You are on page 1of 16

MINISTÉRIO DA DEFESA

COMANDO DA AERONÁUTICA

PESSOAL

NSCA 30-6

ELABORAÇÃO DE PROPOSTA DE PLANO DE
MOVIMENTAÇÃO

2014

MINISTÉRIO DA DEFESA COMANDO DA AERONÁUTICA COMANDO-GERAL DO PESSOAL PESSOAL NSCA 30-6 ELABORAÇÃO DE PROPOSTA DE PLANO DE MOVIMENTAÇÃO 2014 .

4 APROVAÇÃO Portaria nº COMGEP Nº 2.15 (inclusão) 11 2. Pessoal ELABORAÇÃO DE PROPOSTA DE PLANO DE MOVIMENTAÇÃO A NSCA 30-6.965/DPM. aprovada pela Portaria COMGEP nº 26/DPM.1. é assim modificada: 1 SUBSTITUIÇÃO DE PÁGINA RETIRE ANO COLOQUE ANO 11 2014 11 2015 2 CORREÇÃO PÁGINA ITEM 11 2. arquive esta folha após a página de rosto da publicação original.1. de 20 de janeiro de 2015.1.14 (modificação) 11 2.1.15.16 (inclusão) 3 ARQUIVO Depois de efetuar as substituições.1 (inclusão) 11 2. . de 11 de novembro de 2015.

PORTARIA COMGEP Nº 2. 1º Aprovar a 2ª modificação da NSCA 30-6. aprovada pela Portaria nº 839/GC3. DE 11 DE NOVEMBRO DE 2015. resolve: Art. de 29 de agosto de 2006. que com esta baixa.3 da ICA 700-1 “Implantação e Gerenciamento de Sistemas no COMAER”. no âmbito do COMAER. 9º. Aprova a 2ª modificação da NSCA 30-6 Norma de Sistema que dispõe sobre “Elaboração de Proposta de Plano de Movimentação”. do Regulamento do Comando-Geral do Pessoal.965/DPM. aprovado pela Portaria nº 36/GC3. “Elaboração de Proposta de Plano de Movimentação”. de 02 de dezembro de 2015) . e tendo em vista o disposto no item 3. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação. no uso da atribuição que lhe confere o art. de 10 de janeiro de 2013. Ten Brig Ar RAUL BOTELHO Comandante-Geral do Pessoal (Publicado no BCA nº221. inciso VII. Art. O COMANDANTE-GERAL DO PESSOAL.

é assim modificada: 1 SUBSTITUIÇÃO DE PÁGINA RETIRE ANO COLOQUE ANO 11 2014 11 2015 2 CORREÇÃO PÁGINA ITEM 11 2. de 20 de janeiro de 2015. Pessoal ELABORAÇÃO DE PROPOSTA DE PLANO DE MOVIMENTAÇÃO A NSCA 30-6.039/DPM.14 (modificação) 3 ARQUIVO Depois de efetuar as substituições. de 03 de junho de 2015. 4 APROVAÇÃO Portaria nº COMGEP Nº 1. aprovada pela Portaria COMGEP nº 26/DPM. arquive esta folha após a página de rosto da publicação original. .1.

de 29 de agosto de 2006. resolve: Art. Ten Brig Ar RAUL BOTELHO Comandante-Geral do Pessoal (Publicada no BCA nº 107 . de 10 de janeiro de 2013. 1º Aprovar a 1ª modificação da NSCA 30- ³Elaboração de Proposta de Plano de Movimentação´TXHFRPHVWDEDL[D Art.039/DPM. do Regulamento do Comando-Geral do Pessoal. MINISTÉRIO DA DEFESA COMANDO DA AERONÁUTICA COMANDO-GERAL DO PESSOAL PORTARIA COMGEP Nº 1. DE 03 DE JUNHO DE 2015. . Aprova a 1ª modificação da NSCA 30-6 Norma de Sistema que dispõe sobre ³Elaboração de Proposta de Plano de Movimentação´QRkPELWRGR&20$(5 O COMANDANTE-GERAL DO PESSOAL.3 da ICA 700- ³. inciso VII. no uso da atribuição que lhe confere o art. de 11 de junho de 2015). 9º. e tendo em vista o disposto no item 3.PSODQWDomR H *HUHQFLDPHQWR GH 6LVWHPDV QR &20$(5´ DSURYDGD SHOD 3RUWDULD Qž 839/GC3. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação. aprovado pela Portaria nº 36/GC3.

Ten Brig Ar LUIZ CARLOS TERCIOTTI Comandante-Geral do Pessoal (Publicada no BCA nº 15 . de 23 de janeiro de 2015). de 22 de dezembro de 2014. DE 20 DE JANEIRO DE 2015. 1º Aprovar a edição da NSCA 30-6 ³Elaboração de Proposta de Plano de Movimentação´TXHFRPHVWDEDL[D Art. por ter saído com incorreção na fundamentação legal descrita no preâmbulo. publicada no BCA nº 242.PSODQWDomR H *HUHQFLDPHQWR GH 6LVWHPDV QR &20$(5´ DSURYDGD SHOD 3RUWDULD Qž 839/GC3. de 10 de janeiro de 2013. Art.3 da ICA 700- ³. inciso VII.000269/2015-49 Aprova a edição da Norma de Sistema que dispõe sobre ³Elaboração de Proposta de Plano de Movimentação´. no uso da atribuição que lhe confere o art. 2º Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação. de 29 de agosto de 2006. Protocolo COMAER nº 67400. . 9º. aprovado pela Portaria nº 36/GC3. 3º Torna sem efeito a Portaria COMGEP nº 1641/DPM. do Regulamento do Comando-Geral do Pessoal. de 18 de dezembro de 2014. resolve: Art. O COMANDANTE-GERAL DO PESSOAL. no âmbito do COMAER. MINISTÉRIO DA DEFESA COMANDO DA AERONÁUTICA COMANDO-GERAL DO PESSOAL PORTARIA COMGEP Nº 26 /DPM. e tendo em vista o disposto no item 3.

.........Formulário para Inclusão Ex Officio em Proposta de PLAMOV ......................................................................................... 13 Anexo A . ... 12 3..................................... 9 2........................ 7 1.......................................................1 ORIENTAÇÕES ESPECÍFICAS ..................................................1 CONSIDERAÇÕES FINAIS .............2 CONCEITUAÇÕES ................................................... 12 REFERÊNCIAS .................................................................................................................................................................................................................................. 7 1.................................................................................................................................................................. 14 ....NSCA 30-6/2014 SUMÁRIO 1 DISPOSIÇÕES PRELIMINARES ......1 FINALIDADE ........ 9 3 DISPOSIÇÕES FINAIS .......3 ÂMBITO ................................................. 7 1................... 8 2 DISPOSIÇÕES GERAIS ..............................................................................................................................................

com vistas a possibilitar um melhor entendimento das questões relacionadas com o tema desta Norma. . classificação.4 PROPOSTA DE PLAMOV DAS OM É o documento anualmente elaborado pelas OM. 1. denominado sucintamente ³3URSRVWDGH2'*6$´TXHFRPSDWLELOL]DDV3URSRVWDVGH&RPDQGRV2SHUDFLRQDLVLQFOXLQGRRV militares de seu próprio efetivo. assegurar a presença do efetivo necessário à eficiência operacional e administrativa das Organizações Militares do COMAER.2. situados nos vários setores da organização.2.2. GHQRPLQDGR VXFLQWDPHQWH ³3URSRVWD GH &RPDQGR 2SHUDFLRQDO´ TXH FRPSDWLELOL]D DV Propostas de OM subordinadas e os militares de seu próprio efetivo.2 ELOS DO SISTEMA São os órgãos. 1. nomeação.1 FINALIDADE Estabelecer normas e orientações específicas para elaboração de Proposta de Plano de Movimentação (PLAMOV). responsáveis pela realização das atividades correspondentes ao Sistema.3 MOVIMENTAÇÃO É o termo genérico que abrange transferência. Licença Especial e Tempo de Averbação. os elementos de assessoramento e os elementos executivos.2. é importante observar os termos abaixo considerados. precipuamente. designação ou qualquer outro ato administrativo que implique o afastamento do militar de uma OM com destino a outra e que visa. 1. 1. denominado sucintamente ³3URSRVWD GH 20´ FRQWHQGR D UHODomR GRV PLOLWDUHV GH VHX HIHWLYR LQFOXtGRV SDUD movimentação e enquadrados nos critérios estabelecidos nesta Norma. 1.2.NSCA 30-6/2014 1 DISPOSIÇÕES PRELIMINARES 1. 1. 1.5 PROPOSTA DE PLAMOV DOS COMANDOS OPERACIONAIS É o documento anualmente elaborado pelos Comandos Operacionais. em complemento às instruções contidas na ICA 30-4 ± Movimentação de Pessoal Militar.2.1 ANOS DE SERVIÇO É a expressão que designa o tempo de efetivo serviço acrescido do Tempo de Localidade Especial.6 PROPOSTA DE PLAMOV DOS ODGSA É o documento anualmente elaborado pelos ODGSA.2 CONCEITUAÇÕES Os termos empregados nesta documentação estão em conformidade com o preconizado no MCA 10-4 ± Glossário da Aeronáutica. No entanto.

.8/14 NSCA 30-6/2014 1.3 ÂMBITO A presente Norma aplica-se a todos os elos pertencentes ao Sistema de Pessoal da Aeronáutica (SISPAER).

4 A inclusão ex officio em Proposta de OM será efetuada pelo setor de pessoal militar da 20 PHGLDQWH R SUHHQFKLPHQWR GR ³)RUPXOiULR SDUD . b) na condição de excedente em relação à Tabela de Pessoal (TP) da OM. e d) quando houver interesse do CMT da OM ou da cadeia de comando. constante no item 3. a justificativa para a movimentação deverá ser registrada nas observações da respectiva proposta.3. não podendo haver qualquer alteração após esse período. 2. será ex officio.2 A OM deverá consolidar todos os cadastramentos de militares de seu efetivo por meio GR 0yGXOR 3/$029 GR 6. por meio de senha pessoal. sempre no interesse da Administração. 2. 2. na fase de consolidação do Plano de Movimentação. o militar que efetuou o cadastramento voluntário será incluído em Proposta de OM.1. a critério da DIRAP e com a anuência do ODGSA ao qual o militar estiver subordinado.2.1 Esse formulário ficará disponível para inclusão.3. 2. 2. de Comando Operacional e de ODGSA para movimentação para outra localidade ao completar. cumprindo-se os demais critérios contidos nesta Norma.3.1. poderá ocorrer das seguintes formas: a) mediante cadastramento voluntário. 2.3 O militar. no período de 2 de janeiro a 31 de março do ano do PLAMOV.1. c) com posto ou graduação incompatível com o cargo ou função.1.*3(6 VHOHFLRQDQGR D RSomR ³IDYRUiYHO´ RX ³GHVIDYRUiYHO´ H justificar minuciosamente em ambos os casos. com parecer favorável do CMT da OM.1.*3(6 2. no interesse da Administração.1.NSCA 30-6/2014 9/14 2 DISPOSIÇÕES GERAIS 2.3. pelo próprio militar. no SIGPES.1 Nos casos em que.3 O cadastramento voluntário de militar que receber parecer desfavorável do Comandante será armazenado em um banco de dados específico. se houver necessidade de completamento de vaga em OM considerada prioritária. a fim de ser apreciada pela DIRAP.2 O militar só poderá ser incluído em Proposta de OM. e poderá ser utilizado. caso ocorra. Somente o cadastramento que receber parecer favorável será incluído em Proposta de OM.1 ORIENTAÇÕES ESPECÍFICAS 2.1. doze pontos apurados conforme o estabelecido na Tabela de Contagem de Pontos por Tempo de Localidade.1. com o devido preenchLPHQWRGR$QH[R³A´HD sua movimentação.QFOXVmR Ex Officio em Proposta de 3/$029´ $QH[R ³A´.1 A inclusão de militar em Proposta de OM. alteração ou exclusão.1.1 Após o parecer favorável do Comandante. o militar deva ser movimentado com menos de doze pontos.2 da ICA 30-4. preencherá o formulário eletrônico ³&DGDVWUDPHQWR 9ROXQWiULR SDUD LQFOXVmR HP 3URSRVWD GH 20´ XWLOL]DQGR R link ³'DGRV 3HVVRDLV´GDSiJLQDGR6. 2.2. até o dia 31 de janeiro do ano seguinte ao da elaboração das referidas propostas.

. DVVLQDGR SHOR PLOLWDU RX HP FDVR GH UHFXVD GHVWH SRU GXDV testemunhas e arquivado na OM.

9. com vistas à movimentação para outra localidade.5 A inclusão em Proposta de Comando Operacional ou de ODGSA será sempre ex officio.1.8 O militar com previsão de realização de curso ou estágio de duração superior a seis meses. no âmbito das Forças Armadas. 2. 2.10 Não deverá ser incluído em Proposta de OM. .1.1. constante na Portaria nº 572/GC6.5. militar que venha a completar vinte e oito anos de serviço até o dia 31 de janeiro do ano seguinte.1.5. no interesse da Administração. para OM e/ou localidades diferentes daquelas propostas pelo próprio militar ou indicadas pelo Comando Operacional ou pelo ODGSA. os ODGSA poderão alterá-las no Módulo PLAMOV do SIGPES. somente poderá ser incluído em Proposta de PLAMOV para OM situada na mesma localidade em que se encontra. tome conhecimento de militar na situação descrita no item anterior e que tenha sido incluído em Proposta de PLAMOV para OM de destino situada em localidade diferente da que se encontra. deverá comunicar.7 O militar incluído em Proposta de OM poderá ser movimentado pela DIRAP. determinar que a OM cumpra e informe o atendimento ao procedimento previsto no item 2. com destino às localidades de Cachimbo.1 O militar com direito à Licença Especial (LESP)WHQGRRSWDGRSHODVOHWUDV³E´RX³F´ do Termo de Opção. cuja realização ou conclusão implique movimentação. à sua cadeia de comando e à DIRAP. de 19 de julho de 2001. Tabatinga e Tefé. para isso. e que tenha sido incluído em proposta de OM. 2. 2.10/14 NSCA 30-6/2014 2. em uma determinada localidade especial classificada pelo 0LQLVWpULRGD'HIHVDFRPRFDWHJRULD³$´DFUHVFLGRGHXPWHUoRFRQVLGHUDQGR-se a data de 31 de janeiro do ano seguinte ao da confecção das propostas. militar que já tenha completado 25 anos de serviço até o dia 31 de janeiro do ano seguinte. bem como para qualquer OM. a ser realizado dentro dos dois anos subsequentes ao da confecção da Proposta de OM. excepcionalmente. 2.1.1. em curso ou estágio. será computado o tempo de serviço cumprido a cada dois anos.1.1.1. licenciamento ou demissão.6 O Comando Operacional ou o ODGSA poderá indicar.9.1.9 Não deverá ser incluído em Proposta de PLAMOV. em sua respectiva Proposta. 2. devendo.1.1.11 Após encaminhar as propostas de PLAMOV para a DIRAP.4 e 2.1. após o envio de sua Proposta.1 Os ODGSA e os Comandos Operacionais poderão incluir militar pertencente à sua cadeia de comando em proposta de PLAMOV para movimentação ex officio. não deverá ser incluído em proposta para localidade diferente daquela onde o curso ou estágio será realizado.1.1.4 desta Norma. 2. Fernando de Noronha. 2.2 Para efeito de contagem dos anos de serviço. imediatamente. São Gabriel da Cachoeira. 2.12 O militar inscrito em qualquer concurso público ou. desde que sejam cumpridos os procedimentos previstos nos itens 2. militar incluído em proposta de PLAMOV para localidades diferentes daquelas pleiteadas pelo militar. 2.1. 2.1 Caso o CMT.12. até 30 de agosto do ano em curso. terá computado o tempo de sua LESP em dobro para efeito de contagem de anos de serviço. Corumbá. Guajará-Mirim.

1. cujo cônjuge ou companheiro (a) seja militar ou servidor público civil da $HURQiXWLFD GHYHUi REULJDWRULDPHQWH LQIRUPDU HVVD VLWXDomR QR 0yGXOR ³&DGDVWUDPHQWR 9ROXQWiULR SDUD LQFOXVmR HP 3URSRVWD GH 20´ HRX QR SUHHQFKLPHQWR GR )RUPXOiULR SDUD Inclusão Ex Officio em PrRSRVWDGH3/$029 $QH[R³A´.13 O militar.NSCA 30-6/2014 11/14 2.

1 O militar. quando no desempenho ininterrupto de cargos típicos do seu quadro. (NR) ± Portaria COMGEP Nº 1. financeira ou patrimonial) e ao QOInt que venham a completar. (NR) ± Portaria COMGEP Nº 2. não se enquadram os SO/SGT do QTA selecionados para servirem nas unidades aéreas subordinadas ao GABAER. de 11 de novembro de 2015.039 /DPM.2 Vale assinalar que. as normas administrativas e financeiras são estabelecidas pelo Decreto Nº 4. (NR) ± Portaria COMGEP Nº 2.307. (NR) ± Portaria COMGEP Nº 2.965/DPM. do QCOA. também poderá ser incluído em proposta. de 11 de novembro de 2015. financeira ou patrimonial. 2. assim como aqueles que pertencem ao efetivo dessas Unidades Aéreas. as movimentações só deverão ser efetivadas para OM de destino situada na mesma localidade da OM de origem e subordinada a outro ODS. de uma mesma localidade de origem para uma mesma localidade de destino. ocorrendo a movimentação de militares cônjuges ou companheiros(as) por interesse do serviço.13.1 1RVFDVRVGDDOtQHD³a´. do QESA e os SO/SGT do QTA não poderão ser incluídos em proposta de OM.965/DPM.1.14 Os militares do QOCon. cujo cônjuge ou companheiro (a) tenha sido inserido em Proposta de PLAMOV. de 11 de novembro de 2015.13.1.1. relacionados à gestão orçamentária.15. 2.16 Para os oficiais pertencentes a outros quadros de carreira. de Comando Operacional ou de ODGSA.1. os seguintes períodos ininterruptos de permanência: a) quatro anos na mesma OM. a ampliação do conhecimento e o rodízio dos gestores. .1. até 31 de janeiro do ano subsequente.15 Com o objetivo de promover a progressão funcional.965/DPM. deverá ser observado o disposto no item 2. 2. os Comandantes deverão incluir.1. desde que para a mesma localidade de destino e que satisfaça as orientações e os critérios desta Norma. os militares pertencentes ao QOAp (relacionados à gestão orçamentária. 2. de 3 de junho de 2015 e Portaria COMGEP Nº 2. ou b) seis anos na mesma localidade.1. 2.965/DPM. do QSCon. em Proposta de PLAMOV. 2.15. Neste caso. de 18 de julho de 2002 e por legislação específica do GABAER. de 11 de novembro de 2015.

a critério do Comandante-Geral do Pessoal.1. antes da emissão do ato do Comandante do COMAR.4 Os casos não previstos nesta Norma serão levados à apreciação do Comandante-Geral do Pessoal.2 No caso de movimentação de Cb. deverá solicitá-la à DIRAP.1 CONSIDERAÇÕES FINAIS 3.Hno inciso IV do artigo 178 do RISAER.1 Após a publicação do PLAMOV em BCA. deverá ser REVHUYDGRRHVWDEHOHFLGRQDOHWUD³G´GRLQFLVR. até 20 de novembro do ano em curso. quando essa movimentação gerar despesas.1.1. de T2 e de S2.. 3.. via COMGEP. . de S1.1. de TM. 3. de T1.3 A presente NSCA deverá ser revisada sempre que mudanças significativas estruturais ou conjunturais justificarem essa necessidade.12/14 NSCA 30-6/2014 3 DISPOSIÇÕES FINAIS 3. Entretanto. caso o ODGSA julgue imprescindível alguma alteração. a DIRAP deverá ser consultada quanto à disponibilidade de recursos orçamentários específicos. data na qual será considerado definitivamente encerrado o Plano. 3.

10496. Comando da Aeronáutica. n. Rio de Janeiro. Comando da Aeronáutica. 2005. Portaria EMAER nº 2/3SC2. 9 out. Boletim do Comando da Aeronáutica. ______. 5807. n. 212. Aprova a edição do RCA 34-³5HJXODPHQWR. Aprova a edição da Norma do Sistema de Pessoal da Aeronáutica (SISPAER) = NSCA 30-1. de 3 de outubro de 2003. vocábulos e expressões de uso corrente no âmbito do Comando da Aeronáutica = MCA 10-4. 12. 2014. p. Portaria nº 956/GC3. Portaria COMGEP nº 1. palavras.270/GC3. Aprova a reedição do Manual que dispõe sobre padronização do uso dos termos. de 3 de novembro de 2005. Comando da Aeronáutica. p. Portaria no 1. Brasília. ______. RJ. Aprova a reedição da ICA 30- ³0RYLPHQWDomRGH 3HVVRDO0LOLWDU´Boletim do Comando da Aeronáutica. p. n. 8 dez. DF. de 30 de janeiro de 2001. Comando-Geral do Pessoal. Seção 1. Boletim Externo Ostensivo do EMAER. RJ. Gabinete do Comando da Aeronáutica. DF. 16 fev. Comando da Aeronáutica. Gabinete do Comandante da Aeronáutica. 2. 232. Rio de Janeiro.QWHUQRGRV Serviços da Aeronáutica . .6$(5´ Diário Oficial [da] República Federativa do Brasil.5. n.NSCA 30-6/2014 13/14 REFERÊNCIAS BRASIL. ______.614/DPM de 4 de dezembro de 2014. 4 nov. 88. 2001. p. Brasília. 2003. 194. Estado-Maior da Aeronáutica.

poderá indicar uma localidade diferente daquelas propostas pelo militar. duas testemunhas deverão assiná-lo. de modo que fique assegurado que o militar foi cientificado da sua inclusão ex officio./SUBESP. no campo DOCUMENTO DE INCLUSÃO COMPULSÓRIA. deverá ser preenchido./NOME/ASSINATURA) TESTEMUNHA 02 (POSTO OU GRAD. ASSINATURA DO MILITAR:__________________________________________________________________________OU ______________________________________________________ _________ ___________________________________________ TESTEMUNHA 01 (POSTO OU GRAD. a Inquérito Policial Militar. deverá ser informado o motivo da inclusão. .:________________ NOME COMPLETO:____________________________________________________________________________________________ DOCUMENTO DE INCLUSÃO COMPULSÓRIA:__________________________________________________________________ DATAS DE APRESENTAÇÃO: (1) NA UNIDADE/OM: ______/______/______ (2) NA LOCALIDADE: ______/______/______ ESTADO CIVIL: ( ) SOLTEIRO(A) ( ) CASADO(A) ( ) UNIÃO ESTÁVEL ( ) DIVORCIADO(A) ( ) VIÚVO(A) DADOS DO CÔNJUGE MILITAR DA AERONÁUTICA? ( ) SIM OM:_________________ Nº DE ORDEM:___________________ ( ) NÃO SERVIDOR(A) CIVIL DA AERONÁUTICA: ( ) SIM OM:_____________ Nº DO SIAPE:______________________ ( ) NÃO OPÇÕES DE LOCALIDADES PROPOSTAS PELO MILITAR 1ª:_____________________________________2ª:___________________________________3ª:_________________________________ Obs: 1) As opções propostas acima não implicam necessariamente a efetivação da movimentação do militar para uma dessas localidades. DECLARAÇÃO DO MILITAR Em_____/_____/_____tomei ciência de minha inclusão ex officio em Proposta de Plano de Movimentação. não estou denunciado em Processo Crime e não possuo tempo de serviço a averbar.14/14 NSCA 30-6/2014 Anexo A . e nela arquivado. o tipo e o número do documento que determinou a inclusão. Se determinada pelo CMT da OM. Declaro que não estou respondendo a Inquérito Policial. e (3) se a inclusão for determinada pelo Comando Operacional ou ODGSA. no interesse da Administração./NOME/ASSINATURA) COMANDANTE DA OM DATA:_____/_____/_____POSTO/QUADRO/NOME:__________________________________________________________________ ASSINATURA DO CMT:_________________________________________________________________________________________ NOTAS: (1) o preenchimento deste formulário não implica necessariamente a efetivação da movimentação do militar. Caso o militar não deseje assinar o formulário. 2) O ODGSA._______________ QUADRO/ESP.Formulário para Inclusão Ex Officio em Proposta de PLAMOV <Órgão / OM> <Órgão de Pessoal Militar> FORMULÁRIO PARA INCLUSÃO EX OFFICIO EM PROPOSTA DE PLAMOV DADOS DO MILITAR Nº DE ORDEM:___________________________POSTO/GRAD. (2) este formulário deverá ser preenchido pela Seção de Pessoal Militar da OM para os militares cadastrados voluntariamente para inclusão em proposta de PLAMOV e com parecer favorável do CMT.