CRONOGRAMA

SOCIOLOGIA AMBIENTAL

Prof. Ms. Jefferson Cavalcanti Lima

DATA TEXTO BASE EIXO TEMÁTICO
07/02 Apresentação da Disciplina --------------------------
14/02 HORKHEIMER, Max. A revolta da Modernidade e racionalidade
natureza. In: Eclipse da razão. São Paulo:
Centauro, 2002.
21/02 FIGUEIREDO,Vilma. Produção Social CTS
de Tecnologia. São Paulo: EPU, 1988.
28/02 FERIADO - CARNAVAL CARNAVAL
07/03 FIGUEIREDO,Vilma. Produção Social CTS
de Tecnologia. São Paulo: EPU, 1988.
14/03 LUDD, Ned. (org) Apocalipse Produção material e consumo
motorizado. A tirania do automóvel em
um planeta poluído. São Paulo. Conrad,
2005
21/03 BERDOUAY, Vincent. A ECOLOGIA Produção material e consumo
URBANA, O LUGAR E A CIDADANIA.
Conferência inaugural do 11Encontro
Nacional da ANPEGE, Rio de 1aneiro,
setembro 1997.
28/03 ORGANIZAÇÃO DAS ORGANIZAÇÃO DAS
APRESENTAÇÕES + ASSESSORIA. APRESENTAÇÕES +
ASSESSORIA.
04/04 ORGANIZAÇÃO DAS ORGANIZAÇÃO DAS
APRESENTAÇÕES + ASSESSORIA. APRESENTAÇÕES +
ASSESSORIA.
11/04 SEMANA DE AVALIAÇÕES SEMANA DE AVALIAÇÕES
18/04 SEMANA DE AVALIAÇÕES SEMANA DE AVALIAÇÕES
25/04 MALERBA, Julliana. (org) Diferentes Seminário I – Extrativismo Mineral
formas de dizer não. Experiências
internacionais de resistẽncia, restrição
e proibição do extrativismo mineral.
Rio de Janeiro: Fase, 2014.

MALERBA, Juliana. Novo marco da
mineração: Para que? Para quem? Rio
de Janeiro: Fase, 2012.

02/05 Caderno pedagógico: Agroecologia, Seminário II – Agroecologia e
desenvolvimento territorial e políticas Políticas Públicas
públicas. Rio de Janeiro: Fase, 2014.

noEspecial: 93-104. Maputo: Fase. Cooperação e Seminário IV – Internacionalização Investimentos internacionais do Brasil. Economia Solidária. 23/05 Visões alternativas ao pagamento por Seminário V – Bem viver e serviços ambientais. 16/05 SCHLESINGER. Sergio. dez. fase. 2012. 2014 SCHLESINGER. Produção Extensiva 2010. Nilton. compartilhando ideias e e estratégias sobre o enfrentamento do complexo industrial de alimentos. p. Organizações Rurais & Agroindustriais. bem viver e decrescimento: primeiras aproximações. Lavras. O caso do Pró-Savana em Moçambique. Machin. The demand of hydrated Seminário VI – Etanol ethanol and its characterization in the brazilian fuel market. 2012. São Paulo: Outras Expressões.revistas2. Cooperação e investimento do Brasil na África. decrescimento BRASIL. Rio de Janeiro. Disponível em <http://www. 2012. Letícia (org) Cadeia Industrial da Carne. Emancipação.uepg. Documento. Sergio. Sergio. A do Capital e meio ambiente internacionalização do Etanol e do Biodiesel. Rio de Janeiro: Fase.br/index. 13.php/e mancipacao> 30/05 LIMA. Biocombustíveis: energia não mata a . Revolução Agoecológica: O movimento de camponês a camponês em Cuba. Ponta Grossa. 2013. Rio de Janeiro. v. fase. Sergio. 4 (edição especial). 532-544. 2013. SCHLESINGER. Franscisco. Pastar? O gado Seminário III – Agropecuária e bovino no Brasil. TURA. n. 09/05 SCHLESINGER. SOSA. 16.

Mato Grosso. 160 pp.). 13/06 ARRUDA. Rio de Janeiro: Contra Capa Livraria. 124 pp. Estado e povos indígenas. e Além da tutela: bases para uma nova política indigenista. 124 pp. 2002. O Brasil está nú! O avanço da monocultura da soja. 2002. Fase. 109 pp. 3 vols. Rio de Janeiro:Fase. 2002. AZANHA. 3 vols. 3 vols. In: SOUZA LIMA. Sergio. 2006. In: SOUZA LIMA. Rio de Janeiro: Contra Capa Livraria. In: SOUZA LIMA. Estado e povos indígenas. mercado e mecanismos de fomento:possibilidades de desenvolvimento sustentado para as sociedades indígenas no Brasil. Maria (orgs...Gilberto. Antonio Carlos de.). Etnoecologia e direitos dos povos: elementos de uma nova ação indigenista. LITTLE. e BARROSO-HOFFMANN. Rio de Janeiro: Contra Capa Livraria. Mato Grosso: Fase.. fome. 109 pp. 160 pp. NORONHA. 2014. Sergio. Maria (orgs.. e Além da tutela: bases para uma nova política indigenista. Paul. e BARROSO-HOFFMANN. 160 pp. Rinaldo. Etnodesenvolvimento e políticas públicas. SCHLESINGER. Etnodesenvolvimento e políticas públicas. e BARROSO-HOFFMANN. Silvia. Etnodesenvolvimento e políticas públicas. 2013. Antonio Carlos de. Maria (orgs... Territórios indígenas Seminário VIII - no Brasil: aspectos jurídicos e Etnodesenvolvimento socioculturais. . 124 pp. Dois casos Semiinário VII – Aspectos da sérios em Mato Grosso:A soja em Monocultura Lucas do Rio Verde e a Cana de Açúcar em Barra do Bugres.Etnodesenvolvimento. e Além da tutela: bases para uma nova política indigenista. Antonio Carlos de.). o grão que cresceu demais. Estado e povos indígenas. 06/06 SCHLESINGER. 109 pp.

A e Tecnologia Social experiência chinesa.20/06 LOURENÇO. O desenvolvimento Seminário IX – Economia Circular sustentável e a economia circular. Encontro Internacional sobre Gestão Empresarial e Meio Ambiente. Flávio. 27/06 SEMANA DE AVALIAÇÕES SEMANA DE AVALIAÇÕES 04/07 EXAME FINAL EXAME FINAL . A Economia Circular no contexto europeu: Conceito e potenciais de contribuição na modernização das políticas de resíduos sólidos. ENGEMA. RIBEIRO. Marcos. Sem data.