Caminhos do Tempo SECRETARIA DE

GOVERNO

19/07/2017 NÚMERO 5

UBERABA SPORT CLUB FOI CRIADO NO DIA 15 DE JULHO DE
1917, COMPLETANDO EM 2017 O SEU CENTENÁRIO. UM DOS
JOGADORES QUE MARCOU SUA HISTÓRIA FOI JUCAPATO.
DESFILOU O SEU TALENTO
NOS GRAMADOS DE MINAS E DE SÃO PAULO

Foto do Uberaba Sport - 1930
Jucapato - segundo, da esquerda para a direita
Foto: Acervo Estádio Engenheiro João Guido

Revelado aos 16 anos pelo Uberaba Sport Club, seu nome fazia
tremer os adversários. No pé e na mão, na bola e na briga ninguém
superava o temperamental Jucapato. Habilidoso, de cortes sensacionais,
Jucapato Juca passava a bola para ele mesmo.
Com chute potente, muita velocidade e
com cruzamentos precisos, ele era
imarcável.
Desfilava o seu talento sempre
pelo lado direito do campo, como um
autêntico ponta-direita (ala).

Em 1933 foi contratado pelo Sport
Club Corinthians Paulista e,
curiosamente, ficou conhecido pela
imprensa esportiva e pela sua torcida de
seu novo time como "Boulanger". No
Foto: LAVOURA, 9 de outubro de 1937. p3
dia 8 de maio de 1933, Jucapato, ou
"Boulanger", brilhou nos gramados do Estado de São Paulo como titular do
Corinthians. De acordo com o repórter esportivo do jornal Diário da Noite:

Boulanger estreou magnificamente no quadro alvinegro.
Teve um primeiro tempo esplêndido e não viu a sua
qualidade mergulhada em nervosismo da estréia. No tempo
final ainda mourejou1 com destaque.
Diário da Noite, 8 de maio de 1933, p. 2 - SP

No ano seguinte, Boulanger voltou a ser Jucapato e retornou a
Uberaba, a sua grande paixão. Antes de encerrar a sua carreira, jogou no
Guarani de Campinas, Vila Nova de Nova Lima e Batatais de São Paulo.
Disputou ainda partidas do campeonato amador da cidade pelo Atlético da
Abadia, Merceana e Independente.

1
Mourejou: Trabalhou muito.
Mesmo depois de aposentado ia aos estádios de Uberaba e,
juntamente com a galera alvirrubra, esgoelando, cobrava empenho e técnica
que, o seu olhar, acostumado à genialidade que lhe era peculiar, não via nos
jogadores daquela geração. No dia 6 de fevereiro de 1981, a estrela parou
de brilhar: morreu Jucapato aos 70 anos de idade.

FICHA TÉCNICA
SUPERINTENDÊNCIA DO ARQUIVO PÚBLICO DE UBERABA
PROJETO: HISTÓRIA EM MOVIMENTO
REVISÃO GERAL: Superintendente Marta Zednik de Casanova
COORDENAÇÃO: Pesquisador Miguel Jacob Neto
TEXTO: Historiador Luiz Henrique Cellurale
REVISÃO ORTOGRÁFICA: Maria Rita Trindade Hoyler