Disciplina: Teorias em Psicologia Social. 4° semestre de psicologia, noturno.

Professor: Fábio de Cristo
Unidade II, Psicologia social na América Latina.
Estudo dirigido n°5

Texto: Bock, A. M. B. (2007). A Psicologia sócio-histórica: Uma perspectiva crítica em
psicologia. In A. M. B. Bock, M. G. M. Golçalves & O. Furtado (Orgs.), Psicologia
sócio-histórica – Uma perspectiva crítica em psicologia (pp. 15-36). São Paulo:
Cortez.

1. Identifique as bases teóricas da psicologia sócio-histórica.
2. Quais os argumentos da autora para classificar a psicologia sócio-histórica
como crítica?
3. Comente porquê a autora considera a psicologia sócio-histórica supera os
dualismos da ‘psicologia tradicional’ (exemplo, sujeito-objeto).
4. Segundo esta perspectiva, seria possível uma prática psicológica neutra?