1.O que foi a Revolução Francesa?

A Revolução francesa foi um movimento histórico ocorrido na França em 1789 até
1799.
A Revolução Francesa foi um período de grande agitação política e social na França q
teve grande impacto em sua história. A sociedade francesa enfrentava uma grande
mudança em que os privilégios feudais, aristocráticos e religioso evaporaram-se sobre
um grupo político radical.
2.Como a filosofia de Voltaire e Rousseau inspiraram a Revolução?
Filósofos como Rousseau e Voltaire ajudaram na revolução. Rousseau era um crítico
do iluminismo, o qual era a base para a revolução francesa, onde busca uma maior
igualdade entra o clero, a nobreza e o povo. Em uma de suas obra Rousseau diz que os
homens através de um pacto se organizam numa comunidade política, ou seja, que
essa comunidade é a expressão da vontade geral. Já Voltaire tinha uma opinião reversa
a de Rousseau, já que era um dos principais pensadores do iluminismo. Voltaire em
suas obras sempre que possível, criticava os reis absolutistas, em especial os da França.
Voltaire defendia o liberalismo seja ele politico, econômico ou religioso. Os dois
pensadores ( Voltaire e Rousseau ) travam discussões em tons provocativos, já que
Voltaire, ao contrário de Rousseau, defendia o progresso da ciências e das artes do
avanço da suposta civilização Europeia

Voltaire Rousseau
2.Como foi dado o apoio por Robespierre á Revolução de Sans Cullote.
“O governo revolucionário deve aos bons cidadãos toda a proteção nacional; aos
inimigos do povo ele deve apenas a morte.” Este trecho foi retirado de um discurso da
Convenção, Maximilien Marie Isidore de Robespierre mostrou que o fanatismo que
tomou conta da Revolução Francesa, no período que se seguiu à deposição da
monarquia, conhecido como “Terror”.
Ele foi filho de uma família de uma pequena burguesia, Robespierre perdeu sua mãe
cedo e foi depois largado pelo pai.
Foi para Paris com uma bolsa de estudos e, em 1781, se formou em direito. Assumindo
a profissão de advogado em sua cidade natal com sucesso.
Em 1789 ele tornou-se deputado pelo terceiro estado da região de Artois. Revelou-se
um grande orador. Em abril de 1790, assumiu a posição de membro do clube dos
jacobinos, um grupo mais radical dos revolucionários. A partir deste ponto da historia,
ele adquiriu notoriedade e as vida passou a estar intimamente associada aos
acontecimentos da Revolução Francesa
Na década de 1790 foi um dos principais líderes da insurreição popular do campo de
Marte. Sua fama de defensor do povo lhe valeu o apelido de “Incorruptível”.
Robespierre foi um dos que pediram a sentença do Rei Luís 16 guilhotinado em 21 de
janeiro de 1793. Em julho deste mesmo ano, Robespierre criou um comitê de Salvação
Pública para perseguir os inimigos da revolução. Foi instaurado o regime do “Grande
Terror” – foi essa a época de mais poder de Robespierre através da ditadura aplicada.
Em 1794, Robespierre mandou executar Danton, o revolucionário que propunha um
rumo mais moderado para revolução. No mesmo ano assumiu a presidência da
convenção nacional. Numa sessão com muito tumulto, Robespierre foi ferido e teve
que sair da sala ás pressas. Foi detido imediatamente por seus inimigos e, dois dias
depois, mandado á guilhotina.
Fontes : https://educacao.uol.com.br/biografias/robespierre.htm
https://imagohistoria.blogspot.com.br/2010/03/iluminismo-2-de-2.html?m=1
http://www.infoescola.com/historia/revolucao-francesa/

Allan Rhenns n° 3
Alberto Teixeira Neto n° 2
Lucas Barros Marques n° 20