You are on page 1of 8

ALTERAÇÕES MORFOLÓGICAS E ESTRUTURAIS DOS

ERITRÓCITOS

Os eritrócitos/hemácias são células anucleadas, circulares e bicôncavas
que atuam no transporte de gases, possuem vida média de 120 dias.

ANISOCROMIA
Indica a variedade no grau de hemoglobinização (alteração na cor)

HIPOCROMIA

 Eritrócitos pouco corados.
 Halo central maior e mais claro.
 Presente na anemia ferropriva e talassemia.
 Pode ser avaliada pelo HCM e CHCM.

HIPERCROMIA

 Eritrócitos muito corados.
 Halo central não aparece.

POLICROMASIA

 G.V com coloração azul acinzentada.
 Afinidade por corantes ácidos e básicos.
 Eritrócitos policromáticos são maiores e não apresentam o halo central.
 Correspondem aos reticulócitos.

 Redondos ou ovais com ausência de halo central. mielodisplasias e envenenamento por metais pesados. . ANISOCITOSE Variação no tamanho dos eritrócitos MICROCITOSE  Eritrócitos com diâmetro inferior a 7 µm. anemias ferroprivas. menores que os linfócitos (núcleo dos linfócitos com 8 µm)  Observada em talassemias. MACROCITOSE  Eritrócitos com diâmetro maior que 8 µm. anemias megaloblásticas e ao uso de drogas que interferem na síntese de DNA (quimioterapia).  Podem estar relacionadas a reticulocitose.

 Característica da anemia falciforme. . anemias de doenças hepáticas. POIQUILOCITOSE Aumento do número de eritrócitos com a forma anormal CODÓCITOS  Células em alvo.  Presente em anemia ferropriva.  Observados na esferocitose hereditária. ACANTÓCITOS  Presença de 2 a 20 espículos ao redor dos eritrócitos  Presente na abetalipoproteinemia hereditária. mielodisplasias e deficiência de vitamina E. doença hemolítica do recém nascido e deficiência de piruvatoquinase.  Esféricos com ausência de halo central.  Possui excesso de colesterol na membrana e perda do conteúdo citoplasmático. indivíduos com fenótipo McLeod. ELIPTOCITOSE e OVALÓCITOS  São eritrócitos de formato oval.  Resultado da cristalização de hemoglobinas anormais .  Caracterizada por um ponto corado no centro do eritrócito envolvido por halo mais claro. DREPANÓCITOS  Eritrócitos alongados em forma de foice.  Em grande quantidade podem indicar alterações hereditárias do citoesqueleto (eliptocitose hereditária). anemias hemolíticas auto- imune.Hemoglobina S. ESFERÓCITOS  Apresentam diâmetro reduzido devido a perda ou lesão da membrana. talassemias e hemoglobinopatia C.

EQUINÓCITOS ou HEMÁCIAS CRENADAS  Presença de espículos ao redor do eritrócito. insuficiência renal e/ou hepática e queimaduras graves também estão associadas a esta alteração.  Anemia hemolítica de causa mecânica e piropoiquilocitose hereditária. DACRIÓCITOS  Eritrócitos em forma de gota. .  Deficiência de ATP.  Anemias (defic. ESTOMATÓCITOS  São células que apresentam uma fenda ou estroma. uma forma rara de anemia.  Aparecem na estomatocitose hereditária. da vitamina B12).  Podem aparecer na mielofibrose com metaplasia mielóide (mielodisplasias). linear. central. ESQUIZÓCITOS  Fragmentos celulares.  Aparecem geralmente como artefatos de técnica devido a estocagem do sangue.

LÂMINAS COM AS ALTERAÇÕES DE POIQUILOCITOSE .

.

LÂMINAS COM ALTERAÇÕES DE ANISOCROMIA HIPOCROMIA HIPERCROMIA POLICROMASIA .

LÂMINAS COM ALTERAÇÕES DE ANISOCITOSE MICROCITOSE MACROCITOSE .