BONSAI

Guia

SUMÁRIO

O bonsai

Técnicas básicas de cultivo

Mudas, Pré-bonsai e Bonsai

Guia de cuidados por espécie

Técnicas de cultivo e manutenção estética

Livros recomendados

Pragas de insetos

Pragas e doenças

Transplantação (troca da terra)

Estilos dos bonsai

O bonsai

A palavra bonsai tem origem japonesa e pode ser considerada como um verbo:
Cultivar árvores em vasos (Bon=Vaso + Sai= Árvore). O Bonsai teve seu início na
China, por volta do século. III A.C., mas foram os japoneses que aprimoraram a
técnica, incluindo-a em sua cultura como arte e objeto de culto e meditação. Não se
trata de uma planta específica, mas sim de uma técnica utilizada em árvores com o
objetivo de "miniaturizá-la" inspirando-se em formas existentes na natureza. Não há
árvore de Bonsai, mas árvores que se transformam pelo processo de Bonsai. Na
prática, é a arte de selecionar e transformar árvores que tenham potencial para se
assemelhar a uma réplica na natureza.

Através da observação percebe-se que as árvores têm tendências de comportamento
e estilos próprios. No Bonsai também encontramos uma classificação de estilos e
formas mais tradicionais baseado no estilo natural das árvores. Suas principais
categorias se baseiam principalmente nas formas e no número total de árvores na
composição.

Apesar de seu tamanho reduzido, a árvore mantém sua saúde e características
naturais produzindo flores e frutos normalmente. A princípio qualquer árvore pode ser
utilizada para confecção de Bonsai, devendo-se procurar um conjunto estético e
harmonioso. Algumas árvores já possuem a tendência natural para se transformar
num Bonsai, outras devem ser mais trabalhadas através de modelagem, podas, etc,
onde a habilidade e criatividade do artista são frequentemente colocadas a prova,
respeitando-se os limites diante da natureza.

CRESCIMENTO PLANEJADO, NOBREZA, ESTILO, COMPROMISSO,
PERSEVERANÇA, SERENIDADE, QUIETUDE, CONCENTRAÇÃO e SERIEDADE.

A preocupação estética é fundamental na execução de um bonsai. A importância
estética é sem dúvida muito maior do que a botânica, apesar desta ser fundamental.
O objetivo da Arte bonsai é criar uma composição artística utilizando a natureza das
árvores como matéria prima, transformando-os em arte através de harmonia estética.

São dois os fatores que determinam o visual de um bonsai de qualidade:

Fatores Estéticos:

Linha e forma; equilíbrio e Harmonia; Escala de Composições; Perspectiva e
Profundidade; Movimento; Vitalidade; Evidenciamento do centro das atenções; A
composição da árvore como um todo; Cor e Textura.

Fatores Orgânicos:

Tronco; Ramos; Raízes; Folhas; Frutos; Flores e Vaso.

Em resumo a composição dos bonsai deve se assemelhar a árvores encontradas na
natureza, ter estilo bem definido, possuir algum atrativo evidente como frutos, flores,
raízes expostas, exuberância em folhagens, folhagens com cores diferentes, texturas
de tronco majestáticas e vasos adequados.

Técnicas básicas de cultivo

1 – O Local adequado (Insolação)

O bonsai deve receber sol diretamente em
suas folhas. Dependerá de cada espécie se
muitas ou poucas horas de exposição ao sol.
Procure um local ventilado e que possa
receber sol. Normalmente algumas espécies
como Buxus, Camélia, Carmona, Crássula,
Cycas, Fícus, Lantana, Ligustrum,
Podocarpo, Sagerétia e Serissa podem
permanecer no interior de ambientes, junto a
uma janela. As outras espécies só poderão
permanecer em ambientes internos por curtos períodos.
Uma sacada ou quintal onde os bonsai possam receber raios solares por um período
maior do que quatro horas, geralmente é suficiente até para espécies chamadas de
exterior: Abélia, Acer, Azálea, Caliandra, Celtis, Cerejeira, Cipreste, Cotoneaster, Flor
da China, Ginco biloba, Ilex, Jabuticabeira, jasmim, Juníperus procumbens,
Loropetalum, Macieira, Madressilva, Metasequoia, Oliveira, Piracanta,
Primavera, Reseda, Romã, Salix, Tuia Prata, Ulmus e Zekova.
As Coníferas e Pinheiros, como Cipreste, Criptomélia, juníperus chinensis,
Metassequóia e Pinheiros, devem receber o Maximo de sol possível, pelo menos seis
horas.

2 – Rega

Há duas coisas que uma pessoa precisa saber para regar um bonsai:

2.1. Como regar?

Regar um bonsai é molhar toda a terra que está dentro do
vaso. Coloque água potável por cima da terra em toda a
superfície até que esta comece a sair por baixo nos orifícios do
vaso. No Calor pode-se molhar também a copa e galhos.

2.2. Com que Frequência?

As árvores no Geral NÃO gostam de muita umidade na terra. Por isso geralmente
devemos regar os bonsai somente quando a terra do vaso estiver quase seca. No
geral, para vasos pequenos ( Até 30cm de comprimento ), regar todos os dias quando
a umidade do ar estiver baixa e a temperatura acima de 20 oC.
Abaixo desta temperatura regar dia sim dia não. Vale muito nossa "observação

S – Enxofre{Síntese da Clorofila e absorção do CO2 }. Com exceção dos pinheiros e coníferas não existem grandes complicações em cortar os ramos.constante". A poda. É muito melhor adubar em pequenas quantidades. Como os bonsai vivem em vasos pequenos. principalmente na primavera. P – Fósforo{Floração e Frutificação}.. Agende para trocar a terra regularmente dentro desta frequência. A frequência pode variar muito.. imagine-o como uma "árvore gigante". Em certas condições é possível . Mo – Molibdênio{Fixação do nitrogênio}. tanto do clima quanto da umidade da terra. A Arte bonsai possui muitas técnicas de modelagem o que torna nosso hobby um dos mais interessantes. Cu – Cobre{Respiração e síntese da clorofila}. a árvore poderá consumir todos os nutrientes da terra depois de um tempo. devem ser transplantadas anualmente. esta adubação deve ser feita sem exageros. Zn – Zinco{Produção e Maturação de Sementes}. 3 – Adubação Todos nós comemos diariamente. Mn – Manganês{Absorção do CO2 na fotossíntese}. Assim sendo. A Bonsai Kai oferece serviço de troca de terra a preços módicos. frutos e sementes}. Fe .. até os pinheiros que podem ser transplantados a cada 5 ou 7 anos. 4 – Troca de terra (Transplante) As raízes de todas as árvores crescem para encontrar água que precisam para viver. A frequência de transplantação ou troca de terra varia segundo a espécie e idade do bonsai. K – Potássio{Crescimento das raízes e resistência contra pragas e doenças}.Ferro{Respiração. É preciso adubar principalmente nas épocas de grande crescimento das plantas. as raízes crescem até ocupar a totalidade desse espaço limitado. preenchendo copa e deixando-a mais bonita. É importante lembrar que existe época adequada do ano para a transplantação. B – Boro{Desenvolvimento de Raízes. enfolhamento}. Ca – Cálcio{Crescimento das raízes e fecundação} e os micronutrientes exigidos em pouca quantidade: Cl – Cloro{Decomposição da água na fotossíntese}. É Claro que se compreendermos bem o funcionamento das plantas. Co – Cobalto{Absorção do Nitrogênio na fixação simbiótica}. que variará também de acordo com cada espécie de árvore. desde as frutíferas que. que deve ser feita com uma tesoura bem afiada. mas com maior frequência do que fazê-lo esporadicamente em grandes quantidades. os alimentos são imprescindíveis para se viver. possui a função de "carregar" consigo outros elementos essenciais à sua nutrição. Mg – Magnésio{Composição da Clorofila e Ativador de enzimas}. As plantas alimentam-se dos sais nutritivos que extraem do solo. síntese da Clorofila e fixação do nitrogênio} e muitos outros. estimula novas brotações. Os principais nutrientes ou adubos existentes no solo e usados pelas plantas são divididos em dois grupos: os macros nutrientes exigidos constantemente pelas plantas: N – Nitrogênio{Crescimento da parte Aérea. A verificação da umidade da terra pode ser feita facilmente tocando-se a terra com os dedos. ao mesmo tempo a terra vai se esgotando e perde a faculdade de proporcionar os nutrientes que a árvore necessita. regra geral. quando uma árvore cresce num vaso. saberemos muito melhor como cultivá-las. Visualize a forma de uma "mini árvore" e não tenha medo de podar. 5 – Como dar forma aos Bonsai Deixe a copa do seu bonsai sempre bem podada. que normalmente crescem muito. A absorção da água do solo através das raízes além de hidratar a planta. teremos então que ir repondo estes nutrientes por meio de adubos. contate-nos.

Imitaremos isso nos bonsai. devido à ação do tempo. O vento. que deve adequar-se ao conjunto com forma e textura adequadas. temperatura. Isso acontece no alto das montanhas. Podar é estilizar a formação de uma árvore. . poderemos projetar modelos ou réplicas das formas das árvores mais antigas criando assim a impressão visual de tensão que são transmitidas através da estética natural e captadas pela sensibilidade do homem. Se ainda pormenorizar nossa atenção e nos atentarmos as características de texturas e cor da casca dos troncos. Com a poda eliminamos os ramos defeituosos ou os ramos desnecessários (os que saem da zona não desejada no desenho da copa). luz. Essa condição nos mostra árvores com troncos impressionantemente retorcidos. Se você quiser se aprofundar mais sobre este tema. Os galhos mais antigos têm sua inclinação voltada para baixo. além de outras condições formam verdadeiras esculturas vivas. provocada pela ação do peso. até mesmo bem velhas. onde as temperaturas permanecem abaixo de zero a maior parte do ano. Na figura ao lado podemos ver uma serie de defeitos em galhos: As árvores mais antigas na natureza são normalmente encontradas onde as condições de temperatura e pressão são relativamente baixas. Na composição do bonsai inclui-se logicamente o vaso. estaremos prontos para ajudá-lo.transformar algumas árvores. em belíssimos bonsai. que nos encantam por sua beleza e diferenciação estética. A forma cônica das copas são fatores estéticos coletados por observação que devem ser levados em conta na elaboração do bonsai. copas das mais diferentes formas. umidade.

Essas pessoas até se identificam com essa “brincadeira chamada bonsai”. normalmente trazem em seu início o tema “Como produzir uma muda de árvore”. que o clima mantenha-se em condições ideais de umidade e temperatura. Infelizmente. As condições químicas. se surpreende e se interroga: Como podem viver árvores com dimensões tão reduzidas. Estas práticas de ensinamentos podem ser perigosas. as mais curiosas. Entretanto essa descoberta maravilhosa aconteceu há mais de 2000 anos no oriente e somente a partir do século passado os ocidentais dele tomaram conhecimento. mas a insatisfação em ver fenecer um vegetal ou um ser vivo. É muito comum na iniciação da pratica do bonsai que pessoas comecem a cultivar “árvores em vasos” utilizando-se de mudas. Para isso é preciso que nenhum pássaro as aproveite como alimento. que o solo onde a semente pousou seja fértil e o local possua condições adequadas de iluminação. Os primeiros meses de vida também serão difíceis. que usamos as plantas com pouca frequência em nossos lares. Quando uma pessoa pela primeira vez se depara com um autêntico bonsai. muitas pessoas no Brasil que tentaram o cultivo do “bonsai” e desanimaram por não obterem os resultados satisfatórios desejados. Livros de bonsai. tanto pela inexperiência do iniciante como pela fragilidade das mudas. Pré-bonsai e Bonsai O nascimento de uma árvore em seu habitat original ocorre na grande maioria das vezes com a natural produção em massa de sementes que se espalham pelo ambiente de maneiras. música. Alguns cursos de iniciação ao bonsai são elaborados para proporcionar o aprendizado de algumas atividades como adubação. Para nós brasileiros. escultura. Algumas sementes com perfis aerodinâmicos perfeitos são levadas pelos ventos e chegam a percorrer quilômetros até reencontrarem o solo. Essa dificuldade toda deixa claro a fragilidade das pequenas mudas. O mundo ocidental não estava acostumado com o bonsai. Ao adentrarmos em uma boa exposição de bonsai nos deparamos com ARTE. manter-se tão belas e até mesmo majestosas? Como podem viver saudáveis dentro destes minúsculos vasos? Sim. é um choque cultural. físicas e biológicas do solo precisarão estar registradas dentro da memória genética desse vegetal para que ele possa se desenvolver saudável como a árvore que o originou. A mesma arte que encontramos na pintura. muitas vezes desanima e provoca desistência. Nenhum animal pode cobiçar a pequenina muda como alimento. troca de terra e até modelagem com arame em árvores muito novas (mudas). No chão. dança e tantas outras .Muda. com técnicas simples ou mais complicadas como enxertos e alporques. muito poucas conseguem superar as dificuldades e germinar. este “milagre” de uma árvore poder ser tratada e modelada tornando-se um objeto de tão rica beleza e encantamento é realmente surpreendente. Somente as mudas mais resistentes e melhor adaptadas ao ambiente sobreviverão. o sol não poderá estar muito forte e nem as chuvas muito agressivas.

e devem ser imitadas. Na verdade apreciamos aquelas mais altas. Somente depois de muitos anos. Devemos procurar conhecer esse “outro lado”. Mas em contrapartida não possuem um dos aspectos mais valorizados nos bonsai. sua copa com dimensões reduzidas e estilo pré-definido. O bonsai não é só um substantivo. são chamadas de Pré-bonsai. É muito importante para os iniciantes esta compreensão de prazer lúdico ao “brincarmos” com o bonsai. e não somente aos grandes mestres. seu enraizamento na base do tronco. Bonsai é regar. com podas regulares é que uma muda terá seu tronco engrossado. e é muito comum no ocidente o valor das exibições em que os mestres procuram mostrar a transformação de um Pré-bonsai em bonsai em uma única exibição de 3 ou 4 horas. precisa de muito tempo para apresentar características essenciais que provoquem uma verdadeira emoção estética. Qualquer tratamento que se dê a esta “arvore envasada”. onde o tempo não tem tanta importância.. engenhosidade e inteligência para dominar a matéria a fim de provocar emoções. bonsai é caprichar. sem ansiedade. diferentemente de outros tipos de arte. inclusive o mais simples. geralmente produzidas por viveiros especializados. Muitas vezes. mais antigas. Estas práticas são incomuns no Japão. Mas não é qualquer árvore que nos chama muito a atenção. mais grandiosas.. O pré-bonsai muitas vezes é produzido de galhos através de técnicas especiais que permitem o surgimento de raízes no próprio galho. A definição de bonsai deve ser compreendida e não traduzida. mas também um verbo. Até parece fácil! Mas essa naturalidade custa algum tempo para se desenvolver. troncos e raízes. melhorar cada vez mais um . pois é forma reduzida do que estamos acostumados a ver e admirar. Tudo o que na natureza nos é possível observar e admirar. desde que bem usada. bonsai é podar. O cultivo do bonsai carrega em si muito do espírito oriental antigo. Estes se caracterizam por seus troncos mais grossos. é definido como bonsai. A primeira vista podemos dizer que a forma de “mini-árvore” dos bonsai naturalmente nos encanta. E se ela for trabalhada desde cedo com podas freqüentes para se pré-determinar um estilo. o melhor de tudo é que o bonsai é um lazer artístico acessível a todas as pessoas. que são trabalhadas por algum tempo. A reserva de energia de uma árvore é armazenada em sua estrutura de galhos. são as que mais nos impressionam. a mentalidade ocidental nos faz querer tudo de uma maneira imediatista e competitiva. buscar continuamente o prazer nas pequenas ações que esta prática nos proporciona. de tal forma que galhos mais finos. com troncos rugosos e grossos. De qualquer forma independente da técnica usada. Infelizmente nossa modernidade carrega como qualidades o resultado rápido.. as mudas serão na grande maioria das vezes mais frágeis que um pré-bonsai. com formas e texturas onde é claramente possível identificar sua longevidade. Imitadas em todas as suas formas e beleza. bonsai é transplantar. bonsai é adubar. será mais fácil transformá-la em um bonsai.formas em que o ser humano põe em prática sua sensibilidade. As mudas. Mas o bonsai. raízes pouco desenvolvidas deixam a muda mais frágil. Esta técnica traz a vantagem de proporcionar troncos mais grossos em relativamente pouco tempo de tratamento. onde a felicidade pode ser encontrada em pequenos detalhes do dia a dia e onde o perfeccionismo se impõe fortemente. Isto nos dá uma clara idéia de que as árvores mais antigas são as mais belas e emocionantes.

bonsai independentemente de sua idade. ventilação. a humildade. embora sejam pequenos. Entretanto é necessário compreender a existência de uma visão ocidental e que esta deve ser respeitada. são locais apropriados para se colocar o .Classificados por "Nome Popular" Acer palmatum Acer Tridente Acerola Azálea Cambuí Camélia Carmona Celtis Cotoneaster Criptomeria Fícus Ginkgo biloba Jasmim Jabuticabeira Juniperus Kaizuka Madressilva Macieira Metasequoia Oliveira Piracantha Pitanga Pithecolobium Podocarpos Romã Sagerétia Serissa Tuia Áurea Tuia Nana Tuia Ouro Tuia Pavão Tuia Prata Técnicas de cultivo e manutenção estética 1 – O local ideal para se colocar o bonsai Os bonsai. a perspicácia e serenidade de espírito. Eles devem viver em locais onde possam receber sol. são tão árvores como as grandes. Um terraço. como a paciência. a tenacidade. Mas certamente o praticante ocidental de bonsai poderá ganhar muito ao descobrir que esta pode ser uma forma de aprimoramento de qualidades essencialmente humanas. pois o efeito em nosso crescimento será igual. uma varanda. chuva e principalmente a umidade da noite. A concentração e a disciplina exigida pelo bonsai e o estado sereno necessário para sua prática nos remetem a um estado meditativo que nos permite ausentarmo-nos de nosso ego e nos tornarmos mais placidamente irmanados com a natureza. Guia de cuidados por espécie Guias de Cuidados . um jardim ou simplesmente o peitoril de uma janela.

vento. no geral: .. Mas logo que o perigo passar ele deverá voltar para o local mais apropriado. umidade. O melhor local para colocar o bonsai dentro de casa é uma sala fresca e arejada. Serissa. Ficus. evapora- se muita água pelas folhas. Se isso acontecer podem surgir queimaduras nas pontas das folhas. onde os raios de sol possam atingir suas folhas (no mínimo por duas horas diárias). Podocarpos. principalmente nas árvores de folhas grandes e delicadas. Para evitar que isso aconteça.) para a vida sadia de um bonsai. longe de lareiras. Sagerétia. O lugar ideal para colocar um bonsai dentro de casa é perto de uma janela grande e bem iluminada (sem cortinas ).. podemos protegê-lo de altas temperaturas no verão e de geadas no inverno. ou eletrodomésticos que transmitam calor. através da fotossíntese e da transpiração.  As espécies que mais se adaptam as condições acima são: De maneira geral os bonsai de árvores tropicais ! Ex: Buxus.  As espécies que se adaptam melhor fora de casa. Se o tempo está seco e quente. removendo-o para local resguardado. Precisamos então fornecer condições dentro da casa semelhantes às do exterior. devemos simplesmente proteger o bonsai borrifando as folhas com água.bonsai. etc. Carmona.  Como podemos proteger o bonsai das altas temperaturas ? As árvores absorvem água pelas raízes e conduzem-na pelo tronco e galhos até às folhas.. Mesmo que não deixemos de regar. Essa água. Dentro de casa faltam condições (sol. que chega às folhas destina-se à produção de açucares e amido. pode acontecer que a água chegada às folhas através da absorção das raízes não ser suficiente face a grande evaporação devido ao intenso calor. numa sacada ou peitoril ou mesmo no quintal protegido do sol do meio dia e com incidência do sol acima de duas horas diárias são. O ambiente das casas geralmente é seco demais para a saúde de um bonsai. mas existem condições especiais de interior que permitem seu cultivo.  Onde colocar o bonsai dentro de casa? Não há árvores de interior. Como o bonsai oferece a vantagem de maior mobilidade.

Pinheiro Negro.  As espécies que só se adaptam fora de caa. quando abaixo dessa temperatura. Quando a terra do bonsai for muito pastosa. etc. Macieira. mais ao vento. Rega-se por cima uma vez para que a umidade abra os poros da terra. Não podemos. Como regra geral.As árvores de flores e frutos como também a maioria das árvores caducas ! Ex: Acer Vermelho. alcançam com suas raízes a água armazenada no solo mais profundo. até que ela esteja inteiramente úmida. Leia a seguir sobre vaporização. Primavera. Eles são plantas. etc.  Quando devemos regar o bonsai? Deve-se regar o bonsai quando a superfície da terra se apresentar seca. 2 – Rega Os bonsai devem ser regados. Outra maneira é tocar a superfície da terra com os dedos para sentir se ela ainda está úmida. Pinheiro Branco. Juniperus. embora o bonsai ainda não mostre indícios de murchar. não podemos prever com exatidão quando é que o bonsai precisará de água. Piracanta. dia sim dia não.. Ginco biloba. o conselho apropriado é: "Aprender a regar só quando a árvore precise". Romã. Reseda. Ligustrum. Acer Tridente. Metasequoia. Não se deve deixar nenhum tipo de bandeja que acumule água embaixo do bonsai. Como as plantas secam mais no calor. Também pode-se regar desta maneira os bonsai que por descuido. A partir da convivência com o bonsai o dono conhecerá os limites para esta rega.. regue-o todos os dias em que a temperatura for maior que 20oC e. neste caso não é preciso regá-la.. a terra apresenta uma aparência mais pálida. As plantas que vivem no campo. Sem água morreriam. U lmus. As que vivem num vaso só encontram a água que está na terra do próprio vaso. . Azalea. Ou seja. mais no sol do que na sombra. ficaram secos. deixando-se o bonsai por aproximadamente três minutos dentro de uma bacia com água. recomenda- se a rega por imersão. com incidência do sol acima de seis horas diárias são: Os Pinheiros e Coníferas. recomendar "regue todos os dias" ou "regue uma vez por semana". Oliveira. etc. toda a terra do vaso. Lembre-se que a "terra" tem que respirar. portanto. Alguns minutos depois volta-se a regar até que a água saia pelos orifícios de drenagem.  Como se rega o bonsai ? Devemos regar muito bem.. Por isto os bonsai precisam ser regados com maior ou menor frequência. Ex: Cipreste.

o que nos pode dar ideia da importância do orvalho para essas plantas. As árvores que vivem no campo recebem muitas vezes o orvalho da manhã. para que a água chegue em todas as partes das folhas. O bonsai que vive em cidades ou os que passam grandes temporadas no interior das casas. Nos vales agrestes das montanhas a quantidade de água recebida através do orvalho chega a ser superior à água recebida pela chuva. quase nunca recebem esse benéfico orvalho.  O que é pulverização ? Devemos pulverizar os bonsai ? Pulverizar é borrifar as folhas dos bonsai com água dispersa à pressão na forma de uma chuva muito fina. em vez de revitalizarmos a planta.  Quando e como devemos pulverizar os bonsai ? Se a intenção for de apenas limpar as folhas. Faça-o periodicamente. Também não recebem água da chuva e suas folhas enchem-se pouco a pouco de pó. faz-se necessário pulverizar as folhas todos os dias. cal e sais. Para sanar o efeito do cloro devemos colocar água em um recipiente aberto por um dia. Quanto mais pura for a água com que borrifarmos. Devemos borrifar as plantas com um pulverizador ou com uma mangueira que possua uma rosa que proporcione uma chuva muito fina. E não devemos borrifar as folhas muito frequentemente com essa água. Se borrifarmos com água com muito cal. o que pode prejudicar as árvores. para que o cloro evapore.  Com que água é preciso regar o Bonsai ? A melhor água para regar é a da chuva. Como a água das cidades não é muito calcárias podendo-se usá-la normalmente. ou de uma fonte com pouco cal e sais. Se a intenção é animar o bonsai cansado. pulverizar apenas uma vez é o bastante. estaremos tampando-lhe os poros e deixando-a com . o que representa uma fonte de vitalidade importante para as plantas. melhor. Pulverizar é importante para a limpeza das folhas e para vitalizar as árvores que vivem em ambientes secos. será necessário transplantar o bonsai mais vezes. A melhor água para pulverização é aquela livre de cloro. devendo-se fazê-lo de cima para baixo e de baixo para cima. Se tivermos que regar com água que contenha cal. A água das cidades costuma conter cloro e cal para desinfecção. Mas o cal fica na água e não se elimina. pois as folhas ficariam com manchas da cal.

exigidos constantemente pelas plantas e os micronutrientes. Quais os tipos de Adubos disponíveis para uso? Podemos classificar os tipos de adubo pela forma de uso.  Como fazer para regar os bonsai quando não estamos em casa? A rega frequente do bonsai pode se tornar um problema se tivermos que nos ausentar por qualquer motivo de nosso domicílio. A absorção da água do solo através das raízes além de hidratar a planta. improvise. Não esqueça que seu bonsai nunca deverá ficar seco. Se a quantidade de bonsai for grande. 3 – Adubação Todos nós nos alimentamos diariamente.. Como os bonsai vivem em vasos pequenos. oliveiras. laranjeiras.. É importante lembrar que adubar os bonsai acima do necessário é extremamente prejudicial à planta.. Teremos então de ir repondo esses nutrientes por meio de adubos. Se não dispusermos de uma água melhor. podendo até vir a matá-la. Os alimentos são imprescindíveis para a vida. estado natural e composição: . É difícil que plantas sadias e bem cuidadas fiquem doentes. Em último caso contrate um serviço de hotel ou deixe com um amigo.manchas brancas. em uma floricultura. exigidos em pouca quantidade. Ao final desta página listamos os macros e os microelementos mais importantes e suas principais funções. É melhor adubar em pequenas quantidades e com maior frequência do que fazê-lo esporadicamente em grandes quantidades. possui a função de "carregar" consigo outros elementos essenciais à sua nutrição. Os principais nutrientes ou adubos existentes no solo e usados pelas plantas são divididos em dois grupos: os macro nutrientes. As plantas alimentam-se dos sais nutritivos que extraem do solo.). No entanto devemos sempre adubar os bonsai para que possamos mantê-los saudáveis. Entretanto a adubação deve ser feita sem exageros. existem no mercado numerosos programadores de rega que regulam a frequência e duração da rega enquanto estivermos ausentes. saberemos muito melhor como cultivá-las. É preciso adubar principalmente nas épocas de crescimento mais acelerado das plantas ( Primavera e Verão ).. a árvore depois de algum tempo poderá ter consumido todos os nutrientes da terra. As plantas de folhas fortes e brilhantes são as que se sujam mais (fícus. será preferível molhar as folhas apenas para tirar o pó.  Por que devemos adubar nossos Bonsai? É Claro que se compreendermos bem o funcionamento das plantas.

de potássio resistem Sem fósforo o vegetal não Parte integrante da mais ao frio. 00-00-00. contem fósforo. seca. a respira e nem faz constituição das proteínas pragas e doenças.P . macro nutrientes ( 2a. fotossíntese. II . solo". Escala ) Mg Ca Magnésio S Cálcio Composição da Clorofila e Enxofre Crescimento e Ativador de enzimas. Quando em grãos é do tipo "de da aparência do bonsai. praticamente instantânea. Síntese da Clorofila e funcionamento das Ajuda na absorção do absorção do CO2. Em pó deve- Pode ser Foliar ou de solo. raízes e da fecundação fósforo. III . O DNA (base física da vida).Quanto a Forma de Uso Foliar de Solo É aplicado diluindo-se o produto na dosagem especificada pelo fabricante e É aplicado na dosagem especificada pelo borrifando sobre as folhas. A absorção fabricante aplicando-se diretamente no deste tipo de adubo pelo vegetal é solo do bonsai.Quanto a Seu Estado Natural Liquido Sólido Pode ser em pó ou em grão.Quanto a sua Composição Geralmente no rótulo dos adubos existem três números. ( enfolhamento ). Quais são os principais nutrientes e suas funções? Mostramos aqui os principais nutrientes e suas principais funções no metabolismo de um vegetal: PRINCIPAIS NUTRIENTES Macro nutrientes Principais P N Fósforo Nitrogênio K Floração. Fósforo e Potássio). . deve ser diluído se diluir em água e aplicar no solo ou via em água. Frutificação e Crescimento da Potássio ajuda a formação do parte Aérea Plantas bem providas sistema de raízes . esta concentração varia de acordo com o tipo de planta e a necessidade do vegetal. do vegetal. CLASSIFICAÇÃO DE ADUBOS I . Sua absorção é gradual. É muito usado para recuperação foliar. estes indicam a concentração de respectivamente de N .K ( Nitrogênio.

tronco. evitando metade da dosagem aplicação pois tem efeito por colocar junto ao recomendada para curto período de tempo. Nunca adubar plantas melhor ser moderado na Esperar de um a dois debilitadas ou adubação. Dicas para uma correta adubação Somente adubar Não adubar árvore bonsai sadios. Maturação de Clorofila e Sementes. fotossíntese. clorofila. . doentes. devemos usar requer disciplina em sua dos vasos. fixação do nitrogênio. Micronutrientes Co Cu Mn Cl Cobalto B Cobre Manganês Mo Cloro Absorção Boro Respiração Absorção do Molibdênio Decomposição do Desenvolvimento e síntese CO2 Fixação do da água na Nitrogênio de Raízes. Produção e síntese da E muitos outros. Fe Zn Ferro Zinco Respiração. meses para adubá-la. Se o adubo não for de Espalhar os adubos uso específico para O adubo líquido geralmente sólidos nos cantos bonsai. Os adubos de boa Cuidado com adubos qualidade sempre orgânicos do tipo "Torta de Cada espécie de trazem descritos em Mamona" ou "Farinha de árvore possui uma sua embalagem a osso" ou "Estercos". Sem experiência é muito recém transplantada. bonsai. cada tipo de uso.. plantas envasadas. simbiótica. Isso composição e maneira pode ser fatal para os de uso. fotossíntese. quantidade adequada. na fixação e sementes. É época certa para ser dosagem correta para muito fácil errar na adubada. frutos da na nitrogênio..

Ex. Assim sendo. muito mais do que o de uma árvore acostumada a solos úmidos. Se levantarmos o torrão de terra onde está o bonsai. de maneira que para se medir a umidade de um solo seria necessário fazer com que o mesmo secasse completamente: . A providência é a troca da terra e a poda das raízes. Só que no vaso. A umidade de um solo é determinada pela relação entre o peso da água que existe nesse solo e o peso do solo úmido. idade e a velocidade de crescimento das raízes daquela planta específica.. Se o solo do ambiente onde a árvore se adaptou durante décadas ou até mesmo séculos é seco. Do mesmo modo as raízes dos bonsai crescem. devem ser transplantadas anualmente. a velocidade de crescimento das raízes deve ter sido rápida. É importante lembrar que existe época adequada do ano para a transplantação. que variará também de acordo com cada espécie de árvore. quando uma árvore cresce num vaso.Para árvores de bonsai que produzam Para árvores de bonsai que não flores e frutos use adubos com maior produzam flores e nem frutos use concentração de Fósforo.: 4-14-8 ou 8-12-10 Ex. observamos que a água penetra com dificuldade na terra envelhecida. o que provocará um congestionamento de raízes. as raízes se espalham até ocupar a totalidade desse espaço limitado. até os pinheiros que podem ser transplantados a cada 5 ou 7 anos. Normalmente devemos imitar a umidade natural correspondente ao solo onde a árvore viveu durante toda sua existência. notaremos que as raízes emaranharam-se formando um novelo compacto de raízes. depois de um determinado tempo. adubos com maior concentração de Nitrogênio. em regra geral. elas não tem tanto espaço. prejudicando o crescimento e o desenvolvimento da planta. para procurar e alcançar água.  O que é umidade? Como podemos medi-la? Umidade é a quantidade de água que o solo é capaz de armazenar.: 10-10-10 ou 8-4-6 4 – Troca da terra (transplantar) As raízes de todas as árvores crescem para encontrar água que precisam para viver. A frequência de transplantação ou troca de terra varia segundo a espécie. O curioso é que a velocidade de crescimento das raízes varia segundo o solo e o ambiente em que a arvore viveu em seu habitat original. Agende para trocar a terra regularmente dentro dessa frequência. Ao regarmos nesta situação.  Qual é o solo ideal para usar no bonsai? A composição certa da terra para ser usada dependerá da espécie do bonsai. desde as frutíferas que. Ao mesmo tempo a terra vai se esgotando e perde a faculdade de proporcionar os nutrientes de que a árvore necessita. A frequência pode variar muito.

pois a água vai se evaporando. A umidade deste solo naquele momento era de 20%. . Colocar este solo por um período suficiente em um forno acima de 100oC para que toda a água deste solo se evapore.Peso do Solo Seco = Peso do Solo úmido A umidade é medida em porcentagem.  O Que altera a umidade do Vaso? Obviamente existem outras variáveis em nossos bonsai e no ambiente que fazem mudar constantemente a umidade. Obs: A umidade é uma MEDIDA INSTANTÂNEA.8 ) / 10 = 2 / 10 = 20 / 100 = 20% 5. Além disso a própria natureza e funcionamento das raízes dependem da temperatura. As árvores em geral necessitam de uma umidade entre 15% (Quinze por cento) e 25% (Vinte e Cinco por cento) para realizarem a fotossíntese com eficiência máxima. A faixa ideal de temperatura para a absorção de nutrientes pelas raízes. algumas delas são: 1. Quando a temperatura do solo onde as raízes se encontram estiver abaixo de 15oC ou acima de 35oC a árvore poderá entrar em dormência e assim não estará se alimentando. Essa umidade é chamada: "Umidade Ótima". Pesar o Solo úmido (Ex: 10 Kg) 2. logicamente variará com o tempo. Se pudéssemos manter essa umidade permanentemente no solo dos bonsai forneceríamos uma condição de alimentação ideal para nossas árvores. desviando-a do que seria o ideal. Umidade Peso do Solo úmido . Calcular ( 10 . Clima Logicamente a evaporação da água é muito maior durante os dias de verão (Calor) do que durante o inverno (Frio). Pesar o solo seco ( Ex: 8 Kg ) 4. na maioria das espécies de árvores. se encontra entre 20oC a 35oC. Ex: Se quisermos medir a umidade de uma mistura de solo que esta em um recipiente devemos fazer o seguinte: 1. 3. Com essa umidade as células das raízes podem bombear os nutrientes juntamente com a água para a alimentação e hidratação das folhas.

Como controlar o clima? As mudanças de estação das plantas? Seria então necessário colocarmos medidores automáticos de umidade. Material do vaso A superfície interna do vaso deverá ser porosa. Este é um ponto importante em nosso estudo. Profundidade do vaso A evaporação da água é muito maior na superfície do vaso. 6. Este . onde a planta possa se alimentar e manter-se plenamente sadia até uma nova rega. 5. 4. seria melhor trocar de hobby! É possível elaborarmos uma mistura de solo que providencie a manutenção da umidade dentro da faixa ideal por um período longo. regadores eletrônicos e outras parafernálias ? !!! Obviamente se fosse tão complicado assim. para favorecer a retenção de água. · Solo Ideal Podemos definir como solo a camada existente na superfície da terra resultante da decomposição e desintegração das rochas pela ação de agentes atmosféricos. 3. Este fator deveria ser solucionado pela pesquisa da melhor insolação para a árvore. de preferência argilosa. Logo quanto mais profundo for o vaso. mas nem sempre o colecionador terá um local ideal de exposição ao sol rigorosamente dentro do que a planta precise. Mistura de solo utilizada A mistura de solo utilizada no bonsai deverá ser suficientemente capaz de manter por maior número de horas a umidade na faixa ideal. onde a água estará em contato com a temperatura ambiente. flores. Quando estão produzindo frutos a absorção de água pela planta é maior do que em outras épocas.) A absorção de água pela árvore também varia de acordo com a estação que os bonsai se encontram.2. maior será a retenção de água ou por mais tempo o solo se conservará úmido. Obviamente nos atentaremos para as condições adversas do normal. Mudanças de Estação (Produção de frutos. etc. Logo esta também será uma variável. o ar mais seco e o vento. Local onde o Bonsai permanece Se colocarmos nosso bonsai exposto ao sol o dia todo a evaporação de água será maior do que se o colocarmos à meia sombra. pois pelo que vimos acima será muito difícil controlar todas as variáveis que influem na umidade. normalmente de 12 a 48 horas.

nutrientes e sustentação. Na horticultura dos bonsai é importante entender que estamos trabalhando com pouquíssima quantidade de solo. alimentam-se de matéria orgânica transformando-a em húmus. A decomposição do húmus produz nutrientes minerais que são absorvidos pelas plantas. água. Areia: Compostas de partículas visíveis (maiores que 0. com grande poder de retenção de água. . Silte Argila e Matéria orgânica: Argila: Composta de partículas microscópicas (menores que 0. Os microrganismos (Bactérias e Fungos. formam-se vazios entre os grãos. Silte: Composta de partículas microscópicas (maiores que 0. não se aglomeram.002mm) em forma de bastões...constitui o meio para o desenvolvimento das plantas. Quando moldada com água se a jogarmos no chão ela não se desagrega. tornando o vaso um verdadeiro laboratório de reações vitais para nossa planta.02mm) com poder de retenção de água.) presentes no solo. Uma das preocupações adotadas pelos grandes colecionadores do mundo tem sido a prevenção de doenças ocasionadas por solos contaminados por bactérias e fungos. Sua composição deriva das rochas (Matéria Inorgânica) e da desintegração de vegetais e animais (Matéria Orgânica). fornecendo ar.02mm até 5mm) de forma arredondada. Quando amassados com a mão.. proporcionando pequenos canais onde a água percorre com maior facilidade em condições ideais de drenagem. consistência plástica e fibrosa.002mm e menores que 0.) e pequenos animais (Minhocas.. Quando seco esfarela e se desagrega quando submerso. Matéria Orgânica: Possuí coloração escura. Como suas partículas são maiores e arredondadas. O solo é composto basicamente de Areia.

através da simbiose. separando-o do vaso. bactérias ou vírus procedentes de solos orgânicos: 1.  Em que época devemos transplantar os bonsai? A melhor época. para se transplantar um bonsai é o fim do inverno. Não usar solos com granulação menores do que 1mm e maiores do que 6mm para bonsai. quando a planta vai iniciar o seu período de crescimento. que por sua vez dependem do substrato ( Mistura de solo ). absorvem a água e os sais minerais e os conduzem até o caule. Olhe embaixo do vaso para ver se ele não está preso ao solo por meio de arames. está sendo cada vez mais adotado o procedimento de redução do volume de matéria orgânica no substrato (Mistura de solo) para o bonsai. Teremos sempre uma mistura predominante de dois componentes. A porção máxima de solo orgânico no substrato do bonsai não deverá ultrapassar 20% (Vinte por cento) do peso total da mistura. É imprescindível lembrar que as raízes precisam respirar. as raízes podem morrer ou apodrecer. no geral.  Como transplantar um bonsai? 1. Portanto se a planta é regada em excesso.E apesar de se saber da importância de algumas bactérias e fungos nas reações de absorção de nutrientes pela raiz. Certificar-se que esse solo orgânico esteja curtido. Areia e argila. Logo devemos escolher muito bem a mistura que usaremos para nossa árvore. Ótimo para coníferas velhas. De 3mm a 4 mm Ideais para coníferas jovens e bonsai de meia idade. A saúde dos bonsai depende das raízes. ou se o solo é impermeável. Adotaremos dois procedimentos para evitar ao máximo contaminações causadas por fungos. 2. Veja a época com precisão no guia de cuidados específicos de cada tipo de árvore. De preferência estes devem ser granulados nas seguintes categorias: De 4mm até 6 mm Ideais para vasos pequenos e planos. De 1mm a 3mm para qualquer espécie jovem e de meia idade. As raízes fixam a planta no vaso. . Retirar o torrão de terra com uma espátula.

Levantar a árvore do vaso.. Submergir o vaso dentro de uma bacia com água. ferramentas. pois estas só ocupam o espaço das raízes de alimentação que são as mais finas. terra. de preferência com algum tipo de hormônio enraizador. Com a maior parte das raízes livres de terra velha. Deixar pausar por uma hora dentro da bacia. Não poupe as raízes mais grossas. tirar a terra velha (no Maximo 70% do total) desembaraçando as raízes com a ajuda de um Raque ( ferramenta de ferro com aparência de garfo). sem deixar bolsas de ar. cortar aproximadamente um terço de todas as raízes. Use uma tesoura para cortar as mais finas.) para não interromper a operação. usar um jato de água de esguicho.. 2. Se preciso. Separar. Replantar a árvore com terra nova. Segurar de leve com movimentos circulares. fazendo uma compactação leve por meio de hashi (talher japonês) para que o solo penetre entre as raízes. tendo a mão todo o material para transplantar ( vaso. 4. para que saia todo o ar da terra. 6. Este procedimento estimula uma nova brotação. . 3. 5.

podemos nos basear em alguns padrões para que possamos chegar com maior facilidade a resultados satisfatórios. Essa busca nos leva a um espectro riquíssimo de texturas. Borrife as folhas do bonsai durante esse período. Obviamente estas regras não se encaixam a todas as árvores antigas. 5 – Como dar forma aos bonsai I – Arte bonsai A Arte bonsai procura inspiração nas formas existentes na natureza. onde as condições de temperatura e pressão são relativamente baixas. pois acabamos de cortar o órgão com que o mesmo absorve água (Raízes) para hidratar- se. 7. formas e cores.IMPORTANTE: Após a transplantação são necessários alguns cuidados com o Bonsai. 6. são eles: # As raízes e a grossura do tronco na base da árvore.2 Proteja-a também do Vento. Como toda arte. # Altura # Posição dos galhos no tronco # Largura da copa As árvores mais antigas na natureza são normalmente encontradas. ou seja procurando sempre assemelhar nosso bonsai às formas de árvores antigas. mas à maioria delas.3. 6. São Eles: 6. Esses padrões consistem na semelhança das proporções encontradas em árvores com idade muito avançada. Escorrer. Isso acontece no alto .1. Reduza o metabolismo da árvore poupando-a do sol até que ela volte a brotar. tornando nosso hobby um dos mais interessantes e criativos. Alguns procedimentos na composição das árvores serão importantes para que possamos desenvolver um trabalho esteticamente equilibrado. 6. Continue regando normalmente. geralmente não mais do que 10 dias.4. o maior número de vezes possível para que não se desidratem.

de maneira que sua massa visual (Razão entre a área do vaso e área total do conjunto) não seja superior a 25% (Vinte e cinco por cento). umidade. além de outras condições formam verdadeiras esculturas vivas. Na verdade para se engrossar o tronco de uma muda. Pode-se dizer que o bonsai somente será autêntico se obedecer esta regra e concluir que a maioria dos bonsai que vemos com os troncos muito fininhos e vendidos em grande número. Os galhos mais antigos tem sua inclinação voltada para baixo. As regras que se seguirão são aplicáveis às árvores masculinas. As árvores femininas possuem completa liberdade em seu desenho. Imitaremos isso nos bonsai. onde as temperaturas permanecem abaixo de zero a maior parte do ano. Se ainda pormenorizar nossa atenção e nos atentarmos as características de texturas e cor da casca dos troncos poderemos projetar modelos ou réplicas das formas das árvores mais antigas criando assim a impressão visual de tensão que são transmitidas através da estética natural e captada pela sensibilidade do homem. Esta preocupação aliada com a escolha de uma forma e textura adequadas. devido à ação do tempo. Essa condição nos mostra árvores com troncos impressionantemente retorcidos. A forma cônica das copas são fatores estéticos coletados por observação que devem ser levados em conta na elaboração do bonsai. pois é o conjunto arvore-vaso que cabe a proeminência estética. II – REGRA DE PROTEÇÃO Nossa preocupação é a de dar ao artista a noção de análise de um bonsai esteticamente atraente. é necessário aumentar muito seu volume de copa e raízes. que deve adequar-se ao conjunto. temperatura. pois é a ação do peso que provoca este efeito. Na composição do bonsai inclui-se logicamente o vaso. O cultivo de árvores com o tronco muito fino cria a ilusão que com o tempo o tronco poderá engrossar e criar condições estéticas de bonsai. Relação entre a largura do tronco na base e altura do vaso A altura do vaso deverá ser menor ou igual à largura do tronco na base da árvore. que nos encantam por sua beleza e diferenciação estética. As regras que serão exposta são baseadas em formas de árvores centenárias. Esta é uma regra fundamental na identificação da grande maioria dos estilos de bonsai. são mudas. . 1.das montanhas. fará com que o vaso não se evidencie mais do que a própria árvore. além de tempo. copas das mais diferentes formas. O vento. coisa que não conseguiremos enquanto a muda estiver em um vaso pequeno e sendo podada como bonsai. na verdade não são bonsai. Estas podem ser divididas em dois grandes grupos. as árvores masculinas onde o movimento da linha do tronco e sua esbelteza são mais contidos.

É de suma importância que se observe esta regra em uma análise qualitativa. deverão sofrer uma poda de galhos de maneira a se aproximarem dessa relação. Mas não passa de um artifício condenável em uma análise criteriosa. precisaremos aumentar o volume de copa e raízes suficientemente para aumentarmos o fluxo de seiva entre eles. pois eles representam dedicação. Isso será mais fácil do que esperarmos engrossar o tronco. poderemos trabalhar no desenvolvimento de sua altura. é desejável e inteligente usar os recursos disponíveis pela ciência e pelas tecnologias modernas. Existem artifícios para criar uma impressão de maior largura de tronco: Podemos aumentar o volume de terra acima do bordo do vaso causando uma impressão de engrossamento na base do tronco. E como poderemos manter nesta condição a forma de bonsai sem podar a copa? O que é feito nesta operação é deixar alguns galhos (que não participarão do bonsai no futuro) crescerem sem poda.Como então poderemos transformar uma muda em bonsai? Para isso. . Apesar da paciência ser uma virtude indispensável na arte do bonsai. devemos escolher o vaso de acordo com a árvore e nunca o contrário. ganhe o mais belo acabamento estético. 2. estes serão podados (inteiramente) quando a muda já tenha forma de bonsai e condições estéticas para ser plantada em um vaso pequeno. Já nas árvores em que observarmos que a altura da árvore é menor do que seis vezes a largura do tronco na base. As árvores que possuam altura maior que seis vezes o diâmetro do tronco. maiores para suprir essa demanda. Obedecendo esta regra. Valorize os bonsai que possuam troncos grossos. no adensamento da copa. Elas nos ajudarão na formação estrutural e na proporcionalidade. É fácil entender que além da técnica será necessário tempo e dedicação para que isso aconteça. Dessa maneira precisaremos de condutores de seiva. Altura da Árvore A altura da árvore será seis vezes o diâmetro do tronco na base do bonsai. ramos. inicialmente visualizado. tempo e um longo trabalho. e na escolha de um vaso "definitivo" para que o trabalho. galhos e tronco. o que levaria muito tempo.

Esta medida deverá ser aproximadamente igual à largura frontal da copa. facilitando triangulação do conjunto e tornando mais evidente o tronco. mas a primeira massa foliar deverá ser fixada à altura de um terço da altura do bonsai.3. uma circunferência. o galho poderá nascer mais alto. Altura da primeira massa foliar do bonsai O primeiro galho do bonsai deverá ser o mais grosso e nascer preferivelmente a um terço da altura da árvore. Isto é coordenado de maneira simétrica dividindo-se a base do cone. . É bom salientar que a regra fundamental é a localização da primeira massa foliar a um terço da altura e não o nascimento do primeiro galho nessa altura. Comprimento e Largura do vaso Para vasos retangulares ou ovais: A) O comprimento da bandeja deverá medir aproximadamente dois terços da altura da árvore. Isso fará com que a primeira massa verde se localiza no primeiro terço da altura do bonsai. em três áreas ocupadas cada uma por um dos três primeiros galhos. B) A largura da bandeja deverá ser um pouco menor que a largura da copa vista de perfil. Para vasos redondos: O diâmetro da bandeja deverá medir aproximadamente dois terços da altura da árvore. A disposição dos três primeiros galhos Os três primeiros galhos e suas respectivas folhagens objetivam a formação da base de triangulação do bonsai. 5. 4. Logo. O mesmo deverá se direcionar para um dos lados do bonsai. Outra regra importante com relação ao primeiro galho é que este nunca deverá apontar para o observador ou para a frente do bonsai.

e. Com a poda eliminamos os ramos defeituosos ou os ramos desnecessários (os que saem da zona não desejada no desenho da copa). . Em linhas gerais. No outro lado de comprimento igual a dois terços da largura do vaso deverá ser direcionada a maior massa da copa. aramação e pinçagem são os tratamentos apropriados para se dar forma ao bonsai. "Galhos Radiais" que nascem na mesma altura da árvore.6. Vemos "Galho que cruza o tronco". quando as árvores. este rouba a força da árvore. A melhor época para podar é geralmente no final do inverno. 1. onde falta naturalidade. então em repouso. os "Galhos Opostos" criam uma estética visual desagradável. III – Técnicas para dar forma aos bonsai A poda. A disposição da árvore no vaso Para vasos quadrados ou ovais a árvore não deverá ser colocada no centro do vaso. Nos vasos redondos deveremos colocar a árvore rigorosamente centralizada. Na figura ao lado podemos ver uma serie de defeitos: Vemos o "Galho Ladrão". "Galhos Verticais" com uma inclinação exagerada para cima. mas sim a um terço da largura do mesmo. procuraremos dar ao bonsai a forma que mais se aproxime da árvore quando em seu habitat natural. Poda Podar é estilizar a formação de uma árvore. não perderão seiva pela ferida da poda.

Para podar devemos utilizar ferramentas adequadas de corte côncavo e tesouras bem afiadas. Serissa. Pode-se usar clara de ovo. 2. Oliveira. O Alicate côncavo realiza um corte limpo penetrante na casca favorecendo uma cicatrização melhor além produzir um efeito estético adequado. quando a madeira secar. Como pode ser visto abaixo a poda de um ramo produzirá uma ramificação aumentando o volume foliar da árvore. Pinçagem/ Poda de manutenção Chamamos de pinçagem ao corte da ponta das novas brotações... Laranjeira. massinha de modelar.1 Pinçagem de "Árvores de Folhagem Perene" Árvores que não perdem as folhas no inverno (Ficus. Quando as feridas da poda forem de grande tamanho (maior que o diâmetro de um cigarro). não devemos pinçar todas as árvores da mesma maneira. executarmos o acabamento. Em algumas espécies como as coníferas podemos fazer antecipadamente um pré-corte para depois. Devemos então conhecer como as árvores crescem para sabermos como podá-las melhor: 2. Carmona. Buxo. tinta PVA. . graxa de sapato ou cera de abelha. é conveniente cobri-las com pasta de selagem para garantir sua perfeita cicatrização. Como as árvores tem diferentes formas de crescimento.) As árvores de folhagem perene têm brotação muito intensa e devem ser pinçadas constantemente. Sagerétia. É feita em época de grande crescimento da árvore. A pinçagem é feita para conseguirmos aumentar a densidade das folhagens e diminuir o tamanho de suas folhas ajudando na formação da copa do bonsai.

que tem formato de agulhas.3 Pinçagem de "Pinheiros" Estas Árvores no inverno não perdem as folhas.. no meio dessa estação. Os três primeiros desenhos acima mostram o vigor no crescimento das gemas de um pinheiro: No primeiro vemos a gema com o crescimento muito debilitado. (Pinheiro Negro. No segundo desenho observamos um vigor médio no crescimento. deve ser feita da mesma maneira. 2.) Neste caso. Mas de maneira geral. neste caso. não devemos cortá-la. a brotação e o crescimento não são tão intensos. Devem ser podados. Ciprestes. às vezes. No terceiro desenho o crescimento é muito intenso..2 Pinçagem de "Árvores de Folhagem Perene .em Escamas" Árvores que não perdem as folhas no inverno (Juniperus procunbens e rígida. As velas podem ser pinçadas até com as mãos na maioria dos pinheiros. quando as velas estiverem grandes.. mas o tipo de pinçagem.) O crescimento dos pinheiros é muito particular e complexo.. Pinheiro Branco. Criptomélias. podemos dizer que os pinheiros só apresentam uma brotação anual onde as gemas (Velas) despontam no início do verão.Na verdade a brotação das velas nos pinheiros não se dão unitariamente. geralmente com possibilidade de se fazer com as pontas dos dedos. geralmente. Larícios. Assim podaremos dois terços do comprimento das gemas.2. O que acontece é que na ponta dos galhos há uma brotação de varias velas (a quantidade varia de . neste caso cortar apenas a metade da gema.

Fagus. No exemplo ao lado podemos classificar três zonas de vigor de crescimento: Vigor Intenso. Na época de brotação intensa (Primavera) devemos cortar as gemas terminais.) Estas Árvores perdem as folhas no inverno e tem seu crescimento praticamente paralisado após a época de sua brotação. E Durante o período vegetativo (do Verão ao Outono) não deixar galhos com mais de dois ramos para aumentar a densidade de galhos. inclusive durante o seu período vegetativo. o que proporcionará maior ramificação.acordo com a espécie do pinheiro). São muito fáceis de se podar devendo-se deixar em cada ramo no máximo dois ou três pares de folhas. Médio Vigor e Pouco Vigor. Acer Tridente. Estas Árvores perdem as folhas no inverno e.4 Pinçagem de árvores de folhas Caducas de crescimento anual (Acer palmatum.5 Pinçagem de árvores de folhas Caducas de crescimento ativo durante todo o período vegetativo (Ulmus. Estas podem ser desfolhadas no meio do verão para forçarmos uma segunda brotação anual. geralmente apresentam crescimento intenso. e uma delas contem uma grande quantidade de hormônio de crescimento que as outras não possuem. aumentando assim a quantidade de ramos. assim sairão novas gemas aumentando a densidade de folhas. Romã. gerando assim entrenós (distância entre ramificações de galhos) menores e criando maior densidade de folhas. Piracantha e Cotoneaster). Ligustrum. Celtis. .. 2. Deixar crescer alguns ramos podando-os ainda na época de brotação. 2. Assim a poda da vela que possui muito provocará a brotação das outras velas com menor poder de crescimento.. É preciso atentar que nos bonsai de Pinheiros existem zonas de Brotação mais e menos intensas. Maça. Vale lembrar que este procedimento poderá ser feito somente se a árvore estiver sadia.

O Arame deve ser colocado nos galhos de maneira a não estrangular ou bloquear a circulação periférica da árvore. Como os ramos engrossam devido ao seu crescimento. Para isso o conhecimento de técnicas de aramação é fundamental. Devemos usar arames de alumínio ou cobre. Estes arames geralmente ficam na árvore por um período não superior a oito meses. 3. .3 Direcionar o crescimento de galhos para a formação de uma copa triangular. o de alumínio é mais flexível que o de cobre. eliminando sua estética natural. Não esqueça que é de suma importância que os arames não deixem marcas na casca. devemos tirar o arame antes que se crave na casca. Aramação A utilização dos arames na estilização de um bonsai apresenta as seguintes funções: 3. de outra maneira. principalmente em suas regiões mais importantes.1 Corrigir a inclinação de ramos. De certo modo os arames provocarão o efeito do peso dos grandes galhos nas árvores.2 Direcionar o crescimento de galhos na direção onde a copa do bonsai se encontre vazia. Se o colarmos de maneira incorreta. inclinando-os para baixo.3. A grossura do arame dependerá da força necessária para se vergar o ramo. 3. teríamos que podar. A regra mais importante é aramar evitando-se castigar a árvore. em compensação o de cobre é mais resistente (Duro). ele poderá deixar marcas na casca da árvore. onde o arame será colocado. permitindo assim utilizar ramos que. Vamos fazer um "passo a passo" da aramação para que você veja como é fácil: 1 – Proteção Proteja a casca da árvore. Faça isso com uma tira de borracha ou com filme plástico de cozinha (magipac).

Poderemos colocar mais de um arame no mesmo galho se for preciso. por exemplo: A mão direita será responsável pra fazer com que o arame envolva o galho com movimentos espiralados. A utilização incorreta da mão esquerda poderá acarretar marcas instantâneas na casca. O arame deverá ter uma das extremidades escoradas em alguma parte do bonsai que não se movimente (um galho grosso ou tronco). E este deverá estar paralelo ao já colocado. caso contrário iremos impedir a circulação da seiva que corre pela casca.Colocação do Arame O arame deve ser colocado usando-se as duas mãos. Devemos ainda nos preocupar em deixar uma distância mínima entre a casca e o arame. com irreparáveis consequências para a árvore. Para destros. esta folga será a garantia de que não estamos machucando a árvore.Bitola do arame Devemos escolher a menor bitola que fará o serviço com eficiência. envolveremos no galho que pretendemos mudar de direção e/ou de movimento. . E a mão esquerda irá absorver a maior parte da força exercida nesta operação. Com o arame escorado os movimentos serão mais precisos. 3 . 2 . a outra. Cada uma terá a sua função. Observe que a mão esquerda segura o arame junto ao tronco evitando que a força no processo de aramação seja descarregada nos galhos.

. O galho neste caso estava impedindo a visualização da frente do bonsai. os galhos crescerão sendo espremidos e marcarão a casca. A retirada deve ser feita no momento em que o arame já esteja apertando o galho. mas ainda sem marcá-lo. pois assim você fatalmente poderá quebrar algum galho importante. nunca desenrolando o arame. Devemos podar os galhos que não forem importantes esteticamente. Isto porque se adiantarmos a sua retirada os galhos voltarão um pouco para a posição anterior e se atrasarmos. O mesmo arame é aproveitado para o direcionamento de dois galhos. Este aproveitamento beneficia a árvore que ficará menos sobrecarregada. Na imagem à esquerda podemos ver uma forma diferente de aramação. mesmo que estes já estejam bem crescidos. Retire o arame com um alicate próprio. 4 – Retirada do arame O artista só estará preparado realmente para aramar um bonsai quando tiver plena consciência que a retirada dos arames é tão importante quanto a sua colocação.

. Buxus..) Árvores Caducas (Acer palmatum. Sagerétia.. Ficus. Geralmente poderemos obedecer a seguinte regra: Permanência Tipo de Árvores Colocação média Frutíferas (Macieira. Carmona. Romã. Amora.) Coníferas (Cedros.. Kate McCandless The Art of Bonsai by Peter Adams ...A informação da época adequada para a colocação do arame e tempo de permanência na árvore variará de acordo com a espécie. Celtis. Isamu Murata Classic Bonsai of Japan by Nippon Bonsai Association.) meses Livros recomendados Em Português: Bonsai: Manual do Bonsai de Prescott.. 8 a 10 Inverno Pinheiros. Ginco. Ameixeiras. John Bester The Complete Book of Bonsai by Harry Tomlinson The Art of Bonsai Design by Colin Lewis The Living Art Of Bonsai: Principles & Techniques Of Cultivation & Propagation by Amy Liang Four Seasons of Bonsai by Kyuzo Murata. David Em inglês:  Bonsai: Nature in Miniature by Kyuzo Murata. Juniperus. Ulmus.) Bonsai de Interior (Primavera.. Podocarpus. Verão 3 a 4 meses Piracantha. Antes da Primavera 1 a 2 meses Serissa. Acer Primavera 4 a 6 meses tridente.

pois as pragas serão de fácil controle. e quando algo estranho acontecer procurar uma solução rapidamente. além de outros fatores podem trazer problemas.Bonsai Design: Deciduous and Coniferous Trees by Peter D.Se o problema for grave procure um especialista. O uso deve obedecer rigorosamente o que indica o fabricante do produto. Adams Bonsai Landscapes by Peter Adams Masterpieces of Bonsai by Yoshio Takayanagi Bonsai Masterclass by Peter Chan The Art of Flowering Bonsai by Peter D. Pragas Entendemos como pragas todos os insetos que são prejudiciais às plantas. Estes problemas em sua grande maioria não caracterizam perigo de vida para o bonsai se forem logo tratados. Bill Jordan Pragas de insetos As pragas com insetos são comuns em plantas. de rua ou florestas. esses são encontrados facilmente em supermercados e lojas de jardinagem. tanto na parte orgânica do bonsai como em sua estética. As más condições devido ao excesso de água nas regas. sendo que no caso dos bonsai aconselha-se regar bem o mesmo duas horas antes da aplicação do inseticida para que o bonsai não absorva o veneno para as pragas de insetos. É conveniente que tenhamos em casa algum tipo de inseticida para plantas ornamentais. Pragas e doenças O Bonsai é tão susceptível a pragas e doenças como as plantas de jardins. Adams. Recomenda-se também o hábito de lavar todas as plantas que temos em casa uma vez por mês. levamos vantagem. Mas como o bonsai é muito menor. Quase todas as pragas podem ser eliminadas com o uso de inseticidas para plantas ornamentais. falta de luminosidade ou ventilação adequada. que são facilmente . O mais sensato é ficarmos sempre atentos.

Podemos classificar as pragas como: Tipos Alimentação Principais Vilões Onde estão: Se escondem no solo. ser vigiados escaravelhos. Folha caules. Este tipo de inseto deixa pequenas larvas no tronco que comem madeira. devem Teredens gorgulhos e caules. durante todo o ano. São facilmente C0ortadores de Comem raízes e Lagartas e vistos. Comem raízes e galhos. A presença de pequenos orifícios no tronco e/ou galhos indica infestação por escaravelhos. Formigas. principalmente no calor. troncos e Larvas. . Escaravelho. traças.encontrados em lojas de jardinagem ou mesmo em supermercados. Veja o Efeito de Esta Tipo de Lagarta em devoradores de uma infestação pode Folhas danificar violentamente a aparência do bonsai.

ácaros e plantas. Devido ao fato de os fungos. provocadas por vírus e bactérias podem ocorrer. Sua identificação é feita pela aparência da madeira escurecida. Cabe uma importante observação quando falamos de pragas e doenças. sem dúvida. Doenças Em sua grande maioria as doenças nas plantas são ocasionadas por fungos. não são todos os insetos ou fungos que causam mal às plantas. . outras enfermidades embora com muito menor frequência. Esta praga é muito comum e persistente. Além de fungos. Vemos aqui cochonilhas chupando o caule de uma árvore. nematóides. Podemos adotar como providência inicial a retirada das folhas afetadas. Normalmente ocasionam perda da coloração das folhas e sua posterior secagem. As joaninhas são excelentes controladoras de pragas como o pulgão. normalmente se fixando em apenas uma dessas partes. Chupadores toda parte das raiz e caule. a moderação na rega e a procura de um especialista que poderá nos indicar um fungicida especifico. Posteriormente deve-se procurar um especialista para a identificação precisa do tipo de fungo e do defensivo adequado. a rega moderada e direcionada na terra evitando-se molhar as folhas e o isolamento da planta. Podem acontecer em todas as partes do bonsai: Raízes. alguns tipos de fungos agem em simbiose (ajuda comum) na alimentação da maioria dos pinheiros. e algumas bactérias contribuem na oxigenação do solo . que são organismos microscópicos que provocam sérias debilitações nas árvores podendo até causar sua morte. Pulgão. seja minucioso ao ponto de tirar uma a uma com um cotonete embebido em álcool. além de feridas. Tronco Galhos e/ou Folhas. sendo de difícil diagnostico por amadores. Os Fungos de Raízes já são mais complicados de se identificar. Escondem-se em Bebem a seiva da cochonilhas. A constatação de fungo de folhas pode ser feita visualmente através do aparecimento de manchas ou de deposito sobre as mesmas de um pó branco. Se mesmo depois da aplicação do inseticida persistirem algumas poucas unidades. a providência inicial é. Existem muitos tipos de fungos. Os fungos de tronco ou galhos podem provocar rapidamente seu apodrecimento. apreciarem calor e umidade. na sua grande maioria.

. Se o cheiro for agradável não deve haver problemas. A melhor maneira de nos comunicarmos com nossas plantas é conhecendo suas necessidades e sabendo como elas reagem aos tratamentos empregados.Dicas para o combate a pragas e doenças e o uso de defensivos 1. segurando firme no tronco. Também é muito agradável quando adubamos uma árvore e ela responde ao tratamento que lhe dispensamos. 2. Antes de aplicar qualquer defensivo regar os bonsai e esperar até que suas folhas sequem. 6. A Comunicação entre o Cultivador e sua Planta Um dos maiores prazeres daqueles amam a natureza é contemplá-la bela e saudável. Com Jato de esguicho forte. através de sua aparência e reações. Inspecionar constantemente os bonsai é a melhor forma de se prevenir quanto a surpresas. 5. Para infestações de cochonilhas acrescente uma colher de sopa de detergente na solução de inseticida (1litro). 3. e o que podemos fazer para ajudá-las. 4. podemos retirar pulgões dos bonsai e deixar suas folhas sempre limpas. Procuramos aqui descrever maneiras simples de como as plantas se comunicam conosco. Não deixe de inspecionar bem as raízes quando for transplantar os bonsai. A aplicação de defensivos deve ser feita no final da tarde quando a temperatura estiver amena e sempre a sombra.

Não Ataque de ácaros.. Lavar a parte aérea do bonsai com água Minhas folhas estão dobrando e morna ( Use chuveirinho do Banheiro). sobre as folhas. brancas que posteriormente Aplicar inseticida adequado. Aplicar inseticida adequado. As pontas de minhas folhas Melhorar a qualidade da rega tomando escurecem e depois de um Pouca água na rega cuidado para molhar toda a terra do vaso. Diminua a freqüência das Ataque de Fungos. Alguns dos meus galhos estão A arvore esta dando prioridade Podar constantemente os galhos fracos fracos comparados com outros. Procure estou crescendo. Retire e mate as lesmas durante a noite. ou verdes.com. Periodicamente é necessário trocar a terra Minhas Raízes estão saindo dos bonsai e podar as raízes. estão secas ou amareladas. falecom@bonsaikai. pelos buracos de drenagem. período e na freqüência correta. nitrogênio um período maior. parecido com sal. naturalmente suas folhas. Lave seu bonsai com jato de água forte. raspadas e com rastros líquidos. Elas irão beber e se afogar. adubação. arejado. folhas nas regas. Faça isto no Vaso pequeno.br Estou ficando feio. embebido em um pouco de óleo vegetal.. Alguns galhos estão crescendo Iluminação Colocar em local onde a incidência de luz de forma exagerada e as folhas deficiente e excesso de solar se faça diretamente sobre as folhas por ficam claras e grandes. Ver Guia de Cuidados. concentração de nitrogênio.. Quando o Não consigo produzir flores ou Excesso de Nitrogênio na fizer escolha adubos com pouca muito poucas. Sobre minhas folhas existe um Acumulo de cálcio e sais. bonsai. Elas murcham e morrem depois regas e coloque a planta em local bem de um tempo. Adubar menos durante o inverno. para que ramifiquem e se avolumem. As folhas ficam amareladas. Faça uma armadilha com um copo de Ataque de Lesmas. Procure . dobram-se e murcham. (Sintomas) (Causas) (Providencias) Provavelmente o sol esta Virar o bonsai pelo menos uma vez por Estou crescendo somente de batendo somente de um lado do semana para que ele possa tomar sol em um lado. minhas flores estão feias.. Algumas das minhas folhas As vezes os vegetais trocam Retirar as folhas velhas ou muito amarelas. Como podemos nos comunicar com os bonsai ? Quem fala é o bonsai ! O que está acontecendo. tempo caem Aumentar a freqüência das regas. Adube com menos freqüência. Excesso de calor Mude o local por um mais ventilado e fresco. orientação. Minhas folhas estão com Destrua as folhas infectadas e não molhe as manchas coloridas pequenas. água da rega. da Limpar as folhas com pano ou algodão pó branco. toda sua volta. cerveja perto do vaso. Minhas folhas estão furadas. O Que eu devo fazer. A poeira e a poluição estão se Minhas folhas estão sujas Alem de limpar você poderá até eliminar depositando nas folhas alguns insertos nocivos.. minhas Lavar a parte aérea do bonsai com água Ataques de ácaros vermelhos folhas apresentam manchas morna ( Use chuveirinho do Banheiro). de crescimentos.

ficam amarelas. morna. falecom@bonsaikai. . enxágüe com água liquido pegajoso. Sinal de infestação. Teias de orientação. insetos. aranha estão entre os galhos. Pulverizar com inseticida.br Lave a parte aérea do Bonsai com água Minhas folhas estão com um Este liquido é excremento de morna e detergente.com.

Nome Popular Tuia (pisifera) Espécie Sub-espécie Família Origem .

Cedros e Tuias. Juníperus. Eles são bem compridos e forrados com pequenas agulhas. Ciprestes. As Fam ílias pertencentes as coníferas. A plantas chamadas popularmente de Tuia Azul e Tuia Ouro são variedades de um Cipreste Japonês (Sawara). principalmente de árvores e arbustos. Podocarpaceae. mas gosta de Frio no 6 horas Verdes Não Toleram Regular inverno. Estão presentes em regiões tropicais e temperadas do planeta. excetuando as famílias das Cupressácea e algumas Podocarpáceas que tem folhas em forma de escama. Cephalotaxaceae e Taxaceae. Chamaecypar pisifera Cupressáceas 15 m Hemisfério Norte ris Insolação Folhas Ventos secos Crescimento Temperatura agradável mínima Sempre Lento e Calor. são: Pinaceae. Araucariaceae. que tem como característica principal de não produzirem polpa em seus frutos. aplainada e alargada. Ela tem uma folhagem densa. as que tem os troncos mais grossos e as que suportam os climas frios mais rigorosos. . Seus ramos cr escem em grande quantidade. Permite vaso Inicio Tempo de permanência dos Transplantação Vaporização raso Aramação arames Quando o ar A cada 3 anos Sim estiver seco Inverno Nove meses Introdução: As coníferas é uma classificação dos vegetais. Apesar de seu número ser pequeno no reino veget al. Entre as coníferas as que nos in teressa mais para o uso no bonsai são: Pinheiros. elas detêm alguns recordes: São as árvores mais longevas. as mais altas. Cupressaceae. As mais comuns são: Tuia Azul (Chamaecyparis pisifera "Boulevard") com cor gris azulado e a Tuia Ouro (Chamaecyparis pisifera "Filifera Aurea") com coloração amarelo limão. Altura natural max. Tanto seu cultivo como sua formatação para bonsai são mais simples. Sciadopitya ceae. se adaptando a diversos estilos de bonsai. A coloração de suas folhas é o principal atrativo dessas "Tuias". Suas folhas são persistentes (não caem no inverno) e tem a forma de agulhas finas e compridas.

Regiões do Brasil onde o cultivo é Adequado: .

Totalmente Permitido Permitido onde haja frio no inverno Não Adequado Fotos: Na P ré B on sa i P ré B on sa i P ré B on sa i Na N atu r ez a Nat ur ez a "Tu i a Az ul " "Tu i a Az ul " "Tu i a Az ul " Tron co "Tu i a Az ul " "Tu i a Ida de Ida de Ida de est im ad a O uro " est im ad a est im ad a 6 ano s 3 ano s 4 ano s P ré B on sa i P ré B on sa i P ré B on sa i P ré B on sa i P ré B on sa i "Tu i a "Tu i a P ré B on sa i "Tu i a Az ul " "Tu i a O u ro " "Tu i a O u ro " Az ul " O uro " "Tu i a O u ro " Ida de Ida de Ida de Ida de Ida de Ida de est im ad a est im ad a est im ad a est im ad a est im ad a est im ad a 6 ano s 5 ano s 2 ano s 3 ano s 6 ano s 4 ano s P ré B on sa i P ré B on sa i "Tu i a O u ro " "Tu i a Ida de O uro " est im ad a Ida de 5 ano s .

normalmente a frequência de rega é menor. Coloque água potável por cima da terra em toda a superfície até que esta comece a sair por baixo nos orifícios do vaso. mas tome muito cuidado. Vale muito nossa "observação co nstante". No verão necessita de um local com cerca de 4 horas de insolação direta. pois poderá queimar muitas folhas. Outra função . Por isso geralmente devemos regar os bonsai somente quando a te rra do vaso estiver quase seca. Poupá-lo do sol forte do verão. no mínimo. Normalmente vasos com até 30 cm de comprimento e/ou vasos muito rasos devem ser regados todos os dias quando a umidade do ar estiver baixa e a tempera tura acima de 20 o C. Nesta situação é convenien te que façamos uma vaporização leve somente sobre as folhas preferivelmente a sombra com água potável. A Vaporização das folhas somente é necessária quando a umidade do ar estiver baixa . Isso pode ser conseguido colocando -a em uma sacada com cobertura ou sob outras árvores. três vezes por dia. Já em outra s estações a Tuia Azul ou Tuia Ouro podem ser colocadas a pleno sol desde que seu solo esteja sempre úmido. Escolher lugares frescos que possibilitem que a Tuia Azul ou Tuia Ouro tomem muito sol diretamente em suas folhas. Em dias de muito frio (abaixo de 15 o C) regue a cada dois dias. Cuidado com os extremos: Em dias de muito calor (acima de 30 o C) regue duas vezes ao dia. As árvores no Geral NÃO gostam de muita umidade na terra. est imada 6 ano s Insolação: Qualquer bonsai deve receber sol diretamente em suas folhas. geralmente um bonsai não fica mais do que dois dias sem água. Já a frequência dependerá principalmente do tamanho do vaso e das condições climáticas como temperatura e umidade do ar. A verificação da umidade da terra pode ser feita facilmente tocando -se a terra com os dedos. No Calor pode-se molhar também a copa e Galhos. devemos colocá -lo em local onde o mesmo possa receber raios solares diretamente em suas folhas em períodos onde o sol não esteja muito forte (antes das 10:00Hs e depois das 16:00Hs). Vasos maiores do que 30 cm. Regar um bonsai é molhar toda a terra que está dentro do vaso. tanto do clima quanto da umidade da terra. Rega: Há duas coisas que precisamos saber para regar um bon sai: Como e com que frequência.

Os adubos mais indicados para a Tuia Azul ou Tuia Ouro é o orgânico de decomposição lenta. sempre quando o bo nsai esta saudável. Como sugestão. estes podem até ocasionar a morte do bonsai se não forem tratados. Cu. Também é importante no cultivo do musgo que. não deve ocupar mais do que a metade da superfície da terra do bonsai. ou seja. Os adubos mais indicados são os ricos em Nitrogênio. umidade constante no tronco e raízes favorece o surgimento de fungos (Pó Branco). Não esqueça que no mínimo uma vez por ano é necessário a Adubação com micronutrientes ( Ca {Cálcio}. Como os bonsai vivem em vasos pequenos. Caso não haja indicação para dosagens referente ao bonsai. Fe. Recomendamos o uso de produtos de ótima procedência e com instruções claras de uso. Mg {Magnésio}. para que esta "respire". Use sempre as dosagens recomendadas. Co.importante da Vaporização é quando feita sobre as raízes finas expostas em alguns determinados estilos ( Ex. Na primavera e outono somente regar a Tuia Azul ou Tuia Ouro quando a superfície da terra estiver seca . Já uma adubação melhor e mais balanceada pode ser conseguida facilmente com produto s de boa qualidade encontrados em lojas especializadas. se for usado. os alimentos são imprescindíveis para se viver. Estes podem ser usados sempre separadamente numa frequência bimestral. se usar TORTA DE MAMONA em janeiro.. somente irei adubar novamente em março com FARINHA DE OSSO. Para evitar problemas com muita umidade é aconselhável regar com moderação e usar uma mistura de solo arenosa. escolha traços de proporção de N -P-K (Nitrogênio – Fósforo – Potássio ) na ordem de 10-10-10 ou 10-05-10. É muito melhor adubar em pequenas quantidades com maior frequência do que fazê-lo esporadicamente em grandes quantidades. . No inverno o consumo de água é moderado. B {Boro}. As plantas alimentam -se dos sais nutritivos que extraem do solo. É preciso adubar principalmente nas épocas de grande crescimento das plantas e esta adubação deve ser feita sem exageros. No Verão regue todos os dias. a árvore poderá consumir todos os nutrientes da terra depois de um tempo . ). use metade da dose r ecomendada para vasos pequenos. Cl. Reduzir a rega quando começar a chegar as estações de frio. S {Enxofre}. teremos então que ir repondo estes nutrientes por meio de adubos. Nunca adube plantas doentes ou recém transplantadas. Siga sempre uma orientação profissional. E assim tere mos 6 aplicações anuais. Para principiantes sugerimos uma adubação muito simples usando TORTA DE MAMONA e FARINHA DE OSSO. tome cuidado para não exagerar. que são facilmente encontrados em supermercados. Adubação: Todos nós comemos diariamente.. O Musgo deve ser borrifado levemente em torno de três vezes ao dia sem que a terra do bonsai se umedeça. Este deverá ser aplicado na primavera e o outono.: "Raiz Exposta". "Raiz sobre Pedra" e outros).

As raízes de um bonsai vão crescendo e podem ocupar a totalidade do espaço do vaso. Deve-se providenciar a troca da terra da Tuia Azul ou Tuia Ouro a cada três anos. Felizmente este processo demora anos. expulsando lentamente o solo que ali existia. Nossa sugestão de agenda de adubação para o Tuia Azul ou Tuia Ouro: AGENDA ANUAL Janei Não ro QG Julho adubar Não QG .Farinha de Osso (Adubo Outub orgânico ) Abril TM ro TM G . ar e alimento. eliminando as raízes mais velhas e grossas. . cortando -se de um terço a metade das raízes.A Bonsai Kai criou um "Kit anual de adubação para bonsai" para ajudar a manter os bonsai fortes e saudáveis. Nesse mesmo processo aproveitamos para também trocar parte do solo que já não oferece todas as características para um bom desenvolvimento do vegetal. mas não devemos esquecê -lo enquanto estivermos cultivando qualquer planta que esteja confinada. Poda: A Arte bonsai procura. A mistura aconselhada é de 60% de areia peneirada (entre 2 a 5 mm) e 20% de condicionador de solo industrial e 20 % de argila re fratária de boa procedência peneirada (entre 2 a 5 mm). no final do Inverno.Galinaça ( Adubo orgânico ) Nove Maio G mbro G Não Junh aduba Deze Não o r mbro adubar Troca de Terra (Transplantação): No desenvolvimento natural das árvores as raízes crescem em busca de água.Torta de Mamona (Adubo Març Setem orgânico ) o FO bro QG + TM FO . Essa busca nos leva a um espectro riquíssimo de texturas. como inspiração. buscar formas existentes na natureza.Adubo químico de liberação Feve aduba Agost Não gradual reiro r o adubar TM . Por isso periodicamente devemos redu zir o volume de raiz dentro do vaso através de poda. Nunca lavar as raízes e proteger borrifando suas folhas constantemente até três semanas após seu transplante.

Não devemos apertar demais para não deixar marca na casca do bonsai. não é apenas mantê -los vivos e saudáveis. tornando nosso hobby um dos mais interessantes e criativos. Para galhos maiores alicates de corte côncavo. Isso estimulará novas brotações de galhinhos. Os galhos não devem ficar com mais de 5cm. A poda principal da Tuia Azul ou Tuia Ouro acontece na Primavera e verão. como tes ouras afiadas. O ideal é que o arame fique relativamente frouxo. Os arames são colocados no bonsai por um certo tempo que dependerá da espécie da árvore.formas e cores. pois estas atrapalham a ventilação e a insolação das folhas saudáveis. que fazem cortes limpos. De certo modo os arames provocarão o efeito do peso dos grandes galhos nas árv ores. Como os ramos . quando devemos corrigir a silhueta da árvore retirando o excesso. Podar é estilizar a formação de uma árvore. permitindo utilizar ramos que de ou tra maneira teríamos que podar. inclinando -os para baixo. eliminamos os ramos que saem da silhueta do bonsai. Durante esse tempo a casca da árvore cresce na posição pré -determinada e endurece. Nesta época pode-se podar sem medo. permitindo transformações estéticas importantes. além disso as novas realizam a fotossíntese com mais eficiência. A poda dos galhinhos velhos favorece a brotação de novas com coloração mais viva. Pode -se usar clara de ovo ou tinta PVA. Os arames são colocados em espiral nos galhos e troncos. Para isso é necessário que se façam podas regular es para se manter a forma de “mini árvore”. Por ser um processo prático é necessário um certo treinamento para que possamos nos aprimorar. Essas são podadas cortando -se parte de seu comprimento com a tesoura.Corrigir a inclinação de ramos. 2. Com a poda.Direcionar o crescimento de um galho para a formação de uma copa no formato triangular. Para podar devemos utilizar ferramentas adequadas. Aramagem: A utilização dos arames na estilização de um bonsai pode ser usada para: 1. de maneira geral devemos primeiramente travar o arame no tronco ou em algum galho grosso e em seguida "enrolar" o arame no galho que se pretende modelar. Já no inverno algumas folhas "internas" da Tuia Azul ou Tuia Ouro tem a tendência a se queimarem. O objetivo da prática do bonsai (cultivo de arvores em vaso). Quando as feridas da poda são de grande tamanho (maior que o tamanho do diâmetro de um cigarro) é conveniente cobri -las com pasta de se lagem para garantir sua perfeita cicatrização. retire -as.Direcionar o crescimento de um galho numa direção em que a co pa do bonsai se encontra vazia. só que são pequenas e dispostas sobre galhinhos muito finos. precisos e de fácil cicatrização. de preferência perto da ponta. secos ou desnecessários. 3. A Tuia Azul ou Tuia Ouro tem um tipo de folha chamada "agulhas". ramos defeituosos. mas cada vez mais bonitos.

se for o caso proteger a casca com ráfia. Não esqueça que existindo um problema. Pode -se usar qualquer arame. Seus gal hos são muito flexíveis permitindo modelagens radicais. Pronto Socorro. Agenda Anual de Tratamento: Verão Outono Inverno Primavera Rega Abundante Moderada Moderada Abundante Adubação Moderada Sim Não Sim Poda Ramos Não Estrutural Ramos Aramagem Fim Não Início meio Transplantação Não Não Sim (final) Sim (inicio) Estilos possíveis de serem modelado: . Hotel e até Hospital para sua segurança. A BONSAI KAI possui Defensivos adequados. devemos tirar o arame antes que se crave na casca. Se os arames estiverem penetrando na casca tire - os imediatamente. mas raramente pode ocorrer ataques de fungos que podem ser tratados com fungici das brandos. que é mais flexível e resistente. Doenças e Pragas mais comuns: O Cipreste é uma planta muito resistente. este deve ser solucionado com brevidade para evitar a debilitação do bonsai.engrossam devido ao seu crescimento. moderação na rega. Arame no final do outono ou inverno. preferivelmente o arame de alumínio. Não esqueça que é de suma importância que os arames não deixem marcas na casca. A Tuia Azul ou Tuia Ouro são plantas de fácil modelação. A gr ossura do arame dependerá da força necessária para se vergar o ramo.

Tronco Chorão Tronco Sinuoso Sinuoso Tronco Torcido Vertical Inclinado Suave Esbelto Sinuoso Tentacular Raízes Raiz sobre Varrido ao Literal Tortuoso Expostas Pedra Vento Semi. Cascata Tronco Bosque Bosque Bosque Denso Cascata Duplo Aglomerado Balsa Bosque Paisagem Paisagem Paisagem Disperso com Lago com Pedra com Pedra e Lago .