Aqui você encontrará dicas para manutenção preventiva de seu carro, para que

este esteja sempre em ordem.

É importante ressaltar a realização da manutenção preventiva, além prevenir
reparos inesperados, economizar combustível e garantir o bom funcionamento
do carro, mantém as condições idéias de segurança.

Temos alguns itens que são importantes responsáveis pela economia de
combustível, emissão de gases, e principalmente, pela segurança do veículo.
São eles:

 Combustível e lubrificantes;

 Filtros;

 Velas e Cabos;

 Suspensão;

 Freios;

 Correias;

 Sistema elétrico;

 Sistema de arrefecimento do motor;

 Sistema de injeção eletrônica;

 Pneus.

Ressalta-se a importância da certificação de que as peças que foram
substituídas no veículo são originais, ou que sejam de fabricante recomendado
pela montadora de seu veículo, para que o padrão de qualidade seja mantido.

COMBUSTÍVEL: Uma das dúvidas mais comuns aos motoristas é quanto à gasolina a ser usada. ela mantém o sistema de alimentação limpo. É recomendável que seja usado sempre o mesmo tipo de gasolina. Em geral. o recomendado é usar sempre a gasolina comum. a ADITIVADA e a COMUM. a alteração de combustível deve ser feita apenas em casos de extrema necessidade e deve-se retornar a gasolina normalmente usada o quanto antes. ou seja.que vai do tanque de combustível ao bico injetor (no caso de injeção de combustível) ou ao carburador (nos modelos mais antigos) - depósitos de impurezas. a PREMIUM. a mais recomendada é a ADITIVADA. os outros dois tipos podem gerar problemas de entupimento e desperdício. No caso de motores com baixa compressão. Existem pelo menos três opções. por isso é necessário trocá- los a cada 10 000 km ou de acordo com o prazo estabelecido no manual do proprietário de seu veículo. Nesses carros. normalmente. Por possuir detergentes e dispersantes. bem como a mesma marca. portanto. FILTROS Troca do filtro de ar : Ele serve para evitar que partículas estranhas entrem nos cilindros junto com o ar. os importados e os esportivos. os filtros são de papel tratado quimicamente. A quilometragem define o tipo de gasolina que deve ser usada. mais do que suficiente para fazer um motor já usado funcionar. e isso depende de cada motor. Porém para quem é usuário regular da gasolina comum. em sua composição. evitando os depósitos de impurezas e aumentando a vida útil do motor. já têm acumulados em seu sistema de alimentação . também conhecida como "batida de pino". Portanto. Nesse caso. . ela tem. É como se eles fossem os responsáveis pela "respiração" do motor. A aditivada só deve ser usada em carros que a utilizam desde novos. PREMIUM : Já a gasolina premium só deve ser utilizada por carros com taxa de compressão mais alta. os carros mais antigos. ADITIVADA: Entre os outros tipos. ela não proporciona nenhuma melhora de desempenho nem de economia. por causa de sua maior octanagem . detergentes e dispersantes. o que causa o entupimento dos bicos da injeção eletrônica. Existe uma para cada tipo de carro. Assim como a aditivada.que evita a pré-ignição. esse tipo de gasolina pode ter efeitos negativos: os detergentes e dispersantes soltam a sujeira acumulada.

o desempenho do veículo. por exemplo. conseqüentemente. Em função disso. em geral colocados em linha ao longo da tubulação de passagem do combustível. pois melhoram consideravelmente. falhas no funcionamento do carro. é preciso contar com sistemas de ignição mais potentes. mantendo a câmara dentro da faixa de temperatura ideal de trabalho. por exemplo. Desta maneira. inicia a queima da mistura ar-combustível. ela é vital para a segurança dos passageiros. tais como: resistência a altas temperaturas. . Portanto. alta isolação contra fuga de corrente e supressão de interferências eletromagnéticas. VELAS DE IGNIÇÃO A vela de ignição é um componente vital que serve para introduzir a energia necessária na câmara de combustão. A troca deve ser realizada a cada 30 000 km ou de acordo com o manual do proprietário de seu veículo.Troca do filtro de combustível : Na alimentação por injeção utilizam-se filtros de combustível de papel. em seu processo de fabricação é conferido aos Cabos de Ignição características importantes. Em curvas e freadas bruscas. evitando. É por isso que é tão importante contar com cabos de qualidade. como. CABOS DE IGNIÇÃO O Cabo de Ignição tem como função principal conduzir a alta tensão produzida pela bobina ou transformador até as velas. Através da faísca elétrica gerada entre os eletrodos. Para acompanhar a constante evolução tecnológica dos motores. SUSPENSÃO É o sistema de absorção de impacto do carro. os Cabos de Ignição tem um papel fundamental no sistema de ignição. assegura-se uma ignição sem falhas e a perfeita combustão. Trocar os filtros de combustível é necessário para manter o sistema de alimentação do motor limpo. no qual a qualidade da combustão a ser realizada depende diretamente destes condutores. o entupimento de bicos injetores e. No caso de motores a diesel empregam-se sempre um ou mais filtros alojados em recipientes que funcionam como decantadores. as vibrações e choques das rodas. diminuindo o consumo de combustível e contribuindo diretamente para a redução das emissões de gases poluentes no meio-ambiente. sem permitir fugas de corrente.

Amortecedores Sintoma: Veículo sem estabilidade e barulho na suspensão. Para que esta revisão seja feita é necessário submete o carro a testes mecanizados que irão verificar a eficiência da suspensão se seu veículo.Bandejas e braços Sintoma: barulho na suspensão e dirigibilidade comprometida. pivôs. Dica para prolongar a vida dos componentes do sistema de freios: . A correia é trocada a cada 50. por isso é importante que seja revisada a cada 30. . . pois uma vez gastos o pedal ficará mais aproximado do assoalho de veículo. Fique atento aos seguintes componentes da suspensão: . braços. .Com o passar o tempo a suspensão sofrerá desgaste natural de seus variados componentes (amortecedores. é um dos itens que mais requer cuidados e atenção.Reduza marchas para reduzir a velocidade do veículo .000km. bandejas. Consulte o manual do seu veículo.000.Evite descansar os pés no pedal do freio CORREIAS A sua função da correia é manter o sincronismo entre a árvore de manivelas e o eixo comando de válvulas. A revisão do sistema de frenagem deve ser feita periodicamente e o condutor deve ficar atento ao pedal do freio e barulho que podem ocorrer. portanto procuro um mecânico de sua confiança. A frenagem se dá por atrito entre pastilhas (lonas ou sapatas) e discos ou tambores (panelas).Molas Sintoma: veículo sem estabilidade e barulho na suspensão. barra estabilizadora e bieletas). Como a correia fica protegida por uma capa é impossível examiná-la fora de uma oficina. FREIOS Sendo o freio o garantidor da segurança do veículo. buchas. molas.Sempre ande com o veículo engatado . O desgaste destes componentes é visível. Se quebrar causará sérios danos nas válvulas e até nos pistões. o que mostrará o estado físico das peças. mas pode variar de acordo com o modelo do carro.

O sistema elétrico de um veículo está dividido em circuitos. -Cabos de velas -Velas: produzem as faíscas que . pois é composta de aço. seu material e seu custo para troca são diferentes. dentre outros. por vezes. na maior parte dos casos. o circuito de arranque. para mover um carro. protegidos por um fusível. SISTEMA ELÉTRICO Uma das principais funções do sistema elétrico é produzir a faísca que permite a explosão nos cilindros da mistura comprimida a gasolina e o ar.000km ou mais. Da combustão de uma mistura de ar e gasolina nos cilindros de um motor a gasolina resulta a energia necessária. o circuito da carga da bateria. do alternador e de outros componentes. pelas seguintes partes: -Bateria: fornece a corrente elétrica. lubrificado pelo óleo do motor. O sistema elétrico de um carro é constituído. São eles o circuito de ignição. Quando a corrente elétrica é fornecida às velas a uma voltagem elevada. O sistema elétrico produz a faísca elétrica que inflama a mistura. -Ignição “Eletrônica e a Bobina” -Motor de Partida (arranque) -Alternador -Distribuidor: envia a corrente às velas no momento adequado. Siga rigorosamente o intervalo de troca de correia. além de tornar possível o arranque do motor térmico por meio do motor de arranque. cada um dos quais com diferentes funções básicas e comandos. Cada cilindro possui uma vela provida de dois eletrodos que adentram na câmara de explosão.A corrente de comando tem a mesma função da correia dentada. da direção hidráulica. o circuito das luzes e os circuitos acessórios. comandado pelo interruptor da ignição e. Os veículos com corrente de comando também utilizam correias para funcionamento do ar-condicionado. porém sua vida útil. a corrente salta através do intervalo entre os eletrodos sob a forma de uma faísca. Sua troca ocorre com 100.

O ideal é que a água esteja entre o indicador de MINIMO e MAXIMO dôo reservatório. ele indicará se houver algo errado com seu sistema de arrefecimento. o que gera aumento no consumo. perdem potência. Assim como o óleo do motor. pois deve haver problemas de vazamento. e deve ser regularmente revisada. Se trabalham superaquecidos. sendo a outra metade deve ser de aditivo. válvula termostática e interruptores. preferencialmente à base etilenoglicol. . -Fiação -Fusíveis Sendo assim.inflamam a mistura de ar e gasolina contida nos cilindros. emitir menos poluentes e reduzir o atrito e desgastes prematuros. lubrifica e evita ebulição e congelamento da água do radiador. É fundamental sempre trocar o aditivo do radiador no prazo recomendado pelas montadoras e revisar todo o sistema de arrefecimento.000 Km. Fique sempre atento ao marcador de temperatura do painel. como mangueiras. o sistema elétrico é parte vital do veículo. o líquido de arrefecimento perde suas características com o tempo e uso. estando sempre em dia para o bom funcionamento de seu carro. É necessário a troca. atingir potência máxima. Se a água tiver que ser completada com muita freqüência. pois assim o motor vai economizar combustível. que protege contra corrosão do sistema. É importante verificar o nível da água com o carro frio e o veículo nivelado. procure imediatamente uma oficina. Repondo a água: A quantidade de água a ser adicionada no reservatório é de 50% da capacidade deste. SISTEMA DE ARREFECIMENTO Todos os motores têm uma temperatura ideal de funcionamento. É indicado trocar o líquido de arrefecimento a cada 30.

Sempre com pneus frios. principalmente quanto às emissões gasosas pelo escapamento. Fique sempre atento. que avisa quando o sistema de injeção eletrônica está com algum problema. veio para substituir o velho carburador e agregar mais eficiência ao motor. já que o pneu reserva nem sempre é calibrado com a mesma frequência dos pneus em uso. mesmo antes de contar com gerenciamento eletrônico. A injeção. PNEUS Um pneu bem calibrado garante mais segurança na hora de dirigir e ajuda a reduzir o consumo de combustível. gerencia a frequência e a quantidade de combustível a ser injetado na câmara de combustão do motor. Uma dica é enchê-lo com até cinco libras a mais do que o normal. Surgiu na década de 1980 e foi aperfeiçoada na de 1990.000 km faça manutenção preventiva do sistema. A calibragem errada pode não só comprometer a segurança dos ocupantes do veículo como também prejudicar o desempenho do automóvel. ou seja. . O correto é calibrar os pneus toda semana. só que nos modernos sistemas isso é feito de maneira extremamente precisa. Essa central analisa tudo e. A cada 30. a função deste equipamento é fazer a mistura de ar e combustível. Ressalta-se que a calibragem do pneu deve ser checado com o pneu FRIO. Manutenção preventiva do sistema de injeção poderá corrigir a formação de carvão na câmara de combustão. é provável que o sistema necessite de limpeza e/ou de manutenção. evitando danos ao motor.SISTEMA DE INJEÇÃO ELETRONICA É uma das grandes inovações tecnológicas do automóvel. geralmente de cor amarela. que informam sobre as mais variadas situações de funcionamento. Quando houver dificuldade para fazer o motor funcionar pela manhã ou ele falhar ou engasgar. Para saber a calibragem correta basta olhar no manual do fabricante. numa fração de segundo. Como ocorria com o carburador. tendo rodado no máximo 3 quilômetros. Isso também é válido para carros com carburador. É importante checar regularmente as condições do estepe e mantê-lo pronto para o uso. Uma central eletrônica recebe informações de sensores e de atuadores distribuídos pelo motor e pelos componentes do carro. Na maioria dos modelos existe um sinalizador no painel.

com/dicas-manut_preventiva.nascarchips. FONTES: http://www. Além de todos esses cuidados é importante também verificar o funcionamento da sinalização TODOS OS DIAS.  As pressões devem ser verificadas regularmente em pneus frios  Os pneus devem ser substituídos quando suas superfícies demonstrarem sinais de desgaste  Faça o balanceamento dos pneus periodicamente.todososcarros.com.bosch.com. verifique também a parte interna do pneu  Cumpra o código de velocidade e o índice de cargas  As pressões devem ser verificadas regularmente em pneus frios.html .br/br/autopecas/produtos/index.php http://www.br/blog/faca-a-manutencao-preventiva-evite- transtornos-e-economize/ http://www. ou quando ocorrer vibração  Quando ocorrerem impactos ou furos.