You are on page 1of 1

Universidade do Oeste de Santa Catarina (Unoesc) – Campus de Joaçaba

Área das Ciências Exatas e Tecnológicas
Curso: Engenharia da Computação
Disciplina: Empreendedorismo e Marketing
Professor: Acilão Gonçalves Antunes
Aluno: Espedito Luiz Boht

Resenha

CORRÊA, Marcelo; JENKNER, Jan N. Crise e mudança cultural levam 20% dos jovens a
empreender. Disponível em: http://oglobo.globo.com/economia/crise-mudanca-cultural-
levam-20-dos-jovens-empreender-21148006, Acesso em: 13/04/2017.

Resenhado por Espedito Luiz Boht1

No texto, os autores escrevem sobre como a crise econômica e falta de emprego no
país está fazendo com que cada vez mais jovens se aventurem em abrir o próprio negócio em
vez de procurar emprego, influenciados também por uma mudança cultural. Sendo alto o
número de empreendedores que tem atividades em paralelo com o emprego.
Segundo o autor, o número de empreendedores aumenta por necessidade, sendo que a
crise impulsiona uma mudança cultural nos jovens que entram no mercado de trabalho, e que
muitas vezes é mais seguro ser o próprio chefe, do que ter um emprego e ficar com medo de
ser demitido no dia seguinte.
O texto aponta que a busca por consultorias pelos jovens é cada vez maior, e essa
tendência deve se manter. Considera a satisfação profissional fundamental para a realização
pessoal, mesmo que em alguns casos não tenha muito lucro.
Os autores comentam sobre a falta de incentivo nas universidades brasileiras, sendo
um dos principais problemas a falta de disciplinas voltadas para a capacitação de quem quer
abrir o próprio negócio. A experiência universitária é muito importante para o incentivo e
desenvolvimento de negócio próprio, como a criação de empresa júnior, vinculada à
faculdade e empreendedores do tipo maker, com pessoas que desenvolveram uma linha de
pesquisa e, quando se formam, resolvem dar o próximo passo.
Ao final do trabalho, fica claro que os autores pretendem destacar a importância de ser
um empreendedor, e o quanto é importante a capacitação e incentivo da faculdade para
empreender.

1
Aluno da 9ª fase do curso de Engenharia da Computação na Universidade do Oeste de Santa Catarina –
Unoesc Campus de Joaçaba