DISCIPULADO DE LIDERANÇA

TRANSPARÊNCIA O DESAFIO DE VIVER SEM MÁSCARAS
LEALDADE NAS RELAÇÕES INTERPESSOAIS
“Seja o seu sim, SIM; e o seu não, NÃO; o que passar disso vem do maligno” – Tg 4.15-16

O cristão não pode ser caracterizado pela neutralidade ou falta de clareza, mas pela sua postura
coerente e a expressão dos verdadeiros sentimentos do seu coração.

Deus não lida com povo, com a massa, Deus lida com pessoas, com indivíduos. A responsabilidade
pessoal do homem por seus atos é intransferível. Através da Palavra de Deus, a advertência de Deus é
que o homem se converta e viva. Deus toma a iniciativa de anunciar o perdão e mostrar o perigo. Se o
homem, avisado do risco de sua opção, insistir em viver no pecado, ele traz condenação sobre si. Ele se
auto-condena. Daí, não pode culpar a Deus. Não pode culpar o grupo, Deus insiste na responsabilidade
Pessoal.

Qual é a sua tendência hoje:: Dizer “sim” SIM, ou “não” NÃO::

É necessário que estabeleçamos limites! Há pessoas desejosas de aproximar-se de Deus, mas só se for
dentro de seus padrões, dentro dos quais Deus tem que se encaixar.

Deus julgará a cada um conforme seus próprios caminhos. Até a forma de Deus nos julgar está
relacionada a nossa escolha, fruto de nossa responsabilidade pessoal.

LEALDADE NOS RELACIONAMENTOS

A vida humana consiste em estabelecer contatos, relacionamentos, entre duas ou mais pessoas. Há duas
áreas de relacionamentos:

1 – Intrapessoal – nossa relação conosco mesmo ou com nosso mundo interior;

2 – Interpessoal – nossos relacionamentos com as pessoas.

Deus nos criou para vivermos em comunidades. A opção pelo isolamento, exceto com raras exceções,
não é uma expressão de um comportamento normal. Portanto, todo ser humano normal, em especial o
servo de Deus, precisa estar aberto aos relacionamentos.

Nesta perspectiva, é importante destacar aqui três áreas chaves do universo de relacionamento
interpessoal do cristão:

a. Social geral - amigos e vizinhos, convívio com os não cristãos.
b. Familiar – convívio, tirar tempo para sair juntos, viajar, ouvir, dialogar.
c. Igreja – comunhão fraterna e serviço mútuo.

Nós, na nossa individualidade, marcaremos nossos dias na terra por meio da lealdade em nossos
relacionamentos que constroem nossa vida. Foi levando em conta relacionamentos leais que Jesus
afirmou “seja o seu sim SIM e o seu não NÃO”.

A sociedade contemporânea está sendo corroída por um gravíssimo pecado: DESLEALDADE! Deslealdade
é o mesmo que infidelidade e traição. A lealdade é fundamental tanto no âmbito doméstico quanto no
social. Este assunto não pode ficar somente no campo do conhecimento; precisamos nos avaliar
constantemente nas relações no lar e nas demais relações sociais. Não podemos dizer que amamos uns
aos outros, como a Bíblia exige, sendo desleais uns com os outros. Pense, agora, se tem agido
deslealmente para com alguém no lar, no trabalho, na vizinhança ou na igreja. A lealdade é indispensável

com . espalha intrigas. É mente dividida. outra para o céu. prefere ficar numa posição de indefinição e até mostra indiferença. ou “vem do maligno”.no convívio nestes ambientes da sociedade. você acabará sendo divisor da obra de Deus. distúrbio de caráter e conduta vacilante. Santos 75 3223 7442 / 3021 5609 / 99170 8449 ibcolina@proclamai.. Vivendo sem Máscaras – Charles Swindoll. não há espaço para meio-termo: ou você está do lado da verdade. Nega adesão. talvez seja pelo fato de seu coração estar dividido diante do Senhor. Dizer sim SIM e não NÃO. dúvidas e confusão. É agir como os ímpios. Pessoas de coração dúbio e alma vacilante são pessoas que mantem dois tipos de postura e por isso não merecem crédito. Os atos de deslealdade vão desde o não cumprimento de uma promessa ou contrato. ou contra ela. mas incoerente em seu compromisso de fidelidade a Deus. Tudo isso é lastimável. Ética – Decisões morais à luz da Bíblia – Arthur Holmes. A deslealdade é o pecado que não pode existir em nenhuma esfera dos nossos relacionamentos. O empresário cristão. Concluindo. por exemplo. estar em dúvida ou brigando consigo mesmo. até emprestar o dinheiro com usura. Isto é falta de transparência. postura que implica numa posição de neutralidade. uma pessoa de coração dividido é imatura. É alguém de duas almas. Quando Jesus utiliza a expressão “procedência maligna”. Com a expressão “vem do maligno”! Jesus se referia às maldades de nossos corações sob a influência do “pai da mentira”. Existem momentos em que temos que ser firmes nas decisões e comunicar com clareza. se na sua vida tudo está confuso e fora do eixo. A expressão “duvidar” de Tg 1. Pr. No Reino de Deus. A nossa incapacidade de dizer SIM ou NÃO. nem a favor nem contra. pode ser desleal não cumprindo as normas trabalhistas e explorar seus operários. Antonio F. ao invés de promover unidade. Se você tem coração dividido. ou ficar neutro:: 2 – Você já pensou em como seria a igreja ou um pequeno grupo onde os membros são conhecidos pelo sim SIM e não NÃO:: Cite algumas vantagens! 3 – Como você avalia o Conselho da IBCOLINA quando ao sim SIM e ao não NÃO:: *Extraído e adaptado de Discipulado de Liderança – Josadak Lima. É alguém cujo coração não é totalmente do Senhor. especialmente na igreja. entenda duplicidade em nossas posições. Amados devemos ter cuidado com a neutralidade. O posicionamento neutro pode ser ausência de integridade e mero oportunismo. não ama totalmente ao Senhor e a Sua Igreja. Não existe uma terceira via.. O PROBLEMA DA NEUTRALIDADE O dicionário diz que neutro é aquele que não toma partido.5 significa hesitar. uma para a terra. Em última análise. não e sincera. Essa imprecisão indica que você não está sendo orientado completamente pelo Espírito de Deus. Só um coração perdoado e puro tem uma posição clara diante do Senhor! APLICAÇÃO PESSOAL 1 – Qual é a sua tendência no momento::. pode nos levar e constantes fracassos.