REINO FUNGI (FUNGOS) Estes organismos contêm algumas características próprias dos vegetais e animais. para a culinária ou para o desenvolvimento biotecnológico. os fungos se assemelham aos animais considerando que estes organismos contêm o glicogênio. BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO . em sua maioria caracterizam-se pela presença de hifas que são filamentos constituídos por células não especializadas. IMPORTÂNCIA DOS FUNGOS Os fungos são organismos de grande importância. pois este fungo interfere no desenvolvimento de bactérias patogênicas. Os fungos são eucariotosuni ou pluricelulares e.2015 15 . Fungos e a Medicina Em 1. Os fungos também são importantes para o controle biológico. certos fungos que são parasitas atacam pragas nas lavouras aumentando a resistência ambiental. seja para o ambiente. fornecendo aos seus consumidores a energia armazenada em moléculas de carboidratos e proteínas. isto é. faz a reciclagem da matéria no meio ambiente. todas as células do fungo têm condições de executar todas as funções vitais. A produção da penicilina foi o antibiótico responsável pela salvação de milhares de vida durante a Segunda guerra mundial. estas características são comuns aos vegetais. isto é. isto é. ou seja. A parte da biologia que estuda os fungos é denominada de micologia. preferencialmente em locais úmidos e ricos em matéria orgânica. Os fungos estão presentes em qualquer tipo de habitat. carboidrato de reserva e a nutrição heterotrófica. para a medicina.

os quais recusavam esse alimento? a) O que é mofo? b) Por que esses alimentos mofados podem combater as infecções de pele? 02. pois o gás carbônico que liberamdurante a fermentação provoca o crescimento da massa. convertendo o açúcar em álcool etílico. utilizando. * pães: Os fungos do Gênero Saccharomyces são também utilizados como fermentopra a fabricação de pães.o como substrato. no combate a infecção de pele. Durante a Segunda Guerra Mundial. que realizamfermentação alcoólica.bolos e biscoitos. onde o fungo fornece a algas umidade e as algas passam nutrientes orgânicos para o fungo. (DIAS) Em que tipo de ambiente (habitat) os fungos são encontrados? BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO . micoses e a candidíase. esses fungos também são conhecidos como leveduras.500 anos. Liquens Os liquens são uma associação de fungos com algas. Os fungos alucinógenos são utilizados na medicina para tratamentos específicos. pois eles secretam toxinas e quando ingeridos pelos animais estes morrem por intoxicação. que aceitavam comer pão mofado.998) O molho de soja mofado vem sendo usado na China. Fungos Venenosos e alucinógenos Alguns fungos são venenosos. já que realizam respiração aeróbica em presença do oxigênioe fermentação na ausência desse gás. Os exemplos de doenças causadas por fungos são “pé de atleta”. são anaeróbicos facultativos. sofriam menos infecções de pele que os demais prisioneiros. Fungose a Indústria Na indústria alimentícia. Exercícios 01. há mais de 2. prisioneiros russos das prisões alemãs. * queijos: Alguns fungos dão aos queijossabores especiais. da cerveja é fundamental a importância a participação dos fungos do Gênero Saccharomyces. (FUVEST-SP/1. a medicina estuda-os como agentes patogênicos. O champignon é um fungo que serve de alimentoe é rico em proteínas e vitaminas Existem fungos que afetam a saúde humana e por se tratar de parasitas. os fungos entram nos processos fermentativos para a produção de: * bebidas alcoólicas: na fabricação do vinho.2015 16 . Quando são utilizados como drogas podem provocar dependência e induzir alterações cromossômicas nos fetos de gestantes dependentes.

recebe o nome genérico de capsômero.2015 17 . quem as distingue. isto é. proveniente das células que parasitaram. éo capsômero. Chama-se vírion ao vírus maduro. A grande maioria dos vírus é estruturada pela descrição acima. podem estar envolvidos por dupla camada de lipídeos. Cada tipo de vírus infecta uma determinada célula hospedeira. entre elas fungos de importância ecológica e/ou econômica. Esses vírus são denominados “vírus capsulados” ou “vírus envelopados”. VÍRUS ESTRUTURA GERAL DOS VÍRUS Os vírus são organismos acelulares extremamente pequenos e simples. são constituídos de proteínas e ácidos nucléicos (DNA ou RNA). O vírion nunca apresenta nenhuma forma de atividade metabólica e não tem a capacidade reprodutiva. juntamente com as bactérias heterotróficas. por que os fungos. BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO . Cada macromolécula proteica que o compõe. Os vírus são considerados por alguns autores como seres vivos por apresentar as seguintes características comuns a todos os outros: # capacidade de reproduzir. que protege o ácido nucléico. completo. no entanto. alguns deles. mesmo quando colocado em meios nutritivos.000 espécies. (UNICAMP-SP) Cite dois exemplos de fungos e discuta a sua importância. Pode ser cristalizado e armazenado por longo período de tempo.03. são ecologicamente tão importantes. (UFC-CE) O reino Fugi possui cerca de 70. sucintamente. As moléculas de proteínas virais formam um envoltório (capsídeo). formado pelo capsídeo e o seu ácido nucléico. # contém ácidos nucléicos como material genético # capacidade de sofrer mutações e # capacidade de evoluir-se.Explique. tal como se encontra fora da célula. 04.

BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO . Este vírus é envelopado. a custa da energia e dos componentes químicos da célula hospedeira. um retrovírus. Quando apresenta só DNA. Esquema da um vírus se reproduzindo O vírus aproxima-se da célula a ser parasitada e em seguida adere-se a proteínas da membrana e inocula o material genético viral na célula.2015 18 . DNA ou RNA. os vírus não apresentam a complexa maquinaria bioquímica para traduzir as informações nele codificada. eles necessitam de células hospedeiras para se reproduzirem. REPRODUÇÃO DOS VÍRUS Embora tenham material genético. Didaticamente. seu genoma é constituído de RNA. que traduzido significa Síndrome da Imunodeficiência Adquirida. O agente etimológico da AIDS é o HIV (Vírus da Imunodeficiência Humana). Por isso. Passando assim a interferir em seu metabolismo e a comandar a síntese de novos ácidos nucléicos virais. os vírus foram separados em dois grupos e classificados de acordo com o tipo de ácido nucléico que apresentam de forma ímpar. As Viroses Destacaremos duas viroses: A síndrome da imunodeficiência Humana – AIDS e a Dengue. é classificado como Vírus DNA e no caso de apresentar apenas o RNA é classificado como Vírus RNA. AIDS A AIDS vem da sigla inglesa “ACQUIRED IMMUNE DEFICIENCY SYNDROME”. Eles são denominados parasitas intracelulares obrigatórios.Classificação dos Vírus A disciplina científica que a estuda os vírus é denominada virologia.

Quando a pessoa manifesta as doenças dizemos que é aidético. BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO . vômito. Quando a pessoa contraiu o vírus. o vírus HIV destrói o sistema imunológico. Propõe-se também a montagem de telas nas janelas. daí o seu nome dengue derivado do termo dengoso. Para evitar o contágio deve-se usar seringas descartáveis. falta de apetite. dor de cabeça.instrumentos cirúrgicos esterilizados. parasitando e destruindo as células brancas do sangue. os linfócitos (células de defesa). Uma pessoa adquire o vírus HIV pelo comportamento de risco. um assintomático. desenvolve o câncer de pele. no leite materno. uso de preservativos nos contatos sexuais. cuja combinação é conhecida por coquetel. O uso de inseticida também é recomendado para envenenar e mata o inseto. DENGUE A dengue é uma doença caracterizada pela sensação de fraqueza. contato sexual sem segurança. na saliva e na lágrima. nas secreções vaginais.A pessoa com o HIV pode ou não manifestar a AIDS. dizemos que este é portador do vírus. sejam ela em prato de vaso de plantas. sarcoma de Kaposi e outras infecções. O HIV foi encontrado na circulação sanguínea. pneus e outros objetos que permitem o acúmulo de água. mas não manifesta as doenças. isto é. Quanto maior o número de insetos maior será a possibilidade de transmissão da dengue. transfusão sanguínea e amamentação. pneumonia.2015 19 . O vírus da dengue é transmitido pela picada do inseto Aedesaegypti e Aedesalbopictus. o aidético adquire outras doenças como a diarreia. A AIDS caracteriza-se pela imunodeficiência. A fêmea do Aedesé hematófaga. como a prática de uso compartilhado das injeções intravenosas. Os sintomas da doença são dores musculares. Para evitar a doença recomenda-se a eliminação de água parada. náusea. Com o sistema imunológico afetado. no sêmen. dores nas articulações. As larvas deste inseto se desenvolvem em poças d’água. no entanto os portadores e aidéticos consomem drogas. garrafas. isto é. A AIDS não tem cura. alimentam-se de sangue. uso de leite materno doadas por pessoas “fora de risco”.

vacinação. Combate ao distribui pela corrente sanguínea náusea. dores musculares. Em mulheres Rubéola sanguínea. febre alta. mal-estar. inchaço Vacinação Caxumba parótida e às vezes nos ovários ou abaixo das orelhas e pode levar a testículos. obstrução nasal. instalando nas vias cabeça. paralisia Vacinar animais ou por ratos e morcegos que estão dos músculos respiratórios e domésticos (Raiva) infectados com o vírus. esterilidade reprodutiva. o corpo todo Vacinação Sarampo narina e distribui pela corrente característico com vermelhidão. O vírus reproduz na glândula Inflamação das parótidas. genital a prevenção contato sexual (herpes genital). sanguínea. O vírus entra pela boca ou pela Febre. sistema nervoso O vírus instala-se no fígado. prostração. O vírus entra pela pele e se Pele amarelada. onde Febre. O vírus entra pela boca ou pela Febre alta. mal-estar Vacinação Hepatite se multiplica. febre Vacinação narina e reproduz no intestino. hepáticas. destruindo células icterícia.2015 20 . O vírus entra pela boca ou pela Paralisia dos membros. Amarela è transmitido pelo mosquito Aedesaegypti Contato direto com o portador Pequenas feridas nos lábios ou na No caso do herpes como beijo (herpes simples) ou região genital. vômitos. calafrios e mosquito e Febre até chegar ao fígado. na medula prostração. Ataca o convulsões. é pelo uso de Herpes Embora as feridas cicatrizem o preservativo. náusea. tosse. delírios. vírus permanece no organismo e pode provocar novas lesões BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO . gestantes pode provocar surdez e doenças cardíacas no feto. tosse e apenas alguns tipos respiratórias superiores. em baixa e indisposição. dores de Vacinação para Gripe narina. anorexia. óssea. de vírus da gripe O vírus entra pela boca ou pela Erupções cutâneas. Doença Infecção Sintomas e Características Prevenção Mordidas de animais domésticos Febre. Poliomielite seguida se distribui pela corrente sanguínea e parasita o sistema nervoso central. no baço. febre e Vacinação narina e se distribui pela corrente prostração.

2015 21 . (AMABIS) Por que os vírus são parasitas intracelulares obrigatórios? 02. pertencente ã família dos retrovírus: a) Em qual dos componentes representados está a localizada a “informação genética” desses vírus? b) “Os doentes com AIDS apresentam maior sensibilidade às moléstias infectocontagiosas”. Exercícios 01. o HIV. Justifique esta afirmação. relacionando-a com a função desempenhada pela célula parasitada pelo HIV. BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO . (GOWDAK) Observe os esquemas e responda: a) Qual o acontecimento representado pelos esquemas? b) Qual é a ordem cronológica do evento? 1) (PUC-SP/1988) O esquema abaixo representa os principais componentes do vírus da AIDS.

amebócito. Os coanócitos são células com flagelo e dotadas de colarinho que revestem a parede interna dos poríferos. circulação e pela excreção.Nesses animais não há sistemas responsáveis pela respiração. Não apresentam tecidos e nem órgãos verdadeiros. Os pinacócitos ou pinacodermes são células justapostas que revestem a parte externa dos poríferos. são responsáveis pelo fluxo de água na cavidade interna do animal e pela captura de alimentos e este sofre digestão intracelular. espícula.FILO PORÍFERA Filo dos Poríferos ou Filo das Esponjas Neste filo estão os animais mais simples. BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO . Observe a figura e a descrição a seguir.2015 22 . e coanócitos. O corpo de um porífero é constituído basicamente por: Pinacócitos (pinacoderme). São de ambientes aquáticos vivendo fixos(sésseis) nos substratos.

Compreende a união dos gametas masculinos e femininos. células portadoras de micro aberturas. As aberturas entre o átrio das espojas com o meio externo dão-se pelo ósculo e pelos porócitos. Regeneração: pedaços de uma esponja podem originar outra. As espículas são componentes do esqueleto do animal. por sua vez. por isso. Brotamento: Um broto cresce na parede externa da esponja e pode desprender-se dela transformar-se em outro indivíduo. constituídas por carbonato de cálcio ou sílica. são responsáveis pelo crescimento e pela regeneração. responsável pela sustentação do organismo. que se fixa em um substrato. Este. Reprodução sexuada. Reprodução assexuada pode ocorrer por brotamento ou por regeneração.2015 23 . A reproduçãodos Poríferos As esponjas podem se reproduzir de forma sexuada ou assexuada. entre a camada de Pinacócitos e os coanócitostem como função originar outras células. origina uma larva ciliada e natante. O ósculo é a abertura superior com maior calibre se comparado aos poros dos porócitos. devido à capacidade de regeneração dos poríferos. Os amebócitos são células móveis.A cavidade interna é chamada átrio ou espongiocela. originando uma esponja adulta. com a consequente formação de um zigoto. BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO .

FILO CNIDÁRIO Filo Celenterado ou Filo Cnidário Os cnidários ou celenterados (água.vivas anêmonas e corais) são animais aquáticos. o nematocisto que secreta substância urticante responsável pela captura. localizado principalmente nos tentáculos e ao redor da boca. paralisação de sua presa e pela defesa de possíveis predadores. Estes animais possuem organização mais complexa se comparado aos poríferos. A reprodução dos celenterados A reprodução dos celenterados pode ser: assexuada (exe. Uma das características marcantes destes organismos é a célula cnidoblasto. É comum a ocorrência de metagênese ou alternância de gerações. Apresentaremos a seguir os tipos de celenterados: O pólipo e a medusa. Essas células possuem uma bolsa interna.: Brotamento) ou sexuada. O aparelho digestório incompleto é aquele que apresenta uma cavidade digestiva com apenas uma abertura para o ambiente. Apresentam dois tecidos embrionários: Endoderme e ectoderme e por isso são classificados como sendo diblásticos. BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO . a boca.2015 24 . pois o alimento é parcialmente digerido em uma cavidade a gastrovascular ou gastroderme. o primeiro é fixo ao substrato e o segundo é natante. o sistema nervoso é difuso e o aparelho digestório incompleto. pois já possuem órgãos e sistemas: Por exemplo. A digestão nos celenterados é extracelular e intracelular.

pela forma polipoide..  Os sistemas respiratórios e circulatórios estão ausentes. 158 banhistas foram atendidos no Hospital Miguel Couto . Ontem de manhã.  Esses animais estão divididos em três classes.2015 25 . formados por três tecidos. provocam dor no corpo e enjoo. mesoderma e a ectoderma.  Sistema excretor com células-flamas.  Sistema nervoso com um par de gânglios anteriores ligando-se a cordões nervosos longitudinais. corpo achatado dorsoventral. No caso de alternância de gerações: a fase sexuada é representada pela forma medusoide: a fase assexuada. BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO .  Acelomados. solitária ou tênia.  Tubo digestivo incompleto (boca sem ânus). após serem atingidos por caravelas[. b) Descreva o mecanismo pelo qual eles podem. na Barra.” ( O Globo. Classe Turbellaria (vida livre): O exemplo mais comum é a planária de água doce. FILO PLATELMINTO Características Gerais:  Simetria bilateral. Possuem uma extraordinária capacidade de regeneração.] que além de queimaduras. no Leblon..  Reprodução assexuada e regeneração em algumas espécies e sexuada em outras. ambos fazem trocas por difusão. com 3 folhetos germinativos. no Lourenço Jorge. pelo simples contato. endoderme. não possui cavidade corporal.) a) Identifique o grupo ao qual pertencem os animais causadores dessas queimaduras. com queimaduras no corpo. são de vida livre. Exercícios 1) “’As caravelas chegaram à Zona Sul. e no 2 o Grupamento marítimo de Bombeiros.  Principais exemplos do filo: Planária. levar pequenos animais à morte ou causar irritações cutâneas em seres humanos.

não nadar em lagos onde haja o caramujo e eliminar o caramujo. transformam-se em larvas ciliadas denominadas miracídios. que permanecem na água até penetrarem em caramujos do gênero Biomplalaria. No caramujo. Esquistossomose: A esquistossomose também é chamada de “ BARRIGA D’ÁGUA” é uma doença causada pelo verme denominadaesquistossomo (Schistosomamansoni). Os esquistossomos possuem na parte externa do corpo uma cutícula que os protegem contra as eventuais defesas do hospedeiro. os miracídios fazem reprodução sexuada. Nessas águas.2015 26 . As cercarias podem penetrar na pele do ser humano e se alojar no fígado e levar o comprometimento desse órgão Para combater a doença é necessário o uso de instalações sanitárias. Na esquistossomose o caramujo é o hospedeiro intermediário e o homem é o definitivo. Uma espécie bastante conhecida é esquistossomo. formando larvas as cercarias e esta sim podem contaminar um novo individuo. elimina ovos de esquistossomo. Alguns apresentam ganchos e ausência geral de órgãos sensitivos. Uma pessoa contaminada. São dioicos. BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO . Planária Classe Trematoda (parasitas): Estes vermes possuem uma ventosa para a fixação na região anterior próxima à boca. Esses ovos são carregados para lagoas. cada indivíduo apresenta um órgão sexual (sexos separados). ao defecar.(Schistosoma manson) que causa a esquistossomose ou barriga d’água. Eles quando adultos vivem no fígado do hospedeiro. isto é.

2015 27 . numa extremidade encontra-se o escólex. Tênia. Sua contaminação ocorre por ingestão de carnes mal passada. A tênia tem corpo em forma de fita. Cientificamente temos dois representantes: A Taeniasolium e a Taeniasarginata. pois este parasita é único no hospedeiro. O corpo é dividido em unidades denominadas proglótides e nelas estão os órgãos reprodutores masculinos e femininos (são hermafroditas). os indivíduos não apresentam tubo digestivo. Estes vermes se alojam nas paredes do intestino sugando o alimento já digerido pelo hospedeiro. Teníase: Esta doença é causada pelo verme conhecida popularmente como solitária. O alimento é absorvido já digerido pela parede do intestino do parasita. onde estão as ventosas que fixam na parede intestinal do hospedeiro. BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO . Entre estes vermes temos a chamada solitária.Classe Cestoda Nesta classe.

Exercícios 01. um Schiostosoma e uma Tênia possuem em comum que os coloca no mesmo filo? b) Cite o filo a qual pertencemos organismos citados a cima. (UFV-MG) Entre os invertebrados. Sabe-se que o lugar está situado em região de matas. podendo causar dores de cabeça. Se uma pessoa ingerir essa carne crua ou malpassada desenvolvera a tênia adulta em seu intestino delgado. desnutrição e fraqueza. elimina no ambiente. inspeção de frigoríficos. as habitações são. A pessoa com a teníase apresenta os seguintes sintomas: emagrecimento exagerado. 02. muitos organismos aparentemente diferentes entre si pertencem a um mesmo filo.2015 28 . beber água sempre tratada ou fervida. saneamento básico. convulsões e até a morte. ovos da tênia. é fundamental a educação sanitária. Cisticercose Caso o homem venha a ingerir os ovos da T. diretamente da água ou hortaliças contaminadas. CICLO DA TÊNIA A Taeniasolium é encontrada nos músculos de suínos e a Taeniasarginata é encontrada nos músculos de bovinos. solium. As medidas profiláticas são: não consumir carne crua ou mal cozida. Uma pessoa contaminada ao defecar. com as fezes. os ovos se rompem e se tornam os cisticercos que se alojam no cérebro. (FEI-SP) Em uma determinada região do Brasil encontramos alta incidência de esquistossomose (barriga d’água). Para prevenir a cisticercose. em sua BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO . a) O que uma Planária. Esses ovos podem ser ingeridos pelo gado e se instalarem na musculatura do animal. lavar bem os alimentos que serão consumidos.

Essa musculatura lisa é responsável pelos movimentos do animal. as habitações não dispõem de esgoto ou fossa negra. boca e ânus. Características Gerais O corpo desse animal é coberto por uma cutícula muito fina. Os nematelmintos conquistaram o habitat marinho. ou seja. seguidas de uma faringe musculosa que efetua sucção do alimento. A musculatura é composta por uma única camada de células que se distribui longitudinalmente pelo corpo. Não possuem sistema circulatório. produzida pela epiderme e composta principalmente de colágeno. A boca possui lábios ao redor. mas há espécies fitólogas e carnívoras. de pau-a-pique. a água doce e o habitat terrestre. que eliminam excretas pelos poros excretores. maioria. Apenas os Artrópodes apresentam maior diversidade. Essa cutícula protege – o contra as enzimas produzidas pelo sistema digestório do organismo hospedeiro. Possuem canais longitudinais que percorrem a lateral do corpo. e a respiração é cutânea. Possuem dois cordões nervosos que percorrem o corpo do animal ventral e longitudinalmente. que incluem parasitas de plantas e animais. nutrientes e substâncias tóxicas é feita pelo pseudoceloma. da faringe parte os cordões nervosos que são responsáveis pela função motora e sensorial. ou seja. BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO . Apresentam sistema digestório completo. resistente. Cite as situações favoreceriam essa infestação.2015 29 . Os parasitas se alimentam de produtos pré-digeridos pelo hospedeiro. Seu tamanho é muito variável de aproximadamente um mm até cerca de oito metros de comprimento. há muitos representantes parasitas de praticamente todos os tipos de plantas e animais. com estimativa de constituírem até 80% com mais de 20 000 espécies já descritas. bombeando para o intestino. FILO NEMATELMINTO Os nematelmintos também chamados de verme cilíndrico são considerados o grupo mais abundante da biosfera. existem lagos e córregos próximos. a fêmea é diferente do macho e a fecundação é cruzada com desenvolvimento indireto. a circulação de gases. São animais dioicos. A movimentação também vai depender da elasticidade da cutícula e do esqueleto líquido presente no pseudoceloma. Os nematelmintos não possuem sistema respiratório. Embora a maioria seja de vida livre. apresentam dimorfismo sexual.

então do sangue liberado. Filariose ou Elefantíase É uma doença transmitida pelo mosquito do gênero Culexcausada pelo verme Wuchereria bancrofti. Esses vermes vivem no intestino delgado humano. A profilaxia da elefantíase consiste basicamente na destruição do mosquito vetor. como utilização de instalações sanitárias adequadas. cólicas.  Ingerir apenas água tratada ou fervida. Doenças causadas por nematoides Ascaridíase É uma doença causada pelo Ascaris lumbricoides. ocasionando hipertrofia (crescimento exagerado) das estruturas afetadas. popularmente chamado de lombriga. como utilização de instalações sanitárias adequadas. nutrem – se. um verme com cerca de 0. A vítima passa a sofrer de intensa anemia. Os vermes adultos vivem no intestino grosso. BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO . tornando – se bastante debilitada e adquirindo uma coloração amarelada. A profilaxia da oxiurose é basicamente a mesma daascaridíase. aloja – se nos vasos linfáticos de estruturas diversas (mamas. pernas). Esses vermes alojam – se no intestino delgado. popularmente conhecida como “amarelão” ou “opilação”.2015 30 . onde exercem ação espoliativa e provocam reações alérgicas. A obstrução desses vasos dificultao escoamento da linfa. Ancilostomose ou Necatoríase Os vermes Ancylostoma duodenale e Necator americanus são os causadores dessa doença. A profilaxia da ascaridíase consiste em:  Lavar cuidadosamente frutas e verduras. A profilaxia da ancilostomose consiste:  No uso de calçados.5 cm de comprimento. náuseas e oclusão intestinal. onde provocam hemorragia na mucosa. Oxiurose Essa doença é causada pelo Enterobius vermiculares.  Em cuidados higiênicos. daí o nome popular da doença. escroto. onde provocam inflamações.  Cuidados higiênicos. com cerca de 7 cm. que quando adulto.

A mãe foi informada de que um dos vermes poderia ter causado a pneumonia. b) Cite outro verme que pode causar sintomas semelhantes no ser humano. Os resultados dos exames descartaram pneumonia por vírus ou bactérias. onde as condições precárias de saneamento básico e de moradia favorecem sua transmissão. A doença regrediu sem necessidade de tratamento. b) Amarelão. EXERCICÍOS 1) A palavra verme é comumente usada para nomear os diversos animais de corpo mole. Algumas semanas depois. para a baixa produtividade das pessoas afetadas. A doença provocada por esses animais. no sistema linfático humano? b) a larva do parasita passa pelo meio aquática. b) se não andarmos descalços. preferencialmente. por exemplo. contribuindo. apesar do uso de medicamentos eficientes contra vermes? BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO . genericamente chamadas de verminoses tem grande importânciasocioeconômica em países como o Brasil. após sair do caramujo? 4) Uma criança depois de passar férias em uma fazenda. por exemplo.2015 31 . a) Qual poderia ter sido o verme responsável? Justifique a sua resposta. um exame de fezes de rotina detectou parasitismo por Ascaris lumbricoides (lombriga) e por Enterobius vermiculares (oxiúro). 3) Em que doenças parasitárias: a) o verme adulto vive. 5) Por que o combate às verminoses tem tido pouco sucesso. Cite duas medidas profiláticas contra as seguintes verminoses: a) Ascaridíase. foi levada a um posto de saúde com quadro sugestivo de pneumonia. comprido e fino. 2) Cite uma doença parasitária que poderá ser evitada em cada um dos casos abaixo: a) se não comermos carne crua de porco.

Respiração branquial. Tubo digestivo completo. ostra. Pode ocorre a presença de concha calcária. Corpos moles. Dióicos com fecundação externa ou interna. Exemplos caramujo. Entre o manto e amassa visceral existe a cavidade do manto onde estão os órgãos viscerais.): Corpo formado por duas conchas calcárias. lula. Destacaremos três classes: Classe bivalvia ou Pelecypoda (mexilhões. divididos em cabeça. Sistema nervoso ganglionar. polvo etc. lesma. Excreção por rins (nefrídios). pé e massa visceral. o pé em forma de machado e é adaptado para cavar na areia e no lodo. Quanto à fisiologia. ostras. Corpo circundado por uma formação carnosa chamada manto. Características gerais: Simetria bilateral ou assimétrica.2015 32 . mexilhão. Os moluscos se adaptaram tanto na água quanto na terra e são bastante diversificados. BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO . algumas espéciespossuem boca com rádulaque serve para ralar o alimento. etc. mole). Sistema circulatório aberto (exceto nos cephalopoda). FILO MOLLUSCO E EQUINODERMOS Filo dos Moluscos: (do latim mollis.

etc. pés). sistema circulatório fechado. musculatura desenvolvida do manto. Não têm rádula. Alimentam-se através de movimentos ciliares. olhos semelhantes aos dos vertebrados. Classe Gastrópode (caramujos. pés com propulsão a jato para a mobilidade. São dioicos e monoicos. As formas terrestres respiram por um pulmão situado na cavidade do manto. As ostras têm grande importância econômica pois são produtoras de pérolas.): Encontradas em todos os principais ambientes terrestres. cromatóforos para a camuflagem. marinhos e dulcícolas. maior consumo de oxigênio e eliminação do gás carbônico. Formam larva trocófora e véliger.O manto é de tamanho grande englobando todo o corpo e formando uma grande cavidade do manto. Portanto. para tal adaptação: alto metabolismo. Habitat: marinhos ou de água doce. Os mais derivados desenvolvem genitais distintos e os gametas são levados para a cavidade do manto. Músculos adutores para abrir e fechar as valvas. lesmas. e como mecanismos de defesa do animal fabricam série de camadas de nácar ao redor do corpo estranho. A formação de pérolas pode ocorrer quando um grão de areia ou um verme entra na concha. Diferente dos outros moluscos. BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO . “cérebro”. cabeça + podos. lulas e polvos): (do grego kephale.2015 33 . Brânquias desenvolvidas para aumentar a superfície filtradora. os cefalópodes são predadores rápidos. Classe Cephalopoda (náutilos. Todo o corpo se localiza no interior da concha e se alimentam por filtração. caracóis. alto fluxo sanguíneo através das brânquias. Os mais desenvolvidos e podem ser considerados os grupos mais avançados dentre os invertebrados.

mar Crinoidea. pepino-do-mar.serpentes. Reprodução: são animais de sexos separados.do. bolacha -do –mar Asteroidea.mar BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO .blírios.mar Holthuroidea.2015 34 .ouriço. o corpo é revestido por projeções em forma de espinho e sua simetria penta-radial.do. seu corpo pode ser dividido em cinco planos. de fecundação externa e desenvolvimento indireto. Estes animais são bentônicos.mar.do. ouriço-do-mar entre outros.mar Ophiuroidea.do.do-mar. Esses animais possuem um sistema hidrovascular. e suas larvas possuem simetria bilateral. pois ambos são deuterostômios e celomados. Entre os equinodermos temos a estrela-do-mar.estrela.Filo dos Equinodermos (espinhos na pele) Os equinodermos são animais marinhos.Acredita-se que são precursores dos cordatos.do.pepino. (sistema ambulacrário ou aquífero) que tem por finalidade a locomoção. vivem na profundeza do mar e apresentam endoesqueleto (esqueleto interno). Muitos dos equinodermos apresentam uma estrutura denominada de lanternas de Aristóteles que é serve para a mastigação é o caso do ouriço. Os equinodermos estão divididos em cinco classes: Echinoidea.

Os anelídeos compreendem cerca de 15000 espécies. pois os gases respiratórios não atravessam superfícies secas. na água doce e na água salgada. O corpo dos anelídeos é revestido por uma pele fina e úmida. isto é cada animal possui os dois sistemas reprodutores. Na maioria das vezes. Um exemplo é a minhoca. Essa é uma característica importante da respiração cutânea. O habitat dos anelídeos pode ser a água dos mares e oceanos ou a água doce da terra úmida. tem boca e ânus e também apresenta um sistema circulatório onde o sangue só circula dentro dos vasos. BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO . No entanto eles realizam fecundação cruzada. que podem medir apenas alguns milímetros de comprimento e também animais de grande porte como o minhocaçu. Eles são considerados os mais complexos dos vermes. Porém. Isto é. Características gerais Além da minhoca existem várias espécies de anelídeos. EXERCICÍOS 1) (PUC-MG) Uma estrutura comum no tubo digestivo de várias classes de moluscos é a rádula.2015 35 . Podemos citar animais pequenos como as sanguessugas. Além do tubo digestório completo. Podem ser parasitas ou de vida livre. Muitos dos seres vivos que habitam o interior do solo não são visíveis a olho nu. ou seja. nos bivalves. nome que inclui vermes com corpo segmentado. A minhoca pertence ao filo dos anelídeos. com representantes que vivem em solo úmido. Por quê? FILO ANELIDA O solo é uma parte da biosfera repleta de vida. mas há outros que podem ser vistos com facilidade. que atinge dois metros. dividido em anéis. á rádula está ausente. tem um sistema circulatório fechado. que funciona como uma língua raspadora e trituradora de alimentos. os anelídeos são hermafroditas. dois animais hermafroditos cruzam e se fecundam mutuamente.

2015 36 . Além disso. ou seja. Ela tem a pele coberta por uma fina película e produz uma substância viscosa. em cada anel. um longo intestino que termina no ânus. Há três grupos de anelídeos: Oligoquetos. Os poliquetas são carnívoros. Muitas vezes são canibais. Alguns dias depois saem desses ovos. situado no último anel do corpo. as suas fezes contêm substâncias nutritivas que se misturam com a terra e agem como adubo. poli significa “muito” e hiru significa “sem”. e o sangue possui hemoglobina. Ela cava “túneis”. é possivél identificar como são as cerdas (quetos) desses animais: oligo significa “poucos”. Não há parapódios (pequenas projeções do corpo que auxiliam a locomoção) nem cabeça diferenciada do restante do corpo. Oligoquetos Apresentam poucas cerdas por anel. Pelo significado desas palavras. O sistema digestório é formado por uma boca. esse muco diminui o atrito com o solo. no qual estão implantadas as cerdas. O principal representante desse grupo é a minhoca. A minhoca desempenha um papel importante na fertilidade do solo. protege a pele do contato com possíveis substâncias tóxicas e mantem a umidade. que é fundamental para a respiração cutânea. O sistema nervoso é formado por células nervosas que coordenam várias funções do corpo. Após a fecundação cada um dos vermes libera no solo um casulo cheio de ovos. um papo. BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO . Nesse animal é visível o clitelo. aumentando a aeração e a circulação da água.O sistema circulatório é fechado.Classificação dos anelídeos Podemos classificar os anelídeos utilizando como critério a presença ou a ausência de estruturas semelhantes a pelose aquantidade de cerdas. fertilizando o solo. um anel mais claro onde os animais se unem na fecundação cruzada trocando espermatozóides. Poliquetos e Aquetos. uma moela. Poliquetos Possuem muitas cerdas em cada segmento. vermes jovens. atua como arado. devoram outros poliquetas. os para pódios. Cada anel tem um par de projeções laterais.

três folhetos germinativos. Por quê? b) Cite um exemplo de animal pertencente a cada uma das outras classes de anelídeos. as sanguessugas foram usadas para fazer sangrias. extrair o sangue de pessoas com pressão alta. provocando hemorragia e sugando o sangue liberado. A sanguessuga chupa o sangue de outros animais pelas ventosas.  Tubo digestivo completo. Existem também algumas espécies marinhas.  Sistema nervoso ganglionar e órgãos sensitivos (antenas e “pelos”). a) No filo dos anelídeos. Característica exclusiva: corpo segmentado com extremidadesarticuladas e exoesqueletoquitinoso. A saliva contém uma substância denominada hirudínea. Qual a estrutura utilizada como critério para essa classificação e qual a sua função nesses animais? 2) As sanguessugas podem ser predadoras de pequenos invertebrados ou parasitas. BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO . 3) Considerando as minhocas. as sanguessugas são classificadas na classe dos aquetos. Características gerais:  Simetria bilateral. Nesse grupo está a sanguessuga. Exercícios 1) Os anelídeos podem ser classificados em três classes: Poliquetas. Oligoquetas e Aquetas. articulação + podos. As espécies parasitas fixam nos hospedeiros por meio de ventosas. pés). raspam a pele do hospedeiro. isto é. No passado. Então utilizando pequenos dentes.  Sistema circulatório aberto. mais também podem se alimentar de minhocas e de restos de animais. com ação anticoagulante. É de pequeno porte. vive em solo úmido e pantanoso ou em água doce. Aquetos Os hirudíneos não possuem cerdas e apresentam ventosas que ajudam na fixação e na locomoção. responda: a) O que significa dizer que elas são animais hermafroditas? b) Qual a participação do clitelo na reprodução desses animais? c) Por que são considerados “arados naturais”? FILOS ARTRÓPODES (do grego arthros. o seu comprimento varia de 1 a 20 centímetros.2015 37 . ela é hermafrodita.

ou filotraqueal. BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO . etc. carapaça dura). A maioria é marinha.  Sexos separados com fecundação externa e larva. Esse processe é chamado de muda ou ecdise. Características gerais:  Cefalotórax e abdômen corpo dividido em dois tagmas ou segmentos. Classe Crustácea: (do latim crusta.  Cinco pares de patas ou mais. somente aumenta de volume quando ocorre a muda do exoesqueleto. lagostas. em todos habitats oceânicos. isso porque o exoesqueleto resistente impede o crescimento corporal contínuo. O plasma sanguíneo possui pigmento respiratório (hemocianina) que transporta oxigênio para os tecidos. que ativa o ciclo ou inibi este ciclo. ele apresenta um sério problema para o crescimento. cracas.  Circulação aberta. crescer e formar um novo esqueleto. traqueal.  Respiração por brânquias e pseudotraquéias (tatuzinho). Outros vivem em água doce e alguns vivem na terra em lugares úmidos. caranguejos. São os camarões. Os restos do antigo esqueleto são chamados de exúvias. Hormônios como a ecdisona controlam a muda. O crescimento dos insetos é periódico.  Dois pares de antenas.  Excreção por glândulas antenais ou maxilares. Dioicos geralmente.2015 38 . como o tatuzinho-de-quintal. Muda ou Ecdise: Com o exoesqueleto rígido revestindo todo o corpo do animal.  Respiração branquial. O artrópode precisa eliminar o esqueleto velho.

etc. ovípara com desenvolvimento direto. escorpiões. Características gerais:  Corpo: cefalotórax e abdômen.  Excreção por túbulos de Malpighi. Devido à presença de asas estes animais podem fugir de predadores. BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO .  Respiração por traqueias: o O2 é transportado diretamente para os tecidos. outros são parasitas de plantas devastando plantações inteiras.Classe Arachnida: (São as aranhas.  Excreção por túbulos de Malpighi e glândulas coxais. e alguns são parasitas de vertebrados como a pulga e o piolho. pois muitos são vetores de doenças (malária.  Peças bucais adaptadas para sugar.).  Respiração por filotraquéias. são alguns exemplos das 900.2015 39 . Circulação aberta: possui hemocianina. Características gerais:  Corpo dividido em três tagmas: cabeça. besouros. Classe Insecta: Gafanhotos. alguns com glândulas de veneno. tórax e abdômen..  Sexos geralmente separados com fecundação interna.  Predadores ou parasitas.  Possuem quelíceras e pedipalpos. moscas.  Três pares de patas. Os insetos também merecem destaque. No aspecto positivo alguns insetos são agentes polinizadores de plantas. O grande poder adaptativo dos insetos se deve à capacidade de voar e de viver em ambientes secos.  Um par de antenas. carrapatos.  Sem antenas. abelhas. borboletas. ácaros e outros.  Sexos separados com fecundação interna e desenvolvimento diferenciado. ir à busca de alimentos e parceiro sexual. outros produzem a seda e o mel. ocupar novos habitats.000 espécies de insetos.dengue).

Ex. Ex. larva. o jovem não possui asas nem órgãos reprodutores.: traça-de-livro. Classe Chilopoda: Centopeias ou lacraias são segmentadas e achatadas dorsoventral mente. gafanhoto. BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO . Holometábolo: desenvolvimento com metamorfose completa (ovo.  Um par de antenas.  Circulação aberta. Hemimetábolo: desenvolvimento com metamorfose incompleta (ninfa).: barata.  O primeiro segmento contém um par de garras venenosas.2015 40 . pupa e adulta). Desenvolvimento: Ametábolo: desenvolvimento direto sem estágio larval.: borboleta. O sangue serve principalmente para o transporte de nutrientes. Possuem:  Cabeça e corpo alongado. Ex.

tórax e abdômen. 02.  Sexos separados. podendo comer insetos e vertebrados pequenos. 03. excreção e circulação são como as da centopeia. EXERCICÍOS 01. Possuem:  Cabeça. Um par de patas por segmento. insetos e aracnídeos. b) Dê uma característica própria de cada um desses grupos.  Dois pares de patas por segmento. a) A que filo e classe ele pertence? b) Cite duas características.  Respiração traqueal.  Excreção por túbulos de Malpighi. Classe Diplopoda: Os piolhos-de-cobra têm corpo segmentado e cilíndrico. que o distinguem de um inseto.  Um par de antenas. seu alimento é matéria vegetal morta. BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO . (FUVEST-SP) Observe o animal desenhado.2015 41 .  É detritívoro. (FUVEST-SP) a) Dê duas características comuns aos crustáceos. visíveis no desenho. São predadoras.  A respiração. (UNICAMP-SP) Indique dois aspectos distintos que ressaltem a importância econômica dos insetos. algumas ovíparas e outras vivíparas.

Mandíbulas A mandíbula são esqueletos articuladores da boca. cuja água entra pelos poros que constituem a linha lateral. que são conjunto de células no canal da linha lateral. A linha lateral apresenta mecanorreceptores.2015 42 . são portadores de pares de narinas mandíbulas. portadores de nadadeiras ímpares (nadadeira caudal e nadadeira dorsal) e nadadeiras pares (nadadeira peitoral e nadadeira pélvica). Os mecanorreceptores são células ciliadas que percebem a pressão d’água presente em canais. provocadas pela corrente d’água e som. São animais vertebrados aquáticos. FILO VERTEBRATA PEIXES OSTEICTIES E CONTRICTIES Introdução Os grupos condrictes e osteíctesestão incluídos numa superclasse denominada Pisces. respiração branquial de são pecilotérmicos (ectodérmicos). Sua origem deriva- se dos primeiros arcos esqueléticos branquiais. elas permitem a captura de presas. Linha Lateral A linha lateral refere-se a um sistema sensorial bilateral do animal que percebe vibrações e pressões hídricas. BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO . apresenta linha lateral. Nadadeiras As nadadeiras são estruturas musculosas que geram propulsão e conferem estabilidade.

Algumas das características de seus ancestrais foram mantidas:  Excreção por rins. O coração tem duas câmaras: um átrio (ou aurícula) e um ventrículo. As brânquias apresentam vária lâmina vascularizada que recolhem o O 2 dissolvido na água e liberam CO2 do sangue para água. onde o oxigênio é consumido. O átrio recebe o sangue não oxigenado. O sangue segue para os demais tecidos do corpo. o ventrículo o impulsiona para as brânquias onde recebera oxigênio.  Coluna vertebral. Pecilotérmicos ou ectodérmicos Os animais pecilotérmicos são aqueles que apresentam temperatura corpórea variável conforme variações térmicas do meio ambiente. Sistema Circulatório O sistema circulatório dos peixes é fechado.  São celomados. deuterostômios. BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO . simples e incompleto.2015 43 . faz a troca gasosa (CO 2 O2).  Possuem notocorda na fase embrionária.  Coração com duas câmaras (átrio e ventrículo)  Epiderme com várias camadas de células. apresenta um coração e vasos sanguíneos.Brânquias As brânquias são tecidos vascularizados que realiza m a hematose. isto é.  Caixa craniana.  Sistema bilateral  Endoesqueleto.

linguado. arraia. Tainha.Tubarão BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO . Peixe Peixe Ósseo Cartilaginoso Características (OSTEÍTES) (CONDRITES) Tipo de Nadadeira Caudal Heterocerca Homocerca Excreta Ureia Amônia nitrogenada Posição da Boca Ventral Anterior Esqueleto Cartilagem Ósseo Constituído de Opérculo Ausente Presente Bexiga Natatória Ausente Presente Tubarão. Exemplos torpedo.2015 44 .robalo Peixe Cartilaginoso . manjuba.A diferença entre os peixes cartilaginosos e peixes ósseos estão apresentados no quadro abaixo.

Este grupo de peixe provavelmente seriam os precursores dos anfíbios. como:  Nadadeira lobada (Nadadeira Carnosa)  Coração com três cavidades (dois átrios e um ventrículo)  Bexiga natatória como pulmão primitivo. isso porque apresentam algumas características transitórias ao meio terrestre. o volume da bexiga natatória aumenta ou diminui? Justifique. Este grupo de peixe faz parte da subclasse Sarcopterígeo. BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO . sua nadadeira musculosa e a presença de pulmão primitivo facilitaram o deslocamento em meio terrestre quando os níveis de água abaixaram.2015 45 . Peixe Ósseo Os peixes ósseos existem grupos denominados dipnoicos. (FUVEST-SP/) Dê quatro características que distinguem os peixes cartilaginosos eósseos. (GOWDAK) Observe e responda: a) Que tipo de peixe tem bexiga natatória? b) Qual a principal função desse órgão? c) Quando o peixe se encontra junto à superfície da água. EXERCICÍOS 01. 02.

Já na fase adulta. isto é. O coração dos anfíbios apresenta três cavidades. o girino. FILO VERTEBRATA AMPHIBIOS E RÉPTEIS CLASSE ANFIBIA Os anfíbios são animais restritos de ambientes úmidos. possuem respiração branquial. uma importante adaptação para economia d’água e desenvolvem membros para a locomoção. apresenta algumas características semelhantes aos peixes. primeira fase é larval (jovem) girino é a fase aquática. BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO . Os indivíduos da classe dos anfíbios caracterizam-se por duas fases em seu ciclo de vida. a maioria. fase terrestre. respiração cutânea. a segunda fase é adulta. sendo dois átrios por onde recebem o sangue e um ventrículo que propulsiona o sangue para o corpo. devido sua pele ser fina e com pouca quantidade de queratina. excretam amônia e cauda como meio de natação. dupla e incompleta. O tipo de circulação é fechado. Durante a fase aquática. apresenta respiração pulmonar. o rim excreta ureia. como este pulmão apresenta poucos alvéolos eles também respiram pela pele.2015 46 .

 Fecundação interna ou externa. Características gerais:  Pele úmida e glandular. ovíparos. Exemplos de Anfíbios BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO . Excreta ureia.  Pecilotérmicos.  São os primeiros tetrápodes.  Excreção por rins. pulmonar.  Respiração: branquial.  Coração com três cavidades ou três câmaras (dois átrios e um ventrículo). CLASSIFICAÇÃO DOS ANFÍBIOS. OrdemAnura: sapos. sem escamas. cutânea.2015 47 . larvas. OrdemUrodelos: salamandras OrdemGymnophiona(Apoda): cobras-cegas. rãs e pererecas.

● o aparecimento do ovo com casca. BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO . seu principal resíduo metabólico.  São ectodérmicos.  Coração com 4 cavidades (2 aurículas e 2 ventrículos) parcialmente divididas por um septo. os répteis exibem como inivações evolutivas diversas características importantes: ● pele impermeável. o que facilita a vida em ambientes secos. rastejar ou trepar. que apresenta baixa toxicidade e requer pequena quantidade de água para a sua eliminação. rastejar) Em relação aos anfíbios.2015 48 . o vitelo e o âmnio  5 dedos com garras córneas adaptadas para correr. Circulação. rica em queratina. ● respiração exclusivamente pulmonar. (do latim reptum.  Fecundação interna. dupla e incompleta. fechada. que garante nutrição e proteção ao embrião.  Aparecimento dos anexos embrionários como o alantoide. ● Elimina ácido úrico.CLASSE REPTÍLIA (do grego herpeton. réptil).

EXERCÍCIOS 01. jabutis.  Quelônios: tartarugas. lagartixas e camaleões. cágados.  Crocolilianos: jacarés e crocodilos.2015 49 . (CEZAR) Que características justificam que se dê o nome ‘‘anfíbio’’ aos animais do grupo dos sapos e pererecas? BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO . Esquema do coração de um réptil O primeiro grupo com adaptação total ao ambiente terrestre: Exemplos de répteis CLASSIFICAÇÃO DOS RÉPTEIS  Squamata (lacertílios) = lagartos. (ofídios) = cobras.

na fase adulta.2015 50 . (UNIFICADO SAÚDE-SP/1. na fase adulta. apresentam esse tipo de respiração. 04. 05. (U. Liste quatro dessas características. 03. conforme ilustração.F.02. a) Indique um invertebrado terrestre e um vertebrado que.JUIZ DE FORA-MG) O Conjunto de mudanças que ocorrem nos anfíbios. Quais os tipos de respiração que esses animais apresentam nesse período. necessita efetuar esse tipo de respiração. b) Por que esse vertebrado. é chamado metamorfose. (UNICAMP) Identifique a classe de vertebrados nos quais ocorre maior diversidade de estruturas apropriadas para trocas de gases respiratórios e discuta uma das causas fundamentais para esta diversificação. incluindo a fase adulta? BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO . Ela representa um tipo de respiração.(ESAL-MG) A inversão do ambiente terrestre pelos vertebrados foi possível pela presença de características especiais.999) Observe a figura.

pois assim conseguem ocupar diversos ambientes. as aves. A capacidade de manter a temperatura constante contribui para a adaptação desses animais aos mais variados tipos de habitat. o eriçamento ou arrepio das penas retêm uma camada de ar em torno da pele. Os sacos aéreos e os ossos pneumáticos aumentam a capacidade respiratória do animal e facilitam o voo. Na verdade. que é aquecida pelo calor liberado pelo corpo. que. Em aves como marrecos e patos. Os anexos epidérmicos exclusivos do grupo são as penas. com fecundação interna. sendo eliminada juntamente com as fezes. por isso. Esse fato por seu lado contribui para a manutenção de uma alta taxa metabólica no animal. o sangue não oxigenado não se mistura com o sangue oxigenado. são chamados de ossos pneumáticos. impossíveis para outros vertebrados. Em dias frios. capazes de manter a temperatura corporal constante. as aves constituem a classe que apresenta a maior biodiversidade. por exemplo. por diminuírem o peso específico do corpo. uma vez que não havendo mistura de sangue os tecidos são irrigados com sangue oxigenado. Os pulmões emitem sacos aéreos que armazenam ar e se prolongam pelo interior dos ossos. Com a extinção de um grande número de espécies de répteis. dificultando a perda de calor para o meio externo e protegendo o animal contra o frio. houve uma grande diversificação das aves. sem larvas. a urina é rica em ácido úrico. que contribuem para a manutenção da temperatura corpórea e são fundamentais para o voo. dupla e completa. Possuem sistema digestório completo. uma vez que garante o desempenho metabólico ideal e contínuo. que ocorreu há cerca de 65 milhões de anos.2015 51 . isso contribui para a homeotérmica. entre os vertebrados terrestres. O coração tem quatro câmaras: dois átrios e dois ventrículos. O ovo é rico em vitelo. Os sexos são separados. FILO VERTEBRATA AVES E MAMÍFEROS Classe Aves As mudanças evolutivas que ocorreram com um grupo de répteis corredores há cerca de 150 milhões de anos possibilitaram o aparecimento dos primeiros vertebrados capazes de voar. Características Gerais das Aves Tem pele seca. As aves são animais ovíparos. situadas próximas à cauda. material nutritivo que garante o desenvolvimento do embrião. Apresentam cloaca e não possuem bexiga urinária. As penas são impermeabilizadas à água por uma secreção oleosa produzida pelas glândulas uropigianas. apesar das oscilações da temperatura ambiente. com boca destituídas de dentes. A circulação é fechada. Esse fato é explicado devido à capacidade de voo que apresentam. essa impermeabilização BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO . isto é. Apresentam respiração pulmonar. São animais homeotermos. essa camada de ar tem efeito termo isolante.

que são leves. Esqueleto formado. o que também contribui para a natação. BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO . por ossos ocos ou pneumáticos. impedindo que os animais fiquem encharcados. também sevem como reserva de ar. vivendo em diferentes tipos de ambientes e apresentando uma grande variedade de formas e tamanhos. Esses músculos em geral são bem desenvolvidos. além disso.2015 52 . Forma aerodinâmica do corpo e presença de osso externo. marrecos e patos têm membranas entre os dedos dos pés. com uma projeção anterior denominada quilha ou carena. A urina contendo ácido úrico é eliminada pela cloaca juntamente com as fezes. No entanto. Adaptação ao Voo Membros anteriores transformados em asas e corpo recoberto por penas. Os pulmões expandem – se em sacos aéreos (bolsa de ar) que se comunica com os ossos pneumáticos. É na carena que se prendem os músculos peitorais responsáveis pelo batimento das asas.favorece a natação. Os sacos aéreos ajudam a reduzir o peso da ave e. Os menores mamíferos são os musa ranhos e camundongos com menos de 5 cm de comprimento e com apenas algumas gramas de massa. já que a moela ou estômago mecânico tritura o alimento. pois contêm ar aquecido em seu interior. Ausência de dentes. Ausência de bexiga urinária. Mamíferos Os mamíferos formam um grupo de animais muito diversificado. em grande parte. todos eles possuem certas características em comum. que atinge 30 m de comprimento e possui cerca de 120 toneladas. apesar da grande variedade. Já o maior deles é a baleia azul.

Defina homeotermia e comente sua importância. São homeotermos. dupla e completa. eliminando excretas e produz hormônios. tem – se a ordem dos anseriformes. são seres homeotérmicos. Exercícios 1) A s aves são atualmente os animais mais bem adaptados ao voo. Durante o desenvolvimento embrionário. desenvolvidas nas fêmeas e que produzem o leite destinado à alimentação dos filhotes. Têm pele rica em queratina e coberta de pelos. se comparadas com os outros vertebrados. Cite duas características que aproximam esses dois grupos. São geralmente animais vivíparos. As glândulas sebáceas e sudoríparas são exclusivas da pele dos mamíferos. a) Que tipo de adaptação existe nas patas dessas aves e qual a sua função? b) Como as penas dessas aves não ficam encharcadas quando estão na água? c) Essas aves. aves criadas com regularidade em quase todo o estado de Santa Catarina. A respiração é pulmonar e existe um músculo denominado diafragma que separa o tórax do abdome. garantindo uma eficiente aquisição de gás oxigênio e contribuindo para a alta taxa metabólica desses animais. que apresentam como exemplos o pato.Características Gerais A principal característica desse grupo é a presença de glândulas mamárias. os embriões se desenvolvem dentro do corpo materno. além do tecido adiposo. todos os representantes da classe Mamária apresentam duas características comuns e exclusivas. isto é.2015 53 . uma estrutura relacionada com a nutrição do embrião e que também promove trocas respiratórias. Os pelos anexos epidérmicos exclusivos dos mamíferos tem a mesma função das penas das aves. assim como as demais. recebendo deste os alimentos de que necessitam. ou seja. as hemácias são anucleadas. Contribuem para a homeotérmica. O coração possui quatro câmaras: dois átrios e dois ventrículos. contribuem para a manutenção da temperatura corpórea. Quais são as características anatômicas das aves que as tornam mais aptas para o voo? 2) Entre as aves. entre outras características. rico em gordura. na maioria dos mamíferos forma – se a placenta. 3) Do Musaranho à Baleia Azul. BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO . e tem forma de disco bicôncavo. A circulação é fechada. sob a pele. Quais são essas características? 4) Aves e mamíferos originam – se de um tronco comum. Os pulmões possuem grande superfície. o ganso e o marreco. característica exclusiva dos mamíferos. a presença de pelos e de glândulas sudoríparas.

. 6) a) Calvin não entende que precisa estudar os morcegos. O da cidade de São Paulo é o maior do estado e está localizado em uma área de Mata Atlântica original que abriga animais nativos silvestres. a) Como podem ser diferenciados os marsupiais entre os mamíferos? b) As aves apresentam características em comum com os répteis. cabras. porém têm funções biológicas importantes nos ecossistemas. répteis. enquanto outros grupos deslocaram para a terra. etc. girafas. anfíbios e invertebrados.. leões e antílopes. o teiú. A partir dos ancestrais marinhos. c) A partir de ancestrais terrestres. Explique o que ocorre na digestão dos ruminantes.5) Os ruminantes (bois. Mencione duas dessas características. Existem ainda 444 espécies de animais. c) Entre os animais exóticos desse zoológico estão zebras. b) Dê exemplos de um filo invertebrado que apresente espécies tanto aquáticas. b) Dê duas características exclusivas da classe a que pertencem os morcegos. entre mamíferos. aves. dos quais os zoólogos acreditam que elas tenham se originado. aves como o tucano – de – bico – verde. Cite duas características morfológicas e/ou fisiológicas que permitiram a sua adaptação a esse ambiente. Cite duas dessas funções. quanto terrestres. nativos e exóticos. 7) Parques Zoológicos são comuns nas grandes cidades e atraem muitos visitantes. Entre os animais livres presentes na mata do parque Zoológicos podem ser citados mamíferos como o bugio (primata) e o gambá (marsupial). vivendo livremente. alguns grupos invadiram a água doce. a) Cite duas adaptações importantes para a ocupação do ambiente terrestre. e entre outros répteis. são capazes de digerir a celulose e o homem não. alguns mamíferos ocuparam o ambiente marinho. 8) A vida animal originou – se nos oceanos primitivos.). BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO . confinados em recintos semelhantes ao seu habitat natural.2015 54 . Esses animais. Que ambiente deve ter sido criado no zoológico para ser semelhante ao habitat natural desses animais? Dê duas características desse ambiente.

BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO .9) Muitas aves.2015 55 . por exemplo os cetáceos. possuírem um espesso revestimento de tecido adiposo. principalmente as aquáticas. Cite como é chamada a glândula encontrada na cauda das aves e qual é a sua função? 10) Qual é a importância para animais como. apresentam o costume de bicar a cauda para retirar uma secreção produzida por uma glândula que se localiza na sua base e depois esfregam o bico com a secreção nas pernas. mamíferos aquáticos.

potaldoporfessor.br BIOLOGIA – 2º ANO DO ENSINO MÉDIO TÉCNICO .com. Sônia Editora: Saraiva/2002 Vol. Livro: Biologia dos Organismos Autor: Amabis & Martho Editora: Moderna/1995 Vol.biomania.2015 56 . Único. Laurence Editora: Nova Geração/2008 Vol. Único Livro: Biologia Autor: Pezzi Gowdak Mattos Editora: FPD/2010 Vol.br Site: HTTP/WWW.sobiologia.br Site: HTTP/WWW. Livro: Biologia Autor: Lopes.com.com. Site: HTTP/WWW. 2. BIBLIOGRAFIA Livro: Biologia Autor: J. 2.