Agosto de 2016 | ANP – Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis [ Número 107

]

Superintendência de Pesquisa e Desenvolvimento Tecnológico

Boletim
Eletrônico
INTRODUÇÃO
O Boletim Eletrônico tem como objetivo fornecer indicadores e informações
atualizadas mensalmente sobre o setor de petróleo, gás e biocombustíveis.
Apresenta também alguns indicadores econômicos de forma a demonstrar a
importância deste setor na economia brasileira.

SUMÁRIO
Petróleo, Gás Natural, Biodiesel, Derivados, Qualidade, Royalties .......................... 2

Combustíveis: Movimentação e Dependência Externa .......................................... 3

Biocombustíveis, Fiscalização, Qualidade, Preços Médios do Derivados ................. 4

Superintendente de Pesquisa e Desenvolvimento Tecnológico
Tathiany Rodrigues Moreira de Camargo

Superintendente Adjunta de Pesquisa e Desenvolvimento Tecnológico
Luciana Maria Souza de Mesquita

Elaboração
Márcio Assumpção

672 7.898 19.040 447.188 50.310. Item Jun 16 Ano 12 m eses 4 Inclui LGN (GLP e C5+).147 Querosene de aviação 511.227 179.829 16.648 4.604 145. gasolina de aviação.869 1.751 9.018.077 Fonte: ANP/SPD 1 Volume em m3.203 Volume 29 7. produção de derivados de xisto e outros produtores. 2Inclui centrais petroquímicas.097 Importação Líquida .886 38. inclui combustíveis para aeronaves (QAV) e combustíveis para navios (óleo diesel e óleo combustível).547 91. 3Produção nacional de Dados em R$ milhões correntes.890 22.502.214.272 6 Balança Comercial Dispêndio 103 1. também pelo regime de competência.683 13. Boletim Eletrônico Agosto de 2016 ● Número 107 Petróleo Jun 16 1 Ano 2 12 m eses 2 Exploração & Produção Jun 16 Ano 12 m eses 2 3.216 24. 147.380 TOTAL 9.4 Nº de poços exploratórios 0 7 16 Produção Nacional 2. 6US$ milhões correntes FOB.994. lubrificante.590.722 35.140 .988 7.371 Importação Derivados 631 3.084.080 Outros 5.638 Despesa Total Brasil 12.287 12.774.840.298 5.079.717 1. 563.724 .834 614. 53.308.178 .299 Gasolina A 2. 5Inclui a importação de GNL Petróleo + Derivados 313 351 250 expresso na forma gasosa.431 282.035 9. 5Importação líquida dividida pelo consumo aparente. parafina.565 30.911 Volume Líquido 64 10. Receita Total Brasil 16.024 -3. querosene iluminante. 2Volume em milhões de barris.036 1 2 2 Petróleo + Derivados 1.417 Derivados 331 1.272 Nafta 271. participação especial o dado refere-se ao 2º Trim de 2016.110 . 466 227. Fonte: ANP/SPD e Bacen 1 Milhões US$ FOB em valores correntes. outros energéticos e outros não energéticos.070 109.534. utiliza-se o petróleo + importação líquida de petróleo e derivados.124 1 Volume em milhões m3/d. 6US$ milhões correntes FOB. 5Em exportação.020 431 31.276 187. 1 2 Dependência Externa Jun 16 Ano 12 m eses 2 Part. a reinjeção de gás seco em Urucu).725 2.957 3. 525.807 Solvente 30.094 4.288 Óleo combustível 912.198 Fonte: ANP/SPD Saldo Total Brasil 3. 34.218 2.720 331.375 3.815 7.091 630.569 47.418 51.659 449 917 5 pioneiros Importação Volume 259 40 110 Nº de poços 0 2 7 6 descobridores/portadores Dispêndio 354 1.356 -52 -91 5 Participação Especial² 1.081 Petróleo 966 4. 2 . Governam entais Mês 1 Ano 12 m eses 3 Royalties Consumo Aparente 2.035 9. .864 190.564.306 3.390 .792 1.911 Exportação Nº de declarações de 0 2 6 Volume 138 272 comercialidade 866 6 966 Fonte: ANP/SEP.642 228.969.554 GLP 4 578. 6Inclui asfalto.908 12. 3US$ corrente FOB.475.250 Óleo diesel 3.258 70. perdas e consumo próprio na produção e transporte.303 397 826 4 Mai de 2016 1. 2 Para derivados. 5Inclui as importações de condensado das Exportação centrais petroquímicas. 4Não inclui GLP das UPGNs das áreas de exploração e produção da Petrobras. 2Volume em milhões de m3.054. 1Para royalties.447 134.332 13.113.913 343 708 1 Fonte: ANP/SPD Balança Com ercial do Petróleo e Derivados 1 Volume em mil b/d.989 23.6 547. Derivados -299 -2.279 10.974 23.4 Petróleo 354 1.924.527.040 16. Receita 4.660 5.672 41. 3Inclui condensado.453 Gás Natural Jun 16 Ano 12 m eses Produção Nacional Importação Volume Bruto 104 17.114 . 4Petróleo e critério da competência para o mês indicado na tabela. Movim entação Detalhada de Derivados de Petróleo – Junho 2016 Tipo de Derivado 1 1 1 Produção Exportação Im portação 2 3 3 Refinarias Outros Volum e Receita Volum e Dispêndio Coque 448. condensado e resíduos reprocessados nas refinarias. 2Volumes em milhões de barris.403 Dependência Externa -15% -13% -11% Fonte: ANP/SPD Fonte: ANP/SPG 1 Volumes em mil b/d. Processamento 1.893 2.506 descontadas reinjeção (não desconta. queimas.677 84 54.959 326. 3Produção após Petróleo 613 2.770 66.660 5.993 377.256 4 Inclui o consumo próprio da Petrobras.417 7 Nota: A informação sobre o nº de poços pode ser atualizada.743 90. porém.497. 7Inclui petróleo.759.293 5 Petróleo + Derivados 984 5.

506 Querosene iluminante 523 3. Dependência Externa dos Com bustíveis – Junho 2016 1 Com bustível Im portação Líquida Exportação Líquida Dependência Externa Auto-Suficiência (% Importação Líquida/Vendas) (% Exportação Líquida/Produção) Gasolina A 324.860 16.279 Fonte: ANP/SPD 1 Volume em m3.2 GLP 447. 2A partir de 16 de março de 2015.750 57.100 Óleo diesel³ 4.Gasolina A (73%)² 2. a gasolina C passou a conter em sua mistura uma proporção de 73% de gasolina A e de 27% de etanol anidro.411.Etanol anidro (27%)² 910. Dependência Externa (12 meses) .Gasolina Dependência Externa (12 meses) – Diesel 20% 23% 13% 15% 7% 8% 0% -7% 0% jul-2015 jul-2015 out-2015 out-2015 set-2015 set-2015 dez-2015 dez-2015 jan-2016 jan-2016 fev-2016 mar-2016 fev-2016 mar-2016 ago-2015 jun-2016 ago-2015 jun-2016 nov-2015 mai-2016 nov-2015 mai-2016 abr-2016 abr-2016 Dependência Externa (12 meses) .248.761 Gasolina de aviação 3. estas proporções eram de 75% e de 25%.062 TOTAL 11.838 55. Anteriormente. Boletim Eletrônico Agosto de 2016 ● Número 107 Movim entação Detalhada das Vendas de Com bustíveis Tipo de Derivado ¹ Jun 16 Ano 12 m eses Etanol hidratado 1. respectivamente.499 Querosene de aviação 539.190.6 Óleo Combustível 280.224.1 Querosene de Aviação 24.174 37.936 Óleo combustível 255.269.145 5.453 10.460 30.370.908 20.960 138.725 30.821. conf orme Lei nº 13.667.702 1.981 GLP 1.340 7.584. 3A partir de 1/11/2014. de 29/12/2010.522 4.033/2014.939 11. que só terá adição de biodiesel quando as condições técnico-operacionais para o uso seguro da mistura estiverem estabelecidas.692.824 28.637.1 Óleo Diesel 467.GLP Dependência Externa (12 meses) – QAV 80% 60% 50% 60% 40% 40% 30% 20% 20% 10% 0% 0% jul-2015 jun-2016 nov-2015 mai-2016 abr-2016 out-2015 set-2015 dez-2015 jan-2016 mar-2016 fev-2016 ago-2015 jul-2015 out-2015 set-2015 dez-2015 jan-2016 fev-2016 mar-2016 ago-2015 jun-2016 nov-2015 mai-2016 abr-2016 Legenda: Média 12 meses 3 .935 66.616.664 41. conf orme Resolução ANP nº 52.301 .227.261.190 3.539 .639.356.253 13.331 6.239 7.053 6.103.888.237.101.527.460.030 13.924 4. o biodiesel passou a ser adicionado ao óleo diesel na proporção de 7% em volume.895 Gasolina C 3.496 26. Uma exceção a esta regra é o óleo diesel para uso aquaviário.538.5 Fonte: ANP/SPD 1 Volume em m3.763 15.786.

559 1 Não Conformidade Diesel (R$/l) 3.91 18. 19. Boletim Eletrônico Agosto de 2016 ● Número 107 Biodiesel Jun 16 Ano 12 meses 2 Variação de Preços dos Com bustíveis (%) Biodiesel Item Jun 16 Ano 12 m eses 1.37 45 WTI 2T17 50. Preços Médios Mensais do WTI e Brent (em US$ / bbl) 65 Projeção de Preços 1T16 33.06 -0.39 -2.94 Etanol Hidratado (R$/l) 2.52 Total autorizado na unidade 103 m3/ano (considera 360 dias ao ano).22 Capacidade Instalada 3 IPCA 0.35 60 2T16 45.58 30 Fonte: EIA/DOE nov-2015 abr-2016 set-2015 out-2015 jan-2016 fev-2016 dez-2015 jun-2016 jul-2015 mar-2016 ago-2015 mai-2016 Nota: Refere-se ao WTI.658 52.46 55 3T16 41.73 Infração 0 0 0 GNV -0. Gás Liquefeito de Petróleo -0.23 4.20 GLP (R$/13 kg) 53.87 Fiscalização (Total) 0 0 0 Gasolina -1.015 3. Preços Médios dos Jun 16 Ano 12 m eses Derivados 1 Qualidade (%) Jun 16 Ano 12 meses Gasolina (R$/l) 3.64 -5.S.43 2.69 -7.25 1.231 2. no todo e por combustível.03 Interdição 0 0 0 Óleo Diesel 0.22 0.646 3. Gulf) 4 .47 4.680 2.42 8.86 Fonte: ANP/SPD e ANP/SRP 1 Carvão Vegetal -0.41 1.69 5.466 2..43 11.44 Infração por Qualidade 0 0 0 Fonte: IBGE e IPEA Fonte: ANP/SFI e ANP/SBQ 1 Número de ações de fiscalização.491 3 Gasolina 1.34 2. Dados atualizados em agosto de 2016.00 4T17 57.81 Etanol Hidratado -0.095 1 Fonte: ANP Refere-se ao percentual de resultados não conformes dentro de cada 1 Preços médios ao consumidor amostra.692 3.159 3.06 40 Brent 3T17 53.52 1 Ações de Fiscalização Jun 16 Ano 12 meses Combustíveis Veiculares -1.47 1.63 1.35 4.865 3. EIA (U.91 12.94 35 2017 51.41 1.2 .05 13.39 6. 3103m3.949 Geral 1.871 Combustíveis Domésticos -0.56 Gás Canalizado -0.78 4T16 43.977 .26 14.02 Diesel S10 (R$/l) 3. IGPM 1.78 10. Fonte: Elaboração própria a partir de dados do U.63 10.39 -2.S.84 Produção 293 1.199 Etanol Hidratado 0.53 0.32 1.417 Diesel 2.50 1. 2 não aplicável.69 50 2016 41.120 53.159 3.16 1T17 45.015 2.66 2..245 2.28 GNV (R$/m ) 2.