O QUE É HONRAR AO SENHOR – 1Sm 2.

27-36

A partir de uma pergunta na qual expus a concepção bíblica do dízimo e de quem é o
Senhor Jesus no contexto do sacerdócio a partir de Melquisedeque, sacerdócio este que
nos amplia o conhecimento a respeito deste tema. Gostaria de nesta noite trazer a
revelação à luz da Palavra para que nossos olhos se abram ainda mais afim de que
alcancemos a plenitude do conhecimento, entendimento e discernimento do que
significa honrar ao nosso Deus com os nossos bens.

Esperamos que sua mente e coração unidos, entendam com clareza o que veremos e
porque a Bíblia ensina sobre o tema. E também, que o Espírito Santo te desperte para
que você vá além do conhecimento teórico e vivencie a prática da Palavra do Deus que
opera o querer e o efetuar para louvor de Sua glória.

Oremos amados.

A Palavra de Deus nos diz em 1Sm 2.30 “Eu honro aqueles que me honram”. E dentro
desta compreensão devemos desenvolver uma busca de intimidade na qual o Senhor
seja sempre honrado. Amados, nada há mais precioso na face da terra do que ser
honrado por Aquele que merece toda honra glória e louvor.

Sabemos que tudo que temos provem do trono de Deus e que não existe nada que
possamos colocar como dádiva diante Dele, que não tenhamos recebido Dele (1Cr 29).
Discernindo este ponto, nosso coração se dispõe a, independente das circunstâncias,
com profundidade a alegria vivermos para honrar ao Nosso Deus.

Precisamos, portanto aprender primeiro o que significa HONRAR. O que é HONRAR?
Honrar é colocar o outro como primazia, em primeiro plano, acima de tudo, e de todos.
É a atitude de fazer com que o honrado venha se deleitas, se alegrar, se regozijar. A
Palavra nos diz em Is 53.11 que o Senhor veria o fruto de seu penoso trabalho e se
alegraria no Sumo sacerdote, segundo a ordem de Melquisedeque. Nós alegramos ao
nosso Senhor e Deus no nível e medida de nossa obediência quando o honramos com
nossos bens a fim de tocar no Seu amoroso coração.

Leiamos 2Co 9.10 “Aquele que supre a SEMENTE ao que semeia e PÃO ao que
come, também lhes suprirá e multiplicará a semente e fará crescer os frutos de sua
justiça”. Deus promete que nos dará, durante nossa jornada de vida, duas coisas:
SEMENTE e PÃO. Qual a diferença? O pão é a parte do recurso que o senhor nos supre
para que usemos em nossas necessidades pessoais e familiares. A semente são os
dízimos e ofertas. E se você faz uso da semente não para semear, mas para comer e para
atender suas necessidades você quebra o princípio do plantar e colher, e a própria
palavra e o contemplar a natureza nos mostra que quem planta colhe, quem não planta
não colhe. Devemos portanto, amados, ter a visão ampliada de honrarmos ao nosso
Deus, com vista a sermos honrados por Ele.

“Ganhe o máximo que puder, economize o máximo que puder; porem, dê o máximo que
puder” - John Wesley. (Seminario Biblia Profecias)

3) Então entendemos que devemos não somente aprender a pedir. mas nada é mais pleno que se sentir honrado com a alegria e simplicidade dos irmãos. É exatamente isto que o Senhor da glória espera de nós. e não os bens em si. ou seja ao que devemos fazer para que ela se concretize. muitos crentes sinceros. mas ir além disso. E para isso o conhecimento bíblico “correto” e a decisão de nos conduzirmos segundo este conhecimento e à luz dos princípios. e a parte de Deus o que Ele fará a partir do que fizermos. que me foi perguntado. por ainda não entenderam a dimensão espiritual da promessa para suas vidas.7. E isso vai além de dízimos e ofertas. falamos de algo que está na Palavra. não devemos pensar somente em dinheiro e contribuições no altar de Deus. não a experimentam. colocou em nossas mãos. . (Tg 4. 1 – QUAL O PRINCÍPIO DE HONRA? . O texto de Pv se divide em duas partes. Ele espera que nós o honremos. colocaram oferta diante do Senhor e não foram aceitos. 2 – O QUE PREVALECE É A HONRA – o CONSELHO DE Deus para nós em Pv 3 é que o honremos com os nossos bens. Nossa geração está repleta de ensinos sobre BENÇÃO. Mas a Palavra não nos ensina que devemos somente orar.10. e sobre isso. A contribuição é uma mera consequência da postura que evidenciamos. é fundamental. Infelizmente. acredito na doutrina bíblica. quando em meu aniversário tive a honra de ser honrado com a presença e os diálogos dos irmãos em nosso humilde lar.. mas ensina a forma de como devemos dar! E este texto de Pv 3. a provisão abundante. A promessa é condicionada.20). o que devemos fazer. fazer diferença. E a promessa é a de que Deus supre abundantemente o seu povo e vai além de celeiros e lagares. mas revela que existe uma maneira correta de orar. SOBRE DAR.Amados nada é mais gratificante que a honra. temos o SIM e o AMÉM (2Co 1. com atitudes e princípios corretos que envolvem aquilo que Ele o Senhor. O mesmo se aplica ao ato de honrarmos o Senhor com nossos bens e Paulo instrui isso em 2Co 9. Os presentes materiais são bons. É fundamental que se entenda que esta promessa é sobre provisão e prosperidade. Agora elas não nos vem de maneira automática. A vontade de Deus é suprir as nossas necessidades pessoais e materiais.9. A postura de honra é essencial na vida daquele que se sente salvo por Cristo. mas aprender a pedir de maneira correta. Ela revela a vontade de Deus para nós os seus filhos. Temos mais desta promessa no Sl 23. à nossa dependência.19. não é sobre riqueza. O ato de usarmos os bens para honrar ao Senhor é uma expressão desta honra. O verbo HONRAR significa distinguir. em breve pretendo trazer algo que Deus me tem revelado nestes dias. a atitude estava errada.1 e em Fp 4. Onde temos uma promessa de Deus em Seu Filho Jesus. O que conta aqui é a manifestação da honra. Mas a Palavra não nos ensina somente a dar. falamos que Deus responde nossas orações.Quando falamos de honra. Quando por exemplo. Digo isso pelo que vivenciei nestes dias. amplia mais o conhecimento sobre a maneira correta de dar do que sobre o que se está dando. a nossa. Conforme Pv 3. Moisés em Gn nos mostra que pessoas como Caim. mas errados.

Isaque e Jaco.Deus não está interessado em dizimo e oferta. Quando observamos a atitude dela entendemos que ela honrou ao Senhor e permitiu que. Na hora de sacrificar o seu filho.6-10. No NT temos este mesmo princípio revelado de maneira invertida. mas Deus queria que eles tivessem a atitude de honrá-lo e como já dissemos. o Deus de Abraão. Deus queria o dinheiro deles? Não! Não queria.3-9. inclusive as que achemos que nos sejam preciosas. deixou evidente que só queria de Abraão a expressão de honra. problemas de rejeição ou auto aceitação.1-10). E um destes princípios está no texto que introduzimos esta mensagem 1Sm 2. nos dias de hoje. Quando DEUS instituiu o ato de dizimar e ofertar ele esperava ser honrado por meio delas. ao pedir o que Abraão mais amava. por que Deus Gosta de ser honrado? Se Ele é infinitamente perfeito. O reino de Deus funciona por princípios. Leiamos novamente Ml 1. também.1-11 mostra que o Senhor os julgou pela atitude deles. Ele jamais buscou a oferta. Agora. Por que Ele busca ser honrado? Simples. estava dando uma oportunidade de Abraão o honrar de maneira tremenda. somente para que tivéssemos que aprender. e isso é princípio de honra. o que se espera é que haja honra e a honra não está na oferta mas no amor e valor que dedicamos a Ele como FILHOS e SERVOS. ela não passa pelo crivo de Deus e é rejeitada. (Gn 22. mas da honra que expressamos através do ato de dizimar e ofertar. não tem depressão. fazer diferença. E aqui Ele mostra os dois níveis de relacionamento com DEUS que nós nos enquadramos. por meio de seu ato. Aqui neste texto Ele afirma que preferia o Templo. quando Ananias e Safira trouxeram uma oferta de alto valor. O que nos impulsiona a fazer o ato do ofertar. mas com motivação errada e com mentiras. ser honrada pelo Senhor. a Igreja fechada do que receber a oferta que não expresse honra. Abraão foi impedido e o Senhor. Deus não queria privar Abraão de seu filho. Lemos também este texto na semana em que tratamos do assunto. Deus. Temos o exemplo disso no sacrifício de Isaque. o de FILHO e o de SERVO. E Mc 14. simplesmente porque Ele quer nos honrar com suas bençãos. No NT temos um exemplo expressivo deste princípio. e sim em nossa atitude. O que aconteceu? Deus se agradou? De maneira Nenhuma!!!!!!!!!!!!!!!!!! At 5. mas o motivo real é que ela nunca fosse esquecida. .30b. ansiedade. Quando o ato não demonstra a honra que O Senhor espera. E isso não foi ordenado por Cristo. honrar significa. distinguir. de a historia dela ser sempre contada. Ele quer ser honrado. Deus deseja ser distinguido de todas as demais coisas que temos em nossas vidas. Ele não está atrás de nossas ofertas. como esta sendo feito. Estamos agora lendo a respeito dela por conta do mandamento de Jesus.

mas honra e enche o coração do adorado. dos crentes. Geralmente quando me convidam para orar em estabelecimentos que vivem dificuldades financeiras. com os seus bens. Por isso. E quando olhamos para as dificuldades do lar de quem ofertou percebemos que as dificuldades financeiras estavam presentes. assim como neste texto com a forma como a oferta vai ser utilizada. como na construção do Tabernáculo de Moisés. Na verdade não temos nos preocupado em Honrar e agradar só Senhor. do engano está atrelada a este princípio onde se insere a idéia de que tudo que as campanhas querem e desejam é para utilidade do reino de DEUS. . Um denário era pago por um dia de trabalho. Quando ela quebrou o vaso e derramou o perfume. pois quando Marta reclama que Maria não está ajudando. Hoje se perdeu a essência da oferta. são desafios intencionais e errados. ofertemos pois vamos nos beneficiar com a reforma. Jesus o Senhor dos Senhores. Não quero dizer com isso que devemos vendar nossos olhos para os pedintes corruptos. mas a atitude de honra que demonstramos no ato de dar. o que temos visto no contexto do dar. O que aprender com ela e com aquele banquete? Querem saber hoje ou deixamos para a próxima semana? Geralmente relacionamos as ofertas a alguma necessidade específica. vai além da música. dar e dar cada vez mais. em geral. mas não honram o Senhor quando sonegam impostos. é exatamente porque elas não tinham servas para ajudar no trabalho. Muitas mensagens sobre o tema buscam imprimir a id[eia de que quem investe no dizimo é como se tivesse comprando a sua aposentadoria. Aqui a adoração é silenciosa. a maioria não se importa com a oferta em si. para suprir projetos os mais variados. DENTRO DA OTICA E RACIOCÍNIO HUMANO. bens. Esse texto não fala somente de adoração. só pensam em ganhar sem se preocupar se vão explorar o outro. ONDE NA VERDADE O REINO BENEFICIADO É OUTRO. dá. eu recuo. É inegável que Deus nos abençoa. o que faz com que Deus nos abençoe? Não é somente o dar. Tudo deve ser visto na atitude de honrar o Pai. E como o povo é preguiçoso. ou seja mais de um ano de trabalho. Não quero dizer com isso que não devemos fazer projetos. estava fazendo uma atitude de desperdício. Muitas vezes o olhar das pessoas.Se a honra que Ele nos da é relacionada à honra que prestamos a Ele. E ainda assim acham que por serem dizimistas Deus vai recompensar. Se for para melhoria do templo. Maria aqui conseguiu ir fundo na sua atitude de honrar. E aqui se fala de uma oferta altíssima. e Ml 3. NÃO ERA CONCEBÍVEL A ATITUDE DELA. que é o darmos Honra ao Senhor. O contexto dele envolve dinheiro. valores materiais. Trezentos denários era muito dinheiro. ou do Templo de Salomão pelo Rei Salomão. pisam nas pessoas nas negociações. Mas a mentalidade. traçar metas e convocar a igreja a envolver-se neles.10-12 é taxativo sobre isso. está posto. pelo desafios de campanhas. e intenções as mais diversas. Existem servos de Deus que dizimam com fidelidade. Agora.

Honrar ao Senhor com nossos bens vai alem de ofertar e dizimar. abençoando pessoas. no Sermão do Monte. Assim como no dízimo. e isso entre irmãos e incrédulos. Infelizmente temos a ideia errada de que somente a oferta válida é a que faz grande diferença na contabilidade da Igreja. e não os ricos. Jesus nos ensina que não devemos brigar ou discutir por causa de bens materiais. independente do prejuízo ou do aproveitamento. Se Ele nos orientar com relação ao tribunal aí sim. no tocante a este princípio. para eles o que colocavam ali era como a oferta do garçom. Ao invés de irmos aos tribunais humanos. Aqui vemos a revelação de que uma viuva pobre deu mais do que os ricos. Existem momentos que queremos brigar por acharmos que estamos sendo lesados.17. Ela agiu com atitude de coração agradecido com amor genuíno. Os outros só cumpriram a obrigação. anulamos a promessa de Deus em nossas vidas. deixe nas mãos Dele. Em Pv 19. Ela tem a ver como a maneira como fazemos isso. Deus estabeleceu uma proporção também para as ofertas a serem colocadas diante Dele. existem outras formas de ofertar. Quem honrou mais a Deus com sua oferta? Logicamente a viuva que deu tudo. Assim como a mulher que quebrou o vaso de alabastro. elas também não fazem diferença na contabilidade da igreja. O dizimo gera e prove bençãos quando é vivenciado para honrar o Pai. esta viúva também não fez diferença para o caixa da igreja.41-44. mas para a viúva era tudo que ela possuia para continuar a viver. são parte do processo. Em algumas situações nós seremos impulsionados a agir com misericórdia e dar esmola aos necessitados. Pergunto. COMO DEUS VE NOSSAS OFERTAS? Ela ve de maneira diferente da que vemos. Quando se faz o ato isolado da honra. Que querem se aproveitar de nós. mas diante de Deus são vista como forma de O honrar. mas Deus o recebe como se fosse dado diretamente a Ele e Ele recompensa quem se preocupa com aqueles que lhe são importantes. ninharia. geralmente quando falamos esmola em nossa cultura pensamos em miséria. Mas elas demonstraram honra e isto é o que importa! HONRA COM BENS QUE NÃO CHEGAM AO REINO Biblicamente.Porque a dificuldade não está no negócio mas no que negocia. Se forem colocados diante do Senhor. Temos que nos desapegar dos bens materiais em benefício do outro. inicialmente. Pois ao obedecermos colocando . coloquemos diante do Trono de Deus que atitude tomar. A benção não está ligada somente ao dízimo ou à oferta ou ao ato de dar um ou outro. mas senão. isso deve ser feito. de acordo com o que ganhamos. Este dinheiro não entra na contabilidade da igreja. Leiamos Mc 12. mas o conceito bíblico não é este.40. Em Mt 5.

Ele te recompensará. ou um escândalo. ele abandonou a mulher por conta do que ela lhe tia dito. o Filho e o Espírito SANTO. A Palavra de Deus nos mostra a atitude de Jó.4-6. mesmo que o recurso em questão não entre em contabilidade de igreja ou em seu bolso. Mas não foi isso que aconteceu ele teve filhos e filhas com a mesma que o injuriou e o instigou a renunciar sua fé. o Senhor recebe isso como uma oferta de honra. Quando você deixa de lado a idéia do tirar proveito. Oremos. precisamos aprender a honrar ao Senhor como nossos bens e atitudes. Ele cria que o Seu Redentor mudaria a situação.diante do altar como uma oferta. com vistas a evitar um mau testemunho.12). A mulher lhe disse que ele deveria amaldiçoar o seu Deus. porque isso Além de agradar ao Pai. ou até mesmo uma causa que lhe é de direito.10). Outro fato importante é que o diabo não devolveu o que roubou. e se isso for feito com sinceridade de coração. com vistas a honrar o Senhor. Ele se manteve firme. que teve todos os seus bens roubados pelo inimigo (Jó 1. . Ele além de falar ao seu coração que você o está honrando. Portanto diante de tudo que a Bíblia nos ensina. nos leva a usufruir de suas bençãos que são plenas e abundantes. você pode pensar que quando ele teve tudo de volta inclusive os filhos. numa atitude correta diante das perdas. Eu creio que se eu e você tivermos uma atitude correta diante das perdas. e aqui vai um ensino para o seu casamento. Veja 1Co 6. Deus receberá como honra a nossa atitude e nos recompensará. mas Deus o honrou e lhe devolveu tudo que ele havia perdido (Jó 42.